Sh ar

Quantos líderes não desejariam ser, simplesmente, o João, A Carla, o Paulo, a Maria......Tantos outros nomes poderiam ser adicionados à lista e, certamente, ela seria bem extensa. Quantos líderes não gostariam de poder, ao menos por um tempo, seguir, apenas, seu coração. Deixar de estar sob os holofotes e serem pessoas normais, que erram, que nem sempre têm respostas prontas para tantas questões que surgem. Como desejariam ir para algum lugar onde ninguém os conhecesse, onde não precisassem liderar outras pessoas e, ali sim, serem líderes de si mesmos, liderarem, única e tão somente, suas próprias vidas. Quantos desejariam não ter de tomar decisões baseadas no bem estar de outras pessoas e pensarem, somente uma vez, apenas em si mesmas, em seu próprio bem estar, em sua própria felicidade? Isso pode parecer um sentimento egoísta, inconseqüente, à primeira vista. Entretanto, sei que esse sentimento pode já ter permeado o pensamento de muitos líderes e, com isso, lhes trazer profundos

in

g

Co

ns

ul

Ser líder é influenciar. Essa é uma das muitas definições de liderança que, a meu ver, encerra, em si mesma, uma verdade inquestionável. Se um líder gera o poder de influenciar as pessoas, tanto maior será sua responsabilidade em cuidar do tipo de influência que tem gerado. Com isso, seu proceder, as decisões que toma, o que fala, como lida com os problemas, passam a ser referenciais para as pessoas que estão a sua volta. Assim, ser líder implica em ter de pagar o preço de abrir mão, muitas vezes, de sua própria vontade, de seus próprios sentimentos, em prol daqueles que o têm como referência, como modelo. Que alto preço a se pagar! Sim, o preço é bem alto.

to

re

sA

Muitas pessoas passam a vida inteira almejando serem líderes. Algumas perseguem, com afinco, o desenvolvimento das características que podem torná-las líderes admirados e queridos por todos. “Seja líder de si mesmo”, “Lidere sua própria vida”, são algumas das frases que ouvimos, com freqüência, por parte dos especialistas em liderança. São frases bonitas e, até certo ponto, fáceis de serem ditas. Não estou aqui afirmando que tais frases estão erradas ou os especialistas equivocados. Muito pelo contrário. Quero trazer, à reflexão, um aspecto da liderança que não costuma ser muito falado, que não tem tanto glamour, mas que, talvez, represente um dos maiores pesos na vida de um líder: o isolamento vivido por aqueles que, efetivamente, são líderes ou ocupam posições de liderança.

ss

oc

iad

os

A solidão e o isolamento da liderança: uma questão a ser considerada.

senti-lo é sinal de fraqueza ou falta de preparo para liderar. sA ss oc questionamentos pessoais e profissionais. Chega um momento em que não se quer conduzir. O que existe é. Palestrante. Chega uma hora em que a urgência de pensar em si mesmo parece clamar mais alto do que a voz da razão. enfrentando esse isolamento. É uma situação que nada tem de sofisticada. apenas. muitas vezes. ao contrário. é um assunto muito delicado de ser abordado. a certeza de que tal assunto precisa ser considerado com mais seriedade por parte das empresas e dos líderes e não fazermos de conta que tal sentimento não existe. nesse exato momento. Outros podem estar. Abrir mão de suas vontades. mas ser conduzido. mas principalmente. existe um sério comprometimento do líder com a sua responsabilidade em liderar. de sua felicidade. proporciona. Consultora em Liderança e Comunicação Organizacional e Diretora Geral da Sharing Consultores Associados. Esse é o isolamento que a liderança. a si mesmo. Que não se quer ter todas as respostas. mas receber as soluções já prontas. ou que. de seus desejos e. heloisa@sharingconsultores.net to re Respostas para equacionar essa questão? Não as tenho.Sh ar in g Co ns ul Heloisa Amaral de Souza é Analista do Discurso. Quando tal sentimento vem à tona. parece um preço muito alto a se pagar. Diria o contrário. em muitos casos. não apenas outras pessoas. iad os . Muitos líderes podem passar a vida inteira sem sentirem o peso de liderar. até porque não existem receitas prontas para se evitar ou contornar tal isolamento.