AULA 2 - GESTÃO

Profª: Juliana da Silva Favero

Atividade farmacêutica em 3 Períodos:
Tradicional Transição Atenção ao paciente

Período Tradicional Farmacêutico = boticário Único profissional acessível à população Solucionava todos os problemas de saúde Fornecia todas as orientações sobre medicamentos Também era a fonte sobre economia, dúvidas de aula, conselhos sentimentais, etc.

Período de Transição Indústrias em ascensão Farmacêutico sumiu do balcão Passou para dentro de laboratórios Farmacêutico no desenvolvimento dos medicamentos Perde seu perfil de orientador .

perde respeito da sociedade e seu papel de agente de saúde .Período de Transição Farmácia = entrega de medicamentos Deixa de ser estabelecimento de saúde Perda do papel social do farmacêutico Farmacêutico = empregado.

Período de Transição Farmácia = COMÉRCIO = LUCRO “Empurroterapia” Propagandas desmedidas Medicamento = “SOLUÇÃO MÁGICA” para todos os problemas humanos. .

curativo ou preventivo .Atenção ao paciente Farmacêutico = crise de identidade Reação pela prática da farmácia clínica Papel fundamental para saúde pública Foco na saúde do paciente Medicamento deixa de ser produto Medicamento = meio de alcançar resultado paliativo.

Atenção ao paciente Farmácia Clínica aproxima do leito do paciente Atenção ao paciente Ênfase no tratamento medicamentoso sempre minimizando os riscos do seu uso. .

Atenção ao paciente 1962 – Desastre da talidomida Gestantes tendo fetos com anomalias (focomelia) Surgimento de ações de farmacovigilância Inicia a atenção ao paciente!!! .

FOCOMELIA .

Atenção ao paciente 1990 – Vigilância e conselhos atuantes Farmacêutico: obrigatória sua presença no setor privado Serviço público: mesmo caminho. porém de forma lenta Nº de profissionais no SUS é pequeno Melhora dos serviços à população .

Tradicional Transição Atenção ao Paciente Futuro??? .

medicamentos e outros correlatos Cria e transmite conhecimentos relacionados a: Drogas e medicamentos Diagnóstico Tratamento e sistemas de distribuição e dispensação . desenvolve. produz e distribui drogas.Servir a sociedade e centrar nas necessidades da sociedade e de cada paciente É o profissional que descobre.

Os principais farmacêutica são: objetivos da profissão Atenção Farmacêutica Farmacêutico em exercício Educadores Pesquisadores Envolvidos na fabricação e distribuição .

Responsabiliza-se pela disponibilidade dos medicamentos para: Prevenir Diagnosticar Tratar e curar doenças Terapia eficaz e segura Dose e outras informações Paciente certo Momento e lugar certo .

Assegura contínuos serviços a comunidade Selecionando Educando Treinando Passando conhecimento .

Avaliação de fatores de risco. Promoção da saúde e vigilância das doenças . Prevenção da saúde.Iniciativas para melhorar estado de saúde da comunidade: Acompanhamento e educação para o paciente.

Promoção da saúde: Vigilância sanitária Publicações em saúde pública. . Promoção do uso racional de medicamentos pela sociedade.

a indicação .Medicamento correto para apropriada Dose correta Via de administração correta Duração apropriada Sem contra-indicações Reações adversas mínimas Dispensação correta Aderência ao tratamento.

Fornecer o medicamento ao paciente.Participar no processo de tomar decisões sobre a utilização de medicamentos. Selecionar a medicamento. forma farmacêutica do Preparar o medicamento para uso do paciente. .

de acordo com os objetivos da Atenção ao paciente. . Controlar e acompanhar para detectar reações adversas e interações com medicamentos e alimentos. Controlar e acompanhar o paciente para incrementar a probabilidade de êxito do procedimento terapêutico.Prestar informações ao paciente sobre os medicamentos.

vistos com: Responsabilidade Respeito Verdade Consciência Justiça . Farmacêutico e paciente.Farmacêutico: último profissional de saúde em contato direto com o paciente após a decisão médica pela terapia farmacológica. Responsável pela qualidade de vida do paciente.

O farmacêutico deve poder atender o paciente em sala reservada para este fim. .Humanização do serviço de saúde passa por todos estes aspectos. São necessárias instalações adequadas para o paciente sentir bem-estar e confiança no serviço prestado. garantindo privacidade. Ainda deve-se considerar o ambiente de atendimento.

em toda a sua plenitude. a Atenção Farmacêutica e avaliar a sua real utilidade nas ações de saúde pública. A sociedade acredita na atuação dos profissionais de saúde e na indústria farmacêutica. . calçados na ética profissional que se exige de cada segmento com o seu papel a desempenhar.O papel do farmacêutico como profissional do medicamento é realizar.

. que não ele está legal ética e academicamente tão capacitado para orientar o usuário do medicamento acerca do produto que está adquirindo. ninguém. imbatível em conhecimentos sobre medicamentos e exclusivo.A profissão farmacêutica busca resgatar o farmacêutico como o profissional insubstituível.

modificando o conceito da população em relação ao farmacêutico.SUS. Transformando-os em fatores positivos para o fortalecimento do papel do profissional à frente da farmácia. a assistência farmacêutica dentro do Sistema Único de Saúde . as farmácias de prefeituras. como: a falsificação de medicamentos. .Para resgatar o seu espaço. o farmacêutico deve aproveitar-se dos fatos históricos (ocasionais ou não) do momento.

.

O farmacêutico é um elo indispensável entre a cadeia produtiva de medicamentos e a sociedade. o profissional é que faz a ponte que resulta na segurança e na saúde da população. É a droga capaz de salvar ou matar. tênis ou aparelho doméstico. não pode ser comparado a uma roupa. É o fundamento da ação médica e farmacêutica. O farmacêutico e o medicamento aliam-se na cruzada da saúde.O medicamento não é um bem de consumo. . sendo imprescindíveis e decisivos ao ato da prescrição médica. brinquedo.

. a exemplo dos riscos potenciais que há nos medicamentos. de garantir terapia farmacológica segura e efetiva para o paciente. passando as suas informações. Sendo o farmacêutico fundamental na equipe multiprofissional de saúde. ele tem que estar à frente da farmácia. e com o seu conhecimento e a sua inquietude.A reprofissionalização na farmácia só será completa quando todos os farmacêuticos aceitarem o seu papel social. consultando o paciente.

A medicina só pode ser exercida com eficácia quando a gestão dos medicamentos é eficiente e. . 1990). somente quando a estrutura para atenção à saúde aceitar o farmacêutico como membro vital da equipe de saúde (OMS.

.

impacto na melhoria das condições de saúde e qualidade de vida. implementando a Atenção Farmacêutica inserida nas ações de saúde e que possam promover. com maior intensidade. efetivamente. A comunidade vem. a construção conjunta de programas racionais.Tem-se a frente um novo desafio. . exercendo a cidadania e promovendo o controle social. a cada dia. através de participação ativa nos conselhos da saúde e criação de novas associações.

Além disso. Assim. é possível criar meios para reduzir os custos da farmacoterapia. é possível garantir a melhora da utilização dos medicamentos. .Inserir o farmacêutico nas equipes de saúde pública e privada considerando seu potencial de contribuição para a população. com redução de custos de morbimortalidade (impacto da doença e dos óbitos que ocorrem na população).

Atenção ao paciente Novo conceito: ATENÇÃO FARMACÊUTICA .

” Paracelso. A diferença entre remédio e veneno está na dose de prescrição. . Paracelso. cientista suíço.“Não há nada na natureza que não seja venenoso.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful