You are on page 1of 33

GESTÃO DE

MANUTENÇÃO

 Construção de um aquário
e sua manutenção

ELÁDIO MANUEL COITO SILVA
EPI, 3º ANO, Nº 20080817
MARINHA GRANDE, 24 de Fevereiro de 2011

CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO

ÍNDICE

1. INTRODUÇÃO ........................................................................................... 4

2. AQUÁRIOS ................................................................................................. 5

3. FABRICAÇÃO............................................................................................. 6

3.1. Fase I................................................................................................................... 7

3.2. Fase II ................................................................................................................ 7

4. TIPOS ......................................................................................................... 14

5. ACESSÓRIOS........................................................................................... 17

5.1. Filtragem ......................................................................................................... 17

5.2. Iluminação...................................................................................................... 20

5.3. Climatização................................................................................................... 21

6. POPULAÇÃO ............................................................................................ 21

6.1. Solo..................................................................................................................... 21

6.2. Água ................................................................................................................... 22

6.3. Decoração ....................................................................................................... 23

6.4. Plantas .............................................................................................................. 23

6.5. Animais............................................................................................................. 24

7. MANUTENÇÃO ........................................................................................ 25

7.1. Instalação e manutenção quotidiana ............................................... 25

7.2. Manutenção do ph ...................................................................................... 26

7.3. Renovação da água .................................................................................... 26

7.4. Limpeza dos filtros mecânicos ............................................................. 27

7.5. Limpeza das paredes ................................................................................. 27

7.6. Limpeza de fundo ........................................................................................ 27

7.7. Alimentação ................................................................................................... 28

Eládio Silva Página 2

CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO

7.8. Ecologia ............................................................................................................ 29

8. CHECKLIST PARA MANUTENÇÃO.................................................. 30

9. DIAGRAMA DE GANTT ........................................................................ 31

10. CONCLUSÃO ............................................................................................ 32

11. BIBLIOGRAFIA ...................................................................................... 33

Eládio Silva Página 3

ou até a outra (30 dias depois. pois existem muitos tipos de peixes também. pode sempre mandar fazer. vamos à loja onde o compramos. Geralmente. acrílico. INTRODUÇÃO Hoje em dia existem aquários para todos os gostos e se não encontra o que quer. de preferência). Neste trabalho vou explicar tudo sobre aquários. ver que tipos de peixes vamos querer. quando nós montamos um aquário. rectangulares ou redondos. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 1. à sua experiência e ao seu gosto. o importante é escolher um aquário que se adeque aos peixes. Mas antes disso. de vidro. Eládio Silva Página 4 . Seja com móvel incorporado. devíamos decidir que tipo de aquário iremos montar. Existem muitos tipos de aquários.

Figura 1. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 2. invertebrados. para manter os animais vivos. composta por paredes de vidro coladas com silicone neutro. foi largamente superado. é dotado dos componentes mecânicos que tornam possível a recriação de ambientes subaquáticos de água doce. geralmente vidro ou acrílico. Aquário Eládio Silva Página 5 . neste caso. por não possuírem nenhum sistema técnico de depuração. AQUÁRIOS Um aquário é um recipiente capaz de conter água. como peixes. Além disso. plantas etc. O antigo conceito de aquário. como sendo uma simples bola de vidro com uma abertura circular em cima e fundo plano. controladas e. As condições ambientais não eram. na qual se mantinham peixinhos coloridos em água. a água tinha de ser trocada em períodos regulares por água limpa e sem cloro. do mar ou salobra e a manutenção de formas de vida correspondentes a estes ambientes. Os aquários mais básicos são de planta rectangular. possuindo pelo menos uma das suas paredes feita de algum material transparente.

são mais leves e resistentes. para que não se note a coloração e não haja desenvolvimento de algas que. mas. Este silicone deve ser do tipo acético. Peças de um Aquário Eládio Silva Página 6 . Ainda que existam aquários cuja estrutura é de poliéster. a maioria dos aquários de vidro eram acoplados com metal. Nas últimas décadas têm sido muito explorados materiais plásticos. sem aditivos. de concreto ou outros materiais. são unidos simplesmente com silicone. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 3. mas ficam amarelos com o tempo. por isso. hoje. os mais comuns são de vidro. muito recomendados. preferencialmente. e. vão aparecendo. com o tempo. Até à década de 1970. de vidro ou plástico (geralmente. não sendo. Mas existe um silicone próprio para aquários. como o acrílico. Figura 2. de cor preta. que não causará toxicidade em sua fauna. acrílico). Estes. FABRICAÇÃO Os aquários possuem pelo menos uma parede transparente.

