You are on page 1of 3

Clube dos Poetas Mortos

Contextualização do Projecto
Durante a noite, num colégio interno em New England, alguns jovens estudantes reúnem-se clandestinamente numa gruta para lerem poesia, inspirados pelas aulas e o exemplo de um inovador professor de literatrura.

1. Actividades de visionamento activo

(o visionamento poderá ser precedido de tópicos orientadores dos elementos a observar)

.

Especular sobre o assunto do excerto do filme, partindo apenas das primeiras imagens (saída do edifício de encapuchados que se dirigem para o bosque).

. Caracterizar a atmosfera das primeiras imagens do excerto (até ao momento em que se
vê a gruta), recorrendo, por exemplo, a adjectivos tais como lúgubre, medonho, "gótico". . Identificar lugares em que decorre a acção do filme.

. Estabelecer as principais sequências narrativas do excerto.

. Caracterizar o ambiente vivido dentro dagruta. . Traçar o retrato físico e psicológico dos intervenientes. .
Reproduzir as regras de funcionamento da quelas sessões, enunciadas pelo jovem "líder" do grupo.

. Indicar o sentido global do texto de Henry David Thoreau lido por um dos jovens. . Comentar o modo como os jovens reagem à mensagem lida pelo "líder" do grupo. . Identificar momentos em que a banda sonora (música e outros sons) assume particular relevância.

. Reconhecer a presença de vários tipos de planos cinematográficos (planos de
Microsoft Innovative Teachers Microsoft.com/Education/InnovativeTeachers

pormenor, panorâmicas, vistas de cima, "travelling"), salientando o seu valor expressivo.

.

Especular sobre as razões que levaram à atribuição do nome "Clube dos Poetas Mortos" àquele grupo de jovens.

2. Actividades de Produção Oral e Escrita e de Recriação Trabalho de pares Grupo 1
 Fazer o relato escrito do excerto visionado.

Grupo 2
Um hino à vida no filme
 Cria um texto de opinião tendo com pano de fundo esta frase.

Grupo 3

Redigir frases que os jovens teriam pronunciado como comentário ao texto de Henry David Thoreau.

Grupo 4

Redigir um comentário pessoal ao texto de Thoreau "Fui para os bosques(...) para sugar todo o tutano da vida", evocado no filme.

Grupo 5

Redigir o texto de uma entrevista a fazer à personagem Keating (o professor), evocada por um dos jovens, interrogando-o sobre a razão que o levou a indicar aquela passagem de Henry David Thoreau aos seus alunos.

Grupo 6
 Fazer o relato na primeira pessoa da experiência vivida naquela noite e naquele bosque, encarnando o aluno a figura de um dos encapuchados.

Grupo 7

Microsoft Innovative Teachers

Microsoft.com/Education/InnovativeTeachers

Redigir um anúncio que tivesse como objectivo a formação de um "Clube de

Poetas Vivos".

Grupo 8

Criar o regulamento para um "Clube de Poetas Vivos".

Grupo 9

Organizar um debate subordinado ao tema "Os Poetas Nunca Morrem".

Grupo 10

Escolher poemas (de entre os apresentados no Manual ou outros) para "Iegendar" planos nocturnos visionados no excerto fílmico.

Trabalho Individual
 Redigir um texto de apreciação crítica ao filme "O Clube dos Poetas Mortos", partindo do seu visionamento integral.

Microsoft Innovative Teachers

Microsoft.com/Education/InnovativeTeachers

Related Interests