You are on page 1of 83

Língua Gestual Portuguesa

- Recolha de vocabulário, nível I -

Filipa Julho de 2010

Índice

Vocabulário ................................................................................................................................. 4 Números .................................................................................................................................... 4 Pronomes .................................................................................................................................. 5 Identificação .............................................................................................................................. 5 Tempo ....................................................................................................................................... 7 Festividades ............................................................................................................................... 9 Cores........................................................................................................................................ 10 Família. .................................................................................................................................... 11 Estado civil e relações humanas.............................................................................................. 13 Verbos. .................................................................................................................................... 13 Profissões. ............................................................................................................................... 24 Emprego .................................................................................................................................. 29 Vestuário ................................................................................................................................. 29 Casa ......................................................................................................................................... 32 Objectos e mobiliário .............................................................................................................. 35 Comida .................................................................................................................................... 38 Refeições ................................................................................................................................. 45 Animais .................................................................................................................................... 45 Transportes – .......................................................................................................................... 50 Natureza .................................................................................................................................. 53 Clima e catástrofes .................................................................................................................. 54 Corpo humano......................................................................................................................... 56 Continentes - ........................................................................................................................... 57 Países – .................................................................................................................................... 58 Cidades e regiões .................................................................................................................... 60 Religião. ................................................................................................................................... 63 Escola....................................................................................................................................... 63 Disciplinas ................................................................................................................................ 66 Opostos ................................................................................................................................... 67 Sentimentos. ........................................................................................................................... 69 Características das pessoas ..................................................................................................... 70 Expressões de cortesia ............................................................................................................ 77 Lazer ........................................................................................................................................ 78

Página

2

Expressões de uso corrente .................................................................................................... 73

Orientação/posições ............................................................................................................... 78 Materiais ................................................................................................................................. 79 Signos ...................................................................................................................................... 80 Histórias................................................................................................................................... 80 Clubes desportivos .................................................................................................................. 81 Organização do país ................................................................................................................ 81 Outras palavras ....................................................................................................................... 82

Página

3

Vocabulário

Números – Mão dominante aberta junto ao lado direito da testa. Mexer os dedos.
1 – Mão aberta virada para o corpo com o polegar esticado. 2 – Mão fechada virada para o corpo com o mindinho e o polegar esticados. 3 – Mão fechada virada para cima, com o polegar por baixo do dedo médio. 4 – Mão virada para o lado oposto, com o polegar encostado ao indicador que se encontra curvado e restantes dedos esticados para cima. 5 – Mão fechada virada para o corpo com o polegar como num isqueiro. 6 – Indicador esticado para cima e restantes dedos unidos pelas pontas em forma de “O”. 7 – Mão como em “1”, mas com o polegar dobrado como num isqueiro. 8 – Polegar e indicador unidos formando um “O” e dedo médio encostado ao indicador. Os restantes dedos posicionam-se atrás do dedo médio. 9 – Mão como em “6”, mas virada para baixo. 10 – Mão virada para o lado, em forma de bico de pato. Abrir e fechar a mão. 11 – Mão em “1”, abanar para a frente e para trás. 12 – Mão em “2”, abrir e fechar os dedos do meio. 13 – Mão em “3”, abrir e fechar a mão. 14 – Mão em “4”, abrir e fechar o polegar. 15 – Mão em “5”, abrir e fechar a mão. 16 – Mão em “6”, abrir e fechar os dedos que não são o indicador. 17 – Mão em “7”, abrir e fechar o polegar. 18 – Mão em “8”, abrir e fechar. 19 – Mão em “9”, abrir e fechar os dedos que não são o indicador. 1º - Mão em “1”, abanar para cima e para baixo. 2º - Mão em “2”, abanar para cima e para baixo. 3º - Mão em “3”, abanar para cima e para baixo. 4º - Mão em “4”, abanar para cima e para baixo. 5º - Mão em “5”, abanar para cima e para baixo.

7º - Mão em “7”, abanar para cima e para baixo. 8º - Mão em “8”, abanar para cima e para baixo.

Página

4

6º - Mão em “6”, abanar para cima e para baixo.

Identificação Apelido – Encostar a mão dominante em “1” ao pescoço. emitindo o som “fff”. tocar com o indicador no peito. Ele – Com a mão na configuração “indicar”. realizar um movimento directo da mão até à palma da mão apoiante. realizar um movimento único da mão em direcção ao receptor. apontar para o receptor. fazendo uma forma aproximada de cartão) e “votar”. Cartão de eleitor – Gestuar “cartão” (bater com o indicador e o polegar nos respectivos dedos da outra mão. emitindo o som “fff”. Realizar um movimento de torção do pulso em direcção ao peito. De seguida. Página 5 . Vocês – Com a mão na configuração “indicar”. do mesmo lado. Deles – Gestuar “eles” e depois gestuar “dele”. realizar um movimento circular da mão no ar. que também se encontra em “1” (palma para cima. Teu – Com a mão em “G”. ao mesmo tempo que se fecha a mão. Quando ainda não se disse o nome próprio. Nós – Com a mão na configuração “indicar”. realizar um movimento único da mão afastando-se lateralmente do ombro. Vosso – Gestuar “vocês” e depois gestuar “teu”. abanar para cima e para baixo. Pronomes Comigo – Mão em “pistola aberta” com a palma para baixo. com a palma para cima e os dedos para trás. realizar um movimento curvo da mão. emitindo o som “fff”.9º . Dele – Com a mão em “G”. Eles – Com a mão aberta e a palma virada para baixo. deve-se gestuar “nome” primeiro. realizar um movimento curvo da mão para o lado oposto. afastando-se do emissor e voltando a tocar no peito. apontar para o lado. Tu – Com a mão na configuração “indicar”. em frente ao meio do tronco). mantendo o contacto visual com o receptor. realizar um movimento único batendo com a mão no peito. Meu – Com a mão em “G”.Mão em “91”. Nosso – Gestuar “nós” e depois gestuar “meu”. em direcção ao receptor. Eu – Com a mão na configuração “indicar”.

Passaporte – Mimar o gesto de abrir o passaporte (duas palmas juntas. e abertura como se as mãos fossem um livro) e de carimbar com a mão direita na esquerda. com a palma virada para o lado. e os outros dedos esticados. Nº telemóvel – Gestuar “número “ e depois “telemóvel” (primeiro mimar escrever uma SMS e depois realizar o gesto “telefone”). – Primeiro gestuar “número” e depois “impressão digital” (mimar o acto de carimbar com o dedo a impressão digital na palma da outra mão).I. depois de deslizar a mão na cara. Nº de contribuinte – Primeiro gestuar “número” e depois “fiscal” (com as duas mãos em “V”. Página 6 . de cima para baixo. Nome – Com a mão na configuração “indicar”. Depois.Data de nascimento – Gestuar “data” (mão na configuração indicar. na posição de indicar e realizando o mesmo som. depois afastar e fazer um movimento para cima. Idade – Com a mão em “1”. emitindo o som “affe”. movimento simultâneo descendente e oscilatório do indicador) e depois gestuar “nascer”. Para o nosso nome gestual. Senhor – Com o polegar e o indicador unidos a formar um “O”. Nome gestual – Deslizar a mão ao longo da zona inferior da cara e de seguida apontar para o receptor. encostá-la ao ombro oposto. Senhora – Gestuar “feminino” e depois “senhor”. com o polegar e o indicador juntos. com as palmas viradas para dentro). bater no peito no lado oposto. realizar um movimento alternado para cima e para baixo. tocar no queixo com a ponta do indicador. enquanto se empurra a bochecha com a língua. realizar um movimento para a frente e para trás. Nº de telefone – Gestuar “número “ e depois “telefone” (com a mão em “2” encostá-la à cara como se fosse um telefone). com a palma virada para a frente tocando na têmpora. Feminino/mulher – Com a mão na configuração indicar e com a palma virada para a frente. sem as mãos se tocarem). emitindo o som “oshe”. com as palmas viradas para baixo e os dedos para os lados opostos. Masculino/homem – Mimar o gesto de enrolar o bigode duas vezes e emitir o som “shhh”. encostar os dedos ao queixo e depois realizar um movimento repetido batendo no queixo com o meio do indicador. Morada – Com a mão em “J”. para trás e para a frente. Nº de beneficiário – Primeiro gestuar “número” e depois “segurança social” (juntar os pulso das duas mãos em garra. encostar os dedos ao queixo. com a mão virada para o receptor. deslizar o dedo pela face. torção dos pulsos. Número de B.

Dezembro – Gestuar “D” e “Z”. Outono – Gestuar “O” e “U”. Girar na zona da testa. realizar um movimento para a frente com a mão em “7”. Mês – Abanar a mão em “E”. no lado oposto. de lado. Maio – Mão em “bico de pássaro”. excepto o polegar e o indicador. Semana – Mão em “1” virada para a testa. Janeiro – Mão fechada virada para fora. seguido do gesto “tremer”. De seguida. Outubro – Gestuar “O” e “U” duas vezes. Realizar um movimento até à altura do peito. como se se estivesse a desembaciar uma janela. Movimento repetido para cima e para baixo. 7 . Abril – Encostar o indicador da mão em “gancho” ao queixo e girar para um lado e para o outro. afasta-se. Junho – Mão em “N”. Agosto – Mão fechada. colocar a mão dominante sobre a outra perpendicularmente e girar. Deslizar esses dedos pela garganta e uni-los. fazer um movimento repetido de mola. Estações do ano – Gestuar “ano” e depois com as mãos esticadas. Primavera – Gesto “flor” mais gesto “calor”. Verão – Gesto “transpirar” mais gesto “calor”. Julho – Mão em “L”. Fevereiro – Girar a mão fechada encostada à testa. realiza um movimento circular e volta a encostar ao indicador da outra mão. Setembro – As duas mãos com o polegar e o indicador em forma de “O”. com o indicador da mão dominante por cima do da outra. Página De seguida. com a palma para a frente. Março – Com as duas mãos fechadas com os indicadores esticados a apontar para o lado esquerdo.Tempo Ano – As duas mãos na configuração “indicar”. abanar para um lado e para o outro. fazendo um movimento repetido para cima e para baixo. Novembro – Com o polegar e os dois dedos seguintes. Gesto da mão direita até à outra e depois movimento repetido de pequeno afastamento e aproximação entre as mãos. Inverno – Gesto “frio” mais gesto “tremer”. Gestuar uma cruz em frente à boca.

Dia – Mão em “1” virada para a cara. esticar o dedo indicador. Minuto – Mão em bico de pássaro virada para a frente. Deslizar a mão dominante sobre a outra. Movimento repetido para o lado. Ontem . Segundo – Gestuar “S” duas vezes. Movimento da mão dominante em direcção à outra. sendo a segunda vez mais atrás. Movimento repetido para o lado. Quinta-feira . Segunda: cortar o indicador da mão esquerda com o da mão direita. Dias da semana – Gesto “dia” mais gesto “semana”. encostar à testa com a palma virada para o lado. Movimento repetido para fora. Realizar um movimento curvo para cima.Gesto “fim” mais gesto “semana”. Em ponto – Com o polegar e o indicador unidos a formar um “O”. Domingo – Com a mão fechada e o polegar esticado gestuar uma cruz na testa. Segunda-feira – Mão dominante em concha com os dedos a tocar no pescoço e outra mão em “1” virada para cima à altura do estômago.Com a mão fechada e o indicador esticado apontar para a frente duas vezes. Meia hora – Duas formas. Hoje – Apontar para baixo com a mão na configuração “indicar”. Quarto de hora – Com a mão em “concha”. Terça-feira – Mãos abertas com os polegares esticados para fora à altura do peito. Primeira: com a mão fechada. do mesmo lado. tocando-lhe com os dedos.Mão dominante fechada com o dedo indicador esticado a tocar no canto do olho. raspando-o por baixo do polegar.Com a mão fechada e o indicador esticado apontar para trás duas vezes. Amanhã . sendo a segunda vez mais à frente. Hora – Tocar com o indicador no pulso contrário repetidamente. cortar o ar na horizontal. movimento curto repetido para a frente e para trás. Sábado – Mão dominante fechada a tocar na zona do peito junto ao ombro. Fim-de-semana . Sexta-feira – As duas mãos em garra a tocar no peito. e os outros dedos esticados. Quarta-feira – Mão dominante fechada com o dedo indicador esticado a tocar no canto da boca. Anteontem .Com a mão fechada e o indicador esticado apontar para a frente. à altura do pescoço.Com a mão fechada e o indicador esticado apontar para trás. Página 8 . Depois de amanhã . Emitir o som “shhh”.

Antes – Mão em “concha” virada para cima. Depois. Toda a noite – Repetir os gestos “noite” e “manhã”. na zona inferior da bochecha. ao mesmo tempo que se passa para a configuração “gancho”. Feriado – Com a mão dominante em “F” bater na outra mão. e realizar um movimento curvo para fora do braço. que se encontra em “1”. com a palma virada para o receptor. Descer a mão. encostar ao braço esquerdo esticado. Para meia-noite. no lado contrário. 9 . mas com a palma para baixo. Agora – Mãos abertas viradas para cima. com a palma para o lado oposto. Meio-dia – Encostar a mão dominante em “1”. Movimento da frente para trás. de lado. Noite – Com as duas mãos em “1” viradas para a cara em cima. Movimento repetido para baixo e para cima. de lado. passando para a configuração “2”. à altura do pescoço. Festividades Aniversário – Encostar a mão em “pinça” ao lado do queixo. ao pulso da mão apoiante. Cedo – Raspar a mão dominante em “1” no mesmo lado da cara. ficando a mão perto do peito. realizar um movimento curvo para cima. Deslizar a mão ao longo do queixo. mas seguindo o seu prolongamento. à altura do estômago. realizar um movimento de torção do pulso para cima. à altura da cara. mais ou menos a meio do ante braço. Ir abrindo a mão à medida que se abrem os olhos. e Página afastar. Manhã – Com as duas mãos em “1” viradas para a cara. para a direita. ao mesmo tempo que se realiza um movimento ligeiro da cabeça para o lado oposto. realizar um movimento curvo para baixo. Madrugada – Mão fechada com a palma virada para o lado esquerdo e com o polegar encostado à boca. gestuar “noite” depois. (ser) tarde – Com a mão dominante em concha. Tarde – Com a mão aberta bater no lado direito da cara. Calendário – Todo o dia – Mão ma configuração “indicar”. Depois – Igual ao gesto “amanhã”. com a palma para o lado oposto. também em “1”.

terminando com a mão afastada da cara e com a palma virada pra baixo.Ano novo – Gestuar “ano” e depois gestuar “foguete” (com a mão dominante na configuração indicar. Páscoa – Com a mão em “X” virada para fora. viradas para baixo. colocar o dedo médio e o polegar no queixo e realizar um movimento simultâneo e repetido para baixo. Amarelo – Polegar e indicador em pinça. Cores – Com a mão aberta. com as mãos em “V”. Natal – Com a palma da mão virada para o corpo. encostar o polegar ao queixo e realizar um movimento ondulante com os outros dedos. Cor-de-rosa – Gestuar “cor” e de seguida. Claro – Abrir e afastar as mãos ao mesmo tempo. Página 10 Cor-de-laranja – Gestuar “cor” e depois “laranja”. Cor viva – Gestuar “cor” e depois “viva” (levantar as duas mãos em garra de encontro ao corpo. Deslizar o polegar horizontalmente pelo queixo. com a palma virada para fora e com o polegar encostado ao queixo. Bege – Com a mão em “U”. no sentido horizontal. encostar os dedos ao queixo e depois realizar duas vezes um movimento de torção. Movimento repetido e circular para a esquerda. realizar um movimento ascendente em espiral) Carnaval – Mão virada para a cara com o polegar e o dedo médio unidos. Azul – Mão em “B”. . Branco – Com a mão em “1”. abrindo mais os olhos). Colorido – Gestuar “cor” e depois. realizar um movimento de encontro do polegar com o dedo indicador e o dedo médio. enquanto as mãos se afastam do centro. abrindo também mais os olhos. realizar um movimento repetido dos dedos cruzados a bater na boca. com os restantes dedos esticados e com a palma virada para fora. Cinzento – Com a mão em “B” realizar um movimento descendente vertical a meio da testa. virada para dentro.Com a mão em “B” a tocar repetidamente com o polegar no peito. Bordeaux – Encostar o pulso com a mão em “1” ao peito e girar para cima e para baixo. De seguida. realizar movimentos alternados de torção dos pulsos. raspar repetidamente de cima para baixo. realizar um movimento da testa até ao queixo. à medida e i polegar desliza pela testa. Movimento repetido da mão para o lado oposto. por baixo do lábio. Castanho . abrindo e fechando a configuração. com a mão em “B”.

Preto – Com a mão aberta. à medida que se cerram os olhos. ficando na configuração “B” com a palma para o corpo.Creme – Com a mão em concha. com as palmas . 11 Irmão – Bater com as duas mãos uma na outra. Movimento para cima com torção do pulso. encostar o dedo do meio ao nariz. Família – Girar a mão aberta para o lado direito. Página viradas para baixo. Tia – Gestuar “feminino” e depois “tio”. De seguida. Escuro – Fechar e aproximar as mãos. Transparente – Mãos à altura do pescoço. Madrasta – Gestuar “mãe” e “segundo”. Roxo – Com a mão em “B”. perto uma da outra. levantar a mão e deixar cair. Ao mesmo tempo. colocar o lábio inferior por baixo dos dentes. Padrasto – Gestuar “pai” e “segundo”. Movimento repetido de abertura e fecho dos dedos. Filha – Gestuar “feminino” e depois “filho”. Deixar cair o braço até meio do tronco à medida que se fecha a mão até à configuração “G”. por baixo do queixo. junto ao canto da boca e realizar um movimento repetido de torção do pulso. Movimentar as mãos para os lados. virada para dentro. Tio – Com a mão fechada e o mindinho esticado (palma para dentro). encostar as costas da mão aberta ao queixo. com a palma virada para fora. encostar os dedos à bochecha. ao mesmo tempo que se percorrem os dedos com os polegares. Verde – Com a mão em “B” a tocar com o polegar no peito. afastando-as. Vermelho – Com a mão em “B”. encostar o polegar ao canto da boca. na posição de indicar. com os polegares encostados aos mindinhos. Filho – Com o antebraço paralelo ao chão. Enteado – Gestuar “filho” e “segundo” Enteada – Gestuar “feminino” e depois “filho” e “segundo”. mas com as palmas para o emissor e os dedos para baixo. Irmã – Gestuar “feminino” e depois “irmão”. encostar o polegar ao queixo e realizar um vertical ao longo do queixo. com a palma para baixo. Mãe – Encostar as costas da mão ao queixo e fechá-la a partir do dedo mindinho. Pai – Mimar enrolar o bigode (apenas uma vez). raspar com este no lado do pescoço e puxar para fora. Invisível – Parecido a “loja”.

Bisneto – Gestuar “neto” e depois “segundo”. Meio-irmão – Gestuar “irmão” e depois “metade” (cortar o indicador esquerdo com o direito). no queixo. com as palmas viradas para o . seguido de “avô” e “segundo”. Bisavó – Gestuar “feminino”. emitindo o som “affe”. Sogra – Gestuar “feminino” e depois “sogro”. realizar um movimento ao longo da cabeça (sem tocar) de trás para a frente. Afilhada – Gestuar “padrinho”. emitindo o som “affe”. Neta – Gestuar “feminino” e depois “neto”. seguido de “neto” e “segundo”. Gémeos – Encostar a ponta dos dedos da mão em “1” ao nariz e realizar pequenos movimentos circulares. Sobrinho – Com a mão em “B”. Sobrinha – Gestuar “feminino” e depois “sobrinho”.Com a mão em concha. Bisneta – Gestuar “feminino”. Bisavô – Gestuar “avô” e “segundo”. Página 12 Genro – Bater repetidamente com as duas mãos em “I”. corpo. encostar o indicador dobrado ao queixo. Nora – Gestuar “feminino” e depois “genro”. seguido de “feminino” e “filho”. Neto – Com a mão fechada. Compadre – Similar a padrinho. que se encontram em forma de “C”. juntar e afastar os dois indicadores e polegares. Avó – Gestuar “feminino” mais “avô”. Avô – Com a mão em “A” fechado (com o polegar a segurar o dedo médio). Madrinha – Gestuar “feminino” e depois “padrinho” Afilhado – Gestuar “padrinho” e depois “filho”. excepto o indicador e o polegar. Irmão mais novo – Gestuar “irmão” e depois encostar a mão em “1” ao nariz e baixar. Sogro – Com a mão em “I” realizar movimentos circulares. Padrinho . mas com a mão em “1”. realizar um movimento ao longo da cabeça (sem tocar) de trás para a frente. realizar um gesto de baixo para cima. Prima – Gestuar “feminino” e depois “primo”.Irmão mais velho – Gestuar “irmão” e depois encostar a mão em “1” ao nariz e levantar. Primo – Com as duas mãos em “L”. a meio do tronco. soltar o dedo médio e formar “A”. com as palmas para baixo. De seguida.

. em frente ao abdómen. Amigo – Mãos em “1”. terminando com as mãos frente a frente. Página Acabar – Mãos em “1”. enquanto a mão apoiante. mas com as mãos em “U”. Viúva – Gestuar “feminino” e depois “viúvo”. desenroscar uma tampa). Se só for uma porta. Viúvo – Primeiro gestuar “morrer” e depois. com os outros dedos virados para o tecto. com as palmas para baixo. batendo no polegar da outra mão e avançando um pouco mais. com a mão na posição “indicar”. Junto – Unir ao centro as duas mãos na posição “indicar”. com os dedos juntos simétricas. por baixo do olho.Comadre – Gestuar “feminino” seguido de “compadre”. simétricas e afastadas. encostando a mão à cara e depois similar ao gesto de “junto”. Casado – Juntar as duas mãos em “concha” com a direita por cima. abrindo e fechando a configuração “bico de pássaro. com a palma para o chão. Namorado – Com a mão em pistola. Separado – Separar as duas mãos em “U” com um movimento curvo. Realizar um movimento directo da mão dominante em direcção à apoiante. formar pequenos círculos. com as palmas viradas para o emissor e braços cruzados. Divorciado – Primeiro gestuar “casado” e depois. Movimento repetido batendo com as mãos no tórax. Namorada – Gestuar “feminino” e a seguir “namorado”. Depois. Para gestuar abrir outras coisas. Estado civil e relações humanas Amante – Primeiro mimar dormir. afastar as mãos em “1”. também em “B” (palma para o lado oposto) se encontra em frente à barriga. Verbos – Encostar o indicador da mão dominante na configuração “indicar” à bochecha. Cunhado – Abanar para um lado e para o outro a mão em “Y” (palma para o receptor). movimento rápido de cruzar e descruzar as mãos. Fechar e abrir o indicador e o dedo médio. só a mão direita é que roda. afastar. Abrir (porta) – Colocar as mãos abertas. Realizar um 13 normalmente mima-se o gesto (por exemplo. encostar o polegar ao lado do nariz. Inimigo – Encostar o polegar da mão dominante em “B” ao nariz. Cunhada – Gestuar “feminino” e depois “cunhado”. voltadas para a frente e depois realizar um movimento de rotação dos pulsos. com o indicador a apontar para cima e a palma para o emissor. Solteiro – Na posição indicar. tocar repetidamente com a zona de dentro da mão no peito oposto.

formando um “O” e restantes dedos afastados e esticados. e mão dominante em “U” aberto. Apoiar – Colocar a mão dominante em “G”. Aproximar e afastar as mãos. Adormecer – Mão aberta virada para cima. ao mesmo tempo que se emite o som “fafa”. mas utilizando as duas mãos. com as palmas viradas para cima. realizar um movimento repetido e directo para a frente e para trás. realizar movimentos circulares alternados Arranjar – Mão apoiante na configuração indicar. com a palma virada para o emissor e o indicador par ao lado oposto. Amanhecer – Gestuar “dia”. com as costas encostadas uma à outra. com o indicador da outra mão Página 14 paralelos ao chão. com a palma para o emissor. Afastar – As duas mãos em “1”. ao mesmo tempo que se expele ar pela boca. avançar com a mão em concha (palma para dentro) para a frente. realizar um movimento repetido das pontas dos dedos batendo na testa. Ir abrindo à medida que se abrem os olhos. Arrumar – Polegares e indicadores unidos. Aprender – Com ambas as mãos ou só a dominante na configuração “o espremido”.Gestuar “noite”. Agrupar – Mãos em “garra”. sobre a palma da mão apoiante em “1”. Realizar um movimento de afastamento para os lados respectivos. Arrefecer – Primeiro gestuar “quente” e depois. terminando junto da boca em configuração “G”. mas à altura do pescoço. Acordar – Colocar a mão em “bico de pássaro” à altura do olho do mesmo lado. realizar um movimento simultâneo e directo das mãos em direcção ao receptor. Acontecer – Igual a “de repente”. Anoitecer . Aquecer – Oscilar as duas mãos abertas. De seguida. Ajudar – Com as mãos em “1” e as palmas para cima. mas utilizando as duas mãos. Movimento dos dedos a fechar e da mão a deslizar para baixo. em frente ao olho do mesmo lado. com as palmas viradas para os lados opostos. encostar o dedo médio sobre o coração e realizar um movimento de torção do pulso para cima e para baixo. gestuar “frio”. mas com os dedos todos.Aceitar – Igual a “comigo”. Acreditar – Igual a “porto”. Amar – Com a mão aberta. Achar – Bater com os dedos da mão dominante em “1” na têmpora. como se fosse o tempo a passar. . De seguida. Com as palmas para baixo.

Brindar – Mimar o gesto de fazer tchin-tchin. Começar – Mãos na posição indicar. depois. Bater – Mão em “2”. à medida que se encaracola os dedos. realizar movimentos repetidos e alternados para a frente. Compreender – Primeiro. Movimento simultâneo para o lado oposto. Brincar – Com as palmas viradas para o receptor realizar um movimento repetido de juntar e afastar o polegar e o dedo médio.entre os dois dedos. Atar – Mimar o gesto de fazer um nó. emitindo o som “fff”. Beijar – Simular o tipo de beijo (na cara. em frente ao meio do tronco. Avaliar – As duas mãos em “V”. tocar com o indicador no lado da testa. Aproximar do nariz. com as palmas para cima. na configuração “indicar”. . realizar um movimento repetido do antebraço e da mão em direcção à boca. Expressão facial de tristeza. Comer – Movimento da mão na configuração “o espremido” em direcção à boca. por baixo do olho. realizar um movimento simultâneo de afastamento da cara e encerramento Página 15 Comprar – Mãos em “E”. terminando com a palma para baixo. Chorar – Encostar o indicador por baixo do olho. cruzando as mãos. enchendo a bochecha direita de ar. Assistir – Com a mão em “U aberto” (palma para o lado oposto) bater repetidamente na bochecha. Caçar – Mimar o gesto de segurar numa espingarda. Cheirar – Mão em “U aberto”. num movimento repetido. Realizar um movimento da mão dominante para cima e para baixo pelo pulso. Terminando com a palma para baixo. com as palmas para o lado oposto. Inclinar um pouco a cabeça e deslizar o dedo pela cara. Cantar – Afastar a mão em “1” da boca. com a palma virada para o emissor. Calçar – Primeiro gestuar “sapato” e depois mover a mão dominante em “1” em direcção à mão apoiante em “concha” (como que calçando a mão dominante com a apoiante). à altura do peito. Realizar um movimento repetido. emitindo o som de beijos. Beber – Com a mão em “B”. rodando de fora para dentro e para baixo. palmas opostas em simetria. passando para a configuração “gancho duplo”. com a palma virada para fora. Realizar um movimento curvo. Chamar – Mimar chamar alguém com a mão dominante em concha. ligeiramente curvo para baixo e para a frente. Movimento simultâneo dos indicadores para baixo. à medida que se realiza um ligeiro movimento da cabeça para o lado oposto. na boca…) com as duas mãos na configuração “o espremido”. Chegar – Mão dominante em “R”.

Comunicar – Com as duas mãos em “C”. e emitindo o som “pbh”. Concordar – Com o antebraço levantado. Corrigir – Raspar a mão dominante fechada no dedo indicador da mão apoiante na Coser – Com as mãos na configuração “pinça fechada”. Deslizar a mão dominante (também em “1”. mimar o acto de coser. com a palma virada para cima. voltando depois a aproximar-se da cara em direcção ao olho. com as palmas viradas para o lado oposto. realizar um movimento repetido do pulso para baixo e para cima. oscilando levemente. Conhecer (localidades) – Movimento repetido do indicador da mão em “7” (palma para o lado oposto) a tocar por baixo do olho. com a palma para o lado oposto. . Realizar um movimente repetido para baixo e para cima. Cozinhar – As duas mãos em “1” com as palmas viradas para cima. seguido de afastamento da mão dominante que fica na configuração “o espremido”. à altura e em frente ao ombro. começando pelo mindinho e acabando com a mão fechada. abrindo a mão. pelos dedos. realizar um movimento simultâneo e alternado para trás e para a frente. Conduzir – Mimar o gesto de guiar um carro.da mão para a configuração “o espremido”. Continuar – Mão apoiante em “1”. Conhecer (pessoas) – Movimento repetido do indicador (mão na configuração “indicar”) a tocar por baixo do olho. emitindo o som “pbh”. acompanhado do movimento repetido da cabeça (igual a “sim”). com o polegar encostado ao queixo e a palma virada para o lado oposto. Conversar – Com as duas mãos em “1”. Contar (histórias) – Mão aberta. Também pode ser gestuado com as duas mãos. Correr – Mimar o movimento que os braços fazem quando corremos (mãos em “G”). Conviver – Bater as mãos em “O”. como que a fazer tchin-tchins. desde o pulso até ao fim dos dedos. Contar (quantidade) – Partindo da mão aberta. Ao mesmo tempo. realizar um movimento simultâneo e alternado de afastamento e aproximação das pontas dos dedos ao queixo. Página 16 configuração “indicar”. com as palmas viradas para os lados opostos. mas virada para o lado oposto) pela mão apoiante. terminando em baixo junto ao outro braço. Copiar – Mão apoiante em “1” e movimento dos dedos da mão dominante a deslizar e fechar sobre esta. fazer deslizar os dedos pelo polegar. aproximar a mão do corpo.

Cuidar – Encostar o indicador da mão dominante em “gancho” à bochecha. Dividir (contas) – Com a mão apoiante em “T”. terminando com as palmas para cima. Despir – Com as mãos abertas e as palmas viradas para o emissor. Divertir – Parecido a “brincar”. a partir da mão em “V”. fazer descer a mão até a altura da boca. Realizar um movimento da esquerda para a direita. encostadas ao corpo. mantendo a distância entre as mãos. realizar um movimento directo da mão dominante para debaixo da outra. libertando o ar da bochecha. Descansar – Mãos em “1” com as palmas viradas para o lado oposto. Deitar – Primeiro encostar a cabeça à mão dominante em “1”. Desenhar – Mão em “E” virada para dentro. Deslizar com as mãos ao longo do corpo. Desobedecer – Mão em “G”. Dizer – Apoiar a mão em “1” no queixo pelo polegar e. à altura dos olhos. junto às mamas. Página 17 um movimento repetido dos dedos a abrir e a fechar. repetidamente. Realizar um movimento curvo do cotovelo para cima. Descer – Mimar o movimento das pernas a descer escadas. Despachar – As duas mãos abertas. Realizar um movimento directo para a frente e para baixo. de seguida. Raspar a dominante na apoiante. viradas para os lados opostos. Decidir – Bater duas vezes com o polegar da mão dominante em “G” no queixo (palma para o emissor). mas prendendo e soltando o indicador com o polegar. por baixo do olho e encher a bochecha de ar. palma para o lado oposto. Dançar – Encostar a mão dominante aberta na barriga. utilizar a mão dominante na configuração “indicar” para desenhar a forma do “T” na outra mão. Mimar o acto de desenhar. à altura da cintura e próximas uma da outra. Discutir (reunião) – Com ambas as mãos na configuração “bico de pássaro”. realizar um movimento simultâneo e repetido para um lado e para o outro. Desistir – Mão dominante em “B". e gingar um pouco. Doer – Com a mão em “garra”. . terminando com a mão aberta. ao mesmo tempo que se emite o som “pupupu”. Depois. com as duas mãos em “1”. com uma expressão facial de desdém. realizar Dormir – Com a mão em “G” virada para a cara. realizar um movimento repetido das mãos para cima e para baixo. em frente e à altura do peito. a apoiante virada para baixo e a dominante para cima. realizar um movimento curvo para a frente. a meio do tronco e com a palma para a frente. com a palma para o receptor e o dedo para baixo.

realizar um movimento directo da mão à frente. É como se os dedos indicador e médio fossem as pernas. até que as pontas dos indicadores e dos dedos médios se toquem. Esquecer – Primeiro. Realizar um movimento de aproximação das mãos com fechamento dos braços e ligeira contracção do peito e da face. Esperar – Com a mão dominante em “U”. apoiando a zona do lado do dedo mindinho. mas com a mão aberta. tocar com as pontas dos dedos na mão em “o espremido” no aberta. Página 18 canto da testa. no sentido do ponteiro dos relógios. Estar – Igual a “agora”. Encontrar (pessoas) . Engordar – As duas mãos em “G” com as palmas para o emissor. Realizar um movimento simultâneo de torção do pulso para a frente. Realizar um movimento de afastamento para os mesmos lados. e emitindo o som “chh”. a abrir. com as palmas para o emissor e as pontas dos dedos a tocar na testa. com as duas mãos em “V”. realizar um movimento de torção do pulso e encostar as costas dos dedos na testa. realizar um movimento para cima. mas oscilando as mãos. Depois. com a palma para baixo. cruzados. Inicialmente não toca na outra mão. Ensinar – Colocar ambas as mãos ou só com a dominante na configuração “o espremido”. é raspar os dedos da mão dominante em “U” na palma da apoiante. Realizar um movimento ligeiramente curvo para a frente e para cima e depois um movimento directo da mão para baixo. Escorregar – Colocar a mão dominante em “pistola” apoiada pelo dedo médio na mão apoiante em “1” (palma para cima). sobre a mão apoiante em “1”. Depois. que escorregam. mas termina a tocar. Depois. e a palma para baixo. isto é. emitindo o som “shh”. realizar um movimento circular. abrindo a configuração e voltando a recuar à posição e configuração iniciais. terminando com a mão .Emagrecer – As duas mãos em “G” com as palmas viradas para o lado oposto e braços ligeiramente afastados e flectidos para o lado oposto. fazendo depois pequenos movimentos de recuo e avanço da mão. e antebraços flectidos para os lados oposto.Encostar o indicador da mão dominante em “V” à cara. Emprestar – Igual a “branco”. realizar um movimento curvo em simultâneo para cima. com as palmas viradas para os lados opostos. Outra forma. por baixo do olho. Escolher – Com o dedo indicador e o polegar a formar um “O” e os outros dedos esticados. com ligeira elevação dos ombros e enchimento do peito. Enganar – Encostar os dedos da mão em “U” (palma para o emissor) no nariz. Escrever – Mimar o acto de escrever com a mão dominante em “E” na mão apoiante em “1” (palma para cima).

encostando os indicadores. com a palma virada para baixo. ficando a palma virada para cima. a dominante em cima e a apoiante em baixo. Realizar um movimento directo para baixo. terminando na configuração de “garra fechada”. Página 19 palma virada para o receptor. com as palmas para baixo. Fechar (a porta) – As duas mãos abertas com os dedos juntos. Depois. Realizar um movimento curvo para a frente. Estudar – Com as duas mãos em “1”. Termina-se com as palmas viradas para o receptor. realizar um movimento repetido da mão dominante a bater na palma da outra mão. e realizar um movimento da mão dominante raspando de forma ascendente por cima da apoiante. Passar a mão dominante (esticada. Faltar (à aula) – Bater com a mão dominante em “F” na palma da mão apoiante em “1”. Guardar – Mão apoiante em concha.Estar só – Encaixar a mão em concha ao queixo e realizar um movimento da mão para baixo em simultâneo com o fechar dos dedos. . ao lado da cara. Fazer – Sobrepor as duas mãos abertas. Gravar – Realizar um movimento da mão dominante em “garra”. Falar – Mão em “P” com a palma para o emissor e o indicador e o polegar debaixo de queixo. em direcção à mão apoiante em “1”. Realizar um movimento descendente da mão. terminando com a Haver – Mão em “1” virada para o emissor. Fugir – Com as duas mãos na configuração indicar. de trás para dentro. com a palma virada para o emissor. Falhar – Com a mão na configuração “indicar”. Gostar – Mão dominante na configuração “bico de pato”. repetindo o mesmo movimento agora com a mão apoiante. Realizar um movimento de rotação da mão. encostar o indicador no nariz e depois no peito. tocando com os dedos no queixo. recolhendo o dedo para a configuração “gancho”. colocada sobre o tórax perto do pescoço. mas com os dedos juntos) por baixo da apoiante. passando para a configuração “o espremido”. Faltar (alguma coisa) – Mão na configuração “indicar”. Explicar – Gestuar “contar (histórias) e depois “coisas”. cortar a dominante com a apoiante. com a pala para o emissor. com as palmas viradas uma para a outra. com a palma virada para cima. Expressão facial de desagrado. Realizar um movimento repetido da mão descrevendo círculos para cima. configurar “indicar”. Terminar com as mãos em gancho. fechando a configuração no centro do peito.

terminando fora da palma e com a palma da mão dominante virada para o emissor. com a dominante mais afastada. num movimento para o lado e para cima. Realizar um movimento de torção da mão. Mergulhar – Mimar com a mão dominante (como se fosse um corpo) o acto de mergulhar e voltar à superfície. Morar – Igual ao gesto “morada”. com a palma para o emissor. como se se estivesse a cortar a garganta. Página 20 Nascer – As duas mãos em “1”. simetria em frente ao abdómen. Multiplicar (contas) – As duas mãos na configuração “indicar”. com as palmas para o lado oposto. Encostar os dedos ao lado esquerdo do pescoço e raspar até ao outro lado. Nadar – Mimar nadar bruços. Lavar as mãos – Primeiro gestuar “lavatório” e depois mimar o acto de lavar as mãos. Ir – Mão na configuração “indicar”. com a palma virada para cima. É como se os dois dedos fossem as pernas da pessoa que passa da posição deitada para levantada. Realizar um movimento simultâneo e descendente. Ler – Mão em “U”. a tocar com a ponta dos dedos por baixo do olho. realizar um movimento de torção do pulso para cima. ficando a apontar para a frente. Realizar um movimento para baixo e depois em ziguezague horizontal sobre a mão apoiante que está em “1”. Virar também a cabeça na direcção da mão. oscilando os dedos. emitindo o som “pbh”. com a palma para o receptor. com as palma para baixo. Realizar um movimento para a frente. afastando ligeiramente as mãos do centro. Investigar/pesquisar – As duas mãos em “gancho duplo”. Morrer – Encostar o polegar da mão dominante em “B” ao queixo e depois realizar um movimento curvo para a frente e para baixo acompanhado por ligeira inclinação da cabeça para baixo e articulação de um som semelhante a um motor (mas curto). Levantar – Encostar a mão dominante em “U” à palma da apoiante e. Matar – Mão em concha. com a palma virada para baixo. em frente ao meio do tronco. Inventar – Encostar a mão dominante à testa e depois bater na palma.Imaginar – Encostar os dedos da mão aberta à têmpora e afastar a mão. formando uma cruz. Bater repetidamente com a dominante na apoiante. com as palmas viradas para os lados opostos. em frente ao centro do corpo. com a palma virada para o emissor. depois. abrindo e fechando os dedos. em . Mentir – Roçar o dedo indicador da mão dominante na configuração “indicar” pela lateral do nariz.

Perceber – Realizar um movimento repetido do da mão na configuração indicar. Pagar – bater com a mão dominante em “E” na mão apoiante em “1”. oposto e encostando o indicador no queixo. Passear – Com as mãos abertas e as palmas para baixo. descrevendo pequenos círculos. e os antebraços ligeiramente levantados. terminando com as palmas para cima. como se estivéssemos a partir um pau. realizar um movimento para a frente e para baixo. De seguida. Depois. Página 21 Poder – Mão na configuração “bico de pássaro fechado”. Depois. encostadas uma à outra. com a palma para o lado . com a mão em “U” aberto. Depois. a apontar para a direita. com as palmas viradas para o emissor. Perguntar – Encostar o indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao queixo. como se fosse o ponteiro da balança. Partir – As duas mãos em “O”. Pescar – Mimar o acto de levantar a cana de pesca. Pesar – Com as duas mãos em “1”. mas aproximando a mão da orelha.Oferecer – As duas mãos em “1”. com ambas as mãos na configuração “indicar”. realizar um movimento em direcção ao receptor. com a palma virada para a frente. realizar um movimento curvo do indicador para um lado e para o outro. com a palma virada para o emissor. na diagonal e com a dominante mais à frente que a apoiante. com a mão dominante na configuração “indicar”. com as palmas para baixo. em frente ao estômago. Pedir – Encostar os dedos da mão dominante em “1”. realizar um movimento alternado das mãos a subir e a descer ligeiramente. com as palmas viradas para cima. com a palma virada para o receptor. à boca. na configuração “indicar”. Realizar um movimento curvo para baixo até à cintura. realizar um movimento curvo para o lado oposto. Ouvir – Similar a cheirar. Realizar um movimento rápido de abertura dos dedos. ficando a palma para cima. e realizar um movimento oscilatório dos dedos. batendo com o indicador no queixo. Realizar um movimento curvo para baixo para os respectivos lados. Perder – Igual a “morrer”. encostar os polegares ao peito. Pensar – Encostar o indicador da mão dominante em “gancho” à têmpora e afastar. recolhendo o dedo para a configuração “gancho”. emitindo o som “pó” em surdina. Olhar – Encostar o indicador por baixo do olho.

Depois. realizar movimentos circulares para fora tocando com os dedos no peito do mesmo lado da mão. com a palma para o lado oposto e realizar um movimento repetido para a frente e para baixo Preferir – Bater repetidamente com o indicador da mão dominante na configuração “indicar” na ponta do nariz. realizar um movimento curvo para a frente e para baixo e regressar à testa. semicerrando os olhos. Depois. Preocupar – Com a mão na configuração “o espremido”. Página 22 Rir – Com a mão em “G” à altura do queixo. De seguida. em direcção ao receptor. Reciclar – Encostar as duas palmas das mãos abertas. por baixo do olho. Querer – Encostar ao peito a palma da mão dominante em “1” e depois realizar um movimento rápido de torção do pulso. com a palma virada para o lado oposto. com a mão dominante virada para fora e a apoiante para dentro. ficando a palma para o emissor. com a palma virada para o emissor. Ralhar – Mãos em “gancho” com as palmas viradas para o receptor. com a palma virada para o receptor e rodar o pulso. raspando com o polegar no centro do peito e terminando com a palma para baixo. terminando a palma da mão dominante para o emissor e a outra para o receptor. um movimento repetido a tocar no queixo e acompanhado por uma expressão facial de alegria. Depois.Praticar – Encostar a mão em “1” ao nariz. como se se estivesse a levantar um chapéu. Realizar um movimento curvo para a frente. Responder – Encostar a mão em “R” ao queixo. descrevendo círculos. Reparar – Encostar o indicador da mão em “E” à bochecha do mesmo lado. Rebocar – Gestuar “roda” e depois “prender”. realizar . realizar um movimento curvo de afastamento para a frente e para baixo. Respeitar – Encostar a mão dominante em “E” à testa. Procurar – Encostar a mão dominante em “gancho” por baixo do olho e afastar com movimentos circulares. Rever – Encostar o indicador da mão dominante em “gancho” à bochecha. realizar um movimento simultâneo de rotação dos pulsos. realizar um movimento de torção do pulso para a frente e depois directo para baixo. Recordar . realizar um movimento de afastamento para a frente. dando beijinhos. com a palma virada para o lado oposto.Deslizar a mão dominante em “gancho” pela cana do nariz. Repetir – Encostar o dedo indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao queixo. com uma expressão facial zangada. Depois.

Não querer – Bater com a mão aberta no peito duas vezes. Transpirar – Passar a mão dominante em “1” pela testa. raspando sempre com as pontas dos dedos. Realizar um movimento rápido ligeiramente para a frente e para baixo. com a bochecha cheia. mas com um movimento ascendente. Depois. Fechar a mão a partir do mindinho. passar para a configuração “B” e abanar. com a palma virada para o lado oposto. como em “sim”. ficando a oscilar. Não saber – Movimento similar a “saber”. Ter – Movimento de torção do pulso para baixo. tocando com as pontas dos dedos no meio do tronco. Não poder – Encostar a mão dominante em “T” ao queixo. ao mesmo tempo. Outra forma é encostar a mão em garra à têmpora e afastar descrevendo círculos. Sonhar – Primeiro gestuar “imaginar” e. mas oscilando a cabeça para os lados (não) e fechando a mão. a bater. para baixo e para cima. Ser – Mão em “G” com a palma virada para baixo. Treinar – Raspar para a frente os dedos das mãos em “o espremido” nos ombros. realizar um movimento ascendente até ao tórax. e se abana a cabeça. Saber – Mão dominante em “1”. Subtrair – Mão na configuração “indicar”. Sentar – Apoiar a mão dominante em “U” encaracolado no dedo indicador da mão apoiante na configuração “indicar”. Página 23 um movimento repetido. com a palma virada para o emissor. Somar – Cruzar os dedos indicadores das mãos na configuração “indicar”.Roubar – Mão dominante aberta virada para o lado oposto. Depois afastar. formando o sinal de “mais”. com a palma para o emissor. à altura da testa. com o polegar dentro da mão apoiante em “G”. Sentir – Com a mão dominante em “C”. Trabalhar – As duas mãos em “G”. e afastar para os lados. como que a limpar o suor. com a palma para dentro. Realizar um movimento curvo para a frente e para baixo e abrir a boca formando “a”. como se os dedos da mão dominante fossem as pernas sentadas. com os olhos semicerrados. abanando a cabeça e emitindo o som “tss”. abrindo e fechando os dedos. com a mão na posição “indicar” e a palma virada para o emissor. com a dominante sobre o punho da outra. Realizar um movimento directo para o lado da mão. depois. Realizar encostados. terminando com os punhos . realizar um movimento directo repetido para a frente. Subir – Como “descer”. ao mesmo tempo que se expele ar pela boca. Movimento para baixo da cabeça. encostada na têmpora. unir as mãos em “L”.

Vestir – Mãos abertas. Viver – Mão em “U” aberto. Realizar um movimento em espiral para cima. Realizar um movimento repetido das mãos para baixo e para cima. . Fritar Cozer – As duas mãos em “garra”. como enfiando o boletim de voto na urna. Realizar um movimento curvo para baixo e para o lado da mão dominante. terminando à altura da cintura. passando por baixo da apoiante. Página 24 realizar um movimento para a frente e ligeiramente para baixo. Depois. Agricultor . na configuração “indicar” e com a palma para baixo. emitindo o som “pbh”). Assar – As duas mãos em “1”. a apoiante com a palma para baixo e a dominante para cima. por baixo do olho. com as palmas viradas para os lados opostos. realizar um movimento de rotação para o lado oposto. com a mão em “U” aberto. em “bico de pássaro aberto”. com as palmas viradas para o emissor. realizar movimentos circulares alternos Ver – Apoiar o dedo médio na bochecha. para a frente e ligeiramente para baixo. Votar – Enfiar a mão dominante (na configuração de “concha”) na mão apoiante. com a palma para o emissor e o dedo médio encostado por baixo do olho. depois. com a palma para o emissor e a ponta do indicador encostada por baixo do olho. utilizando as duas mãos em “Y” com as palmas para dentro. Vir – Antebraço levantado com a mão um pouco acima do ombro. Subir e descer cada mão alternadamente. Grelhar – Assar no espeto – Igual ao gesto “enrolar”.Varrer – Mimar o acto de varrer com um vassoura. ao mesmo nível e próximas uma da outra. mimar o acto de sachar a terra. Vender – Com as duas mãos em “E”. Viajar – Mão na configuração indicar.Primeiro. gestuar “flora” e. terminando com a palma da mão para a frente. como se se estivesse a por qualquer coisa no forno. Profissões – Gestuar “trabalho” e depois “vocação” (encostar a mão em “1” ao peito e Advogado – Mimar puxar as mangas da toga. à altura do peito. Emitir uma espécie de beijo. Realizar um movimento ligeiro de afastamento para o lado. com as palmas para cima. terminando com a palma para o emissor e a ponta do indicador para baixo. Realizar um movimento curvo para baixo com ligeira torção de pulso. libertando ar pela boca. começando pelo braço esquerdo. seguido de movimento circular.

. Bancário – Gestuar “dinheiro” e depois “pôr”. virada para fora. e depois repetir o gesto por cima da palma da outra mão fechada. gestuar “arquitecto”. girando as mãos e terminando com as palmas para dentro e os punhos de novo encostados). realizar um movimento oscilatório e simultâneo de aproximação das palmas. Cozinheiro – Gestuar “cozinha” e depois “chapéu de cozinheiro”. Arquitecto – Fazer deslizar a mão dominante em “pinça fechada” ao longo do antebraço da outra mão (em “G”) que se encontra flectido para o lado oposto. oscilando. Página 25 mimar o acto de desenhar. mas só com uma mão. Anestesista – Gestuar “médico” e depois “injecção”. com as palmas viradas para fora e. Bombeiro – Encostar a mão em “6” à têmpora e realizar um movimento repetido do indicador para a frente e para trás. formando um coração com as mãos.Alfaiate – Mão dominante em “Y” a subir pelo outro braço. de lado da cabeça. como se fossem tijolos. depois. no lado esquerdo. Costureira – Igual a “coser”. Canalizador – Primeiro gestuar “água” e depois “arranjar”. mas duas vezes e com as duas mãos. depois. Carpinteiro – Mão dominante em “concha”. encostar ao peito. Realizar um movimento directo para o lado oposto. Dentista – Gestuar “médico” e depois “dente”. passando junto da boca semiaberta e acabando com a mão aberta Construtor – Ir sobrepondo as duas mãos em “U” (palmas para baixo). com a palma e os dedos virados para o emissor. Desenhador – Primeiro. Contabilista – Igual a “quantidade”. junto ao canto da boca. Caçador – Primeiro gestuar “caçar” e depois encostar a mão dominante em “1” ao peito e realizar um movimento da mão para a frente afastando-se do peito em simultâneo com uma ligeira inclinação do corpo para a frente. Cabeleireiro – Primeiro mimar cortar o cabelo com a mão a fazer de tesoura. Educador de infância – Com as duas mãos em “1”. Árbitro – Mimar soprar o apito com a mão dominante em “gancho duplo”. Cantor – Mimar cantar para um microfone (mão em “G”). com a mão dominante em “bico de pássaro”. Cardiologista – Primeiro gestuar “médico” e. realizar um movimento de torção. com as palmas viradas para os lados opostos. Assistente social – Gestuar “apoiar” e depois “social” (primeiro. colocar as duas mãos em “G” encostadas. De seguida.

na bochecha. Engenheiro alimentar – Gestuar “engenheiro” e “comer”. encostar a mão dominante em “ganho duplo” à boca e depois. Empregado – Primeiro. com os dedos para os lados opostos.Bater com movimentos repetidos e ligeiros com a mão dominante em “gancho”. como se fosse a deixar cair o machado. Aproximar e cruzar as mãos. Formador – As duas mãos na configuração “o espremido”. . Lenhador – Primeiro gestuar “madeira” e depois colocar a mão em “G” ao lado da cabeça. e realizar um movimento curvo para baixo e para a frente. Jornalista – Gestuar “jornal” (As duas mãos em “G”.Electricista – Primeiro. uma de cada lado. Ginecologista – Primeiro. Engenheiro – Encostar o dedo médio da mão dominante em “K” à mão apoiante em “1” com a palma para o lado oposto. Engenheiro civil – Primeiro gestuar “engenheiro” e depois “construtor”. desenhar uma cruz no braço contrário. sem lhe tocar. com as duas mãos em “1”. Estudante – Igual a “estudar”. Guia turístico – Gestuar “viajar” e depois “guia” (com a mão dominante na configuração “punaise” segurar o outro pulso e realizar um movimento simultâneo para a frente). realizar um movimento simultâneo e alternado ligeiramente curvo para dentro e para fora. Página 26 Juiz – Gestuar “advogado” e depois mimar o acto de bater com o martelo. Intérprete – As duas mãos em “1”. Engenheiro informático – Gestuar “engenheiro” e depois “computador”. palma para o lado. Jardineiro – Gestuar “jardim” e depois mimar o gesto de aparar sebes. gestuar “médico” e. e girar para a frente e para trás. ao mesmo tempo que se passa para a configuração “1”) e depois “escrever”. levantar as duas mãos em gancho. desenhar uma cruz na testa. em frente ao estômago e com as palmas para cima. depois. uma por cima da outra. por baixo do olho. como se fossem as pernas na maca. Enfermeira – Com a mão dominante na configuração “indicar”. bater com a mão dominante em “1” com a palma virada para cima no pescoço. passar o ganho duplo por cima da mão apoiante na configuração “indicar”. Depois. viradas para fora e encostadas junto à cabeça. Guarda . Bater com a palma da dominante na da apoiante e depois com as costas. a apoiante com a palma para cima e a dominante para baixo. uma para cima e outra para baixo. Realizar um movimento curvo simultâneo para baixo e para a frente e ficar a oscilar as mãos em movimentos curtos. Enfermeiro – Com a mão dominante na configuração “indicar”.

com as duas mãos em “1” (palma para cima). Pintor (de paredes) – As duas mãos em “1”. como se se estivesse a agarrar numa tijela e a mexer a massa. Médico – Primeiro. A mão apoiante pode-se encontrar em “1” com a palma para cima. Realizar um movimento simultâneo e alternado para trás e para a frente. com a mão dominante em cima. Outra forma é gestuar “pão” e depois. realizar um movimento ligeiro para baixo. Por fim. gestuar “chapéu de cozinheiro”. com as palmas para o lado oposto e os dedos para cima. Pescador – Gestuar “vocação” e depois “pescar”. Pedreiro – Com as duas mãos em “1”. raspar os dedos da dominante na apoiante. Pasteleiro – Gestuar “bolo” e depois “amassar”. como se fossem as modelos a desfilar. virada para cima. Outra forma é gestuar “bolo”. Pintor (de quadros) – Com a mão dominante em “U” e a palma virada para o lado os dedos. tocar no lado oposto do peito com os dedos e realizar um movimento ao longo do peito. realizar um movimento curvo para o lado direito e para cima. nariz e boca. descrevendo uma linha em ziguezague com . Pastor – Gestuar “ovelha” e depois “cuidar”. Página 27 oposto. Padeiro – Gestuar “pão” e “amassar” (mimar o acto de amassar massa com as duas mãos ao mesmo tempo para a frente e para trás). terminando com a palma para baixo e as pontas dos dedos no pulso da outra mão. Motorista de táxi – Gestuar “motorista” e depois “táxi”. É como se se estivesse a tirar cimento da placa e a atirar para a parede. De seguida. Otorrinolaringologista – Primeiro gestuar “médico” e depois apontar para o ouvido.Mecânico – Gestuar “carro” e depois “arranjar”. Realizar um movimento curvo repetido do braço dominante para baixo a deslizar com as pontas dos dedos a tocar na palma e para cima tocando com as costas dos dedos na palma. por dentro do antebraço da apoiante. Modelo – As duas mãos em “U” virada para baixo. com a mão dominante na configuração “o espremido”. segurar o pulso da mão apoiante com a mão dominante em “punaise”. realizar um movimento de torção da dominante. com o dedo médio (mão na configuração “punaise”). como se fosse a paleta. para o lado da mão. Motorista – Gestuar “respeitar” e depois “carro”. ficando a palma virada para a frente. como se estivéssemos e pintar. Padre – Realizar um movimento circular na parte posterior da cabeça. e depois. depois girar a mão dominante em “G”. Pediatra – Gestuar “médico” e depois “crianças”.

Polícia – Encostar a mão em “bico de pato aberto” ao queixo e, com a bochecha cheia de ar, realizar um movimento repetido dos dedos para baixo e para cima. Professor – Encostar os dedos da mão dominante na configuração “o espremido” à têmpora. Virar para a frente e, depois, com as duas mãos ou só com a dominante na configuração “indicar”, realizar um movimento curvo continuado, simultâneo e alternado, para um lado e para o outro. Pode-se acrescentar 1º ciclo, 2º ciclo, 3º ciclo (Bater com a mão fechada e um, dois ou três dedos esticados, conforme o caso, na palma da mão apoiante, com as costas da dominante para cima), secundário (igual a “andares”), ou universitário (bater com mão no peito, do lado oposto, Em “U aberto” com a palma para o emissor). Psicólogo – Com as duas mãos em “J” e as palmas viradas para os lados opostos, realizar um movimento directo da mão dominante para baixo até encaixar entre o polegar e o indicador, seguido de um movimento repetido para cima e para baixo, terminando ligeiramente acima da outra mão. Psiquiatra – Encostar a mão em “concha” na cabeça e depois gestuar “psicólogo”. Sapateiro – Primeiro gestuar “sapato” e depois com as duas mãos em “E”, com as palmas para o emissor, encostar os indicadores e realizar um movimento curvo repetido dos dedos para baixo, com pequena torção dos pulsos, terminando com as mãos um pouco afastadas. Secretária – Igual a “escritório” ou mimar o gesto de teclar a um computador. Serralheiro – Encostar o dedo indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao queixo e posicionar a mão apoiante em “gancho” com a palma para o lado oposto. Depois realizar um movimento da mão dominante para baixo e para a frente, passando para a configuração “gancho”, enquanto a mão apoiante também se desloca para baixo e para a frente. Técnico – Similar a engenheiro, mas em vez de girar com o dedo encostado, levantar o dedo, girar e depois voltar a encostar. Terapeuta da fala – Gestuar “ensinar” e depois “fala” (com a mão dominante em “gancho duplo” e palma para o emissor, realizar um movimento circular dos dedos à volta da boca. Tradutor – Similar a intérprete, mas com a mão dominante em “U”. Varredor – Gestuar “varrer” e depois “rua”.

Página

28

Veterinário – Gestuar “médico” e depois “animal”.

Emprego
Concurso público – Contracto – Desempregado – Efectivo – Reformado – Substituição –

Vestuário – Igual a “vestir”.
Anel – Mimar o acto de colocar um anel. Biquíni – Gestuar “sutiã”, “cuecas” e “praia”. Boné – Com a mão em “E”, mimar o acto de enfiar um boné na cabeça, segurando pela pala. Botas – Primeiro gestuar “sapato” e depois com a mão dominante em “1” subir pelo outro braço, com a palma para baixo. De seguida, realizar um movimento de torção do pulso apoiando o lado da mão (do lado do mindinho) no braço, conforme a altura do cano da bota a que nos estamos a referir. Boxers – Primeiro gestuar “calções” e de pois, com a mão na configuração indicar, apontar para o chão duas vezes, enchendo a bochecha de ar. Cachecol – Com a mão dominante, mimar o acto de atirar uma ponta do cachecol para trás das costas. Calças – À altura da cintura, abrir e fechar as mãos em “pistola”, num movimento simultâneo ascendente. Calções – Primeiro gestuar “calças” e depois, com as mãos em conchas, bater nas pernas, com as palmas viradas para cima, de acordo com o comprimento dos calções (mais acima, mais abaixo…) Calções de banho – Gestuar “calções” e depois “praia”. Camisa – Com as duas mãos em “bico de pássaro aberto” descrever a forma do colarinho da camisa, começando junto ao pescoço e realizando um movimento descendente, à medida que se fecha a configuração. Camisa de dormir – Gestuar “roupa” e depois “dormir”.

onde acaba a manga.

Página

(redonda, em barco, quadrada, em bico, gola alta, etc.) e depois, com a mão em “1”, marcar

29

Camisola – Com a mão dominante na configuração “indicar” descrever a forma da gola

Capuz – Mimar o gesto de se puxar o capuz por cima da cabeça. Casaco – Mimar o acto de vestir um casaco. Chapéu – Bater duas vezes com a mão aberta na cabeça, inclinando-a ligeiramente. Se o chapéu tiver abas, mimar o acto de o colocar segurando nas abas de cada lado. Chinelo – Se for um chinelo de dedo, com a mão dominante em “punaise” raspar o dedo médio entre o indicador e o médio da mão apoiante, ambas com as palmas para baixo. Se for chinelo de enfiar, com as duas mãos em “1” e as palmas para baixo, raspar a dominante perpendicularmente à apoiante, como se fosse a tira do chinelo. Chinelo de quarto/pantufas – Igual à última parte do gesto de “calçar”. Cinto – Mimar o gesto de apertar o cinto. Colete – Gestuar a gola e depois com as mãos em “1”, com as palmas para fora, marcar as alças do colete. Collants – Primeiro gestuar “meias” e depois mimar o acto de puxar os collants na perna direita. Cuecas – Com as mãos em “bico de pássaro aberto”, descrever o formato triangular das cuecas, na zona pélvica. Echarpe – Mimar o acto de tapar os ombros com um echarpe. Fato – Duas formas. Primeira: com as mãos abertas, à altura dos ombros e com as palmas viradas para o emissor, realizar um movimento curvo das mãos de cima para baixo em simultâneo com o fechar dos dedos, terminando na configuração “B”. Segunda: Encostar as duas mãos em concha ao peito, na vertical, com a dominante por cima, e oscilar, como se estivéssemos a ajeitar a gravata. Fato de banho – Primeiro deslizar as mãos abertas pelo corpo, com as palmas para dentro e, depois, gestuar “praia”. Fato de treino – Gestuar “vestir” e depois “treinar”. Fio-dental – Gestuar “cuecas” e depois, com a mão dominante em “I”, com a palma para o lado oposto e o mindinho a apontar para a frente, realizar um movimento de torção do pulso para cima, terminando com o mindinho a apontar para o tecto. Gabardina - Gestuar “casaco” e depois “chuva”. Gorro – Com as duas mãos em “G” mimar enfiar um gorro na cabeça. Gravata – Mimar o acto de ajeitar o nó da gravata com a mão dominante, enquanto a

apoiante sobe, levantar ligeiramente a cabeça. Impermeável – Gestuar “casaco” e depois “plástico”.

Página

30

mão apoiante fica na zona do estômago como que segurando na gravata. À medida que a mão

Laço – Encostar os dedos em “O” junto ao pescoço. Afastar as mãos ao mesmo tempo que se abrem os dedos para a configuração “U aberto”, ficando as palmas viradas para o emissor. Lenço – Com a mão em “bico de pássaro”, mimar o acto de assoar o nariz (duas vezes). Luvas – As duas mãos abertas, com as palmas viradas para baixo. Passar com a mão dominante por cima da outra, da frente para trás e depois repetir o mesmo, mas com a apoiante sobra a dominante. Como se se estivessem a calçar luvas. Mala – Com a mão dominante em “B”, descrever um movimento descendente pelo lado do peito até à cintura, como se fosse a alça da mala. Meias – As duas mãos em “B” unidas pelos polegares, com a dominante em cima. Realizar um movimento repetido de torção do pulso da mão dominante, para cima e para baixo. Meias de rede – Gestuar “meias” ou “collants” e depois “rede” (como chinelo de enfiar, mas com as mãos abertas, isto é, com os dedos afastados). Meias transparentes – Gestuar “meias” e depois “transparente”. Mini-saia – Gestuar “saia” e depois marcar o comprimento curto desta com as duas mãos em “concha” nas pernas. Mochila – Com as duas mãos em concha, realizar um movimento descendente a partir dos ombros, descrevendo as alças da mochila. Óculos – Indicador e o polegar da mão dominante a formar um “C”. Tocar duas vezes com estes na cabeça, de lado, enquadrando o olho. Óculos de sol – Gestuar “óculos” e “sol”. Pijama – Primeiro inclinar a cabeça e encostá-la à mão dominante em “1” e depois gestuar “vestir”. Pólo – Gestuar “camisa” e depois com a mão dominante em “pinça”, marcar dois botões. Por fim, marcar o comprimento das magnas, com a mão em “1”. Relógio – Mão apoiante em “G”, com o antebraço paralelo ao chão. Com a mão dominante na configuração “indicar”, realizar um movimento circular do indicador em cima do pulso. Roupão – Gestuar “vestir” e depois mimar o acto de atar o cordão na zona da cintura. Saco – Mimar segurar na alça de um saco.

partir da cintura. Com as mãos em “concha” marca o comprimento da saia.

Página

31

Saia – Com as mãos em “1”, realizar um movimento descendente e de afastamento, a

Vestido – Marcar a gola com o indicador e as mangas com a mão em “1” e depois encostar as palmas das mãos abertas ao peito e realizar um movimento descendente. enchendo a bochecha de ar. 32 Cave – Mão apoiante em “1”. Andar – Gestuar “casa” e depois encostar os dedos indicadores e polegares das mãos. colocar as duas mãos no centro do peito. Depois. Casa de aldeia – Com a mão na configuração “o espremido”. gestuar o tipo de salto: salto alto (as duas mãos em “Y”. simultâneo e alternado). em cunha (com o indicador e o polegar fazer a forma da cunha. Realizar um movimento de afastamento e retorno (duas vezes) como se se estivessem a esticar os elásticos dos suspensórios. passando por cima das mamas. abrir e fechar o polegar.Sandália – Raspar a palma da mão aberta nas costas da mão apoiante em “1”. com as palmas viradas para fora e realizar um movimento ligeiro de afastamento das mãos para os mesmos lados. movimento para cima das vezes) e depois “banho” (mimar o acto de ensaboar o peito). Também se pode usar o indicador e o polegar da mão dominante para especificar a forma da sandália. Casa . Arrecadação – Gestuar “cave” ou “sótão” e depois “coisas” e “pôr”. com as palmas para o emissor.Bater duas vezes com a mão em “G” por baixo do ombro contrário. apontar para debaixo da mão apoiante. realizar um movimento oscilatório para a frente. com a mão em “1”. Com a dominante na . Afastar para os lados. Smoking – Gestuar “casaco” e depois descreve a forma da cauda do casaco. colocar o antebraço por cima da cabeça e realizar um movimento curto para cima e para baixo. Ténis – Gestuar “sapato” e “borracha”. com a palma para baixo. Sapato – Com a mão em “5” e a palma virada para o emissor. o comprimento das mangas. Suspensórios – As duas mãos em “B” encostadas ao peito pelos polegares. com a palma virada para o emissor. se for um sapato de mulher. Casa de banho – Primeiro gestuar “chichi” (dedo indicador no nariz. Soutien – Com o polegar e o indicador a formar um “C”. marcar o tipo de gola e. Trolley – Mimar puxar um trolley. da zona alta para a mais baixa. descrevendo a posição das tiras. Página configuração indicar. depois. T-shirt – Com o indicador. raso.

a apoiante com a palma para cima e a dominante para baixo. Chão – As duas mãos em “1”. terminando à altura do queixo com a mão aberta. De seguida. ao mesmo tempo que se movem as mãos para a frente. Colocar a dominante sobre a apoiante e realizar um movimento ligeiro da mão a deslizar sobre a palma da outra. com os dedos a apontar para o chão. Jardim – Primeiro gestuar “flor” ou “flora” e depois “onde”. com a palma e a ponta dos dedos para baixo. realizar um movimento de torção dos pulsos para cima. enchendo a bochecha de ar. Janela – Cruzar os dois antebraços em frente ao tronco. Elevador – Movimento ascendente e descendente da mão dominante em “1”. Cozinha – Mão dominante em “garra aberta”. Realizar um movimento curvo em espiral para cima até à altura do queixo. Escritório – Raspar os dedos da mão dominante na configuração “o espremido” para a frente e para trás pela mão apoiante em “1” com a palma para cima. Divisões da casa – Primeiro gestuar “casa” e depois colocar a mão dominante em “1” por cima da apoiante (em “1” com a palma para baixo). terminando ligeiramente acima da outra mão. por exemplo. com as mãos em “G”. Realizar um movimento curvo da mão dominante para cima em simultâneo com o abrir dos dedos. indicadores. encostando o lado do mindinho e realizar um movimento repetido da mão dominante batendo na outra mão verticalmente e indo virando a palma para a frente. com alguma distância. Página 33 Hall – Gestuar “H” e depois descrever um quadrado paralelo ao chão com os . Degraus – Igual a “escada” de prédio. com a palma para baixo e os dedos virados para o lado oposto. também virada para o emissor. Garagem – Primeiro gestuar “carro” e depois colocar as duas mãos em “1”com os dedos da apoiante a apontar para o lado oposto e a dominante perpendicular a esta. Escada – Mão dominante em “U”. até à ponta dos dedos. depois gestuar “coisas” e “pôr”. realizar um movimento descendente e para a frente da mão dominante por debaixo da apoiante. Realizar um movimento da mão dominante tocando com as pontas dos dedos no dorso da mão apoiante. Despensa – Mimar o acto de abrir uma porta. passando dentro do espaço em “C” da mão apoiante. por debaixo da mão apoiante em “1” com as palmas para cima. Corredor – Com as duas mãos em “1” e as palmas para o lado oposto.Chaminé – Encostar a mão dominante na configuração “o espremido” com a palma para dentro à palma da mão apoiante em concha.

com as palmas para os lados opostos e os dedos ligeiramente para baixo.Parede – Primeiro gestuar “pedra” e depois raspar. Telhado – Unir as duas mãos em “1” pela ponta dos dedos. e depois apoiar a mão dominante em “garra” na palma da mão apoiante em “1”. Quarto de solteiro – Gestuar “quarto” e depois “solteiro”. Quarto de casal – Gestuar “quarto” (encostar a mão dominante em “1” no espaço entre o nariz e a boca e realizar um movimento curvo da mão para baixo e para dentro terminando com as costas da mão por baixo do queixo) e depois “casado”. Página 34 . também em “1” mas com os dedos para cima. Varanda – Primeiro. Sala de jantar – Gestuar “sala” e depois “comer” ou “refeição”. WC – Gestuar “W” e “C”. a mão dominante em “1” com a palma virada para o lado oposto e os dedos para a frente. pela mão apoiante. “barra” e depois “C”. junto ao corpo. Portão – Igual a “abrir (porta) ”. ou só “xixi”. Sala de estar – Primeiro. Sala – Mãos em “pistola aberta”. R/C – Gestuar “R”. Quintal – Gestuar “flora” (mão dominante em “O” a bater no nariz) e depois desenhar um quadrado paralelo ao chão com os dois dedos indicadores. apontar para cima repetidamente com a mão dominante na configuração “indicar”. Terraço – Com os dois indicadores. terminando com as pontas dos dedos ligeiramente para cima. colocar a mão dominante em “garra” sobra a palma da mão apoiante em “1” e realizar um movimento vertical da mão dominante. formando um telhado em bico. mas afastando mais as mãos. Prédio – Primeiro gestuar “casa” e depois. descrever um quadrado e depois gestuar “janela”. Vivenda – Gestuar casa. Suite – Gestuar “quarto”. Porta – Igual a “abrir (porta) ” movendo apenas a mão dominante. Realizar um movimento curvo dos dedos para cima com ligeira torção do pulso para dentro. de cima para baixo. enchendo a bochecha de ar. gestuar “sofá” e depois gestuar “sala”. sem tirar a mão apoiante. “xixi” e “dentro” (igual a “votar”). Sótão – Gestuar “telhado” e depois. formar um quadrado paralelo ao chão e depois gestuar “em cima” (apontar para o tecto com a bochecha cheia).

com a palma para o lado opostos e os dedos para o receptor. ou se é de solteiro ou de casal. Colchão – Gestuar “cama” e depois “fofo”. com a palma para o emissor e os dedos para baixo. segurando no chuveiro. depois. posicionadas ao lado do tronco. Batedeira – Bidé – Colocar a mão em “1” com a palma para o emissor em frente ao fim da barriga e dobrar a mão para dentro repetidamente. Pode-se especificar o material. Realizar um movimento repetido de torção do pulso. movendo também o tronco ligeiramente para baixo. Chuveiro – Encostar a mão dominante em “C” à mão apoiante em “G”. De segui. junto à palma da apoiante. mimar abrir a porta da arca. em simetria. com as palmas viradas para os lados opostos. Realizar um movimento simultâneo das mãos para baixo. Armário – Mimar abrir a(s) porta(s) do armário. em frente ao meio do tronco. Cadeira – As duas mãos em “G”. com as mãos em “G” e as palmas para os lados opostos. com as 35 palmas para cima. de cima para baixo. Autoclismo – Banheira – Mão apoiante em “1” com a palma para o lado oposto e os dedos para o receptor e a mão dominante em “U”. mimar tomar banho. Página Copo – Bater com as duas mãos em “C”. à altura da boca. Candeeiro – CD-ROM – Gestuar “C” e “D”. ambas com as palmas para a direita e realizar um movimento curvo da mão dominante para a direita. a dominante por cima da apoiante. como se estivéssemos a levar a colher à boca. Depois. como se fosse uma pessoa a se deitar na banheira. Depois gestuar “coisas” e “por”. conforme o caso: só uma porta ou duas. Cama – Primeiro. ficando a mão dominante com a palma para baixo e os dedos para a frente. Cómoda – Gestuar “móvel” e depois mimar puxar as gavetas. de puxar ou de correr. realizar um movimento de torção do pulso da mão dominante. com a mão em “G”. . descrevendo a forma do chuveiro. Colher – Mão em “E” com a palma para baixo e os dedos para o lado oposto. Câmara de filmar – Realizar um movimento lento para os lados da mão em “pistola”. gestuar “dormir” e depois “mesa”.Objectos e mobiliário Arca – Gestuar “frio” e.

com a dominante sobre a apoiante (sem se tocarem). no sentido dos ponteiros do relógio. com a palma para o lado oposto e os dedos para o receptor. Escova – Com a mão em “E”. Faca – Raspar com o indicador direito no esquerdo. partindo do meio com as mãos juntas e afastando uma para cada lado. terminando com a mão em frente à cara. . Garfo – Bater com a mão dominante em “U aberto” na palma da mão apoiante em “1” (palma para o lado oposto). Guardanapos – Realizar pequenos movimentos circulares com a mão em “1” na boca (palma para dentro). De seguida. emitindo o som “fff”. realizar um movimento curvo para o lado e para cima. mantendo a configuração. com as mãos em “1” (palmas para os lados opostos e dedos para cima) simular a posição dos livros colocados uns ao lado dos outros. Página 36 Lavatório – Juntar as mãos em concha (palmas para cima) em frente ao tronco e. depois. em frente ao tronco. com a mão em “G”. Frigorífico – Gestuar “frio” de depois mimar o acto de abrir a porta do frigorífico. “V” e novamente “D”. realizar um movimento para a frente. Realizar movimentos circulares horizontais. afastando as mãos e descrevendo a forma do lavatório. Esfregona – As duas mãos em “G” (palmas para os lados opostos). Espelho – Primeiro. como se estivéssemos a lavar o chão com uma esfregona. depois. Escova de dentes – Com a mão em “bico de pássaro” (palma para baixo e dedos para o lado oposto) realizar um movimento repetido em frente aos dentes. com os dedos para cima e a palma para o receptor. com as duas mãos na configuração “indicar”. ao lado da cabeça (palma para o lado oposto) realizar movimentos circulares verticais. emitindo o som “fsss”. mimar lavar as mãos.Cortinados – Despertador – Oscilar para um lado e para o outro a mão em “garra”. da esquerda para a direita. com a palma para o emissor. como se os estivéssemos a lavar. Fio dental – Fogão – Forno – Frigideira – Oscilar a mão em “E”. DVD – Gestuar “D”. Estante – Gestuar “livro” e depois. da direita para a esquerda. gestuar “vidro” e.

Afastar as mãos para os respectivos lados. Máquina fotográfica – As duas mãos com os indicadores e os polegares a formar um “C”. Página 37 Roupeiro – Primeiro. conforme o tipo. como se estivéssemos a por pasta na escova de dentes. com as palmas para o receptor. Papel de cozinha – Gestuar “papel” e depois “cozinha”. gestuar “roupa”. e rodar o pulso da mão dominante. com as palmas para os lados opostos e os dedos para a frente. Mesa – Encostar as mãos em “1” em frente ao meio do tronco. expelindo ar pela boca. por fim. em frente à cara. . Pasta de dentes – Mão apoiante na configuração “indicar”. realizar círculos perpendiculares ao chão com o indicador da mão dominante na configuração “indicar”. mimar o acto de abrir a porta. com as bochechas cheias. De seguida. Picadora – Prato – Encostar o polegar da mão dominante em “L” (palma para o receptor e indicador para o tecto) à palma da mão apoiante em “1” (palma para o lado oposto). como se estivéssemos a agarrar numa panela. Máquina de café – Máquina de fazer sumo – Máquina de lavar loiça – Máquina de lavar roupa – Primeiro gestuar “roupa” e depois. com os dedos para a frente e as palmas viradas para o chão.Lareira – Primeiro gestuar “fogo” e depois colocar as mãos abertas viradas para frente na diagonal. depois “TV” e. Passar por cima do indicador apoiante com a mão dominante em “E aberto” da esquerda para a direita e ir fechando. como se as estivéssemos a aquecer ao fogo. Panela – As duas mãos em “E”. como se fossem os cabides no varão. com a palma para dentro e o indicador para o lado oposto. terminando com o indicador para o chão e a palma para o emissor. Mesa-de-cabeceira – Microondas – Móvel/mesa de TV – Primeiro gestuar “móvel” ou “mesa”. como se fosse a TV em cima do móvel. Papel higiénico – Gestuar “papel” e depois encostar a palma da mão aberta à barriga e descrever círculos sobre o ventre. com o dedo da mão dominante em “gancho” encostar ao longo do indicador da mão apoiante na configuração “indicar”. Realizar um movimento repetido de encaracolamento dos indicadores. encostar a mão dominante em concha (palma para cima) às costas da mão apoiante em “1” (dedos para o lado oposto). depois.

com a palma virada para o lado oposto e realizar um movimento ligeiro repetido do polegar sobre o indicador. gestuar “telefone”. com a palma para o emissor e realizar um movimento de torção do pulso para a frente e para trás. Encostar o polegar da mão dominante em “B” por cima do cotovelo da apoiante e realizar um movimento curvo repetido afastando-se do braço e voltando depois do cotovelo. Toalha – Mimar estender uma toalha com os dedos em pinça. Abóbora – Mão apoiante em “G”. Depois. Telemóvel – Primeiro mimar que se escrevem SMS com o polegar. Tupperware – Varinha mágica – Vassoura – Igual a “varrer”. Talheres – Tapete – Telefone – Encostar a mão em “2” com a palma para o emissor ao lado da cara. e depois. Página Água com gás – Gestuar “água” e depois “gás” (igual à primeira parte de gasolina). com as palmas viradas para os lados opostos e abrir e fechar a configuração.Sabonete – Encostar as costas dos dedos da mão em “G” ao nariz (palma para dentro) e realizar um movimento repetido de torção para um lado e para o outro. gestuar “sala”. Comida – Igual a “comer”. colocar as mãos em “o espremido aberto”. ou ambos. com antebraço flectido perpendicular ao chão. colocadas lateralmente ao corpo. como se fosse um telefone. Açúcar – Encostar a mão em “bico de pássaro fechado” ao queixo. Banho Torradeira – Igual à segunda parte de torradas. mimar fechar a tampa da tostadeira. Tostadeira – Com as mãos em “G” (a dominante coma palma para baixo e a apoiante para cima). Sanita – Secador de cabelo – Aproximar a mão em “T” do lado da cabeça. Sofá – Primeiro. conforme o caso. Secretária – Gestuar “mesa” e depois “computador” ou “escrever”. expelindo ar pela boca. 38 como em “dinheiro”. .

Bebidas – Gestuar “beber” e depois “coisas”. Banana – Parecido a “abóbora”. descrever um círculo paralelo ao chão. mas na têmpora. da esquerda para a direita. Página 39 Brócolos – Gestuar “couves” e depois “verde”. Alface – Mão apoiante em “1” com a palma para o lado oposto. Bolo – Deslizar o dedo indicador na configuração “indicar” por baixo do lábio. Amendoim – Gestuar “amêndoa” e depois “macaco”. Encostar a mão dominante em “U aberto” (palma para baixo) à palma da apoiante e realizar um movimento simultâneo da mão afastando-se lateralmente em espiral. com a língua na bochecha também. terminando com a palma da mão virada para baixo. mas sem se tocarem. . bater com o polegar da mão dominante no da apoiante. Azeitona – Bacalhau – Parecido a “sexta-feira” mas afastando as mãos para os lados. sibilando ao mesmo tempo. Alho – Apoiar a mão dominante em “G” na palma da apoiante em “1” e realizar um movimento para trás e para a frente. realizar um ligeiro movimento para a frente e para baixo. com a palma para baixo. Ananás – As duas mãos em “garra” sobrepostas. Afastar as mãos. Bife – Encostar o indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao pescoço. Café – Encostar o polegar da mão dominante em “T” ao queixo. abrindo e fechando os dedos. com a mão em “U aberto” e a palma para o lado oposto. Ameixa – Colocar a mão na configuração “o espremido” na bochecha e realizar pequenos movimentos circulares. sibilando com a língua. Azeite – Deslizar a mão em “1” pela cara. Batata – Os dois dedos em “B”.Álcool – Bater com o dedo indicador no nariz. com a mão em “B” com o polegar para o chão. Arroz – Igual a “açúcar”. Bolo-rei – Gestuar “bolo” e depois “rei”. desde a bochecha contrária até ao fim do queixo do lado da mão. Amêndoa – Bater com o dedo indicador da mão dominante em “gancho” na bochecha. do mesmo lado e rodar o pulso. a dominante com a palma para baixo e a dominante para cima. com rotação do pulso. mas com a mão dominante em “E” e partindo do pulso da apoiante para o cotovelo. Bolachas – Igual a “açúcar”. De seguida. como se se estivessem a esmagar alhos num almofariz. mas com dois dedos. Alho francês – Gestuar “alho” e depois “França”. com a palma virada para o emissor. Depois.

apoiada no inicio dos dedos da apoiante. Página 40 cima. Carne – Bater repetidamente com o indicador no pescoço (mão na configuração “indicar”). Realizar um movimento da mão rodando no canto da boca. Raspar com o polegar da mão dominante em “B” pela palma da apoiante. a apoiante com a palma para baixo e a dominante para o emissor. Cogumelos – Mão apoiante na configuração “indicar”. Realizar um ligeiro movimento repetido para cima e para baixo. Chá – Encostar os dedos da mão dominante em “pinça” à palma virada para cima da mão apoiante em “1”. Realizar um movimento repetido e simultâneo da mão dominante. em cima da mão apoiante que está em “G”. e indo voltando a palma para a frente. em frente ao meio do tronco. Cerejas – Mão em “U aberto”. Chantilly – Chocolate – As duas mãos em “U”. simular que se pega na taça com a mão apoiante que se despejam os cereais da caixa com a dominante. Coca-Cola – Gestuar “C” duas vezes. Chouriço – Mão apoiante em “1”. como se estivéssemos a tirar a espuma de cerveja. encaixando a orelha entre os dedos indicador e médio.Canela – Primeiro gestuar “castanho” e depois mimar o acto de polvilhar com um frasco (mão em “C”). Cerveja sem álcool – Gestuar “cerveja” e. Cerveja – As duas mãos em “U”. Coco – Soletrar a palavra. com a palma virada para o mesmo lado. com o indicador a apontar para indicador. Como se estivéssemos a picar cebola. com a palma virada para o lado oposto e os dedos para a frente. com a palma para o emissor. “álcool” e “não há”. como se estivéssemos a pegar numa chávena de chá. voltando depois à posição inicial. para cima e para baixo. Compota – Primeiro gestuar “doce” e depois mimar o acto de abrir um frasco. Cebola – Mão dominante em “1”com a palma para o emissor. Deslizar os dedos da mão dominante pelos da apoiante. depois. batendo na outra verticalmente. tocando no lado da boca. Colocar a mão dominante em “garra” por cima (palma para baixo) e deslizar pelo . Levar a mão dominante à boca. Raspar os dedos da mão dominante nos da apoiante. Cenoura – Mão em “G” com a palma ligeiramente para o lado oposto. Cereais – Com as duas mãos em “concha”. com as palmas par abaixo.

na configuração indicar. como se fosse a lâmina da máquina a cortar fiambre. Ervilhas – Mão apoiante na configuração “indicar”. encostada por baixo do queixo. Espumante – Juntar as duas mãos em “G”. Abrir a mão para a “T” e voltar a encostar ao queixo. Couve-flor – Primeiro gestuar “couve” e depois “flor”. Doce – Igual a “bolo”. por fim. Espinafre – Gestuar “verde” e depois fazer músculo com o braço dominante para o lado direito. no inicio do indicador. Feijão verde – Gestuar “feijão” e depois “verde”. gestuar “salsicha”. com a dominante por cima da apoiante. Croissant – Croquete – Gestuar “carne”. ao mesmo tempo que se passa para a configuração “B”. Favas – Feijão – Encostar a mão em “gancho fechado” ao queixo. Feijão-frade – Gestuar “feijão” e depois “Bragança”. Levantar a mão dominante. esfarelando os dedos na configuração “o espremido”. Realizar um movimento repetido de baixo para cima. Deslizar repetidamente o polegar da mão dominante de encontro ao indicador. com a palma para o emissor. Fazer uma espécie de beicinho. Couve-roxa – Primeiro gestuar “couve” e depois “roxo”. depois “enrolar” (girar um indicador à volta do outro. Gelatina – Gestuar “pudim” e depois “vidro”. encostar o indicador da dominante na ponta do indicador da apoiante e o polegar. indicadores para os lados opostos) e. Fiambre – Encostar a mão apoiante em “concha” (palma para baixo) à mão dominante em “1” (palma para o lado oposto) e realizar um movimento repetido da mão dominante em círculo.Couve – Realizar pequenos movimentos circulares com a mão dominante em “G” sobre a palma da apoiante em “1”. Gasosa – Gelado – Com a mão em “E” (palma para o lado oposto) simular lamber um gelado. como se se estivesse a chupar o esparguete. com a palma virada para o emissor. mas com a palma para o emissor. Página 41 Fruto seco – . Frango – Gestuar “cenoura” e depois a última parte de “galo” Fruta – Mão em “G”. num movimento circular paralelo ao chão. junto ao queixo. Esparguete – Encostar o indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao canto da boca e afastar para o lado em espiral. Farinha – Gestuar “branco” e depois mimar o acto de espalhar farinha.

