Universidade Federal do Ceará Centro de Tecnologia Departamento de Física

Relatório Pratica 7 Velocidade do som

Nome: Admilsa Maria Fernandes Garcia Matricula: 0324585 Curso: Engenharia de Produção Turma: S

Fortaleza, 4 de setembro de 2010

Índice Objetivo-----------------------------------------------------------------------------------------------------1 Material------------------------------------------------------------------------------------------------------1 Introdução à teórica---------------------------------------------------------------------------------------2 Procedimento experimental ------------------------------------------------------------------------3 Questionário --------------------------------------------------------------------------------------------4 Conclusão---------------------------------------------------------------------------------------------------5 Anexos -------------------------------------------------------------------------------------------------------7 Bibliografia--------------------------------------------------------------------------------------------------8 .

Diapasão de freqüência conhecida. Fita métrica. Tubo de borracha.Objetivo  Determinação da velocidade do som no ar como uma aplicação de ressonância Material       Cano de PVC. Martelo de borracha. Água 1 .

interferência destrutiva) e antinós (ventres-pontos em que a amplitude da onda resultante é de máxima-interferência construtiva). forma-se uma onda estacionaria com nós (pontos fixos. Quando outro corpo começa a vibrar por influência de outro. pag 7) 2 . próximo do ramo do tubo que contém uma coluna de ar na parte superior. Uma onda é uma perturbação oscilante de alguma grandeza física no espaço e periódica no tempo. (Ver anexos. Todos os corpos tem certas freqüências de vibração. A onda sonora por sua vez é definida genericamente como qualquer onda longitudinal e se propaga em três dimensões. O experimento consistiu em usar um tubo flexível em U. A variação do comprimento da coluna é obtida pela modificação na altura do outro ramo do tubo em U que contém o reservatório de água. na mesma freqüência deste. e um diapasão que vibra com determinada freqüência. Podemos citar o caso do vidro de uma janela que se quebra ao entrar em ressonância com as ondas sonoras produzidas por um avião a jato.Introdução à teórica Para retratar sobre a velocidade do som. primeiramente tem-se que se falar sobre as ondas sonoras. As posições de máximos e mínimos não variam com o tempo. Quando acontece a ressonância. parcialmente preenchido com água. é possível variar o comprimento da coluna de ar até um valor tal que ocorra a ressonância. devido a reflexão das ondas na superfície. numa determinada freqüência. Assim através do som produzido pela vibração do diapasão. ocorre um fenômeno chamado ressonância e o som entre eles é reforçado.

59m  Cálculo da média: h2= Determinou-se então a ultima altura. encontrando então o h1.Procedimento experimental A prática da determinação seguiu-se de séries de trabalhos e observações. 3 .0 cm ≈ 0.h3.3 = 59.0 2º-----h=58.3 2º-----h=17. montando um sifão com o tubo de borracha. Depois se seguiu observando quando a intensidade sonora atingiu um máximo e com isso foi-se medindo as três vezes a altura e tirou-se a média entre eles.8ºC no instante.0 =18.3 3º-----h=98.0 cm ≈ 0.06cm ≈ 0.18m Cálculo da média: Pós isso deixou-se escoar mais água de modo a obter um 2° máximo do mesmo modo que se determinou o h1:    1º-----h=59.    1º-----h=97.7 3º-----h=59.0 = 98.9 3º-----h=18.7 2º-----h=98. para o 3° máximo. Primeiramente encheu-se quase completamente o cano com água.    1º-----h=18. segurando-se o diapasão enquanto a água do cano se escoava.98m  Cálculo da média: h2= E anotou-se por fim uma temperatura ambiente de 26.

8°C na equação.59-0.28% 4 . Para cada grau centígrado acima de 0°C.(0.Questionários com perguntas e respostas 1. a velocidade do som aumenta 2/3 m/s). utilizando a equação termodinâmica: V = 331 + em m/s Onde T é a temperatura ambiente.435 V=339 m/s  Fazendo a média:  Ve = 348 m/s 2.Calcule o erro percentual entre os valores da velocidade de propagação do som no ar obtidos teórica e experimentalmente. (A velocidade do som no ar a 0°C é 331 m/s.98-0. temos:   Vt = 331 + (26. E% = E% = – – 100 100 → onde Vt é o Valor teórico e Ve o valor experimental E% = 0. Qual a velocidade do som obtida experimentalmente?  V= λf  Velocidade para os valores de h1 e h2 λ=2(h2-h1) V=2(h2-h1)f →V=2. Calcule a velocidade teórica.(0.435 V=357 m/s  Velocidade para os valores de h2 e h3 λ=2(h3-h2) V=2(h3-h2)f →V=2.8) Vt = 349 m/s 3. em graus centesimais.59).  Substituindo T = 26.18).

para outras alturas da coluna de ar dentro do cano? Raciocine ou experimente. além dos três observados.0 – 59. 4.6 = 49. Quais seriam os valores de h1. h2 e h3 se o diapasão tivesse a freqüência de 880hz? (não considerar a correção de extremidade). Será possível obterem-se novos máximos de intensidade sonora.  Sabemos que: V = λ. não seria possível obter novos máximos de intensidade sonora.87 cm + 9.5 cm Assim: h1 = h2 = h3 = = + h1 = + h2 = = 9.87 = 29. supondo que exista um h4.3.0) = (98.6 cm + 29.3 cm 5 . temos: (h4 .  A distância entre dois nós consecutivos é igual a meio comprimento de onda.0) → h4 = 137 cm Como o cano utilizado tem 116 cm de comprimento. a dificuldade de perceber exatamente a ocorrência de um máximo de intensidade sonora.f → 348 = λ.880 → λ = 0. devido à falta de prática e a presença de outros grupos realizando o mesmo experimento no local. 5. Quais as causas prováveis dos erros cometidos?  Os erros cometidos podem ter sido gerados por variações na temperatura local durante o experimento. Justifique.h3) = (h3 – h2) = λ / 2 →(h4 – 98.395 m = 39.

o que é bastante considerável. 6 .Conclusão Com apenas 0. podemos concluir que praticamente se alcançou o valor teórico da velocidade do som.28% de erro obtido no procedimento experimental.

Anexos  Equipamentos usados  componentes de uma onda:  Distância entre nós 7 .

Bibliografia   (1) DIAS.fundamentos de Física.com/viewer?a=v&q=cache:90IYh6Xy3VAJ:www.sbfisica.roteiros de aulas práticas de física experimental 04-09.br/images?um=1&hl=ptPT&biw=1280&bih=664&tbs=isch:1&sa=1&q=componentes+de+uma+onda&a q=f&aqi=&aql=&oq=&gs_rfai= (2) 04-09-10http://docs.com.pdf+relatório+de+fisica+prática+7+velocidade+do+som& hl=pt-PT&gl=br&pid=bl&srcid=ADGEESjOZ7r7I8CRu_K2jW3-mQLq-XVUKMq_JhVcnA4e4O9CWPL_q5uAJRFH6dlfgAtVkWYZlQFEthGL2apNlpjl 62szOL17y0MS8OVZn3J8khBdwHnC49aTaABrt1rmgl0FnmwC4ud&sig=AHI EtbSMEedquNzfukjoBQiCv9_WgRJWxg (3) HALLIDAY.volume 2   8 .10 http://www. Nildo Loiala .google.google.or g.RESNICK.br/rbef/pdf/v25_74.

8 .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful