You are on page 1of 5

LISTA DE SELECIONADOS CURSO DE CAPACITAÇÃO EM PODER JUDICIÁRIO 09 a 13 de maio de 2011

0B

U

NOME

U

U

UF

U

U

SEGMENTO

U

ANDRÉ CARIAS DE ARAUJO AURELIANO COELHO FERREIRA CARLOS EDUARDO MATTIOLI KOCKANNY CIBELE MARIA BELLEZZIA CLAUDIA VALERIA BFD MELLO CLEONICE SILVA FREIRE DECILDO FERREIRA LOPES DOMINGOS DE ARAÚJO LIMA NETO DUILIA SGROTT REIS EDUARDO CALMON DE ALMEIDA CÉSAR ENEDINA MARIA GOMES DOS SANTOS FABRÍCIO MEIRA MACÊDO FLÁVIA XIMENES AGUIAR DE SOUSA FRANCISCO ROBERTO MACEDO DE SOUZA FRANCISCO SOARES REIS JUNIOR GABRIELA MULLER JUNQUEIRA HOLÍDICE CANTANHEDE BARROS JAVAHÉ DE LIMA JÚNIOR JORGE AMÉRICO PEREIRA DE LIRA JOSÉ LUCIANO DE ASSIS LUCIANA COSTA AGLANTZAKIS LUIZ EVALDO GONÇALVES LEITE LUIZA VIEIRA SÁ DE FIGUEIREDO MARIA APARECIDA SARMENTO GADELHA MARIA CESARINEIDE DE SOUZA LIMA MARIA CEZARINETE ANGELIM MÔNICA AIEX

PR MA SC TO RJ MA GO AL RO MT PI PB RS PA MA MS MA GO PE AP TO CE PA PB RO AC SP

ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL FEDERAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL TRABALHO ESTADUAL FEDERAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL TRABALHO ESTADUAL TRABALHO 1

SCN QD. 02 BL. D TORRE B SL. 1302 SHOPPING LIBERTY MALL BRASILIA - DF TELEFONE: 55 (61) 2103-9002 FAX: 55 (61) 2103-9001 EMAIL: ENM@ENM.ORG.BR HOME PAGE: WWW.ENM.ORG.BR

NUNZIATA STEFANIA VALENZA PAIVA OSVALDO CANELA JUNIOR RAIMUNDO PAULINO CAVALCANTE FILHO RAUL FERNANDO DE OLIVEIRA RODRIGUES RICARDO FELÍCIO SCAFF RODRIGO DA SILVA PEREZ ARAÚJO SAMUEL MEIRA BRASIL JUNIOR SILVIO CÉSAR DOS SANTOS MAIA THIAGO BRANDÃO DE ALMEIDA WILSON FERREIRA RIBEIRO ZANILTON BATISTA DE MEDEIROS

GO PR AM MG SP TO ES PA PI GO CE

ESTADUAL ESTADUAL TRABALHO ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL ESTADUAL

SCN QD. 02 BL. D TORRE B SL. 1302 SHOPPING LIBERTY MALL BRASILIA - DF TELEFONE: 55 (61) 2103-9002 FAX: 55 (61) 2103-9001 EMAIL: ENM@ENM.ORG.BR HOME PAGE: WWW.ENM.ORG.BR

2

PROGRAMAÇÃO PROGRAMA DE CAPACITAÇÃO EM PODER JUDICIÁRIO 09 A 13 DE MAIO DE 2011 Sede da AMB, Brasília/DF 40 horas-aula
0B

1B

1ª AULA 09/05/2011 9H-12H – INTERVALO – 13H30-18H30 PROFESSOR JOSÉ RICARDO CUNHA ÉTICA E PODER JUDICIÁRIO

2B

Introduzir as noções teóricas essenciais para a compreensão da questão da ética e de sua aplicação prática seja na gestão do Poder Judiciário, na atividade jurisdicional ou no mundo da vida. Nesse sentido a disciplina inicia abordando o sentido e a importância da ética no mundo atual e a diferença e relação com a moral.
3B

2ª AULA 10/05/2011 9H-12H – INTERVALO – 13H30-18H30 PROFESSOR ARMANDO CUNHA GESTÃO E ORÇAMENTO
4B 5B

O orçamento público é explorado em suas perspectivas como expressão legal e de relações de poder, como processo de escolhas e como instrumento de gestão para o alcance da missão institucional das organizações. A premissa é a de que o orçamento pode se constituir numa das principais ‘alavancas’ para se aperfeiçoar a gestão pública judiciária no país. Para isso, o ponto de partida é a compreensão sobre a natureza dos desafios que se apresentam ao Estado e à governança na atualidade, e sobre os novos caminhos e possibilidades de transformação da dinâmica e das estruturas para a prestação dos serviços públicos.

1

A busca do fortalecimento e da modernização da gestão do Poder Judiciário deve ser referenciada aos próprios desafios que se apresentam à gestão pública contemporânea. Para isso, torna-se essencial a compreensão abrangente sobre a natureza do processo de mudanças, tanto as mudanças de caráter mais global, quanto aquelas inerentes às especificidades do contexto brasileiro - e o seu impacto sobre o Estado e a governança. Promover a maior vitalidade das organizações governamentais constitui-se em condição crítica para que os frutos do progresso econômico possam ser distribuídos de forma mais equilibrada na sociedade brasileira. Uma das alavancas fundamentais para a transformação qualitativa da gestão pública no País é o orçamento público, seja em sua perspectiva macroscópica de governo, seja em sua utilização como instrumento de gestão nas organizações do setor público. Nesse sentido, o módulo tem como objetivo tratar dos seguintes temas: (1) o atual contexto de atuação das organizações governamentais; (2) novos conceitos e modelos de provisão dos serviços públicos ; (3) o orçamento público como um fenômeno multifacetado e como componente da política de gestão pública; e (4) as dimensões política e econômica do orçamento público na atualidade brasileira e a busca de qualidade nas decisões orçamentárias. 3ª AULA 11/05/2011 9H-12H – INTERVALO – 13H30-18H30 PROFESSOR SÉRGIO TEJADA IMPACTOS DAS INOVAÇÕES TECNOLÓGICAS NO PODER JUDICIÁRIO
6B

O Sistema Judicial é impregnado de muitas ações externas que lhe são impactantes, com efeitos nos campos sociológico, antropológico, econômico, psicológico, jurídico, etc., a ponto de exigir, não só do juiz, mas de todos os operadores do Direito, para uma prestação jurisdicional de boa qualidade, conhecimentos multidisciplinares, agregados não só a partir do conhecimento científico, mas também de conhecimentos empíricos trazidos da experiência social. Vivemos na “sociedade da informação”. Para alguns estudiosos, a “sociedade da informação” é entendida como sinônimo de sociedade pósindustrial, na qual se atribui ao Direito a característica de analisar não somente o direito adaptado ao serviço dos meios eletrônicos, mas toda a realidade jurídica afetada pela sociedade pós-industrial. Nessa visão, a tecnologia eletrônica é apenas uma pequena parte do universo jurídico reorganizado por outras imposições econômicas, filosóficas, políticas, etc.

2

4ª AULA 12/05/2011 9H-12H – INTERVALO – 13H30-18H30 PROFESSOR LUIZ LOURENÇO DE MELLO FILHO GESTÃO DA INFORMAÇÃO E CRIAÇÃO DE CONHECIMENTOS NO AMBIENTE JUDICIÁRIO
7B

Conhecimento é a informação que foi organizada e analisada e que se tornou um insumo para a disseminação de melhores práticas, na solução de problemas e na tomada de decisão. Diante da grande quantidade de informação a que estamos submetidos na sociedade do conhecimento, é necessário desenvolver algumas habilidades como classificar, organizar, eliminar duplicidades, gerir versões e encontrar arquivos eletrônicos no próprio computador, dominar ferramentas de busca na internet, conhecer procedimentos de segurança e de preservação da informação. Neste treinamento iremos explorar de forma bem prática diversas práticas de gestão do conhecimento que dão suporte a essas necessidades. 5º AULA 13/05/201 9H-12H – INTERVALO – 13H30-18H30 PROFESSOR LUIZ MELLO SERRA GESTÃO DE SERVENTIAS JUDICIAIS
8B

Os profissionais que atuam junto às serventias judiciais, em sua maioria, não têm formação especifica para o desempenho de tal atividade. Em geral, a organização administrativa das serventias judiciais é empírica, baseada na experiência dos profissionais mais antigos, muitas vezes, sem considerar técnicas existentes. Sem duvida, a experiência desses profissionais é muito valiosa, especialmente porque adquirida justamente com o desempenho dessa atividade. Contudo deixa de aproveitar as melhores experiências e pesquisas realizadas nos Pais. Por isso, a disciplina Gestão de Serventias Judiciais é fundamental para esses profissionais. Propõe-se debater os modelos atualmente em prática, confrontando-os com a experiência dos próprios alunos, buscando apontar como tais modelos podem ser melhorados com a adoção de técnicas trazidas de fora do meio jurídico. Serão abordados temas como os modelos de gestão já aplicados em outros Tribunais, mas muitas vezes desconhecidos ou não aplicados pelos profissionais. A abordagem da disciplina será sempre embasada nas experiências próprias dos alunos.

3