Fase II Construção do aquário Aqui vou usar fotos de um aquário que construí ao meu irmão.2. O método que uso na construção dos aquários que faço. Eládio Silva Página 7 . CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 3. mas todo o processo foi semelhante à construção do meu. porque o vidro foi arranjado de borla e eram o tamanho das placas. e as fotos estão mais detalhadas. O meu aquário ficou com as dimensões de 133 x 51.e um esboço 3D. em vidro de 8mm. consiste num vidro de fundo que deve ficar por dentro de todos os outros vidros.1. foi feito com estas medidas. Fase I Escolha do local na sala .5 (cm). para ver como a coisa iria ficar: 3.5 x 51. além de que torna a colagem do fundo mais resistente. esteticamente acho que é como fica melhor e facilita o trabalho.

e passamos à colagem dos vidros laterais. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Primeiro colamos a fita para que o silicone depois de aplicado fique certo. Colocamos o vidro do fundo em cima de uma mesa protegida com papel. aplicando um fio certo de silicone cobrindo toda a aresta: Eládio Silva Página 8 .

De seguida passamos para os travamentos franceses: Eládio Silva Página 9 . senão usamos garrafões de água cheios para segurar os vidros laterais. o mesmo processo utilizasse para o vidro traseiro. enquanto vamos colar o frontal e o traseiro. seguindo o mesmo processo. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Se tivermos alguém a ajudar. Aplicamos o silicone em U nas arestas do vidro de fundo e laterais e aplicamos o vidro da frente. segura-nos os vidros laterais.

enquanto o de trás. Os travamentos franceses devem acompanhar pelo menos 70% da longitude total do aquário. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO O travamento da frente apanha todo o comprimento. fica mais curto dez centímetros de cada lado para passagem de tubagens e acessórios. Eládio Silva Página 10 .

sempre colocando fita. para que o trabalho fique perfeito: Eládio Silva Página 11 . CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Deixamos 24 horas a secar e passamos aos travamentos transversais - dividimos o aquário em 4 partes a contar dos topos e é esse aproximadamente o ponto onde vamos colar os transversais.

Eládio Silva Página 12 . CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO E finalmente o meu aquário depois de pronto: Depois de decorado e equipado. temos que o encher. Não esquecer que temos que fazer várias mudas de água até esta estar em condições de utilização.

O aspecto passados uns meses. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Depois de montado e já sem estar turvo. e ao vivo ainda é mais natural do que nas fotos. Eládio Silva Página 13 . quando as algas começarem a avançar. o ideal é uma base clara depois a "natureza" faz o resto de uma forma natural. não vamos notar a diferença entre o natural e o artificial. Aqui se repararem. as algas deram o aspecto natural. vamos colocar os peixes. é importante conciliar o aspecto do nosso fundo. com as rochas naturais que vamos colocar.

a aquariofilia distingue vários tipos de aquários segundo a finalidade: Aquário comunitário . Diferencia-se do aquário de criação onde não há fins de selecção por raça ou comerciais. os aquários se dividem em: Aquários de água doce . TIPOS De maneira geral. Obviamente agrupam-se tendo em conta que as características ambientais que precisam sendo as mesmas.18%) Aquários de água salobra . mais detalhadamente.simulam um ambiente lacustre ou fluvial.5% .5%) Mas. (concentração de sais < 0. e segundo a concentração de sais minerais na água.5%) Aquários de água salgada . Eládio Silva Página 14 .são aquários destinados à criação de uma determinada espécie de peixe.5% . (concentração de sais <0. independente de seu lugar de origem.onde vivem peixes e plantas de diversas espécies. Aquário de espécie individual ou específico . (concentração de sais 0. adequado ao peixe. Este aquário requer um ambiente muito específico. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 4.simulam os ambientes intermediários quanto à salinidade.simulam um ambiente marinho ou oceânico. por exemplo lagunas e estuários.

