Dispositivos DR Disjuntores DR

Proteção contra correntes de fuga à terra Características básicas
Os Dispositivos DR ou Disjuntores DR de corrente nominal residual ( I∆n ) até 30 mA, são destinados a proteção de pessoas, e, acima deste valor, são apropriados a proteção de instalações elétricas. Dispositivos DR ou Disjuntores DR do tipo AC são aplicados em circuitos de corrente alternada, sendo resistentes à sobretensões transitórias. São normalmente utilizados em instalações elétricas prediais, como também em instalações elétricas industriais de características similares. Os do tipo A (antigo B) são aplicados em circuitos de corrente alternada e contínua pulsante, sendo fortemente resistentes às acentuadas sobretensões transitórias típicas das grandes instalações elétricas industriais. Dispositivos DR de corrente nominal residual ( I∆n ) de 10 mA, são utilizados em circunstâncias especiais, como, por exemplo, para proteção de pessoas que sofreram intervenções cirúrgicas delicadas, como a correção de distúrbios cardíacos.

Tabela de escolha
Dispositivos DR
Execução Corrente nominal residual I∆n (mA)
30

Corrente nominal In (A)
25 40 63 80 25 40 63 80 25 40 63 80 125 25 40 63 80 125 40 63

Nº de Tipo módulos 3)

Proteção de curto-circuito Fusível 4) (A)

Peso

Tipo AC
220V / 127VCA – 50 / 60Hz
|1 |N

Disjuntor 5) (A) (kg)
25 40 63 80 25 40 63 80 25 40 63 80 – 25 40 63 80 – 40 63 0,24 0,24 0,31 0,31 0,22 0,22 0,31 0,31 0,473 0,473 0,473 0,473 2,10 0,473 0,473 0,473 0,473 0,95 0,473 0,95

Bipolar
(Fase e Neutro ou Fase e Fase)

2 2 2,5 2,5 2 2 2,5 2,5 4 4 4 4 – 4 4 4 4 – 4 4

5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1

312-0 314-0 316-0 317-0 612-0 614-0 616-0 617-0

63 63 100 100 63 63 100 100 100 100 100 100 125 100 100 100 100 125 100 100

300
2 N T 1)

Tipo AC
380V / 220VCA – 50 / 60Hz

Tetrapolar
(3 Fases e Neutro) 2)

30

5SM1 342-0 5SM1 344-0 5SM1 346-0 5SM1 347-0 5SZ3 470 5SM1 642-0 5SM1 644-0 5SM1 646-0 5SM1 647-0 5SZ6 470 5SM1 744-0 5SM1 746-0

|1 |3 |5 |N

(2 Fases e Neutro) 2)

300

2

4

6

N

T 1)

500

Para seletividade de característica S
500 125 40 63 80 125 160 63 125 160 224 – 4 4 4 – – 4 – – – 5SZ7 478 5SM1 344-6 5SM1 346-6 5SM1 347-6 5SZ3 473 5SV6 123 5SM1 746-6 5SZ7 473 5SV6 113 5SV6 513 125 100 100 100 125 160 100 125 160 224 – 40 63 80 – – 63 – – – 0,95 0,473 0,473 0,473 2,10 5,5 0,47 0,95 5,50 9,00

Tipo A
380V / 220VCA – 50 / 60Hz

Tetrapolar
(3 Fases e Neutro) 2)

30

300
|1 |3 |5 |N

(2 Fases e Neutro) 2)
2 4 6 N T 1)

500

Para seletividade de característica S
300 63 4 5SM1 646-8 100 63 0,473

Para seletividade de característica K
30 40 16 4 2 5SM1 344-6KK01 5SM1 111-6 100 63 40 16 0,473 0,24

Tipo A
220V / 127VCA – 50 / 60Hz
|1 |N

Bipolar
(Fase e Neutro ou Fase e Fase)

10

2 N

T 1)

1) Botão de teste para simular o disparo. 2) Em redes de 2 ou 3 condutores, um deve ser conectado em N e um outro em 5-6, para permitir o disparo por simulação da fuga pelo botão de teste. 3) Um módulo é igual a 18 mm no Sistema N (exemplo um disjuntor 5SX monopolar). 4) Corrente máxima de curto-circuito 10 kA. 5) Veja no verso as correntes máximas de interrupção.

Veja diagramas de ligação no verso.45 2 4 T 1) Módulo DR acoplável em disjuntores 5SX6 e 5SX7 bipolares 30 300 80/100 80/100 6 10 16 20 25 32 3. . 2) Em redes de 2 ou 3 condutores. protegem as instalações elétricas das correntes de sobrecarga e curto-circuito.93 0. para permitir o disparo por simulação da fuga pelo botão de teste. Dispositivos DR obedecem a norma IEC 1008 e os Disjuntores DR a IEC 1009.22 Tipo A 220V / 127VCA – 50 / 60Hz 6 kA (IEC 898) curva C |1 |N Bipolar (Fase e Neutro) 30 2 N T 1) Tipo A 380V / 220VCA – 50 / 60Hz 6 kA (IEC 898) curva C Tetrapolar (3 Fases e Neutro) 2) (2 Fases e Neutro) 2) 30 10 16 20 25 32 6 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 667-0KS10 667-0KS16 667-0KS20 667-0KS25 667-0KS32 4) 0.Para projetos típicos com circuitos de entrada e de distribuição. tem seu disparo retardado em 10 ms acima dos valores normais de atuação. uma Fase deve ser conectado em 1-2 e o Neutro em N. o que permite que seja desligada somente a parte da instalação que apresente falha.43 0. além da proteção contra correntes de fuga à terra. podem ser utilizados os Dispositivos DR que atuam de forma seletiva. o que permite uma seletividade fina e adequada à proteção de pessoas.5 kA (IEC 898) curva C |1 |3 |5 |N Tetrapolar (3 Fases e Neutro) 2) (2 Fases e Neutro) 2) 30 Módulo DR acoplável em disjuntores 5SX6 e 5SX7 tetrapolares 2 4 6 N T 1) 4) 30 300 80/100 80/100 6 10 16 20 25 32 5 5 2 5SM2 347-0 5SM2 647-0 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 767-0KV06 767-0KV10 767-0KV16 767-0KV20 767-0KV25 767-0KV32 0.75 |1 |3 |5 |N Módulo DR acoplável em disjuntores 5SX6 e 5SX7 tetrapolares 30 80/100 80/100 5 5 5SM2 347-6 5SM2 647-6 300 0. Para uma corrente nominal residual de 30 mA. o Dispositivo DR seletivo de característica K.5 3. São aplicados Dispositivos DR ou Disjuntores DR normalmente nas configurações de rede TN (Fase/PEN) e TT (Fase/N/PE).75 Tipo AC 380V / 220VCA – 50 / 60Hz 4. redes sem Neutro não permitem o uso do botão de teste 3) Um módulo é igual a 18 mm no Sistema N (exemplo um disjuntor 5SX monopolar).5 kA (IEC 898) curva C |1 |N (kg) 2 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 747-0KW06 747-0KW10 747-0KW16 747-0KW20 747-0KW25 747-0KW32 247-1BK06 247-1BK10 247-1BK16 247-1BK20 247-1BK25 247-1BK32 4) Bipolar (Fase e Neutro) 0.5 kA (IEC 898) curva C |1 |3 Bipolar (Fase e Fase) 30 4 0. 4) Veja no verso as correntes máximas de interrupção. Tabela de escolha Disjuntores DR (com módulo DR integrado) Execução Corrente nominal residual I∆n (mA) 30 Corrente nominal In (A) 6 10 16 20 25 32 6 10 16 20 25 32 Nº de Tipo módulos 3) Peso Tipo AC 220V / 127VCA – 50 / 60Hz 4.80 0.5 6 5SM2 327-0 5SM2 627-0 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 5SU3 647-1BK06 647-1BK10 647-1BK16 647-1BK20 647-1BK25 647-1BK32 0.80 1) Botão de teste para simular o disparo. tem um retardo de disparo conforme prescrito pela norma IEC 1008.80 4) 2 4 6 N T 1) Módulo DR seletivo S acoplável em disjuntores 5SX6 e 5SX7 tetrapolares 300 80/100 5 5SM2 647-8 0. veja no verso.93 0.22 2 N T 1) Tipo AC 380V / 220VCA – 50 / 60Hz 4. Veja as curvas características de disparo no verso.47 0. O Dispositivo DR seletivo de característica S. Os Disjuntores DR. Informações adicionais.

.

aumento de consumo de energia. Quando houver uma falha à terra (corrente de fuga) a somatória será diferente de zero. destruição da isolação.Transformador da rede T . aquecimento indevido.Corrente secundária residual induzida Condições de atuação Contato direto.Dispositivo DR de proteção contra a correntes de fuga à terra T . L1 N L1 N F1 L T F1 L T F1 .Transformador da rede T . ou seja. por eletromagnetismo.Dispositivos DR Disjuntores DR Proteção contra correntes de fuga à terra Princípio de funcionamento A somatória vetorial das correntes que passam pelos condutores ativos no núcleo toroidal é praticamente igual a zero (Lei de Kirchhoff).Contato direto (falha da B . ou seja.Carga (aparelho consumidor) A .Contato indireto (fuga a terra por falha da isolação) R A R ϕF .Disparador eletromagnético IF ϕF L R .Transformador da rede A . Contato indireto. falha da isolação. e que podem levar até a um processo de combustão (incêndio). que provocam riscos às pessoas.Contato indireto (interrupção F1 . o disparo do Dispositivo DR (desligamento do circuito). destruição ou remoção das partes isolantes. com toque acidental por pessoa ou animal em partes ativas (energizadas). As correntes de fuga. através de pessoa ou animal com a parte metálica (carcaça do aparelho). são monitoradas e desligadas por um Dispositivo DR.Transformador diferencial toroidal .Fluxo magnético da corrente residual IF . que estará energizada por falha da isolação. Existem correntes de fuga naturais não relevantes.Dispositivo DR protegendo isolação da parte ativa) ou inexistência do condutor de proteção e falha de isolação) a pessoa (desligamento instantâneo) . o que irá induzir no secundário uma corrente residual que provocará. T L1 N PE T L1 N PE B T L1 N PE F1 A B T .

subdimensionadas. impõem novos métodos e dispositivos.5 vezes a corrente nominal residual ( I∆n ) Configurações da rede Sistema TN L1 L2 L3 N PE Sistema TT L1 L2 L3 N PEN F1 (DR) N TN . geralmente reversíveis Zona Elevada probabilidade de efeitos fisiológicos graves e irreversíveis (fibrilação cardíaca. Se a essa corrente fisiológica interna somar-se. ou envelhecimento. que permitem o uso seguro e adequado da eletricidade. nervosa ou muscular. traga os conceitos para definir claramente os níveis de segurança exigidos para a proteção de pessoas. sem dispensar outros elementos de proteção (disjuntores. de proteção contra correntes de fuga à terra. de uso obrigatório em razão de Leis. Por outro lado. destruição de equipamentos e incêndios são muitas vezes causados por instalações mal executadas. Princípio de proteção das pessoas Qualquer atividade biológica no corpo humano.C F1 (DR) PE TN . parada respiratória. prescreve o uso obrigatório do Dispositivo DR em vários setores das instalações elétricas em baixa tensão.Conceito de aplicação O elevado número de acidentes provenientes do sistema elétrico. fusíveis. contra os perigos dos choques elétricos. devido a um contato elétrico. A relevância dessa proteção faz com que a Norma Brasileira de Instalações Elétricas – NBR 5410 / 97. que.2 0. dependendo da duração e da intensidade da corrente. além de perdas de energia e danos às instalações. Uma proteção eficaz. com má conservação. ocorrerá no organismo humano uma alteração das funções vitais. reduzindo o nível de perigo às pessoas. Gráfico com zonas tempo x corrente e os efeitos sobre as pessoas IEC 479-1 (percurso mão esquerda ao pé) 10000 ms Tempo 2000 1000 500 200 100 50 20 0. irreversíveis e até a morte da pessoa. é originada de impulsos de corrente elétrica.1 0. Estes acontecimentos poderiam ser previamente detectados e evitados com a utilização do Dispositivo DR. uma corrente de origem externa (a corrente de fuga). o valor máximo da corrente nominal residual de não disparo ( I∆no ) é igual a 0. contrações musculares). tanto à segurança dos equipamentos quanto a vida dos usuários.5 1 2 5 10 20 50 100 200 500 1000 mA 10000 Corrente de fuga Zona Nenhum efeito perceptível I∆n — 10 mA 30 mA Zona Efeitos fisiológicos geralmente não-danosos Zona Efeitos fisiológicos notáveis (parada cardíaca. É válido mencionar que a norma NBR 5410 / 97. etc). seja ela glandular. poderá provocar efeitos fisiológicos graves.S F1 (DR) F1 (DR) L1 L2 L3 N PE . é atendida pelo Dispositivo DR de proteção contra correntes de fuga à terra. parada respiratória) Zona 1) Faixas de atuação dos Dispositivos DR ou Disjuntores DR 1) Conforme IEC 1008.

5 até 25 mm2 até 60 mm2 até 160 mm2 até 35 mm2 Y1 Y2 2 4 6 8 (N) Proteção contra sobrecorrentes Disjuntores Corrente máxima de interrupção NBR IEC 60898 ( IEC 898 ) 5SX1 5SX2 5SX4 5SX6 5SX7 60 40 20 10 6 4 2 1 40 20 10 6 4 2 1 0.042 1 1. Módulo DR acoplável em disjuntores 5SX6 e 5SX7 T T 1 3 5 7 (N) 5SM2 327 5SM2 627 s 1 3 (N) 2/1 4/3 (N) 5SM2 347 5SM2 647 2/1 6/5 4/3 8/7 (N) Acessório – Chave auxiliar 2) (In = 6A / 220VCA e 1A / 220VCC) Contatos 1NA + 1NF Dispositivo DR 5SM1 1 / 3 / 6 / 7 Tipo 5SW3 000 Peso (kg) 0.NBR IEC 60898 ( IEC 898 ) Curva B 60 40 20 10 6 4 2 1 40 20 10 6 4 2 1 0.2 0. Curva C 1 1.02 0. 5SX7 5SU 1) Fixação 5SV6 por parafusos 2) Acresce 9 mm à largura do Dispositivo DR 3) In = 63 A – 16 kA Dimensões O O 1 N O O 1 N O O O O 1 3 5 N 45 90 80 44 80 44 196 180 155 135 0 220 T I 0 T I T 2 O 36 T N O 2 O N O 45 2 O 4 O 72 T 6 O N O 7 44 55 70 70 5 115 175 T 380 270 A 35 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 279 312 314 612 614 111 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 316 317 616 617 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 342 344 346 347 642 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 5SM1 644 646 647 744 746 5SZ3 470 5SZ3 473 5 115 5SZ6 5SZ7 5SZ7 5SZ7 470 473 478 670 5SV6 113 5SV6 123 68 63 90 O O Y1 Y2 O O Y1 Y2 13.04 0. 3800 Pirituba 05110-901 b (0XX11) 3908-2211 m (0XX11) 3908-2631 Central de Atendimento Siemens b 0800-119484 Vendas São Paulo: b (0XX11) 833-4597 m (0XX11) 833-4790 833-4791 Campinas: b (0XX19) 754-6100 m (0XX19) 754-6111 Rio de Janeiro: b (0XX21) 583-3379 m (0XX21) 583-3474 Porto Alegre: b (0XX51) 358-1818 m (0XX51) 358-1714 Belo Horizonte: b (0XX31) 289-4400 m (0XX31) 289-4444 Curitiba: b (0XX41) 360-1172 m (0XX41) 360-1170 Recife: b (0XX81) 461-6200 m (0XX81) 461-6276 Salvador: b (0XX71) 352-1852 m (0XX71) 352-1895 Fortaleza: b (0XX85) 261-7855 m (0XX85) 244-1650 Brasília: b (0XX61) 348-7640 m (0XX61) 348-7639 Dezembro 99 Produtos e Sistemas Industriais.5 mm 1 até 16 mm2 1.5 2 3 4 5 6 8 10 15 20 30 x In corrente s tempo min.01 (rápida por engate) Secção dos condutores In até 40A (2 módulos) In até 80A / 63A (2.5 T 1 O 3 O T 1 O 3 O 5 O N O 45 98 7 638 586 O I T T 2 O 4 O 2 O 4 O 108 7 6 O N O 44 53 2/1 O 4/3 O 2/1 O 4/3 O 6/5 O 2 N O O 32 35 7 44 58 T 8/7 O 180 180 72 7 44 64 104 307 127 167 188 5SU3 747 5SU3 767 Ø7. 5SX2.01 tempo min.4 0.1 0.6 0. e estão sujeitas a alterações IND 3/1771-CA Siemens Ltda 45 90 .04 0.2 0. 5SX4.Dispositivos DR Disjuntores DR Proteção contra correntes de fuga à terra Dados Técnicos Temperatura ambiente Durabilidade mecânica/elétrica Grau de proteção Montagem Fixação 1) – 5 até + 45°C > 10000 manobras IP20 (toque acidental) qualquer posição em trilho 35 x 7.1 0. 5SX6.4 0.3 5SU3 247 5SU3 647 5SU3 667 5SV6 513 5SM2 327 5SM2 627 5SM2 347 5SM2 647 Sede Central São Paulo: Av. Mutinga.06 0.5 / 4 módulos) In até 160A In até 225A Módulo DR – In 80/100 A Esquema de ligação Y1 Y2 2 4 (N) 220V / 127V 4 kA 18 kA 3) 25 kA 16 kA 20 kA 380V / 220V 3 kA 6 kA 10 kA 6 kA 10 kA Curva Característica de disparo . Prediais e Automação Siemens As informações aqui contidas correspondem ao estado atual da técnica.02 0.06 0.5 2 3 4 5 6 8 10 15 20 30 x In corrente 5SX1 5SX1.6 0.5 O O 1 N T 45 90.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful