You are on page 1of 6

3 TESTE DE CONHECIMENTO - FILOSOFIA DA EDUCAÇÃO

1a Questão

A Idade Medieval ficou conhecida pelo predomínio religioso da Igreja


Católica, o que se traduziu em uma forma determinada de explicar o mundo,
assim sendo, o instrumento utilizado de forma predominante foi a

intuição

emoção
razão
saber popular

Explicação:

A Igreja medieval tinha a função da administração da justiça em uma série


de casos, onde tinha jurisdição e competência exclusiva. Julgava baseada
no Direito Canônico, regulando assim inúmeras relações e instituições
sociais segundo suas leis. A fé, era a força dominante na vida do homem
medieval, inspirava e determinava os mínimos atos da vida cotidiana. Os
padrões éticos eram exclusivamente cristãos, e o medo do castigo depois
da morte é que regulava a conduta dos pecadores. O inferno, com seus
tormentos, agia sobre a imaginação medieval e seus medos impediam o
homem de pecar.

2a Questão

Durante muito tempo a Idade Média, devido a ser um período de


obscurantismo e ideias retrógradas , foi conhecida como

Idade da verdade.
Idade das trevas;
Idade dos deuses;
Idade de Cristo.
Idade da luz;
Explicação:

A expressão Idade das Trevas para se referir à Idade Média foi muito
utilizada no passado. Alguns historiadores usaram esta expressão, pois
tinham como referências a cultura greco-romana e da época do
Renascimento. De acordo com estes historiadores, a Idade Média foi uma
época com pouco desenvolvimento cultural, pois a cultura foi controlada
pela Igreja Católica. Afirmavam também que praticamente não ocorreu
desenvolvimento científico e técnico, pois a Igreja impedia estes avanços ao
colocar a fé como único caminho a seguir.

3a Questão

Sobre a Filosofia Cristã, é correto afirmar que:

I. Os primeiros representantes desta filosofia pertencem à chamada escola


neoplatônica cristã de Alexandria.

II. Defesa de que o papel pedagógico da filosofia é uma preparação do


espírito humano para a revelação divina.

III. Para os seus pensadores, os filósofos gregos são vistos, em grande


parte, principalmente figuras como Sócrates, Platão e alguns estoicos ¿
como precursores do Cristianismo por sua sabedoria e virtude.

IV. Defesa de que o papel pedagógico da filosofia é a preparação do homem


para o exercício do poder político.

Assinale a alternativa correta:

Somente o enunciado I está correto


Somente os enunciados II e III estão corretos
Somente os enunciados I, II e III estão corretos
Somente o enunciado II está correto
Somente os enunciados I e III e IV estão corretos

Explicação:
Dentre os filósofos mais importantes estão Fílon de Alexandria,
Aristarco de Samos, Berossus, Cirilo de Alexandria e muitos outros,
mas queremos destacar principalmente a filósofa e matemática
neoplatônica Hipátia de Alexandria.

4a Questão

A revelação cristã, afirmava que a verdade estava escrita no que havia sido
dito pelos "deuses sagrados" e que todo o saber deveria basear-se nestas
afirmações. Sobre isso, marque a alternativa ERRADA.

Na Idade Média, a Igreja não detém nenhum poder social, por isso
não consegue disseminar a verdade divina.
Existe a assimilação dos pensadores cristãos sobre o pensamento
filosófico grego mas sempre dentro dos limites da fé.
A Filosofia baseia-se, inicialmente, na leitura cristã do mundo e da
realidade.
A Filosofia medieval procura redefinir os conceitos de temas
consagrados na filosofia antiga (Universo, natureza humana, moral) e
apresentação de novos problemas à especulação racional.
Na Idade Média, desenvolvem-se ideias filosóficas baseadas nas
ideias cristãs, mas sempre criticando os dogmas e os mitos.

Explicação:

Na Era Medieval a igreja Católica era símbolo de maior poder perante a


sociedade. Qualquer atitude que não fosse de acordo com seus valores era
radicalmente censurada, podendo inclusive, resultar na execução do
indivíduo.

5a Questão

A idade Média iniciou nos séculos IV e V, mas o cristianismo já havia


surgido ainda no Império romano. O Período logo após o nascimento de
Cristo ficou conhecido como Filosofia cristã e representou:
o uso da razão no processo da reflexão religiosa
o total rompimento com a filosofia clássica greg
a razão como superação da fé
o apoio à religiosidade dos romanos
tentativa de explicar e construir os princípios do cristianismo

Explicação:

Patrística é o nome dado à filosofia cristã dos três primeiros séculos,


elaborada pelos Pais da Igreja, os primeiros teóricos ¿- daí "Patrística" ¿ e
consiste na elaboração doutrinal das verdades de fé do cristianismo e na
sua defesa contra os ataques dos pagãos e contra todos que eram contra,
denominadas heresias.

6a Questão

Com o fim da Idade Média, foi possível obter:

Transformações sociais e políticas, mas a economia continuou a


mesma
N.d.a
Transformações sociais, econômicas, mas não políticas
Transformações sociais, econômicas e políticas
Transformações econômicas e políticas, mas não mudou o social

Explicação:

As transformações sociais que ocorreram durante a Idade Média


desenvolveram novas estruturas de pensamento. As universidades surgem
e tornam possível o desenvolvimento científico. Nesse momento ainda não
há a universalização desse conhecimento nem o acesso ao povo aos
benefícios do novo modelo de educação.

7a Questão
Foi conhecida como a "Idade das Trevas", período de obscurantismo e
ideias retrógadas, marcado pelo atraso econômico e político do feudalismo,
pelas guerras religiosas, pela "peste negra" e pelo monopólio restritivo da
Igreja nos campos da educação e da cultura. Dessa forma, pergunta-se:
Qual é o período da história que demarca essa época?

Idade Moderna
Idade Pós Moderna
Idade Média
Idade Antiga
Idade Contemporânea

Explicação:

A expressão Idade das Trevas para se referir à Idade Média foi muito
utilizada no passado. Alguns historiadores usaram esta expressão, pois
tinham como referências a cultura greco-romana e da época do
Renascimento. De acordo com estes historiadores, a Idade Média foi uma
época com pouco desenvolvimento cultural, pois a cultura foi controlada
pela Igreja Católica. Afirmavam também que praticamente não ocorreu
desenvolvimento científico e técnico, pois a Igreja impedia estes avanços ao
colocar a fé como único caminho a seguir.

8a Questão

Indique o nome do pensador que conduziu a Patrística ao seu auge:

Aristóteles.
São Justino.
Santo Tomás de Aquino.
Clemente Romano.
Santo Agostinho.

Explicação:

A Patrística é contemporânea do último período do pensamento grego,


o período religioso, com o qual tem fecundo contato, entretanto dele
diferenciado-se profundamente, sobretudo como o teísmo se diferencia do
panteísmo. E é também contemporâneo do império romano, com o qual
também polemiza, e que terminará por se cristianizar depois de Constantino.
Dada a culminante grandeza deAgostinho, a Patrística será dividida em três
períodos: antes de Agostinho, período em que, filosoficamente, interessam
especialmente os chamados apologistas e os padres alexandrinos ;
Agostinho, que merece um desenvolvimento à parte, visto ser o maior dos
Padres; depois de Agostinho vem o período que, logo após a
sistematização, representa a decadência da Patrística.