03/06/2011 - 09h06

Entenda o que é PIB e como é feito seu cálculo
DE SÃO PAULO

O PIB (Produto Interno Bruto) é um dos principais indicadores de uma economia. Ele revela o valor de toda a riqueza gerada no país. O cálculo do PIB, no entanto, não é tão simples. Imagine que o IBGE queira calcular a riqueza gerada por um artesão. Ele cobra, por uma escultura, de madeira, R$ 30. No entanto, não é esta a contribuição dele para o PIB. Para fazer a escultura, ele usou madeira e tinta. Não é o artesão, no entanto, que produz esses produtos --ele teve que adquiri-los da indústria. O preço de R$ 30 traz embutido os custos para adquirir as matérias-primas para seu trabalho. Assim, se a madeira e a tinta custaram R$ 20, a contribuição do artesão para o PIB foi de R$ 10, não de R$ 30. Os R$ 10 foram a riqueza gerada por ele ao transformar um pedaço de madeira e um pouco de tinta em uma escultura. O IBGE precisa fazer esses cálculos para toda a cadeia produtiva brasileira. Ou seja, ele precisa excluir da produção total de cada setor as matérias-primas que ele adquiriu de outros setores. Depois de fazer esses cálculos, o instituto soma a riqueza gerada por cada setor, chegando à contribuição de cada um para a geração de riqueza e, portanto, para o crescimento econômico. http://www1.folha.uol.com.br/poder/924838-entenda-o-que-e-pib-e-como-e-feito-seu-calculo.shtml
03/06/2011 - 09h01

Economia mantém aceleração e PIB cresce 1,3% no 1º trimestre
CIRILO JUNIOR DO RIO

A economia brasileira teve o crescimento acelerado no primeiro trimestre deste ano e subiu 1,3% frente aos três meses imediatamente anteriores, informou nesta sexta-feira o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em relação a igual período em 2010, o PIB (Produto Interno Bruto) avançou 4,2%. No quarto trimestre de 2010, o PIB tinha crescido 0,8% sobre os três meses anteriores, segundo dado revisado pelo IBGE. Ao todo, a economia movimentou R$ 939,6 bilhões de janeiro a março. O PIB, que mostra o comportamento de uma economia, é a soma das riquezas produzidas por um país --é formado pela indústria, agropecuária e serviços. O PIB também pode ser analisado a partir

1%. Quando confrontado com período correspondente em 2010. Nos últimos 12 meses encerrados em março. O setor industrial teve alta de 2.2%. No acumulado em 12 meses. Já o setor de serviços registrou incremento de 1. subiu 3. houve avanço de 7.9%. O consumo do governo no primeiro trimestre registrou alta de 0.shtml . Em relação a igual período no ano passado. a alta chega a 17.uol. No acumulado dos últimos 12 meses. O consumo das famílias teve aumento de 0.folha. Em relação ao primeiro trimestre de 2010. pelo ponto de vista de quem se apropriou do que foi produzido. verifica-se alta de 4. nota-se alta de 5.br/poder/924836-economia-mantem-aceleracao-e-pib-cresce-13-no-1trimestre. subiu 1.do consumo. http://www1. Neste caso. se comparado ao quarto trimestre de 2010. O setor agropecuário.2% no primeiro trimestre. pelos investimentos feitos pelo governo e empresas privadas e pelas exportações.8%.8%.4%.1%. houve avanço de 8. a indústria subiu 3.2% no primeiro trimestre.3% na comparação com o período de outubro a dezembro de 2010. é dividido pelo consumo das famílias. o PIB dos serviços cresceu 4%. pelo consumo do governo.1% nos três primeiros meses de 2011. por sua vez. Nos últimos 12 meses. a agropecuária teve alta de 3. Em relação ao primeiro trimestre do ano passado. constatou-se crescimento de 2. foi constatado avanço de 5. ou seja.4%. Nos últimos 12 meses.1%.9%.6% no primeiro trimestre. houve incremento de 6. No acumulado dos últimos 12 meses.5%.8%.4% da formação do PIB. medido pela chamada Formação Bruta de Capital Fixo (FBCF). O investimento. A taxa de investimento no primeiro trimestre representou 18. Sobre igual período em 2010. Em relação ao primeiro trimestre do ano passado. o avanço foi de 3.com.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful