You are on page 1of 33

Guia de utilização do Gerenciador

www.controlid.com.br

Sumário
1. 2. 3. CADASTRO DO EQUIPAMENTO .............................................................. 1 BAIXAR USUÁRIOS PARA O PROGRAMA ............................................... 5 EDITAR USUÁRIOS ................................................................................... 6 3.1. 3.2. 3.3. 3.4. 3.5. 3.6. 3.7. 4. 5. Adicionar usuário / Editar ..................................................................... 8 Remover usuário.................................................................................. 9 Equipamento - PC.............................................................................. 10 Enviar nomes e senhas...................................................................... 10 Importar.............................................................................................. 10 Exportar ............................................................................................. 11 PC - Equipamento.............................................................................. 11

ENVIAR USUÁRIOS DO PROGRAMA PARA O EQUIPAMENTO ........... 11 BAIXAR MARCAÇÕES ............................................................................. 13 5.1. 5.2. 5.3. 5.4. 5.5. 5.6. Layout de saída ................................................................................. 14 Destino atual ...................................................................................... 16 Baixar apontamentos ......................................................................... 17 Visualizar arquivo gerado................................................................... 17 Configurações avançadas.................................................................. 18 Baixar marcações usando pen drive .................................................. 20 Criação das faixas de horários........................................................... 22 Definição dos horários em que cada funcionário fará parte ............... 25

6.

BLOQUEIO DE HORÁRIO........................................................................ 21 6.1. 6.2.

7.

DEMAIS FUNÇÕES .................................................................................. 27

1 Xxx

1. CADASTRO DO EQUIPAMENTO
Acessar “gerenciamento” -> “equipamentos” -> “adicionar”.

Figura 1 - Cadastro do equipamento

Edição do equipamento com serial .Equipamentos Figura 3 .2 Xxx Figura 2 .

Usar chave de comunicação / entre com até 6 digitos: o dispositivo também tem um campo chamado “chave com”.3 Xxx Figura 4 . Comunicação: tipo de comunicação que utilizará o dispositivo. conforme demonstrados nas figuras 3 e 4. o mesmo deve ser inserido neste campo (este campo só deve ser levado em consideração se for ligados mais de um equipamento em rede serial . nele é possível inserir um código numérico. Dependendo do tipo de comunicação selecionado os parâmetros do lado esquerdo são alterados. (no caso de for utilizar pen drive indefere o tipo de comunicação selecionado). localizado a direita da janela. Número do equipamento: no dispositivo tem um campo onde solicita um número. serial ou TCP/IP. Se for inserido este código no aparelho esta opção deve ser habilitada e o mesmo código deve ser inserida no campo “chave de comunicação”.Edição do equipamento com serial Preencher os dados solicitados: Descrição: nome para o dispositivo (livre escolha) Modelo: modelo do equipamento.

o mesmo deve ser solicitado a Control iD. deve clicar em “testar conexão”. Porta TCP / Usar padrão: porta de comunicação que o programa irá utilizar para comunicar com o dispositivo via TCP/IP.4 Xxx 485. pois a porta 4370 já está definida no aparelho e o mesmo não pode ser alterado pelo usuário. neste caso alteramos este paramento no firmware do equipamento para a que o cliente desejar. Após o preenchimento dos dados. Após o teste de comunicação deverá clicar em “adicionar”. se o aparelho já estiver conectado via TCP/IP ou via serial. se estiver conectado de forma correta aparecerá a uma mensagem de “conexão realizada com sucesso”. recomendamos utilizar 115200). caso contrário apresentara uma mensagem de “verifique parâmetros e tente novamente”. ou se precisar do número do equipamento para aparecer no relatório de ponto). e o mesmo deve ser configurado no programa. Se houver a necessidade de utilizar outra porta para a comunicação. desabilitando a opção de “usar padrão” e digitando a porta solicitada ao dispositivo. Porta serial: porta serial usada no computador para realizar este tipo de comunicação. . Endereço IP: número ip gravado no equipamento pare realizar a comunicação TCP/IP. irá mostrar uma mensagem de “equipamento adicionado com sucesso”. Taxa (Baud): velocidade da comunicação serial (no dispositivo também tem este parâmetro e eles precisam estar iguais. É necessário que a opção usar padrão esteja habilitada.

Inicializará uma comunicação entre o programa e o dispositivo.” todos os usuários que estão no aparelho porem não estão na base de dados do programa. ou que estejam na base de dados porem no equipamento foi editado (inserido uma nova digital.Equipamento para PC Selecionar equipamento na tabela “equipamentos” (vide figura 5) clicar em “ler do equipamento”.. por exemplo).PC”. . Figura 5 .5 Xxx 2. quando finalizar irá aparecer na tabela “usuários novos ou.. nestes casos o usuário estará na cor verde (vide figura 5). BAIXAR USUÁRIOS PARA O PROGRAMA Acessar “gerenciamento” -> “usuários” -> “Equipamento .

mesmo porque também é feito à cópia da string da digital. Após finalizar a comunicação irão apareces os usuários selecionados na tabela “usuários no equipamento e. Obs..” (vide figura 5).. EDITAR USUÁRIOS Acessar “gerenciamento” -> “usuários” -> “usuários locais”. clicar em “baixar selecionado”. O botão “remover selecionados” é utilizado para remover usuários.: é interessante que todos os usuários do equipamento estejam na base de dados do gerenciador. com estes dados o programa consegue envia-los a qualquer outro equipamento. 3. .6 Xxx Marcar os usuários que gostaria de inserir no programa. não precisando recadastrar as digitais.

7 Xxx Figura 6 . .Usuários locais Nesta janela irão aparecer os usuários que foram baixados no procedimento anterior.

. recomendamos que utilize o mesmo número de matricula do funcionário. Cartão: este campo está disponível para inserir o número do cartão (somente para equipamentos nossos que utilizem cartões). solicitando os seguintes dados: ID: é o número de cadastro do funcionário. Nome curto: é uma abreviação do nome do funcionário.1.Edição do equipamento Ao clicar neste botão irá aparecer uma janela para a adição de novos funcionários. Nome: este campo está disponível para inserir o nome completo do funcionário.8 Xxx 3. Adicionar usuário / Editar Figura 7 . este poderá ser visualizada no display do equipamento junto ao seu número de cadastro.

2. este pode ser alterado. Remover usuário Este botão está disponível para remover usuários. uma vez cadastrados não podem ser alterados.. nele é possível criar uma matricula diferente do número cadastrado no equipamento. .9 Xxx Senha / confirmar senha: este campo está disponível para inserir uma senha para o funcionário marcar o ponto. Ao selecionar o funcionário e clicar neste botão o programa realiza 2 perguntas: “. Privilégio: este campo está disponível para definir o privilégio que o funcionário terá no dispositivo. Quando desabilitado esta opção Obs. porem o campo matricula. 3. e se limitam a 9 dígitos (5 dígitos para aparelhos antigos). uma vez cadastrado um numero.: O campo “ID”..remover usuário(s) do PC” e “remover usuário(s) de todos os equipamentos”. e se limita a 16 dígitos. Usar matricula diferente do ID / Matrícula: esta função serve para habilitar um campo chamado “matricula”. que é o mesmo que o campo “PIN” no dispositivo.

Equipamento .4.: este botão não envia usuários novos criados nesta janela. Obs.PC”. localizado em “gerenciamento” -> “usuários” -> “Equipamento . 3. para esta finalidade tem que usar a função “PC . já abordado anteriormente. .5. 3. pode ser aberto no Bloco de Notas). Explicado anteriormente.Equipamento”. pode ser aberto no Excel) ou “txt” (que é um arquivo texto separado por tabulação. Importar Este botão está disponível para importar as informações de um arquivo de extensão “csv” (que é um arquivo de texto separado por ponto e vírgula.3.PC Este botão está disponível para abrir à janela de “usuários de equipamento para PC”.10 Xxx 3. Enviar nomes e senhas Este botão está disponível para enviar todas as alterações feitas na janela de “gerenciamento de usuários locais”.

