Como os Bancos Inovam

Como os Bancos Inovam
“tendências, ideias e oportunidades”

www.etcnologia.com.br

Rildo F Santos
(11) 9123-5358 (11) 9962-4260
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

rildo.santos@etecnologia.com.br @rildosan skype: rildo.f.santos http://rildosan.blogspot.com/

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

Como os Bancos Inovam

Objetivo:

“tendências, ideias e oportunidades”

Objetivo desse documento: Compartilhar conhecimento, trocar experiência, prover aprendizado sobre Como os bancos inovam. Este documento é parte da Palestra: “Como os bancos inovam: tendências, ideias e oportunidades”, que apresenta, discute as tendências tecnológicas, as ideias e demonstra como criar novas oportunidades para inovar no setor Bancário.

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

2

Como os Bancos Inovam

Programa: Menos Papel, Mais Árvores®
Home | Empresa | Consultoria | Treinamento | Produtos | Fale Conosco

Inovação

Sustentabilidade

Processos

Negócio

Métodos Ágeis

Tecnologia

Sustentabilidade Ambiental Programa: “Menos Papel, Mais Árvores ®”

“tendências, ideias e oportunidades”

Qual é o mundo que queremos ? O primeiro passo para criar um mundo melhor, é saber qual tipo de mundo que queremos ter e qual tipo que deixaremos de herança para as próximas gerações. Nossa missão: É buscar pelo equilibro do homem, da tecnologia e do meio ambiente. Para cumprir esta missão é necessário: conscientizar, comprometer e AGIR.

O programa Menos Papel, Mais Árvores®, é uma ação, com objetivo de estimular o consumo sustentável de papel dentro das organizações.
Quer participar ? - Reduza o uso de papel (e de madeira) o máximo possível. - Só imprima se for extremamente necessário. - Evite comprar produtos com excesso de embalagem. - Ao imprimir ou escrever, utilize os dois lados do papel. - Use papel reciclado.

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

3

Como os Bancos Inovam

Conteúdo:

Parte 1: Por que inovar ? Parte 2: Como começar a inovar ? Parte 3: Como os banco inovam ?

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

4

Como os Bancos Inovam

Parte 1

“tendências, ideias e oportunidades”

Por que inovar ?
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

5

Como os Bancos Inovam

O que é inovação ?
Inovação significa novidade ou renovação. A palavra é derivada do termo latino innovatio, e se refere a uma idéia, método ou objeto que é criado e que pouco se parece com padrões anteriores.
“Inovação” é a implementação de um produto, bem ou serviço novo ou significativamente melhorado. Manual de Oslo - Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) Inovação é adotar novas tecnologias que permitem aumentar a competitividade da empresa C.K.Prahalad "Inovar significa, em essência, a capacidade de criar e capturar novos valores, de maneiras diferentes“ – Hitendra Patel “Inovação é um esforço para criar alterações úteis ao potencial econômico e social da empresa” - Peter Drucker. “Inovação é um processo estratégico de reinvenção contínua do próprio negócio e de criação de novos conceitos de negócios” - Gary Hamel

“tendências, ideias e oportunidades”

“Inovação é melhorar alguma coisa que já existe ou criar algo novo que gere valor”

Rildo Santos
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

6

Como os Bancos Inovam

Por que inovar ?

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

7

Como os Bancos Inovam

Por que inovar ?
Porque a inovação é o caminho para criar um crescimento sustentável:
Veja como as empresas estão usando a inovação para geração de valor e crescimento:
A Southwest criou um modelo de viação de baixo custo, este modelo foi copiado por diversas empresas, como EasyJet e Gol. A Wall Mart soube crescer com a promessa de vender mais barato do que qualquer outra empresa e, para isso, aperfeiçoou a cadeia de suprimentos. A Starbucks e a Haagen Dazs podem cobrar mais caro por seus produtos quando comparado com a concorrência porque não vendem um café ou um sorvete, mas sim um estilo de vida. A Google demonstrou como fazer negócio na Internet, a venda de publicidade gerou dinheiro e revolucionou a rede. A Amazon mostrou que é possível uma empresa sobreviver e dar lucro na Internet. A Apple, um empresa inovadora por natureza, criou um modelo de venda de música e filmes pela internet ancorado pelo famoso iPod e depois com o iPhone... A GE é um exemplo de empresa que atingiu o equilíbrio ideal em seus esforços de crescimento orgânico ao expandir suas atividades em vários frontes distintos. Ao assumir o lugar do lendário Jack Welch na direção da empresa, Jeff Immelt ampliou a meta de crescimento orgânico de 5% para 8% ao ano. Houve diversas iniciativas dentro da GE para incentivar o pensamento novo. Cirque du Soleil reinventou o espetáculo do circo e criou uma experiência inédita para o público. P&G, mais de 50% do faturamento vem de inovação.

