You are on page 1of 2

Laboratório de Investigação Social

CURSO LIVRE
QUEBRANDO AS PALAVRAS E AS COISAS
trajetória de investigação e o pensamento de
Michel Foucault
TUDO AO MESMO TEMPO AGORA
Profª Monique Franco (DEDU/FFP/UERJ)
Historiadora- PUC-RJ. Doutora em Comunicação e Cultura- ECO/URFJ
COLABORAÇÃO: Profª Sônia Câmara (DEDU/FFP/UERJ)
Laboratório Interdisciplinar de Pesquisa em História da Educação e Infância
( LIEPHEI)

"Não me pergunte quem sou e não me diga para permanecer o mesmo. É uma moral de
estado civil Ela rege nossos papeis. "
(A Arqueologia dos Saberes)

“(Um diagnóstico do presente) não consiste em uma simples caracterização do que somos,
mas, ao contrário – ao seguir as linhas de fragilidade do presente – , em tentar apreender
por que e como o-que-é poderia não mais ser-o-que-é. Nesse sentido, qualquer descrição deve
estar sempre de acordo a estes tipos de fratura virtual que abrem espaço de liberdade
entendido como espaço de liberdade concreta, isto é, de possível transformação”.
( Structuralism and Post-Structuralism)

OBJETIVOS: Apresentar, de forma sucinta, o trajeto de investigação e o


pensamento foucaultiano a partir de uma perspectiva não-disciplinar,
organizado, por meio de leituras de fragmentos de obras de referência,
apresentação e discussão de sínteses analíticas.

MÓDULO I – 6 encontros
LOCAL: Faculdade de Formação de Professores da UERJ
- sala 335
QUINTAS – de 16h às 18:30
DIAS: 26 de novembro / 03 ,10 & 17 de dezembro de 2009 / 07 & 14
de janeiro de 2010.

1º ENCONTRO: 26 de novembro de 2009


Por uma ontologia do presente ou a quimera da origem.
TEXTO: O que é o Iluminismo. In: ESCOBAR, C. H, (ORG) Dossier
Michel Foucault. Rio de Janeiro: Tauros Editora, 1984.
2º ENCONTRO: 03 de dezembro de 2009
Ferramentas investigativas: acontecimentos e efeitos
A arqueologia, a genealogia e a analítica
TEXTO: Nietzsche, a genealogia e a História. In: FOUCAULT, M.
Microfísica do Poder. Machado Roberto (Org). Rio de Janeiro: Graal,
1979, pp.15-38.

3º ENCONTRO: 10 de dezembro de 2009


A Ordem dos saberes e dos poderes (I)
A crítica à analítica da finitude
As diferentes épistémès: o saber clássico – quadro as palavras representam
as coisas; o saber moderno – quando as palavras representam as
representações; o saber contemporâneo – quando as palavras são as
palavras e as coisas são as coisas
TEXTO: Prefácio e As Meninas. In: FOUCAULT, M. As palavras e as
coisas. São Paulo: Martins Fontes, 1981, pp. 05-31.

4º ENCONTRO: 17 de dezembro de 2009


A ordem dos saberes e dos poderes (II)
TEXTO: Conferência 4 e 5.
In: FOUCAULT, M. A verdade as formas jurídicas. Cap IV e V. Rio de
Janeiro: NAU Editora, 2002, pp.79-126.

5º ENCONTRO: 07 de janeiro de 2010


A invenção do outro: as quatro similitudes
TEXTO: A prosa do mundo. IN: FOUCAULT, M. Ditos e Escritos II:
Arqueologia das Ciências e História dos Sistemas de Pensamento.
Barros, Manoel de (Org). Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2008,
pp.10-29.

6º ENCONTRO: 14 de janeiro de 2010


Da governamentalidade e do racismo: biopolítica e biopoder
TEXTO: Aula do dia 17 de março de 1976. In : FOUCAULT, M. Em
defesa da Sociedade. São Paulo: Martins Fontes, 2005, pp.285-316.

VAGAS LIMITADAS. INSCRIÇÕES: DEDU