Lucro sustentável

Na ordem do dia, o Desenvolvimento Sustentável transforma o perfil das empresas e oferece ótimas oportunidades para interessados em contribuir para um mundo mais justo.

A sustentabilidade entrou definitivamente na agenda das empresas que atuam no País e já é percebida como fator essencial na relação delas com os diversos públicos de interesse". A afirmação consta na pesquisa "A cadeia da sustentabilidade - Uma pesquisa sobre visões e práticas de empresas brasileiras que impactam o futuro do planeta", realizada em abril pela consultoria empresarial Deloitte Touche Thomatsu, com 115 empresas que atuam no Brasil. Do total das organizações analisadas, 47% apontaram que sua atividade principal impacta diretamente o meio ambiente (53% são do setor industrial). No entanto, 78% das empresas pesquisadas adotam práticas de sustentabilidade, como a reciclagem de resíduos, sendo que 80% delas garantem separar os materiais gerados dentro da própria organização. Para o sócio-líder para a Indústria de Consumo, Varejo e Transporte da Deloitte, Altair Rossato, a pesquisa mostra que a crise econômica não causou impacto nas decisões de investimento das empresas em relação às suas ações sustentáveis, o que era temido quando a crise foi deflagrada em 2008. Pelo contrário, 19% das entrevistadas afirmaram que a crise teve um efeito positivo no investimento delas em sustentabilidade. "Esse resultado sinaliza que o consumidor está revendo a gama de produtos a serem comprados e, assim, a sustentabilidade passa a constituir um dos itens avaliados na escolha do produto", explica Rossato.

os possíveis impactos negativos em toda a sua cadeia produtiva. sejam eles ambientais ou sociais. empresa especializada em gestão corporativa. A constatação abre um precedente cada vez mais evidente no mundo dos negócios: está interessante investir na criação de empresas que ofereçam produtos ou serviços ecologicamente e socialmente corretos no mercado. ecologicamente corretos e o mercado limpo são novos nichos de mercado e apresentam franca ascensão no mundo. o desenvolvimento de negócios alinhados ao conceito de sustentabilidade derivam atualmente da consciência dos novos líderes que estão à frente dos empreendimentos. Janaína Nogueira Muller. responsabilidade socio-ambiental e gestão de organizações do Terceiro Setor. além. além de considerar os impactos das suas atividades na sociedade. visam a minimizar ou até neutralizar. Portanto.   O que é um negócio sustentável? De acordo com ela. de uma sociedade cada vez mais consciente com o meio ambiente". diz. Acredito que cada vez mais a sociedade irá precisar de alternativas não poluentes. No entanto. é claro. "Em minha opinião. . é muito interessante investir em negócios que atendam essas necessidades". um empreendimento pode ser considerado sustentável quando. de produtos certificados e ecologicamente corretos para cumprir a sua parte na construção de um mundo mais saudável e igualitário. afirma a diretora da Setor 3 Consultoria. a tendência é que cada vez mais as organizações otimizem suas cadeias produtivas com foco na redução de custos e no aumento dos impactos positivos de práticas sustentáveis. não existe uma fórmula ou um modelo que possa traduzir com precisão o que seja um negócio sustentável.Segundo ele. "Os negócios sustentáveis. sem sombra de dúvidas.

por exemplo. causando menos impactos sociais e ambientais nessa atividade. Na época. consumindo menos recursos e. mas têm como atividade fim produtos ou serviços derivados de processos limpos ou meios sustentáveis. explica a consultora."Os negócios sustentáveis. "São empresas que utilizam biodiesel na sua frota de veículos. temos certeza de que estamos contribuindo para o desenvolvimento sustentável do País" . informando de forma clara como e de que forma eles devem desenvolver suas atividades". Queiroga resolveu apostar em algo novo. acima de tudo. Ecowood . Ao lado de um amigo. Mas que é preciso estabelecer as diferenças entre negócios sustentáveis de produtos e empreendimentos sustentáveis. quanto para os clientes". pois. produzem mais. sem comprometer os recursos naturais. principalmente. "Acredito que uma empresa.FRANZ W.a madeira de plástico Em 2005. conta ele. como a sua empresa.     . PROPRIETÁRIO DA MS AMBIENTAL O primeiro está ligado a empresas que. ter uma postura transparente frente a todos os seus estakeholders. mas também quanto ao desenvolvimento de suas atividades com o mínimo impacto para as necessidades das futuras gerações. "Juntamos nossas frustrações e resolvemos partir para um empreendimento que. existem as chamadas empresas "verdes". diz Janaína. fosse motivo de orgulho tanto para nós. Um exemplo disso são empresas que já se especializaram no recolhimento de resíduos recicláveis para o beneficiamento em novos produtos de consumo. SILVA SOUZA. recolhem e reciclam produtos coletados no próprio estabelecimento e usam todo esse processo para transformar os resíduos em novos produtos para comercialização". "Posso dizer que os resultados são os melhores possíveis. esses novos líderes são profissionais que sabem que precisam apresentar resultados positivos não apenas em relação à rentabilidade de seus negócios. o empresário Marcelo Queiroga deixou de ser um empreendedor do mercado financeiro para se inscrever entre os empresários que desenvolvem negócios "verdes". brigavam por "migalhas no canto do prato". os balanços sociais e ambientais das empresas são instrumentos bastante úteis para demonstrar a todos os públicos as ações sustentáveis de uma empresa. precisa. De acordo com ela. cada vez mais ele via as altas somas em dinheiro disputadas nas bolsas de valores se concentrarem nas mãos de alguns poucos grupos financeiros de grande porte. enquanto as corretoras de ações menores. inscrevem-se neste segmento. antes de tudo. empresários. acima de tudo. o que me estimula cada vez mais a divulgar nosso trabalho. ecologicamente corretos e o mercado limpo são novos nichos de mercado e apresentam franca ascensão no mundo"JANAÍNA NOGUEIRA MULLER. para afirmar que desenvolve um negócio sustentável. Boa parte das montadoras de carros. Por outro lado. Ou seja. independentemente da sua atividade fim. que não apenas se comprometem com o desenvolvimento sustentável. DIRETORA DA SETOR 3 CONSULTORIA Para Janaína.

como pedaços de tapete. empresa carioca que fabrica mobílias com polímeros reciclados que imitam a madeira tradicional.  Surgia assim a Ecowood Rio. serragem. trapos de pano. feitas a partir de resíduos que normalmente não são usados pela reciclagem convencional. Um dos diferenciais mais interessantes do produto é que as tradicionais garrafas PET e os tubos de PVC não servem para o processo de produção. sisal e algodão. coco. como borras de café. "Utilizamos um 'mix' de plásticos que compõem em torno de 65% a 80% do . além de um mix de fibras naturais. fraldas descartáveis.

a madeira ecológica está atraindo também o interesse de arquitetos e empresas de engenharia interessados no seu uso para o mobiliário urbano e residencial. cercas. assim. a sustentabilidade passa a constituir um dos itens avaliados na escolha do produto" ALTAIR ROSSATO. em 2002. indústrias. e corante. queríamos transformar um passivo ambiental em ativo patrimonial. Se considerarmos o mercado de madeira para o uso na construção civil. Persistente. se for o caso. etc. piers.produto. como a borra de café. no entanto. usado para empilhar e transportar materiais com empilhadeiras) feitos com a madeira ecológica. pedaços de tapetes. fica difícil para as empresas avaliarem seu interesse por algo novo. mas consideramos que a demanda do nosso produto é enorme. "Nosso objetivo era propor a utilização dos resíduos do comprador para transformálos em madeira plástica. Tapetes Carlos. com parcerias com a Kimberly Clark. Esse era o nosso apelo mais forte. Ou seja. conta. Vale dizer que a Ecowood atende a Norma Internacional de Medida Fitosanitária nº 15 (NIMF-15). diz. Foi o maior sucesso! Cerca de 85% dos visitantes nos procuraram dizendo que estavam justamente buscando um destino correto para esses resíduos". entre outros produtos. os resíduos são moídos juntos ou separadamente". móveis de jardim. afirma. SÓCIOLÍDER DA DELOITTE TOUCHE THOMATSU No entanto. pallets industriais. já saindo de lado. cujo objetivo é impedir a disseminação de pragas florestais por meio de pallets e caixas de madeira usadas para o acondicionamento de produtos agrícolas e alimentícios. Queiroga afirma que ainda está longe de atingir seus objetivos enquanto empresário ecologicamente correto. todos os visitantes em que tal abordagem foi feita diziam. publicada pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação. Ao levar a Ecowood para uma feira de logística em 2006. Dependendo do processo. logística e outros. não ter resíduos". etc) que não a madeira convencional. e o empresário explica que não foi fácil emplacar a Ecowood. Atualmente. . explica Queiroga. fibras. a empresa voltou à mesma feira e mostrou na prática o que era o Ecowood. "Colocamos frascos com os insumos que utilizamos na própria confecção do nosso estande. Mais um diferencial que a madeira ecológica oferece. A NIMF-15 isenta as empresas cujas embalagens. suportes e material de acomodação de outros produtos sejam de outro material (plásticos. quiosques. "Ainda temos dificuldade para trabalhar com os resíduos. cuja diferença é complementada com as fibras. fraldas. Em meio a tantas novidades e promessas de que novos produtos são melhores e mais ecológicos do que os outros. papelões. Café Iguaçú e Vicunha Têxtil no fornecimento de resíduos e o beneficiamento em pallets e outros produtos. temos um mercado de bilhões de reais à nossa frente". "O consumidor está revendo a gama de produtos a serem comprados e.   Produtos ecológicos: a onda do momento Mas lançar produtos ecológicos no mercado não é garantia de negócio. seu objetivo era atrair clientes para a compra de pallets (estrado de madeira ou plástico. como decks. que seria beneficiada no formato dos pallets ou outros produtos. no ano seguinte.

. e cada vez surgem novas e diferentes formas de aproveitar as oportunidades que uma sociedade cada vez mais preocupada com o ambiente em que vive oferece. shoppings centers. preservando e recuperando o meio ambiente. atraiu o interesse de clientes de peso. como grandes redes de supermercados e atacadistas. Silva Souza esta oportunidade surgiu há sete anos. padarias. comemora. em palavras simples. um biorremediador de esgotos domésticos e efluentes industriais. em conjunto com a esposa. composto de microrganismos naturais produtores de enzimas capazes de digerir os dejetos. outros comércios pequenos e residências. quando um amigo lhe apresentou o Enzilimp. Nós adoramos isso". O que começou com a venda de alguns saquinhos do produto para açougues. está cada vez mais fácil trabalhar com produtos ambientalmente corretos. o produto faz a limpeza dos esgotos de casas e empresas. entrar no mercado de produtos sustentáveis significou uma escolha rentável e de grande orgulho.Para Queiroga. Para o microempresário Franz W. pois ele sabe que seu trabalho tende a se fortalecer cada vez mais com as práticas sustentáveis assumidas pelas empresas e pela sociedade. porque todas as empresas estão buscando soluções ou vínculos com outras empresas com o objetivo de atender suas necessidades comerciais ou de imagem. Souza viu no Enzilimp uma maneira de ganhar dinheiro contribuindo para a melhoria do meio ambiente e. devolvendo a água usada por elas com qualidade de reuso à rede de tratamento. "Hoje. Produzido e distribuído por uma empresa gaúcha de mesmo nome.   Bem maior Há diversas maneiras de atuar no mercado de maneira sustentável. criou a MS Ambiental para representar o produto no Estado de São Paulo.

DQO (Demanda Química de Oxigênio).800 DBO. reduzimos consideravelmente a poluição causada pelo chorume do lixo naquela cidade". conta Souza. para 900 DBO em apenas cinco dias. pode significar a extinção dessa empresa no futuro" OTÁVIO LOBÃO DE MENDONÇA VIANNA. natural. auxiliando de forma efetiva as companhias de saneamento básico na preservação e proteção ambiental. ou seja. "Chegamos a tratar os efluentes de um município que estava com um índice médio de 1.indústrias alimentícias e até órgãos públicos. como a coleta de lixo. por exemplo. garante Souza. a MS Ambiental conta com uma equipe 11 funcionários. Atualmente. o produto reduz consideravelmente os índices de Ph. DBO (Demanda Biológica de Oxigênio). CHEFE DO DEPARTAMENTO DE OPERAÇÕES DE MEIO AMBIENTE DO BNDES De acordo com o empresário. O produto é biológico. com resultados excelentes. ecologicamente correto e não tem nenhuma substância patogênica proibida pela legislação brasileira". com uma tecnologia de ponta. interessados em reduzir a quantidade de poluentes que seus serviços. "Investir em negócios com alta emissão de carbono hoje. capaz de transformar a matéria orgânica em água e sais minerais. entre consultores estagiários da área de gestão e engenharia ambiental e profissionais de vendas que também oferecem suporte aos clientes no pós-venda. mandam diariamente para os esgotos. O Enzilimp possui regstro no Ministério da Saúde (ANVISA) e no IBAMA. "Nossa empresa se dedica a restabelecer as condições da água pela própria natureza. Sólidos Totais e Sólidos em Suspensão da água. .

acima de tudo. numa época em que ainda começava a se falar sobre preservação do meio ambiente.Para Souza. temos certeza de que estamos contribuindo para o desenvolvimento sustentável do País". o que me estimula cada vez mais a divulgar nosso trabalho. a empresa já surgiu com excelentes expectativas. pois. afirma. "Hoje. posso dizer que os resultados são os melhores possíveis.     Fonte: Carreira & Negócios      .