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

8

Como os Bancos Inovam

Como inovar ? Ache uma fórmula que represente a definição de Inovação:

Inovação = f (Idéia, Implementação, Valor) Inovação = f (Oportunidade, Implementação, Valor) Inovação = f (Necessidade, Implementação, Valor)

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

9

Como os Bancos Inovam

Como inovar ? Descubra um modelo para a inovação:

“tendências, ideias e oportunidades”

Inovação deve fazer parte da cultura da organização ela tem que está na mente das pessoas...um “bom” modelo ajuda a materializar o termo “inovação.

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

10

Como os Bancos Inovam

Quais são as fontes de inspiração ?

“tendências, ideias e oportunidades”

Elas são consideradas as empresas mais inovadoras.
Fonte: FastCompany
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

11

Como os Bancos Inovam
De 1 a 5 [Clayton M. Christensen] | 6 e 7 Gary Hamel

Cuidado: Falsas afirmações, elas são “mitos da inovação”:
1 – A Inovação restringe à Tecnologia: A verdade é que novas alternativas de fazer negócios, ganhar dinheiro ou compreender os desejos dos consumidores, muitas vezes são meios mais valiosos de inovação do que a tecnologia.
2 – Mais recursos implicam mais inovação: Ao contrário, muito dinheiro disponível para inovação pode levar as equipes a dispersarem os recursos, em vez de reformular iniciativas já destinada ao fracasso. 3 – Só uma inovação radical pode conduzir ao sucesso: As inovações que provocam mudança em ramo de atividade, em sua maioria, começam de forma tímida e necessitam de tempo e impulso para se transformar em big bangs. 4 – A Inovação é aleatória e imprevisível: Na verdade, se analisarem corretamente os padrões de sucesso, as empresas podem promover inovações como, quando e quantas vezes quiserem. 5 – Não se pode aprender ou ensinar inovação: Não é verdade. Qualquer um pode aprender ou ensinar a identificar padrões de inovações bemsucedidas.

“tendências, ideias e oportunidades”

6 – Inovação é assunto exclusivo do P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) ou Departamento de Novos Produtos: Ao contrário, todos os colaboradores devem ser mobilizados para exercitar a imaginação no sentido de produzir idéias valiosas para empresa. 7 – A inovação exige grandes investimentos: Na verdade não existe uma correlação entre o investimento e as inovações. Algumas inovações são desenvolvidas com pouco investimento.

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

12

Como os Bancos Inovam

Parte 2

“tendências, ideias e oportunidades”

Como começar a inovar ?
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

13

Como os Bancos Inovam

Como começar inovar ? Primeira lição: Faça um Check List
“Pense fora do quadrado...”
“Crie um ambiente favorável a inovação” “ Escolha um modelo para inovar”

“ Aprenda a lidar com riscos..”
“Crie e cultive a cultura da inovação...” “ Mobilize, motive e comprometa as pessoas”
“tendências, ideias e oportunidades”

“Gênio: 1% de inspiração e 99% de transpiração” - (Thomas Edison)
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

14

Como os Bancos Inovam

“Pense fora do quadrado...”
Mas o que é “Pensar fora do Quadrado” ?

Quadrado ou caixa representa a zona de conforto, para inovar temos que sair da zona de conforto... É dizer Não para Pensamento Linear...é dizer Não para rotina É dizer Sim para Pensamento Lateral...e dizer Sim para novo Abrir a mente para ver as coisas de forma diferente É quebrar paradigmas... É Assumir riscos... É buscar pelo novo...

