You are on page 1of 17

PLANO DE ACTIVIDADES 2011 - CED/CCC/SC (Identificação

)

Área Estratégica (Designação) 1. Desenvolvimento Integral e Sustentado dos Educandos
PLANO ESTRATÉGICO COMUM
2011-2013
Objectivo Estruturante (Designação) 1.1. Enriquecer a intervenção antecipando factores de risco para o desenvolvimento harmonioso dos educandos

1.1.1. Promover uma Política de Promoção da saúde para os educandos, através da implementação do "Plano de Promoção e
PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação)
Educação para a Saúde da CPL"

Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes
Duração
Objectivo Operacional Responsável
Designação Meta Indicador de Medida Inicio Fim CPL Externos
(Dia/Mês) (Dia/Mês)
(1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10)
Aplicação do Material "A Quinta" Tema: O
4 de Março 18 de Março
Conhecimento de si (2 sessões)
Aplicação do Material "A Quinta" Tema: Contacto 67% dos educandos
% 25 de Março 13 de Maio
(4 sessões) sinalizados previamente
Aplicação do Material "A Quinta" Tema: Gravidez
20 de Maio 24 de Junho
e Parto (4 sessões)
Aplicação do Material "O Caminho" Tema:
4 de Março 18 de Março
Relações Interpessoais (2 Sessões)
Aplicação do Material "O Caminho" Tema: 33% dos educandos
1.1.1.2. Aplicar o PIPAS (prevenção do % 18 de Março 13 de Maio
Contacto (4 Sessões) sinalizados previamente Paula Liques
abuso sexual) aos educandos
Aplicação do Material "O Caminho" Tema: Saúde
20 de Maio 24 de Junho
Sexual e Reprodutiva (4 Sessões)
10 horas de nº de horas de
Acompanhamento dos Aplicadores 17 de Fevereiro 1 de Julho
acompanhamento acompanhamento

100% de presenças nas nº dePresenças nas reuniões Desde 28 Outubro
Supervisão Técnica do Elemento de Referência 7 de Julho GPS Grupo Novos Alvos
reuniões (8) de supervisão 2010

Faculdade Psicologia -
Divulgação do Projecto Específico do CED Uma acção até Maio nº de acções de divulgação 1 de Abril 30 de Abril Universidade de Lisboa

Promover a marcação de consultas 100% percentagem Janeiro Dezembro
Sistematizar os registos de consultas nas várias Hospitais e Centros
100% percentagem Janeiro Dezembro
especialidaes clínicas de Saúde
Promover a marcação de primeiras consultas de
100% percentagem Janeiro Dezembro
especialidade clínica até 60 dias após o acolhimento
Deligenciar a transferência dos processos clínicos para
100% percentagem Janeiro Dezembro Unidades de Saúde
os novos acolhidos
1.1.1.6. Garantir que 100% das
crianças e jovens em acolhimento Monitorizar e acompanhar da informação clínica 100% percentagem Junho Outubro
Sandra Rodrigues
residencial tenham acompanhamento
regular ao nível da saúde Elaborar o Projecto "promover hábitos para uma Dietista e
15-Jun tempo Março Junho
Alimentação saudável" Nutricionista

Apresentação da adaptação metodológica ao DE 15-Jun Tempo 1-Jun 15-Jun

Dietista e
Aplicação do programa 1-Jul Tempo Julho Dezembro
Nutricionista

crianças e jovens em acolhimento Sandra Rodrigues residencial tenham acompanhamento regular ao nível da saúde Promover uma actividade com as famílias no âmbito do Dietista e Novembro Tempo Projecto Setembro Outubro Nutricionista .

Cumprimento .

.

Desenvolvimento Integral e Sustentado dos Educandos PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 1. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .1.1. Promover uma Política de Promoção da saúde para os educandos. Enriquecer a intervenção antecipando factores de risco para o desenvolvimento harmonioso dos educandos 1.2.1.1.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 1.3. através da implementação do "Plano de PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) Promoção e Educação para a Saúde da CPL" Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Adaptação do programa às pessoas 31-May Tempo Março Maio surdocegas 1. Construir e implementar um Discussão interna do programa 10-Jun Tempo Junho Junho programa de educação para a cidadania e desenvolvimento de Integração de contributos cedorrentes Angélica Trindade Tempo Susana Firmino competências pessoais e sociais a da discussão interna do programa 15-Jun Junho Junho aplicar a 100% dos educandos Apresentação da adaptação 15-Jun Tempo Junho Junho metodológica ao DE 100% dos Aplicação do programa Percentagem Setembro Dezembro educandos .

Acolhimento Residencial e Familiar PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 2.1. Qualificar as respostas sociais da CPL reconhecendo ao acolhimento residencial o carácter de transitoriedade 2.1. em função do seu PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) perfil e necessidades Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Disponibilizar resposta em regime de 2.1. 60 dias após a Tempo admissão Actualização/revisão dos PDP 90% Percentagem Setembro Dezembro Susana Firmino .1. Contratualizar e manter actualizados Planos de Desenvolvimento Pessoal para os educandos em Acolhimento Residencial Contractualizar PDP com todos os educandos admitidos em acolhimento Percentagem e 100% Janeiro Dezembro Susana Firmino residencial em 2011.1.2. nas várias respostas de acolhimento residencial. Acolher com qualidade crianças e jovens.1.1.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 2. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .1. Garantir a ocupação de 100% acolhimento para educandos que 100% Percentagem Janeiro Dezembro Dina Candeias STASE da capacidade instalada nas necessitam desta medida até ao limite de Residências de Acolhimento capacidade das instalações disponíveis Acompanhamento da Taxa de ocupação 100% Percentagem Janeiro Dezembro Dina Candeias Promover a actualização dos PDP dos 90% Percentagem Janeiro Abril Susana Firmino educandos transitados 2.

1. Educação e Formação PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 3. Qualificar as respostas educativas e formativas 3.2. Promover intervenções no âmbito das REF.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 3. Tiflotecnologia 177 Cursos de Educação Extra-escolar de formandos número Janeiro Dezembro Língua Gestual Portuguesa Fátima Cursos de Formação em Competências Martinho Janeiro Dezembro Básicas Cursos de Alfabetização Janeiro Dezembro Formação Modular . com a seguinte distribuição salas / turmas / acções e educandos.2.2. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 . Avaliação e António 10 número Janeiro Dezembro Encaminhamento e Reabilitação Rebelo Graça Educação e Reabilitação 28 número Janeiro Dezembro Silva Paula Reabilitação e Inserção Sócio-Profissional 32 número Janeiro Dezembro Liques Cursos de Educação Extra-Escolar de 3.1.1. nas seguintes modalidades: Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Responsáv Objectivo Operacional Indicador Designação Meta Inicio Fim el CPL Externos de Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Atendimento.Unidades de 188 Formação de Curta Duração de nível formandos número Janeiro Dezembro Básico e Secundário . por CED: 52 Cursos de Educação Extra-Escolar de Janeiro Dezembro salas / turmas / 425 educandos. Desenvolver actividades lectivas nas diversas Janeiro Dezembro Braille modalidades de ensino. abrangendo um total de 4481 educandos PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) e 307 salas / turmas / acções.

1. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .1.3. Desenvolver o programa de RVCC 3.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 3.1.3. Educação e Formação PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 3.3. Garantir a certificação de competências a adultos. em particular de pessoas com deficiência PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) e/ou incapacidade Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Entidades que encaminham Inscritos 250 número 1-Jan 31-Dec adultos para o CNO CPL Processo de Diagnóstico 180 número 1-Jan 31-Dec 3. Reconhecer e alargar as competências de públicos com baixo nível de qualificação. em particular Processo de Encaminhamento 150 número 1-Jan 31-Dec Fátima Martinho com deficiência e/ou incapacidade Adultos em Reconhecimento 100 número 1-Jan 31-Dec Certificações 50 número 1-Jan 31-Dec Avaliador Externo .

1. avaliar a acompanhar os educandos por referência à CIF (Classificação Internacional de PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) Funcionalidade.1 Proceder à avaliação Percentagem diagnóstica de todos os educandos Pedagógico ou de Avaliação 60 dias após a referenciados Janeiro Dezembro .1. Sinalizar. Desenvolver as competências e a promover a autonomia de pessoas com deficiências sensoriais 4.1. Incapacidade e Saúde) Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) 28-Feb Preparação do processo de avaliação Tempo Janeiro Fevereiro -100% educandos Avaliação e elaboração do relatório Técnico admitidos ou 4.1.1. Qualidade de vida de pessoas com deficiências sensoriais PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 4. 60 dias .1.2 Contratualizar os PEI com Elaboração dos CEI quando necessário avaliação diagnóstica ou Tempo Janeiro Dezembro 100% educandos com deficiência sensoriais e respectivas famílias no reavaliação Graça Silva prazo de 30 dias após a avaliação 100% Paula Liques diagnóstica Redefinição do PEI ou do Plano de trabalho -30 dias após Percentagem individual avaliação diagnóstica ou Tempo Agosto Novembro reavaliação Redefinição do CEI ou dos Curricula individuais 100% Percentagem Agosto Novembro .100% dos educandos Janeiro Dezembro pós o inicio do ano escolar 100% Elaboração ou redefinição do PEI ou do -30 dias após Percentagem Plano de trabalho individual avaliação diagnóstica ou Tempo Janeiro Dezembro reavaliação 100% -30 dias após Percentagem 4.60 dias após Tempo António Rebelo Susana com deficiências sensoriais admitidos referenciação ou admissão referenciação pela primeira vez e reavaliação dos Firmino educandos transitados Reavaliação de todos os educandos do Percentagem CED transitados do ano anterior.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 4. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .1.

1. Harmonizar os instrumentos Desenho do Processo 30-Jun tempo 1-Jan 30-Jun CEDs de avaliação no âmbito da CIF Graça Silva utilizados na CPL tempo CEDJRP Aplicação 31-Oct 1-Sep 31-Oct Percentagem CEDs . CEDJRP 4.3.1.

Cumprimento Cumprimento .

.

Conceber uma resposta multiserviços para adultos surdo-cegos Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Apresentação da proposta de reformulação 31-mar Tempo Fevereiro Março Dina Candeias 4.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 4. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .1. Apresentar uma proposta de Director Executivo Dina reformulação do Projecto "100 Análise e discussão com CD 15-May Tempo Sentidos" Candeias Reformulação em função das orientações 31-May Tempo Maio Maio Dina Candeias do CD .3. Qualidade de vida de pessoas com deficiências sensoriais PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 4.1.1. Desenvolver as competências e a promover a autonomia de pessoas com deficiências sensoriais PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) 4.3.1.

1. familiares e organizações prestadoras de cuidados Integração de contributos decorrentes da 22-Apr Tempo abril Abril discussão interna Elaboração do documento final ao DE 29-Apr Tempo Abril Abril Planeamento da acção 15-Jul Tempo Junho Julho Identificação das Organizações 15-Jul Tempo Julho Julho 4.2.2.1.2. Realizar 1 acção de formação Identificação dos Formadores 15-Jul Tempo Julho Julho Ana Luisa Antunes dirigida a profissionais de Elaboração de proposta para CD 31-Jul Tempo Julho Julho Alexandra Silveira Organizações públicas ou privadas Organização da Acção 30-Sep Tempo Agosto Setembro . Disponibilizar recursos especializados para a comunidade surda e surdo-cega e para as entidades parceiras PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) 4.1.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 4. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 . Qualidade de vida de pessoas com deficiências sensoriais PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 4.4.1. Promover acções de qualificação e disponibilizar recursos especializados Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Projecto Preliminar 1-abr Tempo Março Abril Análise e Discussão interna do Projecto 14-Apr Tempo Abril Abril Apresentação do Projecto Final 12-May Tempo abril Maio Regulamento do funcionamento do Banco 4.2.1.3. Construir um referencial de 10-Apr Tempo Março Abril referencial formação dirigido a pessoas Discussão interna 15-Apr Tempo Abril Abril António Rebelo surdocegas. Criar um Banco de produtos 27-May Tempo maio Maio de Produtos de Apoio de apoio especializados para pessoas Sandra Barbosa surdo-cegas Cronograma de Implementação 9-Jun Tempo Maio Junho Envio ao Conselho Directivo do Projecto 30-Jun Tempo Junho Junho preliminar Reformulação se necessário de acordo com 15-Jul Tempo Julho Julho directrizes do CD Envio do documento final para o CD 29-Jul Tempo Julho Julho Definição da equipa de actividade 30-Mar Tempo Março Março Apresentação de um projecto preliminar de 4.2.

4. Realizar 1 acção de formação Ana Luisa Antunes dirigida a profissionais de Alexandra Silveira Organizações públicas ou privadas Realização da Acção 15-Nov Tempo Outubro Novembro .4.1.2.

2.2.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 7.1. Integração de sugestões 20-Jun Tempo Maio 20-Jun Apresentação ao CD 30-Jun Tempo Junho Junho .1. Apostar na especialização e qualificação organizacional PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) 7. Desenvolvimento Organizacional e Qualidade PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 7.2. PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .1.CED AACF como um modelo de excelência na reabilitação de pessoas com deficiências sensoriais. Assegurar a especilização de cada CED em diferentes áreas de excelência Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Estruturação de um modelo de documento 30-Mar Tempo Março Março 7. Elaborar um documento Elaboração do documento preliminar 30-Apr Tempo Abril Abril estratégico de implementação da especialização à medida de cada Análise e discussão de um primeiro CED: 15-May Tempo Maio Maio Director Executivo documento com a Equipa Técnica .

PLANO DE ACTIVIDADES 2011 .02.01 Abril Dezembro E.01. Triagem e Encaminhamento Abril Dezembro Fátima Martinho E.02.60 Promoção das relações familiares Implementação de Abril Dezembro 60% dos processos Tempo Implementação dos sub-processos E.CED/CCC/SC (Identificação) Área Estratégica (Designação) 7.01.40 Inserção na Comunidade Abril Dezembro 7.30 Acolhimento de Surdocegos Abril Dezembro E.3.20 Originação de Candidaturas Abril Dezembro E. Concluir processos e E.01.20 Educação e Reabilitação Abril Dezembro Dina Candeias E.1. Implementar o sistema de gestão da qualidade Iniciativas (Projecto e/ou Actividades) Outros Intervenientes Duração Objectivo Operacional Indicador de Responsável Designação Meta Inicio Fim CPL Externos Medida (Dia/Mês) (Dia/Mês) (1) (2) (3) (4) (5) (6) (7) (9) (10) Conclusão do desenho e documentação de 6 Apresentação a CD e CI do E. Avaliação e Encaminhamento Abril Dezembro E.60 Resposta Forrmativa Interna Abril Dezembro .02 até Dezembro Abril Dezembro E.02. Desenvolvimento Organizacional e Qualidade PLANO ESTRATÉGICO COMUM 2011-2013 Objectivo Estruturante (Designação) 7.02.1.3.3.01.01.01 processos até Março 15-Mar 31-Mar Implementação dos sub-processos E.02.10 .02.1.10 Atendimento.30 Acolhimento.40 Resposta Psicossocial Abril Dezembro E.50 Apoio de Proximidade Abril Dezembro promover a respectiva implementação E.50 Processo RVCC Abril Dezembro E. Promover a qualificação dos serviços PLANO DE ACTIVIDADES 2011 Objectivo Global (Designação) 7.Planeamento Abril Dezembro E.01.