Trabalho de Geografia: Origem e Formação do espaço brasileiro

:

Ocupação do Brasil: - 1500 - Descobrimento; - 1530 - Ocupação através das sesmarias, consiste na origem do Latifúndio. Agricultura itinerante - rotação de terras devido ao processo de desmatamento e exploração; - As terras abandonadas foram invadidas, dando origem aos minifúndios; - 1820 - Fim das sesmarias - Difusão da pequena propriedade; - 1850 - Lei de Terras, aquisição através da compra;

Motivos que levaram a regionalização do Brasil:
Durante as últimas décadas, o Governo Brasileiro tenta encontrar a melhor forma para regionalizar o país, utilizando diferentes metodologias para tal. No entanto, dois formatos são utilizados com maior freqüencia: A regionalização político-administrativa[5] (tradicional do IBGE),[6] enfocando critérios humanos como formação étnica e a distribuição territorial da população; Além da regionalização geoeconômica, tratando dos aspectos econômicos agregados aos estados. O Brasil é dividido em Estados e regiões. A regionalização, proposta em 1969, foi elaborada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), e sua implantação efetiva vigorou a partir de 1° de janeiro de 1970. Para consolidar a divisão do país, o IBGE tomou como base os aspectos naturais, embora tenha levado em conta os fatores humanos ao formar o sudeste. Foram criadas as seguintes regiões: Região Centro-Oeste Constituída por Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal, totaliza uma área de 1.604 852 km2 que abriga aproximadamente 14 milhões de pessoas.

No país não existem estados que integram duas regiões simultaneamente As duas formas de regionalizar o Brasil: IBGE: Histórico Os estudos da Divisão Regional do IBGE tiveram início em 1941 sob a coordenação do Prof.851 560 km2. são eles: São Paulo. Pernambuco.Região Nordeste A região caracterizada pela seca ocupa uma área de 1. a primeira Divisão do Brasil em regiões.556. Com o prosseguimento desses trabalhos. Leste. Sul e Centro-Oeste. Minas Gerais e Espírito Santo.8 milhões de pessoas. Sergipe. em 31/01/42. através da Circular nº1 da Presidência da República. Região Sul Ocupa uma extensão territorial de 575. Paraíba. a saber: Norte. onde vivem aproximadamente 53 milhões de pessoas.3 milhões de habitantes. A menor das regiões brasileiras é formada pelos estados do Paraná. foi aprovada. O objetivo principal de seu trabalho foi de sistematizar as várias "divisões regionais" que vinham sendo propostas. Roraima. Região Norte Formada pelos estados do Acre. Nordeste.3 milhões de habitantes distribuídos em uma área de 927. Rondônia. Fábio Macedo Soares Guimarães. Rio de Janeiro. 286 km2. Rio Grande do Norte. Rio Grande do Sul e Santa Catarina. 316 km2. A Resolução 143 de 6 de julho . Tocantins. O sudeste é constituído por quatro estados. ocupada por aproximadamente 15. É composta pelos estados da Bahia. onde se encontram distribuídos cerca de 27. de forma que fosse organizada uma única Divisão Regional do Brasil para a divulgação das estatísticas brasileiras. Pará e Amapá. O território é constituído por uma área de 3. Amazonas. Região Sudeste Região onde vivem cerca de 80. Alagoas.001 km2. Piauí e Maranhão. Ceará.

estabelece a Divisão do Brasil em Zonas Fisiográficas.de 1945. em face da evolução do processo de acumulação e de valorização do capital. buscou identificar áreas individualizadas em cada uma das Unidades Federadas. a Divisão Regional em macrorregiões a partir de uma perspectiva histórico-espacial enfatiza a divisão inter-regional da produção no País. A Divisão Regional do Brasil em mesorregiões. Aplicabilidade . baseadas em critérios econômicos do agrupamento de municípios. sociais e políticas que dizem respeito à totalidade da organização do espaço nacional. o quadro natural como condicionante e a rede de comunicação e de lugares como elemento da articulação espacial. por sua vez. tomadas como universo de análise e definiu as mesorregiões com base nas seguintes dimensões: o processo social como determinante. foram retomados os estudos para a revisão da Divisão Regional. Sem deixar de lado as partes constitutivas da referida totalidade. a nível macro e das Zonas Fisiográficas. em decorrência das transformações ocorridas no espaço nacional. Metodologia O caráter intrínseco da revisão da Divisão Regional do Brasil refere-se a um conjunto de determinações econômicas. Já na década de 60. buscando as raízes desse processo na forma como o estado ora tende a intervir. a par da internacionalização do capital havida pós-60. ora a se contrair. que pode ser traduzido nos sucessivos e variados Planos de Governo. referendado no caso brasileiro pela forma desigual como vem se processando o desenvolvimento das forças produtivas em suas interações como o quadro natural. Estas Zonas Fisiográficas foram utilizadas até 1970 para a divulgação das estatísticas produzidas pelo IBGE e pelas Unidades da Federação. partindo de determinações mais amplas a nível conjuntural.

465m. Apresenta também uma extensa orla marítima (7 367 km). Apresenta uma extensa faixa de fronteiras terrestres (15 719 km). subsidiar o planejamento. subsidiar o sistema de decisões quanto à localização de atividades econômicas. banhada pelo oceano Atlântico Para melhor entendimento da imensidão territorial do Brasil. o Brasil ocupa a porção centro-oriental do continente. a grande distância que separa os pontos extremos do país. O ponto mais extremo ao norte (setentrional ou boreal) é o monte Caburaí (1. tanto na direção norte-sul como na direção leste-oeste. Geografica: Brasil: dimensões. estudos e identificação das estruturas espaciais de regiões metropolitanas e outras formas de aglomerações urbanas e rurais. . observe. limitando-se com quase todos os países sul-americanos. com exceção do Chile e do Equador. situação geográfica. Localizado na América do Sul. um pequeno curso d´água situado no Estado do RS. sociais e tributárias.Elaboração de políticas públicas. no mapa abaixo. regionalização e sistema político O Brasil é um país de grandes dimensões. ao sul (meridional ou austral) o Arroio Chuí. onde fica a nascente do rio Ailã) no Estado de Roraima.