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

15

Como os Bancos Inovam

Pensar fora do Quadrado: “É quebrar paradigmas”

Campanha Real Beleza

Visão de mundo A Dove, com a campanha que valoriza as diferentes formas de beleza feminina em vez de insistir no protótipo da mulher perfeita. (a marca deve se posicionar sobre questões importantes para o cliente)
“tendências, ideias e oportunidades”

Dove é marca da Unilever

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

16

Como os Bancos Inovam

Pensar fora do quadrado: “É usar tecnologia de forma diferente”
Venda de Produtos/Serviços: - Venda de seguro pessoal - Empréstimo pessoal - Pagamento de impostos (IPVA) - Venda de recarga de celular - Impressão de talão de cheque

Fato
ATM representa um novo de canal de atendimento e um ponto de venda de produtos ao cliente. Com custo de transação menor que da agência.

Adicione novas funcionalidades e novos produtos e serviços
Função primária: Prover Serviços Bancários, tais como: saque, depósito, impressão de extrato, pagamento de contas de consumo, solicitação e impressão de talão de cheques etc
O primeiro caixa eletrônico do foi fabricado pela empresa britânica De La Rue e foi instalado (em um bairro de Londres) em 27 de junho de 1967 pelo Barclays Bank. A invenção é creditada à John Shepherd-Barron, apesar de Luther George Simjian ter registrado patentes em Nova York, EUA nos anos 30 e Donald Wetzel e dois outros engenheiros da Docutel também terem registrado uma patente em 4 de junho de 1973. Os primeiros caixas eletrônicos aceitavam apenas uma ficha ou cupom de uso único, que era retida pelo caixa. Essas trabalhavam em vários princípios como radiação e magnetismo de baixa coercitividade que era retirado pelo leitor de cartão para tornar fraudes mais difíceis. A idéia de um número de identificação pessoal (PIN) armazenado no cartão em si ao invés de ser digitado quando se queria retirar o dinheiro foi desenvolvido pelo engenheiro britânico James Goodfellow em 1965, que ainda possui patentes internacionais cobrindo esta tecnologia.

Caixa ATM

Pensar fora da quadrado
“tendências, ideias e oportunidades”

Oportunidade

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

17

Como os Bancos Inovam

Pensar fora do quadrado: “É implementar um negócio social”
Muhammad Yunus/Grameen Bank:

Em 1983, criou o Grameen Bank - segundo sua própria definição, um banco para os pobres, microcrédito. O Grameen Bank tem hoje 7,5 milhões de clientes em mais de 70 mil vilas em Bangladesh, sendo 97% mulheres, que usam o dinheiro para tocar pequenos empreendimentos. Os empréstimos são feitos sem garantias e a taxa de inadimplência não chega a 2%. A instituição já emprestou mais de US$ 6 bilhões e, atualmente, é mantida principalmente graças aos depósitos de seus clientes. Em 2006, Yunus recebeu o Prêmio Nobel da Paz, ampliando a visibilidade dos programas de microcrédito. Segundo ele, 64% das pessoas que tomam empréstimos no banco há cinco anos ou mais ultrapassaram a linha da pobreza.

Pensar fora da quadrado

“tendências, ideias e oportunidades”

Oportunidade

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

18

Como os Bancos Inovam

“Crie um ambiente favorável a inovação”
Para inovar é preciso criar um ambiente favorável...
A INOVAÇÃO: - Pode ser serendipidade... (Quando acontece por acaso...) ou - Pode ser um processo sistêmico... Contudo, a inovação precisa de pessoas... Necessita de um ambiente que favoreça a ideiação, facilite novos aprendizados, a troca de experiência, o compartilhamento de conhecimento e a inspiração.

“tendências, ideias e oportunidades”

Livre de pressão e livre do medo de errar...
Exemplo: Os 108 funcionários do laboratório de desenvolvimento de produtos da 3M do Brasil, em Sumaré (SP), têm todas as semanas 15% do horário de trabalho para exercitar a criatividade. Nesse período, ficam proibido as tarefas burocráticas. “Tempo livre é essencial para a criatividade”, segundo o diretor técnico da empresa, ele garante que a estratégia dá resultado.
Fonte: Revista Você S/A edição 124 – out/2008

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

19

Como os Bancos Inovam

“ Escolha um modelo para inovar”
Closed Innovation Open Innovation

“tendências, ideias e oportunidades” No “Closed Innovation” as vantagens competitivas eram alcançadas com investimentos em grandes laboratórios de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) e toda a pesquisa sendo desenvolvida internamente. O conceito de “Open Innovation” se baseia na utilização de caminhos internos ou externos para avançar no desenvolvimento de novas tecnologias. As leis brasileiras de fomento e incentivo a inovação estão mais próximas do modelo “open”.

