PONTOS E CURIMBAS CASA ESPIRITUAL DE RECUPERAÇÃO DA VIDA

1

ÍNDICE
Introdução ......................................................................... Prece de Cáritas ................................................................ Pontos de Defumador ....................................................... Pontos de Saudação dos Orixás ..................................... Sessão de Exus ................................................................ Sessão de Caboclos ....................................................... Sessão de Pretos Velhos Gira Mensal .............................................. 3 4 5 7 8 27 36 47 59 61 65 69 72 75 77 79 83 89 91

................................................................ .......................................................

Pontos de Oxossi

Pontos de Ogum................................................................ Pontos de Iemanjá .......................................................

Pontos de Oxum ................................................................ Pontos de Iansã ................................................................ Pontos de Nanã ................................................................ Pontos de Obaluaê Pontos de Xangô Pontos de Ibeijada Pontos de Boiadeiro Diversos ....................................................... ....................................................... ....................................................... .......................................................

.........................................................................

2

Pode acontecer divergência na forma de cantar cada um dos pontos anteriores. mas como base inicial para aprender novos pontos para cada vez honrar mais estes espíritos de luz que nos guiam. Aproveite. de um terreiro para outro.INTRODUÇÃO Nesta apostila consta alguns dos principais pontos cantados na Casa Espiritual de Resgate da Vida. Não utilize esta apostila como ponto final dos pontos cantados. 3 . porém todas as formas aqui apresentadas são as cantadas pelas nossas entidades. trazendo luz e caridade para os assistentes e médiuns. aprenda e bons trabalhos. Os pontos aqui existentes têm por finalidade vibrar para as entidades durante os trabalhos de nossa Casa.

nosso Pai. Que a Vossa bondade permita hoje aos Espíritos Consoladores derramarem por toda parte. esperança para aqueles que sofrem. deixai-nos. para aquele que não vos conhece. dái ao culpado o arrependimento.PRECE DE CÁRITAS Deus. oh! Poder. nós Vos esperamos com os braços abertos. como um grito de reconhecimento e de amor. E um só coração. dái ao viajor a estrela guia. um só pensamento subirá até vós. oh! Bondade. à criança o guia e ao órfão o pai. que sois todo Poder e Bondade. oh! Beleza. dai-nos a simplicidade que fará das nossas almas o espelho onde se refletirá a Vossa excelsa e divina imagem. um raio. dá-nos a caridade pura. beber nas fontes dessa bondade fecunda e infinita. dá-nos a fé e a razão. dái força àquele que passa pela provação. oh! Perfeição. que a Vossa bondade se estenda sobre tudo que criastes. e todas as lágrimas secarão. ao espírito a verdade. Senhor. Assim como Moisés sobre a montanha. todas as dores se acalmarão. ao aflito a consolação. meu Deus. uma faísca do Vosso imenso amor pode abrasar a Terra. uma centelha. daí luz àquele que procura a verdade. Deus. pai. Piedade. dái-nos a força de ajudar o progresso a fim de subirmos até Vós. Pai. ponde no coração do homem a compaixão e a caridade. ao doente o repouso. Que assim seja! 4 . a paz. Senhor. Pai. e queremos de alguma sorte merecer a Vossa misericórdia. a esperança e a fé.

. NANÃ Umbanda cheirou/ Umbanda cheirou/ Umbanda cheirou/ Nana Buruque/ Umbanda cheirou/ Umbanda cheirou a Guiné/ Umbanda cheirou alecrim/ Umbanda cheirou alfazema/ Umbanda cheirou beijoim/ Umbanda cheirou. 5 . FECHAMENTO Defumei.. OXUM E IANSÃ Defuma com as ervas da Jurema/ Defuma com arruda e guiné/ Com beijoim/ alecrim e alfazema/ Vamos defumar filhos de fé/ Defuma./ Pra todo mal que aqui se encontra/ leva pras ondas do mar. para dele o mal retirar. eu defumo esse recinto de trabalho pro mal sair e o bem entrar. OGUM Corre gira pai Ogum/ Filhos quer se defumar/ A Umbanda tem fundamento/ Que é preciso preparar/ Com incenso/ Beijoim/ alecrim e alfazema/ Defumando filhos de Umbanda/ Com as ervas da Jurema. OXUM Savará mamãe Oxum/ que nos venha defumar/ Umbanda tem fundamento/ é preciso preparar/ com incenso e benjoim/ alecrim e alfazema/ defumai filhos de fé/ com as ervas da Jurema.PONTOS DE DEFUMADOR OXOSSI Eeeee Pai Oxossi/ daí-me licença pra defumaaar/ eu defumo/ eu defumo/ eu defumo/ esse seu casuá. PRETOS VELHOS Preto Velho vem de longe/ pra ajudar filhos de fé/ Defumai a nossa banda/ com arruda e guiné./ nas santas horas de Oxalá. OBALUAÊ Sete Folhas da Jurema/ Cheirou Guiné/ Defumai a nossa banda/ Dos filhos de fé XANGÔ Xangô meu pai/ Defuma essa banda se não ela cai/Xangôôô. Defumei. IBEIJADAS A nossa Umbanda nós vamos defumar/ com as Ibeijadas e a luz de Oxalá/ Salve as crianças que trabalham na Umbanda/ e defumando carregam as demandas OXALÁ Nossa Senhora defumou seu amado filho. IEMANJÁ Ô mamãe Iemanjá/ vem defumar/ que os filhos de fé/ estão em gongá.

chamei Xangô e todos os orixás.Defumador para o orixá do mês. Baixai./ ele vem cansado com o peso da cruz./ tem pena de nós tem dó/ a volta do mundo é grande/ seus poderes são maiores. Abre a porta ó gente/ que aí vem Jesus. PONTO DO ORIXÁ DO MÊS (pg. levando pro mar adentro. quem vem lá de tão longe. salve a estrela guia/ viva Jesus. chamei e vou chamar Ô chamei Oxossi. para tirar a perturbação. para as ondas do mar sagrado. 4) HINO DA UMBANDA Refletiu a luz divina/ Em todo seu esplendor/ É no reino de Oxalá/ Onde há paz e amor/ Luz que refletiu na terra/ Luz que refletiu no mar/ Luz que veio de Aruanda/ Para tudo iluminar/ A Umbanda é paz e amor/ É um mundo cheio de luz/ É a força que nos dá vida/ E a grandeza que nos conduz/ Avante filhos de fé/ Com a nossa lei não há! / Levando. Eu abro a nossa gira com Deus e Nossa Senhora/ Eu abro a nossa gira Sambolé pemba de Angola. SAUDAÇÃO A TODOS OS GUIAS DA HUMANIDADE Chamei./ vem de porta em porta/ vem de rua em rua/ vai salvar as almas/ sem culpa nenhuma. baixai ó Virgem da Conceição. chame-ei. são nossos guias que vêm trabalhar/ Quem vem. DEFUMADOR (pg. a glória deste dia/ eu vim aqui. Ó dái-me forças pros trabalhos meus. Maria Imaculada. chame-ei. Deus. meu Pai. chamei e vou chamar/ Chamei.ABERTURA DOS TRABALHOS PRECE DE ABERTURA – PRECE DE CÁRITAS (pg. quem vem lá de tão longe. poderemos encontrar/ as belas vibrações deste gongá. Se tiver praga em alguém. 5) . são nossos guias que vêm trabalhar/ Ó dái-me forças pelo amor de Deus. chamei ogum. SAUDAÇÃO A OXALÁ (seguir essa ordem) Oxalá meu Pai. Estrela do céu/ guiou nosso Pai/ Guiai esses filhos/ Caminhos que vai/ Glória a Jesus nosso pai redentor/ que na santa cruz seu sangue derramou. Quem vem. 6) 6 . pedir a Jesus/ e a Virgem Maria/ unidos estaremos. desde já seja retirada. ao mundo inteiro/ A bandeira de Oxalá.

/ E também é neto da lua. Seu Tranca Rua/ É uma beleza/ eu nunca vi/ um exu assim. ena mojuba/ ena ena mojuba/ Saravá Seu Tranca-Ruas/ que é dono da gira no meio da rua./ Quem cometeu as suas faltas.qua. Deu Meia-noite/ a lua se escondeu/ lá na encruzilhada dando a sua gargalhada Tranca Rua apareceu/ anaruê anaruê anaruê mojuba mojuba mojuba/ se ele é odara/ quem tem fé nesse lebara é só pedir que ele faz.SESSÃO DE EXUS SAUDAÇÃO A OGUM Eu tenho 7 espadas pra me defender/ Eu tenho Ogum em minha companhia/ Ogum é meu Pai/ Ogum é meu Guia/ Ogum é Meu Pai/ Venha com Deus e a Virgem Maria.qua. meu pai./ Seu Tranca Rua/ é uma beleza/ ele é madeira/ que não dá cupim. abenção/ Seu Tranca Ruas é o rei da alegria. Boa noite pra quem é de boa noite/ Bom dia pra quem é de bom dia/ Abenção./ peça perdão ao Tranca Rua./ Sua coroa quem lhe deu foi Oxalá / sua divisa quem lhe deu foi Omulu/ Salve o céu/ Salve o sol/ e salve a lua/ Sarava seu Tranca Rua/ que é dono da gira no meio da rua/ Ena. O sino da igrejinha faz belém-bem-bão/ deu meia noite o galo já cantou/ são os Exus que são donos da gira/ e corre gira que Ogum mandou/ O sino da igrejinha faz belém-bem-bão/ deu meia noite o galo já cantou/ as Pombos Giras que são donas da gira/ e corre gira que Ogum mandou. 7 . Ogum. não se esqueça/ de olhar pra trás/ olha que lá/ tem morador/ Seu Tranca Ruas é que mora lá./ Mas ele é filho do sol. O luar/ o luar/ ele é dono da rua/ quem cometeu as suas faltas/ peça perdão a Tranca Rua. CHAMADA DOS EXUS E qua. Soltei um pombo lá na mata/ oi na pedreira não pousou/ mas foi pousar na encruzilhada/ seu Tranca-Ruas é quem mandou./ Exu pede licença/ para seu povo ele arriar/ Ogum/ mas ele é um Exu guerreiro/ vem trazendo força para esse terreiro.qua.qua/ ô que linda risada que Exu vai dar/ ô que linda risada é de qua./ e do clarão surgiu uma gargalhada/ Não era o sol/ nem era a lua/ quem brilhava era o Mestre Tranca-Ruas. Quando passar/ na encruzilhada/ oh.qua/ ô que linda risada que Exu vai dar.qua/ ô que linda risada que Exu vai dar/ e qua. Deu um clarão na encruzilhada. TRANCA RUA Ele é capitão da encruzilhada/ ele é/ ele é sentinela de Ogum.

/ Odara! O Meu senhor das almas/ dizem que eu não valho nada/ olha que ele é exu/rei das 7 encruzilhadas. Às 4 da madrugada/ ela me acorda/ e eu não quero nada. Quando eu venho descendo o morro/ a nega pensa que eu vou trabalhar/ eu boto meu baralho no bolso/ meu cachecol no pescoço/ e vou pra Barão de Mauá/ Trabalhar/ trabalhar/ trabalhar pra que/ se eu trabalhar eu vou morrer. Malandro com malandro/ marido e mulher/ malandro com malandro/ Zé Pilintra é. MALANDROS Se a radio patrulha chegasse aqui agora/ seria uma grande vitória/ ninguém poderia correr.7 ENCRUZILHADAS Sete vezes eu caí/ 7 vezes levantei/ 7 vezes eu subi pela mão do meu Exu/ O arcoíris que também 7 cores/ A semana 7 dias/ E o homem 7 amores/ Vê lá na encruza que também tem 7 reis/ Vou chamar seu 7 encruzas/ pra tomar conta da gira. Ô Zé/ quando for para lagoa/ toma cuidado com o balanço da canoa/ ô Zé faça tudo o que quiser/ só não maltrate o coração desta mulher. MEIA NOITE Exu da Meia-Noite/ Exu da Madrugada/ Uma banda sem Exu/ Não se pode fazer nada./ Mas qualquer dia eu quebro esse seu despertador/ mas trabalhar eu não vou. 8 . CHAMADA DE EXUS DE CEMITÉRIO Cemitério é praça linda/ ninguém quer lá passear/ catacumba é casa branca/ casa de exu morar./ Houve tiroteio. Odara/ Morador da Encruzilhada/ Firma seu ponto com 7 facas cruzadas/ Filho de Umbanda pede com fé/ Pro Seu 7 Encruzilhadas que ele dá o que você quer./ Agora que eu quero ver/ quem é malandro não pode correr. Tava sentado no muro/ fumando um bagulho a polícia chegou/ joguei o bagulho pro alto/ saí no pinote/ e ninguém me pegou. Deu uma blitz no morro/ a polícia vem aí/ Malandro que é malandro se escondeu lá na figueira/ Olha ele aí. houve confusão/ parou na porta um camburão. Entrei no cemitério/ às 11 horas do dia/ quem era morto falava/ quem era vivo tremia/ chamei um padre/ pra rezar a romaria (defuntaria)/ quanto mais o padre rezava/ mais defunto aparecia.

Pomba Gira é/ mulher de 7 maridos/ não mexa com Pomba Gira/ Pomba Gira é um perigo./ meia-noite o galo briga/ Meia Noite/ seu Meia Noite. Ê puerê/ ê puerá/ olha a mosca varejeira/ salve exu Caveira. Moça me dá um cigarro/ pra eu fumar/ Que nem dinheiro/ eu tenho pra comprar/ Vivo perdido/ nessa solidão/ Maria Mulambo/ me dê sua proteção. Na porta do cemitério Exu Caveira é o maior/ não tem carne. ele é osso só. CAVEIRA Portão de ferro/ cadeado de madeira. Aonde vai corcunda/ com tanta carreira/ no portão do cemitério/ vou chamar João Caveira. CHAMADA DAS POMBA GIRAS Pomba Gira ganhou uma garrafa de marafo/ e levou na capela pro padre benzer/ encontrou o sacristão/ na batina do padre tem dendê/ tem dendê./ Na porta do cemitério/ onde mora Exu Caveira. auê. Pomba Gira quebrou a perna/ na carreira que ela deu/ O terreiro pegou fogo/ a mulher do Exu não morreu. Eu vi homem sentado/ embaixo da amendoeira/ era osso só/ é João Caveira. Meia – Noite/ Exu Meia-noite. De longe eu viiii/ um atabaque afinado/ ele dizia/ tem festa neste reinado/ viiii/ dona Sete chegar/ a Mulambo cantar/ e a Padilha sambar lalalá/ moça/ hoje a festa é sua/ mas aquela porteira/ é de seu Tranca Ruas.Meia – Noite./ Meia-noite o galo canta. Ê Mulambo/ ê Mulambê/ ê Mulambo deixa a gira tremer/ O tempo é quem vai dizer/ o que pode acontecer/ Mulambo vem pra gira pra girar/ e a sua história ela agora vai contar. É uma casa de Pombooo/ é de Pombo Gira/ Auê auê/ Auê auá. auê. Na família de pombo gira/ Só não entra quem não quer/ É Maria Padilha/ É Maria Mulambo/ É a dona Figueira/ É Maria Mulher MARIA MULAMBO Abre a roda/ deixa a Maria Mulambo trabalhar/ Mas ela tem peito de aço/ Ela tem peito de aço e coração de sabiá. VELUDO Eee Veludo/ seu cabrito deu um berro/ arrebentou cerca de arame/ estourou portão de ferro. Êeeeee Caveira/ firma seu ponto na folha da bananeira/ Caveira. no portão do cemitério. meia-noite. 9 .

/ Padilha quando você for embora/ quando você for embora/ deixe uma rosa pra mim./ Ela é a pomba-gira rainha do cabaré./ Amigo você não se engana/ Pomba gira Cigana é exu de umbanda. TATÁ MULAMBO Tatá Mulambo../ Tranca Ruas veio na frente para dizer quem ela é. moço/ não se esqueça de olhar pra trás/ você vai ver./ Não importe que falem de ti /ela é Pomba Gira e trabalhadeira. Bem/que eu te avisei/ que você não jogasse/ essa cartada comigo/ eu te avisei/ Você jogou no valete e eu joguei na Dama./ uma moça vestida de preto moço/ ela é Maria. MARIA PADILHA DAS ALMAS Abre essa cova quero ver tremer/ abre essa cova quero ver balancear/ Maria Padilha das Almas/ o cemitério é o seu lugar/ é no buraco que a Padilha mora/ é lá na lomba que a Padilha vai girar. Maria/ é Maria Mulambo./ Mas ela é loura/ do olho azul/ mas ela é a filha de seu Omulu. DONA FIGUEIRA Arreda homem que aí vem mulher/ ela é a pomba-gira rainha do cabaré. POMBAS GIRAS DE CEMITÉRIO Na encruza do cemitério/ eu vi uma farofa amarela/ quem não acredita na Pomba Gira/ vai lá na encruza e pergunta a ela.MARIA PADILHA Padilha dona da estrada/ Rainha da Encruzilhada/ Pomba Gira de fé/ Foi Senhora dos negros/ Alegria dos terreiros/ Seu feitiço/ seu axé/ Mas ela é/ Ela é/ ela é/ A rainha da encruza/ Pomba-gira de fé.. Se a sua catacumba tem mistérios/ mas ela é Pombo Gira do Cemitério. ela mereceu ganhaaaaaar/ ganhaaaaar o que ganhou/ foram 7 rosas na calunga/ 7 marafos e uma saia de cetim/ e como tudo isso não bastasse/ ela ganhou uma coroa de atotô/ atotô meu pai/ atotô meu senhor/ Tatá Mulambo mereceu o que ganhou. Foi Iansã/ quem lhe deu forças/ Para ser rainha de Exu mulher/ Sarava Figueira/ Rainha do Cabaré. 10 ./ ela é Maria Maria./ Sarava figueira/ Rainha do Cabaré. POMBA-GIRA CIGANA Vinha caminhando a pé/ para ver se encontrava a minha cigana de fé/ Ela parou e leu minha mão/ me disse toda a minha verdade/ mas eu só queria saber aonde mora a Pombo Gira Cigana. MARIA MULAMBO DO CEMITÉRIO Quando passar na porta do cemitério. Padilha foi você quem falou/ você falou que gostava de mim.

.Pai Nosso . O Cigana/ o cigana/ sua dança é muito linda/ como é lindo o seu bailar/ quando você chega cigana/ é de admirar/ quando você chega cigana/ é pra trabalhar. Exu vai pelo pé/ pelo pé.. Cambono/ camboninho meu/ meu cambono/ olha que exu vai oló/ Vai./ Ciganinha puerê/ puerê/ puerá. Pablo./ Exu vai pela mão/ pela mão. ENCERRAMENTO .Prece 11 . Ogum mandou/ cantar um ponto pra Exu ir embora/ viva Angola/ Auê o viva Angola.Ave Maria . CIGANOS Luar/ ô luar/ É a lua cheia que ilumina o brilho no olhar/ É o Wladimir (Juan..CIGANOS/CIGANAS Ganhei uma barraca bela/ foi a cigana quem me deu/ o que é meu é da cigana/ o que é dela não é meu. vai. Ela é ciganinha/ da sandália de pau/ quando ela chega no rito/ traz o bem e leva o mal.vai/ meu cambono/ vai numa gira só. O Ciganinha eu preciso de você/ vamos jogar o jogo da amarelinha/ seu eu perder você me ganha/ se eu ganhar você é minha. é hora/ Seu Ogum é que lhe chama/ E Exu já vai embora. Balança de fé/ é hora. SUBIDA DE TODOS Maria amarra a saia que Exu vai embora/ Maria amarra a saia/ Está na hora/ Exu é “candongueiro” / o galo canta está na hora../ Exu já vai embora/ olha banda com banda/ exu vai só.) um cigano desta aldeia/ Em noite de lua cheia vem na Umbanda trabalhar.

é Samambaia/ Saia caboclo/ Não me atrapalha/ Saia do meio da samambaia. ele é Flecheiro/ bumba na calunga/ é caçador de feiticeiro/ bumba na calunga/ ele vai firmar seu ponto/ ele vai firmar nesse terreiro. sarava seu (nome do cabloco). Vestimenta de Caboclo/ É Samambaia/ É Samambaia.kio. Caboclo a sua mata é linda/ é verde da cor do mar/ Arreia meus caboclos/ arreia meus caboclos/ arreia os caboclos da juremá Ererê/ Caboclo Sete Flechas no gongá/ Sarava Seu Sete Flechas/ Ele é o Rei das matas. embala eu/ Hoje tem alegria/ no terreiro de meu pai/ Saravá seu Rompe Mato/ que ele é chefe de conga. ele é rei da floresta. Aaaai.kio kiera/ toda a mata está em festa/ saravá seu Sete Flechas/ que ele é rei da floresta.kio. Ele é caboclo./ Vem de Aruanda auê/ Vem de Aruanda auê/ Todos caboclos de Umbanda/ vem de Aruanda auê. Foi/ numa tarde serena/ lá na mata da jurema/ eu vi um caboclo bradar/ kio. babá./ A sua podoca atira/ ô paranga/ Sua flecha mata. No centro da mata eu vi/ Dois nomes gravados num toco de pau/ De um lado Seu Rompe Mato/ De outro Seu Cobra Coral/ No centro da mata virgem eu vi/ Seu Rompe Mato falava na língua Tupi-Guarani. Brasil/ é hora/ de saldar Araribóia/ Araribóia/ é um caboclo valente/ é caçador da Jurema/ Oxossi na mata ele é/ a sua estrela iluminou/ e a bandeira do Brasil abençoou. Embala eu. Jesus/ Jesus morreu na cruz/ chegou Araribóia/ chegou Araribóia/ salvai Jesus na cruz. kió que era…/ O terreiro está em festa. Caboclo Roxo da pele morena/ Ele é Oxossi/ é caçador lá na Jurema/ ele jurou e tornou a jurar/ para ouvir os conselhos que Jurema veio dar. Foi numa tarde serena/ lá na mata da Jurema que vi os caboclos bradar/ Kió. Araribóia é bamba na macaia/ Ele é caboclo em qualquer lugar/ Ele não apanha as folhas da jurema/ sem ordem suprema de pai Oxalá. 12 . Quem manda na mata é Oxossi/ Oxossi é caçador/ Oxossi é caçador / Eu vi meu pai assoviar/ Ele mandou chamar. Folha por folha/ na sua mata tem /tem caboclo (nome do cabloco) / na sua mata tem. kió.SESSÃO DE CABOCLOS CHAMADA DE CABOCLOS Arreia Capangueiro/ Capangueiro da Jurema/ Arreia Capangueiro/ Capangueiro a Jurema.

/ Que clareia o mundo/ Que clareia a terra e o mar/ Clareia as matas de Oxossi/ Cidade da Jurema/ Clareia os caminhos/ Que os Caboclos vão passar/ Para vir na Umbanda trabalhar / Clareia o luar. rue rue ruá/ erue. Oya/ Cabocla de Aldeia/ ela vem chegando quando a lua é cheia/ Quando oya me chamou eu fui atender/ tava chegando Iansã/ no pé de dendê/ ela é dona do mundo/ Iansã já venceu guerra/ ela é dona do mundo. rue. O lua.Ave Maria . ENCERRAMENTO .rue.rue/ eure. Eu vi chover/ eu vi relampejar/ mas mesmo assim o céu está azul/ firma seu ponto na folha da jurema/ Oxossi é bamba no maracatu. Caboclo não tem caminho para caminhar/ Caminha por cima da folha. por baixo da folha.rue./ Pra cidade da jurema/ Ele vai ser coroado/ na cidade da jurema/ com a coroa de aieieu. Oxossi é rei no céu/ Oxossi é rei na terra/ Ele não desce do céu sem coroa/ sem a sua matula de guerra.enxugou/ E a sua mata se abriu toda em flor.Prece 13 . clareia/ Clareia Umbanda e esse Jacutá. Caiu uma flecha na Jurema/ Veio o sereno e molhou/ E depois veio o sol/ enxugou. por todo lugar. SUBIDA CABOCLOS Caboclo vai embora /pra cidade da jurema/ Oxalá está lhe chamando. Quem quer viver sobre a terra/ quem quer viver sobre o mar/ É a cabocla Jandira/ Salve a sereia do mar/ erue.Pai Nosso .Eu fui lá na beira da praia/ pra ver o balanço do mar/ Eu vi um retrato na areia/ Me lembrei da sereia e comecei a chamar/ ô Janaina vem ver/ ô Janaina vem cá/ Receber suas flores que eu venho lhe ofertar.rue Jandira.

Minha cachimba tem mironga. Angolá. Lá na Angola tem uma velha/ que não pode mais andar/ Ela vai fazer macumba/ até o dia clarear./ é congo. ê/ Pai Joaquim ê a/ Pai Joaquim vem lá de Angola/ Pai Joaquim vem de Angola. Eles vivem no meio das flores. vovó eu tenho medo/ Que a fumaça do cachimbo descubra o meu segredo. Vovó não quer/ casca de coco no terreiro/ Pra não lembrar. e não aprendo a caminhar. é congo./ que venha ver. TRABALHO Quem é aquele velhinho/ que vem no caminho andando devagar./ com seu cachimbo na boca./ olhando o céu.SESSÃO DE PRETOS VELHOS CHAMADA DE PRETOS VELHOS Chama preto velho/ vamos trabalhar/ Chama preto velho. olelê/ vamos trabalhar. A linha de congo. é congo aruê. 14 ./ eu nunca vi linha de força maior Pai Joaquim ê./ olhando o mar/ elas são pretas velhas de Umbanda/ que vem de Aruanda / para saravar. Elas vivem no meio das flores. que venha ver./ quem trabalha na linha de congo./ Preto Velho trabalha com dendê/ Agora que eu quero ver. Ai. é congo. Oh minhas almas santas./ é linha sem nó./ Preto Velho trabalha com dendê. vovó eu tenho medo/ Ai. com dendê./ puxando a fumaça e jogando pro ar. venham de ajudar/ Eu ando a tanto tempo. Mujongo maravilha quem manda aruê sarava/ Rei Congo mandou chamar/ quem manda aruê sarava. vovó eu tenho medo/ Ai./ agora que eu quero ver/ Rei Congo. Saia de babado/ pimenta da costa/ colares e guias/ É uma Preta Velha/ toda enfeitada/ que vem da Bahia. É congo./ olhando o mar/ eles são pretos velhos de Umbanda/ que vem de Aruanda / para saravar. do tempo de cativeiro./ minha cachimba tem dendê/ Quem duvida da minha cachimba. endireitou/ O mundo estava torto/ Santo Antonio endireitou. Com dendê. Bate tambor/ lá na Angola/ bate tambor/ preto velho bate tambor. Pisei na pedra/ e a pedra balanceou/ O mundo estava torto/ Santo Antonio endireitou/ Endireitou/ Santo Antonio./ olhando o céu.

eu vou. descarrega pro fundo do mar. descarrega todo o meu terreiro/ Descarrega. Mas quando ela vai embora.Santo Antônio de pemba/ Caminhou sete anos/ A procura de um filho/ Que aqui deixou/ Como caminhou meu Santo Antônio. eu vou.Prece 15 ./ Descarrega./ Oxalá já diz que é hora/ Eu vou. nosso senhor. Eu andava perambulando/ sem ter nada pra comer/ fui pedir as santas almas para vir me socorrer/ Foi as almas quem me ajudou/ foi as almas quem me ajudou/ meu divino espírito santo/ Viva Deus./ quando precisar lhe chamo./ sacode a poeira da sua saia. descarrega meu Santo Antonio./ Zambi vai lhe levar. DESCARREGO Descarrega. Foi com as almas/ com as almas que aprendi macumba/ foi com as almas/ com as almas que aprendi a trabalhar. A sineta do céu bateu. SUBIDA PRETOS VELHOS Abença vovô./ Agradeça a toalha bordada de renda/ que ficou por lá.Pai Nosso ./ Zambi lhe trouxe. As almas pedem uma Ave Maria/ Uma Ave Maria vamos rezar/ Ave Maria cheia de Graça/ O senhor é convosco/ Bendita sois vós entre as mulheres/ Bendita é o fruto do vosso ventre nasceu Jesus.Ave Maria . Eu vi um clarão na mata/ eu pensava que era dia/ mas eram as almas/ mas eram as almas/ mas eram as almas do rosário de Maria./ fica com Deus e Nossa Senhora. ENCERRAMENTO . Eu adorei as almas/ no dia de hoje/ eu adorei as almas/ as almas do cativeiro/ as almas do cruzeiro as santas almas bendirás/ eu adorei as almas. descarrega meu Santo Antonio/ Descarrega.

Sereia/ sereia/ olha o mar como balanceia/ se seu canto é de sereia/ nossa banda não bambeia. Brilhou. Eu tenho sete espadas pra me defender/ Eu tenho Ogum em minha companhia/ Ogum é meu Pai/ Ogum é meu Guia/ Ogum é meu Pai/ Venha com Deus e a Virgem Maria. Ogum me disse/ Que dançar Nagô é bom/ Que dançar Nagô é bom/ Que dançar Nagô é bom.Mar/ Pisa na linha de Umbanda/ que eu quero ver/ Ogum Iara. Caboclo a sua mata é linda/ é verde da cor do mar/ Arreia meus caboclos/ arreia meus caboclos/ arreia os caboclos da Juremá. Eu fui lá na beira da praia/ pra ver o balanço do mar/ Eu vi um retrato na areia/ Me lembrei da sereia e comecei a chamar/ ô Janaina vem cá/ ô Janaina vem ver/ Receber suas flores que eu venho lhe ofertar. Vestimenta de Caboclo/ É samambaia/ É samambaia. Oxossi é rei no céu/ Oxossi é rei na terra/ Ele não desce do céu sem coroa/ sem a sua matula de guerra.SESSÃO DE ORIXÁS OXOSSI Quem manda na mata é Oxossi/ Oxossi é caçador/ Oxossi é caçador/ Eu vi meu pai assoviar/ Ele mandou chamar. brilhou no mar/ o manto da nossa mãe Iemanjá. brilhou. é samambaia/ Saia caboclo/ Não me atrapalha/ Saia do meio da samambaia. 16 . Eu vi chover/ eu vi relampejar/ mas mesmo assim o céu está azul/ firma seu ponto na folha da jurema/ Oxossi é bamba no maracatu./ Vem de Aruanda auê/ Vem de Aruanda auê/ Todos caboclos de Umbanda/ vem de Aruanda auê.Mato/ Pisa na linha de Umbanda/ que eu quero ver/ Ogum Beira . OGUM Ô Juremê/ ô Jurema/ sua flecha caiu serena o Jurema/ dentro desse gongá./ Salve São Jorge guerreiro/ salve são Sebastião/ saravá povo de Umbanda/ que nos dê a proteção/ ô Jurema. Pisa na linha de Umbanda/ que eu quero ver/ Ogum Rompe . IEMANJÁ Ogum Beira Mar/ o que trouxe no mar?/ Quando ele vem beirando areia/ na mão direita ele traz o rosário de mamãe sereia. Arreia Capangueiro/ Capangueiro da Jurema/ Arreia Capangueiro/ Capangueiro a Jurema. brilhou. brilhou no mar/ E agora vai brilhar nesse gongá/ brilhou. Ogum Megê.

NANÃ O Nanã Buruquê/ seus filhos lhe pedem/ seus filhos lhe imploram/ venha ao meu terreiro/ levar todo mal/ na sua marola/ saluba Nanã auê/ saluba Nanã auá/ saluba Nanã/ na beira do rio/ nas ondas do mar. Vem ó vento vem/ sopra bem forte/ traz pra esse jacutá/ a força divina de Iansã/ e a benção de Oxalá/ Vem. Meu pai Oxalá é o rei/ venha nos valer/ O velho Omulu/ atotobaluaê. IANSÃ Eparrêi oiá/ dona dos ventos mensageira de Oxalá/ Saravá santa guerreira/ deusa do fogo e da luz/ minha santa padroeira/ que o meu destino conduz/ proteção para os seus filhos/ Eparrêi ó bela oiá/ Moça rica da umbanda/ venha nos abençoar. OBALUAÊ São flores Nanã são flores/ são flores de Obaluaê/ são flores Nanã são flores/ do seu filho Obaluaê. é meu pai./ é ele quem vem me valer./ que maravilha/ ai iei eu mamãe/ oi me pega me leva pro ai iei eu./ mas ele é Obaluaê. o vento e traz também/ a paz e a esperança para quem não tem. Quem vê um velho no caminho pede a benção/ Deus te abençoe/ Deus te abençoe/ Deus te abençoe/ Obaluaê / Deus te abençoe. oh Iansã/ Não me deixe a toa. Na cachoeira de mamãe Oxum/ tudo é tão lindo que dá gosto ver/ As águas rolam/ as águas giram/ mas que beleza mamãe.Quem quer viver sobre a terra/ quem quer viver sobre o mar/ é a cabocla Jandira/ é a sereia do mar/ eruê ruê ruê ruê/ eruê ruê ruê rua/ eruê ruê ruê Jandira. meu pai/ Deixe esta pedreira aí/ Umbanda está lhe chamando/ Deixe essa pedreira aí. Mamãe Oxum/ ajoelhada na cachoeira/ Chora ai iei eu/ chorai pra todos os filhos seus./ Na hora da minha agonia. 17 ./ é seu filho Nanã. OXUM Eu vi mamãe Oxum na cachoeira/ sentada na beira do rio/ colhendo lírio/ lírio ê/ colhendo lírio/ lírio á/ colhendo lírio pra enfeitar nosso gongá. Meu pai São João Batista é Xangô/ dono do meu destino até o fim/ se um dia me faltar/ a fé no meu senhor/ que role essa pedreira sobre mim. O Iansã menina/ que tem bela coroa/ Eu te peço pelo amor de Deus. XANGÔ Xangô. Casinha branca/ que eu mandei fazer/ para oferecer ao meu pai Omulu/ ao meu pai Omulu/ meu atotobaluaê/ Salve mamãe Oxum/ Salve Nanã Buruquê/ meu atotobaluaê.

SUBIDA DE CABOCLOS Caboclo vai embora. ENCERRAMENTO . Xangô colocou/ pedras no meu caminho/ mas não era para eu pisar/ cada pedra que Xangô me dava/ um lindo sonho eu realizava/ cada pedra que Xangô me deu/ fiz uma gruta pra ieieu/ Pedra sobre pedra/ consegui fazer a gruta de mamãe Oxum.Pai Nosso ./ pra cidade da jurema./ Oxalá está lhe chamando.Prece 18 .Ele é Xangô das almas/ ele é feito nas almas/ Oh almas/ oh minhas almas/ seu agodô/ que venha nos valer./ Pra cidade da jurema/ ele vai ser coroado/ na cidade da jurema/ com a coroa de aieieu.Ave Maria .

Um.IBEIJADA CHAMADA DE IBEIJADA Bota fogo no mato que ele vem/ bota fogo no mato que ele vem. é assim. se. Cosme e Damião/ Damião cadê Doum?/ Doum foi passear no cavalo de Ogum/ Dois. Se eu pedir você me dá/ um balancinho meu pai/ pra eu brincar. dois sereia do mar/ dois. Cantigas de roda Atirei o pau no gato. Bi–rim-bão bão bão !/ Vem de lá Seu Delegado/ E Pai Franciso foi pra prisão. Mariazinha da beira da praia/ como é que sacode a saia?/ É assim./ Ooooo Maria/ Entrar nessa roda ou ficará sozinha/ Sozinha eu não fico/ ei de admirar/ porque eu tenho o Pedro para ser meu par.ca/ admirou-se . come doce sem parar/ joga o doce para cima minha gente e deixa a criança apanhar. beber água não achei/ achei bela morena/ que no tororó deixei/ aproveita minha gente que essa noite não é nada/ se não dormir agora/ dormirá de madrugada. Fui no tororó. to. Lá no céu tem 3 estrelas/ todas 3 em carreirinhas/ uma é Cosme e Damião/ a outra é Mariazinha. cinco. Quando a lua brilha no céu/ clareia a umbanda/ é a Ibeijada que veio/ lá de Aruanda./ está na mata./ O quartel pegou fogo/ A polícia deu sinal/ Acorda acorda acorda/ A bandeira nacional. reu/ dona Chica . to/ não morreu. três/ quatro. to. está na terra e também está no mar/ a qualquer hora estão brincando. A Ibeijada na Umbanda está em todo lugar. 19 . Marcha Soldado/ Cabeça de Papel/ Se não marchar direito/ Vai preso pro quartel. é assim/ é assim que sacode a saia. se/ com o berro/ com o berro/ que o gato deu/ miau. to/ mas o gato. seis/ eu vou chamar criança na cabeça de vocês. dois. reu.ca . Ciranda Cirandinha/ Vamos todos cirandar/ Vamos dar a meia volta/ Volta e meia vamos dar/ O Anel que tu me destes/ Era vidro e se quebrou/ O amor que tu me tinhas/ Era pouco e se acabou/ Por isso dona Rosa/ Entre dentro desta roda/ Diga um verso bem bonito/ Diga adeus e vá se embora Pai Francisco entrou na roda/ Tocando o seu violão/ Bi–rim-bão bão bão. Na calunga tem criança/ ela vem pra trabalhar/ ela é a Joaninha/ ela vem nos ajudar. Formiguinha d’Angola/ como brinca./ Como ele vem todo requebrado/ Parece um boneco desengonçado. dois mamãe Iemanjá.

com pedrinhas de brilhante/ só pro o meu. Escravos de Jó jogavam caxangá/ Tira. voa andorinha/ leva esses anjos pro céu andorinha. Se esta rua./ O primeiro foi seu pai/ O segundo seu irmão/ O terceiro foi aquele/ Que a Tereza deu a mão. eu mandava ladrilhar/ com pedrinhas.roda. pé. Cai cai balão. palma/ Olha pé. bota deixa o Zé Pereira ficar/ Guerreiros com guerreiros fazem zigue zigue za. sem a tua/ Sem a tua companhia. palma. Como pode o peixo vivo/ Viver fora da água fria/ Como poderei viver/ Sem a tua. voa. não vou lá. só pro o meu amor passar. cai cai balão/ Aqui na minha mão/ Não vou lá. Subida de Ibeijada Andorinha que voa voa andorinha/ andorinha de Nossa Senhora andorinha/ leva esses anjos pro céu andorinha/ voa. 20 . pé/ Olha roda. a benção vovó.roda/ Caranguejo peixe é/ Caranguejo não é peixe/ Caranguejo peixe é/ Caranguejo só é peixe/ Na enchente da maré/ Samba crioula/ Que vem da Bahia/ Pega essa menina/ E joga na bacia/ A bacia é de prata:Areada com sabão/ E depois de areada/ Vai lavar o seu roupão/ O roupão é de seda/ Camiseta de filó/ Cada um pega o seu par/ Para dar bênção a vovó/ A benção vovó. não vou lá/ Tenho medo de apanhar ! Terezinha de Jesus deu uma queda/ Foi ao chão/ Acudiram três cavalheiros/ Todos de chapéu na mão. se esta rua fosse minha/ Eu mandava.Ai bota aqui/ Ai bota aqui o seu pezinho/ Seu pézinho bem juntinho com o meu. Fui à Espanha/ Buscar meu chapéu/ Azul e branco/ Da cor daquele céu/ Olha palma./ E depois não vá dizer/ Que você se arrependeu ! Pirulito que bate bate/ Pirulito que já bateu/ Quem gosta de mim é ela/ Quem gosta dela sou eu.

e a São João Batista/ Recebendo o povo do oriente. Quem vem lá sou eu. não trago lanças para atirar/ Eu vim de longe. Meu Deus que zoada é essa em cima desse lajedo?/ Alegria dos meus olhos/ É ver caboclo boiadeiro/ Eh!Eh!Eh! Zoada de boiadeiro. ORIENTE Não trago arcos. Eu vim aqui pra lhe ver/ vim saber da sua saúde/ meu cavalo empacou na ladeira/ eu queria subir mas não pude. vim do oriente. getuá/ corda de seu boi laçar. 21 . mas não cai/ enquanto ele for Boiadeiro/ filho de Umbanda não cai. A menina do sobrado/ mandou me chamar pra seu criado/ eu mandei dizer a ela/ que estou vaquejando meu gado/ Auê Boiadeiro/ eu estou vaquejando meu gado. não trago flechas.BOIADEIRO Seu Boiadeiro na beira do rio/ escorrega. Getroá Boiadeiro/ getroá Boiadeiro/ bate chicote caboclo/ nesse seu terreiro (Por Eduardo David para os Boiadeiros). a caridade aqui prestar/ Levando o pensamento a Deus. nesta falange bendita/ Estamos em missão sagrada no reino de Oxalá/ É com o povo do oriente que nos vamos trabalhar. Sua boiada é de trinta e um/ já contei trinta/ ta faltando um. Getroá. boiadeiro eu sou. quem vem lá sou eu. quem vem lá sou eu. getroá/ corda de laçar seu boi/ Getuê.