Catálogo

Informações Gerais

Agosto de 2006.

Sumário
APRESENTAÇÃO................................................................. ...............6 LOCALIZAÇÃO E HISTÓRIA.................................. ........................8 ESTRUTURA ORGANIZACIONAL...................................... ............9 INFRA-ESTRUTURA.................................................... ......................9 CORPO DOCENTE........................................................................................11 CORPO TÉCNICO........................................................................................12 ENSINO........................................................................... ....................12 GRADUAÇÃO..............................................................................................12 CURSO DE LETRAS......................................................................................13 CURSO DE PEDAGOGIA.................................................................................14 CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS...................................................................15 CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL/JORNALISMO...............................................16 PÓS-GRADUAÇÃO.......................................................................................16 PESQUISA....................................................................................... ....17 NEPE......................................................................................................18 GRUPOS DE PESQUISA DO CAMPUS VILHENA................................................ 19 EXTENSÃO.................................................................................... .....19 PROJETO SELL........................................................................................20 PROJETO LITERATURA NA ESCOLA...............................................................21 PROJETO PRA LER.....................................................................................21 SERVIÇOS DE APOIO ACADÊMICO............................................22 BIBLIOTECA.......................................................................................22 SECRETARIA ACADÊMICA............................................................ 22 GERÊNCIA DE SERVIÇOS GERAIS...............................................23 PROTOCOLO........................................................................................24 PÓLO COMPUTACIONAL...................................................................24 DECILE....................................................................................................24 DCHSA......................................................................................................25 COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO..................................... 25 PROJETOS ESPECIAIS......................................................... ...........26 PROHACAP..........................................................................................26 EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA............................................................................ 27

APRESENTAÇÃO
A sociedade vilhenense possui hoje uma outra imagem da UNIR, Campus de Vilhena. O que antes era motivo de chacota por parte de alguns, hoje é motivo de consideração e apreço, pois, a sociedade percebeu que a Universidade tem compromissos e vai realizá-los. Isso tudo não é obra do acaso mas são os resultados de uma administração séria que soube, através do diálogo, mostrar que a condução deste campus não é da responsabilidade de um, mas de todos. É preciso uma mudança consciente nas atitudes das pessoas, sobretudo, dos que fazem o funcionalismo público, para que possamos oferecer um serviço público de melhor qualidade. A Educação Superior não pode mais ser um prolongamento do nada.

É preciso PLANEJAMENTO E DETERMINAÇÃO para que nossas ações não se percam nas dobras do tempo, mas, ecoem mundo afora. Há um desânimo orquestrado, anunciado, maquiavelicamente, que não sabemos ao certo contra quem e para quê. A UNIVERSIDADE PÚBLICA BRASILEIRA deve entrar, de uma vez por todas, no Século XXI, antes que ele passe por ela sem que seja percebido. É preciso consistência nas nossas ações para que a UNIR deixe de lado a falsa idéia de que é uma universidade nova. Afinal, já temos 20 (vinte) anos. É preciso coragem para discutirmos nossas idéias e pensamentos, visando a construção de uma universidade que realmente se faça presente no cenário nacional e internacional. Acreditamos nisso. Estamos fazendo a nossa parte. Prof Osvaldo Copertino Duarte Diretor de Campus

LOCALIZAÇÃO E HISTÓRIA
O Campus de Vilhena iniciou suas atividades em 1988, como parte do programa de interiorização da UNIR. Em 14 de julho daquele ano é assinado o convênio de cooperação entre a Fundação Universidade Federal de Rondônia e a Prefeitura Municipal de Vilhena para a instalação de cursos superiores no município. À Prefeitura Municipal caberia dotar o campus de toda a infra-estrutura necessária, além de disponibilizar o quantitativo necessário de servidores. À UNIR caberia a coordenação didáticopedagógica, e a ambas, a administração compartilhada do campus. Por meio desse acordo é implantado no primeiro semestre de 1988 o curso de Graduação em Ciências (matemática) e no ano seguinte o curso de Letras. Atualmente, o Campus oferece quatro cursos – Letras, Pedagogia, Comunicação Social e Ciências Contábeis – e atende a uma comunidade de cerca de 1600 alunos entre graduação, pós-graduação em nível lato sensu e cursos do Programa de Habilitação e Capacitação de Professores, além de desenvolver relevantes trabalhos de extensão e pesquisa. Com isso, o campus vem consolidando sua presença em toda a região Sul de Rondônia e Norte do Mato Grosso, com influência cultural e educacional num raio de aproximadamente 500 quilômetros. Com isso, o campus vem consolidando sua presença em toda a região Sul de Rondônia e Norte do Mato Grosso, com influência cultural e educacional num raio de aproximadamente 500 quilômetros.

ESTRUTURA ORGANIZACIONAL

CAM U D P S E V EN ILH A

REITO IA R

V ICE-R EITO RIA

Unidade agrup ada hierarquicam e n DASG/PRAD ent a

D CV

Unidade agrup ada hierarquicam e n Biblioteca Central ent a Unidade agrup ada hierarquicam e n DIRCA ent a

SCV

D CV 1

D CV 2

D CV 3

CSG

SD 1

S 2 D

S 3 D

G A DP

SER CA

INFRA-ESTRUTURA
No que diz respeito à infra-estrutura básica necessária para o desenvolvimento de suas atividades, a Universidade dispõe, em Vilhena, de um espaço físico que totaliza 5.076,30 m² de área construída que compreende salas de aula, laboratório didático e de pesquisa, biblioteca, instalações para unidades de apoio acadêmico-administrativas e outras. Mesmo sem estrutura física e equipamentos adequados ao exercício de suas atividades, o Campus de Vilhena, da Universidade Federal de Rondônia vem buscando soluções locais para minimizar as dificuldades, seja pela implementação de ações educativas com meios próprios, seja através de parcerias entre o Campus, órgãos do setor público e da iniciativa privada.

Registre-se que nos últimos três anos, com o auxilio da Prefeitura Municipal e do empresariado local, o Campus de Vilhena ampliou e modernizou parte de suas instalações, implantou pólo computacional e treinou pessoal. Além disso, foi construída uma nova biblioteca projetada para atender também os cursos na modalidade à distância.

CORPO DOCENTE
O Campus de Vilhena conta com um quadro de 43 docentes, distribuídos conforme o gráfico abaixo.

Mesmo com a grande dificuldade em se obter mão de obra qualificada na região sul de Rondônia, podemos dizer que o atual corpo docente atende, em termos de titulação, às exigências do MEC. A quantidade de professores mestres e professores doutores, somados, superam a faixa de 50% do total de docentes. Não podemos deixar de levar em conta o desenvolvimento de uma política pró-fornmação e pró-capacitação docente, tanto na esfera nacional, oferecendo um planode carreira docente, quanto a nível local, subsidiando os estudos e as participações em congressos e eventos.

CORPO TÉCNICO
O corpo técnico-adninistrativo é composto de 32 funcionários distribuídos conforme o gráfico:

Longe de atender em número as necessidades do Campus Vilhena, este corpo técnico, em sua maioria, mostrou-se empenhado em melhorar seu nível de instrução através da conclusão do terceiro grau apesar da exigência para o cargo ser somente o segundo grau. No ano de 2005 os funcionários foram beneficiados com um plano de carreira com estímulo à formação e qualificação nas funções que exercem na UNIR.

ENSINO
GRADUAÇÃO
Em 1989, a UNIR expande seu curso de Letras para o que denominou “Cursos Fora da Sede”. A cidade de Vilhena, na Fronteira com o Mato Grosso, no Cone Sul de

Rondônia, foi um dos locais escolhidos para essa expansão. Nesse sentido, em 23 de Maio de 1989, foi reconhecido o Curso de Letras do Campus de Vilhena, conforme publicação no Diário Oficial 8186, Seção I, da mesma data, na modalidade presencial, com Habilitação em Português e Literaturas de Língua Portuguesa, com o oferecimento de 40 (quarenta) vagas. O Curso de Letras de Vilhena, na época do reconhecimento compreendia: Veja abaixo a evolução do Campus de Vilhena:

CURSO DE LETRAS O Curso do Letras da UNIR oferece formação em Licenciatura Plena: como unidade destinada ao Ensino, Pesquisa o Extensão, o Curso de Letras/Português realiza atividades ligadas às Letras em geral, buscando formar profissionais que lidem criticamente com as diversas formas de linguagem, especialmente com a linguagem verbal nos contextos oral e escrito.

O profissional em Letras deverá ter domínio da(s) língua(s) que seja(m) objeto(s) de seus estudos, no que se refere à estrutura, funcionamento e manifestações culturais, além de ter consciência das variações lingüísticas e culturais. Devo ainda ser capaz de refletir teoricamente sobre questões lingüísticas e literárias articulando Ensino, Pesquisa e Extensão. Visando proporcionar ao aluno atividades de construção do próprio conhecimento, com o conseqüente fortalecimento de sua autonomia, as disciplinas do Curso de Letras possuem uma carga horária teórica aliada a uma carga horária prática, quando os alunos terão oportunidades para desenvolver seus próprios projetos de trabalho e outras atividades acadêmicas, na busca do desenvolvimento de seu espírito crítico frente à realidade, A finalidade básica do curso de Letras é formar professores de língua(s) e literatura(s), para atender à educação básica. O licenciado em letras poderá também atuar em atividades de editoração, revisão, interpretação de textos, secretariado, cursos livres, dentre outros. Os candidatos que optarem por Letras/Português poderão optar por fazer a prova de língua estrangeira em Inglês ou Espanhol. CURSO DE PEDAGOGIA O Curso de Pedagogia da UNIR terá habilitação Licenciatura Plena/Educação Infantil e Séries Iniciais do Ensino Fundamental. O curso pretende habilitar/formar profissionais com uma sólida formação geral e específica aliada a uma capacidade de análise e reflexão que permitam relacionar o saber ao saber fazer e ao saber explicar a partir da compreensão do quê fazer e da articulação sobre “o que como e para que ensinar”, embasada em informações e na natureza sócio-econômica, cultural, étnica e política da realidade brasileira.

O pedagogo possui um perfil para atuar no ensino, na organização e gestão de sistemas, unidades e projetos educacionais e na produção e difusão do conhecimento, em diversas áreas da educação, tendo a docência como base obrigatória de sua formação e identidade profissional. Possui ainda: compreensão do processo de construção do conhecimento no indivíduo inserido em seu contexto sócio e cultural; capacidade de identificar problemas sócio-culturais e educacionais propondo respostas criativas às questões da qualidade do ensino e medidas que visam superar a exclusão social; capacidade para atuar com portadores de necessidades especiais; capacidade para atuar com pessoas adultas defasadas em seu processo de escolarização; compromisso com uma étnica de atuação profissional e com a organização democrática da vida em sociedade. CURSO DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS O Curso de Ciências Contábeis tem a missão de desenvolver nos estudantes domínio sobre aspectos formais e críticos do conhecimento contábil-teórico, contábil-prático e contábil-ético, priorizando, fundamentalmente, metodologias e abordagens de melhoria e inovação à qualificação profissional contábil, à qualificação de empreendedor e às relações sociais nesse ambiente. O mercado de trabalho do profissional contábil é dos mais amplos, pois a formação contábil é indispensável na gestão das organizações com fins lucrativos ou sociais. Com sistemas informatizados, usando técnicas matemáticas e estatísticas, comunicando-se em vários idiomas e expressando seus valores em diferentes moedas, o contador desse final de século apresenta um perfil profissional bem diferente do tradicional e respeitado “guarda livros” do passado. Mais do que fechar balanços, preencher formulários de imposto de renda e executar perícias, o novo contador é um elo importante na cadeia da modernidade em busca da eficiência e qualidade.

CURSO DE COMUNICAÇÃO SOCIAL/JORNALISMO O Campus da Unir/Vilhena, neste início de 2002, abrirá um novo Curso Superior: Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo. O objetivo geral do curso é preparar o profissional capaz de transmitir não apenas conhecimentos, como também valores morais, éticos, profissionais e humanos, através da informação imparcial e fidedigna dos fatos relatados, contribuindo, assim, para a elevação dos padrões de bem-estar econômico e social do nosso povo. Como jornalista, este profissional de Comunicação Social, desempenhará suas funções que são: coleta, interpretação e coordenação de notícias a serem divulgadas em jornais, revistas, rádio, televisão, cinema e internet. Pode ainda planejar, organizar e administrar estes órgãos. O campo de trabalho deste profissional é bastante promissor, pois, pode atuar em empresas jornalísticas de radiodifusão e televisão, bem como cinema e internet. Alem desses, há ainda a possibilidade de vir a ser assessor de imprensa de sindicatos, empresas em geral e órgãos de administração pública municipal, estadual e federal.

