You are on page 1of 8

c  

 c      
‘

     
 
c                    
x 

    
  ! " # $%&

r   
      
      
                  
!"   #

 
$%&'!()*' 

' +    , + -        .    
           -           
   /+             /  0  
1     /  0    -     
 / 0 1     12    #

      /    -  12   - / 3   4
1    ./V  VVV
å     
  1  5- #

' !  -  6+    1 /     1  
7  /8   3 5   /  1   8   1- 
  6     + 4        /  
-     7   9   /   -
+ 4 /   1    :2 #

' 7 0  -         -  /     


0 4      -3           
   /   /            1 5 2  
    3    -     /   
  #

$   /          1 5  
  / 13 2      + 4   3  2      
  #

$      -  -  

³As normas do CDC são ex vi legis de ordem pública, de sorte que o juiz deve
apreciar de ofício qualquer questão relativa às relações de consumo, já que não
incide nesta matéria o princípio dispositivo. Sobre elas não se opera a preclusão e as
questões que dela surgem podem ser decididas e revistas a qualquer tempo e grau de
jurisdição.´[1]

;1  3 0 / 4    -  ,- 0  1
34-       2     2    1 -     0 0 
  #

' / /  4      /   , 2
-/     , 2 !1 
   #

 -            9  2  7/  0 


      1    /    0<8    5  
 1  /    -   2   0    + 4 
    =            2 ,/ 
 0<8  3         / 0    3
/ +/1 2#>?

  /         @  6  


- +  3 88/   /-    1 
0     0  6   #

 7 8        /9   0 
+          -3    0     1    
+   1  /       1-      0   
  1 +   12   1  #

 7 8       -            -   


    0   0 4    /     -   
           /   2      9 
1+ 4    - #

'  --   0 1    3


    -    #1     
      -     --     / 0   
1      /  3        6  4-  
1    -   5  2 +   ,#

'     1       6+  @/ -  
  .   1 7  / -  
7  +             0   3 
  /  0             1  / -  
 1   2  5 7         /  0     
 -#

' 0    72  7        0        
7         /  -   4       2- 
-   +    -   A   /    0   - 
3 14 /   -3   2#

 7 +   2 /  0  14   
 7       0 0       /   2     
   2    -2  0   6  -     
  -/ 50     0      1 2   B+ C 
         1 /      0   
   8   -8 #

  18      1  0      6+/      - 
 / 12 0      #

' -    1 2 6+    0  - 
  3/    /     + -      
D2   --   DB #E/

/C#

  18                /  
2      /0  -32     /
 6/   -  / 0 / 
 2/     + - 2        D   3  
2 3ÊV
ÊV 
 VV  2 DB #E/

/C#

 /  3   0  /   7   +  / -     -/  


 7 -/ 7  +     - /  0     
  /       +   7 B0    1   
    C/ 6  /    0  8 -
 / 1 /          #

$  2  /  7   -  8 /      -  
        +    24-/     , A  / 0 
-    1             0      
/13#

' +       / 1   4  2      6  /
2   4-        # E/

/  # &   -  -


    /   6 7  /      1    
    2 =   ./  +    4-    2 1  
   .  -- 7   6#

%        8    # FG       /  0 


     -   - 5 +   /  1     1 4    
 ./0 ,2 6   3 7 8 6   2 /5  
0  7 +  #

   . + 4   - 


2    #H/    / 0  2    3
  #

 
$r%
%(
)IAr 
$$A
&r A !:
$
r%&!'&r !A &%*' !A
&;!
%'

 0     /      1    


   0  1   
       /      + 4     14/      
    #


               /      
/ 0    + -    ,    6/ 
 /3 /1  /= #/0  

            -  3  @ 


 /     9       2          
13#>?

A       3    7  +  0 -     
 /0  2   1 - 8 #

                  3  @ 
 / 
    #

         B  C    /


 2    60 1         
 -#

½    
 -  

A7      1 /            0  
  4      -  /    =    -   
 , 2  !1    #> ?

$     72    1   


       0   6  -  / 1     4 
0 4  #
%  7       3  +  -     
 /  /   - /    / 0  ,      1 
    1      / 72 /      / - 2 
72  1      /           -/
        -4- - 2        
0 4  #

  -        1        5    + 
 3 / 0        -    /    -
    1   1   
        #

 0   1   728      8 /   4  
  8 /     +   ,/  
   #

A         / 1    
+   J 333

-   
          comissão de
permanência¶j        å    å     å    
 å      å        å     å
     å     å         å     
  j           å      å    
  j     j j  -å     
               jjj  å    
         å   å  å      
    jjj 

            1 -  5
    0 0    =    2  1     0  
1 - 0                 /  2  
    5    /0  -3  / 0   6
 1             / 0  
   1  #

     +  7  K8


  - /+  3 /  8   #

L     +  /  0  -8            
      + /    0   1  +    

    /0  1 - /     3+ 
  K /    0 0   + #

   
  ! !

;   1      / 1  /    -     
!/ -+

Art. 2º. Consumidor é toda pessoa física ou jurídica que adquire ou utiliza produto ou
serviço como destinatário final...

Art. 3º. Fornecedor é toda pessoa física ou jurídica, pública ou privada, nacional ou
estrangeira, bem como os entes despersonalizados, que desenvolvem atividades de
produção, montagem, criação, construção, transformação, importação, exportação,
distribuição ou comercialização de produtos ou prestação de serviços.

§ 1º Produto é qualquer bem, móvel ou imóvel, material ou imaterial.

§ 2º Serviço é qualquer atividade fornecida no mercado de consumo, mediante


remuneração, inclusive as de natureza bancária, financeira, de crédito e securitária,
salvo as decorrentes das relações de caráter trabalhista.

' 3   -  /6  


  4   1    /   1 -    ! 
 -  #

L   5                2  1 
0 1 / -3 0   ,    1            
-#

A    0                    + 


  
     /        /    
2 1    #

L  5 3     -/ !

Art. 6.º São direitos básicos do consumidor:

±...)

V- a modificação das cláusulas contratuais que estabeleçam prestações


desproporcionais ou sua revisão em razão de fatos supervenientes que as tornem
excessivamente onerosas.
Art. 51. São nulas de pleno direito, entre outras, as cláusulas contratuais relativas ao
fornecimento de produtos e serviços que:

±...)

IV ± estabeleçam obrigações consideradas iníquas, abusivas, que coloquem o


consumidor em desvantagem exagerada, ou sejam incompatíveis com a boa-fé ou a
equidade;

±...)

§ 1º. Presume-se exagerada, entre outros casos, a vantagem que:

I ± ofende os princípios fundamentais do sistema jurídico a que pertence;

II ± restringe direitos ou obrigações fundamentais inerentes à natureza do contrato,


de tal modo a ameaçar seu objeto ou o equilíbrio contratual;

III ± se mostra excessivamente onerosa para o consumidor, considerando-se a


natureza e conteúdo do contrato, o interesse das partes e outras circunstâncias
peculiares ao caso.

 , 2 !1        4-/


  +     /  
           
  / 3  -        -  - /
    2     !          
   #>M?

  - 

     0      :2      - 5 2     
6  /7   0       3#

  --  32 1 /13 


 0            /      . 
5 1#

' , 2     !1        7  -   5
     1 N 
/   /
 7      ,21-  9 #
$/,4-10 61   6 +7  
   3 / 0    7     6   6   
   0  -7 0  , 6 #

   


>?$A&O/ $  P # $A&O/ & :    # , 2 -     
J2A7 -2 /Q /&%/GG /# "M
>?1  !2 / !   :  33# J   +    , 
  1    #xfffj  j j/GG #
>?1  :J%%
/ 7  !- / -  + 4   .  ! 
@ '  #xfffj   j j/#GG#
> ?1  J!r/    #      1     7 
+ #   !   å  å     år /
-#"/+ R#/#HHM/#S#
>"?'TT/ J 3#     7 + / 4-       2/
   #/-#M/ -##HH /#HH
>M?1 N@&
AJ/r2#  ! A/#GG/#SH#

B 2 + 6 GG"C


‘