You are on page 1of 2

Documento de Apoio MRP I e II- Material para estudo e aperfeiçoamento do assunto

1.Introdução: As empresas até os anos 60 tinham que calcular tudo manualmente que materiais necessitavam tudo de modo a garantir que teriam esses materiais disponíveis quando fossem produzidos. Mas a evolução trouxe o MRP (Material Requirements Planning) com isto estes cálculos passaram a ser feitos de forma mais fácil e detalhados. Mas tarde surgiu o MRP II que é uma evolução do MRP ele possui um significado mais abrangente. 2.MRP e MRP II MRP (Material Requirements Planning) quando se iniciou se referia ao planejamento das necessidades de materiais para manufatura. Hoje em dia o seu conceito está focado na gestão de operações como um sistema corporativo. O papel do MRP é de apoiar as decisões sobre o momento e a quantidade do fluxo de materiais em condições de demanda e serviços. A partir dos anos 80 o conceito do MRP se ampliou do planejamento das necessidades de materiais assumindo um novo conceito Planejamento de Recursos de Manufatura o MRP II. 3 .EVOLUÇÃO MRP Os sistemas de planejamento das necessidades de recursos das empresas sempre estão em um estado de evolução contínua. Seus primeiros sistemas eram simples e muito pouco sofisticado e seu valor da informação que era gerada para as operação era limitada. As necessidades de sistemas MRP mais sofisticados levou a uma mudança do MRP I para o planejamento dos recursos de manufatura o (MRP II), que é um método para o efetivo de planejamento de todos os recursos de uma empresa manufatureira. Tendo a capacidade de uma simulação para responder perguntas importantes. 4.CARACTERÍSTICA DO MRP E MRP II As principais característica do MRP na área de produção é de melhorar o serviço ao cliente, melhorar a eficiência operacional da fábrica, reduzir os investimento em estoque. O MRP ajuda a controlar melhor a quantidade e os tempos de entrega das matérias primas. Outras características é a diminuição de falta de materiais, redução de incidência de submontagens, aumento da capacidade da área de produção e etc... 5.EXEMPLOS MRP O MRP é um processo sistemático que toma as informações necessárias ao planejamento e de calcular as quantidades e o momento das necessidades que irão satisfazer à demanda. 6.ESTRUTURA DO MRP

Gestão de demanda e MPS/RCCP) Motor: é o nível mais baixo do planejamento (MRP/CRP). 7. Já o MRP II que nasceu a partir do MRP.CONCLUSÃO MRP permite que as empresas com base na decisão de produção dos produtos finais. Contribuindo assim a gestão de materiais. referente ao o que.O sistema MRP II possui a seguinte estrutura dividida nos seguintes grupos Comando. realimentando todo o seu processo. seja determinado quanto. além de atender a diversas necessidades de informação passou a atender às necessidades de informação para tomada de decisão gerencial sobre outros recursos de manufatura. além das decisões referentes a gestão da capacidade de curto prazo. Motor e Rodas: Comando: É composto pelos níveis mais altos de planejamento (S&OP. assim como controlar o cumprimento do planejamento. o que e quando produzir e comprar os diversos componentes e matérias-primas. . é responsável por apoiar a execução detalhada daquilo que foi determinado pelo bloco anterior. Rodas: composta pelos módulos de execução e controle (Compras e SFC). quanto e quando produzir ou comprar.