You are on page 1of 16

Esta cartilha foi elaborada pela Diretoria de Finanças da Marinha e pela Pagadoria de Pessoal da Marinha.

Ela deve servir de guia para consignação de empréstimos em Bilhete de Pagamento. Guarde-a, pois um dia você pode precisar dela!!!

.... Pág.......... 6 6 OS MANDAMENTOS DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO . ....... 15 Cabe ressaltar que a MB apenas efetua o repasse do valor relativo à parcela mensal à EC........ sendo apenas o veículo a possibilitar ao militar pensionista o desconto em BP. 6) Não requer avalista... 3) Evita pagamento de CPMF (quando existente).............. Pág.... 6 4 RESPONSABILIDADE PELA SENHA......... 5 3 FORNECIMENTO DE SENHA INICIAL............ O contratante será sempre o real responsável pelo pagamento........ 5) Menor burocracia para contratação do serviço...... Pág......... 11 8 DIREITOS DO USUÁRIO -CONSIGNADO (Militar/Pensionista)....... por exemplo...... mediante autorização deste..... Pág.......... empréstimo pessoal..... Pág............. ............. 2) Evita perda de tempo em filas nos caixas dos bancos. a MB não é responsável pela quitação da dívida do militar...... e 7) Limite de crédito compatível com a Renda... ............... .. Pág. 4) Normalmente apresenta custo menor que outras linhas de crédito (cheque especial ................... 9 7 CÁLCULO DO CUSTO EFETIVO TOTAL (CET) ...... .......... com desconto em folha de pagamento........ caso realmente se torne imprescindível a aquisição de um empréstim o............................ em função de alguma decisão judicial (pensão alimentícia)............................ ... Pág..........).... 6 5 -PASSO A PASSO DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO .......... Pág................ 14 10 VANTAGENS DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO ............ dependendo do consta nte no contrato assinado com a EC.... Caso este deixe de ter margem consignável que permita essa transferência...... a DFM e a PAPEM não incentivam o empréstimo consignado........ ................ tem se mostrado a mais ec onômica em face dos motivos explanados a seguir: 1) Facilita o controle orçamentário particular.... etc.......SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO .................... Pág............ mas sim a formação de uma poupança prévia que possa suprir possíveis necessidades futuras e gastos imprevistos..... 10 -VANTAGENS DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO: Como já citado............ 13 9 ERROS/ FRAUDES E O QUE FAZER SE CONSTATAR TAIS PROBLEMAS .................... cartão de crédito......... penhor............... ... conforme a alínea VII do item 5 desta Cartilha........... Pág. nem avalista... esse tipo de operação...... Segundo as Normas Sobre Pagamento de Pessoal na Marinha (SGM-302)...... 3 2 PORTAL DE CONSIGNAÇÕES NA INTERNET ......... as parcelas que deixarem de ser repassadas pela MB em determinado mês devem ser pagas pelo contratante diretamente à EC através de boleto ba ncário ou de inclusão de nova parcela no final do prazo de empréstimo. Contudo..

ANOTAÇÕES .

l) Implantar parcela de empréstimo sem que haja contrato. o Militar/Pensionista deverá procurar a sua OM (militares da ativa). d) Informar taxa de juros em percentual inferior ao praticado efetivamente (não informar o CET).Além de adotar procedimento semelhante aos itens anteriores: . . estão listados os principais erros observados nos empréstimos consignados. . k) Manter desconto em BP. e) Aumentar o valor da mensalidade social. após a quitação do empréstimo. g) Exigir pagamento de taxa de corretagem fora do contrato. . De posse das informações pertinentes ao caso. registre a ocorrência na . atraso na liberação de dinheiro. m) Efetuar depósito indevido em conta corrente do SISPAG. Procurar a EC responsável pelo desconto para formular reclamação. Se o problema persistir.Caso julgado necessário. c) Implantar pequenos valores no BP de forma a tornar difícil a verificação por parte do Militar/Pensionista. faça seguro ou pecúlio para efetivar o empréstimo (venda casada).Não utilize o recurso depositado e não identificado. é importante estar atento: TIPOS DE ERROS E FRAUDES O QUE FAZER a) Implantar parcelas em um valor superior ao acordado.Não transfira o recurso para outra conta própria ou de terceiros. o SIPM/OMAC (Inativo / Pensionista).TIPOS DE ERROS/ FRAUDES E O QUE FAZER SE CONSTATAR TAIS PROBLEMAS A seguir. podendo ocorrer por desconhecimento do operador ou mesmo por fraude. Assim sendo . para maquiar a taxa de juros excedendo o limite da margem consignável. reduzindo o valor da parcela de empréstimo. renegociação ou antecipação de pagamentos. ou a entidade não observar as condições previstas no contrato. ou o órgão responsável pelo seu processo de pagamento nas demais cidades. que reportarão o caso à Pagadoria de Pessoal da Marinha (PAPEM) no Rio de Janeiro. h) Falsificar BP e identidade do Militar/Pensionista i) Implantar empréstimo sem autorização. a PAPEM manterá contato com a entidade no sentido de verificar o efetivo cumprimento do convênio mantido com a MB. j) Calcular o saldo devedor de forma diferente ao pactuado no contrato.9 . b) Enviar numerário para conta corrente diferente da listada no SISPAG. f) Exigir que o tomador de empréstimo se associe à entidade.

n) Caso alguém se apresente como agente de alguma instituição financeira que tenha efetuado o depósito.229.151.Delegacia Policial mais próxima.16 % ao mês e pago em 6 parcelas. ou . caso seja INEVITÁVEL o empréstimo.04 43.309. 1 .63% ao mês. Vale ressaltar que a Diretoria de Finanças da Marinha (DFM) e a Pagadoria de Pesso al da Marinha (PAPEM) NÃO INCENTIVAM A CONTRATAÇÃO DE EMPRÉSTIMO.16 % a 2.72 1. na qual os pagamentos são efetuados por meio de desconto em Bilhete de Pagamento (BP).00 182. após a confirmação da suspensão do desconto do suposto empréstimo em seu BP.361. Como os empréstimos são capitalizados a juros compostos (conhe cido como juros sobre juros).28 36 34.63 % ao mês e pago em 48 parcelas.179. Nesse sentido.92 1.34 1. além de mostrar o quanto se despende a mais à medida que o prazo do financiamento aumenta. é relevante atentar que as mencionadas taxas representam o valor percentual para um mês.00 98.50 1.16 % ao mês Taxa Efetiva Nº de de 2. Empréstimo Consignado é uma operação de empréstimo. telefone para contato e encerre a conversa. (ou seja.559.16 3 14 .63 % ao mês meses Prestação Pagamento Total Prestação Pagamento Total 6 173.Só devolva a quantia depositada indevidamente à entidade financeira. O quadro abaixo a presenta como é significativa a escolha por taxa mais baixa e.772. Solicitar o nome do agente.78% a 2. um mesmo empréstimo de R$ 1.16 => a 2. a taxa global de cada operação é bem maior. é recomendável a ESCOLHA DE ENTIDADE CONSIGNATÁRIA (EC) que ofereça TAXAS MAIS BAIXAS e que a contratação seja para pagamento no MENOR PRAZO POSSÍVEL.000.00 => a 1.12 24 47.772.00 custará: . uma sensível diferença) QUADRO DE TAXA X PAGAMENTOS Taxa Efetiva de 1. para empréstimos de 48 meses.29 1.077. R$ 1.53 56.16 48 27.041.37% ao mês.31 1. e . Contudo.094.75 1.041. R$ 1.26 1. Exemplificando.14 1. por entenderem que o melhor caminho para efetuação de despesas é a prévia acumulação (poupança) do montante necessário à aquisição de um determinado bem ou serviço.04 12 89. para empréstimos de 6 meses. principalmente. consignado ou não. o mercado tem oferecido taxas que variaram de 1. e de 1.92 36. A título de exemplo. Praças e pensionistas) os cuidados que devem ser observados quando da decisão de contrair u m empréstimo.INTRODUÇÃO O propósito desta cartilha é apresentar à população naval (Oficiais. por menor pr azo de pagamento.98 1. nome da empresa.

do valor e a periodicidade das prestações. com a redação em destaque dessas cláusulas. V. na publicidade e no s materiais promocionais em geral. da taxa de juros e o CET contratados. A informação prévia e adequada. da soma total a pagar. incluindo juros. bem como as taxas cobradas deverão refletir o Custo Efetivo Total (CET) da transação. tributos. e b) O conjunto de pagamentos previstos. o que lhe será assegurado. II. claras.2007. III. seguros e outras despesas cobradas do cliente. desde o dia 03. que deverão ser redigidos de modo a facilitar a compreensão de seu sentido e alcance. A imediata e fácil compreensão das cláusulas que impliquem limitação de direito do Militar/Pensionista. Conhecimento prévio do conteúdo dos contratos de empréstimo. Por meio da resolução do Conselho Monetário Nacional. de acordo com os convênios firmados entre a DFM e as Entidades Consignatárias. Segurança em relação ao sigilo e a integridade dos seus dados. mesmo que relativas ao pagamento de serviços de terceiros contratados pela instituição. Para a sadia concorrência entre as EC e facilitar a pesquisa.Através do Portal de Consignações o Militar/Pensionista pode iniciar a contratação de um empréstimo consignado. . dentre outras providências. todas as instituições financeiras devem informar. O VALOR LÍQUIDO LIBERADO SOMENTE PODERÁ SER DEPOSITADO NA CONTA-CORRENTE REGISTRADA no Sistema de Pagamento da Marinha (SISPAG). o CET das operações de empréstimos e financiamentos. no início de cada mês. Alerta-se que. as taxas que serão praticadas naq uele mês atreladas aos prazos praticados normalmente no mercado. 3. de 06. Além disso. são divulgadas no Boletim de Ordens e Notícias (BONO). bem como no tocante à correção dos descontos efetivados em seu benefício. inclusive quando tais despesas forem objeto de financiamento. da Entidade Consignatária (EC). prevaleça aquela mais favorável ao Militar/Pensionista.2008. tarifas.517. VI. O CET deve ser calculado considerando-se: a) Os fluxos financeiros referentes às liberações. e que o desconto é realizado na folha de pagamento pelo número de meses contratados. IV.12. havendo duas interpretações possíveis. O item 2 desta cartilha apresenta as funcionalidades desse Portal. 8 -DIREITOS DO USUÁRIO-CONSIGNADO (Militar/Pensionista) Os direitos do Militar/Pensionista no tocante ao empréstimo consignado são os seguin tes: I. são encontradas diversas informações úteis. Interpretação mais favorável das cláusulas contratuais. Informações corretas. de forma que.03. precisas e ostensivas no contrato.

Efetuar a contratação apenas na medida de suas necessidades. Os clientes e usuários do Sistema Financeiro Nacional (SFN) podem. Para o exercício desse direito. Caso não obtenha êxito. Exigir o cumprimento de toda informação ou publicidade. como por exemplo. entretanto que o BACEN não tem por objetivo principal a solução do problema individual apresentado. Apresentar. suficientemente precisa. não é necessário o uso de intermediadores. reportar-se então à sua Organização Militar (para militares da ativa) ou ao Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha -SIPM e Organização Militar de Apoio e Contato -OMAC (para militares da reserva e pensionistas). inexperiência ou falta de estudo ou cultura do Militar/Pensionista. XI. reclamação à própria EC. Vale ressaltar que em todas estas oportunidades. sendo vedado a EC impingir produtos ou serviços mediante o aproveitamento de eventual fraqueza. Considerar que todas as EC possuem o Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) e a Ouvidoria. recomenda-se ao militar/pensionista guardar consigo todo e qualquer mat erial publicitário ou promocional a que tiver acesso. e. X. ainda. XII. inicialmente. apresent ar ao BACEN reclamações ou denúncias contra bancos e cooperativas de crédito. tendo em vista sua saúde. o Militar/Pensionista pode ainda entrar em contato com a PAPEM. para que as instituições supervisionadas atuem em conformidade às leis e à regulamentação. Caso não consiga sucesso após todas estas esferas. A atuação do BACEN com relação às reclamações e denúncias tem por foco verificar o cumprimento das normas específicas de sua competência. advogados ou assessores. conhecimento ou condição social. veiculada por qualquer forma ou meio de comunicação. . idade. setores que muita s vezes conseguem equacionar situações pendentes. que se refira especialmente ao objeto da contratação e às condições do preço do empréstimo. Salienta-se. bem como solicitar que seja transc rita e assinada no contrato qualquer informação verbal que lhe tenha sido transmitida por preposto do agente financeiro. IX.VII. Solicitar o cancelamento da consignação de seu benefício caso não tenha solicitado previa e expressamente o empréstimo. VIII.

23 2.67 26.42 9.67 18.76 11.98 2.46 10.55 10. um CET menor.50 5.17 14.75 5.11 37.07 13.91 27.20 14.33 25.71 10.32 2.75 16.68 26.30 5.29 14.37 2.70 5.45 10.96 20.87 17.29 1.50 26.96 1.98 1.30 5.04 2.90 5.38 28.04 15.73 18.76 2.20 33.45 5.40 5.57 10.72 10.32 14.31 22.32 1.80 5.20 27.00 5.32 21.70 25.72 2.14 27.57 26.000.67 10.65 10.95 13.00 25.49 22. Em caso de divergência entre as taxas de juros praticadas pela EC e as divu lgadas pela DFM. ou seja.68 10.77 15.39 19.54 18.50 5.98 1.48 18.92 28.66 10.35 5.12 31.41 1.30 28.11 29.93 17.91 25.85 5.38 27. foi disponibilizado.80 5.64 1.88 15.25 20.49 10.84 35.12 19.94 15.12 22.50 2.78 1.90 31.13 34.74 15.43 9.60 19.93 18.13 14.07 16.01 13.95 5.60 .35 17.03 22.40 21.20 5.29 24.21 16.62 10.15% ao mês.74 11.49 10.34 36.28 30.83 25. Tomando por base o mesmo exemplo.93 21.24 26.54 1.52 10.68 1.69 10.87 29. o índice encontrado indicará.86 18.35 26.75 29.15 5.35 5.98 2.26 19.70 10.58 14.16 25.60 5.32 1.98 15.00 5.55 5.86 23.10 5.53 10.25 5.11 28. verifica-se que o índice mais próximo de 11.00 .62 29.81 25.29 17.24 2.48 2. a partir de 02 de julho .70 2.TABELA PARA CÁLCULO DO CET TAXA Número de Parcelas % 6 12 18 24 36 48 1.00 5. teríamos: R$ 1.23 14.79 11.11 16.50 3.33 31.80 27.10 36.19 19.15 16.35 14.99 29.44 10.58 10.60 24.67 20.10 5.02 25.25 5.93 1.40 22.46 2.05 1. erradamente.61 15.98 13.72 1.64 10.55 1.48 10.54 32.64 15. 11.56 27.47 10. erroneamente.03 27.04 13.77 2.20 5.17 2.38 14.91 15.89 20.56 10.98 2.25 16.61 10.89 2.51 14.69 29.16.60 35.17 17.15 5.85 37.74 20.99 23.80 18.26 28. correspondente a 1.50 28.50 10.13 25.33 19.08 30.21 22.40 5.44 14.60 10.05 17.64 1.11 17.46 26.95 5.71 15.75 5.41 14.89 34.67 15.84 15.65 5.05 5.49 30.26 14.15.81 17.54 14.73 11.18 16.60 18.01 15.84 26.98 32. 2 PORTAL DE CONSIGNAÇÕES No intuito de aumentar a segurança e a transparência das consignações de empréstimo com desconto em Bilhete de Pagamento.67 2.39 24.81 15.53 19.65 5.48 14.54 10.18 20.69 23.13 1.03 20.59 23.89 29.76 32.74 2.99 17.10 14.08 23.43 33.05 5.74 28.63 10.16 1.66 34.69 30.02 26.16 é 11.46 19.59 37.43 10. Na tabela. bem como proporcionar mais facilidade ao Militar/Pensionista e maior competitividade entre as EC.55 5.81 21.23 17.27 Cuidado: Se no momento do cálculo da CET não forem abatidas do Valor Total da Operação a s Despesas Diversas .51 10.49 24.19 24.24 30. uma Taxa Efetiva o u CET bem menor.45 5.42 17.78 11.36 35. estaria sendo considerada.10 20.77 11.49 29.06 2.31 1.60 2. R$ 89.75 11.59 10. o fato deverá ser reportado à PAPEM para as providências cabíveis.06 19.85 5.99 18.78 23.80 11.60 5.90 5.

br/mb/login/login_servidor.confrontar as informações constantes no Boleto Demonstrativo com os dados registrados nos contratos de empréstimo com as EC.papem. . 5 12 .mar.dfm.mb.simular operações de empréstimo consignado. . .papem.consultar o histórico de seus contratos. e aos pensionistas. em favor de um a determinada EC a sua escolha.consultar as parcelas de consignações e/ou os serviços bloqueados para sua matrícula financeira. Alternativamente o acesso ao "Portal de Consignações do Militar/Pensionista" pode se r efetivado na página da PAPEM na Internet: www. sua margem consignável disponível. também. É possível. . o acesso. . por prazo determinado.jsp Esse sítio possibilita aos Oficiais e Praças. o valor e o número das prestações.consultar o saldo de sua margem consignável. Estas informações também podem ser obti das na página da DFM na Intranet: www.br.mil. ao "Portal de Consignações do Militar/ Pensionista" no endereço abaixo: https://econsigmb. e .visualizar e imprimir Boleto Demonstrativo com os valores a serem liberados no empréstimo.de 2009. o Custo Efetivo da Transação (CET) mensal e anual.verificar a melhor opção de empréstimo para cada período de desconto. por valor total solicitado ou pelo valor da parcela mensal. assim como as praticadas anteriormente. ser consultada a tabela com as taxas operadas por todas as Entidades Consignatárias no mês em curso. individualmente: .reservar.mil.mar. . ativos e inativos. mediante senha individual.

valor líquido liberado) de todas as Entidades Consignatárias (EC) conveniadas. com prazo de carência de 30 dias. a mesma pode concluir que as condições analisadas do pretendente não atendem a seus critérios de crédito. mel hor lhe convier ou que apresentar as melhores condições de negócio. não há obrigatoriedade de escolher a EC que apresente o menor CET. à Organização Militar (OM) em que estiver subordinado e. a seg uir é exemplificado um procedimento de fácil verificação.3 . O Portal informará as condições (CET. II. pela funcionalidade solicitar empréstimo .CPF. e . nos casos dos militare s inativos e pensionistas. para a formalização do contrato. possibilitando a escolha pela entidade que. 4 . a seu critério. simular as condições do empréstimo que intenciona contratar.000. Ressalta-se que a EC não está obrigada a celebrar o contrato com o Militar/Pensi onista. V. sob o risco de ter descontos não autorizados em seu BP e ser ALVO DE POSSÍVEIS FRAUDES.000. 5 .00 . . embora seja recomendável.FORNECIMENTO DE SENHA INICIAL A senha inicial de acesso ao referido portal deverá ser solicitada.Bilhete de Pagamento. para que o contr ato possa ser averbado na folha de pagamento. Para efetivação do empréstimo. 60 (oitenta e nove reais e sessenta e sete centavos). pois no momento em que ocorrer a análise de crédito. Após escolher com qual EC celebrará seu contrato. Além disso. classificadas em ordem crescente dos CET. . As EC devem disponibilizar um teclado de computador para que o Militar/Pensionista digite sua senha. valor da prestação. no caso de mil itar da ativa.carteira de identidade expedida pela Marinha do Brasil. 1º Passo Cálculo do valor líquido da operação VALOR TOTAL DO EMPRÉSTIMO (A) R$ 1. Acessar o Portal de Consignações e.RESPONSABILIDADE PELA SENHA O Militar/Pensionista é o responsável pelo uso e guarda de sua senha de acesso ao Portal de Consignações. até 3 (três) dias úteis.00 IMPOSTO SOBRE OPERAÇÕES FINANCEIRAS (IOF) (B) R$ 4. 7 CÁLCULO DA TAXA EFETIVA DE EMPRÉSTIMO OU CUSTO EFETIVO TOTAL (CET) Com a finalidade de auxiliar o militar/pensionista no cálculo do CET que está sendo praticado no momento em que se adquire qualquer empréstimo.00 (mil reais) a ser pago em 12 parcelas de R$ 89. o Militar/Pensionista deverá im primir e assinar o Boleto Demonstrativo. são apresentados os procedimentos que devem ser observados quando da contratação de um empréstimo consignado em BP: I. NÃO DEVENDO ENTREGÁ-LA A OUTRA PESSOA. III. o Militar/Pensionista deverá digitar sua senha pessoal.PASSO A PASSO DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO A seguir. isto é. IV. a solicitação deverá ser direcionada ao Serviço de Inativos e Pensionistas da Marinha (SIPM) ou a Organização Militar de Apoio e Contato (OMAC) mais próxima de sua residência.comprovante de residência. Faz-se necessário ter em mãos uma calculadora e seguir os três passos descritos abaixo: Exemplo: Empréstimo de R$ 1. se dirigindo à EC escolhida. a EC deverá solicitar que o Militar/Pensionista apresente o original e a cópia dos seguintes documentos: . consignado ou não.

encontre o valor mais próximo ao índice calculado no 2º passo (10. 3º Passo Definição da Taxa Efetiva de Juros ou CET (Localização do Índice na Tabela) Na tabela a seguir. na coluna correspondente ao número de parcelas a pagar (no exemplo 12 meses). O CET sofrerá pequena alteração para prazos de carência diferentes de 30 dias. O CET é aquele mostrado na primeira coluna.00 VALOR LÍQUIDO RECEBIDO PELO TOMADOR DO EMPRÉSTINO E = A B C D (E) R$ 936.44 (índice).60 .MENSALIDADE SOCIAL/PECÚLIO DESPESAS (C) R$ 20.4 4). 6 11 . isto é.00 . 2. 10.00 DIVERSAS COMISSÕES E CORRETAGENS (D) R$ 40. Observação: Esta tabela considera um prazo de carência de 30 dias. R$ 89.20% ao mês. isto é.00 2º Passo Cálculo do Índice Divida o valor líquido recebido pelo valor das prestações mensais: R$ 936. o primeiro pagamento ocorrendo após o recebimento do valor líquido do empréstimo.

e. principalmente. o prazo. A EC. que recairá sobre você. a EC tem a possibilidade de efetuar o desconto das parcelas não descontadas após o término do prazo do contrato da consignação (Ex: Militar/Pensionista tem um empréstimo contratado para 12 meses. sendo que a 5ª parcela não é processada por falta de margem consignável. VII. Tome cuidado com as correspondências que oferecem empréstimo (MALADIR ETA). 7 NÃO FORNEÇA SEUS DADOS POR TELEFONE. o Militar/Pensionista perderá a possibilidade de comparar as taxas oferecidas por to das as EC. 10 VI. Ler com atenção o contrato. Você mesmo é que deve digitá-la para autorizar o empréstimo. Com isso. energia. Tenha em mente que há a possibilidade dele (a) não poder arcar com o compromisso. 8 -Reserve parte de sua renda para as despesas essenciais. Nesse caso. aconselha-se que o militar / pensionista sempre acesse o Por tal de Consignações. Embora haja essa possibilidade. A pesquisa no P ortal de Consignações do Militar/Pensionista é extremamente recomendável. 6 -Não assuma dívidas em benefício de outra pessoa. o que prejudicará a escolha da condição que melhor lhe favoreça. 9 NUNCA ENTREGUE SUA SENHA A OUTRA PESSOA. evitand o os chamados intermediadores . Não receba representantes em sua residência. então. Dentre as cláusulas. maior será a dívida final a ser quitada. N a primeira. VIII. em até cinco dias corridos. alimentação. deve também verificar como está prevista a cobrança de parcelas que não venham a ser descontadas em BP em função de queda de margem. como a compra de medicamentos nos Postos do SEDIME. é previsto que a EC cobre a parcela diretamente junto ao Militar/Pension ista por meio de boleto bancário. Procure diretamente a EC de sua preferência. É interessante reservar parte da sua marge consignável para atendimento de consignações importantes. . O Portal de Consignações do Militar/Pensionista proporciona informações muito úteis. Ela é pessoal e intransferível. Tenha precauções ao comprar pela Internet. a simulação de empréstimo no Portal. atentar que podem existir duas possibilidades. implanta este desconto não processado a partir do primeiro mês subseqüente ao final do prazo previsto em contrato). transporte e saúde. previamente. Esses procedimentos podem abrir brechas para possíveis fraudes. através de recibo. tais como moradia. a fim de buscar as melhores condições de crédito. água. Na segunda alternativa. Estando de acordo. verificando a existência de possíveis cláusulas que possam lhe trazer problemas futuros. sendo uma v ia entregue ao Militar/Pensionista. Alternativamente o Militar/Pensionista também poderá procurar diretamente a EC sem efetuar. o contrato deverá ser assinado por ambas as partes.

Ter atenção a NUNCA FORNECER SUA SENHA A OUTRA PESSOA. na conta corrente registrada no SISPAG.IX. apenas. O valor líquido liberado na operação deverá ser depositado. e X. .

utilizando-se um prazo de 24 meses para um valor do contrato de R$10.EXEMPLO de empréstimo no Portal de Consignações.27 4 º D 510.26 1.92 25.80 1.92 25.18 1.62 21.92 25.92 25.90 25.64 21.92% ao mês). significando qu financeiramente apresentam as mesmas condições.54 20.64 -P ---Q ---R --A análise dessa listagem permite as seguintes constatações: a) As Entidades Consignatárias são apresentadas em ordem crescente de CET.26 1.12 1.64 10 º K 527.95 1.91 25.64 10 º N 527. .26 1.49 10 º J 527.56 5 º E 524.91 25.34 8 º H 526. realizado em Maio/2010.15 1.05 7 º G 526. b) As Entidades de J a O estão operando com o mesmo CET (1.92 25.26 1.64 10 º O 527.87 24.03 1.56 20.65 1.90 6 º F 524.88 25.00: Classificação Entidade Consignatária Possibilidade de Contratar Valor da Parcela (R$) CET Mensal (%) CET Anual (%) 1º A 504.26 1.64 10 º L 527.33 1.26 1.13 2 º B 505.92 25.41 3 º C 508.000.64 10 º M 527.49 9 º I 526.65 1.

6 -OS MANDAMENTOS DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO A seguir. não se iluda com estas ofertas. saiba de todos os procedimentos para pagamento e exija-os por escrito (no contrato). 5 -Compare as taxas de juros que estão sendo praticadas pelas diversas EC. 2 -Tenha cuidado com o crédito fácil. o que complicará sua situação na hora de pagar a dívida. Gastos imprevistos podem ocorrer.c) O ícone na coluna Possibilidade do Empréstimo indica que o empréstimo pode ser contratado naquela EC. Veja se você realmente necessita do empréstimo e se te rá condições de pagá-lo no futuro. 3 -Não assuma dívida sem antes refletir bem e conversar com sua família. 4 -Leia atentamente todas as cláusulas do contrato e dos prospectos. pois poderá ter problemas futuros de endividamento fora de controle. Lembre-se que quanto maio r o CET . observando sempre o menor prazo possível para pagamento. há uma lista de nove mandamentos muito importantes a serem seguidos por todos: 1 -Não gaste mais do que você ganha. Quando assumi r uma dívida. O cenário econômico disponibiliza grande oferta de crédito com taxas de juros aparentemente baixas e facilidades de parcelamento. Se não houver a possibilidade o ícone exibido será . No entanto.