Pr.

Franklin Ribeiro Dávila Emérito

Filiada à:

“O lábio veraz permanece para sempre, mas a língua mentirosa, apenas um momento.” Pv 12.19

Pr. Alan Kleber Alves Rocha Efetivo Pr. Josivaldo Nascimento Auxiliar

Fundada em 13 de Dezembro de 1901

28 de Novembro de 2010 E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Jo 8:32 28/11 | Domingo 29/11 | Segunda-feira 29/11 | Segunda-feira 02/12 | Quinta-feira 03/12 | Sexta-feira 03/12 | Sexta-feira Iran Silva Santos Maria José de Jesus Lima Simone Andrade Lima Mércia Cristina Reis de Santana Jilce Ferreira Bonfim Cabral Luci Any Callado Jorge 3252-4721 3251-1871 9134-8103 3223-2767 3255-0309

Nº 969 | Ano XIX

O Que é a Mensagem da Cruz?
1Co 2.1-5
Introdução Hoje finalizaremos nossa série de pastorais sob o título “O que é a mensagem da cruz?” Já aprendemos pelo menos duas grandes características I Co 2.1-5 que evidenciam o seguinte: (1) A mensagem da cruz é cristocêntrica em seu conteúdo, ou seja, Jesus Cristo é o centro da mensagem evangélica e isso é inegociável. (2) A mensagem da cruz revela a fraqueza humana e ao mesmo tempo o poder do Espírito Santo, pois quando a igreja anuncia a cruz de Cristo todo o homem diminui para que Ele cresça cheio de graça e verdade (Jo 1.14). A terceira e última característica da mensagem da cruz, portanto será apresentada hoje. No versículo 5, Paulo diz: “… para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria humana, e sim no poder de Deus”. Em terceiro lugar, podemos dizer que: 3. A Mensagem da Cruz fortalece a nossa Fé no Poder de Deus Finalizando esta seção, o versículo 5 nos apresenta o propósito final da mensagem da Cruz. Considerando que a expressão “para que”, significa o mesmo que, “com o objetivo de que”, Paulo tinha plena certeza de que por ter sido fiel na sua pregação, os coríntios jamais aprenderam da sua parte que a fé deveria apoiar-se na sabedoria humana, mas sim em Cristo, “… poder de Deus e sabedoria de Deus” (1 Co 1.24). Segundo Calvino, “apoiar” é usado aqui no sentido de “consistir”. Portanto, Paulo quer dizer que os coríntios tinham sido beneficiados porque ele havia pregado Cristo entre eles sem apoiar-se na sabedoria humana, mas unicamente no poder do Espírito, com o objetivo de que a fé dos coríntios não tivesse por base o ser humano, mas somente Deus. Se a pregação de Paulo estivesse apoiada só na força da eloquência, ele poderia ter sido rapidamente destruído pela oratória superior. Ademais, ninguém terá por genuína a verdade que se apoia na excelência da oratória. Naturalmente que a oratória pode servir de auxílio para a verdade, mas esta não pode depender daquela. Em contrapartida, o que se mantém por si mesmo independe de qualquer apoio e deve ser mais poderoso. Por esta razão, a verdade é a mais notável recomendação da pregação de Paulo, e o poder celestial brilhou nela com tal intensidade, que logrou remover tantos obstáculos, sem qualquer assistência do mundo. Jamais eles poderiam acusá-lo de ter alicerçado as suas vidas sobre a areia do humanismo grego, a qual resultaria em um frouxo e perigoso fundamento que os conduziria à total ruína espiritual e eterna, pois que, ele, o velho apóstolo, “segundo a graça de Deus que [lhe] foi dada, [havia lançado] o fundamento como prudente construtor…” (1Co 3.10), sabedor de que ninguém poderia lançar outro fundamento, o qual é Jesus Cristo (1Co 3.11). Eis a razão pela qual o apóstolo Paulo não se envergonhava do evangelho, e desejava tanto poder pregá-lo em Roma: porque ele revela o poder salvador de Deus! Os romanos não estavam sempre se vangloriando de seu poder, a força pela qual haviam conquistado o mundo? “O evangelho que eu proclamo”, afirma Paulo, por assim dizer, “é muitíssimo superior. Ele tem sido levado a bom termo e oferece algo muitíssimo melhor, a saber, a salvação (eterna), e isso não pelo povo de uma nação, mas por

30/11 | Terça-feira 30/11 | Terça-feira 02/12 | Quinta-feira 03/12 | Sexta-feira

Anselmo Resende & Gilvânia C. S. Resende Jonas Torres Pereira & Maria Helena Torres Julian Lee Lawley & Florie Wanderley Lawley Robson Travassos & Yvri Carolliny Travassos

3254-5670 19 ANOS 3251-2074 04 ANOS 3255-1589 21 ANOS 3248-5934 6 ANOS

28/11 | 29/11 | 30/11 | 01/12 | 02/12 | 03/12 | 04/12 |

Domingo Segunda-feira Terça-Feira Quarta-Feira Quinta-Feira Sexta-Feira Sábado
CONSELHO

Gilvânia Cristina Santiago Resende Gizélia Tavares Prado Gláucia de Oliveira Santos Helber Santana Santa Rosa Helena Maria Santos Menezes Helenaldo Araújo Oliveira Helenaldo Araújo Oliveira Júnior
PROGRAMAÇÃO
Domingo Culto - 9h Escola Bíblica - 10h Oração - 17h30min Culto - 18h Quarta-feira Oração e Doutrina 19h30min às 20h30min

Pastores - Pregação e visitas Kleber - E. Dominical Daniel - Música Gelson - Visitação Anselmo - Tesouraria Salustiano - Congregações Helenaldo - Acamp/Se Jonas - Ad. Patrim.

ESCALA DE PLANTÃO DA JUNTA DIACONAL DOMINGO-QUARTA José Luiz

ATENDIMENTO PASTORAL
Terça a Sexta das 8h às 11h30min VISITAÇÃO

Flávio Jorge

Tarde e noite SECRETARIA Segunda a Sexta Horário Comercial

Fernando Couto

79 3214 2680 | www.iparacaju.org | ipa@iparacaju.org | Rua Laranjeiras, 494 | Centro | Aracaju | CEP: 49010-000

aqueles que exercem fé”. A necessidade mais urgente e imperativa da alma não é o renome terreno, mas paz, alegria, glória para hoje, amanhã e para o futuro sem fim. Comparado com “o poder de Deus”, quão frágil é o poder de Roma ou de qualquer outro império terreno. Os exércitos terrenos destroem. O evangelho de Cristo salva. Em Romanos, Paulo estabeleceu o contraste entre a graça de Deus e as obras do homem. Em I Coríntios, ele estabeleceu o contraste entre o poder de Deus e a sabedoria do homem. Embora a ênfase seja diferente, a mensagem e o alvo são os mesmos em ambas as cartas: conclamar os homens à fé em Cristo Jesus, e não à fé em si mesmos. Concluímos essa séria com as seguintes considerações: (1) Que o método que deve ser usado para converter homens em uma comunidade, seja cristã ou pagã, é pregar ou apresentar a verdade referente à Pessoa e a Obra de Cristo. Todos os demais meios usados hão de ser subordinados e auxiliares, destinados a eliminar obstáculos, e a facilitar o acesso da verdade aos corações, do mesmo modo como a terra é limpa das mazelas e pragas a fim de prepará-la para a preciosa semente. (2) O estado de espírito em que há de se pregar o Evangelho é o oposto à confiança em si mesmo ou a indiferença. O Evangelho deve ser pregado com consciência de fraqueza e com grande fervor e aplicação. (3) O êxito do Evangelho não depende da habilidade do pregador, senão da demonstração poderosa do Espírito.

(4) O fundamento da fé que salva não é a razão, ou seja, os argumentos dirigidos ao entendimento, senão o poder de Deus ao trabalhar com e pela verdade na mente e no coração. É muito comum nos dias de hoje ouvirmos a respeito da irrelevância da pregação da Cruz. O homem moderno não suporta mais ficar quieto diante de tais atividades “tradicionais” da igreja. Eles afirmam que precisamos utilizar novos métodos, tais como: a dramatização, a dança e a multimídia, a fim de substituirmos a velha e caduca pregação da Palavra em nossos cultos. Eles argumentam que a pregação está fora de moda, e que as pessoas querem novidades. Esperar que grandes grupos de pessoas fiquem sentadas nos bancos da igreja e ouçam um homem falar por meia hora ou mais, afirmam eles, não é apenas presunçoso, é uma pura bobagem. Contudo, as Escrituras nos ensinam que “aprouve a Deus salvar os que creem pela loucura da pregação” (1 Co 1.21). Deus decidiu salvar os pecadores através da mensagem pregada. Da pregação da velha e rude Cruz de Cristo. Esse é o meio pelo qual os eleitos são chamados à salvação. A pregação ungida pelo Espírito Santo é a grande necessidade de nossos dias. Oremos por aqueles cuja tarefa é cumprir o santo chamamento de proclamar o Evangelho de Jesus Cristo, no poder do Espírito. Que o Senhor Deus nos conceda um avivamento da verdadeira pregação! Pr. Alan Kleber

remoção da colostomia e religação do intestino. O Dc. Francisco já se encontra em recuperação em sua residência. Continuemos orando por seu pleno reestabelecimento. DIA DA FAMÍLIA – Convidamos você para a comemoração do dia da família. Dia 08 de dezembro no ACAMP-SE. Você não precisa levar o almoço, mas deve se inscrever com o Presb. Anselmo Rezende. Para aqueles que necessitam de transporte (ônibus), a taxa individual será de R$ 5,00 (única). ANIVERSÁRIO DE 109 ANOS DA IPA – Dias 10-12 de dezembro, com a presença do Rev. Dr. Heber Júnior, São Paulo-SP. Tema: DO TEMOR À FÉ – ESPERANÇA NO CUIDADO DE DEUS NA HISTÓRIA. Ore e participe trazendo a sua família e visitantes! Maiores informações no cartaz afixado no mural de avisos. AJUDE-NOS A ATUALIZAR O BOLETIM – Se você mudou de endereço, constatou algum erro quanto às datas de aniversário (individual ou casamento) ou telefones, favor informar a secretaria da igreja através do número: 32142680; ou escreva para nós: ipa@iparacaju.org). VISITANTE - É uma grande alegria tê-lo entre nós! A nossa oração é para que Deus abençoe o seu lar e a sua vida. INTERCESSÃO: NÃO DEIXE DE ORAR POR ESTES MOTIVOS – (I) Enfermos: Rev. Claudionor & D. Azeneth (recuperação pós-cirúrgica), Aurelina, Ana Freire, João de Araújo (IP de Jacobina-BA, internado no São Lucas), José Santos, Maria de Lourdes (esposa do Dc. Manoel Paulo), D. Conceição (amiga de Levi Gama), D. Jerusa (amiga do Pr. Alan e D. Gilcélia), Rafael Pereira Viana (Cong. Sta Maria), Dc. Francisco do Nascimento (nova cirurgia); D. Natalina (mãe de Carmem Cecília). (II) Família: Casais, filhos, idosos, viúvos, órfãos, solteiros; (III) Igreja: Pastores, presbíteros e diáconos, professores, membresia, novos conver tidos. (IV) País: sucessão presidencial, governamental e parlamentar, juízes, polícia e forças armadas.

AGENDA

DEZEMBRO 08/12 – Dia da Família no ACAMP-SE (Encerramento: Temas para a Família). 10-12/12 – Aniversário da Igreja – Conferência Evangelística. 24/12 – Cantata Natalina. 31/12 – Ação de Graças (final do ano)

IGREJA PERSEGUIDA
Cristãos sofrem ameaças de expulsão LAOS (9º) - Em janeiro de 2010 os oficiais e aguranças locais expulsaram 11 famílias cristãs na mira da arma da aldeia de Katin, no sul do Laos, por sua fé cristã. O fato sucedeu depois de meses de perseguição, que incluiu confiscos de propriedades, detenções e tortura, além do assassinato de um camponês cristão. Apesar disso, mais duas famílias posteriormente em Katin assumiram o compromisso de seguir Jesus Cristo. As famílias cristãs expulsas têm sofrido com a doença e a fome em abrigos erguidos na orla da selva. Em julho, eles disseram que só podem regressar à aldeia, se desistirem de sua fé. Caso contrário como foi avisado, se tentarem retornar sendo cristãos eles serão fuzilados. Porém, na sequência deste anuncio mais quatro famílias em Katin aceitaram a Cristo. O chefe de Katin e seguranças locais abordaram estas seis novas famílias cristãs no início de novembro com o ultimato: renunciar à fé cristã antes de janeiro de 2011 ou serião expulsas. Pedido de oração: • Ore pela Igreja perseguida de Laos. • Ore pelos cristãos que por causa da situação, vivem na selva; ore para que Deus supra as suas necessidades e os fortaleça na fé. • Ore para que as autoridades vejam o testemunho de Cristo na vida dessas famílias cristãs e se convertam.

INFORMATIVO
AÇÃO DE GRAÇAS – Hoje à noite, o Presb. Anselmo e sua esposa Gilvânia juntamente com seus seus filhos oferecerão ações de graças a Deus pelos 19 anos de vida conjugal na presença do Senhor. ESTUDO BÍBLICO E ORAÇÃO – Você sabe quais são as bênçãos que todos os cristãos irão receber na ressurreição? Crentes cremados ressuscitarão? O cristão quando morre, dorme ou vai para presença de Deus? Quer saber o que a Bíblia diz sobre isso? Venha para a reunião de oração e doutrina. Quarta-feira, das 19h30 às 20h30. NASCEU ARTHUR AUGUSTO – Na última quintafeira, dia 25, nasceu o filho do Rev. Naziaseno e Érika Torres. Mãe e filho passam bem. Que Deus abençoe esta casa! DIÁCONO FRANCISCO – Submeteu-se a uma cirurgia também na última quinta-feira para

02

03