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

20

Como os Bancos Inovam

Considere a “Experiência do Usuário” (Co-creation): User Experience

“tendências, ideias e oportunidades”

“We will acquire 50% of our innovations from outside P&G
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

21

Como os Bancos Inovam

“ Aprenda a lidar com riscos..”
Para inovar é necessário correr “Risco”

Inovação: “Take a Risk”
Lançamento de novo produto ou serviço inédito no mercado (geralmente a inovação radical cria um novo mercado)

Retorno do Investimento (ROI)

Melhoria continua de um produto/ serviço

É a nova geração de um produto ou serviço (já existente). Exemplo: Mudança de design do produto

“tendências, ideias e oportunidades”

Inovação incremental

Inovação Substancial

Inovação Disruptiva ou Radical

Menor Risco

Risco

Maior Risco

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

22

Como os Bancos Inovam

Equilibrando: Risco x Oportunidades Construa um portfólio de inovação equilibrado

Portfólio de Inovação Ideal
Retorno do Investimento (ROI) Alto Inovação Incremental Inovação Substancial Inovação Radical

“tendências, ideias e oportunidades”

Baixo

Baixo

Risco

Alto

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

23

Como os Bancos Inovam

“Crie e cultive a cultura da inovação...”

Crie a Cultura da Inovação

“tendências, ideias e oportunidades”

Como Implementar a Cultura da Inovação ?
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

24

Como os Bancos Inovam

Selecione as ferramentas certas:

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

25

Como os Bancos Inovam

Crie um programa de incentivo:

Crie um programa de incentivo estimule sessões de ideiação

“tendências, ideias e oportunidades”

Crie um Programa de Incentivo: Uma forma de se incentivar a inovação é criar um programa de incentivo (mas não se trata de um reconhecimento financeiro) geralmente o programa está associado a geração de ideias (Sessões de Ideiação) e a medida que os colaboradores geram ideias ou as implementam, acumulam pontos para trocar por produtos e serviços.
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

26

Como os Bancos Inovam

Filtre as Ideias:

“tendências, ideias e oportunidades”

Classifique todas as ideias. Filtre aquelas que são promissoras. Guarde as demais...

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

27

Como os Bancos Inovam

Implemente ferramentas de colaboração: Ninguém inova sozinho, incentive a colaboração:

Colaboração, exige uma intensa interação interna e externa. As redes de colaboração são essenciais
“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

28

Como os Bancos Inovam

“ Mobilize, motive e comprometa as pessoas”
Busque o comprometimento das pessoas, pois...

“tendências, ideias e oportunidades”

quem inova são as pessoas
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

29

Como os Bancos Inovam

Parte 3

“tendências, ideias e oportunidades”

Como os Bancos Inovam ?
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

30

Como os Bancos Inovam

Contexto: Mercado altamente regulamentado:

“tendências, ideias e oportunidades”

Fonte: Ministério da Fazenda
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

31

Como os Bancos Inovam

Governança Corporativa O modelo de governança é uma premissa

“tendências, ideias e oportunidades”

Prestação de Contas aos Stakeholders
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

Como os Bancos Inovam

Contexto: Aquisição e fusão como modelo de crescimento

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

33

Como os Bancos Inovam

Mercado: Extramente Competitivo
Serviço:
As vantagens do pagamento antecipado. Variações de Custo: Não houve grande diferença na maioria dos bancos em relação à variação entre o valor do empréstimo contraído (R$ 300) e o total quitado antecipadamente, após o pagamento de uma única parcela. O Banco do Brasil apresentou o menor custo, 7,8% sobre o crédito. Já na Nossa Caixa e no Santander esse índice subiu para 28,1% e 30,2%, respectivamente, o que se deve à cobrança indevida de tarifa de cadastro na hora da contratação. Confira na tabela ao lado os valores apresentados por todos os bancos.