6. localizado em “gerenciamento” -> “usuários” -> “PC Equipamento”. “txt” (que é um arquivo texto separado por tabulação.11 Xxx 3.Equipamento” . pode ser aberto no Bloco de Notas) ou “xls” (arquivo Excel). 3.7. PC . ENVIAR USUÁRIOS DO PROGRAMA PARA O EQUIPAMENTO Acessar “gerenciamento” -> “usuários” -> “PC . Será explicado posteriormente. Exportar Este botão está disponível para exportar as informações da janela de “gerenciamento de usuários locais” para um arquivo de extensão “csv” (que é um arquivo de texto separado por ponto e vírgula.Equipamento Este botão está disponível para abrir à janela de “usuários de PC para o equipamento”. 4. pode ser aberto no Excel).

os dados do usuário no equipamento (com exceção das marcações) serão sobrescritos. e outra mostrando os “equipamentos” (vide figura 8).12 Xxx Figura 8 .: Se for editado um usuário e enviar ao equipamento. depois clicar no botão transferir. Devem selecionar os usuários que gostaria de enviar ao dispositivo e abaixo o equipamento em si.PC para equipamento Nesta janela apresentará duas tabelas: uma mostrando os “usuários no PC”. Obs. e o mesmo foi cadastrado no PC em “usuários locais” ao invés de usar a opção . Exemplo: digamos que no equipamento um usuário foi cadastrado por digital.

a digital no equipamento será apagada. 5. Então este funcionário não ter digital cadastrada na base de dados do programa. Ao usar a opção PC .13 Xxx “Equipamento . Figura 9 .irá sobrescrever o valor da digital deste funcionário no equipamento. BAIXAR MARCAÇÕES Acessar “apontamentos” -> “controle de apontamento”.PC”.Equipamento neste caso o valor da digital na base de dados do programa . só no equipamento.Baixar marcações .que é zero . Ou seja.

Layout de saída Este botão está disponível para configurar o layout que o gerenciador seguirá para criar o arquivo em formato “txt” (que é um arquivo texto separado por tabulação.1.14 Xxx Figura 10 . Para configurar deve-se clicar em “alterar layout”. . pode ser aberto no Bloco de Notas) com as marcações dos funcionários.Apontamentos 5.

valor 5 Dia (D) Mês (M) Ano (A) .Layout de saída Clicar no botão adicionar para os seguintes itens: Número de usuário (U) .15 Xxx Figura 11 .valor 4 Hora (H) .

Nosso aparelho se limita a 9 dígitos e a opção de “matricula” em “usuários locais” se limita a 16 dígitos. Este campo é o mesmo que o ID apresentado em “usuários locais”. 5. e ao invés de adicionar o item “numero de usuário” em “layout de saída”. a matricula será inserida em “usuários locais” (habilitando a opção de usar matricula diferente de id). Clicar em salvar. .: O valor apresentado em número de caracteres se refere ao total de dígitos que o item terá no arquivo. deve-se colocar o valor correspondente (ou superior) no campo “numero de caracteres” do item “equipamento (e)”. Se o numero de matricula do funcionário ultrapassa a quantidade de 5 dígitos. Destino atual Este botão está disponível para configurar o local onde será salvo o arquivo de marcações. Se ocorrer de o numero de matricula for superior a capacidade do aparelho (9 dígitos). será adicionado o item “matricula (T)” em seu lugar. Os botões “remover ultimo item” e “remover todos os itens” servem para ser utilizados no campo “layout de saída”. com o valor que necessitar em “numero de caracteres”. Obs. Foi passado um total de 5 dígitos para o “número de usuário” na explicação acima.2. o numero cadastrado no aparelho não será o de matricula do funcionário.16 Xxx Minuto (N) O campo “layout de saída” desta janela (vide figura 11) deve ficar neste formato: U{5}D{2}M{2}A{4}H{2}N{2}.

5. também recomendamos que seja “coleta”. pode ser aberto no Bloco de Notas) no local onde foi definido em “destino atual” e apaga as marcações da memória do dispositivo. .3.4. Visualizar arquivo gerado Este botão está disponível para visualizar o arquivo em formato “txt” (que é um arquivo texto separado por tabulação. 5. Geralmente O nome em do “C:\Arquivos arquivo de programas\Control iD\Ponto\Recebidos\”. Ao baixar as marcações o gerenciador copia todos os dados do aparelho para sua base de dados. cria um arquivo em formato “txt” (que é um arquivo texto separado por tabulação. recomendamos que fique dentro de uma pasta chamado “recebidos”. que fica na pasta do programa “ponto id”. pode ser aberto no Bloco de Notas) que o gerenciador cria após clicar em “baixar apontamentos”.17 Xxx Indefere o local onde será salvo este arquivo e o nome do mesmo. Baixar apontamentos Este botão está disponível para baixar as marcações que estão no dispositivo.

Configurações avançadas Este botão está disponível para visualizar mais itens disponíveis para configuração.18 Xxx 5.5. Novos registros: neste campo você pode configurar para que as informações que o gerenciador baixa sejam “incluídas” no arquivo definido em “destino atual” ou “sobrescreva” os dados que já estejam no arquivo pelos novos a serem baixados. Dentre eles: Equipamentos: está disponível para selecionar um equipamento especifico para baixar marcações. Configurações avançadas Figura 12 . Configuração do arquivo de bilhetagem: realiza a mesma função de layout de saída. explicado anteriormente. .

intervalo de dados / gravar excel / gravar txt: Os dois campos apresentados neste item possibilita que você crie um arquivo “txt” no intervalo que desejar. uma pergunta irá surgir se gostaria de baixar os dados do equipamento. explicado anteriormente. Obs. caso queira que as marcações bloqueadas também sejam geradas. no intervalo que definir.: ao fechar o programa a opção volta a ficar habilitada. mesmo não sendo gerada. Excluir apontamentos: Este botão possibilita apagar a memória de marcações do aparelho. esta opção deve ser habilitada. será criado um arquivo de marcações que estão salvos na base de dados do programa. sendo que o funcionário configurado tentar marcar o ponto fora da faixa apresenta a mensagem “acesso negado” no dispositivo. fica salvo na memória do programa.19 Xxx Incluir no arquivo registros fora do horário: alguns modelos de equipamentos nossos possuem a capacidade de criar faixas de horários em que é “permitido” marcar o ponto. possibilitando que o programa apague a memória de marcações no aparelho. elas não são apagadas do aparelho. e a marcação não é gerada. explicado anteriormente. Apagar após baixar: esta opção fica marcada por default. Após definir o período e clicar em “gravar txt” ou “gravar excel”. Destino atual: realiza a mesma função de destino atual. Baixar apontamentos: realiza a mesma função de baixar apontamentos. Esta marcação. desmarcando o mesmo. ao baixar as marcações. . Gerar txt . Coleta automática: esta opção possibilita que o programa baixe marcações do aparelho automaticamente.

Clicar em apontamentos -> controle de apontamentos -> configurações avançadas. deve-se colocar o mesmo na porta usb do PC.6. neste momento não será criado o arquivo txt. As marcações irão para a base de dados do programa. .20 Xxx 5. pare isso deve-se realizar o seguinte procedimento: Após coletar as marcações no dispositivo utilizando o pen drive. Baixar marcações usando pen drive Figura 13 . Definir o período que deseja baixar as marcações e clicar em “gravar txt”. Clicar em apontamentos -> baixar de pen drive. Selecionar o equipamento e a partição do pen drive ou arquivo (vide figura 13). a comunicação com o aparelho não será possível.Baixar de pen drive Para o caso de utilizar pen drive. Clicar em baixar.

cada funcionário pode fazer até 3 das faixas criadas. 6. colocar “não”. o dispositivo irá apresentar a mensagem “horário negado”. para depois definir quais horários cada funcionário fará parte (em “geral” -> “tabela de horários” -> “horários de usuários”) . pois não tem equipamento ligado em rede ou em série.Bloqueio de horário Pode-se criar até 50 faixas de horários diferentes. Primeiramente deve-se crias as faixas de horários (em “geral” -> “tabela de horários” -> “definir horários”).21 Xxx Vai perguntar se deseja baixar apontamentos do relógio. Figura 14 . Caso o mesmo tente marcar o ponto fora da faixa de horário definida. BLOQUEIO DE HORÁRIO Alguns modelos de relógio de ponto disponibilizam a criação de faixas de horários em que o funcionário é permitido marcar o ponto.

Após este procedimento clique em adicionar.Tabela de horário Nesta janela (vide figuras 15 e 16). serão criadas as faixas de horários. Para criar uma clique no botão “adicionar”. Criação das faixas de horários Acessar “geral” -> “tabela de horários” -> “definir horários”. Defina estes valores. bem como sua tolerância. a “descrição” da faixa de horário e seu número.1. irá apresentar uma tabela de “segunda” até “domingo”. Figura 15 . com os campos de “hora inicial” e “hora final” em abertos para serem definidos.22 Xxx 6. .

.23 Xxx Figura 16 . Na janela posterior (vide figura 17) deve-se selecionar o equipamento e clicar no botão “enviar dados aos equipamentos”. deve-se enviar estas informações ao dispositivo. Para realizar este procedimento clique no botão “enviar aos equipamentos”. Após criar as faixas de horários em que será permitida a marcação do ponto.Adicionar horário Este procedimento será necessário efetuar para cada faixa de horário que desejar criar.

24 Xxx Figura 17 .Envio de horário O botão “editar” possibilita alterar um horário já criado. e cada funcionário cadastrado no equipamento automaticamente participa do horário “1”. . O botão “remover” possibilita excluir um horário já criado.: Se um funcionário não possuir nenhum horário configurado. o mesmo se encontra bloqueado. Obs. O que é feito nesta janela é sobrescrever os horários que estão no equipamento. No aparelho todos os horários já estão configurados das 0h às 23h59min.

. Primeiro deve-se clicar em “adicionar”. Nesta janela seleciona uma determinada quantidade de funcionários que participaram da mesma faixa de horário e abaixo os respectivos horários nos quais faram parte. irá aparecer uma nova janela com uma listagem de todos os funcionários que não possuem horário configurado. parte Definição dos horários em que cada funcionário fará Acessar “geral” -> “tabela de horários” -> “horários de usuários”.25 Xxx 6. Depois clique em salvar. Figura 18 .2.Horário de usuário Nesta janela (vide figuras 18 e 19) serão definidas ao funcionário as faixas de horários em que poderá marcar o ponto.

26 Xxx Figura 19 . depois em enviar dados. Este procedimento será realizado até que todos os funcionários possuam horários já definidos.Adicionar horários Repare que irá voltar para a janela anterior. clica no botão “marcar todos”. Ao finalizar este procedimento. e os funcionários configurados anteriormente são mostrados nesta tabela com seu horário. Na janela posterior (vide figura 20) deve-se selecionar o equipamento e clicar no botão “enviar dados aos equipamentos”. .

O botão “remover” possibilita excluir a configuração de horário de um funcionário. O programa gerenciador permite outras funções. baixar marcações em formato “txt” e “excell” e configurar bloqueio de horário. DEMAIS FUNÇÕES Alem de fazer uma cópia dos usuários de nossos equipamentos. dentre elas: . edita-los.Envio de horário de usuários O botão “editar” possibilita alterar o horário de um funcionário. 7.27 Xxx Figura 20 .

Apagar administradores: acessar “geral” -> “apagar administradores”. Esta função permite remover o privilegio de administrador (supervisor. Esta função permite sincronizar a data e a hora do dispositivo com as do seu computador.28 Xxx Sincronizar data/hora: acessar “geral” -> “sincronizar data/hora”.Atualização de data/hora Clicando neste item apresentará uma nova janela (vide figura 21). nesta deve-se selecionar o equipamento e clicar no botão “atualizar data/hora”. Ou seja. Figura 21 . administrador e cadastrador) do dispositivo. . todos se tornam usuários.

Esta função desabilitada permite desativar o item “matricula diferente de ID”. localizado em “gerenciamento” -> “usuários” -> “usuários locais” -> “adicionar usuário” / ”editar usuário”.Apagar administradores Clicando neste item apresentará uma nova janela (vide figura 22). Opções avançadas: acessar “geral” -> “opções avançadas”.29 Xxx Figura 22 .Mapeamento de matricula . Figura 23 . nesta deve-se selecionar o equipamento e clicar no botão “apagar administradores”.

Caso contrário estará habilitado à opção de sair. Esta função mostra a versão do programa. Figura 24 . Esta função abre a página inicial da Control iD na web. Esta função permite criar um backup da base de dados do programa. Esta função permite restaurar um backup já criado pelo programa.Ajuda Sair / minimizar: caso o programa esteja configurado com coleta automática estará habilitada à opção de minimizar. Control iD na internet: acessar “ajuda” -> “control id na internet. . Esta função permite criar um backup da base de dados do programa. que minimiza o programa criando um ícone ao lado do relógio do Windows. Criar backup dos dados: acessar “geral” -> “criar backup de dados”. Restaurar backup dos dados: acessar “geral” -> “restaurar backup dos dados”. que fecha o programa.30 Xxx Criar backup de dados: acessar “geral” -> “criar backup de dados”. Sobre: acessar “ajuda” -> “sobre”.

Tela do gerenciador 2 .31 Xxx Figura 25 .Tela do gerenciador 1 Figura 26 .