INTERTEXTUALIDADE de Memorial do Convento com…

Gabriel, o Pensador (…) Eu vou p’ró mundo da lua Que é feito um motel Aonde os deuses e deusas Se abraçam e beijam no céu... Ah não, meu irmão! Qual é a tua? Que bicho te mordeu Aí na lua? Fica por aí Que é o melhor que cê faz A vida por aqui Tá difícil demais Aqui no mundo O negócio tá feio Tá todo mundo feito Cego em tiroteio Olhando pro alto Procurando a salvação Ou pelo menos uma orientação Você já tá perto de Deus Astronauta! Então me promete Que pergunta prá ele As respostas De todas as perguntas E me manda pela internet... Eu vou p’ró mundo da lua Que é feito um motel Aonde os deuses e deusas Se abraçam e beijam no céu... O lar do passarinho é o ar, e não o ninho

E eu voei… Eu passei um tempo fora, Eu passei um tempo longe. Não importa quanto tempo, Não importa onde. Num lugar mais frio, Ou mais quente de repente, Onde a gente é esquisita, Um lugar diferente.
Gabriel, O Pensador

Vergílio Ferreira, in Conta Corrente

sinfonia. Eles não sabem que o sonho é tela. como estas aves que gritam em bebedeiras de azul. grosso. magia. que é retorta de alquimista. mapa do mundo distante. máscara grega. como esta pedra cinzenta em que me sento e descanso. Infante. é fermento.Que Há para Lá do Sonhar? Céu baixo. fuste. rosa-dos-ventos. pináculo de catedral. bichinho álacre e sedento. base. Mas que há para lá do sonhar? António Gedeão Pedra Filosofal Eles não sabem que o sonho é uma constante da vida tão concreta e definida como outra coisa qualquer. . Eles não sabem que o sonho é vinho. é cor. como este ribeiro manso em serenos sobressaltos. cinzento e uma luz vaga pelo ar chama-me ao gosto de estar reduzido ao fermento do que em mim a levedar é este estranho tormento de me estar tudo a contento. de focinho pontiagudo. é pincel. em todo o meu pensamento ser pensar a dormitar. caravela quinhentista. é espuma. capitel. como estes pinheiros altos que em verde e oiro se agitam. arco em ogiva. que fossa através de tudo num perpétuo movimento. contraponto. vitral.

canela. desembarque em foguetão na superfície lunar. florete de espadachim. in 'Movimento Perpétuo . que o sonho comanda a vida. ouro. Eles não sabem. televisão. bastidor. António Gedeão. passarola voadora. barco de proa festiva. locomotiva. nem sonham. ultra-som. pára-raios. marfim. radar. geradora. Colombina e Arlequim. cisão do átomo.que é Cabo da Boa Esperança. passo de dança. Que sempre que um homem sonha o mundo pula e avança como bola colorida entre as mãos de uma criança. alto-forno.