“tendências, ideias e oportunidades”

Bancos respondem: O Idec comunicou o resultado a todas as nove instituições pesquisadas. Mas, até o fechamento desta edição, apenas quatro haviam respondido: ● Bradesco: em relação a não ter apresentado a memória de cálculo, alegou que a forma como mencionou o valor apurado para a liquidação antecipada está de acordo com as regras do BC. ● CEF: informou que o banco nunca cobrou TLA e que, após a quitação, fornece extrato e comprovante avulso de pagamento. ● Nossa Caixa: informou, apenas, que entregou ao cliente o recibo de quitação. ● Itaú/Unibanco: apontou que a metodologia de cálculo é informada no contrato entregue ao cliente, mas reconhece que o demonstrativo de quitação pode ser aperfeiçoado para melhor entendimento do consumidor.
Revista n° 134 - Julho de 2009

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

34

Como os Bancos Inovam

Como os bancos inovam ? Os Banco Inovam em “Ondas”:
Apps para iPhone e iPad (para dispositivos móveis)

Aplicativo para TV interativa

Marcar presença nas Rede Sociais

“tendências, ideias e oportunidades”

1ª. Onda
Versão 9.0

2ª. Onda

3ª. Onda

4ª. Onda

5ª. Onda
35

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

Como os Bancos Inovam

Como os bancos inovam ? - Criando novos produtos;

- Criando novos serviços;
- Utilizando tecnologia para reduzir os custos das transações; - Padronizando operações e Melhorando os processos de vanguarda e retaguarda com o objetivo de reduzir custos; - Implementando e/ou apoiando programas e projetos de sustentabilidade ambiental; - Apoiando e/ou implantando projetos sociais;

“tendências, ideias e oportunidades”

- Patrocinando projetos culturais.

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

36

Como os Bancos Inovam

Como os bancos inovam ?
Inovação: Uso intensivo de tecnologia

“tendências, ideias e oportunidades”

Tecnologia reduz o custo da transação
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

37

Como os Bancos Inovam

Como os bancos inovam ?
Padronizando Operações

Os Boletos vão entrar em extinção! “tendências, ideias e oportunidades” O Débito Direto Autorizado (DDA), é uma solução desenvolvida pela Febraban, para facilitar o pagamentos de boletos. Todos os compromissos de pagamentos serão emitidos em formato eletrônico. O Boleto Bancário ganhou uma versão digital - o DDA (Débito Direto Autorizado). O boleto de cobrança ganhará uma versão eletrônica, que dispensará a impressão em papel.

Padronização facilita as operações

O DDA poderá ser acessado pelo Internet Banking, pelo caixa eletrônico, e quem sabe no futuro também no telefone celular. Atualmente são emitidos quase 2 bilhões de boletos por ano. O DDA representará uma redução de custos para as empresas (estima-se a redução de 40% de papel – boleto impresso) e um alívio para o meio ambiente, pois, as árvores não serão derrubadas para impressão dos boletos.
Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Versão 9.0

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

38

Como os Bancos Inovam

Contudo, as Inovações logo viram commodities

Canal de Atendimento: Telefone

Cheque Especial

Caixas Eletrônicos com Serviços Agregados

Projetos de Sustentabilidade Ambiental

Apoio a Projetos Culturais

“tendências, ideias e oportunidades”

Segmentação de clientes

Correspondente Bancário

Internet Banking
Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Como os Bancos Inovam

Mas existem os desafios: Eles são oportunidades para Inovar

“tendências, ideias e oportunidades”

Melhorar a acessibilidade

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

40

Como os Bancos Inovam

Mas existem os desafios: Eles são oportunidades para Inovar

“tendências, ideias e oportunidades”

Reduzir o tempo de espera nas filas

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

41

Como os Bancos Inovam

Nossos Serviços: Treinamento em Gestão da Inovação
Existem ainda muito para “inovar” “Uma agência bancária ainda tem hoje a mesma aparência de 20 anos atrás. O cliente, quando liga na central de atendimento ou se dirige a um terminal, não é identificado de imediato e precisa digitar diversas senhas para realizar cada operação. O uso do celular ainda engatinha”
Esta palestra é ideal para trabalha em bancos e/ou empresas que prestam serviços para bancos e que estão busca de diferenciais competitivos e de novas oportunidades.

Você quer saber as tendências, ideias e conhecer quais as oportunidades do setor Bancário, participe da Palestra: “Como os bancos inovam: tendências, ideias e oportunidades”
Conteúdo da Palestra:
Por que inovar ? . de Schumpeter a Steve Jobs A cultura da inovação: . Como propagar a cultura de inovação dentro as organizações Implementando a inovação: . A inovação como processo sistêmico . A inovação tecnológica como diferencial . Inovação como parte da estratégia Como os bancos inovam: .Tendências para a próxima década . Insights . Oportunidades
Versão 9.0

Data: a definir Carga horária: 7 horas (das 9 as 17h) Local: São Paulo (região da av. Paulista)

“tendências, ideias e oportunidades”

Contrate esta palestra para usa empresa, entre em contato: - rildo.santos@etecnologia.com.br - treinamento@etecnologia.com.br

Facilitador: Rildo Santos
Tem 20 anos de experiência. É Consultor, Coach, Professor e Palestrante sobre Inovação , Gestão de Negócio, Sustentabilidade, Processos, Tecnologia e Métodos Ágeis. Já prestou serviços para empresas de diversos segmentos. Já apresentou esta palestra para o Banco do Brasil em Brasília e já prestou mais de 4000 horas em projetos no setor bancário.

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

42

Como os Bancos Inovam

Nossos Serviços: Consultoria em Gestão da Inovação
Consultoria: - Implementação de Programa/Projetos de Gestão de Inovação; - Desenvolvimento de Sessões de Ideiação - Avaliação do Potencial de Inovação; - Treinamento e implementação de ferramentas para Gestão da Inovação; - Coach para Lideres e Gestores de Inovação; Treinamento: - Formação de Analista de Inovação (FAI) - Workshop de Gestão de Inovação; - Desenvolvimento de Criatividade com Sessões de Ideiação - Palestra “Como os Bancos Inovam: Tendências, ideias e oportunidades”

“tendências, ideias e oportunidades”

-Workshop de Inovação Tecnológica
Para contratar nossos serviços entre em contato: - rildo.santos@etecnologia.com.br - treinamento@etecnologia.com.br Facilitador: Rildo Santos Tem 20 anos de experiência. É Consultor, Coach, Professor e Palestrante sobre Inovação , Gestão de Negócio, Sustentabilidade, Processos, Tecnologia e Métodos Ágeis. Já prestou serviços para empresas de diversos segmentos Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Versão 9.0

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

43

Como os Bancos Inovam

Comunidade: Projeto de Negócio Social
A comunidade eTecnologia (http://etecnologia.com) tem como missão compartilhar conhecimento, troca experiência e prover aprendizado.

“tendências, ideias e oportunidades”

Para participar da comunidade basta se cadastrar: http://bit.ly/czZlez
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

44

Como os Bancos Inovam

Notas:
Marcas Registradas: Todos os termos mencionados que são reconhecidos como Marca Registrada e/ou comercial são de responsabilidades de seus proprietários. O autor informa não estar associada a nenhum produto e/ou fornecedor que é apresentado neste material. No decorrer deste, imagens, nomes de produtos e fabricantes podem ter sido utilizados, e desde já o autor informa que o uso é apenas ilustrativo para fins educativo, não visando ao lucro, favorecimento ou desmerecimento da marca ou produto. Melhoria e Revisão: Este material esta em processo constante de revisão e melhoria, se você encontrou algum problema ou erro envie um e-mail para nós.

Criticas e Sugestões:
Nós estamos abertos para receber criticas e sugestões que possam melhorar o material, por favor envie um e-mail para nós.
“tendências, ideias e oportunidades”

Imagens: Google, Flickr e Banco de Imagem.

Rildo F dos Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

45

Como os Bancos Inovam

Licença:

“tendências, ideias e oportunidades”

Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

46

Como os Bancos Inovam

Como os Bancos Inovam
“tendências, ideias e oportunidades”

www.etcnologia.com.br

Rildo F Santos
(11) 9123-5358 (11) 9962-4260
Versão 9.0

Rildo Santos (rildo.santos@etecnologia.com.br)

rildo.santos@etecnologia.com.br @rildosan skype: rildo.f.santos http://rildosan.blogspot.com/

Todos os direitos reservados e protegidos © 2006 e 2010

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful