You are on page 1of 2

Agrupamento de Escolas de Ceira

Escola Básica do 2º e 3º Ciclos de Ceira – Coimbra


Biblioteca Escolar/Centro de Recursos Educativos

PLANO DE AVALIAÇÃO

Modelo de Auto-Avaliação da Biblioteca Escolar


Objectivos:

 “Objectivar a forma como se está a concretizar o trabalho das bibliotecas escolares, tendo como
pano de fundo essencial o seu contributo para as aprendizagens, para o sucesso educativo e para a
promoção da aprendizagem ao longo da vida”;

 “Qualificar o grau de eficiência e de eficácia dos serviços prestados e de satisfação dos utilizadores
da BE”;

 “Desenvolver uma abordagem essencialmente qualitativa, orientada para uma análise dos
processos e dos resultados numa perspectiva formativa, permitindo identificar as necessidades e as
fragilidades com vista à melhoria.”

Domínios:
A. Apoio ao Desenvolvimento Curricular
A.1 Articulação Curricular da BE com as Estruturas de Coordenação Educativa e Supervisão
Pedagógica e os Docentes
A. 2 Promoção das Literacias da Informação, Tecnológica e Digital

B. Leitura e Literacia

C. Projectos, Parcerias e Actividades Livres e de Abertura à Comunidade


C.1 Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular
C.2 Projectos e parcerias

D. Gestão da Biblioteca Escolar


D.1 Articulação da BE com a Escola/ Agrupamento. Acesso e serviços prestados pela BE
D.2 Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços
D.3 Gestão da colecção/da informação

Domínio seleccionado - C.2. Projectos e parcerias.

Etapas de Avaliação Calendarização

 Apresentação fundamentada do Domínio a avaliar no Setembro


Conselho Pedagógico.
Agrupamento de Escolas de Ceira

 Criação e actualização de um blog onde estão registadas Ao longo do ano


todas as actividades realizadas. lectivo
 Constituição da equipa e distribuição de tarefas.

Determinação da amostra Outubro/Novembro


Critério de aplicação de Questionários: (1º fase)
 30% dos encarregados de educação (questionário QEE1 a
aplicar, com o apoio da Associação de Pais; amostra
determinada pela equipa da BE)
Maio/Junho (2ª fase)
Recolha de evidências Ao longo do ano
 Horário da BE lectivo
 Plano Anual de Actividades do Agrupamento (onde está
inserida a BE)
 Plano de Actividades do Grupo de Trabalho Concelhio
 Registo das actividades da BE
 Questionários para os encarregados de educação (QEE1)
 Estatísticas de utilização da BE
 Estatísticas de empréstimo interbibliotecas ou interescolas.
 Caixa de sugestões
Tratamento estatístico dos dados recolhidos. Dezembro (1ª fase)
Junho (2ª fase)
Identificação de nível Dezembro (1ª fase)
A análise dos elementos recolhidos vai permitir uma confrontação
entre os factores críticos de sucesso e os descritores de
desempenho, para a identificação de um nível. Junho (2ª fase)
Elaboração do Relatório Final
No Relatório Final far-se-á uma apresentação sistematizada da
informação recolhida e da sua análise, reflectida nas acções para a
sua melhoria. Julho
Comunicação dos resultados
Apresentação do Relatório ao Conselho Pedagógico, reflexão sobre
os resultados obtidos e aprovação das acções para melhoria dos
pontos fracos identificados. Julho