You are on page 1of 21

BIOLOGIA

Hereditariedade e Diversidade da Vida


Câncer

Prof. Daniele Duó


Câncer

 A palavra “câncer” é um termo amplo que abrange mais de


200 doenças que possuem duas características em comum:

- Um crescimento celular descontrolado (maligno)

- Capacidade de invadir e danificar tecido, localmente ou


totalmente (metástase)
Câncer

 A formação dos tumores

- Acúmulo de células cancerosas ou neoplasias malignas.


Multiplicação acelerada das células.

- Tumor benigno: massa localizada de células. Multiplicação


vagarosa.
Câncer

 A formação dos tumores


Câncer

 Como surge o câncer?

- Célula normal  mutação genética

- Alterações em genes especiais  protooncogenes, que a


princípio são inativos em células normais.

- Quando ativados, os protooncogenes transformam-se em


oncogenes, responsáveis pela cancerização
Câncer

- Tais células cancerosas multiplicam-se descontroladamente

- Geralmente, têm capacidade para formar novos vasos sanguíneos

que as nutrirão e manterão as atividades de crescimento

descontrolado.

- Adquirem a capacidade de se desprender do tumor e de migrar.


Câncer

- Células cancerosas  menos especializadas nas suas funções

- Conforme as células cancerosas vão substituindo as normais,

os tecidos invadidos vão perdendo suas funções.

- Exemplo  invasão dos pulmões gera alterações respiratórias,

a invasão do cérebro pode gerar dores de cabeça, convulsões,

alterações da consciência
Câncer

 Como é o processo de carcinogênese

- O processo de carcinogênese  se dá lentamente, podendo

levar anos para que uma célula cancerosa prolifere e dê

origem a um tumor visível.

- Esse processo passa por vários estágios antes de chegar ao

tumor
Câncer

 Estágio de iniciação

- 1º Estágio  células sofrem o efeito dos agentes cancerígenos.

Nesta fase as células se encontram, geneticamente alteradas,

porém ainda não é possível se detectar um tumor clinicamente.

Encontram-se "preparadas", ou seja, "iniciadas" para a ação que

ocorrerá no próximo estágio.


Câncer

 Estágio de promoção

- 2º Estágio  as células iniciadas sofrem o efeito dos agentes

cancerígenos classificados como oncopromotores.

- A célula iniciada é transformada em célula maligna, de forma

lenta e gradual.
Câncer

 Estágio de progressão

- 3º Estágio  se caracteriza pela multiplicação descontrolada e

irreversível das células alteradas.

- Nesse estágio o câncer já está instalado, evoluindo até o

surgimento das primeiras manifestações clínicas da doença.

- Agentes  oncoaceleradores
Câncer

 Como o organismo se defende?

- Mecanismos de defesa naturais  possibilitam a interrupção


do processo, com sua eliminação subsequente.

- Linfócitos  atacam as células do corpo ou células em


transformação maligna, bem como de secretam substâncias
chamadas de linfocinas  regulam o crescimento e o
amadurecimento de outras células.
Câncer

 Sintomas do Câncer

• Fadiga e mudanças de peso

• Protuberância ou área de espessamento

• Alterações da pele, tais como amarelecimento, escurecimento


ou vermelhidão da pele

• Tosse persistente

• Dor muscular ou nas articulações


Câncer

 Fatores de Risco
Câncer
Câncer

 Quimioterapia

- A quimioterapia é o método que utiliza compostos químicos,

chamados quimioterápicos

- Quando aplicada ao câncer, a quimioterapia é chamada de

quimioterapia antineoplásica ou quimioterapia antiblástica.


Câncer

 Quimioterapia Antineoplásica ou antiblástica

• Substâncias responsáveis por controlar a doença e podem ser


utilizadas através de diversas vias, sendo a via intravenosa a
mais utilizada.

• Efeitos colaterais: anemia, plaquetopenia (células da medula


óssea), queda dos cabelos (células dos folículos pilosos) e
inflamação da mucosa oral (células do tubo digestivo).
Câncer

 Mecanismos de ação
- O DNA, age como modelador na produção de formas
específicas de RNA e deste modo, determina qual enzima irá
ser sintetizada pela célula.
- As enzimas são responsáveis pela maioria das funções
celulares, e a interferência nesses processos irá afetar a
função e a proliferação tanto das células normais como das
neoplásicas.
Câncer

 Mecanismos de ação dos fármacos


- Bruce (1969) classifica os quimioterápicos:
• Ciclo-inespecíficos - Atuam nas células que estão no ciclo
proliferativo  mostarda nitrogenada.
• Ciclo-específicos - Atuam somente nas células que se
encontram em proliferação  ciclofosfamida.
• Fase-específicos - Atuam em determinadas fases do ciclo
celular  metotrexato (fase S), o etoposídeo (fase G2).
Câncer

 Tipos e finalidades da quimioterapia

- Curativa - objetivo de se conseguir o controle do tumor

- Adjuvante - cirurgia curativa, tendo o objetivo de esterilizar


células residuais locais ou circulantes

- Neoadjuvante ou prévia - redução parcial do tumor, visando


a permitir uma complementação com cirurgia ou radioterapia.

- Paliativa - Finalidade de melhorar a qualidade da sobrevida


Câncer

- Prevenção