You are on page 1of 6

DELEGAÇÃO DE PEMBA

INSTITUTO POLITECNICO DE TECNOLOGIA E EMPREENDEDORISMO

APONTAMENTOS DE MATEMATICA FINANCEIRA

INTRODUÇÃO A JUROS SIMPLES e MONTANTES

Juro é a remuneração cobrada pelo empréstimo de dinheiro (ou outro item). É expresso como um
percentual sobre o valor emprestado (taxa de juro) e pode ser calculado de duas formas: juros
simples ou juros compostos.

O juro pode ser compreendido como uma espécie de "aluguel sobre o dinheiro". A taxa seria uma
compensação paga pelo tomador do empréstimo para ter o direito de usar o dinheiro até o dia do
pagamento. O credor, por outro lado, recebe uma compensação por não poder usar esse dinheiro
até o dia do pagamento e por correr o risco de não receber o dinheiro de volta (risco de
inadimplência).

Por outro lado, podemos definir juros como o rendimento de uma aplicação financeira, valor
referente ao atraso no pagamento de uma prestação ou a quantia paga pelo empréstimo de um
capital. Actualmente, o sistema financeiro utiliza o regime de juros compostos, por ser mais
lucrativo. Os juros simples eram utilizados nas situações de curto prazo. Hoje não utilizamos a
capitalização baseada no regime simples, mas, de qualquer forma, vamos entender como ele
funciona.

Juros simples: como calcular

No sistema de capitalização simples, os juros são calculados com base no valor da dívida ou da
aplicação. Dessa forma, o valor dos juros é igual no período de aplicação ou composição da
dívida. A expressão matemática utilizada para o cálculo das situações envolvendo juros simples é
a seguinte:

J = C* i * n

Elaborado pelo: dr. Sérgio Alfredo Macore – IPET 2017 Página 1


Onde:

J = Juros
C = Capital
i = Taxa de juro
n = Período / Tempo de aplicação (mês, semestre, trimestre, ano, etc)

NOTA: A fórmula acima, a taxa e o número de períodos devem referir-se a mesma unidade de
tempo; isto é, se a taxa for anual, o tempo devera ser expresso em número de anos; se a taxa for
mensal, o tempo deverá ser expresso em número de meses etc.

Cálculo de Juros Simples

Compreendida a esquemática por trás do cálculo dos juros, do explicado acima, podemos deduzir
várias fórmulas:

1. Quando tivermos o valor do juro, a taxa de juros e o tempo da aplicação, para a obtenção
do valor do capital utilizaremos a fórmula:
𝑱
C=
𝒊∗𝒏
2. Quando tivermos o valor do juro, o valor do capital e o tempo da aplicação, para a
obtenção da taxa de juros utilizaremos a fórmula:

𝑱
i=
𝑪∗𝒏

3. Quando tivermos o valor do juro, o valor do capital e a taxa de juros, para a obtenção do
tempo da aplicação iremos utilizar a fórmula:

𝑱
n=
𝑪∗𝒊

Elaborado pelo: dr. Sérgio Alfredo Macore – IPET 2017 Página 2


Exemplos:

1.O Sr Orio Simão aplicou um capital de 1.200,00mt a uma taxa de 2% ao mês durante 14 meses.
Determine os juros e o montante dessa aplicação.

DADOS

Capital (C) = 1.200,00mt


Período (n) = 14 meses
Taxa (i) = 2% ao mês = 2/100 = 0,02

Fórmula dos juros simples


J=C*i*n
J = 1200 * 0,02 * 14
J = 336

Montante
𝐶𝑛 = C + J

𝐶𝑛 = 1200 + 336
𝐶𝑛 = 1536

R: O valor dos juros da aplicação é de 336,00 e o montante a ser resgatado é de 1.536,00.

Exercício prático

1. Imagine que você tome emprestado, a juro simples, a importância de 5.000,00, pelo prazo
de 3 meses, à taxa de 5% ao mês. Qual será o valor que você deverá pagar como juro,
decorrido este período de tempo? Qual o montante a ser pago?

Embora você possa se utilizar de fórmulas para a resolução deste problema, o ideal é que você
consiga abstrair a ideia por trás do mesmo.

Ora, se no cálculo de juros simples, o juro de cada período é sempre calculado sobre o valor
principal, então basta a nós aplicarmos a taxa percentual ao valor principal para sabermos o valor
do juro em cada período e em se tendo este valor, multiplicá-lo pelo número de períodos, para
obtermos o valor do juro total. Viu como é simples?

Além disto, o montante será o valor do juro total acrescentado do valor principal.

Elaborado pelo: dr. Sérgio Alfredo Macore – IPET 2017 Página 3


Vamos aos cálculos:

O valor do juro em cada período será:

Ou seja ao final de cada período, além dos cinco mil reais emprestados, você estará devendo
mais 250,00 correspondente ao juro do período em questão.

MONTANTE

Chama-se Montante, o capital acrescido de seus juros. A notação para montante é 𝑪𝒏 (Capital
com juros acumulados em n períodos).

Para cálculo de Montante, temos:

𝑪𝒏 = C + J

Como J = C*i*n

𝑪𝒏 = C + Cin, Calculado o factor comum C em variante, temos:

𝑪𝒏 = C(1+in)

Exemplo:

1. Qual é o montante de um capital de 600,00mt, a 18% a.a., durante 8 meses?

Resolução

𝑪𝒏 = C(1+in)
i = 0,015 (1.5% ao mês)
n = 8 (meses)
𝐶8 = 600(1+0,015 * 8)
𝐶8 = 600 * 1.12
𝐶8 = 672.

Elaborado pelo: dr. Sérgio Alfredo Macore – IPET 2017 Página 4


2. Qual é montante de um capital de 1.000,00, aplicado á taxa de 4% ao mês, durante 5
meses.
Dados:
C = 1000,00
n = 5 meses
i = 4% ao mês = 0,04

Preencha a tabela seguinte:


Mês (n) Capital do inicio do mês Juros correspondentes ao mês Montante no final do mês
(C) (Ji) (𝑪𝒏 )
1 1000,00 1000,00 * 0,04 = 40,00 1040,00
2 1040,00 1040,00 * 0,04 = 41,60
3
4
5

Resposta: Logo o Montante será de: 1.216,65.

3. Calcular o montante de uma aplicação de 15.000,00, pelo prazo de 6 meses, á taxa de 3%


ao mês. Calcule.

Exercícios propostos

1. Valodia deseja emprestar 100.000,00mt, a uma taxa de 1% a.m, qual será o valor total
que deverá ser pago após 100 meses? E qual será o montante. Calcule também, usando
os juros compostos.
2. Qual é o montante de uma aplicação de 100.000,00mt aplicados por um prazo de 10
meses. A uma taxa de 2% a.m nos regimes de juros:
a) Juros simples
b) Juros compostos

Elaborado pelo: dr. Sérgio Alfredo Macore – IPET 2017 Página 5


3. Qual é o capital inicial que deve ser aplicado a uma taxa de 2% a.m para ao final de 1 ano e
meio para gerar 100.000,00mt nos regimes de juros:

a) Juros simples

b) Juros compostos

4.Qual é o total de juros acumulados de uma aplicação de 10.000,00mt a taxas de juros de 10%
a.m por um período de 5 anos nos regimes de juros:

a) Juros simples

b) Juros compostos

5.Imagine que a turma de Gestão Aduaneira e Logística toma emprestado a juros simples a
importância de 10.000,00mt pelo prazo de 4 meses, a taxa de 3% a.m (ao mês). Qual será o valor
que devera pagar como juro, decorrido este período de tempo?

a) E qual é o montante a ser pago?

AUTOR DO TRABALHO
Nome. Sérgio Alfredo Macore
Nickname. Helldriver Rapper
Facebook. Sérgio Alfredo Macore ou Helldriver Rapper Rapper
Morada. Pemba – Cabo Delgado
Telefone. +258 846458829
E-mail. Sergio.macore@gmail.com

NB. Depois de baixar esse trabalho, não esqueça de ligar para mim e agradecer.
Também, faço trabalhos por encomenda.

BOA SORTE

Elaborado pelo: dr. Sérgio Alfredo Macore – IPET 2017 Página 6