You are on page 1of 1

Jornal Notícias

11­03­2011

Periodicidade: Diário Classe: Âmbito: Tiragem: Informação Geral Nacional 150515

Temática: Dimensão: Imagem: Página (s):

Sociedade 256 S/Cor 11

José Ribeiro e Castro Luto nacional
coo uma de i anstituição Bruxelas
Ontem10 de Março o overnoa patente da UE peração em assinoupara G reforçada Por aí será imposto um regime privile a manobra contra nós Acredite ou não o presidente da

língua portuguesa é desprezada nada de tiques medie
vais A lusofonia é afectada ora ora

Comissão Europeia é português mesmo quando não pra
ricante Acredite ou não Sócrates e o seu Governo repre sentam Portugal Acredite ou não os eurodeputados do PS e PSD subscreveram a golpada E acredite ou não as bancadas do PS e PSD dois terços da representação par lamentar nacional na Assembleia da República verga ram se ao achincalhamento da lei e a favor de um regime iníquo para Portugal

giado para apenas três línguas inglês francês e alemão E com isso traiçoei
ramente o Governo mete uma série de

Porque Deus não dorme o Tribunal de Justiça decidiu na terça feira que o acordo projectado que cria um sis tema unificado de resolução de litígios em matéria de pa tentes actualmente designado por Tribunal de Patentes Europeias e Comunitárias não é compatível com as dis

golos na própria baliza de Portugal nos campeonatos europeus da competitividade do multilin guismo e da paridade concorrencial
Seria difícil ser se mais desastrado atentar tanto con

posições do TUE e do TFUE Boa notícia E um grande

tiro que confirma a ilegitimidade desta trapalhada É uma
grande esperança para os que continuam a lutar
Se houvesse decência o Conselho pararia para pen sar Interromperia a galopada golpista lançada em De
zembro E o Governo se tivesse um mínimo de decoro

tra os interesses estratégicos do país A patente da União Europeia é diga se uma boa ideia Mas o teimoso egoís mo de alguns sobretudo alemães e franceses e a fraque za de outros como os representantes portugueses trans formam na num pesadelo Este passo atenta contra princípios fundamentais euro peus do multilinguismo do mercado interno do estado de Direito da coesão da igualdade entre estados mem bros E é deplorável que quem representa Portugal fugis
se sistematicamente ao debate renunciasse a defender

Custa perder o fundamental Custa mais serem nos sos a fazer nos perder História miserável esta O Tratado de Lisboa garantia unanimidade Portugal jogou fora o ás de trunfo A cooperação reforçada é gol pada ilegítima Portugal está nessa Os princípios do
mercado interno são feridos Portugal faz de conta A UE ficará mais franco alemã centralizada connosco ain

os direitos e interesses nacionais e enveredasse por apoiar

da mais periféricos e menos competitivos Governo PS e PSD não se importam Isto causa desemprego qualifi cado em Portugal algumas falências perdas de milhões na exportação anual de serviços querem lá saber A Constituição é violada riem se O direito comunitário é pisado manda quem pode temos de ser realistas A

e noção do ridículo ter se ia apeado da manobra jun tando se a Espanha e Itália e trazendo outros consigo Foi tristíssimo ontem ver Espanha e Itália a baterem se bravamente e o governante português balbuciar meia dúzia de banalidades em 40 segundos não usar uma só palavra para defender a nossa língua a nossa economia e a nossa igualdade e entregar nos assim ao império de outros Não foi só dia de luto Foi pior de vergonha