You are on page 1of 49

FRATURAS DISTAIS DO RÁDIO

Tratamento
Fios de intramedulares
Fios de Kirschner
Fixador externo
Placas DCP, Bloqueada, Ortogonais
Associação com Artroscopia ?

Qual a melhor técnica?


Osteossíntese das fraturas do radio distal

• A placa ou fixador externo .

• Qual é a melhor técnica de estabilização


deste tipo de fratura ?

• Pinagem percutânea ?????


TRATAMENTO COM PLACA

Não existe evidência


Os trabalhos se baseiam em estudos de
relatos de casos
Problemas éticos!!
Importante a experiência do cirurgião !!!

watershed line
???????
Concorrência
Concorrentes com placas bloqueadas
2004 2005
2003
1. Synthes 1. Synthes
1. Synthes
2. Acumed 2. Acumed
2. Hand Innovations
3. EBI 3. EBI
3. Tri-Med
4. Fixano 4. Fixano
5. Hand Innovations 5. Hand Innovations
6. ITS – US Implant 6. GM Reis
7. Stryker- Leibinger 7. Stryker- Leibinger
8. Tri-Med 8. Tri-Med
9. Zimmer 9. Zimmer
10. Sbi-Avanta
11. Wright (Lo-Con TVA)
12. Medartis
13. Ortho-Fix
14. KMI (Viper)
Complications Following Internal Fixation of Unstable
Distal Radius Fracture With a Palmar Locking-Plate
[Original Article]

Arora, Rohit MD*; Lutz, Martin MD*; Hennerbichler, Alfred MD*;


Krappinger, Dietmar MD*; MD, David Espen†; Gabl, Markus MD*

From the *Department of Trauma Surgery and Sports Medicine,


Medical University Innsbruck (MUI), Innsbruck, Austria; and
†Divisione Ortopedia e Traumatologia, Ospedale Centrale, Bolzano,
Italy.
Accepted for publication March 9, 2007.

Intervention: Open reduction and palmar internal fixation with a


fixed-angle plate (2.4 mm LCP Distal Radius Plates; Synthes,
Salzburg, Austria).

The remaining 114 (81%) were enrolled in the study. There were 21
men and 93 women with a mean age of 57.4 years
COMPLICAÇÕES EM 27% DOS CASOS

- 9 tenossinovites de flexores
- 4 tenossinovites de extensores (parafuso)
- 2 rupturas do extensor longo do polegar
- 3 STC
- 5 DSR

Foram necessárias 20 cirurgias complementares


COMPLICAÇÕES
COMPLICAÇÕES
COMPLICAÇÕES
COMPLICAÇÕES
Tratamento das Fraturas Articulares e
Metafisárias do Rádio Distal, pelo
Método da Fixação Externa Associada a
Enxerto Ósseo Autógeno

Tese apresentada à Universidade Federal de


São Paulo - Escola Paulista de Medicina para
a obtenção do título de Doutor em Medicina

Acta Ortopédica Brasileira –vol.13 número 2 –ano 2005


Pacientes
23
8
5
HSPM
HAOC
HSP-EPM
HSP-EPM
8

28
Membros
Tempo de seguimento
12 a 72 meses
dominantes: 19 (52,7%) média: 36.2
não dominantes: 17 (47,2%)
Fixador externo radio transparente de encaixe cônico
1 .1 .2 .3
A 2 .1 .2 .3
3 .1 .2 .3

1 .1 .2 .3
2 3 B 2 .1 .2 .3
3 .1 .2 .3
23
1 .1 .2 .3
C 2 .1 .2 .3
3 .1 .2 .3
M.L.G. 67a
AO. C3,1
D

Pré-oper.
M.L.G. 67a
AO. C3,1
D

Pós-operatório
imediato
M.L.G. 67a
AO. C3,1
D

enxerto
enxerto

PA e perfil
(68 semanas PO)
M.L.G. 67a
AO. C3,1
D
M L S 74 anos
09 anos de pós operatório
N.H.R.M. 54a
AO. C3,1
D

Pré-operatório
N.H.R.M. 54a
AO. C3,1
D

Pós-operatório
Imediato
N.H.R.M. 54a
AO. C3,1
D

P. I. perfil
Imediato
N.H.R.M. 54a
AO. C3,1
D

PA e perfil
(28 semanas PO)
N.H.R.M. 54a
AO. C3,1
D
N.H.R.M. 63a

08 anos de pós operatório


Enxerto Autógeno

Knirk & Jupiter 1986

Leung et al. 1990

McQueen et al. 1996


Angelini 1998/99

Melhor estabilidade
Menor tensão na armação
Densitometria = massa óssea constante
Substitutos de Enxertos Ósseos
Intra-operatório
Reabilitação
com fixador
(4 semanas)
Uso de
órtese
(2 semanas)
COMPLICAÇÕES

 Infecção dos pinos - 3 casos (8,33%)

 Distrofia simpático reflexa


- 3 casos (moderada 2 - severa 1)
 Pseudo-artrose do processo
estilóide da ulna
- 12 casos (33,33%)
A fixação externa associada ao
enxerto ósseo autógeno apresentou:

 O enxerto ósseo autógeno


manteve-se presente ao longo
do tempo e permitiu a retirada
do fixador em 4 semanas.
Avaliação Anatômica e Funcional
Seguimento 36,2 meses

Bom
Funcional
28%
72% Regular Excelente

19%
64%
Excelente 17%
Bom

Anatômica
FRATURA DA EXTREMIDADE DISTAL DO RÁDIO:
PINAGEM PERCUTÂNEA DE PALMA VS FIXADOR
EXTERNO.
Ensaio clínico Randomizado

Tese apresentada à Universidade Federal de São Paulo


– Escola Paulista de Medicina,
para a obtenção do Titulo de Doutor em Ciências.

João Carlos Belloti São Paulo 2005


Fixador externo - Técnica cirúrgica
Fixador externo - Técnica cirúrgica
Fixador externo - Técnica cirúrgica
De Palma –
Pré- Operatório
De Palma – Pré / Pós operatório
CONCLUSÃO

• Os dois métodos comparados mostram-se efetivos,


segundo a analise radiográfica e funcional, para o
tratamento das fraturas instáveis e redutíveis da
extremidade distal do rádio

• Complicações e falha do método do tratamento não


demonstraram variação estaticamente significante entre
os grupos
Custos
Fixador X Placa
• Custo no Brasil :

• Placa e Parafusos média U$ 4.200

• Fixador externo média U$ 2.000

Custo após reuso do fixador externo 34 %


menor
Reuse of external sketelal fixator components:effects on costs and complications (Structured abstract)
Dirschi D R, Smith I J, . Reuse of external skeletal fixator components/; effects on cost and complications. Journal of Trauma – Injury, Infection and Critical Care 1998;44
(5)/; 855-858
Como tomar a decisão
clínica mais adequada?

experiência
evidências

competência
ética