You are on page 1of 4

INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DELEGAÇÃO REGIONAL DO CENTRO CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE LEIRIA

As áreas rurais portuguesas debatem-se com diversas dificuldades e problemas que acentuam as assimetrias regionais no nosso país, com o interior a distanciarse cada vez mais dos níveis de desenvolvimento do litoral. Em Portugal os produtores com 65 e mais anos representavam 43%, seguindo-se a Itália (39%), Grécia (32%) e Espanha (31%). A França constituía uma excepção nos países do Sul, com os produtores mais idosos a representarem apenas 14 %, mais próximo do registado no Norte e Centro da Europa.
INE, Inquérito à Estrutura das Explorações Agrícolas 2005, INE, 2006

1

O envelhecimento da população agrícola, em geral, e dos produtores, em particular, traduz o natural entrave à inovação e à modernização do sector, o que, consequentemente, conduz à manutenção do baixo rendimento e à fraca produtividade. Este facto é agravado quando se associa o baixo nível de instrução e de qualificação dos agricultores nacionais, que trabalham o solo a partir de um saber de experiências acumuladas in loco, a partir dos ensinamentos dos seus pais.
LOBATO, Cláudia, Geografia 11.º, Areal Editores, 2007: 84.

É ponto assente que o principal condicionante ao desenvolvimento do Interior é a conjuntura demográfica. Assim o demonstram as mais profundas investigações, assim o proclamam as várias estruturas do poder político, assim o ressente o tecido económico, assim o observa o cidadão. O que vai custar então o abandono? Como justificar e reivindicar apoios e investimentos se estes são, tantas vezes, dependentes do total demográfico, da evolução demográfica, da densidade e, claro, do número de eleitores? Como legitimar a introdução de novos equipamentos se, cada vez mais, a optimização dos serviços passa pela existência de uma população base que os justifique? Que fazer com as infra-estruturas que ficarão desfasadas da procura existente e como garantir a auto-sustentabilidade destas?
Adaptado de Jornal do Fundão, 1999/01/08

1. Com base na leitura dos textos, identifique os problemas principais das áreas rurais.

UFCD - Urbanismo e Mobilidade

º. Equipamentos comerciais especializados ou organizados à maneira de supermercados. “As Actividades Rurais” in Geografia 11. apenas uma das componentes. (…) e funções puramente residenciais. Comente a seguinte afirmação: O desenvolvimento rural integra um novo conceito de ruralidade em que a agricultura é assumidamente. de saúde. como pequenos teatros. como bares e discotecas. UFCD . ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ __ 1 Até finais dos anos 70 os termos rural e urbano eram considerados dicotómicos (Parsons.Urbanismo e Mobilidade . mercadorias e informação) permitiu diluir algumas barreiras entre o espaço rural e urbano. Dê exemplos de medidas que contribuam para a transformação dessas regiões em «espaços de oportunidades». Actualmente o espaço rural alterou-se. É conhecida a sua vocação para o turismo. em larga medida relacionadas ainda com o turismo. muito em especial o que expressamente se designa como rural. para além das actividades agrícolas e ligadas à produção pecuária e silvícola. deste modo. MEDEIROS. tornando-se. capitais. Espaço Rural: um espaço multifacetado Outro tipo de transformações afecta o espaço rural. Areal Editores. de lazer. Distinguiam-se tendo em conta as actividades predominantes. Durkheim. Juntem-se também actividades de produção. os principais estilos de vida da população e o uso do solo. ou ainda as práticas de diversão. como a artesanal. ou ligados a actividades culturais. 2007: 123. ainda que de dimensão reduzida. culturais e outras. o espaço rural assume hoje um significado diferente e multifacetado. apesar de até há bem pouco tempo se considerarem como específicos do ambiente urbano. entre outros).INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DELEGAÇÃO REGIONAL DO CENTRO CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE LEIRIA ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ __ 2. Carlos. a mobilidade (possibilidade de deslocação de pessoas. vão aparecendo também em aglomerados rurais. um espaço multifacetado e diversificado. Com efeito. na medida em que se diversificaram as suas funções e se dá a penetração de elementos característicos do estilo de vida urbano.

o desenvolvimento sustentável i das áreas rurais pressupõe a utilização adequada dos recursos pelas gerações actuais.Urbanismo e Mobilidade . ambiental e patrimonial. __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ __________________________________________________________________________________ Face às mudanças no espaço rural. 1 UFCD . social.INSTITUTO DO EMPREGO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL DELEGAÇÃO REGIONAL DO CENTRO CENTRO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE LEIRIA MADRP. empresas e agentes. Plano Estratégico Nacional para o Desenvolvimento Rural. com vista à valorização económica. de forma a garantir a utilização dos recursos pelas gerações vindouras.

i Desenvolvimento Sustentável – é a capacidade de assegurar a satisfação das necessidades presentes. . sem comprometer a possibilidade de as gerações futuras poderem satisfazer as suas.