You are on page 1of 12

Faculdade de Talentos Humanos - FACTHUS

1

Capítulo 3 DIODO ZENER 3.1 Zener
O diodo zener é um dispositivo semicondutor que tem quase as mesmas características que o diodo normal. A diferença está na forma como ele se comporta quando está polarizado reversamente. No diodo normal, quando ele está polarizado reversamente, se a tensão reversa é muito grande, os portadores minoritários são acelerados pelo campo elétrico até atingirem uma velocidade tão alta que, colidindo com outros átomos, sua energia é suficiente para gerar novos pares elétron-lacuna que, por sua vez, são também acelerados gerando outros pares elétron-lacuna e assim sucessivamente. Este fenômeno, denominado efeito avalanche ou efeito zener, consiste, portanto, num aumento repentino da corrente reversa, dissipando uma potência suficiente para causar ruptura da junção PN, danificando o diodo. A tensão na qual o efeito zener ocorre é chamada tensão de ruptura ou breakdown voltage (VBr), como mostra a figura 3.1.

Figura 3. 1 – Efeito Zener no Diodo Normal

O diodo zener é construído com uma área de dissipação de potência suficiente para suportar o efeito avalanche. Assim, a tensão na qual esse efeito ocorre é denominada tensão zener (Vz) e pode variar em função do tamanho e do nível de dopagem da junção PN. Comercialmente, são encontrados diodos zener com Vz de 2 até 200V. A figura 3.2 mostra o símbolo do diodo zener e a sua curva característica.

Prof. Eng. Leandro Aureliano da Silva

FACTHUS 2 Figura 3. o fabricante fornece um valor obtido por uma corrente de teste IZT. Eng. 2 – Símbolo e Curva Característica do Diodo Zener Pela curva característica do diodo zener.Izmáx 5 . considera-se a seguinte relação: Izmín = 0.Tensão Zener (dado pelo fabricante). 3 – Izmáx – Corrente zener máxima (dada pelo fabricante). Sendo assim. A potência dissipada pelo diodo zener dentro desta região é dada por: PZ = VZ I Z 3. Caso não seja dado o valor de Izmín. Leandro Aureliano da Silva .Faculdade de Talentos Humanos . 2 – Vz .7 V).Pzmáx – Potência Zener máxima (dada pelo fabricante).1 Especificações do Diodo Zener As principais especificações do diodo zener são: 1 – VT – Tensão de Condução na polarização direta (VT = 0. dentro desta região o mesmo pode atuar como um regulador de tensão.1. 4 .Izmín – Corrente zener mínima. observa-se que a tensão reversa Vz mantém-se praticamente constante quando a corrente reversa está entre Izmín e Izmáx. Como Vz sofre uma pequena variação em função de IZ. Prof.

3 Esta resistência reflete a pequena variação de Vz em função de Iz e pode ser calculada por: RZ = ∆V z ∆I z 7 – TC – Coeficiente de temperatura – reflete a porcentagem de variação em Vz com variação da temperatura. Leandro Aureliano da Silva . 3 – Diodo Zener Polarizado Reversamente e Equação do circuito Prof.Faculdade de Talentos Humanos .2 Diodo Zener como Regulador de Tensão Aplicando a lei das tensões no circuito ao lado temos: E = Rs I Z + Vz Figura 3. Este coeficiente é dado por: O valor de TC pode assumir tanto valores positivos quanto negativos e eventualmente zeros. 3.FACTHUS 6 – Rz – Resistência zener (dada pelo fabricante). Eng.

a reta de carga traçada sobre a curva característica do diodo zener na região reversa.2 Ponto de Saturação: Substitui-se Vz = 0 em 3. Desta forma. Eng. naturalmente os resultados obtidos levam em consideração estas variações. e isto pode ser feito pela reta de carga. traçada a partir dos seguintes pontos: E = Rs I Z + Vz Ponto de Corte: Substitui-se Iz = 0 em 3. 4 – Curva característica e Reta de Carga do Diodo Zener Prof. o ponto quiescente Q do diodo zener pode ser determinado pela intersecção da curva característica com a reta de carga correspondendo aos valores de Vz sobre o diodo zener e a corrente Iz que passa por ele.4. Leandro Aureliano da Silva . E = Vz 3. Figura 3. tem-se. Iz = E Rs Na figura 3.2.Faculdade de Talentos Humanos .FACTHUS Modelos para o Diodo Zener Modelo Ideal Modelo Linear 4 Reta de Carga e Ponto Quiescente (Q) É possível determinar Vz e Iz graficamente. assim.2.

Esta operação faz com que Vz se mantém praticamente constante de acordo com as figuras 3. denominado agora Q1. 6 – Deslocamento do ponto quiescente com alteração de Rs Por isso o diodo zener é chamado de regulador de tensão. Prof.FACTHUS 5 Supondo-se que a tensão de entrada aumente para um valor E1 ou a resistência diminua para um valor de Rs1. Mas. 5 – Deslocamento do Ponto quiescente com alteração da tensão de entrada E Iz I z1 E Rs E R s1 Figura 3. pelas especificações do diodo zener analisadas anteriormente.Faculdade de Talentos Humanos .6. dentro dos quais o diodo zener mantém a tensão de saída constante e não corre risco de se danificar. Leandro Aureliano da Silva . Figura 3.5 e 3. existem limites máximos e mínimos para a tensão de entrada E e para a resistência limitadora Rs. isto acarretará num deslocamento do ponto quiescente. Eng.

Teste para identificar se o diodo zener está conduzindo reversamente: 1 . 2 . duas considerações devem ser feitas: 6 1) O diodo zener não regula caso a corrente que passa por ele seja menor que a corrente zener mínima.4 Observação: Como apenas os valores relativos do diodo zener são dados pelos fabricantes. então o diodo zener conduz ao ser colocado no circuito e a tensão em seus terminais será a tensão zener. 3 . ou seja: EM = Rsm I Zmáx + Vz 3. Leandro Aureliano da Silva . Eng.Faculdade de Talentos Humanos . os valores máximo e mínimo de tensão de entrada são obtidos fixando-se Rs e os valores máximos e mínimos da resistência limitadora são obtidos fixando-se E. Esta condição limita o valor máximo da tensão de entrada (EM) e o valor mínimo da resistência limitadora de corrente (Rsm).Retirar o diodo zener do circuito. Esta condição limita o valor mínimo da tensão de entrada (Em) e o valor máximo da resistência limitadora (RsM).Verificar a tensão nos terminais do circuito onde estava o diodo zener. Prof.3 2) O diodo zener se danifica caso a corrente que passa por ele seja maior que a corrente zener máxima. ou seja: Em = RsM I Zmín + Vz 3.FACTHUS Limites de E e Rs Para se determinar estes limites.Se a tensão sem o diodo zener for maior que a tensão zener.

principalmente: • • • • Estabilizar uma tensão de saída para uma carga fixa a partir de uma tensão de entrada constante. Estabilizar uma tensão de saída para uma carga variável a partir de uma tensão de entrada constante. Leandro Aureliano da Silva . Exemplo: Na figura acima. então no circuito com o diodo zener: Vo = Vz Calculando as correntes no circuito: Circuito Regulador de Tensão com Carga As aplicações do circuito regulador de tensão são. Estabilizar uma tensão de saída para uma carga fixa a partir de uma tensão de entrada com ripple.Faculdade de Talentos Humanos . então o diodo zener não conduzirá não funcionando como regulador de tensão. a tensão Vo sem o diodo zener no circuito é: Como 12V > Vz. Projeto de Reguladores de Tensão Prof. Estabilizar uma tensão de saída para uma carga variável a partir de uma tensão de entrada com ripple. Eng.FACTHUS 7 4 .Se a tensão sem o diodo zener for menor que a tensão zener.

Faculdade de Talentos Humanos . a saber: características da tensão de entrada (constante ou com ripple). tensão de saída (valor desejado) e especificações do diodo zener. Leandro Aureliano da Silva .FACTHUS 8 Basicamente. • Corrente Zener mínima (Izmín) Como RL e Vz são constantes. 1 – Carga Fixa e Tensão de Entrada Constante A figura 3. Rs E I Rs Iz RL I RL + VRL = Vz − Figura 3. características de carga (fixa ou variável). 7 – Circuito Regulador com Carga Fixa e Tensão de Entrada Constante O valor do resistor Rs deve satisfazer as condições dadas pelas especificações do diodo zener. Eng.7 mostra um circuito regulador de tensão com carga fixa e tensão de entrada constante. conhecendo-se as demais variáveis do circuito. tem-se um valor mínimo para IRs: I Rsm = I zmín + I RL Esta condição limita Rs a um valor máximo RSM: E = RsM ( I zmín + I RL ) + Vz ⇒ RsM = E − Vz I zmín + I RL • Corrente zener máxima (Izmáx) Neste caso. tem-se um valor máximo para IRs: I RsM = I zmáx + I RL Prof. o projeto de um regulador de tensão com carga consiste no cálculo da resistência limitadora da corrente Rs.

esta condição é mais crítica no caso em que RL assume seu valor mínimo RLm.FACTHUS 9 E = Rsm ( I zmáx + I RL ) + Vz ⇒ Rsm = E − Vz I zmáx + I RL Assim. Eng.8 mostra um circuito regulador de tensão com carga variável e tensão de entrada constante. Rs E I Rs Iz RL I RL + VRL = Vz − Figura 3. Leandro Aureliano da Silva . ou seja.Faculdade de Talentos Humanos . 8 – Circuito Regulador com Carga Variável e Tensão de Entrada Constante O valor do resistor Rs deve satisfazer as condições dadas pela variação desejada para a carga e pelas especificações do diodo zener. • Corrente Zener mínima (Izmín) Como RL é variável e Vz é constante. quando a corrente na carga é máxima IRLM e corrente IRs é mínima: I Rsm = I zmín + I RLM Esta condição limita Rs a um valor máximo RSM: E = RsM ( I zmín + I RLM ) + Vz ⇒ RsM = E − Vz I zmín + I RLM Prof. tem-se que Rs deve ser: Rsm ≤ Rs ≤ RsM 2 – Carga variável e Tensão de Entrada Constante A figura 3.

quando a corrente na carga é mínima IRLm e a corrente IRS é máxima IRsM: I RsM = I zmáx + I RLm E − Vz I zmáx + I RLm E = Rsm ( I zmáx + I RLm ) + Vz ⇒ Rsm = Assim. Eng.Circuito Regulador com Carga fixa e Tensão de Entrada com ripple O valor do resistor Rs deve satisfazer as condições dadas pela variação exixtente na tensão de entrada (ripple) e pelas especificações do diodo zener. 9 . tem-se que Rs deve ser: Rsm ≤ Rs ≤ RsM 3 – Carga Fixa e Tensão de Entrada com Ripple A figura 3. ou seja. esta condição é mais crítica no caso em que RL assume seu valor máximo RLM. Leandro Aureliano da Silva . ou seja. • Corrente Zener mínima (Izmín) Como RL e Vz são constantes.FACTHUS 10 • Corrente zener máxima (Izmáx) Neste caso.Faculdade de Talentos Humanos . quando a corrente IRs é mínima: I Rsm = I zmín + I RL Prof. Rs E Vr I Rs Iz RL I RL + VRL = Vz − Figura 3.9 mostra um circuito regulador de tensão com carga fixa e tensão de entrada com ripple. esta condição é mais crítica no caso em que E assume seu valor mínimo Em.

10 .10 mostra um circuito regulador de tensão com carga variável e tensão de entrada com ripple. Leandro Aureliano da Silva . pela variação desejada para a carga e pelas especificações do diodo zener. Prof.FACTHUS Esta condição limita Rs a um valor máximo RSM: Em = RsM ( I zmín + I RL ) + Vz ⇒ RsM = Em − Vz I zmín + I RL 11 • Corrente zener máxima (Izmáx) Neste caso.Faculdade de Talentos Humanos . tem-se que Rs deve ser: Rsm ≤ Rs ≤ RsM 4 – Carga Variável e Tensão de Entrada com Ripple A figura 3.Circuito Regulador com Carga variável e Tensão de Entrada com ripple O valor do resistor Rs deve satisfazer as condições dadas pela variação existente na tensão de entrada (ripple). Rs E Vr I Rs Iz RL I RL + VRL = Vz − Figura 3. Eng. esta condição é mais crítica no caso em que E assume seu valor máximo EM. ou seja. quando a corrente IRS é máxima IRsM: I RsM = I zmáx + I RL EM − Vz I zmáx + I RL EM = Rsm ( I zmáx + I RL ) + Vz ⇒ Rsm = Assim.

Choueri jr.. Editora Érica Ltda. 6ºEdição – Prentice-Hall do Brasil. quando a corrente IRS é máxima IRsM: I RsM = I zmáx + I RLm EM − Vz I zmáx + I RLm EM = Rsm ( I zmáx + I RLm ) + Vz ⇒ Rsm = Assim.Cruz. esta condição é mais crítica no caso em que E assume seu valor mínimo Em e IRL seu valor máximo IRLM. B.FACTHUS • Corrente Zener mínima (Izmín) 12 Como RL e E são variáveis e Vz é constante. R. E.. Prof. ou seja. L. ou seja. A. Eng. Nashelky.Faculdade de Talentos Humanos . E. esta condição é mais crítica no caso em que E assume seu valor máximo EM e IRL seu valor mínimo IRLm. 1996 Boylestad. Leandro Aureliano da Silva . L. S. tem-se que Rs deve ser: Rsm ≤ Rs ≤ RsM Bibliografia: Marques. quando a corrente IRs é mínima: I Rsm = I zmín + I RLM Esta condição limita Rs a um valor máximo RSM: Em = RsM ( I zmín + I RLM ) + Vz ⇒ RsM = Em − Vz I zmín + I RLM • Corrente zener máxima (Izmáx) Neste caso.. C. Dispositivos Semicondutores: Diodos e Transistores. A. Dispositivos Eletrônicos e Teoria de Circuitos.