RELATÓRIO TÉCNICO PROJETO FABRIQUETAS - CURVELO/MG

ABRIL

/ MAIO / JUNHO 2008

INTRODUÇÃO
Número de Paticipantes • Serralheria O grupo da Serralheria, hoje, é composto por quatro cooperados e cinco bolsistas. • Carpintaria O grupo da Carpintaria, hoje, é composto por três cooperados e quatro bolsistas. • Cartonagem O grupo da Cartonagem, hoje, é composto por três cooperados e seis bolsistas. • Bordado O grupo do Bordado, hoje, é composto por duas cooperadas e três bolsistas. • Doce O grupo do Doce, hoje, é composto por quatro cooperadas e duas bolsistas.
Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 1

• Construtora e Imobiliária Para Quem Sabe Voar O grupo é composto por quatro bolsistas. • Loja Na loja, hoje, há três cooperados com a função de vender: uma vinda do grupo do Bordado, outra do grupo do Doce e um rapaz oriundo da Cartonagem.

ATIVIDADES DESENVOLVIDAS
- A fabriqueta da Serralheria cria e produz peças de sucata de ferro e complementos para os móveis de madeira. - A fabriqueta da Carpintaria faz móveis com madeira reflorestada e madeira de demolição. Os móveis ganham detalhes em ferro. Também são feitas caixas para serem agregados detalhes em bordado, cestas para doces, caixas para presentes, bases e complementos de troféus, cachepôs grandes e pequenos. - A fabriqueta da Cartonagem tem uma produção de caixas de pizzas e de salgados por encomenda, caixas manuais e para presentes, sacolas para lojas. Agora, com as sobras dos papéis, estão fazendo esculturas de papel machê. - A fabriqueta do Bordado tem uma produção de pontos feitos a mão (resgate dos pontos antigos, com inspiração nas flores e nos frutos do cerrado) em peças de enxoval. Há também o aproveitamento de retalhos doados por confecções para a produção de utilidades do lar. - A fabriqueta do Doce tem uma produção de doces cristalizados, compotas, geléias e licores com os frutos do cerrado. - A fabriqueta Construtora e Imobiliária Para Quem Sabe Voar faz casas de papel machê, sobras de madeiras, gravetos, enfim, aproveita as sobras de todas as outras fabriquetas. - Rodas com temas mensais para serem discutidos temas diversos: Tema de abril: Consciência ecológica Tema de maio: Valores humanos Tema de junho: Criatividade - Rodas diárias para a organização do trabalho, com meta individual de produção. - Rodas diárias dentro dos grupos para discutir a limpeza e a organização dos espaços de trabalho.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 2

- Discussão e planejamento mensal do trabalho em todos os grupos. Após o planejamento, é feito o levantamento do material necessário para a produção. - Pesquisas escolares feitas no computador das fabriquetas. - Pesquisas na Internet e em revistas para o desenvolvimento de novos produtos. - Criação de novas peças. - Gerenciamento do grupo feito pelos próprios integrantes, com o auxílio do(a) coordenador(a). - Rodas de discussão e avaliação sobre o acabamento e o padrão de qualidade de cada produto. - Elaboração do MDI pedagógico. - Rodas para avaliação individual e do grupo. - Uso do computador para fazer a solicitação de compras. - Uso do computador para fazer a confecção de planilhas de custo. - Uso do computador para fazer pesquisas e trabalhos escolares. - Rodas diárias com a participação de todos do projeto, quando cada um dá a sua opinião, tem o direito de falar e o dever de ouvir. Nessas rodas, são colocadas as questões de relacionamento e de produção, sendo também feitos questionamentos. É um lugar aberto à exposição de idéias, de reflexões, de achar juntos soluções para os muitos problemas que surgem diariamente. - Rodas para avaliação dos avanços e das dificuldades de cada grupo.

METODOLOGIA
- Uso da roda como principal instrumento pedagógico no trabalho. - Roda de conscientização sobre a importância da qualidade dos produtos. - Roda de conscientização sobre a importância de produzir respeitando o meio ambiente. - Roda sobre a importância de usar bem a matéria-prima, para não haver desperdício. - Rodas de reflexão, levando o cooperado a se tornar uma pessoa crítica e autônoma. - Roda mostrando a importância de se fazer o planejamento de trabalho, dando um norte ao que se pretende realizar, assim como a importância de cumprir prazos e datas estipulados pelo próprio grupo, de acordo com sua capacidade de produção. - Incentivo aos cooperados para assumirem, gradativamente, todos os processos do grupo, desde a criação: o planejamento da produção, o planejamento do material, a cotação de preços da matériaprima, a ficha de custo, tendo assim uma apropriação de todo o processo. - Incentivo a pesquisas através de revistas e da Internet. - Uso de metas para serem atingidas para estimular a produção. - Rodas para avaliações periódicas sobre questões relacionadas à convivência e à produção.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 3

GERENCIAMENTO DO PROJETO
Os grupos de produção das fabriquetas contam com cinco coordenadores, sendo uma pedagoga cedida pela Prefeitura Municipal de Curvelo, uma nutricionista que trabalha um dia na semana, um educador que divide o seu tempo entre Curvelo e Araçuaí e mais duas educadoras, sendo que uma está de licença-maternidade, e um carpinteiro que está ensinando as técnicas da carpintaria, que trabalha dois dias na semana e passa uma semana por mês em Araçuaí. Na administração da cooperativa, trabalham cinco pessoas: uma gerente administrativa, um gerente comercial e três cooperados na equipe de vendas.

DIFICULDADES ENCONTRADAS
- Na Serralheria, a dificuldade é fazer com que os cooperados e bolsistas criem novas peças. - Na Carpintaria, a dificuldade é fazer com que os cooperados e bolsistas aproveitem as sobras da madeira para criar novos produtos. - Na Cartonagem, a dificuldade é modelar as peças de papel machê, assim como alcançar a meta de produção, tendo em vista a falta de encomendas, conseguir desperdício zero, ou seja, aproveitar todas as sobras de papel. - No Bordado, a dificuldade é fazer com que todas criem produtos com retalhos. - No Doce, a dificuldade é fazer com que se criem receitas novas, aproveitando todo o fruto. - Na Casa de Passarinho, as dificuldades são: criar casinhas mais detalhadas e fazer pinturas e acabamentos diferenciados. Como as casinhas ainda não têm muita saída na loja, acontece o desânimo no grupo, o que às vezes prejudica a criação e a produção. Em todas as fabriquetas, observamos as seguintes dificuldades: - Dificuldade em fazer com que todos se sintam responsáveis pelas fabriquetas. - Dificuldade em fazer com que todos os membros dos grupos percebam a importância da boa convivência e do respeito mútuo. - Dificuldade em fazer com que os cooperados percebam a importância de deixar os ambientes limpos e arrumados. - Dificuldade em fazer com que todos evitem os desperdícios de matéria-prima e de tempo. - Dificuldade em fazer com que todos criem o hábito de fazer pesquisas para melhorar o seu produto.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 4

AVANÇOS OBTIDOS
• Serralheria - Aumento dos integrantes, com a entrada de cinco bolsistas. - Vontade e interesse de todos do grupo em criar novas peças. • Carpintaria - Aumento dos integrantes, com a entrada de três bolsistas. - Qualidade dos móveis. - Os móveis feitos com pedaços de madeiras doados pela Plantar. • Cartonagem - Aumento dos integrantes, com a entrada de seis bolsistas. - Redução das sobras de papelão em 25%. - Aproveitamento das sobras de papelão para fazer esculturas. - Retorno de 01 cooperado para o grupo. - Amadurecimento de um dos cooperados em relação ao protagonismo e ao compromisso com o trabalho. - Retorno de alguns clientes fazendo encomendas. • Bordado - Aumento dos integrantes, com a entrada de três bolsistas. - Melhora aparente da qualidade no acabamento dos produtos. - Aprimoramento das técnicas de bordado e acabamento. - As cooperadas que já têm mais tempo estão orientando as bolsistas. - Compromisso do grupo com o trabalho. - Novos produtos com retalhos. • Doce - Aumento dos integrantes, com a entrada de duas bolsistas. - Aumento da produção. - Amadurecimento do grupo. - Grupo mais unido. - Espaço mais organizado. - Criação de novas receitas, com o aproveitamento total dos frutos.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 5

• Construtora e Imobiliária Para Quem Sabe Voar - Uso de papel machê. - Pesquisas em busca de inspiração para formas diferenciadas de casinhas. - Busca de material diferente para as casinhas. - Melhora no desempenho. • Em todas as fabriquetas - Cooperados usando o computador para fazer a solicitação de compras. - Cooperados usando computador para confeccionar planilhas de custo. - Pontualidade na entrega das encomendas. - Cumprimento das metas. - Produtos novos, com qualidade. - Show-room bem organizado e harmonioso. - Participação maior nas rodas, nos momentos de reflexão. - Conscientização do nosso papel como responsáveis pelo meio ambiente. - Preocupação e dedicação para a criação de novos produtos.

COMENTÁRIOS FINAIS
Estamos vivendo um período de muito crescimento, em que os cooperados e bolsistas estão se apropriando cada vez mais da cooperativa. Mostram-se participativos, atuantes, não só na criação e confecção dos produtos, mas em toda a gestão da Cooperativa. O conselho fiscal, que é composto por um cooperado de cada fabriqueta, está mais questionador e consciente da responsabilidade de compreender tudo para transmitir aos demais. Podemos perceber inovações nos produtos e com muita qualidade. A grande preocupação de todos está em produzir, respeitando o meio ambiente, aproveitando ao máximo o material e criando produtos com as sobras de materiais.
Cláudia Santos, Izabela Viana, Mônica Cabral, Ronaldo Lima, Silmara Soares Coordenadores

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 6

ANEXOS
• Relatório quantitativo Fabriqueta: Serralheria 1º de abril a 30 de junho de 2008. Mês de abril Número de peças criadas ........................................................................................................... 10 Número de peças produzidas...................................................................................................... 153 Mês de maio Número de peças criadas............................................................................................................. 13 Número de peças produzidas.......................................................................................................166 Mês de junho Número de peças criadas ............................................................................................................. 13 Número de peças produzidas........................................................................................................ 87 Fabriqueta: Carpintaria 1º de abril a 30 de junho de 2008. Mês de abril Número de peças criadas ..............................................................................................................05 Número de peças produzidas.........................................................................................................40 Mês de maio Número de peças criadas...............................................................................................................09 Número de peças produzidas.........................................................................................................34 Mês de junho Número de peças criadas ............................................................................................................. 09 Número de peças produzidas........................................................................................................ 14

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 7

Fabriqueta: Bordado 1º de abril a 30 de junho de 2008. Mês de abril Número de peças criadas ............................................................................................................ 17 Número de peças produzidas.......................................................................................................520 Mês de maio Número de peças criadas............................................................................................................. 06 Número de peças produzidas.......................................................................................................317 Mês de junho Número de peças criadas ........................................................................................................... 21 Número de peças produzidas...................................................................................................... 676 Fabriqueta: Cartonagem 1º de abril a 30 de junho de 2008. Mês de abril Número de peças criadas ......................................................................................................... 11 Número de peças produzidas....................................................................................................1.935 Mês de maio Número de peças criadas.......................................................................................................... 03 Número de peças produzidas....................................................................................................2.590 Mês de junho Número de peças criadas ........................................................................................................ 11 Número de peças produzidas................................................................................................... 2.515

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 8

Fabriqueta: Doce 1º de abril a 30 de junho de 2008. Mês de abril Número de peças criadas ............................................................................................................ 0 Número de peças produzidas.......................................................................................................594 Mês de maio Número de peças criadas............................................................................................................. 0 Número de peças produzidas.......................................................................................................827 Mês de junho Número de peças criadas ............................................................................................................ 10 Número de peças produzidas.......................................................................................................235

Fabriqueta: Construtora e Imobiliária Para Quem Sabe Voar 1º de abril a 30 de junho de 2008. Mês de abril Número de peças criadas ..............................................................................................................24 Número de peças produzidas.........................................................................................................68 Mês de maio Número de peças criadas...............................................................................................................32 Número de peças produzidas.........................................................................................................37 Mês de junho Número de peças criadas ............................................................................................................. 04 Número de peças produzidas........................................................................................................ 04

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 9

• Avaliação mensal do trabalho - Tabulada Maio - 2008 Aspectos Avaliados A) Pessoais 1 – Pontualidade 62,5% - Você é sempre pontual (25 pessoas) 35% - Chega por vezes atrasado (14 pessoas) 2,5% - Sempre chega atrasado (1 pessoa)
80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% S empre pontual Por vezes atrasado S empre atrasado

2 - Assiduidade 57,5% - Você nunca falta (23 pessoas) 40% - Falta pouco (16 pessoas) 2,5% - Falta muitos dias (01 pessoa)
60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Nunca falta Falta pouco Falta muitos dias

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 10

3 - Comportamento 87,5% - Você cumpre todas as regras do regimento interno (35 pessoas) 12,5% - Não cumpre todas as regras (5 pessoas)

100,00%

50,00%

0,00% Cumpre as regras Não cumpre todas as regras

4 - Empenho 95% - Sempre é empenhado nas tarefas. Você cumpre as atividades diárias, como organização e limpeza do seu espaço de trabalho e dos espaços que estão sobre a sua responsabilidade (38 pessoas). 5% - Nem sempre é empenhado nas tarefas (2 pessoas) 0% - Nunca foi empenhado nas tarefas (0)

100% 80% 60% 40% 20% 0% Sempre empenhado Nem sempre é empenhado Nunca foi empenhado

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 11

5 – Material 90% - Usa devidamente o material (36 pessoas) 10% - Desperdiça algum material (4 pessoas) 0% - Sabe que desperdiça muito material (0)

100% 80% 60% 40% 20% 0% U devidamente material sa D esperdiça material Sabe que desperdi

6 - Trabalho extra 90% - Sempre que precisa, leva trabalho para terminar em casa, ou fica depois do horário ou aos sábados (36 pessoas). 10% - Nas vezes em que precisa, leva trabalho para terminar em casa. Às vezes, fica depois do horário e às vezes vem aos sábados (4 pessoas). 0% - Nunca leva trabalho para terminar em casa. Nunca fica depois do horário e nunca vem aos sábados (0).
100% 80% 60% 40% 20% 0% Sempre levo pra casa ou depois do horário ou sábado Às vezes levo pra casa ou depois do horário ou aos sábados Nunca levo pra casa, nem depois do horário, nem aos sábados

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 12

7 - Solidariedade 92,5% - Sempre é solidário (37 pessoas). 7,5% - Às vezes é solidário (3 pessoas). 0% - Nunca é solidário (0).
100,00% 80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Sempre solidário Às vezes solidário Nunca solidário

8 - Respeito 82,5% - Respeito sempre a opinião dos outros (33 pessoas). 15% - Nem sempre respeito a opinião dos outros (6 pessoas). 2,5% - Nunca respeito a opinião do outro (1 pessoa).
100,00% 80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Sempre respeito a opinião dos outros Nem sempre respeito a opinião dos outros Nunca respeito a opinião dos outros

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 13

9 – Participação 97,5% - Participa ativamente nos trabalhos/rodas de grupo (39 pessoas). 2,5% - Participa em alguns trabalhos de grupo (1 pessoa). 0% - Não participa nos trabalhos de grupo (0).
100,00% 80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Participa ativamente dos trabalhos Não participa dos trabalhos Participa em alguns trabalhos

10 - Superação das dificuldades 95% - Supera as dificuldades (38 pessoas). 5% - Nem sempre supera as dificuldades (2 pessoas). 0% - Nunca supera as dificuldades, porque nem tenta superá-las, simplesmente deixa para lá (0).

100% 80% 60% 40% 20% 0% Sempre supera as dificuldades Nem sempre supera as dificuldades Nunca supera as dificuldades

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 14

11 - Aprendizagem técnica 45% - Já domino todas as técnicas usadas na minha fabriqueta (18 pessoas). 50% - Já domino algumas técnicas usadas na minha fabriqueta (20 pessoas). 5% - Não domino nenhuma técnica usada na minha fabriqueta (2 pessoas).
50% 40% 30% 20% 10% 0% Domino todas as técnicas Não domino nenhuma técnica Domino algumas ténicas

12 - Aprendizagem de gerenciamento 37,5% - Já domino o processo de planilha de custo dos produtos da minha fabriqueta (15 pessoas). 62,5% - Ainda não domino o processo de planilha de custo (25 pessoas).
80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Domino o processo de planilha de custos Ainda não domino o processo de planilha de custos

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 15

12.a. 40% - Já participei do processo de vendas-atendimento a cliente na loja (16 pessoas). 60% - Ainda não participei do processo de vendas (24 pessoas).
60% 40% 20% 0% Já participei do processo de vendas Ainda não participei do processo de vendas

13 - Estatuto, Regimento Interno e respeito às normas. - Tenho conhecimento do Estatuto e do Regimento Interno e não respeito todas as normas. - Tenho conhecimento do Estatuto e do Regimento Interno e respeito todas as normas. - Não tenho conhecimento do Estatuto e do Regimento Interno. Obs: Conhecimento do Regimento: 40 pessoas (100%) Conhecimento do Estatuto: 2 pessoas (5%) B) Coletivos 14 - quanto ao relacionamento em grupo 72,5% - Sempre temos uma relação harmoniosa (29 pessoas). 12,5% - Algumas pessoas mantêm sempre relações harmoniosas (5 pessoas). 15% - Existem pequenos conflitos no cotidiano (6 pessoas).
80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Sempre temos uma relação harmoniosa Algumas pessoas mantém relações harmoniosas Existem pequenos conflitos no cotidiano

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 16

15 - Quanto à cooperação 100% - Meu grupo é sempre cooperativo (40 pessoas). 0% - Às vezes trabalhamos em equipe. 0% - A maioria das pessoas é sempre cooperativa.
100% 80% 60% 40% 20% 0% Meu grupo é sempre cooperativo Às vezes trabalhamos em equipe A maioria das pessoas é sempre cooperativa

16 - Quanto à sua visão geral do trabalho O que mais lhe agradou - Ter feito novos amigos, somos companheiros. - A responsabilidade que vejo em todos ao fazer o trabalho. - A convivência com as pessoas do meu grupo - A entrada de novos integrantes para o grupo. - Fazer parte de um trabalho que se preocupa com o meio ambiente. - O trabalho único: aqui um ensina para o outro. Eu aprendi a ser responsável. - A cooperação que todos têm uns com os outros. - A união do grupo. - O fato de não ter patrão. - O aumento da fabriqueta com a chegada dos novos participantes e o novo trabalho com papel machê. - Ver que algumas pessoas se interessam pelas casas de passarinho. - Aprender a costurar e a bordar. - Aprender o trabalho que foi proposto. - A forma de resolver as coisas, sempre na roda, ouvindo a todos. - A melhoria dos nossos móveis. - Estar fazendo coisas que nunca imaginei fazer.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 17

O que lhe desagradou - A bagunça da Carpintaria, muita poeira, muito mato. - A falta de respeito com alguns colegas de trabalho. - Alguns conflitos entre os colegas de trabalho. - A não adaptação de uma das novas integrantes do grupo do Bordado. - O baixo valor da bolsa. - O nosso produto (Casa de Passarinho) não ter muita saída. - O lanche é muito ruim. - Poucos equipamentos de trabalho. - A falta de interesse de alguns cooperados. - A pouca saída das casas de passarinhos. - O atraso no pagamento. - O meu desempenho no grupo não foi bom. - As brincadeiras fora de hora. - Não ter um transporte para buscar os móveis que fazemos na Carpintaria e levá-los até a loja. - Uma falta de atenção minha ocasionou o acidente em que perdi parte do dedo. Sugestões para a melhoria do trabalho - Ter uma pessoa para capinar e limpar os espaços. - O esforço de cada um. - Que cada cooperado tenha consciência de que a Cooperativa é de todos e por isso todos devem trabalhar de igual forma. - Aumentar o valor da bolsa. - Mostrar mais as casas de passarinho para os clientes. - Melhorar o lanche. - Comprar os materiais que precisamos para trabalhar. - Eu preciso me controlar mais quando for me expressar, pois às vezes magôo as pessoas. - Que todos tenham mais criatividade e vontade de inovar. - A colaboração de todos para manter uma boa convivência. - Aumentar o salário. - Ter mais máquinas no bordado. - Preciso me dedicar mais, melhorar o meu desempenho. - O processo de venda precisa melhorar. - Precisamos perseguir a busca da perfeição nos produtos. - Ter um transporte para transportar os móveis pesados da Carpintaria até a loja. (Participaram dessa avaliação 40 jovens, cooperados e bolsistas

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 18

• Planejamento das rodas educativas Abril - Tema: Consciência Ecológica

Data 02/04 Quarta 04/04 Sexta

Tema da roda Os três R’s do consumo consciente Reduzir - Reutilizar - Reciclar

Didática Ler e comentar o texto. Distribuir as palavras-chave: reduzir, reutilizar e reciclar. Cada um deve dar um exemplo do que já faz ou do que se comprometerá a fazer a partir de então. Na roda, o coordenador pede que cada um diga o número da frase que será completada, lê e completa a frase, fazendo algum comentário. Em seguida, o papel é passado para o próximo, que lê a frase seguinte. Promover a revelação de informações ou características ainda não conhecidas acerca dos membros do grupo, bem como integrar e proporcionar um melhor conhecimento sobre o meio ambiente. Assistir ao filme. Falar sobre a ligação do filme com o tema do mês: Consciência Ecológica Leitura compartilhada. Depois, cada um faz uma reflexão. Reflexão: Pensamento de Leonardo Boff

07/04 Segunda

Promover a troca de idéias sobre questões ambientais a partir de uma brincadeira de completar frases de improviso.

09/04 Quarta 11/04 Sexta 14/04 Segunda 16/04 Quarta 18/04 Sexta 21/04 Segunda 23/04 Quarta 24/04 Quinta 25/04 Sexta 28/04 Segunda 30/04 Quarta

O que pensamos e sentimos em relação ao ambiente.

Filme: “Nem que a vaca tussa” Comentário do filme Vários aspectos do meio ambiente Pensamento sobre a terra Feriado Questionamentos

Reflexões

Lixo

Avaliação do tema do mês. Recebemos 45 pessoas do Serro, entre artesãos e estudantes de Administração, que vieram conhecer o nosso trabalho. Festa comemorativa: aniversariantes dos meses de março e abril.

Debate: todo o trabalho que desenvolvo aqui na Cooperativa é com consciência ecológica, pois tenho compromisso ambiental. Reflexões sobre as medidas que devemos adotar no nosso trabalho para agir de forma ecologicamente correta. Reflexão sobre a importância de se produzir menos lixo. Questionamento: como podemos aproveitar todo o material da nossa oficina e saber separar o lixo? Cada um faz a sua avaliação, ressaltando se o tema discutido o ajudou de alguma forma.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 19

• Maio - Tema: Valores Humanos Objetivo: formar cidadãos éticos

Data 02/05 Sexta 05/05 Segunda 07/05 Quarta 09/05 Sexta 12/05 Segunda 14/05 Quarta 16/05 Sexta 19/05 Segunda 21/05 Quarta

Tema da roda Valor: Obstinação Valor: Cooperação Valor: Afetividade Valor: Dignidade Respeito às diferenças Valor: Responsabilidade Valor: União Valor: Determinação Valor: Coragem Valor: Persistência

Didática Texto para debate: “Ponha um tubarão no seu tanque” Texto para reflexão: “As Colheres de Cabo Comprido” Dinâmica do pirulito: cada participante receberá um pirulito com a embalagem e, com as mãos dadas, deverá chupar o pirulito. Texto para reflexão: “A flor é pra se regar...” Texto para reflexão: “A dignidade da diferença” Texto para reflexão: “Dinâmica da caixa com um espelho no fundo” Texto para reflexão: “Um mais um é sempre mais que dois” Texto para reflexão: “Quando se sabe o proposto, nada é capaz de alterá-lo” Texto para reflexão: “Medo do Desconhecido” Texto para reflexão: “O que faz a diferença” Texto para reflexão: “O homem e o Jornaleiro” Dinâmica - Distribuir as seguintes palavras: Amabilidade -Persistência - Generosidade - Paciência - Solidariedade Cortesia - Bom humor - Simpatia - Honestidade - Bom caráter - Cooperação - Afetividade - Dignidade Responsabilidade - União - Determinação -Coragem Respeito ao próximo - Caridade - Confiança Sinceridade - Educação - Fraternidade - Prontidão Disponibilidade -Piedade. Em seguida, deixar que cada um fale sobre cada palavra. Texto para reflexão: “Sempre podemos ir além” Texto para reflexão: “A entrega tem que ser total’ Discussão

23/05 Sexta

Valor: Educação Respeito ao próximo Bom caráter

26/05 Segunda 28/05 Quarta 30/05 Sexta

Valor: Caridade Valor: Confiança Avaliação do tema do mês

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 20

• Junho - Tema: Criatividade Objetivo: desenvolver o potencial criativo de cada um.

Data

Tema da roda Criatividade

Didática Debate: O que é criatividade? Por que é importante ser criativo? Como desenvolver a criatividade? Desafio: no fim deste mês, a avaliação do tema trabalhado será cada um trazer um objeto que criou e apresenta-lo. Texto: “Vista cansada” Comentários e reflexões. Texto – “Entendendo a criatividade” O comportamento de pessoas criativas. Leitura compartilhada e comentada. Dinâmica: Imitação Objetivo: exercitar a imaginação. Desenvolvimento: uma pessoa vai ao centro da roda e fica fazendo uma imitação. Os demais devem descobrir de que se trata. Dinâmica: Obstáculo Objetivo: exercitar a capacidade de resolver problemas usando a criatividade. Desenvolvimento: todos ficam de mãos dadas em um círculo. Depois, viram para fora do círculo, sem soltar nenhuma das mãos e sem ficar com os braços retorcidos. Texto: “Características da pessoa criadora” Leitura comentada. Dinâmica: Exercício da observação Observação da imagem. Identificação dos detalhes da imagem. Texto: “Desenvolvendo a criatividade” Texto: “Preste um pouco mais de atenção nas crianças e nos idosos” Leitura comentada. Falar sobre o trabalho que vamos desenvolver com os idosos do asilo. Questionamentos: O que esta frase transmite a você? Por quê? Esta frase é verdadeira para você? Quais as razões? Em que situações você vê ou observa esse princípio? Leitura e reflexões sobre os 15 itens. Apresentar o produto que criou, contando a sua história de criação. Cada um faz a sua avaliação, ressaltando as suas dificuldades para criar e o que fez para vencer este desafio. Depois, deve dizer como se sente agora que conseguiu.

02/06 Segunda 04/07 Quarta 06/07 Sexta 09/07 Segunda Ser criativo para resolver os problemas O poder da observação Como ser criativo O exercício da imaginação

11/07 Quarta

16/07 Segunda 18/07 Quarta

Quais as características que precisamos desenvolver para nos tornar seres criativos? Como desenvolver o potencial criador? Atenção, uma aliada da criatividade. Frases: “Descobrir consiste em olhar as mesmas coisas que todos olham e pensar algo diferente.” “Nada é permanente, exceto as mudanças.” Pensamentos que motivam Apresentação do produto Avaliação do tema do mês

20/07 Sexta

23/07 Segunda 25/07 Quarta 27/07 Sexta 30/07 Segunda

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 21

• MDI - Maneiras Diferentes e Inovadoras para trabalhar a autonomia, incorporar os valores humanos e culturais e desenvolver o compromisso ambiental dos jovens cooperados e bolsistas. Perguntas: Como trabalhar a autonomia, incorporando os valores humanos e culturais e desenvolvendo o compromisso ambiental dos jovens cooperados e bolsistas? Ações 1.Planejamento e divisão das tarefas: Organização do show-room. Divisão das tarefas por fabriquetas. Especificação individual da limpeza diária do banheiro e da cozinha (lista no painel). 2.Organização das fabriquetas: Organização diária do trabalho a partir do planejamento, visando alcançar a meta de produção. 3. Plantação de um jardim. 4. Manutenção do jardim. Calendário de eventos: 1- Festa para comemorar os aniversariantes a cada dois meses. 2- Uma vez no mês, uma manhã de sábado de lazer (jogos de futebol, peteca, vôlei etc.) 3- Uma vez ao mês, assistir a um filme relacionado ao tema que está sendo discutido no mês. Comentar. 4- Fazer a festa junina com comidas típicas: canjica, quentão etc. – Socialização. Tempo Diário Responsável Coordenadores ,cooperados e bolsistas (Cada atividade tem um responsável em cada dia). Resultados Os espaços estão organizados. O cuidado com o jardim está acontecendo. O banheiro e o refeitório estão sendo limpos todos os dias. O jardim foi plantado e está sendo molhado diariamente.

Mensal

Cláudia, Ronaldo, Mônica, Izabela

A primeira festa aconteceu no fim de fevereiro, comemorando os aniversários de janeiro e fevereiro. Os presentes foram patrocinados pela Construtora e Imobiliária Para Quem Sabe Voar, com as embalagens feitas pela Cartonagem. A segunda festa aconteceu no fim do mês de abril, comemorando os aniversários de março e abril. Os presentes foram patrocinados pelo Doce e pelo Bordado e as embalagens foram produzidas pela Cartonagem. A terceira festa aconteceu no fim de junho e teve os presentes patrocinados pela Serralheria e as embalagens pela Cartonagem. Já aconteceram duas manhãs recreativas com práticas esportivas. Já assistimos a dois filmes na sala de vídeo do Telecentro. Depois, comentamos e refletimos sobre os temas dos filmes.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 22

Avaliação mensal dos cooperados e bolsistas.

Mensal

Claudia, Ronaldo, Mônica, Izabela Elaboração dos temas das rodas: Claudia. Reflexão nas rodas. Todos os presentes.

Roda com os temas educativos: Fevereiro: Escolarização Março: Planejamento Financeiro Abril: Consciência Ecológica Maio: Valores Humanos Junho: Criatividade

Tema mensal. São três rodas semanais: uma na segundafeira e uma na sextafeira, às 13h, e a outra na quartafeira, às 7h30.

A avaliação foi aplicada e discutida nos grupos. Ainda não foi feita com os vendedores (cooperados) da loja. Foi muito positivo o resultado das avaliações (em anexo). As pessoas reconheciam onde estavam os pontos falhos e se comprometiam em melhorar. As rodas estão sendo muito proveitosas. Estão sendo feitas várias reflexões e é notório o desenvolvimento dos jovens. Ao fim de cada mês, fazemos na roda a avaliação do tema estudado. A avaliação do mês de junho foi diferente: cada cooperado e bolsista apresentou um produto criado por ele e contou a história da sua criação.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 23

• MPRA - Monitoramento de Processos e Resultados de Aprendizagem Fabriquetas Curvelo - Abril, maio e junho / 2008 Perguntas 1. Quantos iniciaram a atividade e / ou o projeto? Quantos concluíram? Respostas Em março, tínhamos 15 cooperados e 10 aprendizes. Finalizamos o mês de junho com 43 jovens, sendo 20 cooperados e 23 bolsistas.

2. Quanto tempo gastamos ou necessitamos para realizar atividades e/ou módulos? Foi suficiente?

O tempo previsto para o debate dos temas em rodas foi suficiente. Já o tempo previsto para a confecção dos produtos não foi suficiente. Os meninos da Cartonagem precisaram ficar depois do horário e também no sábado, contando ainda com a colaboração de todos os grupos para atender a um pedido urgente, em tempo mínimo. Quanto às demais fabriquetas, de vez em quando seus membros ficam depois do horário para conseguir vencer o planejamento e atingir a meta.

3. Quantos produtos foram criados e quantos passaram no controle de qualidade?

No mês de abril: Na Serralheria: 10 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade. Na Carpintaria: 05 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade. No Doce: nenhum produto foi criado. No Bordado: 17 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. Na Cartonagem: 11 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. Na Casa de Passarinho: 24 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. No mês de maio: Na Serralheria: 13 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 24

Na Carpintaria: 09 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade. No Doce: nenhum produto foi criado. No Bordado: 06 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. Na Cartonagem: 03 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. Na Casa de Passarinho: 32 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. No mês de junho: Na Serralheria: 13 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade. Na Carpintaria: 09 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade. No Doce: 10 produtos novos e todos passaram no controle de qualidade. No Bordado: 21 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. Na Cartonagem: 11 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade. Na Casa de Passarinho: 04 produtos foram criados e todos passaram no controle de qualidade.

4. Quantos materiais de apoio e/ou de instrução foram utilizados? Eles atendem aos objetivos do projeto?

Foram usados os seguintes materiais e realizadas as ações: Seis livros foram lidos por seis jovens e comentados nas rodas; revistas são instrumentos de pesquisas para todos os membros das fabriquetas, a todo o momento; 39 textos foram usados para reflexões nas rodas; foram feitas brincadeiras e dinâmicas com objetivos determinados, além de pesquisas na Internet. Os materiais pesquisados atendem aos objetivos

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 25

5. Como são utilizados os materiais /recursos disponíveis? Houve desperdício?

Não houve desperdício. Todos estão tomando consciência da importância de não desperdiçar e de aproveitar os restos de material para criar novos produtos. Na Cartonagem, sobrava muito retalho de papel, mas esses refugos já estão sendo aproveitados pelo próprio grupo para fazer esculturas de papel machê. No Bordado, todos os retalhos estão começando a ser aproveitados, dando origem a um novo produto. Na Casa de Passarinho, tudo o que se usa é refugo das outras fabriquetas. No Doce, foram feitas várias experiências para se aproveitar partes dos frutos que antes eram descartadas. A boa aceitação de nossos produtos pelos clientes

6. O que foi feito que evidencia ou garante que atingimos os objetivos propostos?

da loja; a consciência de produzirmos aproveitando tudo; a repercussão que tivemos por ocasião da participação da Cooperativa no programa “Ação”, da Rede Globo.

7. Como as atividades foram realizadas: foram lúdicas? Foram inovadoras? Foram educativas?

A atividade mais educativa que temos é, sem dúvida, a roda, que contribui muito com a educação e a trans-formação dos jovens. Nessas rodas, discutimos necessidade um de tema todos por nós mês, com bom maior aproveitamento. No mês de abril, falamos sobre a buscarmos consciência ecológica e trabalharmos visando os três R’s: Reduzir, Reutilizar e Reciclar. No mês de maio, falamos sobre os valores humanos, que infelizmente estão cada vez mais ausentes nas pessoas. No mês de junho, o tema foi a criatividade. E o resultado não poderia ser melhor: na roda de avaliação, cada um, cooperado e bolsista, levou um produto que criou. Tivemos também manhãs

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 26

esportivas que, além de educativas, são lúdicas e promovem a interação do grupo. As atividades individuais realizadas em cada grupo também contribuem para o desenvolvimento de cada um.

8. O que pode ser sistematizado? É possível construir uma “teoria do conhecimento” já?

O que pode ser sistematizado é a questão do reaproveitamento e da valorização do material que se tem, para a sua transformação em objeto de arte, além das muitas técnicas já descobertas, a exemplo das esculturas de papel machê que estão sendo desenvolvidas pelo grupo da Cartonagem. Temos também as novas receitas do doce, que aproveitam todas as partes dos frutos.

9. O que necessita ser ainda praticado para alcançar os objetivos?

Continuar criando formas novas de apresentar o nosso trabalho, com o custo mais baixo, aproveitando todo o material disponível e tendo em vista a preservação do meio ambiente.

10. Se o projeto fosse encerrado hoje, ele estaria longe ou perto de seu objetivo?

Estaria perto do objetivo. Estamos notando o amadurecimento de muitos cooperados, que realmente estão se apropriando da Cooperativa. Todos estão mais participativos, mais comprometidos com o trabalho.

11. Há necessidade de “correções de rumo” nas atividades? Na metodologia?

Não. O caminho é esse mesmo que estamos seguindo: trabalhar o ser humano e dar condições para que ele cresça como pessoa e também profissionalmente.

12. O prazer, a alegria e a vontade em

Aumentaram. É muito gratificante ver o fruto do

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 27

relação ao projeto: aumentaram? Diminuíram? Por quê?

nosso trabalho, ver o crescimento dos meninos, ver cada vez mais os nossos produtos tendo mais qualidade, assim como a preocupação em criar novos produtos. Enfim, estamos vivendo um período de muito crescimento e de reconhecimento de todos os que conhecem nosso produto.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 28

• Plano de Trabalho e Avaliação - PTA Cooperativa Dedo de Gente - Araçuaí e Curvelo - 2008

Objetivo: promover a sustentabilidade da Cooperativa Dedo de Gente. Objeto Dimensões Perguntas importantes - Como rever o processo produtivo das fabriquetas nos quesitos: - Planejamento do processo produtivo. Satisfação econômica (Produção/ Comercialização) - Organização da produção. - Construção e aplicação do PTA com os cooperados e aprendizes. - Roda de conversa (Planejamento da produção. - Organização da produção). - PTA feito e utilizado. - Aumento de produção. - Produção de qualidade. - Pontualidade nas entregas. - Compras com melhores preços. - Redução de custo da produção. Cooperados e aprendizes Mensal. Cooperados, aprendizes e coordenadores Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores Atividades, técnicas e instrumentos Indicadores e evidências Público-alvo Tempo e responsável

Sustentabilidade

Cooperados e aprendizes

- Aquisição de matéria-prima.

- Pesquisa de preço. - Solicitação de material.

Cooperados e aprendizes

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 29

- Utilização correta de matéria-prima.

- Capacitação técnica e rodas.

- Redução do custo da produção. - Otimização do tempo. - Redução de custo da produção. - Otimização do tempo. - Novos produtos. - Produtos criativos. - Redução de custo. - Valorização dos recursos naturais. - “Popularidade” da comunidade. - Retorno financeiro.

Cooperados e aprendizes

Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Padronização do produto.

- Confecção de gabarito. - Ficha do produto com as medidas. - Acervo do protótipo. - Avaliação do produto. - Avaliação da produção. - Fazer pesquisas para criação (livros, revistas, Internet, pesquisa em loco). - Utilizar os materiais alternativos e regionais.

Cooperados e aprendizes

Sustentabilidade

Satisfação econômica (Produção/ Comercialização)

- Como criar produtos criativos e/ou inovadores?

Cooperados e aprendizes

Diário Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Como aumentar a visibilidade da cooperativa?

-Observação da capacidade produtiva, pontos fortes e fracos. - Análise do mercado. - Identificação dos riscos e das oportunidades (novas parcerias). - Eventos (feiras). - Controle de produção (SCAMS) para garantir o giro.

Coordenadores e comunicação

Coordenadores, comunicação. Avaliação semestral

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 30

- Como diminuir o desperdício das fabriquetas? - Como utilizar nossas sobras?

- Oficina de reciclagem. - Analisar o lixo produzido. - Planejamento de compra e utilização do material. - Reciclagem do papel. - Uso das sucatas. -Transformar as sobras do doce em adubo orgânico. - Reduzir as sobras. - Mostrar os impactos. - Promover encontros com a rede AVINA. - Selecionar materiais para estudos.

- Defeito zero. - Desperdício zero. - Lixo zero. - Diminuição do custo. - Ambiente limpo e agradável. - Lixo zero. - Desperdício zero. - Cuidado com o espaço e as pessoas de forma espontânea. - Frutas saudáveis. - Produtos com selo de qualidade ambiental: “100% natural”. - Jovens mais conscientes e atuantes.

Cooperados e aprendizes

Cooperados e aprendizes

Compromisso ambiental

- Qual a melhor maneira de desenvolver a consciência ecológica?

Cooperados e aprendizes

Sustentabilidade - Como garantir que as frutas utilizadas não contenham agrotóxicos? - Como fazer para que os jovens se sintam responsáveis pela Cooperativa? - Aquisição de mudas para formar um pomar

Valores humanos e culturais

- Conhecimento do Estatuto. - Conhecimento da contabilidade (Recebimentos/pagamentos).

Cooperados e aprendizes

Trabalho diário. Resultado esperado em seis meses.

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 31

De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais? - De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais? Sustentabilidade Valores humanos e culturais De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais? De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais?

Rodas de conversas sobre o cotidiano, sobre valores.

- Maior participação.

Cooperados e aprendizes

Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Dinâmicas

- Aumento da auto-estima.

Cooperados e aprendizes

Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Assistir a filmes e a documentários.

- Conhecimento adquirido.

Cooperados e aprendizes

Mensal. Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Atividades esportivas e recreativas.

- Melhoria no comportamento, na socialização.

Cooperados e aprendizes

Mensal. Cooperados, aprendizes e coordenadores

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 32

De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais? De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais? De que forma os jovens podem participar efetivamente da construção dos seus valores culturais?

- Incentivo à leitura de livros e revistas.

- Maior número de livros lidos.

Cooperados e aprendizes

Semanal. Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Roda de conversas sobre o cotidiano, sobre os valores.

- Maior participação.

Cooperados e aprendizes

Sustentabilidade

Valores humanos e culturais

Semanal. Cooperados, aprendizes e coordenadores

- Pesquisa sobre a literatura roseana.

- Aumento do conhecimento.

Diário. Cooperados, aprendizes e coordenadores

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 33

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 34

Projeto Fabriquetas - Curvelo /MG 35