You are on page 1of 2

Jornal do Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre - Ano XXV - Edição 347

Primeira rodada da campanha
acontece nesta quinta
Nesta quinta-feira (6/10),
acontece a primeira rodada de
negociação da Campanha Salarial
Unifcada 2011 com o Sindicato
Nacional das Empresas Aeroviárias
(SNEA). A reunião será realizada na
sede do SNEA, no Rio de Janeiro,
às 14 horas.
Com o slogan “Se eu quero,
eu luto”, aeronautas e aeroviários
dão início às manifestações da
campanha também no dia 6, em
Porto Alegre, com distribuição de
informativos e chamamento dos
trabalhadores. Outros atos irão
ocorrer nas demais bases do país,
nos próximos dias.
Ambas categorias defendem
reajuste de 13% sobre os salários,
ampliação da licença maternidade
e extensão de benefícios para
casais de mesmo sexo. O reajuste
sobre os pisos defendido pelos
aeroviários é de cerca de 20%, além
da criação de dois novos pisos: para
operadores de equipamentos de
viatura e despachantes de check-in
e de aeroporto.
Também são
defendidas diárias
de R$ 54,00 e cesta
básica de R$ 300,00,
independente da faixa
salarial do trabalhador, o
que amplia o benefício, e
jornada semanal limitada
a 40 horas, entre outras
reivindicações.
O Sindicato convoca
a categoria a mobilizar-
se para que a campanha
tenha êxito, com a
aprovação da pauta
dos trabalhadores e
o aumento real dos
salários.
SNETA - Os sindicatos
cutistas já entregaram
ao Sindicato Nacional
das Empresas de
Táxi Aéreo (SNETA) a pauta de
reivindicações de aeronautas e
aeroviários. A reunião agendada
com o SNETA para 31 de agosto foi
cancelada pelo sindicato patronal.
Sindicalistas reúnem-se com novo gerente da TAM
O Sindicato dos Aeroviários de
Porto Alegre reuniu-se, em 26 de
setembro, com o novo gerente de
Relações Sindicais da TAM, Julio
Cesar Oliveira.
A reunião sucedeu uma série de
outras realizadas com a direção da
empresa, onde foram denunciadas
diversas irregularidades. Ela foi
bastante longa e oportunizou aos
sindicalistas listarem os problemas
ao novo gerente. Agora, eles
esperam que a troca resulte em
melhorias nas condições de trabalho
na TAM.
Os sindicatos de trabalhadores
e a Fentac/CUT aguardam uma
nova agenda para dar início às
negociações salariais.
FORPONTO - Na reunião, a
direção da empresa afrmou que
sempre cumpriu o pagamento
e o registro das horas extras
trabalhadas em domingos e feriados
como rege a Convenção Coletiva:
150% do valor da hora de trabalho.
A empresa pediu ao Sindicato que
repassasse informações sobre
casos irregulares, para quitá-los, e
afrmou que se tratam de exceções.
O Sindicato apurou, no entanto,
que o sistema ForPonto tem
cadastrado o pagamento de horas
extras equivalentes a 100% do valor.
Em nova conversa com a direção da
empresa, a entidade foi informada
que o sistema tem o percentual de
150% registrado, mas que esse item
do ponto está bloqueado.
Uma nova reunião está prevista,
em outubro, para tratar do tema.
O Sindicato vem há muito tempo
questionando essa irregularidade
no sistema e não entende como
a empresa ainda não corrigiu o
problema e alguns diretores acham
que o ForPonto está correto. A
entidade está levantando os casos
para tomar as medidas cabíveis.
deste veículo é de inteira responsabilidade da direção do Sindicato. Editado em 05/10/2011. Tiragem: 1,3 mil exemplares.
E
X
P
E
D
I
E
N
T
E
Aerofolha é uma publicação do Sindicato dos Aeroviários de Porto Alegre
Rua Augusto Severo, 82 - São João - Porto Alegre - RS - CEP 90240-480 - Fone/Fax: 51 3343-4302
www.aeroviarios.org.br - info@aeroviarios.org.br - Diretor de Imprensa: Henri Rupp (comunica@aeroviarios.org.br)
Projeto gráfco e editoração: PautaNova (www.pautanova.com - redacao@pautanova.com - Tel.: 51 4063-7707). O conteúdo
Sindigru elege nova
gestão esta semana
O Sindicato dos Aeroviários de
Guarulhos (Sindigru) realiza eleição
sindical nos dias 6 e 7 de outubro,
para a escolha da nova gestão da
entidade.
Apenas uma chapa disputa
o pleito, a “Avançar na luta”,
que representa a continuidade
do trabalho desenvolvido pela
atual gestão, encabeçada pelo
companheiro Orisson Melo.
O Sindicato dos Aeroviários de
Porto Alegre comemora a unidade
dos aeroviários de Guarulhos, que
vêm realizando um trabalho de
mobilização e luta extremamente
importante e combativo e expressa
todo o apoio à nova gestão, com a
certeza de que o pleito terá ampla
participação da categoria, para
garantir uma boa representatividade.
Aberta a temporada
das bruxas
O Sindicato promove a festa
temática Halloween ÌÌ, em 28 de
outubro. Serão disponibilizados 150
convites, à venda junto aos diretores
e na sede do Sindicato, pelo valor
de R$ 5,00 para mulheres e
R$ 10,00 para homens.
Quem vier fantasiado concorre
a brindes, e todos devem doar um
kilo de alimento não perecível na
entrada da festa.
O evento tem início às 21 horas,
no Espaço Cultural 14 Bis (Augusto
Severo, 82).
Essa é a segunda edição da
festa, que foi um sucesso no ano
passado. A expectativa para este
ano é ainda melhor.
Luta contra a
privatização dos
aeroportos continua
A luta contra a privatização dos
aeroportos da Rede Infraero deve
ser aprovada como um dos temas
centrais do plano de lutas da CUT,
que será defnido no dia 7, durante a
13ª Plenária Estatutária Nacional da
Central.
Os sindicalistas eleitos como
delegado em todo o país participam
do evento, de 4 a 7 de outubro,
no Centro Cultural Adamastor,
em Guarulhos (SP). Mais de 600
delegados estão no local, dentre
eles vários dirigentes sindicais do
setor aéreo, como o presidente do
Sindicato e da Fentac/CUT, Celso
Klafke.
Dorival Elze/CUT
Transição do plano de saúde na TAP
M&E gera problemas para trabalhadores
A migração do plano de saúde
dos aeroviários da TAP M&E Brasil
trouxe inúmeros problemas para os
trabalhadores, em especial para os
que mais precisam do serviço.
A empresa encaminhou a
mudança de forma autoritária, sem
consulta prévia aos funcionários,
trocando a operadora Unimed pela
Bradesco Saúde. A mudança foi
anunciada em dois comunicados
internos, após a decisão ter sido
tomada de forma unilateral.
No dia 9, a empresa encaminhou
uma tabela com os valores das
faixas salariais do novo plano. No
dia 28, ela informou que essa tabela
estava errada e apresentou outra,
afrmando que os valores seriam os
mesmos no novo plano em relação
aos da Unimed.
Todavia, os valores mudaram
e muitos trabalhadores irão pagar
mais pelo novo contrato, devido à
mudança nas faixas de contribuição.
Diversos trabalhadores chegaram
a calcular o valor que seria pago,
mas serão descontados a maior em
relação à tabela do dia 9.
A rede de atendimento,
principalmente os especialistas e
hospitais, fcou pior com a mudança.
Afora o transtorno de ter de trocar
de médico, em meio a tratamentos,
pois a nova rede não é igual a
anterior.
Além disso, a migração não foi
realizada corretamente e muitos
trabalhadores que precisam de
serviços médicos estão sendo
impossibilitados de utilizá-lo porque
ainda não têm a carteirinha do
plano, ou o registro formalizado, e
estão sendo barrados nos serviços
de saúde.
O Sindicato alerta que todos
que estão sendo prejudicados
devem procurar o setor de
Recursos Humanos da empresa,
especialmente os que precisam
liberar com maior celeridade seu
atendimento na rede credenciada,
pois cabe à TAP M&E a gestão
do contrato com a operadora.
Os aeroviários também devem
denunciar irregularidades para o
Sindicato, para que a entidade
possa tomar as medidas cabíveis.
Curtas
PESQUISA - O Sindicato reforça
aos trabalhadores do aeroporto Salgado
Filho a importância de devolverem
o formulário da pesquisa de saúde
preenchido aos representantes sindicais
ou pesquisadores. O Sindicato e a equipe
da UFRGS estarão no aeroporto durante
o mês de outubro aplicando a pesquisa e
recebendo os questionários. A pesquisa
é um projeto pioneiro, com o apoio da
Fentac/CUT, e busca diagnosticar os
problemas que interferem na saúde dos
aeroviários, visando futuras ações no RS
e demais estados do país.
HAPPY HOUR - O Espaço Cultural 14
Bis abrirá para happy hour da categoria
no dia 21 de outubro, às 18 horas.