PÓS-GRADUAÇÃO
Com relação à Pós-Graduação Latu Sensu, a Universidade vem oferecendo à comunidade rondoniense Cursos de Especialização desde 1994. No ano de 1998, foram oferecidos novos Cursos de Especialização em áreas diversas, procurando também atender as solicitações dos campi. Atualmente nossos parceiros são a FUNDAÇÃO RIO MADEIRA, criada para dar sustentação aos projetos da UNIR, e a FUNDUNIR, que gerencia e organiza projetos na modalidade auto-sustentáveis em parceria do Campus Vilhena.

O destaque em Vilhena é para o Curso Lato Sensu em Letras: Estudos Lingüísticos e Literários na modalidade institucional, ou seja, gratuito. Há uma entrada anual com 15 vaga. Este curso tem como objetivo formação de docentes qualificados e iniciação à pesquisa científica.

PESQUISA
No que diz respeito à pesquisa a Universidade vem desde 1992, através do Programa Institucional de Bolsa de iniciação Científica – PIBIC, sistematizando suas atividades de pesquisa. Foi através deste programa que alunos de graduação e professores motivaram-se a pesquisar e a dar o verdadeiro sentido de Universidade, que é a produção do conhecimento e de tecnologia através da realização de pesquisas científicas, envolvendo em média dois professores e dois alunos por projetos de pesquisa específicos da nossa região. Para divulgação da produção científica das pesquisas realizadas no Campus de Vilhena foi criada a Revista Instrumento Crítico. Foram já editados dois números com diversos artigos resultantes dos esforços de pesquisadores locais.

NEPE
O NEPE, Núcleo de Estudos e Pesquisas do Campus de Vilhena, é um instituto de caráter cultural, científico e social vinculado aos Departamentos Acadêmicos do Campus de Vilhena da Universidade Federal de Rondônia e tem por objetivo o desenvolvimento de atividades de pesquisa e extensão, de acordo com as áreas de formação e atuação de seus integrantes. Pretende congregar pesquisadores da UNIR, incentivando e apoiando o desenvolvimento dos grupos de pesquisas do Campus da UNIR, em Vilhena; fomentando a pesquisa cientifica nos departamentos Acadêmicos do Campus de Vilhena, bem como projetos interdepartamentais; promovendo convênios com entidades congêneres nacionais ou estrangeiras, podendo a elas filiar-se, congregar e unir, pesquisadores e grupos de pesquisas internas e externas ao Campus de Vilhena e à UNIR, principalmente, pesquisadores e grupos de pesquisas da Região Norte, firmando convênios, acordos e projetos de cooperação

científica, técnica e cultural entre instituições de ensino do Brasil e exterior; promovendo o intercâmbio científico, técnico e cultural

entre discentes e docentes de instituições de ensino da região Norte; realizando ou assessorando eventos culturais e científicos pertinentes ao seu objetivo; promovendo e apoiando a publicação e divulgação da produção científica realizada por seus grupos de pesquisa.

GRUPOS DE PESQUISA DO CAMPUS VILHENA
1.Grupo de Estudos e Pesquisas Sociolingüísticas O Projeto “Língua, Cultura e Sociedade Rondoniense – GEPS – Grupo de Estudos e Pesquisas Sociolingüísticas”, refere-se aos Estudos Lingüísticos que pesquisam a relação entre o estudo da Linguagem e a Sociedade; a relação do estudo da Linguagem com a Cultura de Rondônia, e, a relação entre os estudos da Linguagem e a Qualidade de Vida em Rondônia, considerando-se o Meio Ambiente particularizador desta região que é conhecida como o Portal da Amazônia. 2.Mapa Cultural de Rondônia O projeto Mapa Cultural de Rondônia (NEPE-ROMAPA 1) consiste em um trabalho de pesquisa integrado às atividades do Núcleo de Estudos e Pesquisa História, Sociedade e Cultura em Rondônia, vinculado ao campus de Vilhena da UNIR Fundação Universidade Federal de Rondônia. 3.Poética Contemporânea 4.Grupo de Estudo Pedagógico

EXTENSÃO
As atividades de extensão do Campus Vilhena tem sido realizada através de vários projetos dos departamentos

acadêmicos visando o envolvimento da comunidade. A seguir alguns deles:

PROJETO SELL
O SELL - Seminário de Estudos Lingüísticos e Literários da UNIR tem como objetivo a instauração de um espaço propício à apresentação de palestras, painéis, mesas-redondas e comunicações de cunho artístico e/ou científico relacionadas às áreas de Filologia e lingüística e literaturas portuguesas, Teoria Literária e Literatura Comparada e Literaturas de língua portuguesa de modo a incentivar e movimentar o debate acadêmico-científico entre alunos e Professores da UNIR e profissionais convidados, autores de trabalhos de valor comprovado. O evento tem a participação de especialistas de várias universidades do país, com o objetivo de promover discussões, no que concerne ao desenvolvimento dos estudos lingüísticos e literários e suas aplicações no ensino.
Participantes do SELL (Seminário de Estudos Lingüísticos e Literários)

115 2002

850 2005

PROJETO LITERATURA NA ESCOLA
O Curso de extensão A literatura na escola: exploração da obra literária na sala de aula terá caráter permanente, condicionando-se o oferecimento de novas turmas à proposição dos Planos Anuais de Atividades dos seus executores. O curso está estruturado em cinco módulos e abordagens intrinsecamente distintas e extrinsecamente relacionadas, quais sejam: A obra literária e o ensino da literatura, A literatura para a infância: aspectos históricos e didáticos, As narrativa para crianças e jovens e suas abordagens na sala de aula, O teatro na escola e A poesia para a infância e para a juventude e suas abordagens na sala de aula. O Curso terá duração de 80 horas distribuídas em 20 semanas, com jornada de 4 aulas semanais.

PROJETO PRA LER
O projeto Pra Ler - Leitura na Praça foi criado pela professora da UNIR Maria do Socorro Pessoa com o intuito de incentivar a população ao hábito da leitura. Nessa edição do projeto estão envolvidos nos trabalhos alunos do Curso de Letras das turmas II e XIII. Os acadêmicos estão há duas semanas recolhendo livros em vários pontos da cidade. Foram colocadas caixas para coleta em pontos específicos como supermercados, Fórum e também na própria Universidade. Todas as pessoas interessadas podem participar e aqueles que ficarem a tarde inteira, no local, participando das atividades poderão levar para casa livros e revistas.

SERVIÇOS DE APOIO ACADÊMICO
BIBLIOTECA
Horário de funcionamento: Das 7 às 22 horas Ramal: 214 Responsável: Delmira Maria Perin Correia Atividades desenvolvidas: Processamento Técnico de Livros (Classificação, Catalogação, Cadastro, Emissão de Etiquetas com código de barras, Estatística Bibliográfica Semestral, Senso Bibliográfico anual); Processamento Técnico de Usuários (Cadastro, Emissão de Carteirinhas, Estatística semestral, Senso anual); Atendimento aos Usuários (Empréstimo domiciliar, Auxílio para Consultas Locais, Auxílio para Consulta de Títulos).

SECRETARIA ACADÊMICA
Horário de funcionamento: Ramal: 212 Responsável: Jacintha dos Santos

Atividades desenvolvidas: Controle e Registro Acadêmico; Confecção de diários; Estatísticas; Confecção de Diplomas.

GERÊNCIA DE SERVIÇOS GERAIS
Horário de funcionamento: Ramal: 204 Responsável: Maria Luíza Castro Atividades desenvolvidas: Serviço de apoio às atividades fins do Campus, dos serviços de manutenção e controle patrimonial e serviços gerais; Registro detalhado do Patrimônio móvel e imóvel do Campus; Remanejamento de funcionário, escalas do horário de trabalho dos servidores para maior integração entre público-instituição-servidor; Conservação da estrutura física do prédio, com acompanhamento das reformas necessárias para o bom andamento das atividades no Campus; Serviços de prestação de contas do protocolo e repassadas à Direção do Campus, semanalmente; Recursos Humanos com controle de freqüência dos funcionários técnico-administrativos do Campus; controle de freqüência dos docentes dos Departamentos Acadêmicos I e II; controle de boletins de freqüência dos docentes dos Departamentos Acadêmicos I e II; controle de pastas individuais dos docentes; controle de pastas individuais dos técnicos.

PROTOCOLO Horário de funcionamento: Ramal: 200 Responsável: Salete Aparecida Chalito

Atividades desenvolvidas: recebimento e envio de correspondências; distribuição das informações no Campus; atendimento da central telefônica e serviços de malote. PÓLO COMPUTACIONAL Horário de funcionamento: Ramal: Responsável:

DECILE
Horário de funcionamento: Ramal: Responsável: Atividades desenvolvidas: Atividades de ensino e extensão; Revitalização dos procedimentos didáticos e pedagógicos; Implantação e estruturação dos cursos; Oferecimento de cursos de extensão nas áreas pertinentes; Atuação no

PROHACAP; Realização do VII SELL – Seminário de Estudos Lingüísticos e Literários; Realização do II Fórum de Educação e Qualidade de Vilhena; Programa de capacitação docente; Realização do convênios.

DCHSA
Horário de funcionamento: Ramal: Responsável: Atividades desenvolvidas: Consolidação dos Cursos de Graduação; Seleção e contratação e docentes; Qualificação de docentes; Elaboração de novos mecanismos para avaliação do trabalho de conclusão de cursos; Reuniões pedagógicas com os docentes dos cursos; Revisão do instrumento de avaliação docente; Elaboração de regimento interno; Discussão para reformulação dos Cursos; Discussão acadêmica e pedagógica sobre o projeto pedagógico dos Cursos para reestruturação curricular.

COORDENAÇÃO DE PÓS-GRADUAÇÃO
Horário de funcionamento:9 às 17 horas Ramal: 205 Responsável:

Atividades desenvolvidas: Atendimento ao público pessoalmente e por telefone; Levantamento de demanda e apoio técnico na elaboração de Projetos de Cursos de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão; Acompanhamento local do desenvolvimento dos Projetos de Cursos de Pós-Graduação do Campus Vilhena; Controle e Registro Acadêmico, confecção de diários, estatísticas, confecção de Certificados dos Cursos de Pós-Graduação; Apoio às atividades de pesquisa e extensão do Campus Vilhena.

PROJETOS ESPECIAIS
PROHACAP
O Programa de Habilitação e Capacitação de Professores tem como objetivo habilitar profissionais que atuam em sala de aula. O Projeto tem como coordenadora do Pólo de Vilhena a Professora Araci Weiber Córdova, coordenadora de turmas Deisi de Oliveira, e secretárias Lourdes Inês Algayer e Silvana Modesto. Em sua trajetória, desde o ano 2000, o PROHACAP – Pólo de Vilhena, já formou quase mil professores em diversos municípios do Estado. Cursos em andamento: Alvorada do Oeste - 01 turma de Letras e 02 de Pedagogia; Cabixi - 01 turma de Pedagogia; Cacoal - 01 turma de Letras; Corumbiara - 01 turma de Letras 01 de Pedagogia; Espigão do Oeste - 01 turma de Pedagogia; Ouro Preto do Oeste - 01 turma de Letras; São Francisco do Guaporé - 02 turmas de Pedagogia; Vilhena - 01 turma de Pedagogia. Fone/Fax: (69) 3322-1954 E-Mail: prohacapvilhena@hotmail.com

EDUCAÇÃO À DISTÂNCIA
Este projeto, portanto, justifica-se por acreditarmos que, em termos gerais, a qualidade das nossas instituições públicas de ensino é boa, quanto mais professores qualificados melhor será para a sociedade brasileira, e por acreditarmos que a educação a distância é uma modalidade que poderá alcançar os mais longínquos municípios deste país de dimensão territorial imensa. A organização curricular do Curso de Licenciatura em Língua Portuguesa a distância foi concebida para ser integralizada em quatro anos no mínimo, distribuídos em 2.810 horas, sendo 1.800 horas de aulas para os conteúdos curriculares de natureza científico-cultural, 810 horas de prática de ensino e 200 horas para outras formas de atividades acadêmico-científicoculturais.