You are on page 1of 7

ABNT NBR 5564:2011 Via férrea – Lastro ferroviário – Requisitos e métodos de ensaio

ABNT NBR 12915:2009 Via férrea - Entrevia e gabarito ferroviário - Requisitos


ABNT NBR 7641:1980 Via permanente ferroviária
ABNT NBR 16649:2017 Palmilhas para dormentes — Requisitos e métodos de ensaio
ABNT NBR 16387:2016 Via férrea — Classificação de vias
ABNT NBR 16614:2017 Aparelho de mudança de via tipo U (AMV-U), com raio de desvio até 760
ABNT NBR 15680:2017 Via férrea — Travessia rodoviária — Requisitos de projeto para passage
ABNT NBR 16524:2016 Via férrea - Junta isolante colada - Requisitos
ABNT NBR 16512:2016 Aparelho de mudança de via A — Jacaré simples reto, de núcleo de aço
ABNT NBR 11709:2015 Dormente de concreto - Projeto, materiais e componentes
ABNT NBR 14165:2015 Via férrea — Travessia por linhas e redes de energia elétrica — Requisit
ABNT NBR 7640:2014 Defeitos de trilhos utilizados para via férrea
ABNT NBR 16082:2012 Aparelho de mudança de via — Dormentação — Disposição e espaçam
ABNT NBR 12352:2012 Aparelho de mudança de via A — Contratrilho — Requisitos
ABNT NBR 7594:2012 Aparelho de mudança de via — Bitola mista — Requisitos
ABNT NBR 15791:2010 Aparelho de mudança de via A — Terminologia
ABNT NBR 7914:1990 Projeto de lastro para via férrea - Procedimento
ABNT NBR 11439:1988 Ferramenta tenaz para dormente de madeira para via férrea - Forma e
ABNT NBR 7511:2013 Dormentes de madeira — Requisitos e métodos de ensaio
ABNT NBR 7591:2012 Via férrea — Tala de junção em aço laminado — Requisitos
ABNT NBR 7590:2012 Trilho Vignole — Requisitos
ABNT NBR 11551:2012 Aparelho de mudança de via — Parafuso, porca e arruela
ABNT NBR 15997:2011 Trilho — Soldagem aluminotérmica
ABNT NBR 11764:2011 Aparelho de mudança de via — Máquina de chave — Requisitos e Classificação
ABNT NBR 7691:2011 Aparelho de mudança de via - Aparelho de manobra - Classificação
ABNT NBR 11748:2011 Aparelho de mudança de via — Aparelho de manobra manual ajustável
ABNT NBR 11449:2011 Trilho Vignole — Solda — Determinação da resistência à fadiga
ABNT NBR 15942:2011 Via férrea — Travessia rodoviária — Passagem de nível pública — Equipamento de
ABNT NBR 11542:2010 Via férrea - Travessia – Identificação
ABNT NBR 15810:2010 Aparelho de mudança de via — Cotas de salvaguarda — Procedimento de Calculo
ABNT NBR 5561:2009 Aparelho de mudança de via A — Geometria — Requisitos geométricos, metodolog
ABNT NBR 12180:2009 Via férrea - Travessia rodoviária - Passagem em nível pública - Equipamento de pro
ABNT NBR 8497:2009 Metroferroviário - Tirefão – Requisitos
ABNT NBR 15497:2007 Metroferroviário - Placa de apoio
ABNT NBR 13309:1995 Máquina de chave eletroidráulica – Especificação
ABNT NBR 13146:1994 Aparelho de mudança de via AMV-A - Coice de agulha – Especificação
ABNT NBR 6966:1994 Dormente
ABNT NBR 13017:1993 Aparelho de mudança de via (AMV) Placa bitoladora e suplemento - Especificação
ABNT NBR 12778:1993 Aparelho de mudança de via A (AMVA) - Barra de conjugação - Especificação
ABNT NBR 12787:1993 Dormente de concreto - Determinação da isolação elétrica - Método de ensaio
ABNT NBR 12731:1992 Via-férrea - Travessia rodoviária de pedestre e de animal - Classificação
ABNT NBR 12366:1992 Arruela especial para uso em jacaré e contratrilho de aparelho de mudança de via –
ABNT NBR 5558:1992 Aparelho de mudança de via
ABNT NBR 5569:1992 Escora para aparelho de mudança de via A (AMVA)
ABNT NBR 5567:1989 Trilho ferroviário - Determinação das condições internas através da
ABNT NBR 11430:1989 Trilho para via férrea - Inclinação – Padronização
ABNT NBR 11522:1988 Gabarito de construção de instalação fixa ferroviária - Bitola métrica em tangente ou
ABNT NBR 11523:1988 Gabarito de construção de instalação fixa ferroviária - Bitola normal e larga em tang
ABNT NBR 11576:1988 Placa de apoio para aparelho de mudança de via A - Especificação
ABNT NBR 6964:1988 Garfo para lastro de via férrrea - Forma e dimensões
ABNT NBR 12369:1980 Aparelho de mudança de via A - Chave - Agulha reta - Calço de encosto
Esta Norma estabelece os r equisitos e métodos de ensaio para o lastro ferroviário de pedra britada (LP).

Esta Norma especifica os requisitos para entrevia e gabarito para instalação fixa e para material rodante ferroviário.

Esta Norma define termos empregados na via permanente ferroviária¹, observada a norma Panamericana COPANT469

Esta Norma especifica os requisitos mínimos e métodos de ensaio para palmilhas para dormentes em ferrovias (USP).

Esta Norma estabelece a metodologia e critérios para a classificação de uma via ou trecho ferroviário, com velocidade máxima autorizada a

Esta Norma estabelece os requisitos relativos ao aparelho de mudança de via tipo U (AMV-U), com raio de desvio tangencial na linha da bito

Esta Norma especifica os requisitos para a concessão e projeto de novas travessias rodoviárias, em passagens em nível públicas. Esta Nor

Esta Norma estabelece os requisitos mínimos para o conjunto de junta isolante colada.

Esta Norma estabelece requisitos dimensionais e propriedades mecânicas para fabricação de jacaré simples reto, de núcleo de aço-mangan

Esta Norma especifica os requisitos para o projeto e a fabricação dos dormentes de concreto e os requisitos para os materiais e component

Esta Norma especifica os requisitos para travessia de via férrea por linhas e redes de energia elétrica.

Esta Norma classifica os defeitos em trilhos utilizados para via férrea.

Esta Norma especifica a disposição e o espaçamento da dormentação do aparelho de mudança de via (AMV) tipo AMVA e AMVU. Esta Norm

Esta Norma especifica os requisitos para contratrilhos para aparelhos de mudança de via tipo A (AMV A).

Esta Norma especifica os requisitos dos aparelhos de mudança de via (AMV) para linhas de bitola mista.

Esta Norma define os termos empregados em aparelho de mudança de via (AMV-A) para via férrea.

Esta Norma fixa condições exigíveis para o projeto de lastro para superestrutura de via férrea.

Esta Norma padroniza ferramenta tenaz à movimentação manual de dormente de madeira para via férrea

tos e Classificação

ajustável

ca — Equipamento de proteção — Classificação e requisitos

cedimento de Calculo

ométricos, metodologia de cálculo e esquema unifiliar

- Equipamento de proteção elétrico

mento - Especificação

- Especificação
Método de ensaio

assificação

o de mudança de via – Especificação

métrica em tangente ou em curva com raio de mais de 350 metros - Formas e dimensões - Padronização

ormal e larga em tangente ou em curva com raio de mais de 500 m - Formas e dimensões - Padronização

e encosto
máxima autorizada até 128 km/h.

ncial na linha da bitola menor ou igual 760 m, na forma básica, para vias de bitola larga (1,600 m), bitola normal (1,435 m) ou bitola métrica (1,000 m).

l públicas. Esta Norma não se aplica às passagens em nível públicas existentes antes de sua publicação.

cleo de aço-manganês, com asa lateral.

teriais e componentes utilizados na fabricação destes dormentes.

A e AMVU. Esta Norma se aplica a: assentamento de AMV em dormentes de madeira, de concreto, de aço e com fixação direta em laje de concreto, in
a métrica (1,000 m).

laje de concreto, independentemente da bitola do AMV e da sua geometria; AMV constituído de trilhos com massa superior a 50 kg/m.