trata-se também de um aquário plantado. Este estilo foi fortemente impulsionado por Takashi Amano nos inícios dos anos 90. frequentemente. formas e texturas.suas condições ambientais tratam de facilitar a reprodução de uma ou várias espécies de peixe. Aquário holandês .destinado à criação de uma só espécie de peixe por motivos de selecção de raça ou com fins comerciais. Aquário natura . Eládio Silva Página 15 . Aquário de criação . Caracteriza- se pelo cultivo de plantas aquáticas segundo conceitos estéticos ocidentais. relacionando-se com representações simbólicas de aspectos da natureza e procurando um equilíbrio orgânico entre os vários elementos. já que as plantas são o principal atractivo. que tem origens nos anos 70. seguindo a estética japonesa. procurando simetrias e geometrias de cores. com o fim de recriar um determinado ambiente. não tendo.é um tipo especial de aquário. Aquário de reprodução . CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Aquário de biótopo . cobrindo quase todo o aquário.onde estão reunidos peixes e plantas que pertencem a um mesmo habitat. presença de peixes.

Exemplo de tabelas Figura 4. Figura 3. uma resistência eléctrica impede que a temperatura seja menor que 15 ºC. podemos distinguir dois tipos de aquários: No aquário de água fria a temperatura oscila entre 18 ºC e 22 ºC. graças ao uso de resistências eléctricas e de um regulador. sobretudo. aproximadamente. aproximadamente. É utilizado. atendendo à temperatura da água. A água é aquecida por um sistema de termo regulação. A temperatura deve estar entre 23 ºC e 28 ºC. Termóstato e termómetros Eládio Silva Página 16 . Durante os meses de inverno. o termóstato. Para saber que tipo de termóstato deve comprar tem que consultar as tabelas dos fabricantes. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Por último. Num aquário tropical a concentração de sais na água é indiferente. podendo esta ser tanto doce como salgada ou salobra. para espécies de peixes exóticos resistentes.

Para fazer isso. Por isso todo aquário deve ser equipado correctamente. ACESSÓRIOS É possível conservar peixes vivos por um certo tempo num pouco de água sem qualquer ajuda tecnológica. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 5. para que se liberte de impurezas e esteja biologicamente depurada. que força a movimentação da água através de elementos filtrantes. A filtragem se divide em diversas etapas: Filtragem biológica. é utilizada uma bomba de água. Eládio Silva Página 17 .1. mas as condições de vida dos peixes serão muito más. Filtragem É vital que a água do aquário circule. realizada por bactérias aeróbias que convertem a amônia produzida pelos peixes em nitritos e estes em nitratos. 5.

fungos e protozoários. mantas ou outros elementos filtrantes que retém partículas sólidas da água. Pode ser usada para remover também compostos nitrogenados como a amônia. (2) Filtração mecânica. que têm como objectivo de remover substâncias tóxicas da água como o cloro. eliminando certos microrganismos indesejáveis como algumas algas microscópicas. realizada por esponjas. os nitritos e os nitratos. que tem como objectivo esterilizar a água. A mistura da água tem também uma função originadora e permite recriar certos meios ambientes agitados. Filtragem química. realizada por carvão activado ou resinas específicas. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Filtragem mecânica. (5) Saída para o reservatório. Filtração com lâmpada de ultra-violeta. (4) Meio de filtração biológica. (3) Filtração de carbono activo. os metais pesados entre outros. Sistema de filtração num aquário típico: (1) Entrada. Eládio Silva Página 18 .

Placas 50 a 100 Hora (obrigatório) Placas. Areia 300 1200 Litros Hora (obrigatório) > 300 gl ou 1134 litros Hora Fluval. Areia. Fluval Externo 200 800 Litros Hora (obrigatório) Até 300 gl ou 1134 litros Hora Fluval. Fluval 400 a 800 Litros Até 150 gl ou 567 litros Hora 100 a 200 Interno Hora (obrigatório) Até 200 gl ou 756 litros Hora Areia. Externo >300 (obrigatório) Eládio Silva Página 19 . Areia. Portanto num aquário de 100 litros teremos que ter um filtro com um caudal no mínimo de 400 litros/hora. mas temos que ter em conta a sua capacidade de filtrar a água. Tipo de Filtros Bombas para Litros Tipos de Filtro Mecânicos Externo Biológicos Placas Filtro de Espuma 10 a 50 90 Litros Hora Opcional de 50 gl 200 a 400 Litros Até 100 gl ou 378 litros Hora Espuma. Esta tem que no mínimo ser 4 vezes maior que os litros do aquário. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO Existe no mercado vários tipos de filtros que fazem a maior parte destas filtragens.

000k). Por essas razões. tanto em qualidade quanto em quantidade. Para aquários plantados há diversas discussões sobre o melhor tipo de iluminação.2.400k) com lâmpadas para horticultura (18. mas não o único. Iluminação A fim de se observarem bem os peixes. mas isto comporta numerosos inconvenientes:  Promove o desenvolvimento de algas filamentosas pela falta de controlo da intensidade da luz. para a manutenção de plantas. Eládio Silva Página 20 . um aquário deve ser iluminado correctamente. Deve haver um equilíbrio entre iluminação.5 watts/litro. já um aquário designado para manter plantas com menos exigência luminosa podem ter no mínimo 0. mas basicamente o melhor é o que faça a conjunção de lâmpadas de cor branca (6.  Os peixes terão as cores mais fracas etc. habitualmente reguladas por um relógio que as faz funcionar de 10 a 12 horas por dia. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 5. Lembrando se de que a iluminação é um dos factores. substrato fértil. um aquário bem iluminado deve ter 1 watt/litro. Um cálculo básico para a manutenção de plantas com alta exigência luminosa em num aquário são os watts/litro. fertilização líquida e injecção de CO2 ou outras fontes de carbono. O método aparentemente mais simples é a utilização da luz do dia. deve-se iluminar o aquário por meio de lâmpadas. de lhes dar um ritmo de vida diário e de assegurar a fotossíntese das plantas. O melhor método é utilizar lâmpadas fluorescentes hortícolas ou outras lâmpadas especiais adaptadas às necessidades das plantas.

No caso de peixes de água fria. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 5. POPULAÇÃO 6. é preciso utilizar um sistema de refrigeração. é preciso utilizar sistemas de climatização compostos por uma resistência eléctrica e um termóstato. Em caso de água doce (com a excepção de peixes que necessitem essas características da água. assim como de pedras pintadas. 6.3. que permite estabilizar as características da água em valores adequados para esse sistema. Alguns centímetros são suficientes para permitir a fixação das plantas. que convém aos peixes exóticos. Convém prescindir de areias artificiais. o procedimento é inverso. Climatização Para manter uma temperatura tropical. como húmus de minhoca. desde que previamente tratados. No caso de um aquário no qual o objectivo é manter muitas plantas é preferível utilizar um solo fertilizado. por exemplo. Eládio Silva Página 21 . Solo O solo do aquário deve ser coberto de cascalho fino. diversos tipos de terras. deve- se evitar as substâncias calcárias. como. enquanto no aquário de água do mar deve-se adoptar a areia coralina. Há as opções industrializadas e também soluções caseiras.1. os peixes dos lagos africanos).

de preferência combinado com água correctamente depurada. geralmente. É igualmente possível liberar o cloro deixando repousar a água num recipiente aberto por alguns dias antes de sua utilização. Os peixes de águas duras (lago Malawi. Os peixes de água do mar necessitam de um suplemento de sal.2. No caso de uma água de torneira clorada ou que contenha metais pesados. Os peixes de água muito doce (bacia do rio Amazonas. por exemplo por osmose. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 6. Eládio Silva Página 22 . existem no mercado produtos neutralizantes que podem melhorar sua qualidade. Pode-se abrandar a água através de um filtro de osmose inversa. desde que seja adaptada às necessidades dos organismos que a habitarão. Água A água pode ser da torneira. de água branda (com um conteúdo muito escasso de sólidos dissolvidos) e ácida. por exemplo) requerem uma adição de sais especiais. enquanto para acidificá-la são empregados diversos produtos químicos ou é colocada uma pequena quantidade de turfa no sistema de filtração. por exemplo) necessitam. como pedras calcárias.

Certas espécies gostam de se esconder ou utilizam seu meio para pôr e proteger seus ovos.4. de antemão bem limpos). Decoração Todos os tipos de decoração são possíveis. para eliminar os hospedeiros prejudiciais. Os materiais naturais ou de aparência natural. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 6. facilmente encontrada no mercado especializado. É conveniente. uma planta muito encontrada é a Caulerpa. Nos aquários de água doce. o excesso de plantas impede a reciclagem dos desperdícios nitrogenados. então. deve-se submergir uns minutos em uma solução desinfectante. permanganato de potássio. O vidro traseiro do aquário pode ser mascarado por uma decoração de um poster que represente o ambiente do aquário. como cortiça e raízes de turfeira. por exemplo. como. para que liberem o tanino que poderia turvar a água. Plantas Antes de introduzir as plantas no aquário. pode ser conveniente fervê-las antes de colocá-las na água. fazer pequenos esconderijos com pedras (pode-se utilizar também a metade de um coco ou um vaso de flores.3. 6. Em relação às raízes de turfeira. a fim de aumentar o efeito de profundidade. como caracóis. são preferíveis para este efeito. Já para os de água do mar. Eládio Silva Página 23 .

De referir que estes peixes apesar de viverem de restos ou algas. Nos de água do mar podem-se ver ouriços-do-mar. anémonas. Para limpar as algas e ou vidros. que convêm serem todas da mesma subespécie. talvez o melhor seja optar pelos Ancistrus que normalmente ficam pequenos. Contudo. no caso dos plecos temos também os que crescem até dimensões enormes tendo que acabar por ser devolvidos á loja. quanto mais não quer dizer haja assim maior probabilidade de reprodução. Nos de água doce são comuns os gastrópodes e outros moluscos. Corydoras Eládio Silva Página 24 . Figura 5. corais. sujam mais do que limpam e por muita boa vontade que tenham também se atiram às plantas aqui e acolá. a superpopulação do aquário deve ser um factor sob constante observação. esponjas e muitos outros. Animais Além dos peixes. Como infelizmente aqui em Portugal estes peixes são relativamente difíceis de encontrar. Assim recomenda-se Otocinclus. os aquários podem comportar alguns invertebrados. recomendo tudo menos que seja um Pleco ou um Ancistrus. necessitam de quando em vez de alimento normal como qualquer peixe. Sae's ou até mesmo Camarões de água doce. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 6. A limpeza do fundo do aquário deve ser assegurada por as Corydoras.5. espirógrafos.

Limpeza do solo . O processo é feito. basicamente. por sifão. Limpezas das plantas . Instalação e manutenção quotidiana Um aquário correctamente instalado e povoado requer pouca manutenção. não tem nada de problemático para a sua execução. adubo orgânico. o aquário terá uma água sem qualidade. MANUTENÇÃO A manutenção do aquário é muito importante. excesso de detritos. normalmente o equivalente a 1/3 do todo a cada duas semanas. falta de oxigénio. basta seguir certas regras básicas. água turva.uma troca regular de uma parte da água. congelados ou vivos.as plantas com algas devem ser limpas à mão. Limpeza das paredes . o que permite eliminar os desperdícios orgânicos.uma esponja é capaz de devolver a transparência original do vidro. aparecimento de doenças e por consequência a morte de seus habitantes. pois sem ela. pela mesma operação. Alimentação dos peixes .é possível. geralmente. Adubar as plantas . transportando as pedras ou areia para outro recipiente. capricho e certos cuidados.usa-se.à base de alimentos frescos. aspirando a água próxima ao solo. onde serão extraídas as impurezas através de água corrente. um exemplo é o uso de paramécia para alimentação de peixes de água doce pequenos ou recém-nascidos. a fim de eliminar. mortandade das plantas.1. Renovação da água . para o bem-estar dos seres que habitam neste ecossistema. A manutenção do aquário. 7. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 7. os desperdícios orgânicos. Eládio Silva Página 25 .

só as trocas de água. Se não é renovada a água. verificar o seu valor. Contudo. permitem obter taxas aceitáveis.2. o mais importante é descobrir a causa. eles se esgotam pouco a pouco no meio fechado do aquário. Em geral. No entanto. devemos pelos menos uma vez por semana. Estes últimos se acumulam pouco a pouco no aquário. verificar a causa. regularmente. Existem no mercado produtos para corrigi-lo. prestar atenção as causas e pensar sobre elas. para poder trata-la". Renovação da água É necessário efectuar trocas regulares de água num aquário. Os nitratos são consumidos por plantas aquáticas e pelas algas. a falta de trocas parciais. mas quando houver mudanças muito constante. É aconselhado. trocar 10% da água toda semana. podendo alcançar valores excessivos que poderiam ser tóxicos para os peixes. o consumo das plantas não basta para eliminar todos os nitratos. troncos inadequados e o substrato muito sujo. geralmente. pois as bactérias se encarregam de degradar o amoníaco e transformar os nitritos em nitratos. as taxas de nitrato se elevarem demasiado. Esta percentagem deve ser aumentada se. devemos também. Eládio Silva Página 26 . jamais deve-se trocar a água toda de uma vez só. pois vários factores podem ocasionar estes factos. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 7. 7. pois como dizia o nosso médico de família: "não adianta só dar o remédio para curar a doença. Portanto devemos.3. O ritmo e a quantidade de trocas de água são variáveis segundo a população do aquário e as condições de manutenção. A taxa de nitratos deve ser sempre inferior a 50 mg/l. por exemplo. as trocas de água permitem o fornecimento de sais minerais necessários aos peixes e às plantas. Por outro lado. ou 20% a cada 15 dias. Manutenção do ph Por ser um item muito importante.

aspirar o fundo. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 7. mas também para a manutenção da vida no interior do aquário. esta deve ser muito bem lavada e de preferência. Sendo o vidro ou o acrílico materiais sobre os quais as algas se estabelecem facilmente. pois os peixes se sentiriam incomodados com o turbilhão causado por tal filtro.4. fariam esta limpeza. O único cuidado é que não se pode retirar mais que 20% do volume da água do aquário. para retirar toda a sujidade como fezes.6. Limpeza de fundo Não adianta falar de filtros para a limpeza de fundo. pois as algas dificultam a entrada da luz no aquário.5. pois é um facto que existem filtros que por si só. lavá-la com a água do aquário. A caixa sim. devemos trocar o refil e nunca lavá-lo. O correcto é uma vez a cada 15 dias. tem de ser feita a limpeza das paredes. Limpeza dos filtros mecânicos Após 30 dias de uso. folhas mortas e restos de comida em decomposição. convém limpá-los regularmente para evitar sua proliferação duradoura. Se o filtro tiver esponja (utilizada para filtragem biológica) também devemos lavá-la com a água do aquário. Limpeza das paredes Por questões estéticas. 7. mas não podemos esquecer que isto causaria transtornos. 7. não utilizar detergentes em hipótese alguma e nem outros produtos. Eládio Silva Página 27 . e as plantas não sobrevivem sem luz. pois ao fazermos isto estaremos eliminando o carvão activado.

A ração de um peixe deve ser elaborada em função de seu gosto e exigência. ovos de peixe. o peixe não come toda a ração.carne de peixe. O excesso de alimento pode ser mais prejudicial para os peixes porque origina má qualidade da água.). suja a água. Presas vivas . mexilhões. os peixes acumulam gorduras que só servirão para encurtar sua vida. de espinafre. Eládio Silva Página 28 .larvas aquáticas. larvas de insectos. pequenos crustáceos etc. Alimentos frescos . colocada em excesso. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 7. ainda que a maioria se alimente de presas vivas que complementam com preparados inertes e vegetais (folhas de alface. como complementação podem ser utilizados os tipos abaixo. algas etc. Muitas vezes.existe diversos tipos de alimentos industriais para as exigências dos mais diferentes tipos de peixes. vegetais etc. carne crua. Alimentação Cada espécie de peixe tem suas próprias exigências. Alimentados em excesso.7. Sua utilização é fortemente recomendada em todos os casos. algumas delas são: Alimento artificial . comprometendo a saúde dos seus inquilinos. já que.

Ecologia A ecologia ideal do aquário reproduz o equilíbrio que se encontra na natureza num sistema fechado. Como exemplo.8. inclusive nos grandes aquários. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 7. Na prática. é quase impossível manter um equilíbrio total. Eládio Silva Página 29 . É mais fácil manter o equilíbrio em grandes aquários. daí a preferência dos aficionados por grandes depósitos. o cuidador do aquário deve tomar medidas para manter o equilíbrio neste pequeno ecossistema contido no aquário. Normalmente. uma relação equilibrada de presa/predador é quase impossível de manter.

CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 8. CHECKLIST PARA MANUTENÇÃO CHECKLIST DE CONTROLE. 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 Verificação da Temperatura Diário Verificação do pH Diário Verificação dos nitratos Diário Verificação de nitritos Diário Verificação da cor da água Diário Pressões e níveis de água Diário Substituição de 15% da água Semana Verificação da intensidade de luz Semana Verificar documentação da Semana qualidade de água Limpeza de Esponjas do filtro Quinzenal Verificar carvão activo e biobols Quinzenal Verificar vedantes Mensal Limpeza dos Vidros Mensal Troca de o-rings das bombas dos Anual filtros Limpeza geral Semana Limpeza dos tubos dos filtros: Semana Entrada e saída 13 Limpeza das bombas Semanas Data Rubrica X = Controlado OK + = Controlado mas não substituído O = Controlado não OK A = Pedido para comprar Eládio Silva Página 30 . AFINAÇÃO E MANUTENÇÃO PREVENTIVA Elemento: Aquário de Reprodução Mês Nº Inventário: 100 Descrição de procedimento Freq.

comprar a silicone e os acessórios B D Colar os vidros exteriores C E Colar os vidros de travamento D F Colocar o substrato no fundo. areia e encher de água E G Colocar os acessórios que faltam F H Deixar trabalhar sem peixes G I Colocar peixes H Eládio Silva . CONST Tarefas Descrição Depende T de ( A Fazer o estudo de quais os peixes que se pretende - B Tirar medidas e fazer desenhos A C Cortar os vidros.

verá aumentar os seus conhecimentos e capacidades. E tudo isto com a vantagem de poder estender todas estas tarefas ao seu agregado familiar. o comportamento dos peixes irá fazer aumentar o seu interesse pela biologia e o estudo dos seus habitats de origem poderá fazer expandir o seu conhecimento de geografia. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 10. e neste particular a manutenção de um aquário é a forma ideal de o fazer. Por exemplo. Espero com este curto trabalho tê-lo cativado para tentar um aquário. Nada melhor para incutir sentido de responsabilidade em crianças que pô-las a tratar de seres vivos. Eládio Silva Página 32 . CONCLUSÃO À medida que fica envolvido com a rotina do dia-a-dia do seu aquário.

com.net www.reefforum.br Eládio Silva Página 33 .br www.crystalred.com.eu www. BIBLIOGRAFIA www.labcon. CONSTRUÇÃO DE UM AQUÁRIO E SUA MANUTENÇÃO 11.aquallun.