You are on page 1of 2

EXERCÍCIO DE PROGRAMAÇÃO NÃO LINEAR

Fonte: http://www.cesec.ufpr.br/etools/oe3/applets/barragem/teoria.html

O cálculo da força de pressão ou empuxo que os fluidos em repouso exercem sobre as superfícies
sólidas que os limitam, é efetuado com base nos princípios da hidrostática e encontra aplicação em
inúmeros problemas de engenharia, como nos projetos de barragens, comportas, reservatórios, etc.
No caso das Barragens, as forças atuantes são: empuxos horizontais - exercidos pelo nível de água de
montante e jusante, empuxos verticais - exercidos pela subpressão de água, sobrepressão de água a
montante e jusante e peso próprio da estrutura, e empuxos quaisquer exercidos por esforços
externos.
Segue abaixo um exemplo de diagrama de esforços e da geometria adotada em barragens por
gravidade:

Figura 01 – Diagrama da geometria da barragem por gravidade.
Calcula-se a estabilidade da Barragem principalmente aos esforços de Escorregamento, Tombamento,
Pressões na base e Cisalhamento. Mas deve-se verificar a estrutura também ao empuxo de
sedimentos, sismos, gelo, ondas, etc.
A estabilidade quanto ao tombamento considera o somatório de todos os momentos atuantes em
relação ao pé da barragem, adotando um coeficiente de segurança próximo a 2, isto é:

∑M R
≥2
∑M T

onde M R e M T são respectivamente os momentos resistente e tombador.
Em relação ao escorregamento, calcula-se a força de atrito entre a barragem e o solo base e analisa-
se em relação ao somatório das forças horizontais, adotando-se um coeficiente de segurança em
geral, próximo a 1,5, isto é:
FAT
≥ 1,5
∑ FH

Discuta as unicidade da solução para o modelo proposto. τ solo ≥ τ max onde τ solo e τ max FH são respectivamente a tensão máxima admissível do solo e a tensão máxima aplicada no solo. altura da lâmina da água à montante: 50 metros 2. 2. 3. densidade do concreto: 2400 kg/m3 5. Proponha o modelo matemático para otimização da barragem maciça. . analisa-se a resultante de todas as forças que agem sobre a estrutura em relação ao seu núcleo central de inércia. ainda. 4.80 6. e calcula-se as tensões máximas que a Barragem exerce sobre o solo base. tensão máxima admissível do solo (rocha): 100 kgf/cm2 Pede-se: 1. Para o cálculo das pressões na base.onde FAT e FH são respectivamente a força de atrito e as forças horizontais. Discuta alternativas para redução dos custos deste projeto. Resolva o modelo proposto e apresente a solução. Considere. densidade da água: 1000 kg/m3 4. Compara-se então estas tensões com as tensões admissíveis deste solo. altura da lâmina da água à jusante: 10 metros 3. conhecidos os seguintes dados: 1. coeficiente de atrito entre rocha e concreto (base): 0. considerando a forma geométrica apresentada na figura 01.