You are on page 1of 10

Faculdades Elite

EXPERIÊNCIA

12

FILTRO PASSA-BAIXA FILTRO PASSA-ALTA
OBJETIVO

Verificar o funcionamento de um circuito RC, atuando como filtro passa-baixa e como filtro passa-alta.

TEORIA
Dentro dos filtros passivos, encontramos o filtro passa-baixa e o filtro passa-alta. O filtro passabaixa é constituído por um circuito RC-Série, onde a tensão de saída é a do capacitor, conforme a figura abaixo:

Figura 1 - Filtro passa-baixa Para ondas senoidais de freqüências baixas, a reatância capacitiva assume valores altos em comparação com o valor resitência, dessa maneira, a tensão de saída será praticamente igual à tensão de entrada. Para freqüências altas, a reatância capacitiva assume valores baixos em comparação com o valor da resistência, atenuando a tensão de saída para um valor praticamente nulo. Dessa maneira, o filtro permite a passagem de sinais de freqüências baixas, sendo por isso denominado filtro passa-baixa. Para uma determinada freqüência, quando a reatância capacitiva for igual a resitência, teremos a tensão de saída igual à tensão no resistor, que somadas, vetorialmente, resulta na tensão de entrada. Dessa maneira, podemos escrever:
2 Ve = VR2 +VC

onde: VR = VC = VS
2

Ve = VS2 +VS2

=

2.VS2

Ve =VS

ou

VS =

Ve 2

Essa freqüência, onde temos a situação acima descrita, é denominada freqüência de corte (fc) e pode ser determinada, igualando-se o valor da reatância com o valor da resistência:
XC = R

ou

R =

1 2.π. fc .C

fc =

1 2.π.R.C
Pág 1/10

portanto θ = 0º. determinar a defasagem entre a tensão de saída e a tensão de entrada. VS = cos θ = 1 .Faculdades Elite A característica da tensão de saída em função da freqüência de um filtro passa-baixa é demonstrada abaixo: Figura 2 . Para altas freqüências VS = 0 e cosθ = 0. através da relação trigonométrica: cos θ = VS VE Figura 3 – Diagrama vetorial de um filtro passa-baixa Como em baixas freqüências VS = VE. portanto θ = 90º. Na freqüência de corte.Característica da defasagem de um filtro passa-baixa Pág 2/10 . temos que: cosθ = 1. portanto θ = 45º.Característica da tensão de saída de um filtro passa-baixa Construindo o diagrama vetorial ( vide abaixo ) do circuito da figura 1. 2 Ve 2 e A curva da defasagem em função da freqüência é demonstrada abaixo: Figura 4 . podemos através deste.

Filtro passa-alta Para ondas senoidais de freqüências altas. é denominada freqüência de corte (fc) e pode ser determinada.C ∴ fc = A característica da tensão de saída em função da freqüência de um filtro passa-alta é demonstrada abaixo: 1 2.Faculdades Elite O filtro passa-alta é constituído pelo mesmo circuito RC-Série. Para uma determinada freqüência. somente que. a tensão de saída é a obtida pelo resistor. o filtro permite a passagem de sinais de freqüências altas.π. podemos escrever: 2 2 Ve = VR +VC onde: VR = VC = VS 2 ∴ Ve = VS2 +VS2 = 2. Para freqüências baixas. quando a reatância capacitiva for igual à resistência. teremos a tensão de saída igual à tensão no resistor. que somadas. dessa maneira.VS2 ∴ Ve =VS ou VS = Ve 2 Essa freqüência. vetorialmente. igualando-se o valor da reatância com o valor da resistência: XC = R ou R = 1 2. Dessa maneira. atenuando a tensão de saída para um valor praticamente nulo. a tensão de saída será praticamente igual à tensão de entrada.π. resulta na tensão de entrada. conforme figura abaixo: Figura 5 . neste caso.C Figura 6 . a reatância capacitiva assume valores baixos em comparação com o valor resistência. sendo por isso denominado filtro passa-alta. onde temos a situação acima descrita. fc .R. Dessa maneira. a reatância capacitiva assume valores altos em comparação com o valor da resistência.Característica da tensão de saída de um filtro passa-alta Pág 3/10 .

Característica da defasagem de um filtro passa-alta Para exemplificar. através da relação trigonométrica: cos θ = VS VE Figura 7 .Diagrama vetorial de um filtro passa-alta Como em baixas freqüências VS = 0. 2 Ve e 2 A curva da defasagem em função da freqüência é demonstrada abaixo: Figura 8 . Na freqüência de corte. determinar a defasagem entre a tensão de saída e a tensão de entrada. portanto θ = 0º.Faculdades Elite Construindo o diagrama vetorial ( vide abaixo ) do circuito da figura 1. portanto θ = 45º. podemos através deste. VS = cos θ = 1 . Para altas freqüências VS = VE e cosθ = 1. temos que: cosθ = 0. vamos calcular a tensão de saída do filtro passa-baixa do circuito abaixo. portanto θ = 90º. na: • • • freqüência de corte Em uma freqüência 10x menor que a freqüência de corte Em uma freqüência 10x maior que a freqüência de corte Pág 4/10 .

47 .π.10 3 x1.I ef = 100 x1.C 2.fc = 33.C 2.1000 .6 Hz 2 . f .10 −6 ∴ f C = 338 .3386 .R.fc = 3386 Hz XC = 1 1 = 2.0.Cálculo da tensão de saída na freqüência de corte: VS = Ve 10 = 2 2 ∴ VS = 7.π.I ef = 10 .86 Hz XC = 1 1 = 2.10 −6 ∴ X C =10 kΩ Z = 2 R2 + X C = (1000 ) 2 + (10 .π.1.Cálculo de VS para f = 10.47 .47 .000 ) 2 ∴ ∴ Z = 10 kΩ I ef = U ef Z = 10 1000 I ef =10 m A U S = X C .10 −3 ∴ U S = 10V 4 .10 −6 ∴ X C =100 Ω Z = 2 R2 + X C = (1000 ) 2 + (100 ) 2 ∴ ∴ Z = 1kΩ I ef = U ef Z = 10 1000 I ef =10 m A U S = X C . f .0.0.C 2.10 −3 ∴ U S =1 V Pág 5/10 .Cálculo de VS para f = 0...π.86 .33 .π.π..Cálculo da freqüência de corte: fC = 1 1 = 2.Faculdades Elite 1 .07 Vef 3 .

57 954.08 Vsefic (mV) 679.25 1. ajustado meça e anote a tensão de saída Vefic ( entre A e B ) F(Hz) 200 600 1000 1400 1800 2200 2600 3000 Para cada valor Vspp (V) 1. 2) Varie a freqüência do gerador de sinais.4 632.97 1.7 410.5 540.85 890.2 kΩ .¼ W 0.24 1.56 998.7 260.3 187.77 931.24 1. conforme quadro abaixo. Ajuste o gerador de sinais para 2 Vpp e onda senoidal.02 995. 1 1 1 1 1 Descrição Resistor Capacitor Osciloscópio Gerador de Sinais Multímetro Especificação 2.38 784. MEDIDAS E ANÁLISES.55 994.39 1.15 928.53 1.05 ~ 200kHz / 10Vpp Digital PROCEDIMENTOS.Faculdades Elite EQUIPAMENTOS E MATERIAIS A SEREM UTILIZADOS OBSERVAÇÃO: Será utilizado o software EWB ajustado de tal forma a simular os equipamentos e materiais abaixo descritos.32 973.05 998.6 321.50 994.85 2b (mV) 993. Qtde.2 163.7 218.47 θ∆ 16 41 57 63 76 72 75 77 Pág 6/10 .7 2a (mV) 271.1µ F 2 Canais 0.44 911.09 990.66 1. 1) Monte o circuito abaixo.

Ajuste o gerador de sinais para 2 Vpp e onda senoidal. Pág 7/10 .Faculdades Elite Gráfico Vsef Vsef (m V) 800 700 600 500 400 300 200 100 0 F (Hz) 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500 Gráfico da defasagem ang (deg) 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500 F (Hz) 3) Monte o circuito abaixo.

06 798.99 983.67 901.01 998.2 2a 993.18 Vsefic (mV) 190.68 980.1 980.60 998.56 998.48 998.12 898.4 681.39 911.6 657.6 687.Faculdades Elite 4) Varie a freqüência do gerador de sinais.60 998. F(Hz) 200 600 1000 1400 1800 2200 2600 3000 Veefic (V) 332.80 980.88 982. Para cada valor ajustado meça e anote a tensão de saída pico-a-pico ( entre A e B ) e 2a e 2b.60 998.88 θ∆ 74 50 36 27 22 18 12 14 Gráfico Vsef Vsef (m V) 800 700 600 500 400 300 200 100 0 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500 F (Hz) Gráfico da defasagem ang (deg) 80 70 60 50 40 30 20 10 0 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500 F (Hz) Pág 8/10 .06 940.60 2b 807.99 981.45 983. conforme quadro abaixo.3 454.60 998.50 563.8 629.9 672.77 882.1 574.

C) => ƒc = 1/(2.3 (Hz).C) => ƒc = 1/(2.π .π .047.0. = f(f). indicando-a nos gráficos da questão 2.0.2200.π . com os valores obtidos nos quadros 3) Calcule a freqüência de corte para os circuitos ensaiados.π .3.π .10. ƒc => 10. Xc = 1/(2. Frequência de corte: ƒc = 1/(2.0.R.R. 2) Construa os gráficos VSef = f(f) e ∆ θ dos itens 02 e 04.10-6) => ƒc = 103 (Hz). 0.1.48 Vef.0002).047. 4) Calcule a tensão de saída do filtro passa-alta abaixo na: • • freqüência de corte Em uma freqüência 10x menor que a freqüência de corte Em uma freqüência 10x maior que a freqüência de corte Vs passa alto: Vs = Ve/√2 => Vs = 12/√2 => Vs = 8. Pág 9/10 . Z = √ (33.0002 + 330. ƒc = 1/(2. Em freqüência 10x menor que a ƒc.=> Z = 331kΩ .Faculdades Elite QUESTÕES 1) Calcule o valor eficaz das tensões de saída e o ângulo de defasagem.10-6) => Xc = 330 kΩ .1.3300.10-6) => ƒc = 723 (Hz). preenchendo os quadros dos itens 02 e 04.

3 kΩ . a tensão de saída será praticamente igual à tensão de entrada. Verificamos que. quando a reatância capacitiva for igual a resitência. sendo por isso denominado filtro passa-baixa. Em freqüência 10x maior que a ƒ c. Us = Xc.Faculdades Elite Ief = Uef/Z => Ief = 12/331k => Ief = 36µ A. resulta na tensão de entrada. a reatância capacitiva assume valores baixos em comparação com o valor da resistência.=> Z = 33 kΩ .0002 + 33002). Conclusão.0. o filtro permite a passagem de sinais de freqüências baixas. que somadas. Ief = Uef/Z => Ief = 12/33k => Ief = 363 µ A. vetorialmente.2.047. Z = √ (33.1030. Us = Xc. Para uma determinada freqüência. Dessa maneira.Ief => Us = 331/363 µ = Us = 1. Xc = 1/(2. Para freqüências altas.Ief => Us = 331/36µ = Us = 12 V. a reatância capacitiva assume valores altos em comparação com o valor resitência. para ondas senoidais de freqüências baixas. atenuando a tensão de saída para um valor praticamente nulo.10-6) => Xc = 3. 0.π .2 V. dessa maneira. teremos a tensão de saída igual à tensão no resistor. Pág 10/10 . ƒc => 1030 (Hz).