FATEC MOGI DAS CRUZES

O USO DAS FERRAMENTAS DA WEB 2.0 PARA APLICAÇÃO NA EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA
Marcio Augusto de Andrade

ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS 2011

Web Tools . Palavras-chave: Web 2. Keywords: Web 2. ABSTRACT This article aims to demonstrate how the use of Web 2. Ferramentas Web.0 in distance education is becoming more routine and also touches on some Web 2.0. Educação à Distância.0 tools used to assist both teachers with students of distance education. Distance Education.0 na Educação à Distância está sendo cada vez mais rotineiro e também aborda sobre algumas ferramentas usadas na Web 2.0 para auxiliar tanto professores como estudantes da Educação à Distância.0.RESUMO Este artigo tem como objetivo demonstrar como o uso da Web 2.

.........0 ................................................ 10 CONCLUSÃO ....................................................................................................................................0 .................................................... 9 Podcast........................................... 10 Google Docs ...................................................1............................................................................................................................................... 4 1....................................................................................................................................................................................................................................................................................................... Conceito .... 5 Universidades Virtuais...... EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD)........................................................ 12 ............................................1..................................................................... WEB................................................................................................. 11 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA ................................................................................................................... 7 Blogs................2..................................................................................... 7 2......................... 9 Wikis ................................................................................................... 8 Flicker ........... 5 Na educação fundamental e básica .......................................................................................................... 6 2.......................... 5 Universidades Abertas .......................................................................................................................................................................................................... Conceito ...................................... 6 2....................... 6 Universidades Corporativas ....................................................................................................... 6 Web 3....................................................................................................................................2.. Tecnologias da Web 2.. 4 1.....................................................................................0 ............................................................................................Sumário INTRODUÇÃO ...................... 8 YouTube ........................................................................................... 5 No Ensino Superior......................... 6 Web 1............................................................ 6 Comportamento Governamental ....................................................................................................................... 6 Web 2........................................................................... 1.................. 4 Aplicações da EaD ................................................................................0 .......

rádio. Alexandre. E também mostrar as principais tecnologias da Web 2. 38). sumariza os elementos que considera centrais: Separação física entre professor e aluno.INTRODUÇÃO O uso da tecnologia nos dias de hoje é muito difundida na educação. de forma alguma. ocorre uma separação geográfica e espacial entre o aluno e o professor. 1987. (PAULA e PAIVA apud VALENTE e MATTAR) Nunes (apud KEEGAN 1991. e mesmo entre os próprios alunos.). 1. meios que possibilitem a comunicação entre ambos. etc. (apud PERRY e RUMBLE. assim. algo novo. plano. EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA (EAD) 1. sistematização. como correspondência postal. o Grande foi aluno por correspondência de Aristóteles. Conceito A Educação a Distância não é. eles não estão presentes no mesmo lugar. telefone.0 na educação é um bom caminho para a transmissão do conhecimento. etc. na medida em que o professor e o aluno não se encontram juntos na mesma sala requisitando. 4 . organização. que a distingue do ensino presencial. Desde a idade antiga há notícias da existência de processos de formação à distância. Com a evolução muito rápida das tecnologias na área da informação. Influência da organização educacional (planejamento. (MATTA) Nunes. 12).0 para uso na educação. correspondência eletrônica.1. o que a distingue do ensino presencial. A EaD é o tipo de aprendizagem em que o aluno e o professor estão separados fisicamente. semipresencial e na educação à distância.0 surge como uma aliada na disseminação do conhecimento pedagógico. que a diferencia da educação individual. isso na educação presencial. Em EaD. e a popularização da internet no Brasil a Web 2. afirmam que a característica básica da educação à distância é o estabelecimento de uma comunicação de dupla via. principalmente na educação à distância. projeto. CDs com vídeos. O objetivo deste estudo é demonstrar como o uso da Web 2. televisão. desde as áreas básicas como em cursos de graduação. ou seja. modem.

(PAULA E PAIVA) Hoje em dia a EaD está usando mais as tecnologias de telecomunicações e transmissão de dados levando a mais próximo do computador. e muitas instituições desenvolvem materiais para este tipo de público. Mesmo se for um curso mais técnico existe a possibilidade de praticar em laboratórios próximos a residência do estudante. Previsão de uma comunicação de mão dupla. A diferença de auto-estudo e EaD é que esta segunda é uma modalidade de ensino e aprendizagem prolongada e apoiada por uma instituição de ensino. usualmente impressos. contém o gérmen de uma radical distinção dos outros modos de desenvolvimento da função educacional. (PAULA e PAIVA) 1. ele dita o seu ritmo de estudo.2. Outros países adotam a forma de Educação à Distância para um aprendizado em casa. onde o estudante se beneficia de um diálogo. Aplicações da EaD Dentre as várias formas de se usar a EaD temos: Na educação fundamental e básica Cada vez mais as crianças estão tendo contato com os computadores e isso facilita a transmissão de informações desde cedo. No Ensino Superior A maioria dos cursos credenciados a distância são para ensino superior.Utilização de meios técnicos de comunicação. se aceita. a qual. Participação de uma forma industrializada de educação. e da possibilidade de iniciativas de dupla via. fato que há algum tempo atrás não era tão fácil. para unir o professor ao aluno e transmitir os conteúdos educativos. Universidades Abertas São bem anteriores aos cursos de EaD on-line por isso utilizavam a correspondência para a execução. Apesar de no Brasil o sistema só ter sido oficializado em 2006. Com a EaD o aluno pode escolher como e quando vai estudar. Possibilidade de encontros ocasionais com propósitos didáticos e de socialização. 5 .

confunde-se com a própria e balzaquiana Internet – a infra-estrutura de redes. estaduais e federais. esta grande rede que possui como característica principal. 2. WEB 2. a disponibilização de informação em formato texto. Conceito Surgida no inicio dos anos de 1990. Comportamento Governamental É a EaD sendo utilizada para treinamentos nas instituições governamentais municipais. (SOUZA e ALVARENGA) Web 1. onde as aulas são ministradas na própria empresa.0 A Web é um sistema de páginas interligadas disponíveis na internet. pois possibilita o acesso a uma infinidade de informações em questão de segundos. não raro. Ela é posterior a idéia de hipertexto.0. Chamamos de Web 1. mas os cursos são totalmente à distância. por motivo de despreparo de seus administradores e muita propaganda exagerada e aqueles que não 6 . bastando somente uma sala em um endereço próximo do estudante e poucos colaboradores. os sujeitos são consumidores dessa informação. A Web 1.0.0 constitui uma característica marcante da sociedade da informação. que surge na década de 1960 com Ted Nelson. é tão popular e ubíqua.Universidades Virtuais São as que não precisam de campus.1. a World Wide Web. Universidades Corporativas São as parcerias entre as empresas e as universidades que visam apresentar o estuda para seus funcionários que não tem condições de estudar por causa do horário. (TREIN e SCHLEMMER) Web 2.0 Por causa da quebra de muitas empresas pontocom em meados de 2001. No paradigma da Web 1. Esta rede foi idealizada por Tim Berners-Lee no Organization for Nuclear Research e criada em 1989. no imaginário dos usuários. servidores e canais de comunicação que lhe dá sustentação. que. que pode ser acessado por qualquer pessoa com conexão a internet. ou simplesmente Web.

já que ela torna desnecessário ter um PC. com alguns menosprezando a expressão – como sendo um termo de marketing sem nenhum sentido e outros aceitando-a como a nova forma convencional de conhecimento.0. 2. Duas empresas. sem a necessidade de instalar nada no computador. a O´Reilly e a MediaLive International realizaram um brainstorming em meados de 2004 e foi onde o conceito de Web 2.0 começou a aparecer com a realização da Conferência Web 2. Mas ainda existe um enorme desacordo sobre o que significa Web 2.0. 2000 & BERNERS-LEE ET alli. Primeiro tudo que for relacionando com colaboração na rede é Web 2.0 Antes de começar a mostrar as tecnologias e ferramentas da Web 2. de modo a melhorar a forma com que programas podem interagir com estas páginas e também possibilitar um uso mais intuitivo por parte dos usuários. (SOUZA e ALVARENGA apud DECKER et alii. tudo está acessível através da web em qualquer lugar que tenha um equipamento para conectar a Internet e uma conexão funcionando.0. Tecnologias da Web 2.0 não é o foco deste estudo fica para um próximo estudo em breve. (PAULA e PAIVA) Web 3. ou seja. manejando-o em qualquer momento e de qualquer máquina. Segundo O´Reilly (2005).2. 1999) Como a Web 3.0 deu origem ao que foi batizado de desktop móvel. O conceito de Web Semântica é embutir inteligência e contexto nos códigos XML utilizados para a confecção de páginas Web.0. A Web 2.0 Segundo Tim Berners-Lee. mas uma extensão da atual. mas cuja denominação mais apropriada seria PC móvel. mas não como regra.5 milhões de citações no Google. a Web Semântica não é uma Web separada. incluindo aplicativos e mesmo sistemas operacionais. e também. pois é possível manter todo o conteúdo do seu computador on-line.0” claramente se consagrara com mais de 9. permitindo melhor interação entre os computadores e as pessoas. 7 . Nela a informação é dada com um significado bem definido. tudo que use a web como plataforma. no ano e meio que se seguiu o termo “Web 2.0 é preciso diferenciar o que é ferramentas da Web 2.estavam preparados para usufruir das tecnologias foram ficando para trás sobrando somente aqueles que tinham realmente alguma chance.

pois os blogs podem também ser comunitários e não somente pessoais. (CRUZ) Por sua fácil criação e manutenção os blogs podem se tornar uma ferramenta muito importante para os alunos e professores. que tinha o objetivo de compaartilhar vídeos amadores de um modo bem fácil. YouTube O YouTube foi criado em 2005 por Steve Chen. 8 . para que não fique esquecido na imensidão da Web. cuja informação está organizada da mais recente para a antiga.Blogs Os Weblogs foram criados no final de 1990 por Jorn Barger e com o tempo seu nome ficou popularizado como Blog.0 o YouTube pode fornecer vídeo-aulas para aprendizagem e também pode ser indicado outros tipos de vídeos que tenham relevância para o aluno naquele momento. Por ainda ser novo e desconhecido de muitos. ainda possui poucas publicações e a maioria ainda está em inglês com poucas legendadas em português. Chad Hurley e Jawed Karim. Pode-se também publicar seminários que foram realizados em sala de aula e registrados em vídeo. O Blog é uma espécie de diário na Web com apontamentos (links) para outros sites. Em Novembro de 2006. A publicação também pode facilitar e esclarecer possíveis dúvidas que o aluno tenha da matéria e com isso deixa comentários no blog para que outros alunos e o professor possam responder sem ter que esperar até o possível encontro em sala de aula. Recentemente foi lançado o TeacherTube uma espécie de YouTube para compartilhamento de assuntos relacionados com a educação. o YouTube foi comprado pelo Google e foi eleito pela revista Time (2006) como a melhor invenção do ano. Mesmo assim pode ser um meio muito interessante para alunos e professores. Mesmo com essas facilidades devemos ter cuidado na hora de criar um blog específico para a educação. (CRUZ) Seu uso na EaD pode ser de fácil entendimento porque como muitas outras ferramentas da Web 2. ambos podem publicar assuntos referentes as aulas. para disponibilizar para outras turmas assistir e aprender.

(MARTINS) É uma ferramenta que facilita a criação e edição colaborativa de documentos. ilustrações e desenhos também sendo considerada uma rede social. como publicidade. Podendo ser usado como primeira fonte de pesquisa de um determinado professor. Em 2005 a Yahoo compra essa empresa e em pouco tempo. O Wiki mais conhecido é a Wikipedia que é editada em várias línguas.Flicker O Flicker surge em 2004 tendo sido desenvolvido por Catarina Fake e Stewart Butterfield para a empresa Ludicorp. Bom com isso seu uso se torna muito amplo na EaD que pode se encaixar em qualquer área e até juntar disciplinas. 9 . Para muitos o seu uso pode não ser aceito por motivos de falta de credibilidade. com sua indicação. diferente do blog que somente os responsáveis podem editar. editar e salvar sem o consentimento do administrador do Website. Wikis O Wiki foi inventado em 1995 por Ward Cunningham que teve a idéia de criar uma página web que generalizasse a edição aberta e colaborativa. ou mesmo para o compartilhamento de fotos de uma determinada disciplina. bastando para isso escrever. mas com a diferença que qualquer um pode modificar o que está publicado. mas com o tempo acontece uma “faxina” nas páginas para remover conteúdo repetido ou sem importância para aquele conteúdo. ilustração ou desenho. a Wikipedia é um Website muito popular e que cresce cada dia mais por causa das contribuições da comunidade da Web. imagens. O seu sistema consiste em criação de páginas. (CRUZ) Suas principais funções são o compartilhamento de fotos. o conteúdo do site foi migrado dos servidores do Canadá para os Estados Unidos. Seu uso na EaD pode ser no contexto dos cursos ligados a fotografia. mas este é um assunto que não faz parte deste estudo. É também comparada com um blog.

Podcast Em 2004. apresentações. mas que também tem vindo a ser utilizado em outras áreas. pois um professor pode disponibilizar um documento no Google Docs e cadastrar seus alunos para poderem editar ou visualizar os documentos. É também muito usado para gravação de entrevistas e palestras que foram administradas em congressos e posteriormente disponibilizadas nos provedores de podcast. 10 . Seu uso pode ser mais agregador na EaD porque um professor pode elaborar uma aula e depois gravar esta aula em áudio e disponibilizar para seus alunos como uma espécie de reforço da aula. Como foi dito anteriormente é como se fosse um programa de rádio só que com a vantagem de se ouvir quando quiser e não somente no momento que o programa está no ar. planilhas. surgiu o termo e o conceito de Podcast pela mão do DJ Adam Curry e do jornalista Dannie Gregoire. Permite também a importação de um documento do computador do usuário para o Google Docs. Pode ser usados com arquivos texto. (MARQUES) O Google Docs é uma ferramenta muito interessante para a colaboração na educação. é muito interessante e pode ser de grande valor para o aprendizado dos alunos. Pelo fato de fácil modificação. formulários e coleções. como a educação e a formação profissional. (SOUSA e BESSA) São arquivos de áudio que são disponibilizados para execução na própria Web ou em medias players. desenhos. abertos e editados por múltiplas pessoas ao mesmo tempo. depressa os utilizadores da Web iniciaram um processo de produção e publicação on-line de registros de áudio que ganhou a sua maior dimensão na criação de rádios Web. Google Docs Uma das particularidades desta ferramenta está no fato dos arquivos poderem ser compartilhados. mesmo que outras pessoas estejam usando.

CONCLUSÃO Com o avanço das tecnologias da informação e o grande aumento de banda para acesso a Internet e as páginas Web. ou colaborativa. Hoje é muito difícil dizer que vamos usar um método de EaD e não pensarmos em algumas destas ferramentas aqui apresentadas. será inevitável a sincronização da educação presencial. e também futuras ferramentas que irão surgir com o amadurecimento da Web Semântica. e com isso chega se a conclusão de que a EaD tem uma forte ligação com a Web.0. por esse motivo é preciso ter total atenção para a infra-estrutura das escolas do país para receber as tecnologias e também a capacitação dos professores para usar estas ferramentas para um bom entendimento das disciplinas. e as tecnologias da chamada Web 2. aquele que vamos todos os dias em um horário fixo para nos juntarmos com nossos colegas e professores. 11 . e outras que aqui não apareceram.

fsd. Sónia. A Web Semântica e suas contribuições para a ciência da informação.erte.unicamp. NUNES.com/doc/102010 acessado em 10 de Junho de 2011. YouTube. Comunidades em redes de computadores: Abordagem para Educação à Distância – EAD Acessível a Todos.abed. 2004.uaemex.erte.pdf acessado em 15 de Junho de 2011.mx/pdf/766/76613022008. Adão. Renato Rocha.org. http://www. Alfredo Eurico Rodrigues.REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA MATTA. PAIVA. Lídia. Manual de Ferramentas da Web 2. CRUZ.cipedya. 2005. http://www. O Que é Web 2. 2009.pdf acessado em 14 de junho de 2011. Fátima.minedu.rautu.scielo. .0 Padrões de Design e Modelos de Negócios para Geração de Software.0: Possibilidades para a Prática Pedagógica.pt/publico/web20/manual_web20-professores. Wiki e Goovy. Daiana. SCHLEMMER.erte.0 para Professores – Dandelife. Manual de Ferramentas da Web 2. Hugu. http://www. http://redalyc.dgidc.pdf acessado em 13 de Junho de 2011 MARTINS. http://www. 1993-1994. 2008. SOUZA.pdf acessado em 13 de Junho de 2011 12 .br/pdf/%0D/ci/v33n1/v33n1a16. R. 2003.pdf acessado em 13 de junho de 2011. http://www. Tim. Flicker e Delicious: Software Social. http://www.pt/publico/web20/manual_web20-professores. BESSA. PAULA. Noções de Educação a Distancia.0 para Professores – Blogue.pdf acessado em 14 de Junho de 2011. ALVARENGA. Manual de Ferramentas da Web 2. Ferramentas da Web 2. Ivônio Barros.br/nou-rau/ead/document/?code=3 acessado em 13 de Junho de 2011.minedu. Edimar de. http://www. 2008.min- edu. TREIN. Eliane D.br/revistaeletronica/artigos/artigo16. Projetos de Aprendizagem Baseados em Problema no Contexto da Web 2. 2008.0 na Educação à Distância.edu.pt/publico/web20/manual_web20-professores.pdf acessado em 13 de Junho de 2011 SOUSA. http://www.dgidc.0 para Professores – Podcast e a utilização do Audacity.dgidc. O´REILLY.br/revistacientifica/Revista_PDF_Doc/2003_Comunidades_Rede_ Computadores_Alfredo_Matta. Deiri Adelino de.

13 .