You are on page 1of 2

O casamento na sua plenitude

Nos dias de hoje viver o casamento na sua plenitude é quase impossível. As


pessoas casam-se com expectativas muito altas e podemos até dizer que são expectativas
egoístas, pois em primeiro lugar esta o seu bem-estar, em segundo lugar o seu bem-estar,
em terceiro lugar o seu bem-estar. E se não for desse jeito, arrume as suas coisas e vai
embora. Hoje, os casais estão sem preparação espiritual, psicológica e sexual. Pois pouco
sabem destes assuntos e também não procuram saber. A Palavra de Deus diz: “O meu
povo perece por falta de conhecimento.” Oséias 4:6 .
Vamos falar primeiro das linguagens de amor. Porque devemos estar dispostos a
aprender a primeira linguagem de amor dos nossos cônjuges, se quisermos comunicar o
amor de forma eficiente. Você conhece bem o versículo que diz: “Aquilo que tu
semeares, isso tu ceifarás.” Gálatas 6: 7. Muitas pessoas querem colher no
relacionamento aquilo que não plantaram. Falando nisso ...o que você tem plantado no
seu relacionamento com seu cônjuge?

As 5 linguagens do amor
1. Palavra de afirmação: Elogios e palavras de admiração são poderosos
comunicadores de amor. São os melhores comunicadores em forma de expressões
diretas e simples, como: “Você ficou muito elegante com esta roupa” ; “Você é
linda”; “Você é um homem maravilhoso, gostoso, lindo, e trabalhador” e etc.
Provérbios 18:21 diz: “A morte e a vida estão no poder da língua”. Suas palavras
tem dado vida ao seu relacionamento ou matado? Provérbios 12:25 diz: “A
solicitude no coração do homem o abate, mas uma boa palavra o alegra.” Se a
linguagem de amor do seu cônjuge, é palavras de afirmação, basta uma frase dita
com amor e você fará ele sorrir o dia todo e ficar com vontade de voltar rápido
para a casa para ouvir mais de você. O objetivo do amor não é você conseguir
algo que deseja, mas fazer alguma coisa pelo bem-estar de quem ama. 1 Co 13:5
diz que o amor “...não busca os seus interesses...”. No entanto, sabe-se que
quando recebemos elogios, ficamos mais dispostos a retribuir a gentileza. Dentro
deste assunto tem também as palavras encorajadoras. O encorajamento exige
empatia que nos leva a enxergar o mundo sob a perspectiva de nosso cônjugue.
Devemos, em primeiro lugar, procurar saber o que é importante para ele. As
palavras precisam ser gentis, quando você for falar com seu cônjugue, sempre que
for oferecer ajuda ou pedir alguma coisa, ou até mesmo expressar seu
descontentamento com algo. Frases como estas que estão logo abaixo,
dependendo de como se expressa pode ser interpretada de uma maneira rude e
autoritária: Deixa que eu faço isto!; pode deixar que eu vou ao supermercado; eu
estou lavando a louça; não gostei de como você falou comigo; Não quero que
você vá lá. Em prov. Diz que a resposta branda desvia o furor. Se seu cônjugue
disser palavras agressivas, por estar zangando e deprimido, e você optar por ser
gentil, não somente evitará responder de forma agressiva como também usará
palavras brandas e o resultado será exelente!!!
Uma coisa muito comum, é misturar o ontem com o hoje e fazer cobranças excessivas
que trazem grandes danos ao relacionamento. É como colocar um pouco de veneno no
copo de suco de seu cônjugue, e dar para ele tomar. Não tem coisa que mata mais um
relacionamento do que desenterrar constantemente coisas do passado. Ao invés de vc ter
palavras agradáveis, amorosas, palavras de reconhecimento, você não deixa passar a
oportunidade de dar uma espetadinha. Palavras como: Não posso acreditar que vc tenha
feito isto; nunca vou esquecer o que vc fez; não sei como vc pode ficar tranqüilo depois
de tudo que vc me disse; nunca vou te perdoar por aquilo que vc fez. Essa frases são de
vingança, de amargura, ressentimento e não de amor.
Uma outa atitude dentro desta liguagem de amor que resolve muitos problemas são as
palavras umildes. O amor faz solicitações, não imposições. Quando dou ordern ao meu
cônjugue, torno-me pai ou mãe dele. Vce precisa saber expressar os seus pedidos. Não
com autoritarismo, sarcasmo, gracinhas, fazendo piadinhas: Amor vc pode juntar suas
meias do chão, ou vou ter que colocar uma placa na sala com um aviso bem grande
iluminado e em letras garrafais: Não jogue meias no chão porque vc não tem
empregada!!!
O jeito certo e: Amor você poderia juntar suas meinhas para nossa casa sempre estar
organizada!!
Amor quando entro em nosso banheiro, penso que entrei em um banheiro publico!!
Todo pedido cria a oportunidade de expressar amor, ao passo que uma ordem sufoca essa
possibilidade.
É provável que a mais profunda necessidade humana seja de ser reconhecido e admirado.

2- Tempo de Qualidade- Diga para uma mulher soletrar amor e ela dirá da seguinte
forma: t-e-m-p-o. É uma necessidade importante e que deve