You are on page 1of 21

LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

A Lei nº 11.438/06, regulamentada pelo Decreto nº 6.180/07, possibilita a:


Pessoa Jurídica tributada com base no lucro real - deduzir até 1% do
imposto devido (art. 1º, § 1º, I da Lei 11.438/06).
- Esse benefício não compete com outros incentivos fiscais.
Em 2010, o valor disponível para captação de recursos, foi de 400 milhões
de reais junto às pessoas jurídicas tributadas com base no lucro real.
Foram aprovados 617 projetos, totalizando 835,2 milhões de reais e foi
captado o valor de 176.8 milhões.
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE
¾ EVOLUÇÃO DO VALOR CAPTADO 2007-2010
EM MIL R$

200.000
176.846
180.000 59,5%

160.000

140.000

120.000
110.897
100.000

80.000 82.214

60.000
50.921
40.000
2007 2008 2009 2010
VALOR CAPTADO

Fonte: Sistema da Lei de Incentivo ao Esporte


LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE
¾ QUANTIDADE ACUMULADA DE UNIDADES DE
FEDERAÇÕES QUE APROVARAM E CAPTARAM 2007-2010
Qtd. UF’s

27 27

24 22 21
21 19
18
18
15
12
10
9 8
6
6
3
0
2007 2008 2009 2010

Qtd. Aprovados Qtd. Captados

Fonte: Sistema da Lei de Incentivo ao Esporte


LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

As empresas que podem utilizar o incentivo fiscal ao esporte


representam:
137.156 instituições.
4,6% do total de contribuintes de pessoas jurídicas.
70% do total arrecadado pela Receita Federal a título de imposto de
renda de pessoas jurídicas.

Pessoa Física - pode deduzir até 6% do imposto devido.


- Esse benefício concorre com outros incentivos fiscais.
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

¾ EVOLUÇÃO DA QUANTIDADE DE PATROCINADORES


2007-2010
12 00

1030
10 00
59,9%

8 00

6 00 644
54,5%

4 00
36 9

2 00

54
0
2007 2008 200 9 20 10

Fonte: Sistema da Lei de Incentivo ao Esporte


LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

QUEM PODE APRESENTAR PROJETOS?

Proponente: pessoa jurídica, de direito público ou privado, com fins


não econômicos e de natureza esportiva.

• Entidade de natureza esportiva: pessoa jurídica de direito público


ou privado, com fins não econômicos, cujo ato constitutivo disponha
expressamente sobre sua finalidade esportiva.
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

¾ EVOLUÇÃO DOS PROJETOS


APRESENTADOS, 2007-2010
1.800

1.600
1.692
1.441
1.400

1.200

1.000

800

600 666
635

400

200

0
2007 2008 2009 2010

Fonte: ME/SE/LIE/PRÉ ANÁLISE


LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

¾ PORCENTAGEM DOS PROJETOS


APRESENTADOS POR SITUAÇÃO, 2007-2010

64%

48,4%
Comissão Técnica
41%

32%

36%

51,6%
Rejeitado Sem Análise de
Mérito 59%

68%

0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80%

2007 2008 2009 2010

Fonte: ME/SE/LIE
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

Avaliação dos Projetos

I. Capacidade Técnica Operacional do


Proponente
II. Viabilidade Orçamentária
III. Correto enquadramento na Manifestação
Esportiva(metas claras e factíveis,
metodologia, grade de horários, locais de
execução, profissionais e etc.)
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

O QUE É UM PROJETO DESPORTIVO?


Considera-se projeto desportivo o conjunto de ações organizadas e
sistematizadas por entidades de natureza esportiva, destinado à
implementação, à prática, ao ensino, ao estudo, à pesquisa e ao
desenvolvimento do desporto, atendendo a pelo menos uma das
manifestações desportivas previstas no art. 4º (art. 3º, I do Decreto 6.180/07).
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

MANIFESTAÇÕES ESPORTIVAS
•EDUCACIONAL – ESPORTE E LAZER – ALTO RENDIMENTO –
INFRA-ESTRUTURA ESPORTIVA
• Desporto Educacional: cujo público beneficiário seja de alunos
regularmente matriculados em instituição de ensino de qualquer
sistema, nos termos dos artigos 16 e 20 da Lei 9.394, de 20 de
dezembro de 1996, evitando-se a seletividade e a hipercompetitividade
de seus praticantes, com a finalidade de alcançar o desenvolvimento
integral do indivíduo e sua formação para o exercício da cidadania e a
prática do lazer (art. 4º, I do Decreto 6.180/07).
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE
MANIFESTAÇÕES ESPORTIVAS
• Desporto de Participação: caracterizado pela prática voluntária,
compreendendo as modalidades desportivas com finalidade de contribuir
para a integração dos praticantes na plenitude da vida social, na promoção
da saúde e educação, e na preservação do meio ambiente (art. 4º, II do
Decreto 6.180/07).

• Desporto de Rendimento: praticado segundo as regras nacionais e


internacionais, com a finalidade de obter resultados, integrar pessoas e
comunidades do País, e estas com as de outras nações (art. 4º, III do
Decreto 6.180/07).
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

MANIFESTAÇÕES ESPORTIVAS

•Infra-Estrutura Esportiva: construção de quadras de esportes, ginásios,


piscinas, pistas de atletismo, estádios, etc. A escritura do terreno tem que
estar no nome da entidade desportiva.
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

O QUE NÃO PODE?


• Art. 5º do Decreto 6.180/07:

“É vedada a utilização dos recursos oriundos dos incentivos para o


pagamento de remuneração de atletas profissionais.
§ 1º Considera-se remuneração, para os efeitos deste Decreto, a definição
constante dos artigos 457 e 458 da Consolidação das Leis do Trabalho,
aprovada pelo Decreto-Lei 5.452, de 1º de maio de 1943.

§ 2º É vedada, ainda, o pagamento de quaisquer despesas relativas à


manutenção e organização de equipes desportivas ou paradesportivas
profissionais de alto rendimento, ou de competições profissionais, nos
termos do parágrafo único do art. 26 daquela Lei.”
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE
O QUE NÃO PODE?
• Art. 13 do Decreto 6.180/07:
“ É vedada a inclusão no projeto de despesas para aquisição de espaços
publicitários em qualquer meio de comunicação com os recursos de que
trata o art. 1º.”

Art. 24 do Decreto 6.180/07:


“É vedada a concessão de incentivo a projeto desportivo:
I – que venha a ser desenvolvido em circuito privado, assim considerado
aquele em que o público destinatário seja previamente definido, em razão
de vínculo comercial ou econômico com o patrocinador, doador ou
proponente; e
II – em que haja comprovada capacidade de atrair investimentos,
independentemente dos incentivos de que trata este Decreto.”
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

TRÂMITE DO PROJETO NO ME

ELABORAÇÃO DO
CADASTRAMENTO DO PROJETO
PROPONENTE (Formulários corretamente PROTOCOLO
(www.esporte.gov.br) preenchidos e documentação
mínima - art. 9º, Dec. 6.180/07)‫‏‬
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

TRÂMITE DO PROJETO NO ME

PRÉ - ANÁLISE DO
PROJETO
(Comissão Técnica)‫‏‬

APROVAÇÃO
TOTAL

Área Técnica
COMISSÃO
APROVAÇÃO
(Viabilidade Técnica PARCIAL
TÉCNICA
e Orçamentária)‫‏‬

INDEFERIMENTO
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE
¾ PORCENTAGEM DOS PROJETOS AVALIADOS
SEGUNDO À SUA SITUAÇÃO 2007-2010

100,0%
90,0% 86%

80,0% 77%
70%
70,0% 66%

60,0%
50,0%
40,0%
30,0% 23% 24%
19%
20,0% 14% 15%

10,0% 7%
0% 0%
0,0%
APROVADOS REJEITADOS DILIGÊNCIAS
2 007 2008 2009 2010

Fonte: ME/SE/LIE
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

Considerações Finais:
A. Tome cuidado com o tamanho do projeto, considere sempre
sua expectativa de captação. Lembre-se que você pode
apresentar até seis projetos por ano.
B. O recurso da lei de incentivo é um recurso público, sujeito a
todas as regras de acompanhamento e fiscalização de
recursos desta natureza. Tão importante quanto o resultado
esportivo é a boa gestão dos recursos.
C. Planejamento é fundamental. Não deixe para apresentar seu
projeto na última hora, aproveite os momentos de menor
“pico”.
D. A adequação do plano de trabalho ao valor captado tem que
ter início, meio e fim.
E. Só “marca gol que está em campo”. Apresente seu projeto, a
captação pode aparecer quando menos esperar.
LEI DE INCENTIVO AO ESPORTE

Obrigado a todos
www.esporte.gov.br
incentivo@esporte.gov.br

Related Interests