SAP Suprimentos em Administração de Materiais - MM

Objetivos:
Adquirir conhecimentos sobre o módulo de Administração de Materiais do SAP - MM Utilizar e compreender a integração e estrutura módulo SAP-MM Executar os procedimentos principais necessários para a criação de pedidos, contratos, mestre de fornecedores, etc.

SAP Suprimentos em Administração de Materiais - MM

Tópicos
 Parte

1 – Mestre de Fornecedores e Serviços  Parte 2 – Reservas, Requisições, Cotação, Contrato, Pedidos, InfoRecord  Parte 3 – MRP, Entrada de Mercadorias e Entrada Fiscal

Parte 1 Mestre de Fornecedores e Serviços

Mestre de Fornecedores e Serviços

Módulo MM
pág. 5

O Gerenciamento de Materiais (MM) é o módulo responsável pelo controle das fases envolvidas na administração de suprimentos e estoques:  Planejamento e Controle de Materiais; Compras; Administração de Estoques; Administração de Serviços; Revisão de Faturas.

 Avaliar o fornecedor e o controle de estoque. 6 Objetivos do módulo MM:  Acompanhar todo o processo de materiais e serviços.  Gerar dados para a Contabilidade e Escrituração Fiscal – Livros Fiscais relacionados à compra e devolução ao fornecedor.Introdução pág. .

6 .Estrutura Organizacional sob a visão do módulo de MM pág.

Centro de Custo. Ordem de Venda. . como por exemplo. 6 Haverá integração nos casos em que a compra de materiais ou serviços for destinada a um Objeto Contábil. etc. Ordem de Produção.Integração pág.

além da geração do lançamento do Contas a Pagar do Fornecedor. . 7 Os componentes MM e FI serão integrados.Integração pág. para a conta de estoque de material ou conta de consumo. por meio dos lançamentos contábeis.

7 Dentro da estrutura de planejamento e controle de materiais.Integração pág. uma necessidade da área de Vendas pode ser repassada para Compras. . uma Requisição de Compra pode ser diretamente atribuída a uma ordem do cliente ao ser criada. Além disso.

.Integração pág. 7 Componente responsável por analisar a qualidade das mercadorias compradas e produzidas internamente e pela decisão de utilização das mesmas.

7 Componente responsável pela execução do planejamento dos materiais necessários no processo produtivo e pelo processo de produção do mesmo. .Integração pág.

7 .Processos em Administração de Materiais pág.

7 Uma necessidade é detectada pelo MRP (Material Requirements Planning ou Planejamento da Necessidade de Materiais) ou pelo usuário.Processos em Administração de Materiais pág. . que gera uma Requisição de Compra.

existe a possibilidade de gerar um processo de solicitação de cotação aos fornecedores cadastrados e enviá-la eletronicamente. Se nenhuma fonte de suprimento for identificada.Processos em Administração de Materiais pág. por meio do sistema EDI. 7 A área de compras ajuda a identificar as fontes de suprimento (Fornecedores) baseadas em pedidos anteriores. contratos. fax ou email. listas de opções de fornecimento ou ainda uma quota por fornecedor. .

Processos em Administração de Materiais pág. Cartas de recusa podem ser enviadas automaticamente para os fornecedores não selecionados. 8 O sistema é capaz de efetuar comparações de preços entre várias cotações. .

Nesta fase. pode-se determinar quais impostos incidirão sobre esta compra. 8 A área de compras pode criar o Pedido de Compras de forma manual ou automática (utilizando as informações de requisição de compras ou da cotação do sistema).Processos em Administração de Materiais pág. . por meio da utilização do código IVA (imposto sobre Valor Agregado).

. O sistema fornece o status atualizado de todas as Requisições de Compra. 8 Os compradores ou supervidores de compra podem monitorar o status de processamento do pedido on-line a qualquer hora e pode determinar se mercadorias ou uma fatura foram recebidas para o item relacionado ao pedido. cotações e pedidos.Processos em Administração de Materiais pág.

debita o estoque ou conta de consumo e credita conta transitória EM/EF de acordo com o valor negociado no Pedido. . será de acordo com o custo fixo do seu cadastro. 8 Nesta fase. fazendo consistência em relação à quantidade solicitada no Pedido de Compras e efetua a primeira parte da contabilização do processo. o sistema registra a quantidade recebida da mercadoria. Geralmente. Se o material for controlado a custo fixo.Processos em Administração de Materiais pág.

Neste processo. o Livro Fiscal é gerado. . caso a Nota Fiscal do fornecedor tenha impostos relevantes para a escrituração. acelerando o processo de auditoria e compensação de faturas para pagamento. O encarregado pelas faturas é notificado dos desvios de quantidade e preço. uma vez que o sistema tem acesso aos pedidos e dados da entrada de mercadorias.Processos em Administração de Materiais pág. 8 O sistema faz a consistência dos preços e do conteúdo das faturas do fornecedor comparando com os dados negociados no Pedido de Compras.

. 8 A contabilidade financeira cuida do processamento dos pagamentos.Processos em Administração de Materiais pág.

9 .Processos no SAP R/3 pág.

9-10 Formas de Suprimento  Pedidos únicos.Suprimento para depósito versus suprimento para consumo direto pág.  Programas de remessa de longo prazo e solicitações de remessas.  Contratos de longo prazo com a conseqüente emissão de solicitações sobre contrato. .

11  Mestre de Materiais. .Dados Mestre de MM pág.  Mestre de Serviços.  Mestre de Fornecedores.

11  Registro Mestre de Materiais Consulte material na Intranet (Intranet>Informática->Gerencial->Manuais de Sistema-> SAP-Dados Mestre de Materiais). .Dados Mestre de Materiais pág.

Dados Mestre de Serviços pág. 11 .

Dados Mestre de Serviços pág. 11 .

Dados Mestre de Serviços pág. 11 .

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

Dados Mestre de Serviços pág. 11 .

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

Dados Mestre de Serviços pág. 11 .

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

Dados Mestre de Serviços pág. 11 .

11 .Dados Mestre de Serviços pág.

12  Registro Mestre de Fornecedor .Dados Mestre de Fornecedores pág.

12  Exibir o Fornecedor .Dados Mestre de Fornecedores pág.

12  Exibir o Fornecedor .Dados Mestre de Fornecedores pág.

Dados Mestre de Fornecedores pág. 12  Exibir o Fornecedor .

12  Exibir o Fornecedor .Dados Mestre de Fornecedores pág.

12  Bloqueio para pagamentos .Dados Mestre de Fornecedores pág.

12  Funções do Parceiro .Dados Mestre de Fornecedores pág.

Como Fazer ? pag.18 ?? ? .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful