You are on page 1of 122
48ND, “Roe” Moacyr Scliar O CENTAURO NO JARDIM © eentauro no jardim ocupa papel de destaque na obra de Moacyr Scliar. E seu liveo mais tradurido — publicado ‘om inglés, francés, espanhol, alemio, mieco, hebraico ¢ russto —e objeto de humerosos artigos ¢ ensaios em virios paises. Foi até adaptado para o teatro, na Alemanha: Em 2002, National Yiddish Book Genter, dos Estados Unidos, inchsiu- © na lista dos cem livros de tematica Judaica mais importantes da moderni- dacle, no lado de obras de Franz Kafka, Isaac Bashevis Singer ¢ Saul Bellow. Ja © eritico francés Bernard Pivat coloca O centauro no jardim em sua “biblioteca deal thores livros de lingua portuguesa, nu- ma relagho que inclui Camées, Eucli- des da Gunha, Machado de Assis, Ega de Queirés, Graciliano Ramos ¢ Gui- martes Rosa. Tamanha repercussio deve-se so- bretuclo & originalidade ¢ & riqueza li terdria da narrativa. Na regiéo de co- lonizagio judaica no interior do Rio Grande do Sul, uma mulher da a luz um bebé-centauro. Guedali é criado reco pela familia; mais tarde, como um dos cingenta me- foge pelo interior do estado ¢ encon- ta uma centaura, por quem se apai- Os dois decidem partir para o Marrocos, onde sera submetidos a Wma eirurgia que os transformaré om serex humanos normais. A apa- Femte normalidade, porém, nao poe flim hs inquietagsex do ex-centauro. ‘Guedali resolve voltar & condigio an- W © pede ao médico que reverta a da Escola — varias obras lite- jadas a sua escola a vocés, alunos, Bsoras, e demais lcesso a cultura, a ura. fe do acervo da bi im, € responsa- pste livro para que beneficiar deste Prezado leitor, prezada leitora, Este livro faz parte do acervo do Pro- grama Nacional Biblioteca da Escola — PNBE/2009, composto por varias obras lite- arias, Elas foram encaminhadas a sua escola com 0 objetivo de garantir a vocés, alunos, alunas, professores, professoras, e demais profissionais da escola, 0 acesso a cultura, informagao, estimulando a leitura. Essas obras fardo parte do acervo da bi- blioteca de sua escola. Assim, é responsa- bilidade de todos zelar por este livro para que varias pessoas possam se beneficiar deste bem cultural. Boa leitura!