Ler

Ao ler um texto é útil fazer uma primeira leitura rápida e exploratória para ficares com uma ideia geral acerca do assunto abordado no texto. Depois, é que deves fazer uma leitura mais detalhada, procurando identificar as ideias principais e as ideias secundárias. Antes de ler também é útil estabelecer os objectivos da leitura, isto é, podes perguntar a ti próprio o que é que pretendes com a leitura daquele texto. Se colocares esta questão já vais guiar a tua atenção durante a leitura;

Sublinhar
Ao sublinhar um texto, podes utilizar duas cores: uma para as ideias principais, outra para as ideias secundárias. Assim, quando houver necessidade de consultar o texto outra vez, já só é necessário ler aquilo que foi sublinhado. É errado sublinhar o texto todo porque assim não destacas aquilo que realmente é importante;

Fazer resumos ou sínteses
Quando escreveres ou discutires com alguém aquilo que estiveste a estudar memorizas muito melhor as matérias. Como nem sempre se tem alguém com quem trocar ideias sobre as matérias, os resumos ou sínteses ajudam bastante. Um resumo traduz aquilo que é mais importante e deve ser escrito por palavras próprias, com excepção de definições ou citações de autores. Ao utilizares as tuas palavras estás a compreender melhor o que está a ser escrito e fixas melhor o seu conteúdo. Os resumos são igualmente úteis quando estás a fazer revisões. Nas sessões de revisões não vais estudar de novo toda a matéria, podes utilizar os resumos, pois estes condensam a informação mais importante. Em determinadas disciplinas, podes também traçar esquemas que te ajudem a compreender e memorizar a matéria;

Praticar exercício físico
Os estudantes passam muito tempo sentados nas aulas e a estudar em casa, por isso, é importante praticar uma actividade física que ajude a trabalhar os músculos e a aliviar a tensão provocada pelo estudo;

Alimentação
A alimentação deve ser variada e equilibrada. Deve conter todos os nutrientes que o nosso organismo necessita, ou seja, prótidos, lípidos, glícidos, água e sais minerais. Refeições demasiado pesadas são desaconselhadas quando se pretende estudar em seguida;

Consumo de álcool
O consumo de bebidas alcoólicas reduz as capacidades psicológicas e o rendimento geral, pelo que é desaconselhado;

Consumo de tabaco
Estudar e fumar ao mesmo tempo faz com que o ar poluído vá interferir na nossa capacidade de concentração e possam ainda surgir náuseas e dores de cabeça;

Consumo de café
O café é um estimulante e o seu consumo moderado pode ajudar nas actividades mentais, contudo, em doses elevadas provoca grande agitação que torna muito difícil o estudo;

Consumo de outras drogas
No geral, as drogas actuam sobre o sistema nervoso central e provocam neste alterações, ora, a actividade intelectual do estudo depende grandemente do sistema nervoso, pelo que o estudo é dificultado;

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful