You are on page 1of 6

Aula 1 – Introdução As empresas precisam de funcionários para desenvolver suas atividades.

Estes funcionários são de grande importância para que a empresa possa chegar a seus objetivos, pois a empresa será mais eficaz quanto mais eficaz forem as pessoas que a compõe. De nada adianta a empresa dispor de ótimos recursos materiais como máquinas, equipamentos, dinheiro, etc., se não possuir recursos humanos capacitados e motivados para utilizá-los. Vamos abordar neste curso as principais rotinas de um departamento pessoal: ● Admissão ● Carteira de Trabalho ● Principais cálculos e descontos da folha de pagamento ● Férias e 13º Salário ● INSS e FGTS ● Imposto de Renda ● Rescisão de Contrato, etc. Aula 2 – Empregado e Empregador As normas que regem as relações de trabalho entre empregado e empregador, são conhecidos como Direito do Trabalho.

A Lei é hierarquicamente superior a qualquer outra fonte do direito do trabalho e sempre deverá prevalecer. ● A CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) A consolidação das Leis do Trabalho (CLT) foi criada pelo presidente Getúlio Vargas no dia 10 de novembro de 1943. Sua adoção garantiu muitos direitos trabalhistas, mas a legislação causa muita polêmica hoje.

Aula 3 – Processo de Recrutamento e Seleção Como já sabemos, o Gerenciamento de Recursos Humanos em uma empresa não é dos mais simples, mas existem maneiras de torná-lo mais "leve" para o gerente ou proprietário; uma delas é selecionar e recrutar bem os funcionários. Isso porque, quanto melhor for o sistema de seleção, menores são as chances de futuros problemas com os novos funcionários. Aula 3 – Processo de Recrutamento e Seleção Como selecionar Para selecionar eficientemente os funcionários é necessário que, em primeiro lugar, se saiba com clareza, que tipo de profissional se está procurando, o que significa traçar o perfil do futuro funcionário. Para isto, basta listar as características desejáveis e/ou não desejáveis desse perfil. Nesse sentido, quando se está a procura de um novo atendente, por exemplo, devem-se analisar alguns pontos, como: sexo; grau de escolaridade; nível de experiência; distância entre a residência e a empresa; faixa salarial; número de dependentes. Visto isso, é preciso lembrar que o processo de seleção e recrutamento envolvem etapas que merecem também uma atenção especial: 1 – Anúncio – o anúncio referente à vaga disponível na empresa deve ser feito nos veículos de divulgação mais utilizado em sua região ( jornais, sites etc ), detalhando-se o perfil de colaborador que interessa à empresa;

c) Título de eleitor. pelo empregado. seus planos. título de eleitor. será possível conhecer melhor os candidatos e selecionar com maior precisão o colaborador ideal. é recomendável que a entrega. destaca-se a obrigatoriedade de apresentação de determinados documentos destinados a identificar o empregado. para fins de recebimento de salário-família. escolaridade e cursos diversos. caso haja cláusulas específicas que rejam o vínculo empregatício e registrá-la na CTPS. certidão de casamento. Assim. como experiência profissional adquirida.RG. . Preenchimento de Documentos Em posse dos documentos deve-se: a) Efetuar as anotações e devolvê-la no prazo máximo de 48 horas. Aula 4 – Documentação necessária para Admissão de Empregados A admissão de empregados depende do cumprimento de algumas formalidades legais. casamento ou Carteira de Identidade . conhecê-lo melhor. metas e aspirações) ou sobre um tema atual ( guerra. i) Cartão da Criança. g) Documento de Inscrição no PIS/PASEP . sejam feitas com contra. j) Endereço k) 2 fotos 3x4. CTPS. a fim de conseguir certo relaxamento do entrevistado e. e) Certidão de nascimento. suas experiências anteriores. partir para a etapa de entrevistas. seja requerida uma redação no estilo dissertação sobre assuntos diversos.ASO. b) Atestado de Saúde Ocupacional . comprovante de naturalização e carteira de identidade de estrangeiro. registro de nascimento. ou anotação correspondente na CTPS. É necessário questionar as informações apresentadas no currículo e pedir um detalhamento delas.recibo. g) Celebrar acordo coletivo com o sindicato da categoria. inclusive de comprovante de quitação com o serviço militar. crise do petróleo e eleições ). é possível que. d) Preencher a ficha de salário família.2 – Avaliação – é preciso também fazer uma prévia avaliação dos currículos enviados e. Retenção dos Documentos – Proibição Não é permitido a retenção de qualquer documento de identificação pessoal. 4 – Teste – é sempre interessante fazer um teste escrito com o candidato à vaga para conhecer suas agilidades. que substitui a carteira de vacinação. ao empregado. h) Cópia da certidão de nascimento de filhos menores de 14 anos.DIPIS. então. c) Formalizar o contrato de trabalho e. não só em relação ao próprio empregado. Portanto. 3 – Entrevista – a entrevista pode ser um pouco impessoal. mesmo que apresentado por xerocópia autenticada. d) Certificado de reservista ou de alistamento militar. pelo menos. dos documentos citados. para os maiores 18 de anos. a partir deles. as entrevistas e os testes. mas também nas relações daquele com o Estado. f) Cartão de Identificação do Contribuinte – CIC/CPF. inteligência e raciocínio. assim. Dentre elas. b) Preencher o livro ou ficha de registro de empregados. conforme o caso. traçando as características do funcionário que mais se adequar ao perfil da vaga. Mesmo que não sejam feitas provas específicas para o candidato. Documentos necessários para admissão do funcionário: a) Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS. bem como a respectiva devolução. selecionar os que mais se enquadram no perfil estabelecido para. 5 – Faça sua parte – é preciso avaliar cuidadosamente os currículos. sobre o próprio candidato (seu interesse na vaga em aberto. bem como propiciar. subsídios para o correto desempenho das obrigações trabalhistas a que este se subordina.

DEPENDENTES PARA SALÁRIO FAMILIA E IRF: DATA DE NASCIMENTO: ____________________________________________________________ . Data de Admissão e Demissão. experiência.FILIAÇÃO: . _____/_____/_____ LOCAL: _______ EST. nas condições estabelecidas neste artigo. Aula 6 – Registro na Empresa O empregado deve ser registrado logo no primeiro dia de trabalho.CIVIL: ______________ .ENDEREÇO COMPLETO:________________________________________________________ . Dados da Carteira de Trabalho (CTPS). Cédula de Identidade. CTPS: Carteira de Trabalho e Previdência Social. k) Preencher a ficha referente ao Programa Controle Médico de Saúde.GRAU DE INSTRUÇÃO: __________________________ CURSANDO SIM NÃO .PAI:______________________________________________________ . Dados necessários para o registro: Dados de identificação do funcionário.NOME:_______________________________________________________________________ . CPF: Cadastro de Pessoa Física. conforme instruções a serem expedidas pelo ministério do trabalho.NOME DO CONJUGE: _______________________ DATA DE NASCIMENTO . Cargo.h) Preencher a declaração de dependentes para fins de Imposto de Renda.DATA DE NASCIMENTO. Demissão e Periodicamente. Local e horário de trabalho. Podendo ser adotados livros. PIS: Programa de Integração Social. fichas ou sistema eletrônico. PASEP: Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público. PCMO Significa Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional) Artigo 168 da CLT: Será Obrigatório exame médico. por conta do empregador. o médico irá emitir um documento chamado Atestado de Saúde Ocupacional de acordo com o PCMO. Aula 5 – Exame Médico O empregado deve passar por exames médicos antes de ser admitido. seja estagiário.CAGED Significado de alguns documentos RG: Registro Geral.BAIRRO: ________0 CEP: ________________ CIDADE: ____________________ UF: ______ .MÃE:_____________________________________________________________________ . Salário e forma de pagamento. o médico será indicado pela empresa. Em todas as atividades será obrigatório para o empregador o registro dos respectivos funcionários. ____/____/____ . Banco para depósito do FGTS e número de cadastramento no PIS/PASEP. por tempo determinado ou indeterminado. Os exames médicos devem ser feitos na Admissão. l) Cadastramento no PIS m) Incluir o nome do empregado no cadastro de Empregados e Desempregados . Sobre férias. DADOS DO FUNCIONÁRIO PARA REGISTRO 1-) DADOS PESSOAIS: .

conforme instruções a serem expedidas pelo Ministério do Trabalho. conta do F. férias. pois é obrigatório para o exercício de qualquer emprego. Nº_____________________________________ .MILITAR: _________________ 3-) SITUAÇÃO PERANTE A EMPRESA: . como seguro-desemprego.R. A remuneração e as condições especiais. entregando-lhe recibo desta obtenção para efetuar as anotações e devolvê-la no prazo máximo de 48 horas.C..FUNÇÃO:_________________________________________________________________ . temporário ou para trabalhar por conta própria em qualquer atividade profissional remunerada. Contribuição Sindical: Nesta página deve ser anotada a Contribuição Sindical. O cargo.TITULO DE ELEITOR _______ ZONA: _________ CERT. data de admissão.______/______/______ ____________________________________________________________ ______/______/______ ____________________________________________________________ ______/______/______ ____________________________________________________________ ______/______/______ 2-) DOCUMENTOS PESSOAIS: . benefícios previdenciários e FGTS. Nº __________________ SÉRIE: ____________ PIS Nº _______ EM ___/___/___ .T.DATA DE ADMISSÃO: ______/______/______ SALÁRIO: ________________________ H/M ___________ . Aula 8 – Preenchimento da Carteira de Trabalho Carteira de Trabalho: É facultativo a adoção de sistema de preenchimento manual.G. salários. etc. Anotações: A data de admissão.F. tem como função registrar todas as empresas onde você trabalhou e os cargos que ocupou.CONTRATO DE EXPERIÊNCIA: 60 DIRETO 30 + 30 45 + 45 __________________ . É um documento fundamental. mecânico ou eletrônico. Nº _________________________ C. inclusive de natureza rural.P.T. por suas anotações. que é uma taxa . . Nela são anotados todos os dados referentes à sua vida profissional: data da admissão e da demissão. Preenchimento do Contrato de Trabalho: Nesta página devem constar os dados do empregado (empresa) e as informações referente a admissão do empregado como: cargo. promoções. um dos únicos documentos a reproduzir com tempestividade a vida funcional do trabalhador. Assim. A Carteira de Trabalho e Previdência Social é hoje.P.G.S. se houver Carteira de Trabalho é um documento muito importante.S.TRABALHA EM REGIME DE COMPENSAÇÃO DE HORAS: SIM NÃO – DESCONTOU CONTRIBUIÇÃO SINDICAL NESTE ANO : SIM NÃO – Aula 7 – Carteira de Trabalho Carteira de trabalho é o documento que identifica o trabalhador. remuneração entre outras informações. garante o acesso a alguns dos principais direitos trabalhistas.CTPS do empregado: O empregado apresentará a CTPS para o empregador que o admitir. Carteira de Trabalho e Previdência Social .HORÁRIO DE TRABALHO: DAS ______ HS ÀS ______ HS ALMOÇO: DAS _______ HS ÀS ______ HS SABADOS: DAS _______ HS ÀS _______ HS.

se ultrapassar o prazo de dois anos o contrato passará a ser contrato por prazo indeterminado. Intervalo para o novo contrato: Mínimo de 6 meses para ser renovado o contrato. Aula 10 – Contrato de Experiência O contrato de experiência é uma modalidade do contrato por prazo determinado. e no máximo para dois anos. cuja finalidade é a de verificar se o empregado tem aptidão para exercer a função para a qual foi contratado. o empregado não poderá se desligar do contrato. sob pena de ser obrigado a indenizar o empregador dos prejuízos que deste fato lhe resultarem. obrigatória. O desconto da Contribuição deve ser realizada todo mês de março e corresponde a 1 dia de trabalho. Nos contratos que tenham termo estipulado. verificará se adapta-se à estrutura hierárquica dos empregadores. o empregador que. Contrato com prazo Determinado Duração: no máximo de dois anos. Da mesma forma. 479 da CLT. na vigência do referido contrato. a metade. Com a Lei 9. despedir o empregado será obrigado a pagar-lhe. da remuneração a que teria direito até o término do contrato. A empresa deverá depositar em uma conta vinculada (não pode ser movimentada pelo empregado). Aula 9 – Contrato com prazo Determinado e Indeterminado Contrato por prazo Indeterminado: Este é um contrato comum que não existe período prédefinido. porém com o período definido. o empregado. Anotações Gerais: Como o próprio nome diz. sem justa causa. em um banco escolhido por ela. no qual terá obrigação de enviar à Caixa Econômica Federal. esta página pode ser utilizada em diversas situações:  Contrato de experiência (se existir). Art. Contrato por prazo Determinado: O contrato por prazo determinado é um contrato normal. Sendo assim todos os dados correspondentes a esta ação devem ser anotados na Carteira de Trabalho na página do FGTS.  Afastamentos (ex: doenças. bem como às condições de trabalho a que está subordinado. Anotações de Férias: Anotar o período em que o empregado gozou suas férias.601/98 instituiu o contrato por prazo determinado com duração máxima de dois anos. exclusivamente para atividade de natureza transitória. sem justa causa. Prorrogação: Só poderá ser prorrogado uma vez. a título de indenização. paga pelo trabalhador ao sindicato de sua categoria profissional. Alterações de Salários: Deve ser anotado sempre que o empregado tiver aumento de salário ou alteração de função. FGTS: Fundo de Garantia por Tempo de Serviço: Todo trabalhador tem direito ao FGTS até o dia 7 de cada mês. Rescisão: Art.  Contrato de inscrição no PIS. licença maternidade) entre outras. 480 da CLT Havendo termo estipulado. que controla o FGTS. .  Contrato por prazo determinado.anual. no valor de 8% da remuneração paga ao funcionário. independente da forma de remuneração. a sua rescisão depende do empregado e/ou empregador.

parágrafo único da CLT. 479 da CLT. a título de indenização. Prorrogação: O artigo 451 da CLT determina que o contrato de experiência só poderá sofrer uma única prorrogação. uma vez que não há coerência alguma em se testar o desempenho da mesma pessoa na mesma função antes testada. despedir o empregado será obrigado a pagar-lhe. a metade. a prorrogação do contrato de experiência não poderá ultrapassar 90 dias. e nem sofrer mais de uma prorrogação. . Duração: Conforme determina o artigo 445. deve-se aguardar um prazo de 6 meses. Cumpre-nos lembrar que novo contrato justifica-se somente para nova função. Nos contratos que tenham termo estipulado. Rescisão: Art. Sucessão de Novo Contrato: Para celebração de novo contrato de experiência. sob pena de ser considerado contrato por prazo indeterminado. Desta forma. o empregador que. no mínimo. da remuneração a que teria direito até o término do contrato. sob pena do contrato ser considerado por tempo indeterminado. sem justa causa.Todo empregado em experiência deve ser registrado na empresa e ter sua Carteira de Trabalho anotada. o contrato de experiência não poderá exceder 90 dias.