repetidamente. Manteiga – As duas mãos em “1”. Laranja – Mão dominante em “garra” (palma para dentro) encostada pelo pulso aos nós dos dedos da mão apoiante em “G”. mas com a mão em “concha”. Maçã – Similar a “fruta”. Meloa – Gestuar “melão” e depois “pequeno”.Grão – Parecido a “ervilha”. de trás para a frente. Legumes – Gestuar “couves” e depois “coisas”. mimar o acto de passar com um fatia de melão de um lado ao outro pela boca. Página 42 Morango – Gestuar “vermelho” e depois. Imperial – Mimar o acto de tirar uma imperial. Movimento alternado da mão dominante raspando com a palma na palma da mão apoiante. Melancia – Gestuar “melão” e depois “vermelho” Melão – Com as duas mãos na configuração “o espremido”. com a mão dominante em “G” (antebraço levantado) Iogurte – Com a mão dominante em “Y” ou “I” deslizar por cima da mão apoiante em “G”. mão apoiante em “G”. Limão – Entrelaçar os dedos com as palmas para dentro e fechar. e fechar a partir do mindinho. Iced-tea – Gestuar “chá” e depois “frio”. Manga – Levar as mãos na configuração “o espremido” e afastar. Mousse de chocolate – Gestuar “chocolate” e depois “puré”. mas raspando com o dorso da mão na palma apoiante. com a palma para o receptor e realizar um movimento descendente. Leite – Encostar o polegar da mão dominante em “1” (palma para a frente) à têmpora do mesmo lado. Massa – Encostar a mão em “G” ao queixo. viradas para dentro. Iogurte líquido – Gestuar “iogurte” e depois mimar que se leva a garrafinha à boca. do pulso para o nó dos dedos. mas em vez de juntar é como se se estivessem a atirar bolinhas de papel. picar com a mão dominante em “garra” na . Mel – Gestuar “doce” e depois “abelha”. e depois voltando à posição inicial. Marmelada – Gestuar “saúde” e depois “manteiga”. como se se estivesse a chupar o caroço da manga. tipo barba de um faraó. Milho – Fechar a mão dominante em “G” sobre o dedo indicador da mão apoiante na configuração “indicar” (indicador para o lado oposto) e realizar um movimento de torção para a frente.

descrever a forma do pepino e depois gestuar “verde”. Pipocas – Piripiri – Gestuar “picante” (afastar a mão aberta da boca com os dedos a oscilar e a boca aberta-. mas com a mão em “concha” e a bochecha cheia de ar. Realizar um movimento curto mas decisivo para baixo. Pêra – Mão dominante em “U”. Depois. mimar abrir um ovo. Pimenta – Encostar os dedos da mão dominante aberta ao queixo (palma para o emissor) e oscilar os dedos. Pêssego careca – Gestuar “pêssego” e depois “careca”. com a mão em “B” com o polegar para o chão. Pastel de bacalhau – Mimar o acto de fazer pastéis de bacalhau com as mãos em concha. mantendo o pulso apoiado. fazendo raspar a ponta dos dedos na orelha. Pão – Passar com a mão dominante por cima da apoiante. Ovo – Com as mãos na configuração “o espremido”. como se fossem as colheres e depois gestuar “bacalhau”. com ambas as mãos em “1” e as palmas para cima. emitindo o som “tfff” Pimento – Mãos em “garra” unidas pelos dedos em frente ao pescoço. Pastel de nata – Pepino – Com as mãos em “concha” e as palmas para baixo. abrindo a configuração e voltando-a a fechar. roçando. afastando as mãos para cada lado.Nabo – Encostar a mão em “O” ao queixo. com as palmas para baixo. descrever um círculo paralelo ao chão. com a palma virada para o lado oposto. com a palma para o tecto e afastar. num movimento rápido. ao mesmo nível e algo afastadas. desde a bochecha contrária até ao fim do queixo do lado da mão. Pizza – As duas mãos a formar um “C” com o polegar e o indicador. Óleo – Deslizar a mão em “1” pela cara. apoiante em “1” e tremer a mão dominante. Página 43 Pudim – Colocar a mão dominante em “garra” (palma para baixo) sobre a palma da mão . Presunto – Bater duas vezes com a mão em “1” (palma para o lado oposto) no fim da cintura. emitindo o som “o” em surdina. Afastar. abrindo e fechando os dedos e acrescentar “verde”. com a palma para baixo. Pêssego – Parecido a ameixa. dedo ao lado da orelha. “vermelho” ou “amarelo”. Natas – Encostar o polegar da mão dominante em “Y” ao nariz. conforme o caso. Realizar um movimento de torção do pulso.

Sal – Encostar os dedos da mão dominante em “garra” ao queixo (palma para o emissor). com as palmas para dentro e os dedos a apontar para o chão na diagonal. Realizar um movimento para baixo e para o lado. e emitindo o som “pth” Queijo – Gestuar “leite” e depois com as mãos em concha descrever o formato do queijo. afastar as mãos. Movimento simultâneo de ambas as mãos. descrevendo a forma dos rissóis. Afastar as mãos ligeiramente. Rissol – Unir os dedos indicadores e polegares das duas mãos em “bico de pássaro aberto” com as palmas viradas para fora.Bater com a mão dominante esticada com os dedos juntos na palma da mão apoiante em “J”. Sumo – As duas mãos abertas. em frente ao tórax. descrevendo a forma cilíndrica da salsicha. e depois afastando-as e voltando a unir formando um círculo. De seguida.Puré – Mãos juntas em “o espremido” com as palmas viradas para o emissor. Salada de frutas – Gestuar “salada” e depois “fruta”. começando pelo mindinho. Sangria – Raspar com a mão dominante em “garra” (palma para baixo) pelo antebraço apoiante. Sopa – As duas mãos sobrepostas na configuração “concha”. perpendiculares ao chão. com a dominante por cima. com dominante por cima da apoiante e as palmas viradas para os lados opostos. Depois. Queijo fresco – Gestuar “leite” e depois colocar a mão dominante em “garra” (palma para baixo) na palma da mão apoiante e tremer. à medida que se fecham as configurações. Página 44 “G”. desde o pulso até ao cotovelo. realizar um movimento de torção do pulso para baixo. como se os dedos fossem os talheres a mexer a salada. Salada – As duas mãos em “U”. . ao mesmo tempo que se passam os polegares pelos restantes dedos. e terminando com as palmas viradas para o emissor. Realizar um movimento repetido da mão dominante em direcção à boca. Sandes . Realizar movimentos circulares. fechando e terminando em Tomate – Primeiro gestuar “vermelho” e depois o mesmo que a segunda parte de “queijo”. começando com as palmas viradas para fora e as mãos próximas do corpo. ficando com a palma para baixo. Salsa – Salsicha – Encostar as duas mãos com o polegar e o indicador a formar um “O” e os outros dedos esticados e afastados e as palmas para o receptor. uma para cada lado.

Ceia – Encostar a mão em “1” por baixo do queixo. como se fossem os talheres com comida. Animais da quinta – Gestuar “animal” e depois “quinta”. mas com a mão fechada. Vinho – Como “roxo”. com a palma para baixo.Torradas – Gestuar “pão” e depois com as mãos em “concha” (palmas e dedos para baixo) a simular que são fatias de pão mimar colocá-las na torradeira. Lanche – Gestuar “comer” e depois “pão”. Realizar um movimento para a frente. Almoço – Gestuar “tarde” e depois “comer”. Afastar abrindo a mão e oscilando os dedos. Pequeno-almoço – Mão dominante com o polegar e o indicador a formarem um “O” e os outros dedos esticados e afastados. Jantar – Gestuar “noite” e depois ou “comer” ou “refeição”. Animais – Encostar o polegar da mão dominante em “1” com a palma virada para o receptor à têmpora e realizar um movimento repetido de encerramento da mão para a configuração “B”. Abelha – Com o polegar e o indicador a forma um “O”. Refeições – Parecido a “salada”. Animais do mar – Gestuar “animal” e depois “mar”. ao mesmo tempo que se passa para a configuração “gancho” e se emite o som “fff”). Repetir duas vezes. Aranha – Encostar a mão dominante em “O” ao pescoço do mesmo lado. Página 45 . Sobremesa – Gestuar “doce” e depois “a seguir”. Animais da floresta – Gestuar “animal” e depois “floresta”. picar na bochecha. torcendo o pulso para a frente e para trás. Animais domésticos – Gestuar “animal” e depois “doméstico” (com as duas mãos em concha com as palmas para baixo. com um movimento seco e ligeiro para baixo. mas levando uma mão à boca de cada vez. Uva – Parecido a “Setembro”. pelos dedos. Animais selvagens – Gestuar “animal” e depois “selvagem” (encostar o indicador da mão dominante em “indicar” à ponta do nariz. dar festinhas com a mão dominante na apoiante). Encostá-la ao queixo pelos dedos. com a palma para o emissor e depois abrir a configuração e encostar a mão aberta ao peito. mas com o movimento a partir da outra mão.

com as palmas para os lados opostos e os dedos para a frente. mais ou menos circulares. em frente ao meio do tronco. à altura e ao lado da cabeça. pelo lado do indicador e realizar um movimento para o lado. Camarão – Com ambas as mãos ou só com a dominante na configuração “indicar” e as palmas para baixo. Camelo – Antebraço perpendicular ao chão. Realizar um movimento repetido para a frente. Baleia – Mão em “O” com a palma para o emissor. Boi – Encostar o polegar da mão dominante em “Y” à têmpora e realizar um movimento de torção do pulso para a frente. mas com as duas mãos. Realizar dois movimentos curvos para a frente. Bode – Gestuar “cabra” e depois “barbicha” (agarrar o queixo e deixar cair a mão fechada).Ave – Gestuar “bico” (mão em “bico de pássaro” a abrir e a fechar com as costas encostadas à boca) e depois “asas” (mimar bater asas). ao longo da testa. encaracolando os dedos. realizar um movimento para a frente. com os polegares cruzados. em “I”. e com a palma para o lado oposto. mão dominante à altura da cabeça. Página 46 caranguejos. Realizar um movimento simultâneo das mãos para trás e para a frente. Burro – Igual a “animal”. com a palma virada para o emissor. como se fosse o canguru a saltar. . Realizar um movimento repetido para trás. Borboleta – Mãos em “1” com as palmas para o emissor. como se fossem as pinças dos Carneiro – Encostar os dedos da mão dominante em “gancho duplo” à têmpora e realizar um movimento da mão em espiral afastando-se ligeiramente da face. Avestruz – Encostar o cotovelo do braço dominante (antebraço perpendicular ao chão) à mão apoiante em “1” (palma para o chão). Cão – Movimento repetido da mão aberta com os dedos juntos no queixo. abrindo a configuração. Com a mão dominante na configuração “o espremido”. Ou só com uma mão. mas sem o polegar para fora e dobrando a mão toda. realizar movimentos repetidos do antebraço dominante para a frente e para trás. Caracol – Encostar a mão dominante na configuração “chifres” à testa. Abrir e fechar a configuração. Canguru – As duas mãos em “o espremido” com os dedos a apontar para o chão. Cabra – Bater com a mão dominante em “gancho duplo” na testa. encaracolando e esticando o dedo indicador. mas com o dedo indicador encaracolado. Caranguejo – Mãos em “bico de pássaro aberto”.

Choco – Com as palmas para baixo. mas descrevendo apenas uma bossa. Abrir e fechar as mãos Dromedário – Igual a “camelo”. com a palma virada para o receptor. e terminando em cima. a dominante com a palma para baixo e a apoiante para cima. Ganso – Gestuar “bico” mas com a mão na configuração “o espremido”. raspar a mão dominante na apoiante com as pontas dos dedos. à medida que se enchem e esvaziam as bochechas. realizar um movimento descendente e curvo para a frente. Elefante – Com a mão em ”C” encostada ao nariz. emitindo o som “fsss”. mas sem mover (pescoço alto). Cavalo-marinho – Gestuar “cavalo” e depois “mar”. Galinha – Primeiro gestuar “bico” e depois “crista” na testa. . descrevendo a forma da cauda e abrindo e fechando a mão). com os dedos virados para a frente. Esquilo – Gestuar “roer” (as duas mãos na configuração “o espremido” com os dedos encostados à boca) e depois “cauda” (encostar a mão na configuração “o espremido” à cintura de lado e afastar para cima. como se fosse o escorpião a ferrar a cauda. Afastar num movimento ondulante. Realizar um movimento repetido da mão para cima e para baixo. Picar duas vezes na palma da mão apoiante em “1”. pelo polegar e fechar e abrir o indicador. Realizar um movimento repetido e alternado dos dedos para a frente e para trás.Cavalo – Movimento repetido do indicador da mão dominante na configuração “indicar” a raspar a sobrancelha. Coelho – Mão em “U”. encostar os dedos das duas mãos em “O”. Gato – Com as duas mãos em “garra” (palmas para o emissor). Afastar a mão dominante. Cobra – Encostar a mão em “U aberto” à boca. abrindo e fechando a configuração. tocando no nariz. Página 47 Galo – Primeiro gestuar “bico” e depois “crista” em cima da cabeça. descrevendo a tromba do elefante. Corvo – Gestuar “bico” e depois “preto”. Escorpião – Com a mão dominante em “gancho” (palma para frente) realizar um movimento curvo para a frente e para baixo. encostada na testa pelas costas. Gafanhoto – Mão como em “abelha”. Cisne – Gestuar “pato” e depois colocar os braços e mãos como em avestruz. Foca – Mão dominante em “O” encostada ao nariz pelos dedos e cabeça inclinada para trás. Formiga – Encostar a mão dominante em “T” (palma para o lado oposto) ao nariz. Crocodilo – Encostar os pulsos das duas mãos em “garra”.

como se fossem as presas do javali. colocar a mão apoiante em “concha” por cima das costas da mão dominante e realizar um movimento oscilante dos dedos da mão dominante. realizar um movimento repetido para a frente. Leitão – Gestuar “porco” e depois “pequeno”. nariz. realizar um movimento ao longo do pescoço (de cima para baixo) com a mão dominante em “C” e a palma para dentro. Lula – Com as duas palmas para baixo. mas com as mãos em “chifres”. Mocho – Gestuar “bico” .Girafa – Primeiro. colocadas lateralmente com as palmas para cima. Depois. Macaco – Encher o lábio inferior com a língua e. e a palma para baixo. realizar um movimento simultâneo das mãos para cima e para baixo. ao mesmo tempo que se encaracola o dedo indicador. com a palma para cima. subindo e descendo a mão. Golfinho – Com a mão em “o espremido”. Javali – Encostar a mão dominante em “gancho duplo” ao queixo. rodando depois a mão para a frente. Leão – Encostar os dedos da mão dominante aberta. no . Depois. Minhoca – Apoiar a mão dominante na configuração “indicar” (palma para baixo) na mão apoiante em “1” (palma para cima) e realizar um movimento para a frente da mão dominante. com o indicador encaracolado e depois encostar as duas mãos em “C” aos olhos. como se fosse o golfinho a mergulhar. bater no peito. Lebre – Gestuar “coelho” e depois “rápido”. com a palma para o emissor à têmpora do mesmo lado e realizar um movimento curvo para trás da cabeça. com a palma para dentro e os dedos a apontar para o lado oposto. Hipopótamo – Igual a “crocodilo”. como um gorila Hamster – Gestuar “rato” e “casa”. com a palma para o receptor têmpora e realizar um movimento simultâneo de afastamento da mão e encerramento da configuração. com as mãos na configuração “o espremido”. Lobo – Encostar os dedos da mão dominante em “bico de pássaro aberto”. como se fossem os tentáculos da lula. palma para baixo e dedos para o lado oposto. Gorila – Gestuar “vermelho” mas com a língua a encher o lábio inferior e depois encostar a mão em “U” ao queixo. gestuar “camelo” (1º forma). Página 48 Morcego – Raspar duas vezes com a mão dominante em “R”.

Ovelha – Encostar os dedos da mão dominante em “U” à têmpora e realizar um movimento dos dedos em espiral para a frente e para cima. realizar um movimento alternado para a frente e para trás. perpendicular ao chão e com a mão em “1”. gestuar “preto” antes de “pantera”. Realizar um movimento da mão dominante aberta para o lado oposto. com as palmas para baixo e os dedos para a frente. indo fechando a mão.Mosca – Mão apoiante em “1”. Realizar um movimento de torção do pulso para um lado e para o outro. Pantera – As duas mãos em “garra”. descrever a cauda do pavão. com as mãos em “1” (palmas para baixo) colocadas lado a lado em frente ao tronco. Realizar um movimento alternado: mão dominante para trás e apoiante para a frente. com a apalma virada para cima. Peru – Encostar a mão dominante na configuração “indicar” ao nariz. por cima da mão apoiante. atrás do pescoço. Pica-pau – Gestuar “pássaro” e depois picar com a mão dominante na no antebraço apoiante. Papagaio – Encostar as costas da mão dominante em “Z” à boca e realizar um movimento de torção do pulso para baixo e para cima. e os antebraços paralelos ao chão. Página 49 Pombo – Igual a “pássaro”. Porco – Mão em “C” com a palma para o receptor. como se fosse um pinguim a andar. em frente ao nariz. Polvo – Encostar o polegar da mão dominante à palma da mão apoiante (virada par o lado oposto) em “1” e fechar a mão a partir do dedo mindinho. com a dominante por cima da apoiante. como que a apanhar uma mosca. mantendo o nariz dentro da configuração. simulando as patas com garras da pantera. terminando com a palma para o emissor. Para pantera negra. simultaneamente com torção do pulso. Pássaro – Encostar as costas da mão dominante em “Bico de pássaro aberto” à boca e fechar e abrir a configuração. Pinguim – Primeiro gestuar “pássaro” e depois. com o palma para baixo e realizar um movimento da mão para a frente e para baixo. Pato – O mesmo que “pássaro”. . Mosquito – Gestuar “picar” (bater com a mão dominante em pinça na apoiante) e depois “asas”. mas com dois dedos. Pavão – Gestuar “bico” e depois com as mãos abertas (palmas para o receptor). com as palmas para baixo. Peixe – As duas mãos em “1”. Realizar movimentos circulares com os polegares. com a mão dominante mais à frente.

Aeroporto – Primeiro gestuar “edifício” e depois aterrar o “avião” na palma da mão apoiante. com a palma virada para o lado oposto e realizar um ligeiro movimento de torção para cima. Rã – Encostar a mão dominante em “R” ao pulso da mão apoiante e saltitar pelo braço acima. Tubarão – Mão dominante em “T” com a palma virada para o lado oposto. Vaca – Igual a “boi”. ao lado da cabeça. e a palma para baixo.Porquinho-da-índia – Gestuar “porco” e depois “Índia”. Veado – Encostas os indicadores das duas mãos às têmporas. Ambulância – Mão dominante na configuração “o espremido”. Passar com a mão . desenhar duas riscas diagonais no peito. esticando os dedos à frente. terminando com a mão aberta e a palma virada para o emissor. Zebra – Primeiro gestuar “cavalo” e depois “riscas”. depois. Realizar m movimento simultâneo dos antebraços para um lado e para o outro. Tigre – Primeiro gestuar “pantera” e. Página dominante em “garra” por cima da apoiante. com a palma virada par o receptor. Realizar um movimento para a frente. indo encaracolando os dedos. Raposa – Gestuar “focinho” (Envolver o nariz com a mão e afastar na configuração “o espremido” com os dedos para o emissor) e depois “cauda”. Urso – Gestuar “focinho” e depois virar as duas mãos para a frente na configuração “o espremido”. mas com a mão na configuração “chifres”. com as palmas viradas para a frente. Traça – Gestuar “borboleta” e depois “preta”. 50 Andar a pé – Mão apoiante em “1”. como se fosse a cabeça da tartaruga a espreitar para fora da carapaça. Rato – Raspar duas vezes com a mão dominante em “R”. com o dedo indicador e o polegar. Alfa pendular – Gestuar “focinho”. Tartaruga – Mão dominante em “G” a passar por baixo da mão apoiante em “concha”. com a palma virada para cima. duas vezes. no queixo. Realizar um movimento repetido e simultâneo de torção do pulso para cima e abertura da mão. realizar um movimento para a frente e para cima. Transportes – As duas mãos na configuração indicar. ao mesmo tempo que se roda o pulso para um lado e para o outro. Rinoceronte – Encostar a mão dominante em “chifres” ao lado do nariz. com as palmas para baixo.

“grande” e “viagem”. Realizar um movimento simultâneo para a frente. Bilhete – Polegares e indicadores das duas mãos a formar um “C”. Camioneta – Gestuar “camião” (mas sem o segundo som) e depois “pequeno”. ao Cruzeiro – Gestuar “barco”. Eléctrico – Mão dominante na configuração “indicar” com a palma virada para o receptor. realizar um movimento directo para o lado oposto. realizar um movimento repetido e alternado das mãos descrevendo círculos para a frente. com as palmas viradas para os lados opostos. Realizar um movimento directo para a frente. Carroça – Primeiro gestuar “cavalo” e depois mimar o acto de puxar as rédeas da carroça. Auto-estrada – Mãos em “U” ao lado da cabeça. emitindo o som “fff”. sobre o dorso da outra mão aberta. Balão – Mão dominante em “garra” com a palma para baixo. com o som “pbh” e depois realizar um gesto similar a “autocarro”. ao mesmo tempo que se sopra. debaixo do queixo e realizar um movimento ritmado da mão raspando para a frente no queixo. Camião – Primeiro mimar o acto de conduzir num volante grande. Página 51 mesmo tempo que se liberta ar da bochecha. por cima do dedo indicador da apoiante na configuração “indicar”. como se fossem os pedais da bicicleta. mas com as mãos em “1”. com as palmas viradas para os lados opostos e a mão dominante mais próxima do ombro. Realizar um movimento repetido da mão dominante em direcção ao ombro. como se fosse o avião a voar. Avião – Com a mão em “Y” e palma para baixo. mas sem tocar. Avenida – Igual a auto-estrada. para um lado e para o outro. Avioneta – Gestuar “avião” e depois “pequeno”. Barco – Mão dominante em “1” com a palma para o lado oposto. emitindo o som “pbh”.Autocarro – As duas mãos em “C” sobrepostas. Encostar os dedos respectivos e depois afastar. voltando os dedos para o receptor. Realizar um movimento simultâneo de ambas as mãos ondulando para a frente. Realizar um movimento simultâneo e repetido das mãos. Comboio – Encostar a mão dominante em “J” com a palma para o lado oposto. Barco a remos – Gestuar “barco” e depois mimar remar com dois remos. Caiaque – Mimar remar com um remo. . Carro – Mimar o acto de conduzir. emitindo o som “pbh pbh”. mas puxando ainda mais a mão dominante ao ombro e emitindo o som “pein”. Bicicleta – Com as duas mãos em “G” e as palmas para baixo.

realizando . com o indicador e o polegar a formarem um “C”. Jipe – Gestuar “carro” e depois “todo o terreno”. Metro – Mão apoiante em “1”. e próximas ao lado do tronco. Depois. terminando com a palma ligeiramente para a frente. ao mesmo tempo que se emite o som “pbh”. Realizar um movimento simultâneo das mãos deslocando-se mais à frente do emissor. Navio – Duas formas: gestuar “barco” e “grande”. sem tocar. e enfiar os dedos indicador e médio. com as palmas viradas para o receptor. realizar um movimento descendente e curvo em direcção à mão apoiante fechada. como se fosse a lancha a saltar nas ondas. emitindo o som “fff”. Lancha – Primeiro gestuar “barco” e depois bater repetidamente com a palma da mão dominante em “1” no dorso da mão apoiante também em “1”. com a palma para baixo e os dedos para o lado oposto. encostar a mão dominante em “R” ao nariz. Paragem – Mão apoiante na configuração “indicar” com o dedo para cima e a palma para o receptor. Matrícula – As duas mãos encostadas em frente ao peito. Moto4 – Gestuar “moto” e depois “quatro” (de quantidade). Tocar com o pulso da mão apoiante em “1” (palma para o emissor) no indicador da outra mão. realizar um movimento curvo para a frente. emitindo o som “pbh”. com a palma para o lado oposto. do lado esquerdo. Realizar um movimento de torção do pulso da mão dominante para cima e para baixo. Realizar um movimento para a frente da mão dominante em “gancho duplo” (com a palma para o lado oposto) por baixo da apoiante.Gasolina – Primeiro. Pneu – Primeiro gestuar “borracha” e depois encostar as mãos com o indicador e o um círculo para a frente. Mota – As duas mãos em “G” com as palmas para baixo e os antebraços paralelos ao chão. ou com as mãos como em “telhado” mas com os dedos para a frente. com as palmas viradas para os lados opostos. Passeio – Mãos em “1”. com o indicador para cima e a palma para o receptor. Realizar um movimento de torção do pulso. como se fossem as hélices a rodas. descrevendo a forma da matrícula. Página 52 polegar a formar um “C” e descrever a forma de um pneu com a mão dominante. Passe – Encostar a palma da mão dominante em “1” ao peito e realizar um movimento curvo de afastamento para a frente. na configuração “pistola”. Helicóptero – Mão dominante na configuração “indicar”. Afastar para os lados.

como se fosse a água a jorrar da fonte. Natureza Água – Apontar o polegar da mão em “B” à boca. antebraço perpendicular ao chão com o cotovelo apoiado nas costas da mão apoiante. fechar os dedos a partir dos mindinhos. Flor – Encostar a mão na configuração “o espremido” ao nariz. depois. Página receptor e indicadores para cima) realizar um movimento alternado para cima e para o lado. acima da cabeça. fazendo deslizar o antebraço para a direita. Floresta – Repetir “árvore”. Segunda: mão apoiante em “G” com a palma para baixo e o antebraço junto à barriga. 53 Fonte – Gestuar “água” e. Semáforo – Mão dominante em “O”. com as mãos abertas e as palmas para os lados opostos. como se fosse a água a cair. mas em frente ao tronco. Tractor – Primeiro gestuar “carro” e depois. com a palma para o emissor. abrindo a configuração três vezes. Primeira: igual a passeio. Realizar um movimento descendente da mão para o ombro. Flora – Encostar a mão em “O” ao nariz. Realizar um movimento de torção para cima do pulso da mão dominante na configuração “pistola aberta”. Realizar um movimento de rotação da mão para a frente e para trás. fazer a mão dominante em “concha” passar por cima. mas com a mão em “gancho duplo” e a palma para o lado oposto. ao mesmo tempo que se aproxima ligeiramente do corpo. Táxi – Encostar o indicador da mão apoiante na configuração “indicar” ao pulso da mão dominante. Campo – Gestuar “flora” e depois “área” (descrever um círculo grande com a mão aberta e a palma para baixo). Todo o terreno – Com a mão em “1”. Cascata – Gestuar “água” e depois com a mão apoiante esticada com os dedos fechados e a palma virada para dentro. Árvore – Mão dominante em “1”.Rua – Duas formas. palma para baixo e dedos para a frente. passar com a mão dominante em “1” junto ao antebraço da outra mão. com a bochecha direita cheia de ar. com as mãos na posição “indicar” (palmas para o . com a palma para o emissor e realizar um movimento simultâneo de afastamento para a frente e abertura dos dedos. com a palma par o lado oposto. realizar um movimento oscilante para a frente. Teleférico – Parecido a “eléctrico”.

a dominante por cima. realizar um movimento para a frente. carregar nos gestos e na expressão. realizar um movimento curvo da esquerda para a direita. Arco-Íris – Primeiro gestuar “cor” e depois. descrevendo o percurso do rio. com as mãos em “J” (palmas para os lados opostos”) junto ao corpo. com as mãos em “concha” (palas para baixo e dedos para os lados opostos) à altura do topo da cabeça. com o polegar dobrado e os restantes dedos abertos e afastados. Praia – Mimar nadar bruços. Abrir e fechar a configuração. começando no lado direito. depois. realizar um movimento ondulatório para a frente. ao mesmo tempo que se mima o acto de abanar. como se fossem os pingos de chuva a cair. Relva – Primeiro gestuar “flora” e. realizar um movimento . Ilha – Sobrepor as duas mãos em “I” com as palmas para os lados opostos e os mindinhos para a frente. com as duas mãos abertas viradas para o emissor Céu – Primeiro gestuar “azul” e. depois. bater com a mão dominante aberta na mão apoiante em “G” (palma para baixo) e afastar um pouco a mão. descrever um círculo. com as mãos na configuração “indicar”. começando junto ao corpo. Rio – Primeiro gestuar “água” e. como se fosse um onda a bater numa rocha. junto ao cotovelo (mão apoiante aberta com os dedos juntos) e realizar um movimento da mão deslizando ao longo do antebraço até ao pulso. Montanha – Com a mão aberta e os dedos juntos. depois. Realizar um movimento circular da mão dominante sobre a apoiante. para cima. com a mão aberta virada para o emissor. expelindo ar pelas bochechas. descrever a forma de um montanha com dois cumes. Selva – Clima e catástrofes Aguaceiro – Mãos em “gancho fechado” com as palmas para baixo à altura dos olhos. Para “chuva torrencial” 54 Chuva – Com as duas mãos em garra e as palmas para baixo. e terminando à frente Mar – Gestuar “água” e. depois. ondulando os dedos. emitindo o som “pbh”. Calor – Expelir ar pela boca. descrever uma espécie de semicírculo da direita para esquerda). Página repetido para baixo e para cima. encostar a mão dominante ao braço apoiante flectido. Lago – Gestuar “água” e depois.Gruta – Gestuar “pedra” e depois “rocha” (com a mão em concha e a palma para baixo.

a começar pelo mindinho e se expele ar pela bochecha direita. como que a apalpar. com as mãos abertas (palmas para baixo e dedos para os lados opostos) à altura da cara. depois. Fogo – As duas mãos abertas. cruzadas à altura do pescoço. Frio – Raspar a mão dominante em “concha” pelo queixo do lado direito para o esquerdo. com as palmas viradas para o emissor. Nuvem – Unir pelos dedos as duas mãos em “garra” em frente à cara e realizar um movimento de afastamento das mãos. Realizar um movimento simultâneo rotativo e repetido das mãos. a dominante a apontar para baixo e a apoiante para cima.Clima – Mão dominante em “garra” colocada ao lado da cabeça com a palma virada para o receptor. com as palmas para baixo e os dedos para o receptor. Granizo – Gestuar “gelo” e depois “aguaceiro”. como que a proteger dos raios do “sol” gestuado. Sol – Mão à altura e ao lado da cabeça em “gancho fechado” com a palma par o receptor. à medida que se sopra e se abrem e fecham os dedos ligeiramente. Maremoto – Neve – Primeiro gestuar “branco” e. Tocar com o dedo médio da mão dominante no peito e depois virar as duas mãos para a frente em “punaise” e abrir e fechar a configuração. Furacão – As duas mãos na configuração “indicar”. à altura da cintura e realizar um movimento ascendente. à medida que se fecham as mãos. terminando com as palmas para o receptor. à altura da cara mas afastadas. com as duas mãos. . Descrever um círculo paralelo ao chão. com os indicadores na mesma linha. ondulando os dedos. Gelo – Gestuar “pedra” e depois “frio”. Página 55 abre a configuração. avançando também um pouco para o lado. ao mesmo tempo que se Sombra – Gestuar “sol”. Inundação – Primeiro gestuar “água” e depois colocar as mãos abertas. Nevoeiro – Mãos abertas com as palmas para cima e os dedos para o receptor. Realizar um movimento de torção do pulso. mas estender a mão apoiante em “1”. expelindo ar pela boca. ficando a palma virada para o emissor. Humidade – Mãos em “punaise”. viradas para o emissor. para os lados. Realizar um movimento de torção do pulso para dentro. Realizar um movimento de aproximação ao corpo. realizar um movimento descendente.

depois. fazer deslizar. fazer sair a mão aberta e depois deixar cair. apontar ou soletrar. virando a palma para dentro. Trovoada – Colocar a mão apoiante em “1” com a palma virada para baixo e os dedos para o lado oposto e encostar o dedo indicador da mão dominante na configuração “indicar” à palma da apoiante. Depois. Corpo humano Mamas – Intercalar as mãos abertas pelos espaço entre o polegar e o indicador e repetir. na configuração “mão aberta” e com as palmas para baixo. o indicador da mão dominante pelo da apoiante. Vento – Mãos abertas colocadas do lado esquerdo. Pénis – Parecido a “avô” mas com a mão na testa e a palma virada para o lado oposto. Vulcão – Realizar um movimento com as mãos em “1” descrevendo o cone de um vulcão. Terramoto – Abanar as mãos à frente do corpo. para um lado e para o outro. encostando agora os dedos ao peito do mesmo lado da mão. com a palma virada para dentro. Realizar um movimento descendente e em ziguezague da mão dominante. para cima e para baixo. Tempestade – Gestuar “chuva torrencial” e depois “vento”. com a mão dominante viradas para o emissor e a apoiante para o receptor. como se fosse a lava. realizar um movimento lateral. realizar um movimento directo da mão para a frente. Página emissor). trocando o lado. Para o resto. começando na base. Vagina – Encostar os indicadores e polegares respectivos (palmas par os lados opostos) e fechar (duas vezes). De seguida. colocar a mão apoiante em “concha”.Temperatura – Gestuar “termómetro” (colocar o dedo indicador da mão dominante em “indicar”. Saúde – Encostar os dedos da mão dominante em “1” (palma para dentro) ao peito do lado contrário e. depois. Ossos – Cruzar os braços com as mãos em “G” e rodar os antebraços. simulando um relâmpago. 56 Alergia – Tocar com o indicador da mão dominante aberta no nariz (palma para o . na axila contrária) e. ao mesmo tempo que se sopra pela boca. com as duas mãos na configuração “indicar” (a apoiante com o indicador para cima e a dominante para o lado oposto). emitindo o som “pbh”. Mover as mãos para um lado e para outro.

Centro de saúde – Primeiro. gestuar “centro” (bater com o polegar da mão dominante em “B”. Receita – Gestuar “médico” e depois “escrever”. Realizar um movimento curvo ligeiramente para cima e para a frente. loja. mas realizar o movimento para a frente. Constipação – Doença – Agarrar o pulso da mão apoiante com a mão dominante em “punaise” e realizar um movimento repetido desta mão a bater com os dedos no pulso. Farmácia – Gestuar “comprimido” e. ao centro do meio do tronco. a dominante coma palma para fora e a apoiante para dentro. depois. Trauma – Xarope – Mimar o acto de despejar xarope para a mão dominante em “concha” e levá-la à boca. com os dedos para o lado oposto Fractura – Igual a “partir”. em simultâneo com a inclinação da cabeça para o mesmo lado e acompanhado de expressão facial. depois “onde” e depois encostar as duas mãos em “1” pelos polegares. Injecção – Mimar o acto de dar um injecção no braço contrário. com a palma para o receptor. cada mão representando um parte da América (Sul e Norte) Página 57 . com a palma para o lado oposto. com a palma par ao emissor. Realizar um movimento de ligeira pressão da mão sobre o peito. América – Primeiro. Continentes África – Parecido a “preto”. Doente – Agarrar o pulso da mão apoiante com a mão dominante em “punaise”. Sangue – Primeiro gestuar “vermelho” e depois abrir a mão para a frente (“espalhar”). Expressão facial de dor. gestuar “C”. Gripe – Hospital – Primeiro. Dor – Encostar a mão em “G” à bochecha. Tosse – Encostar a palma da mão aberta ao peito com os dedos para os lados opostos. Droga – Gestuar “D” duas vezes. Realizar um movimento de abertura da configuração em direcção à boca. “saúde”. Comprimidos – Mão dominante em “bico de pássaro” em frente ao queixo. gestuar “doente” e depois juntar as mãos em “1” com as palmas para baixo e afastar para os lados. Febre – Encostar as costas da mão dominante em “1” à testa. depois. à palma para cima da mão apoiante em “1”) e.

afastar. Angola – Bater com a mão dominante em “garra” na bochecha. Página um movimento de torção do pulso da mão dominante para dentro e fora da mão apoiante. Depois. tocando no peito do mesmo lado da mão. na configuração “o espremido”. mas com a mão em “punaise” e só rodando uma vez. como se estivéssemos a tapar os olhos do Sol. Países – Com a mão em “garra”. e depois um movimento descendente. realizar um movimento de torção do pulso. gestuar “área”. com a palma para dentro. Abrir e fechar os dedos. tocando na barriga e ficando a palma virada para cima. para a frente e para trás. com a palma virada para o receptor. China – Mão em “indicar” com a palma para o emissor e o indicador encostados no peito junto ao ombro do lado contrário. Realizar um movimento directo da mão para a frente. África do Sul – Gestuar “África” e depois “Sul”. Equador – Mão apoiante em “C” (palma para o lado oposto) coma dominante entre o terminando com a palma virada para o emissor. sem tocar. Oceânia – Primeiro. Argentina – Mão em “Y” junto ao cimo da cabeça de lado. abrindo a configuração. Áustria – Cruzar os braços pelos pulsos e colocar as mãos na configuração “U aberto” com as palmas para os lados. encostar o indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao canto do olho (como em “quinta-feira”) e. Realizar um ligeiro movimento de torção do pulso. Realizar um movimento para o lado. com a palma para o lado oposto. ao mesmo tempo que se passa à configuração “punaise fechada” e se volta a abrir. realizar movimentos circulares alternados. depois. encostar à palma da mão apoiante em “1” e descrever pequenos círculos Brasil – Parecido a “engenheiro”. virada para o receptor. Europa – Com as duas mãos na configuração “punaise fechada” e as palmas viradas para os lados opostos. realizar um movimento curvo para a frente. com a palma para o emissor e. Realizar . ficando a mão encostada ao lado da testa. Cuba – Encostar a mão dominante em “1” à testa. Depois realiza um movimento ondulante até ao peito do mesmo lado. Bélgica – Encostar a mão como em “picar” ao queixo. Alemanha – Encostar o indicador ao lado do nariz com a mão na configuração “indicar” e a palma para o lado oposto. realizar um movimento vertical da mão indo ligeiramente à frente e recuando e deslocando-se para a direita. depois. gestuar “Austrália” e depois “área”. Dinamarca – Encostar a mão em “pistola” ao peito do lado oposto. Austrália – As duas mãos abertas para baixo. 58 polegar e os restantes dedos da apoiante.Ásia – Primeiro.

mas com o polegar separado. Afastar as mãos. e a palma para baixo.Espanha – Encostar a mão em “B” ao peito do lado oposto. terminando com a palma virada para o lado da mão. Estónia – Como “vermelho”. com a palma para dentro e realizar um movimento de torção do pulso. com a palma virada para o emissor. encostada no mesmo sitio. raspando o polegar. Afastar energicamente para o lado. com a palma para o lado oposto e colocada algo afastada do corpo. . França – Mão em “4”. Itália – As duas mãos em “1” com as palmas para baixo. mas deixando cair até ao peito. ficando com a palma para o receptor. de cima para baixo no peito e terminando com a mão em “G”. Realizar um movimento Japão – Juntar os dedos das mãos em “J” em frente ao pescoço (palmas para os lados opostos) e afastar para os lados. Encostar os dedos da mão dominante aos da apoiante e realizar um movimento da dominante de encontro ao corpo. onde se encostar a mão. Hungria – Encostar a mão em “pinça” ao canto da boca e enrolar o bigode. Finlândia – Bater com o dedo médio da mão dominante em “punaise” (palma para dentro) na boca. Inglaterra – Encostar o indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao queixo. Holanda – Mãos em “J” junto aos lados da cabeça. ao mesmo tempo que se passa para a configuração “o espremido”. com as palmas para os lados opostos. Grécia – Com as duas mãos na configuração “indicar”. descrevendo a forma dos chapéus holandeses tradicionais. ao mesmo tempo que se passa para a configuração “o espremido”. ondulando os dedos. com a palma para o emissor e raspá-lo repetidamente. Guiné-Bissau – Gestuar “África” e depois “olhos em bico” (puxar o canto do olho com o indicador). EUA – Bater com o indicador da mão dominante na configuração “indicar” (palma para o lado oposto) na palma da mão apoiante em “1” (palma para o lado oposto). bater com o indicador da mão dominante no da apoiante. passando para a configuração “gancho” Irlanda – Mão apoiante em “concha”. Realizar um movimento de torção do pulso. com a mão dominante em “I” e a palma para o lado oposto. Página 59 alternado para a frente e para trás. Índia – Encostar o dedo mindinho da mão dominante em “I” (palma para o emissor) ao meio da testa e realizar um ligeiro movimento de torção do pulso. passando à configuração “gancho”. Islândia – Raspar o dedo mindinho duas vezes no queixo.

com a palma para baixo e o indicador par ao lado oposto. com o polegar e o indicador a formarem um “C” e a palma para o lado oposto. realizar um movimento curvo da mão para a frente. México – As duas mãos com o polegar e o indicador a formar um “C”. realizar um movimento para cima e depois para baixo. Tunísia – Parecido a “Agosto”. Suíça – Com a mão em “U” desenhar uma cruz no peito. mas com a mão em “U”. Cruzar os braços e encostar os dedos de cada mão (palmas para dentro) aos ombros opostos. Alentejo – Gestuar “aldeia” e depois “área”. Roménia – Igual a “Japão”. Ucrânia – Encostar a mão dominante em “E” ao canto da boca. com a palma virada para fora.Letónia – Encostar o polegar da mão dominante em “L” ao peito (palma para baixo e indicador par ao lado oposto) e fechar e abrir o indicador. realizando um movimento de torção do pulso. Portugal – Encostar o polegar da mão dominante em “pistola aberta” ao peito do mesmo lado. mas com a mão na configuração “o espremido” e rodar no sentido contrário ao dos ponteiros do relógio. De seguida. Venezuela – Mão dominante em “U aberto” ao lado e à altura do topo da cabeça. Realizar um movimento ondulatório para baixo. mas com a mão em “G”. Página 60 Abrantes – Bater duas vezes com a mão aberta no queixo. Lituânia – Passar os dedos da mão dominante em “U” (palma para o emissor e dedos para o lado oposto) pela testa. mas com as palmas para baixo e os dedos a apontar para o receptor. Luxemburgo – Gestuar “L” e “X”. Rússia – Encostar a mão em “R” à testa (palma para o lado oposto) e afastar. Moçambique – Igual a “Cuba”. Polónia – Igual a “saúde”. com a palma pra o lado oposto. raspando com o polegar no peito. da esquerda para a direita. mas com os dedos em “pistola”. Turquia – Bater com a mão na testa de lado. mas colocando a mão dominante ligeiramente atrás do pulso. De seguida. terminando mais à frente com a palma para baixo e os dedos para o receptor. Cidades e regiões lado oposto. Suécia – Similar a “lã”. no lado contrário. com a palma virada para o . mas começando por baixo do pescoço e terminando entre as mamas. descruzar e encostar na cintura de cada lado. Depois. Marrocos – Parecido a “santinho”.

queixo e abanar para um lado e para o outro sem tirar o polegar. Beja – Gestuar “B” e “W”. mimar rodar uma chave na fechadura de uma porta. rodando em simultâneo a mão para cima. de seguida. Évora – Encostar a mão em “concha” com o polegar esticado ao queixo. Página 61 Faro – Encostar o polegar da mão dominante (polegar e indicador a formar um “C”) ao . com o mindinho à volta do olho. Realizar um movimento da mão descrevendo círculos. Cidade – Gestuar “casa” e depois “principal” (movimento ascendente das duas mãos em “B” com as palmas para dentro e os polegares para o tecto). palma para o emissor e mindinho em frente ao olho. Almada – Encostar a mão aberta com os dedos esticados ao lado da cabeça (palma para a frente e dedos para cima) e fechar e abrir. Coimbra – Raspar a mão em concha pelo peito com os dedos e. Bragança – Mão em “I”. com a palma para o lado oposto. Chaves – Com a mão em “E” em frente ao meio do corpo. Aveiro – Encostar a mão em “concha” ao ombro contrário com a palma para baixo. Castelo Branco – Gestuar “castelo” (tocar com os dedos da mão em “U” e a palma para dentro na testa e depois no nariz) e depois “branco”. realizar um movimento de rotação da mão para o pescoço. depois. terminando com a palma para baixo. raspando o polegar na face.Algarve – Encostar o polegar da mão dominante em “Y” ao queixo e abanar para um lado e para o outro sem tirar o polegar. “açores” (encostar o polegar da mão dominante em “5” à bochecha e realizar um movimento descendente. depois. ficando a mão em “1”. Arquipélago da Madeira – gestuar “arquipélago” e. terminando com o polegar para o receptor). Braga – Encostar as costas da mão aberta (polegar flectido) à testa e raspar de baixo para cima. Funchal – Bater com o polegar da mão dominante em “Y” (palma para baixo) na palma da mão apoiante em “1” (palma para o lado oposto). com a palma para o emissor e realizar um movimento de torção do pulso para baixo e para cima. Ericeira – Fazer o hula para o lado esquerdo. Realizar um movimento em arco da mão para o cotovelo. “Madeira” (realizar pequenos movimentos circulares na têmpora com os dedos da mão em “U”). Arquipélago dos Açores – Gestuar “arquipélago” (gestuar “ilha”*movimentos circulares da mão dominante em “I” sobre a mão apoiante em “G”+ e depois “grupo”) e.

abrindo no fim da cada passagem. Leiria – Raspar o polegar da mão dominante em “B” (palma para o receptor) no pescoço de trás para a frente.Guarda – Encostar o dedo indicador da mão dominante em “gancho” ao queixo. Loures – Realizar um movimento do pulso para cima e para baixo ao lado da orelha. Sintra – Passar duas vezes com a mão em “concha” (palma para baixo) por baixo do queixo. Viana do Castelo – Gestuar “V” e depois “castelo”. com a palma para o emissor e os dedos para o lado oposto. Porto – Abanar para um lado e para o outro a mão em “P” ao nível dos olhos. Vila Real – Gestuar “V” e depois “rei”. Torres Vedras – Gestuar “T” e. depois. Afastar para a frente. encostar à bochecha e realizar pequenos movimentos circulares. Santarém – Raspar o polegar da mão dominante em “B” (palma para o lado oposto) no nariz. Seixal – Bater com a mão dominante em “concha” (palma para o emissor) no polegar da mão apoiante em “1” (palma para o lado oposto). com a palma e os dedos para o lado oposto. Página 62 . lateralmente. Guimarães – Igual a “castelo”. Portalegre – Raspar para cima e para baixo com o indicador da mão dominante em “U aberto” na têmpora. com a palma para o emissor e o antebraço flectido. Lisboa – Igual a “Julho”. Setúbal – Encostar o dedo médio da mão em “punaise” à testa. “verde”. com o polegar e o indicador a formarem um “C” e a palma para baixo Montijo – Encostar a mão em “bico de pássaro aberto” ao nariz. com a palma para o lado oposto e realizar um movimento descendente e em ziguezague em direcção ao tórax. ao mesmo tempo que se fecha a configuração e volta a abrir. Viseu – Com a mão como em “picar”. Realizar duas vezes um movimento para a frente ao mesmo tempo que se fecha a configuração.

Realizar um movimento curvo repetido para baixo. Deus – Primeiro gestuar “religião” e depois “em cima”. coma boca aberta. Avaliação de notas – Parecido a “biologia”. expelindo ar pela bochecha. como se se estivesse a meditar. como que a dizer “a”. 63 raspando com as pontas dos dedos na palma da outra mão. colocadas lateralmente. sobre a apoiante que tem a palma para cima. como se estivéssemos a rezar a Alá. Apagador – Aula – Mão em “1” com a palma para o emissor. “dossier”. Judeu – Bater com a mão no topo da cabeça. ao lado da cara. Anjo – Gestuar “auréola” (com a mão na configuração “punaise” e a palma para baixo.Religião – Bater as duas mãos na posição de rezar. Ateu – Gestuar “religião” e depois “não há”. depois. Diabo – Encostar a mão direita ao lado da cabeça na configuração “indicar” e abrir e fechar o indicador. para cima e para baixo. Afia lápis – Agrafador – Encostar a mão dominante em “concha” (palma para o emissor) aos dedos da mão apoiante em “1” (palma para o emissor e dedos da diagonal entre o lado oposto e o tecto) e abrir e fechar a mão dominante como se estivesse a agrafa a outra mão. Hindu – Gestuar “religião” e depois “Índia”. . realizar movimentos circulares por cima da cabeça) e. ao lado do corpo. a segunda parte de “jovem”. mas realizando movimentos rectos. para cima e para baixo. Aluno – Gestuar “aula” e. depois. bater com a mão em “G” na barriga. Realizar um movimento repetido e ligeiro da mão em frente à boca. “asas”. Caderno – AS duas mãos em “1”. depois. Cristão – Com o antebraço flectido. junto à cara. Realizar um movimento repetido da mão dominante Página Caderno de argolas – Gestuar “caderno” e. Escola – Igual a “estudar”. acompanhado de inclinação da cabeça. Muçulmano – Mãos em “1” com as palmas para o receptor. Budista – Colocar as mãos em “punaise fechada” com as palmas para cima. a mão dominante com a palma para baixo. de cada vez que se bate. como que passando as páginas.

afastá-las cada uma para o seu lado. fechando a configuração. De seguida. com as palmas para cima. com a dominante mais afastada do corpo. descrever um quadrado vertical. descrevendo assim a forma do esquadro. ficando a palma da dominante virada para o emissor. Computador – Com os dedos indicadores das duas mãos na configuração “indicar”. esticando o polegar e o indicador. e a apoiante a folha. encostada à palma da apoiante pelos dedos. com as mãos em “garra” e as palmas para baixo. e a movimento de torção. Colega – As duas mãos em “1”. Levantar a mão dominante como se fosse a tampa do portátil. mimar escrever num teclado. Canetas de feltro – Gestuar “caneta” e. simular escrever no teclado. perto do pescoço. Realizar um . Cola – Abrir e fechar os dedos da mão dominante em “punaise”. com as palmas para o lado oposto. Fechar e abrir os dedos. a mão dominante por cima. com a palma para o emissor. avançando com as duas mãos. Depois. com a mão dominante em “bico de pássaro” ou em “pinça”.Caneta – Raspar repetidamente na ponta do nariz. a apoiante com a palma para o lado oposto. na direcção do pescoço. Exame – As duas mãos em “1”. Curso – Mão como em “picar”. raspando com os dedos na palma desta última. com a palma para o receptor. mas abertas. Realizar um movimento repetido de torção do pulso para a frente. da esquerda para a direita. colocadas em frente ao meio do tronco. simbolizando as argolas do dossier. Esquadro – Encostar os dedos das duas mãos em “L”. e a dominante junto à cabeça. como se a mão dominante fosse o clip. Dossier – As duas mãos como em “picar”. Realizar um movimento descendente da mão dominante em direcção à apoiante. a mão dominante em frente ao meio do tronco. Computador portátil – Encostar as palmas das mãos em frente ao meio do corpo. Clipe – Encaixar a mão dominante em “U aberto”(dedos para baixo e palma para o emissor) na mão apoiante em “1”(palma para o emissor e dedos para o lado oposto). com as palmas para a frente e a união dos dedos perpendicular ao chão. com os dedos para os lados contrários. depois. ao mesmo tempo que se abre a configuração. “fofo” (mãos em “concha”. Compasso – Parecido a “engenheiro”. Falta – Bater repetidamente com a mão dominante em “F” na palma da mão apoiante em “1” (palma virada para cima). com as palmas para os lados opostos. com a língua de fora e a emitir o som “fss”). mas com a palma da mão apoiante virada para cima. Afastar a mão dominante. Página 64 dominante coma palma para baixo.

do pulso para os dedos. mas a apoiante com os dedos para o lado contrário e a dominante com os dedos para a frente. mimar escrever no quadro e. Depois. e afastar para os respectivos lados. Régua – Primeiro. mas raspando o canto da boca. descrever um rectângulo perpendicular ao chão. gestuar “pedra” e. gestuar “horas” e. descrever um rectângulo perpendicular ao chão. mas com mão dominante em “punaise”. Lápis – Parecido a “caneta”. gestuar “preto”. também em “1”. gestuar algo parecido a “arquitecto”. . Mestrado – Nota – As duas mãos em “B”. formando uma quadrilha. Licenciatura – Livro – Parecido a “caderno”. Quadro de lousa – Com as mãos na configuração indicar. por fim. com as palmas para os lados opostos e os dedos para o receptor. ao mesmo tempo que se assopra. Realizar um movimento descendente em dois arcos. depois. Realizar movimentos repetidos e simultâneos de torção do pulso para cima e para baixo. Revisões – Igual a “rever”. mimar escrever no quadro e.Fita-cola – Fotocopiadora – Frase – Encostar a mão dominante em “A” à palma virada para cima da mão apoiante em “1”. pela palma da apoiante. Furador – Bater com os dedos da mão dominante em “chifres” na palma da mão apoiante em “1”. à altura da cara. por baixo da apoiante. ambas com as palmas para baixo. descrevendo a forma da régua. mas com a mão dominante em “1”. Horário – Primeiro. passar a mão dominante em “1”. “tabela”. e deslizar repetidamente. com as palmas para os lados opostos. gestuar “branco”. Depois. primeiro na vertical e depois na horizontal. passando os dedos da mão dominante aberta. Métodos – As duas mãos em “pistola aberta”. com Depois. Palavra – Movimento directo para a frente com a mão a formar um “C” com o polegar e o indicador (palma para a frente). unir as duas mãos com o polegar e o indicador a formar um “C”. Quadro branco – Com as mãos na configuração indicar. do pulso para os dedos. Página 65 as palmas para a frente. Giz – Primeiro. Depois. depois. mimar escrever num quadro. Impressora – Movimento repetido da mão dominante em “gancho duplo” a passar pela palma virada para cima da mão apoiante. por fim.

Depois. gestuar “Espanha”. depois. com ambas as palmas para o lado oposto. mas com as mãos em “1”. Vocabulário – Passar duas vezes a mão dominante em “U aberto” ao longo do indicador da mão apoiante na configuração “indicar”. X-acto – Disciplinas Artes – Igual a “pintar”. De seguida. “V” e “T”. Desporto – As duas mãos em “B”. EVT – Gestuar “E”. Outra forma. Turma – Bater duas vezes com a mão em “T” no peito do lado contrário (palma para dentro). alternando a direcção dos polegares para a frente e para trás. Economia – Primeiro gestuar “dinheiro” e depois com as duas mãos em “1” (palmas para cima e ligeiramente na diagonal para o emissor) realizar movimentos circulares alternos. Biologia – As duas mãos em “B” com as palmas viradas para o emissor e os polegares para cima realizar movimentos circulares alternados para dentro. Ciências – Encostar a mão em “C” ao peito do lado contrário (palma para o lado contrário) e deslizar pelo peito até ao lado da mão. descrever um rectângulo paralelo ao chão. em frente ao meio do tronco. gestuar “aula”. terminando com os dedos ligeiramente para baixo. Tesoura – Abrir e fechar os dedos da mão em “U aberto”. Realizar um movimento de torção dos pulsos. afastando as mãos e terminando com as palmas viradas para baixo) e. Filosofia – Tocar com o dedo médio da mão dominante em “punaise” na têmpora do Página 66 mesmo lado. Educação Física – Parecido a “treinar”. . simulando uma tesoura.Sala de aulas – Com as mãos na configuração indicar. afastar e descrever círculos verticais ao lado da cabeça. Espanhol – Primeiro. é encostar a mão dominante em “U aberto” à palma da mão apoiante em “1” (palmas para os lados opostos) e realizar um movimento de torção do pulso dominante. gestuar “língua” (Juntar os dedos das duas mãos em “L”. Trabalho de casa – Gestuar “trabalhar” e. mas com a mão dominante na configuração “indicar”. com as palmas viradas para os lados opostos. depois. Teste – Parecido a “exame”. com as palmas para baixo e realizar um movimento de torção dos pulsos. “casa”.

mas só uma vez. mas com a mão dominante na configuração “indicar”. gestuar “França”. Afastas as mãos. gestuar “Portugal”. depois. gestuar “língua” e. com as palmas e os dedos para os lados 67 do ombro. Realizar um movimento recto para a frente com aproximação do polegar e do indicador ficando na configuração de “bico de pássaro”. Realizar um movimento alternado das mãos subindo e descendo energicamente. Longe – Mão dominante em “L”. Depois. gestuar “língua” e. Psicologia – Igual a “psicólogo”. Realizar um ligeiro movimento de aproximação das mãos. o polegar encostado ao queixo e o indicador na extremidade da testa. gestuar “Inglaterra”. Inglês – Primeiro. mas com os polegares para baixo. raspando os nós dos dedos. cada uma para o seu lado. realizar movimentos curvos por baixo. como se estivéssemos a acompanhar música. com as palmas viradas para baixo. com a palma virada para dentro e os dedos para o lado oposto. História – Igual a “castelo”. Música – Encostar o dedo indicador da mão dominante na configuração “indicar” ao ouvido. à altura opostos. do meio para fora. do mesmo lado. gestuar “língua” e. Difícil – Igual a “transpirar”. . Química – Igual a “biologia”. depois. Português – Primeiro. mas realizando o movimento na direcção do receptor. numa trajectória recta. depois. Opostos Muito – Encostar o indicador ao “queixo” na configuração “indicar” com a palma par ao emissor e soprar. Realizar um movimento repetido do dedo médio raspando na testa. carregando a expressão. Página Perto – As duas mãos como em “picar”. para um lado e para o outro. Fácil – Encostar o dedo médio da mão dominante em “punaise” ao canto da testa do mesmo lado. Francês – Primeiro. com as duas mãos em “indicar” à frente do corpo. e iniciando o gesto mais acima. Matemática – Igual a “contabilista”. em frente ao meio do tronco. Geografia – Gramática – As duas mãos em “G”. com a palma para fora. Pouco – Sempre – Nunca – Igual a “novo”.Física – Encostar as costas dos dois indicadores em “gancho” (palma par ao emissor e indicadores para os lados contrários).

Sim – Mão em “G” com a palma para baixo e os dedos para a frente. em frente ao meio do tronco. mas começando com as palmas viradas para os lados opostos e fechando-as. mas afastada. fazendo o mesmo com a cabeça. Novo – Mão dominante ou ambas as mãos em “pistola”. mantendo a boca aberta e abanando a língua de um lado para o outro. Realizar um movimento simultâneo das mãos em direcção ao rosto. Sujo (coisas) – Encostar a mão dominante aberta ao canto da boca pelo polegar e fechar a partir do mindinho. voltando depois à posição e configuração iniciais. com as palmas para baixo e os dedos para os lados opostos. Realizar um movimento para baixo das mãos e do corpo. Expressão facial com a boca em “grr” (sem som). com as palmas para cima.Bem – Mão dominante em “B”. emitindo o som “rrr”. Mal – Gestuar “Q”. mas com a mão em “1” (palma para cima). com as palmas para cima e os antebraços flectidos. Leve – Pesado – As duas mãos em “concha”. Velho (coisas) – Limpo – Igual a “nunca”. Realizar um movimento de torção do pulso para baixo e para cima. . com a palma para o emissor. com as palmas para o emissor. Igual – Igual a “irmão”. com a palma para o lado oposto e os dedos para o receptor. acompanhado de uma expressão facial de esforço. Página 68 do tronco. Antigo – Similar a “príncipe”. Realizar um movimento simultâneo de cruzamento dos braços e abertura da configuração. Morno – Encostar o polegar da mão aberta à bochecha com a palma para a frente. Fechar a mão a partir do mindinho. mas com as duas mãos. Correcto – Errado – Aberto – As duas mãos em “1”. Não – Abanar a mão na configuração “indicar”. Rápido – Mão em “R”em frente ao corpo. em direcção ao corpo. ligeiramente virados para os lados opostos e ligeira inclinação do corpo para a frente. Lento – Quente – As duas mãos em “garra”. Realizar um movimento rápido para trás. os dedos unidos a meio Fechado – Parecido a “aberto”. Realizar um movimento simultâneo de abertura para a frente.

mas em vez de torcer o pulso. bater com o dedo médio no peito. Amor – Igual a “amar”. com a boca fechada. Grande – Mãos em “1”. com uma expressão facial de alegria. com a palma para o emissor. Nervosismo – Sede – Página configuração “o espremido” no canto da testa. em frente ao meio do tronco. ficando a oscilar as mãos e emitindo o som “fss”. e deslizar para baixo. terminando na configuração “gancho”. abanando a cabeça. Realizar um movimento de afastamento das mãos para os respectivos lados. Falso – Sentimentos – Igual a “sentir”. ao mesmo tempo que se fecha a mão até à configuração “o espremido”. Confusão – Cruzar as mãos abertas viradas para o emissor em frente à cara. Feliz – Com a mão em “Y” e a palma para o emissor. com as palmas viradas para os lados opostos e próximas. Esforço – Encostar os dedos da mão dominante em “X” à têmpora do mesmo lado e realizar um movimento de torção do pulso para trás e para a frente. com uma expressão facial de confusão. Pequeno – O contrário de grande. ao longo do peito e da barriga.Diferente – As duas mãos na configuração “indicar”. à altura do queixo. Contente – Encostar a mão dominante em “G” ao queixo. Verdadeiro – Tocar com os dedos da mão dominante em “U” (palma para o emissor) na boca e depois bater duas vezes com os dedos na palma da mão apoiante em “1” (palma para cima). Apaixonado – Parecido a “amar”. emitindo o som “tss” e com expressão facial de medo. Medo – Encostar a palma da mão ao peito e bater levemente mas rápido. com os indicadores cruzados. emitindo o som “peinh”. Realizar um movimento simultâneo de afastamento lateral em arco. realizar um movimento repetido para dentro e para fora Fome – Encostar a mão em “concha” à altura do pescoço com a palma para o emissor e realizar um movimento para baixo. 69 Saudade – Realizar um movimento circular repetido com a mão dominante na . Aborrecido – Enrolar o indicador no nariz. em frente ao meio do tronco.

como em “América” e oscilar os dedos. Calmo – Careca – Mão apoiante em “G”. Bonito – Envolver o queixo com a mão e depois colocá-la em “B” ao lado da cara. realizar um movimento de torção do . fechando a configuração e emitindo o som “affe”. gestuar “baixo”. Ir afastando e fechando a mão até à configuração “o espremido”. Chato – Encostar os polegares das mão abertas. Vergonha – Encostar a mão dominante à bochecha em “o espremido aberto”. com o antebraço flectido e realizar movimentos circulares. emitindo o som “tfff”. até ao peito. em frente ao ombro. Características das pessoas Adulto – Mão em “o espremido aberto” encostada à cara com a palma para baixo e a boca entre o polegar e os outros dedos. inclinando a cabeça e com expressão facial de tristeza. levantando os ombros e acompanhando com uma expressão facial assustada. 70 receptor).Susto – Encostar a mão em “I” à barriga. de cima para baixo. Bissexual – Gestuar “B” e “I”. Vontade – Zangado – Encostar a mão em “G” (palma para o emissor) à barriga. com a palma para cima e realizar um movimento rápido para cima. Triste – Encostar o polegar da mão dominante aberta ao nariz (palma para dentro) e ir fechando a mão. girando também a cabeça para o lado contrário. com o polegar já por baixo da cara. Caucasiano – Cego – Passar com os dedos da mão dominante em “U aberto” pelos olhos fechados. com a palma para o lado oposto e girar. Realizar um movimento para o lado. com a palma para baixo e os nós dos dedos para o receptor na diagonal. Expressão facial triste. Depois. Alto – Igual a “gigante”. Passar com a mão dominante em concha (palma para baixo) sobre a mão apoiante de frente para trás. com as mãos em “concha”. ficando a palma virada para o emissor. a partir do mindinho. e os dedos para cima. Criança – Com a mão dominante na configuração “o espremido” (palma para o Curioso – Página pulso. Baixo – igual a “anão” Bebé – Mimar embalar um bebé ao colo.

a dominante pelo pulso da apoiante. Realizar um movimento da mão raspando as pontas dos dedos na cara. de baixo para cima.Deficiente – Com as duas mãos em “1” raspar. da frente para trás. fechando a configuração para “o espremido”. expelindo ar pela bochecha direita. primeiro. e terminando com a palma para o lado oposto e a mão em “1” (dedos para o tecto). Deficiente auditivo – Deficiente mental – Deficiente motor – Gestuar “deficiente” e depois. Gordo – Mãos em “G”. Distraído – Engraçado – Parecido a “giro”. descrever círculos na zona das ancas. Expressão facial de desagrado. envolver e realizar um movimento para baixo e para o lado. colocar a mão em Página 71 cima). Giro – Encostar as costas da mão aberta por baixo do queixo. Encher as bochechas. . Depois. do lado oposto e deslizar até ao outro lado. fechando a configuração para “o espremido”. Deficiente visual – Gestuar “deficiente” e depois “cego”. Depois. Esperto – Feio – Encostar as costas dos dedos da mão em “concha” à bochecha (palma para o lado da mão) e inclinar ligeiramente a cabeça para esse lado. Fraco – Encostar o dedo médio da mão dominante em “R” ao nariz (palma para o lado oposto) e realizar um movimento descendente em arco para o meio do tronco (sem tocar) e depois abanar para um lado e para o outro. mas com a mão na configuração “indicar”. e passa-se à configuração “chifres”. Forreta – Forte – Igual a “Aveiro”. passar novamente para “concha” e bater por baixo da mão apoiante também em concha (ambas as palmas para Jovem – Encostar a mão ao queixo em “concha”. com as palmas para os lados opostos e os antebraços flectido. Gay – Gestuar “G” e “Y”. Heterossexual – Horrível – Idoso – Encostar a mão ao queixo em “concha”. envolver e realizar um movimento para baixo e para o lado. como se fossem as rodas da cadeira de rodas. afastadas do corpo. mas afasta-se a mão da cara. e depois o contrário. com as duas mãos na configuração “indicar” e os braços colocados lateralmente ao corpo. oscilando os dedos.

com os dedos para o lado oposto. Tímido – Totó – Transexual – Encostar a palma da mão em “1” ao peito do mesmo lado. passar para a configuração “B” e voltar a encostar. encostar o indicador ao ouvido e afastar. Mentiroso – Raspar o indicador da mão na configuração “indicar” no lado do nariz. encher a bochecha direita de ar e mover o dedo até à boca. com a palma para o emissor e realizar um movimento repetido e rotatório do braço. Depois. Pobre – Raça – Rapariga – Gestuar “feminino” e depois “rapaz”. Magro – Mau – Mão em “gancho” com a palma para o lado oposto em frente ao meio do tronco. encostar o indicador ao ouvido. raspar os dedos no peito. a segunda parte de “jovem”. Rapaz – Encostar a mão dominante em “B” um pouco abaixo do ombro do outro braço e deslizar para baixo até ao pulso. Menino – Gestuar “masculino” e. depois. a segunda parte de “jovem”. Rico – Sardento – Surdo – Na posição indicar.frente ao ombro. . Realizar um movimento para a mão para a frente. Travesti – Encostar os dedos da mão dominante em “pinça” à bochecha e realizar um Página 72 movimento repetido para fora. Menina – Gestuar “feminino” e. como se se estivesse a por maquilhagem. com pouca amplitude. Moreno – Encostar o dedo médio da mão dominante em “punaise” (palma para baixo) à bochecha por baixo do olho e realiza um movimento diagonal para baixo. Loiro – Gestuar “cabelo” (com a mão em “pinça” fazer como se se agarrasse um fio de cabelo) e depois “amarelo”. Negro – Nu – Ouvinte – Com a mão na configuração indicar. emitindo o som “fff” e com uma expressão facial carregada. depois.

Contra – Conversa – As duas mãos em “o espremido aberto” (palmas para os lados opostos) uma à frente da outra. Atenção – Movimento repetido do indicador da mão dominante na configuração “indicar” a tocar por baixo do olho ligeiramente mais aberto que o outro. Como? – Bater com os dedos da mão dominante na configuração “o espremido” na bochecha do mesmo lado. e a dominante com a palma para o lado oposto e os dedos para cima. De repente – As duas mãos em “1”. e realizar pequenos movimentos directos para a frente e para trás. emitindo o som “pbh”. fechando os dedos para a configuração “pinça”. Expressão facial condizente. Realizar um movimento repetido da mão dominante descrevendo círculos verticais e batendo simultaneamente na outra mão. Deixar cair a mão dominante. mas ligeiramente para o lado. com a palma para o lado . terminando com a palma para baixo. De seguida.Expressões de uso corrente Ainda não – Encostar o polegar a mão dominante em “B” (palma para o receptor) na mandíbula de lado e realizar um movimento repetido para cima. É preciso – Página oposto. em frente ao meio do tronco. Às vezes – Assim – Encostar o indicador da mão aberta (palma para o lado oposto) perto do canto da boca. 73 Duh – Mão em “8” encostada na testa pelo polegar e indicador. Cuidado – Tocar com o indicador da mão dominante na configuração “indicar” por baixo do olho. colocar as duas mãos em “pinça”. realizar um movimento simultâneo da mão para baixo. a meio do tronco. raspando com o polegar na bochecha cheia de ar. Alguém – Alguns – Aqui – Movimento repetido a apontar para o chão com o indicador da mão dominante na configuração “indicar”. De – apontar a mão em “G” para o chão. De seguida. próximas uma da outra. Coisas – As duas mãos sobrepostas na configuração “indicar”. a apoiante com a mão para o emissor. com as palmas para a frente. a dominante mais afastada do corpo. com a palma também virada para baixo. e girando a cabeça de um lado para o outro (não). de modo a raspar nos dedos da apoiante. em frente ao meio do tronco.

em frente aos ombros. mas com a palma para baixo. em frente ao meio do tronco. em frente ao meio do tronco. Mais ou menos – Mão dominante em “1” com a palma para cima e os dedos para o receptor. Informação – Início – Interessante – Igual a “interesse”. Igual – Igual a “irmão”. terminando na posição inicial. seguido de torção do pulso e descida. Interesse – Similar a borracha”. mas com a mão dominante na configuração “indicar”. Realizar um movimento de subida da mão. com a palma para a frente. colocadas em frente aos ombros. colocadas próximas. Realizar um movimento simultâneo das mãos curvando para cima e depois descendo ligeiramente em direcção ao abdómen. ao lado da cabeça. Realizar um movimento de torção dos pulsos para baixo. à medida que se passa para a configuração “o espremido”. terminando com as costas dos dedos encostadas. Igualmente – Importante – Mão na configuração “indicar”. Realizar um movimento da mão de trás para a frente. Já está – Junto – As duas mãos em “o espremido aberto”. com as palmas para o emissor e os dedos para o chão. Não é preciso – Página 74 Não é (só) – . tocando com o indicador na orelha. Mas – As duas mãos em “1”. com as palmas para o receptor. com a palma virada para o lado oposto. Maioria – Mais – Mão dominante em “o espremido aberto” com a palma para o lado oposto em frente ao ombro. encerrando a configuração. com as palmas para os lados das mãos. Pode ser gestuado apenas com a mão dominante.Fim – As duas mãos em “F” com as palmas para o receptor e dos dedos para cima. Expressão facial empolgada. Já – Mão em “1” em frente ao ombro. Realizar um movimento de aproximação das mãos. Realizar um movimento da mão rápido e directo para a frente do meio do tronco. ficando as palmas viradas para o emissor. Realizar um movimento em arco para a esquerda.

. Problema – As duas mãos em “gancho duplo”. Possível – Repetir “poder” duas vezes. com em “o mesmo”. Ok – Gestuar “O” e depois “K” para a frente. juntamente com uma expressão facial de interrogação. simétricas e próximas.Não há – Com a mão em “O”. Realizar um movimento alternado e repetido dos indicadores ara baixo e para cima. Página 75 meio do tronco. Realizar um movimento repetido da mão dominante descrevendo círculos sobre a palma da mão apoiante. mas realizando um movimento da mão dominante batendo na apoiante e depois afastando-se as duas mãos para os respectivos lado. em frente ao Realizar um movimento repetido de torção do pulso. ambas com as palmas para os lados opostos. emitindo um som parecido a um beijo. com as palmas viradas para os lados opostos. realizar um movimento repetido descrevendo círculos para o lado oposto. Nem pensar (tó) – Nenhum – Mão dominante em “O” com a palma para o emissor. em cima da palma da mão apoiante que está na configuração “1”. em frente ao meio do tronco. descrever círculos horizontais com a mão. Expressão facial de interrogação. Realizar um movimento de torção do pulso. juntamente com uma expressão facial de interrogação. Este gesto pode ser com as duas mãos. Onde? – Com a mão dominante aberta 8palma para o chão). mas realizando o gesto na direcção do receptor. Porquê? – As duas mãos na configuração indicar. a mão dominante coma palma para o receptor e a apoiante para o emissor. em frente ao tórax. Opinião – Ou – Gestuar “O” e depois “U”. afastando e voltando a unir os dedos. alterando as posições das mãos. O quê? – As duas mãos na configuração “indicar”. num movimento curvo. Normal – Nunca – Parecido a “novo”. ficando a palma da dominante virada para o recpetor. mas batendo repetidamente com o pulso da mão dominante no da apoiante. com a palma para cima. Parecido – Por causa – Por exemplo – Encostar a mão dominante aberta ao indicador da mão apoiante na configuração “indicar”. encostadas pelos dedos. O mesmo – Parecido e “coisas”.

mas com expressão facial de interrogação. em frente ao meio do tronco. realizar um movimento repetido para baixo e para cima. emitindo um som parecido a um beijo. . Segunda: realizar movimentos circulares simultâneos para a frente com as duas mãos com os polegares e os indicadores a formar um “O” e os restantes dedos esticados. Tal e qual – Encostar as duas mãos em pinça em frente ao meio do tronco. mas começando com a mão na configuração “o espremido”. Realizar Também – Mão em “bico de pássaro aberto”. próximas e em frente ao meio do tronco. da direita para a esquerda. Simples – Situação – Só – Sozinho – Envolver o queixo com a mão aberta e afastar para a frente. Qual? – Mãos em “1”. Primeira: raspar com o indicador da mão dominante (configuração “indicar”) na palma da mão apoiante em “1”. realizar um movimento repetido de encerramento da configuração.Pronto – Com as duas mãos em “pinça” (palmas para baixo e dedos na diagonal. com a palma para o receptor. Sempre – Duas formas. Quando? – Parecido a clima. e com as palmas para o emissor). com as palmas para baixo e os dedos para a frente. ao lado do meio do tronco. perto do ombro. Expressão facial de interrogação. Quanto? – Igual a “contar (quantidades) ”. bater com a mão dominante em “G”. Se – Encostar a mão dominante em “J” ao lado do nariz. Realizar um movimento rápido de torção do pulso para cima. emitindo o som “só” em surdina. emitindo o som “chh”. Expressão facial de interrogação. Talvez – Mão em “1”. emitindo o som “stá”. e realizar um movimento curvo das mãos para cima e para baixo. da direita para a esquerda. com afastamento simultâneo para os lados respectivos. terminando com as palmas para cima. Expressão facial de interrogação. Página 76 um movimento repetido de torção do pulso para um lado e para o outro. coma palma para o lado oposto e os dedos para cima. e depois. na apoiante. e raspar repetidamente na ponta do nariz. com a palma para baixo. Quem? – Primeiro. em frente ao tórax. com as palmas para baixo. passando à configuração “indicar” (palma para dentro e indicador para cima). entre cima e frente). gestuar “picar” na bochecha e depois bater com o indicador da mão dominante na configuração “indicar” no nariz.

Bom dia – Gestuar “bom” e “dia”. Desculpe – Mão em “U”. na localização inicial. mas com dois dedos. batendo com o indicador na bochecha. Realizar um movimento repetido de cruzamento e descruzamento das mãos. perto da boca. Realizar um movimento repetido. Depois. mas só com um dedo (a apontar para a frente). Faça favor – Encostar os dedos da mão dominante em “1” à boca. Valores – Parecido a “importante”. colocar o antebraço flectido para o lado oposto. em frente ao queixo. com a palma virada para o lado oposto e dedos para o tecto.m mento de abertura para a frente e união das mãos. com a palma virada para o lado oposto ao lado da face. Felicidades – As duas mãos em “Y” com as palas para o emissor. com as palmas viradas para a frente. em frente ao meio do tronco. com as palmas para o emissor. Boa tarde – Gestuar “bom” e “tarde”. realizar um movimento em arco da esquerda para a direita e para a frente. Até logo – Bater com a mão dominante em “J” na cara ao lado da boca. Realizar um movimento de torção do pulso para a frente. ao mesmo tempo que se muda a configuração da mão para pistola. Tudo – As duas mãos em “concha” (palmas e dedos para o emissor). Expressões de cortesia Adeus – Oscilar lateralmente e mão aberta com a palma para a frente. Até amanhã – Mão dominante aberta. Realizar um movimento simultâneo das mãos para a frente e para trás. Última – Igual a “apelido”. Obrigado – Encostar a mão dominante em “1” ao queixo. Todos – Com a mão aberta (palma na diagonal para o receptor). Olá – Igual a “adeus”. colocadas lateralmente em frente aos ombros. unidas pelas costas dos dedos. ficando as pontas dos dedos para a frente. 77 Parabéns – Mãos em “1”. Boa noite – Gestuar “bom” e “noite”. com a palma para o emissor. com a palma virada para o emissor. Expressão facial com ligeiro sorriso. e realizar um movimento para a frente dirigido ao receptor. Expressão facial com ligeiro sorriso. Abrir e fechar os dedos. com a palma para cima e realizar um movimento curvo para o lado da mão. palma com palma.Tema – As duas mãos em “gancho duplo”. em frente aos ombros e com . Realizar um movi. Página os braços flectidos.

Café – Gestuar “loja” e depois “café”. Realizar um movimento repetido e alternado das mãos para a frente e para trás. Cinema – Mão dominante aberta com a palma virada para o receptor e o pulso encostado no indicador da mão apoiante em “indicar” (palma para o emissor. com as palmas para os lados opostos. Expressão facial de interrogação. com a dominante por cima. e realizar um movimento curvo para baixo e para a frente. também aberta. Realizar um movimento alternado de aproximação e afastamento à cara. de trás para a frente. Centro comercial – Gestuar duas vezes “C”. Ópera – Mimar o acto de cantar ópera. Realizar um movimento repetido da mão para um lado e para o outro. Página 78 Esquerda – Mãos em “1”. Realizar um movimento da mão batendo no tórax junto ao ombro oposto. Filme – Deslizar a mão em “G” pela bochecha. indicador para o lado oposto). entre dentro e cima. Depois. com a palma para o emissor. mas com dedo médio a apontar para o receptor. Tudo bem? – Mão em “1” (palma para o emissor) em frente ao tórax. Orientação/posições para o lado. com as palmas para dentro e os dedos a apontar na diagonal.Por favor – Encostar a mão dominante em “1” ao queixo. Zoo – Gestuar “macaco”. com a bochecha cheia e emitindo o som “pbh”. Restaurante – Encostar a mão dominante em “O” ao canto da boca. fechando a mão na configuração “b”. Festa – Bater as duas mãos em “F”. Bater com a mão direita nas costas da esquerda e afastar esta . Revista – Teatro – As duas mãos em “1”. bater com a mão dominante em “1” (palma para baixo) na palma da mão apoiante. terminando com a palma para cima. Santinho – Igual a “auréola”. Musical – Gestuar “teatro” e “música”. Esplanada – Gestuar “café” e “rua”. Lazer Bar – Gestuar “B” e depois “R”. batendo depois no outro lado e indo para a frente. Loja – As duas mãos em “E”.

Realizar um movimento simultâneo dos dedos a fechar e a abrir e ligeiro deslizar da mão para os lados. palma para o lado). mas com a mão aberta. apontar para o tecto. afastar a mão dominante e encostar novamente à apoiante. A seguir – Com a mão dominante em “I” e a palma para dentro. apontar para o chão. para cima e para baixo. Ganga – Com as duas mãos em “Z”. baixar e levantar o dedo indicador. Depois. terminando na configuração “o espremido”. ambas as mãos com as palmas para o emissor. um movimento para a frente. Ferro – Abanar. mas com movimentos de fricção. Baixo – Com a mão dominante na configuração “indicar”. Materiais Algodão – Mãos em “concha” encostadas pelos dedos (palmas para os lados opostos). Borracha – Esfregar a mão dominante em “G” no indicador da mão apoiante na configuração “indicar”. Metal – subida da outra mão. com a palma virada para baixo e o antebraço flectido. realizar um movimento simultâneo e alternado de torção do pulso para baixo e para cima. Cima – Com a mão dominante na configuração “indicar”. Madeira – Com a mão em “R” e a palma virada para o emissor. realizar um movimento curvo para a frente ou para o lado (neste caso. realizar um movimento curvo para o lado. Flanela – Gestuar “tecido” e depois “quente”. Ao lado – Com a mão em “1” e a palma para o lado oposto. . Página Realizar um movimento simultâneo das mãos com ligeira descida da mão dominante e ligeira 79 Papel – As duas mãos juntas em “G” com as palmas viradas para os lados opostos. mantendo-as juntas. terminando na configuração “o espremido”. Bater com a mão esquerda nas costas da direita e afastar esta para o lado. Cabedal – Encostar o dedo médio da mão dominante em “punaise” à mão apoiante em “G”.Direita – Mãos em “1”. enchendo as duas bochechas de ar. a mão dominante em “F”. Lã – Mão apoiante aberta. Encostar a mão dominante em “concha” ao pulso da apoiante e realizar um movimento para cima. realizando ao mesmo tempo. paralelo ao chão. Em frente – Tocar com os dedos da mão dominante em “1” no nariz e depois realizar um movimento de torção da mão para a frente. conforme o caso.

Terra – Igual a “arroz” mas com os quatro dedos. mimar o acto de despejar água de um cântaro. descrever o nariz 80 Anão – Mão aberta virada para baixo a oscilar. mas com as duas mãos. Balança – Subir e descer alternadamente as duas mãos em “1”. curvado da bruxa. Touro – Igual a “vaca”. Sagitário – Encostar os dedos da mão dominante em “1” (palma para o emissor) ao nós dos dedos da mão apoiante. Leão – Igual ao animal “leão”. Realizar um movimento descendente da mão. passando para a configuração “punaise fechada” e depois soltar o dedo médio. . com as duas mãos em “concha”. do lado direito (palmas para os lados opostos). Caranguejo – Igual ao animal “caranguejo”. ao mesmo tempo que se abre a configuração. Afastar. à altura da testa. mas aproximando as mãos. Carneiro – Igual a “ovelha”. Gémeos – Igual a irmãos “gémeos”. gestuar “água” e depois. Signos Aquário – Primeiro. Escorpião – Igual ao animal “escorpião”. Encaracolar e desencaracolar os dedos. Página Bruxa – Com a mão em “gancho”. com a palma para o emissor à testa e depois realizar um movimento para trás. ao lado e à altura da cabeça. Virgem – Mão em “U aberto” com a palma virada para o receptor. mas com as palmas viradas para os lados opostos. Capricórnio – Encostar a mão em “U aberto”.Pedra – Bater com o indicador no dente (configuração “indicar”). Tecido – Igual a “transparente”. encostando no topo da cabeça. mas com a ajuda do polegar. Peixes – Igual ao animal “peixe”. como se fosse um arqueiro a soltar a flecha. Histórias – Com a mão em “gancho fechado” (polegar a agarrar no indicador) voltar a palma para dentro. com as palmas viradas para cima. Vidro – Encostar os dedos da mão dominante em “1” à têmpora do mesmo lado e realizar um movimento de torção do pulso para a frente e para trás. Plástico – Passar com os dedos da mão dominante em garra pela bochecha de trás para a frente duas vezes. perto do fim da cintura.

Gigante – Como anão. Rei – Encostar a mão em “garra” à cabeça e realizar um movimento para cima e para a frente. com a palma para o lado oposto e realizar um movimento directo para a frente e para cima. passar repetidamente com a mão dominante no cotovelo da apoiante (mão com o polegar e o indicador a formar um “O” e os outros dedos esticados. encostar a mão dominante em “L” (palma Multa – Página Loja do cidadão – 81 para o receptor) à palma da apoiante em “1” (palma para o emissor). descrever uma faixa pelo peito. ao mesmo tempo que se abrem as mãos. mas começando logo com as mãos em “U aberto” e mais afastado do corpo. e a palma para o emissor). fechando a mão. Clubes desportivos Benfica – Encostar o polegar da mão aberta no queixo e realizar um movimento de afastamento. do outro lado. Realizar um movimento para a frente e para baixo. Junta de freguesia – Gestuar “J” e depois. De seguida. com a palma para baixo. Realizar um movimento para a frente. Magia – Mãos em “O”. começando junto ao ombro e terminando na cintura. à altura dos ombros. encostar a palma da mão ao peito. . Comunidade – Estado – Encostar a mão dominante em “C” à testa. Sporting – Bater com a mão em “J” no centro da cara. Lei – Com um movimento de torção do pulso. como se estivéssemos a lançar pozinhos mágicos. com a palma para a frente. mas com o braço esticado para cima. já com os dedos (excepto o polegar) fechados. Monstro – Mão em “garra”. Finanças – Igual a “fiscal”. simbolizando a coroa. Rainha – Gestuar “feminino” e depois “rei”. Princesa – Gestuar “feminino” e depois “príncipe”. com a mão apoiante em “G” e o antebraço flectido. Organização do país Câmara municipal – Parecido a “laço”. Porto – Gestuar “Porto” (cidade). Príncipe – Com a mão em “C” (palma para dentro).

com a palma para o emissor e os dedos para o lado oposto. Euro – Gestuar “dinheiro”. Experiência – Expressão – As duas mãos em “E”. Sexo – Bater com as costas das duas mãos abertas. Segredo – Rodar a mão em “E” por baixo do queixo. Obras – Opinião – Encostar a mão em “punaise aberta” à testa. e abanar a mão dominante. Castigo – Dinheiro – Esfregar o dedo indicador do polegar com a mão em “E”. Prémio – Profundo – Bater com a mão dominante em “garra” na mão apoiante em “G”. Subir e descer as mãos. Proibido – Tribunal – As duas mãos com o polegar e o indicador a formar um “O” e os outros dedos esticados. com as palmas para o emissor e os dedos a apontar para o chão na diagonal. Realizar um movimento alternado para cima e para baixo. depois “E” e depois deslizar a mão em “U aberto” (dedos para o lado oposto e palma para o emissor) em frente à cara. da esquerda para a direita. Paciência – Prejuízo – Rodar uma vez a mão em “E” na têmpora do mesmo lado. com as palmas para baixo.Presidente – Abanar a mão em “E” com os dedos para baixo e a palma para o emissor. Único – Página 82 . começando com a palma para o receptor e terminando com a palma para baixo. começando com a palma para o lado oposto e terminando com a palma para o emissor. em frente à cara. Outras palavras Bandeira – Encostar o pulso da mão dominante em “1” (palma para o emissor) ao do indicador da mão apoiante na configuração “indicar”.

Página 83 .

¯½f   ¯ff½f ° ¯f¾n¯f¯j ¯##  9h–°f   °  f  ½  f¯ ° n¯f¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff .

 .

¯f    ¾f#€ ¯°°#¾ –  #n¯½f  #  .

°f   f°f½ff¯f  ½fff¯j ¯##%½f¯f½ff n ½%  .

j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff  ¯¾¾  fs¾ nf ¾  .¯ ° ½   f ° n¯f¾¯j¾°f  .°f f  ¾f#€ ¯°°#  ½¾#n°f #   _`SV[UbW^WS W_aSZS_ ¯f°  9¯ ¯¯f ¯  °n¾f° f¯jgnff  ½¾¾¯ff– ¾  #©°# ¯f¾n¯f¾¯j¾ ¯#D#  ¯–  .

f¾f  °ff¾ f¾¯j¾ ¯#n°nf#n¯f  f½n¯f  nf  9¯ – ¾f#nf¾f #  ½¾ f€f¾ff¾¯j¾ ¯##  °¯–  °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯ # #f°f n¯f ½f¯f½ff nj  °f°f¯jf½f° f¯ x¯ ¯# #%½f¯f½fff ½¾%¾  °n°f ¯ € ° g f–f   ff¯¯¯ °  n f ¯j ¯°f°  ¯  nsjgf½f°  f ° °½ –f ff¯j ff°sf° ¯½n¯f¾  ° D°fn °f¾ f¾¯j¾°f½¾sj#° nf#  -f¯f f  ¾f#€ ¯°°# f¾ –#°f¯f #  -f¯f  .

¯f¯j ¯½¾f  °n¾f½ –fff  °f n¯¾¾ ¾f ¾½ff n  nf f ° nf   ¯x    ½ff   ½fff¾ f¾¯j¾ ¯#D#n¯¯¯¯ °n     -f ½¾sj ° nf  nf  ½  f¯ °  n¯ f °f  ° f ¯j ° ½ ½¾  If  ¾f#€ ¯°°#  ½¾##  I  9¯  – ¾f #¯ #  ½¾  n¯ f ¯j °f ½¾sj #° nf#  n¯  ° nf ff½°f½ffn¯f f½f¯f½ff ¯¾¾ €¯f½  °¾nn¾   W^T[_Ê °n¾f° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#g n nf ½ f   ½¾ f€f¾f f °  € nf° fn°€–fsj# n ½h¾¾f   %½f% .

nff¾¯j¾f f¾ n¯¾ ¾©°¾¾¯xnf¾ f f¾½fff € °   ½¾ ff¯¯¯ ° fsj ¾½¾¾  ¯°f° n¯f¾¯j¾€ °  f€ °  ¾€¯f½f  ¾f¯j  f x  f  9ff– ¾f f f¾n¾f¾  °¯f¯ ° ¯¯f ¾ – ¾%½  ¯½  ¾ °¾nf¯ff¯½f%  nf f .j¾ ¯ ## ¾¯xnf¾ f€f¾f f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾½ff f  ff¯ ¯¯ °h½  nf  ¾nff¾¯j¾  ¯€ ° ff ¯ °  9h–°f  .

 n f –ff#n¯–# ¯f¾n¯¾ ¾ ¾  nf  f n¯¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯##°fy¯½f f¯ ¾¯ ¯½  ¾  ¯ ¾¯#€f€f#  n° n  –ff#  ½ ° #  n f  .

¯ ° ¾ ¾f€ nf  f¯jf ¾f½ff f  ¯°f° ©° f nf ¯ n°€–fsj##  €f¾f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ n¾f¾ °n¾f f¾ ¯f g f   ff ¯ ¯¯ ° f€f¾f¯ °½ff¾f ¾ ¾½ n¾  –½f .j¾ ¯#–ff# n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff¾f ¾½¾¾ ½¯f  f€f¾ff¾¯j¾  © f .nf f ¯j ¯ # n  ½h¾¾f# g ff    ¯ ¾¯ f    f ° g¯  f ¾ f  ¯¾¾  n f –ff#½# ¯f¾gff ½ ¾ns   ¯ n   .j f f f f ½ff n¯f  ¯ € °  f   ¯ ¾¯ f   .

¯f¾¯j¾ ¯## f¾½f¯f¾½ffn¯f  ff¯¯¯ ° ½     n½fff€ °  ½ffh¾  ¯f° n   ¾f# f# ¯f¾f° f¾ f¾¯j¾  ¯f  .

¯ f ¯j f f  °n¾f   ¯x  ¾    nfsj   ff ¯ ¯¯ ° sj ½¾½ffn¯f ½ff f  ° n   ¾f#° # ¯f¾f° f¾ f¾¯j¾  ½f .

nff¯j ¯°f°  ¯## n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ ¾  f½f¯f f¯jf½f°  ¯##  ¾ – f  ff¯¯¯ °¾¯i°    n f¾¯j¾ ¯  nsjf n ½  ½ °   .

¯ f¯ f¾ f¾ ¯j¾  ¾ f ¯°f°  °f n°€–fsj # ¾½ ¯ #   ff¯¯¯ ° ½   f¾½°f¾ ¾ ¾ f ° °f ¾f   n   ¾nff¾ f¾¯j¾f f¾ n¯f¾½f¯f¾f f¾½ffn¯f f ¯ ¾¯  ¯½ ¾  ½  f½ f nf   € n  9¯ – ¾f# ° #  ½¾ ff°sfn¯f¯j ¯n°nf%½f¯f ½ff °%½fff€ ° n¯¾ €¾¾  ¯½f½f¾¾f  ¾ – f – ¾f#€#  ¯f  9 –f ¾  ° nf  ¾ ° ¾  €¯f°  ¯ ##   ¾f° ¾ ¾ f€f¾f ¾  ¾nf ¾  .

jf½f° °fn°€–fsj° nf n¯f½f¯ff f½ff ¯¾¾  ° nf ½fff ½¾  ¯j ¯°f°  ¯#D#f  n¯° nf  ff¯j 9h–°f  ½ff ¾fnj  .¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f   ff ¯¯ °¾ nnf ¾ f °f ¾ f°©f .

 ° ¾ ¾ ¾  ff¯¯¯ ° f¯j ¯°f° ½ffn¯f ½ff f½  ½¾  °n ° f n nf  f f  ¾¾¾ .

¯f¯j ¯#Df #%½f¯f½fff ½¾% f  ½  f¯ ° °f n nf ½ f   f .j ¯ ##  n¯ f ½f¯f f f ½ff  ¯¾¾   ff ¯ ¯¯ °  ½   – f¯ ° n½ff f ½fff€ °  ¯°f° n¯f½f¯f½ff f   .¯f– ¾ €f ¯°  ff  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ #I#  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff n¯f   ff ¯¯ °¾  ½  ¾ f °f ¾½fff€ °  f   .

¯f¯j ¯# #  ff¯¯¯ ° ½   f° fs  f¯j ¯  nsjg nf  ©f ¯f½  ©%°fnff °f nf %n¯f¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj # ¾½ ¯ #  ¯° ¾¯  ©¾  °nf  .

¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff   n ½  ff ¯ ¯¯ °  ½    ©°f f€f¾f½ –f  ¯x   ¯° ¾¯#€€€#  ° f .¯f– ¾ €f n° n°  .

¯f– ¾ ¾ –f°¯f ¾½°–f f  .fsf .

fsf  9¯  – ¾f #¾f½f#  ½¾ ¯  f ¯j ¯°f°  ¯ ## ¯  nsjg¯jf½f°  ¯#n°nf#%n¯ nfsf° f¯j ¯°f° n¯ff½f° %  .

f°f €f¾ff¯j ¯## f nf g¯  f ¾  ff¯– ¯¯ ° fnf sf½fff ½¾  .

¯fnf¯ff–x¯n¯f¯j ¯°f°  ¯n°nf  .f¯f .

 –f .j ¯°f°  ¯##  ff¯¯¯ °n  f°  €f½ff ° ½ff f @ ¯°f° n¯f½f¯f½ff f  .

 f  .j ¯ #D f #  n¯ f ½f¯f f f ½ff €f  ½¯f  °f  g ¯  f ¾  °nffnf¾ ¾ ½f¾¾f° ½fffn°€–fsj#–f°n ½#  .

f °n¾f° nf ½ f  °n°f¯½nfnf sf  ¾f ½ fnff °¯¯¯ ° ½   ½ ¾¾j€fnf ¾ f  .

¯ °¾¯i°  ¾° nf  ¾½ff f  .¯ sf .j¾°f½¾sj° nf ½f¯f¾½¾f¾ ¯¾¯ f  ¯€ ° f¯   °n .

¯ °¾¯i° ½fff ½¾ nf° f¾¯j¾  .¯ ° f¯j°fn°€–fsj# ¾½ ¯ # ¯  nsjg nf  .¯  .

¯½ °   9¯   nf n¯  ° nf  ° f  f  ¾f  °f n°€–fsj #° nf#  ½¾  ff¯¯¯ °¾¯i°  f€f¾f¯ ° fnff  °n f¯ ° 9h–°f  .

¯½f  .j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff  f  ½¾  g ff  ½   .

 f ¯j ½ff f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  f°  ½¾ f f½¯f ¾  f nff ¯  nsjf f ° f¯j  .

¯°nf  .

¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ #.

#  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff  f  ½¾   ff¯¯¯ °¾¯i°  f °f ½ffh¾ ½fff€ °  .

°n f .

¯f° fs f°f  n¯f½f¯f½fff ½¾ gff  ¯ € °  f ¯    ff ¯ ¯¯ °  ½    ½¾ ½ff f  ½ff n¯f  fn¯½f°f  ¯¯ ° ½   fnf sf%–ff#¾¯#% @f¯ x¯½ ¾ – ¾f  n¯f¾ f¾¯j¾  .

¯f– ¾ –f¯nf  ¯° ¾¯#½ #  .°  .

° n %nf f ¾% .¯ ° ½   ° nf  f¯j ¯##%½f¯f½ff f ½¾%fnf½ f   .

¯ ° ½   ° nf %¯j°fn°€–fsj#° nf#% fnf½ f   .° n %½ ¾¾f¾% .

jf f n¯½ –f °n¾f f   f½f¯ff f ½fff ½¾  ff¯¯¯ °  ½   ½ff f ½ffn¯f  ¯°f°  ¯ f©°f fs   ¯° ¾¯#½ #  .°f%¾f¾% .

°f %f° f %  9f°  f ¯j f f  €f  ¾f ¾ ¾ ½  ½ –f  n¯ sf°  ½  ¯° °  fnf f°  n¯ f ¯j € nf f   ¯ ¾¯  ¯½  f½¯f f ¯j n½  .

j f½f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f f f ½ff n¯f   ¾f f ¯j ¯°f° %f¯ x¯ ¯## ¯f¾f f½fff ½¾%½ f¯jf½f°  ¾ ½¾ fxf€¯ ¾ ¾  .°°f  .

° ¾f .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯##  ff¯¯¯ °¾¯i°  f °f  f€f¾f¯ ° f½¯fsj f¾½°f¾ ¾ ¾f   .

°   f  f¾ ¯j¾ ¯ ##  ½ ¾ ¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾ n¯ f€f n° n°¾  .

½f .jf½f°  ¯## ¯¯ ° ¾ ¾ f¯j ¯°f° f ¾f  € nf ¾   ¾f  ¾ –   f€f¾f¯ ° f ¯j ¯°f°    €nf °f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  .

  .¯f¯¯ ° ¾ fs¾€f ¯f° n ¯¾%¯j¾ ¯##%  .

–  f¾½f f ¯j ¯°f°  € nf f °  ° nf  f ¯j f½f°  °f .

¾  .

¯f¾¯j¾°fn°€–fsj#½°sf€ nf f# ¯¯ffn n¾   .

°f ¾ f¾¯j¾ ¯##n¯f¾½f¯f¾f f¾½ffn¯f ¾nf°   ¯ °  9h–°f  n°€–fsj#° nf#  .

 .

¯ffn  ¾ °f   ¾¾ .j ¯## ½f¯f½fff ½¾  ¯€ °  gff ½    ff¯¯¯ °n n ½ffn¯f n¯¯f ½ ¾¾j€fnf  ¾ x¯   ¾½ .j ¯##f f½ff ° .j ¯°f°  ¯# n¯f½f¯f½ff n ½  ½ff f   ff¯¯¯ ° f ¾  f½fff  f   ¾½fnf  ¾ f¾ ¯j¾ f f¾  f f½f°  f f ½ff f  f ¯°f°  ½ff n¯f f¾½ff ¯°f° °ff½f°  ½  f¯ °   ¾ n  .j¾ ¯ ## n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff  f  ½¾  °n¾f f¾ f n½ ©°g¾¯f¯f¾  ¾fn¯f¾¯j¾f°– n½   ¾n  .¯f¯¯ ° f¾½ °f¾f ¾n  ¾nf f¾ f½f f¯j ¯#I#   ¾ °f . f °n¾f° nf  f¯j ¯°f°  ¯#–f°n#g n nf ½ f    °n f n nf  f   ff¯¯¯ °  n½fff € °  ½ff f   f° f f n nf  f°sf °n¾ff¯j ¯°f° f f°f f–f  –°–f¯½n   n   f  f¾  ¾n¯½ –f f¯j ¯°f°  ¯##° %½f¯f ½ff ¯¾¾%   f  9¯  °n¾f f nf sf g ¯j ¯°f°  ¯ ##   ½¾  n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯##  ff¯¯¯ °  n f¯j ¯°f° ½ff f ff   ¾nf°¾f  .

¯f¾¯j¾f f¾ f¾½f¯f¾f f¾½ff ¯¾¾ gff fn°f  ½¯f¾ ¯f f f   ff ¯ ¯¯ °  ½   f¾ ¯j¾ ½ff n¯f  ½ff f   ¯°f° n¯f¾½f¯f¾½ffn¯f    9f n f# °nf# ¯f¾½ ° °  ¾f° ° nf n¯½ –f f ¯ ¾¯ ¯½ ¾  ¯ ¾¯#½½½#  ¾n% °j% .

¯f¯ f¾f¾¯j¾°fn°€–fsj# n ½h¾¾f# f f¾½ff ¾f ¾½¾¾  ff¯¯¯ °¾¯i°   ½  ½ff¯f  ½ff  ¯f° ° f ¾i°nf ° f¾¯j¾    %n°f¾%  .

¯ f ¯j f½f°  ¯ #@#  f f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj#° nf#½ff ¾ °ff€¯f #@#°ff¯j     ½f f ¯j ¯ ## °   ½  ½ –f   ¾ – f   ff ¯ ¯¯ °n½fff€ °    .

¯f¯j ¯#–ff# f¯  °n n¯f½f¯f½fff€ °  ff ¯ .

¯f¯j ¯##f f½fffnff gff ¾¾ €f  ¾n f¯j fxfff f nf  9h–°f  ¯¯¯ ° ½   ¾ ¾ff  f€ nf  ¯°f° n¯f¯jf f  .

 ¯f– n  ¾ f¾¯j¾ ¯##n¯f¾½f¯f¾f f¾½fff ½¾  fs¾ – f¯ ° f€f¾f ¾ € n ¾½fff ½¾  ff¯¯¯ ° f½¯fsj f¾¯j¾n¯€ nf¯ ° ¾ fs¾ – fn°fnsj ½   f€fn  ¯½ ¾f –ff# f°n# ¯f¾n¯f¯jf f   ¯° ¾¯#n#  °n°f%½ ¾¾f¾% °n¾f° nf  f¯j ¯°f°  ¯#I#gnff ½ f     ½¾  n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ #I#  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾   ff¯¯¯ °n ¯¾¯i° ½ffn¯f fx f¾½°f¾ ¾° nf  ¾  ¾ ¾¯x ¾¾  ¯  °–f°f °n¾f¾ ¾ f¯j ¯#D#%½f¯f½ff ¯¾¾%°°f  ½¾   ff¯¯¯ ° sj ½¾  °n¾ff¾n¾f¾ ¾ ¾°f ¾f  °– f ¾ f¾¯j¾ ¯##n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾  f° fs¾€ n ¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾  ¾ x  nf ¾   ff ¯ ¯¯ °  f€f¾f¯ ° ½ff ¾ ¯ ¾¯¾f ¾ n¯– f  fsj ¾¯ ¾  °n¯ ° ½   °¾°f  .

nf f¯ f¾ f¾ ¯j¾  ¾ n¯ f ¯°f°  °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾ f¾½°f¾ ¾ ¾fnf°f ¾f  ff¯ ¯¯ ° ¾¯i°   sj  ½¾ ½ff f € °  €f °  ½¾ ½  °¾ ¯¯ °¾  n ff°s f¯j  ¾n   .

¯   ° nf    ½ –f f €¯f ¯ ##  ¾ ¾ ¾ ¾nf ¾   f ½f¯f ½ff f   ff ¯ ¯¯ °  n f ¯j g € °  f °  f n°€–fsj f° f nfg½¾sj n°€–fsj°nf¾  ¾n –f .

¯ffn  ¾n  n¯f¯j ¯°f°  ¯##°f¯jf½f°  ¯ ##%½f¯f½ffn¯f%  ¾½ f  .nff ¯j ¯°f°  ¯#½¾f#f½f f½  ¯x °f¯j f½f°  ¯##%½f¯f½ffn¯f%  ff¯¯¯ °– f¯ ° n½fff€ °   ½ff n¯f  ½¾ ¯ ¯¯ °  n f ¯j ½ff f  f½f°  f °f  f   ¯° ° n¯¾ ¾ ¾° nf  ¯x €¾¾ ¯f¾½ °f¾   ¾n –f¯  ¾n   .

¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #D#  n¯ f ½f¯f ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° nnf  ° ¾ °   ½°  ¾  –¾  ¾   f ¯j f½f°  ¯ ##  °nf¯ ° °jnf°ff¯j ¯f¾ ¯°ffnf f€¯f xf¾½f¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯#D#°f½f¯f ff½f°  ¯° ¾¯#¾#  ¾ n   9¯   nf n¯ f¾ ½°f¾ ¾ ¾ °f ¯j ¯ #  ¾½ ¯ # ° f f  ¾f –ff#f–f# ¯f¾¾nf° f¾¯j¾  9h–°f  nf° f  ¾f   ½¾   ff ¯ ¯¯ ° ½ff n¯f  f f    ¯°f°  n¯ f ¯j .

 ¾f¾ °nfff¯j ¯n°nff   ff¯¯¯ ° f¯j½ff f ¯¾¯i° n¯ € nf ¾ ¾ ½f¾¾f°  ½ff fn°€–fsj# ¾½ ¯ #   ½¾ n°€–f#° nf#  ¾ f  .

¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##   ff ¯ ¯¯ °  ½   f ¯j ¯°f° f f °f½f¯f ff¯j  ½nf  ¾f#n°f%¾f¾%  ½¾#n¾f¾#   ff .j ¯#9#n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ ° nf  ½ –f f     ff¯¯¯ ° ½   f¯j ¾n  ° nn¾½ffn¯f nf° n¯ ¾ ¾°   ff .

j °f n°€–fsj #° nf#  n¯ f ½f¯f f f ½ff  ¯¾¾ ff  fnff  ff¯¯¯ °  n½ff f  n °  ½fff n°€–fsj#–f°n#  ff%gff%  f n¯f¯j ¯°f°  ¯##°f½f¯f f¯jf½f°  ¯##  f     ½ f¾ f¾ ¯j¾ f f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f    ff ¯ ¯¯ ° f ¯j ¯°f°  f¾½f°   €¯f f¾n ° °  ½ n¯f f f½f°   ½ ° ¯ ¾¯¯¯ °f–fn¯f¯jf½f°   nf%f½f% ¾ f¾¯j¾f f¾n¯¾ ¾©°¾ n¯f¾½f¯f¾ f f¾ ¯f½ffff  ff¯¯¯ ° fsj f¯j  h¾½ff °  °n¾f°  ¾° nf  ¾ @ ¯°f ¾ n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff n ½  – .¯f¯j°fn°€–fsj#° nf#  °n¾f° nf °°f  ½¾° ½  ½ ¾¾j€fnf  ¾f–f   ff %f–¯f n¾f%  .

j f½f°  ¯ n°nf  n¯ f ½f¯f f f ½ff f  9f¾¾f f ¯j ¯°f°  % ¾nf f  ¯f¾ n¯ ¾ ¾ ©°¾% ½ f f f½f°   ¯°f°  n¯ f f  .j ¯##f f½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ °n½fff€ °  €nf° f½f¯ff f½ffn¯f  9h–°f  ½f¯ff f½ff n ½  .j ¯°f° °fn°€–fsj# n ½f# nnf f¾  f½   ½ ¾ns  n¯ f ½ff ½ff  ¯¾¾   ff ¯ ¯¯ ° ¾n ° °  f ¯j  € nf° fn°€–fsj°n ° ½   ff   ff ¯ ¯¯ ° f ¯j ¯°f°  ¯ #–ff#  n¯ f ½f¯f f f ½ff n¯f  ¯  nsj g ¯j f½f°  ¯ ##   ¯°f°  °f n°€–fsj  #–ff € nf f#  f f  .¯f¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj° nf nff ¯°f° n¯ff½f°  @ ¯°fn¯f¾¯j¾ ¯–f°n f ¯°f°  ¯n¯f ff½f°  ¯ f  ¾f .

½nf %n°f¾%  ¾ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj #° nf#  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff  f ½¾  f  ½  f¯ ° n¯f ¯°f° °ff½f° €¯f° ¯fn  -f f . °  sf   ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# ½ f f f °f  .j ¯#D# n¯f½f¯f½ff n ½ f nf n¯f½°f ¾ ¾½ f   ff¯¯¯ °½ff f  ½¾ ¯– f– °f¾  f ¯jf½f°   ¾h ¯## n¯f½f¯ff f½ffn¯f   f°f  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#D#g½f¯f ff½f°   ½¾  ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾ ½ff n¯f   ¯°f°  €f f ½f¯f  n¯ f ½f¯f f ¯j ¯°f° f f½ff ¯¾¾  n¯¾ ¾ ¾ ¾€¾¾ ¯f¾½ °f¾ f½ ¾¾f  ½f¾¾f f½¾sj f f½ff f°f f  .j ¯n°nf n¯f½f¯ff f½ff ¯¾¾ °n¾f¾ ¾ff  ¾   ½ ¾ns f¾½ffxff  n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ fnff–f–f°f  .j°fn°€–fsj#° nf# n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ¯€ ° f¯   °n   ff ¯ ¯¯ °  sj f ¯j  €nf°  f f½°f ½ff f € °  n¯ f ½f¯ff f½ff f  fff¾¯j¾ 9¯ – ¾f#ff#  ½¾¯¯ffn fff¾¯j¾     .  °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯# #f   ½¾ ff¯ ¯¯ ° n ½ff f € °   ½ff f fn¯½f°f  ½ – f °n°fsj f nf sf ½ff f fnfsj ¯¾¯¾ ¯ f° f¯¯%¯f¾n%  .f –ff– ¾#¯f f#  . ¯f–°f  °n¾f ¾ ¾ f ¯j f f g y¯½f  f€f¾f f ¯j  °¯ ¯¯ °½fff  ½ffn¯f ¾nf° ¾ ¾ Iff¯ x¯fnf sf°f  nsj f ¯j  ° °f °n¾ff¯j ¯°f° g ¾f  ½¾ f °f½f¯f  ° ¾–f$½ ¾¾f ¾ f¾¯j¾ ¯#–f°n ½# n¯f¾½f¯f½ff f  ¯ € °  f n °  n½  n¯ f ¯°f°  ¯f¾ f€f¾f f   ff ¯ ¯¯ ° ½ff f € ° f °  € nf° ¾ ¾   .¯f°f f s¾  ¾¯ f ¯€ ° ff ¯ °  ff¯¯¯ °¾¯i°   ¾n ° ° f€f¾f°  – f¯ ° f¾¯j¾ n °  ¯° ¾¯#½ #  9h–°f  -f¾n   ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  ¯ .ff .¯f n¯ f ¯j ¯°f°  %n¯ ¾  €¾¾  ¯ n½%  fn  ¯ –f fg¾½ €n  . –f  .

 €  n  ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff ¯¾¾  ¾f° fs¾ – f¯ °  f°f ¾  ff¯ ¯¯ °n½ff ffxgn°f  ¯°f°  n¯f¾½f¯f¾½ffn¯f  f °n¾f° nf ½ f  °fn°€–fsj#° nf#  ½¾ n¯f ¯j ¯#D#f  n¯f½f¯ff f½fff€ °  ff¯¯¯ °n½ff f ½¾   ¯ffn f ¯f¾f½¯f° f¯j f f  9f–f  f n¯f¯j ¯°f°  ¯##°f¯jf½f°  ¯##  9f ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff f  °n¾f f¾¯fgf  ¯ € ° f ¾´¯f–  ff¯¯¯ °n½ff f½ff¾ ¾½ n¾f ¾ n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾f½f¯½f  9f¾¾ f .

¯f¾¯j¾f f¾ f¾½f¯f¾½ff f  °n¾f¾½ –f ¾f½    ff¯¯¯ °¾nf ¾ ¾  9   °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f f f ½ff  ¯¾¾ g nf  ½¾  ff¯¯¯ °½fff€ °  ½ff f €nf°  f½f¯f ½ffn¯f  9 °¾f  °n¾f  ° nf  f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n# g y¯½f  f€f¾f  ¾n  ° ½  °¾nn¾  9 n    ff ¯ ¯¯ °  ½    f ¯j °f n°€–fsj ° nf  f ° n¯° nf °   9   –ff#¯ #  9 –°f  °n¾f  ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# f    ¾ – f  ff¯¯¯ ° ¯  nsjf n ½  n °  ½ff fn°€–fsj#–f°n#  9 ¾f  .

¯ffn  f°ffnf°f ½ ¾nf n¯f¯ f¾f¾¯j¾°fn°€–fsj #° nf#  f f½°f ½ff f  f  °f f–°f  n¯ f ¯°f°  ¯f¾ g € °    f f½f°  ½¾  °n¾f°  ° nf °    ff¯ ¯¯ °h½  f f ¾ ¾  ¯° ¾¯#½# ¯¾ °f  9h–°f  9   .j °f n°€–fsj # n  ½h¾¾f € nf #  n¯ f ½f¯f ½ff  f  .¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ °f °f  f¾¯j¾f¾  f ¾n – f¯ °  ½¾ n¯f¯j ¯°f°  °fn°€–fsj#° nf# n¯f½f¯ff f½ff  n ½  ff¯¯¯ °n ° nf ½ff¯f  ½ff n¯¾ €¾¾ ½°  f ff°sf  9 ¾nf .

 9fnf °n¾ff¯j ¯##f°f n¯f½f¯f½fff ½¾  ff¯ ¯¯ ° ½  ½fff€ °  ½ff f 9 €   f   ½  f¯ °  n¯  ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf#°f½°f °f  f°  ©°¾  9 n½f .

¯f¯j°fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  ff¯¯ °¾nnf ¾ ½ff€fnf° n¯¾ ¾°½  ¯ ¾¯f  f¯j  9nf  °n¾f f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n# ½ f    f€f¾f n¯ ¯¯ °¾nnf ¾ ¾ ¯n f° ¾¾  .j¾ ¯ #–f°n# n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff   n ½   ff ¯ ¯¯ °n½fff€ ° n¯¯f ½ ¾¾j€fnff°–f f   nf  ¾f# f#  ½¾#½ ° #   nnf °n¾ff¾ f¾½f¯f¾ f¾¯j¾f f¾ n¯f¯j ¯°f° f f½ff €f ff½f° ½ff °  ¾ – f  ff¯¯¯ °¾¯i°  fsj ¾ ½¾¾  ¯°f° f½f¯f f¯j ¯°f° ½ff ¯¾¾ ff½ff n ½   n f  ¾ff¯j ¯°f°  ¯#–f°n#½ fnf°f °f   ½ff °n¾f° nf  f¯j ¯##g n nf ¯ ¾¯f  n¯f½f¯f f f½ff n ½  f½¾ €nf° f½f¯f½ff ¯¾¾   ½   °n¾f   ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# f    ½¾  ff¯¯¯ ° sj ½¾½fff€ °   ½¾  n½ff f   ¾½ f °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##g ¾f n¯f½f¯ff f½fff  ½¾  ½¾  ff¯¯¯ ° n½fff € °  ½ff f  – ¾¾fg ¾f  n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ f f°f¯nf½x   ¾½°  °n¾ff¯j ¯##f  n¯f½f¯ff f½fff ½¾   ½¾  ff¯¯¯ °n f€f¾f¯ °½fff€ °  ½ff f  ¯  nsj f n ½     °n¾f° nf  f¯j ¯°f°  ¯#–f°n#g n nf ½ f    ½¾  ff¯¯¯ ° f€f¾f¯ °½fff€ °  ¾n  ° nn¾  ¯ ¯¯ °  ½   f nf °    fn¯½f°f  ½ ¯f ½ ¾¾j €fnf  f –f  9h–°f   .    °n¾f f ½  f ½f¯f f ¯j ¯°f°  ¯ ##  ½¾  ff ¯ ¯¯ ° h½   sj  ½¾  f¾½f°  n¯  ½ –f ° n °  ½    ¯°f° n¯f½f¯f½ff f  ff  .

¯f¯j ¯##gff   n¯f½f¯ff f½ff ¯¾¾  ff .

¯ °½ff f fnf sf f¯ ¾¯ ¯½ n¯ ¯#¾¯#  -j¾f  .j ¯°f°  ¯## n¯f½f¯ff f½fff ½¾  °n¾f f°f y¯½f   ff ¯ ¯¯ ° n ½ff f € °   ½ff f  f  f nf €¯f°  #f# .¯ °¾¯ff#¾f # ¯f¾¾nf° fnf sf½ff¾f ¾%°j%  € nf° f¯j  -j½  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#@#f  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾   ½¾f€f¾f ½f¾¾f½fff n°€–fsj# # f f°f f¯ ¾¯  ¯½ ¾  ½  f ½ f nf n¯f n nfn f  ¾ f f°ffnf sf   °f  ½f f ¯j ¯°f°  ¯ #D# °nffnf  °  ° nf  f ¯j f½f°  °f n°€–fsj #° nf#  n¯ ¾  ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  €¾¾ ¯ f¾ ½ °f¾ ¾ °f f¾   °  .  f  .j ¯°f°  f f f f ½ff  f  ½¾  n¯  ½ –f ° f ¯jf½f°  ¯##  nff¯jf½f ¯° °  f  .

¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #.

j ¯ ## n¯ f ½f¯f f f ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° h½  – f¯ ° ½fff€ °  ½ff f  -j     f  n¯ f ¯j f f ° ½  f¾   ¾  f f°f°  f nf sf  ¯° ¾¯#¾¾#  ¯f  .#  n¯ f ½f¯f f f ½ff  ¯¾¾  nf°  n¯f¾½°f¾ ¾ ¾°¯  °n  ff¯¯¯ °f¾n ° ° fxff  f¾½f° ¾ ¯½ n¯f¾½°f¾ ¾ ¾     .

f¾ ¾° nf  ¾ f¾ ¯j¾°fn°€–fsj#° nf# €¯f°   ¾°f #¯f¾#  ½¾  ff¯¯¯ °  n ½  ½fff€ °  °f 9¯ – ¾f#¯f–°f#  ½¾ °f¾¯j¾ ¯## gff f ¾f   f€f¾f½ff¾f ¾ f °  € nf° ¾ ¾ f€¯fx °n¾ff¯j ¯–ffg y¯½f f€f¾f ¾n  ° nn¾ n¯¾¾¾ ¯n f ¾    .

¯ ° sj ½¾½ff f €nf° f¾nf n¯f¯j°f½¾sj #° nf# f½f¯ff f½ff ¯¾¾  @f ff ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f ¯°f° ¾  ½° ff  ff °n¾f ¾  @f°¾½f 9f¾¾ff¯j ¯°f°  ¯##½ f ¾f n¯ f¯½f¾  @ °f f¾½f½fff€ ° ¾ ¾ f¾¯j¾ ¯# ¾½ ¯ #°¾¯ ¾  9h–°f  ¯ ¯¯ °  ½    f f   ½ff f  ½ff n¯f   ¯°f°  n¯ ¾ ½°¾ .¯# ¾n # ¯f¾n¯¯¯¯ °f¾n ° °   f  .j °f n°€–fsj #° nf#  n¯ f ½f¯f ½ff °   ff ¯ ¯¯ °  n½fff  f¯j  @  .

¯ffn f n¯¯f¾¾f f° f¾ f¾¯j¾ ¯##n¯ f¾½f¯f¾½ff °  I °   . If  .

j¾ f f¾  g ff  ½   n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff  ¯¾¾  f ¯ ¾¯°  ½¯f¾¯f ff  ff¯¯¯ ° ½   f¾¯j¾½ff f ½ffn¯f  ¯°f° gff fn°f  If©f  .j °f n°€–fsj ° nf  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  f ½°f  ° nf  °n¾f f½ f   ff¯¯¯ ° ¯ ¾½f½ffn¯f  I  ° fs  f°f  n¯ f ¯j ¯ ½n fn¯f  ¯   °f n°€–fsj #° nf#  n¯ f ½f¯f ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° n ½ff f n¯ – f sj ½¾  ¯°f° n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ f½°f ° nf ½ff f  ¯¯f ¾½xn   ©  I  .¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾   ff¯¯ °¾nnf ¾f °¾ I  ½f ¯x °f n nf ½ f  n¯f¯j ¯#D#f    ½¾   ff ¯ ¯¯ °  fsj ½ff  f  ½¾  ½ff f € °   – f¯ °  ½ff f  ¯°f° n¯f½f¯f f¯j½fff€ °  I ¾  .j ¯#D#f  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ¯x  °n¾f ½ f     ff ¯ ¯¯ ° –   f€f¾f¯ ° ½ff  f   ¾ –   ¯¯ °nnf  If  °€f f ¯j ¯°f°  %°f n°€–fsj  #n°nf#% °f ¯j f½f°  ¯ # n ½h¾¾ff # n¯ °€f°   ¯ °f°f  f  .

¯f½ff¾¯f°–f¾ f–f n¯ sf° ½  fs ¾    –n 9¯  – ¾f#€f#  ½¾ ¯¯ffn ¾fnff f  9h–°f   ff¯¯¯ °½fff€ °  – f¯ ° ½ff f  ¯° ¾¯#½ #%  .  ¾ f¾¯j¾ ¯#–ff# n¯f¾½f¯f¾ ½ffn¯f    ¾n nf f ¯j f °f f¯ °  f° f½ f nf  ¾¾f ¾ f¾¯j¾ ¯## ff½f° n¯f½f¯f½ff f f ¯°f° ½ff n¯f  ff¯¯¯ °n½ff f ½fff  f¯j ¯°f° ½f¾¾f° ½ f ff½f° n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ f½f n¾f°€°   f  ¾¾f° ¾½  –ff– ¾# °f#   ^[X__ W_ Ê  ¾f #f f#  ½¾ #nfsj# % °n¾f f ¯j ¯ ## f ½    –f  .

j ¯°f°  ¯##f¾ ½  fs ¾nf°   ° ¾ ¾¾f  ¾f#¯x n#  ½¾#°© nsj#    .¯f¾½ff½n¯f¯j ¯°f°  ¯#–f°n ½#   n f  ¾ff¯j ¯°f°  ¯#½°sf€ nf f#f°– f° fs ff¯j% ¯##% ¾  °n°f€ n ½fff ½¾  ¾¾¾ ° ¾nf  ¾f#f½f#  ½¾#¾nf#%½¯  nnff¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## °n¾f f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff €f  ½¾   ff ¯ ¯¯ °  sj  –f°  f¾ ¯j¾   ¯°f°  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff °  ¾ ½°¾  ° °n¾f ¾%  f°nh  ¾f# ° #  ½¾#½´# ¯f¾¾n¯¯f¯j  ¯   °n¾f f ¯j ¯ ## g y¯½f   ff ¯ ¯¯ °  ½    ° nf ½fff€ °  ½ffh¾  . €ff  .

f    9¯ ¯¯fnfnf n¯f¯jf€f   ¾f  f  f nf sf   ½¾ ½ – ¾½n¯f f½f¯f ff¯j€ nf f  .

fsf  9¯ – ¾f#nfsf#  ½¾ °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##f½   ff¯¯¯ ° f¯j½fff€ ° f€f¾f°  ¾  ½  ¯¾¯i° n¯¯f – f°n°fsj n½½fff€ °  .

f°ff  9¯ – ¾f#h–f#  ½¾#ff°©f#  .

¯fnf°f½ff¯¯n€° %¯j ¯##%  .f° .

f –¾f  9¯  – ¾f #¯x n#  ½¾  €¯f°  ¯ nfsj n¯ f¾ ¯j¾  °n¾ff½  °f  ¾    .

f½°   .j ¯°f°  ¯ #n°nf#  n¯ f ½f¯f  ¾ ¾ f ¾ ½ff  ¯¾¾ ©°fnf° f nf  ff¯¯¯ °  n½fff ½¾ ½f¾¾f°  ©° f nf¾ ¯f f fnf f° n¯f¯jf f .

°¾ ¾  ½° f¾ f¾¯j¾ ¯#D#%½f¯f¾½ff f% n¯¾ €¾¾ ¯ ©¾  .

°f ¾f –ff#f° f # ¯f¾ f¾  ¾ n¯f¾ f¾¯j¾  .

¾ f –ff#n¾ #  .

°   ¾f#n°f#  ½¾#nf½x n° #   °¾f  ¾f#¯x n#  ½¾# ° #   ¾ °f  9¯  n¯f¯j ¯°f°  ¯# n ½h¾¾f# f f½ff€f   nf  °€i°nf .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff¾f ¾ ½¾¾  ff¯¯¯ °¾nf ¾¯i°  f½¯fsj f¾½f¯f¾  9h–°f  ¯¯ffn  ¾ °f  ¾ – f – ¾f#f n#  .

  nn¾f 9¯   °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#–f° ½#g nf  ½¾  ½f¾¾f–f° ½½n¯f f¯jf½f° °fn°€–fsj#° nf# ¾ ¯ nf  ¯½ –f  9¯   f  n¯f ¯j ¯°f°  ¯## n¯f½f¯ff f½ff n¯f°½ ¾ns  ½¾ n¯f¾ f¾¯j¾ ¯##  ¯€ ° f ¾´¯f– n¯f¾½f¯f¾ ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°   f °f  – f¯ °  n ½ff °  ½ff€f  °€ ¯ f .

¯f ¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#  ¾ °f¯f n°f  ¾f  °€ ¯  .

¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#  ¾ °f¯fn° fsn°h  °– °  °n¾f ¯x  f¯j ¯°f°  ¯##g¯jf½f°  ¯## n¯f½f¯f½fff ½¾  –f½fff€ °  ½ffh¾  °– ° f¯ °f  ¾f# °– ° # #n¯ #  °– ° n 9¯ – ¾f# °– ° #  ½¾#n°¾#  °– ° °€¯hn  ¾f# °– ° #  ½¾#n¯½f #  ¾ f°  –ff# ¾ f#  ¯f   ¾ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  f f¾ ½ff €f  °n¾f f¾ ©° g nf sf   ff ¯ ¯¯ ° n ¾¯i°  ½ff f  ½ff f € °  €nff¾nff¾¯j¾ ¯¯¯ °¾n¾  ° n–¾f 9¯  – ¾f#¯x n#  ½¾  f°ff¾ f¾¯j¾ ¯–f°n  ¯f nf ff  n¯¾ €¾¾ ¯f¾½ °f¾°f¯fnf  f f  f  n¯ ¯¯ °¾  ½  ¾  – ¾ n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n# °f n nf ½ f   f¾n  ¾f#f©f#  ½¾#–f#%n¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj #½°f¾ #¾ –f½¾  ff¯¯¯ °¾¯i° ½fff€ ° %  °x½   ¾ f¾¯j¾ ¯## ff½f° n¯ f½f¯f ½ffn¯f f ¯°f°  ½ff f  f n¯f½f¯f f ¯°f° °f ff½f°   ½¾n¯f¾n¾f¾  f °   ¾f#©f ¯#  ½¾¯¯f– ¾ f½ff¾ ¾  °f¾f  ¾f#©°f#%¾ f¾¯j¾ ¯## ¯f½ffn¯f f½ff f  n¯¾ ¾½ff¾f ¾½¾¾ ½¯f nff¾¯j¾ ¯f½n¯f ff f ¯ ¾¯ ¯½ ¾ ½f¾¾f½fffn°€–fsj##%  ½¾# ¾n  #   °f   9¯  – ¾f #¯f f#  ½¾ nnf f ¯j ¯ ## f f  f nf sf ½f¯f½fff    ff¯¯¯ °n½ff f ½fff€ ° n¯¾  €¾¾ f fnf¯fnf   9h–°f    ¾f#f –f #  ½¾¯¯ffn  f n¯¯f   .

 .  ¾ f¾¯j¾ ¯#D#f f½ff f  ff¯¯¯ °¾¯i°   f °f ½ffh¾ ½fff€ ° n¯¾ €¾¾ ¯f¾¯ ¾f ¾€f  .¾f h  ¾f#¯¾f#  ½¾#h#  °f°––¾f  9¯  – ¾f #¯x n#  ½¾ f½°f ½ff     °f  nf  9f    ¾f #½j#  #f¯f¾¾f# %¯¯f  fn  f¯f¾¾f ¯f¾¾f n¯ f¾ f¾ ¯j¾ f ¯ ¾¯  ¯½ ½ff f € °   ½ff h¾%  f €¯f x – ¾f #½j#  ½¾   ff ¯ ¯¯ ° n ½ff  f     ½ff n¯f  n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## %½f¯f½ffn¯f% n¯f¯j ¯°f°  ¯n¯f  9f     ff ¯ ¯¯ ° nnf °f ½f  ½¾  f nf sf  n¯   ¯x %¯j°fn°€–fsj#½°f¾ #%  9f¾     ¾f# #  ½¾#f¯f¾¾f# f€¯f x – ¾f# #  ½¾ –ff¯j ¯°f°  ¯## ½ ° f° fs ff½f° n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ f f–ff°¯f© f f¯  f¯f¾¾f 9€¯ – ¾f#nf½x n° #  9f¾  ¾f# f#  ½¾#n f#  9 ff  ¾f#¯x n#  ½¾#nf°sf¾#  9   . ni°n  ¾f#nf#  ½¾#ff°©f#  .x n  9¯   ¾ –f  ½¾ f ¯j f½f°  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #½°f¾ #  ¾ – f n¯ f ¯j ¯°f° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ # nf° f  ½¾ ½ n¯¾ ¾  ff¯¯¯ °f°– ½  ½fff  f¯j  .¾f  ¾f# ¾½ f#  ½¾#nf#  .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯## f¾½f¾ ¾ f ¯°f° °ff½f° f f ½ffn¯f   ½¾  ff¯¯¯ ° sj f ¯°f° €nf° f½f¯ff f ½fff€ ° n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ ffn¯ ° f½fnf fff½fff½f  9 ¾nf   ¾f#nfsj#  ½¾#½ ¾nf#  9° %  ½f ¾%  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff  f  ½¾  ¾ ¾ ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ ° n  ½    fs ¯°f°  ½ff f f ¾f n¯ f¾ ½°f¾ ¾ ¾ f nf °f ½f¯f  ½ff n¯f nf°  n¯ f¾ n¾f¾ ¾ ¾°f½f¯f  ¯°f° n¯f½f¯f½ff f f¾½°f¾ ¾ ¾°½¾ ff ¯j  9° %  f ¾%  .

¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #D#  f ½f¯f f f ½ff  f  ¾ ¾  n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾  ½°f   ¯j f½f°  ½ ¾  °n°f ¯ ## n¯ f ½f¯f½ffn¯f n¯¾ €¾¾ f½f f  9h–°f  ½¾  ff¯¯¯ °– ½ff f  ¾n  ° ¯f°f ¯– f– n¯ .

 9nf °n¾ff¯j ¯# n ½ff #f  n¯f n nfn f f  ff¯¯¯ ° ½   ¾ ¾½ff f ½ffn¯f  9€ ¾¾  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # g y¯½f  If ½ff f € °   ½¾  n¯ f¾ f¾ ¯j¾  ¾ n¯ f ¯°f°  °f n°€–fsj#° nf#  ff¯¯¯ °nn°°f  ¾¯i°  f °f  ½ff ¯ f   ½ff    9 ¾  fn ¾n °f  nn   nn   nn % f  n¯ f ¯j € nf f ¯  ¾y¾ ¾ ¾nf ¾ n°€¯ nf¾ °f½f¯f f¯jf½f° n¯ f¾n¾f¾ f ¯°f° ½ffn¯f% ¾ n° h%–ff#f° f ¾#% ° ¾h% f n¯ ¯j°½   f ½¾ ¯#Df #n¯f½f¯f½ff ¯¾¾%  9¾n– .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯## f¾½f¯f¾f f¾½ff¾f ¾½¾¾  ff ¯ ¯¯ °  n f ¯j ¯°f°  ½ff f fx °nff °   ½ –f   ° nf   ¾ –   ¯ ¯¯ °  ½   ½ff n¯f  ½ff f   ¯°f°  – f¯ ° fn¯f ff¯j  9¾ff °n¾ff¯j ¯#n°nf#°fnf sf  ½¾– ¾f#½¾n–#  f½f   9¯  – ¾f #¾f½f#  ½¾ n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾½ff ¯¾¾  °n¾f¾° nf  ¾  ff¯¯¯ °n ½   ¾ ¾ ½ff f  n¯ ½  °f sj ¾ ½¾¾   ¯°f°  n¯ f¾ ¯j¾ ¯ ½n f€f¾f f¾   n hf –ff# ¾n#¯¯f– ¾  nff¯n¯½f    f  °n¾f ° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#f    ½¾n°f f ¯j f½f°  ¯ #–f°n# n¯ f ½f¯f ½ff  f  ½¾   ½¾  ff ¯ ¯¯ ° f ¯j ¯°f°  ½ff f  ½ff f € °  ½f¾¾f°  ½ff f n°€–fsj #–f°n#  °f° f ¯j f½f°  f¯ x¯ ¾  ¾nf ½ff f  ½ff f € °  @xn°n ¯ff °– °  ¯f¾ ¯  –fn¯  °n¾f   f°f  –f  ½¾ff °n¾f  @ f½ f f €ff   ¾f # °¾°f#  ½¾ #€ff# %n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n ½# ½f¯f½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ °nnf ¾ ¾gf f nf  @f  ¯ff°x½  ¯f¾n¯f¯j ¯°f°  ¯#D#  If   ¾f#f #  ½¾#f#   9h–°f  I  °h  ¾f#¯x n#  ½¾#f°¯f#  .

 \^WY[ .

°n¾½ n  .

°fn   ¾ ¯½ –f   € n   €¯f    ¾sj   W_`a ^[Ê–ff# ¾#  °  .¯ffn nnf¯f°   °  ¾f#¾j# #n nf¾# #½ff#  °x .

¯f¯j ¯## ¯¯ffn  °€f¯ °x°fnf sf ¾ –f° ½ f ½ff  f¾  9¯  – ¾f #¾f½f#  ½¾ n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ ## ¾  ½   fs n¯f½f¯f½ff f  ¾ – f  ff¯¯¯ ° sj ½¾ f½f° f  f¯j% f  ¯° °%° fs n°€¯ fff nf° f ff  °¾ ¾f¯¾f €    ¾  9¯  – ¾f #nfsµ ¾#   ½¾  n¯ f ¯j °f n°€–fsj ° nf  f½°f½ffnj f¾  ¾  °n ° f n nf f  .

fn n .

¯f¯j ¯°f° ¯¯ffn ff¯f½°f nfn n½ff h¾ f¾n¾f¾  .

fsf¾   ff f n°f  f   € nf f¾ ¯j¾ ¯ #½¾f#  °¯ ¯¯ ° ¾¯i° f¾n ° °  .

fsµ ¾  9¯  – ¾f #nfsf¾#  ½¾  n¯ f¾ ¯j¾ ¯ n°nf¾  f  °f¾ ½ °f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff n¯f   fn  n¯  n¯½¯ ° ¾ nfsµ ¾ %¯f¾ fn¯f ¯f¾f f % .

fsµ ¾  f°  ¾f#nfsµ ¾#  ½¾#½ff#  .

f¯¾f  .

¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ # n  ½h¾¾f f # ¾n   f €¯f  nf° fnf¯¾f n¯ sf° ©°f½ ¾ns  ff° ¯¯¯ ° ¾n ° ° g ¯  f ¾ € nffn°€–fsj  .

f¯¾f  ¯  ¾f#½f#  ½¾# ¯#  .

f¯¾f .

¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf# ¾n  f€¯f f–f % ° f  ¯ fn f f f  ¯ n –fff  n %  ½¾ n¯f¯j ¯## ¯fnf ° fnf ff¯f°–f  9h–°f  .

 .

¯f– ¾ ¾ ½fnf½½n¯f fnf sf  .f½ .

f¾fn .¯ffn  ¾¯nf¾fn  .

f½x  f  f¾  ¾n¯f¯jf f°fnf sf °n°f°  f– f¯ °   nf½x f f¾ ¯¯ffn nnf¾ –f° °f¾f f¾ nf ff   .

°   €¯n°    n¯f¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ #f¾½f  ¯x  ° ° nf  ¯x  f¯jf½f° f¯ f¾n¯f¾½f¯f¾½ff f  € n°   °€f  n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  f¾ ½f¯f¾ ½ff f  f¾½f f ¯°f°  ½ ½ ° nf¯ ° gf½f° n¯¾ €¾¾ ff n°   .

°  f$½f°€f¾ –fg¯f½f  – ¾ #nfsf#  .

° .¯f– ¾ f½ fn°  .

    ¾ff–f  ½¾n¯f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff€f ¯fnf f¾fsf¾ n   .

f°¾ 9¯ – ¾f#¯ f¾#  ½¾¯¯ffn ½f¾nf°¾°f½ °f  f  .

 nf¾ .

¯f¾¯j¾ ¯# n ½h¾¾ff #  ¾n  €¯ff°–f f¾ n nf¾ °f°f½xnf  nf½  .¯ffn f½f¾¯ ¾n¯¯ nf½  f  f¾ €¯f¾  9¯ f  n¯ f¾ ¯j¾ f f¾  g ff ¾ ¯ ¾  n¯ f¾ ½f¯f¾f f¾½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ °n f¾¯j¾ n¯f½ff f ¯ ¾¯i°  n¯  € nf ¾ ¾   ¯°f°  °f n°€–fsj # #   –° f  °n¾f f¾ f¾ ¯j¾ ¯ n°nf f ½   °f  nf  n¯ f ¯°f°  ½ n¯f   ¾nf  n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾ff© ff–fff  f  f°  9¯  ¾f f¾ ¯j¾ f f¾ ½  n½  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff °  ½¾ – ¾f#½ff#  f  °  ¾f# ¾#  ½¾# °f#   °f  ¾f#n nf¾#  ½¾ n¯f¯j ¯°f°  ¯## n¯f½f¯f½ff f ½¾ ¯° °ff½°f½fff€ °  ff¯¯¯ ° sj ½¾ ½ffn¯f  ¯°f° n¯¯° °ff½°f½ff n  f f °f  ¾f#nf¾fn#  ½¾#nf#   .

¯ffn f© f° f–fffn¯f¯j ¯°f°  °f°f f½f° ¾  f°f– f¯ ° fnf sf  ¯½ ¯ h   ¾f#nf¾fn#  ½¾#½h¾n#  9h–°f  ¯jf½f° €nf°f°f  ¾´¯f–n¯ ¾ –f° °f–fff ¯  f f¯j .¯f¾ f¾¯j¾ ¯##¯¯f °€f¯–°fnf sf  fff .

 fs °n¾f¾ ¾ ¯##©°f½ ¾ns €f¾ff¾¯j¾f¯ ¾¯ ¯½   ¾  f  ¯ ¾ ¾ ½ff f n°€–fsj #D f #  €nf°  f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff  ¯¾¾   °s .

¯f¯j ¯# n ½h¾¾f# ¯¯ffn f¾¾f°f% f¾  ¾%  f¾  ¾ f¾ ¯j¾ f f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff f  9f¾¾f n¯ f ¯j ¯°f°  ½ n¯f f f  f € °  ½ff h¾  ½¾  ½   ¯ ¾¯  ¯f¾ n¯ f f½f° ¾ ff ¯°f° .

¯¾ ¾  ¾ ¾¾ ¯fnfsff¾  .ff .

f¾f°¾½f ° ¾  ¾f#¯ f¾#  ½¾#f°¾½f ° #  . f¾    ¾f#¯ f¾##nf°¾#  ½¾# #%n¯n°   °€f  ¯f¾n¯f¾¯j¾f f¾ ¾x n¯¾ ¾f€f¾f ¾%  . f¾  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ # # ° f¾ ½ ¾ ½ –f ¾  n¯ f ¯°f°  ¯ n¯f   ff ¯ ¯¯ °  ½    sj  ½¾ f ¯j ¯°f°  ½ff n¯f  ½ff f  .° ¾ff   ¾f #¾ff#  ½¾ ¯fnf  n¯½¯ ° n ¾f n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯#n°nf#°f¾½ °f¾  .nf .¯f¯j ¯°f°  ¯# #  ¾n  ¯¯¯ ° ¾n ° ° ½ f  ½ fxgn°f n¯¾ €¾¾ ffsf f¯ff  .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯n°nf  ff¯¯¯ ° ¾n ° ° f½f ¾¯ ¾  ¾n  ° f¾fsf¾ f¯nf  n¾ ° nf   ½ –f f¯j ¯°f° f €¯f ¯ #.

j f½f°  ¯ ##  n¯  f° fs ½ff  f nj  .#  @nf f¾  ¾ n¯ ¾ ¾°fnf sf  f   °f f°   n¾ ¾  ¾f#n¾# #¾#  9©f¯f  9¯  °n°f f nf sf  °n¾h f g ¯j ¯°f°  ¯ ##  ½¾ – ¾f# ¾#  9   ¾f #nf¯¾f#  ½¾ n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #½°sf#  ¯fnf ¾ µ ¾ 9€¯ ¯fnfn¯½¯ ° f¾¯f–°f¾ n¯f¯j ¯##   –  .

¯f¾ –f°ffsf ¯¾fn  ½f fn°f .¯ f ¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#  ff¯¯¯ °nnf ° nf  ¯n¯f  ½¾  ½j  ¾f# ¾#  ½¾¯¯ffn ffn j°f°f fn°f  fn .

¯f¾¯j¾ ¯#n°nf#¯fnfn¯½¯ ° f¾ff  9h–°f  ff .

¯f¾¯j¾ ¯##  ff¯ ¯¯ ° ¾n ° °   f€f¾f¯ ° f .

 f° hf f¾½ff½f¯f f¯jf f°f¾n¾f¾ f¯jf½f°  ¯## @f¯ x¯ ¾ ½ ¾f° nf  ½ –f f¯j ¯°f° ½ff ¾½ n€nff€¯f f¾f° hf  ¾n  ° f½¾sj f¾f¾  f½f .

¯f¯j ¯## f½f¯ff f½ff ¯¾¾ f  € nf½ –f   ½¾ ¾ €¯¾f½f ¯  – ¾f½ ¾f ¾ff%f¾ f¾¯j¾ ¯##  n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ °¾nf½fff€ ° ¾¯i°   f °f %  ¯n°f%n¯° nf  ½ –f€f f€¯f fn°f  f°fff½fff ¯f¾ ff f¾  ¯°–  ¾f#nf¾fn#  ½¾ ¾n  f€¯f fnf f nf¾fn  ¾½ °¾¾ ¾ f¾¯j¾ ¯# # °n¾f f¾f½ ½ ¾½ –f ¾  ff¯ ¯¯ ° f€f¾f¯ °  °% f¾  ¾%n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ ¯f ¾nf¾ h¾n¾ ¾¾¾½ °¾¾   ° .

¯½ –f ° nf f€¯f¯#.

¯f½f¯   @ ¾  .# nnff¾ f¾¯j¾°n ° ½  €f¾f½ff¾f ¾ ½f¾¾f° ½n¯f f¾¯f¯f¾  @x°¾  ¾f#¾f½f# # fnf#  @  .

¯  ° nf   ¯fnf  ½  –f  ½¾  n¯ f ¯j ¯ ##   n¯½¯ ° f¾¯f°–f¾  I ¾   .fnf f –f n¯  ° nf   f¾ ¯f°–f¾ n¯ f ¯j ¯ ##  ½¾ °n¾ff¾½f¯f¾ f¾¯j¾f f¾f½   ff¯¯¯ ° ¾n ° °   S_S  f  f¾   ¾ n¯ f ¯j ¯ ## ½ f  ¯  n°h  n¯ f ½f¯f f f½ff ¯¾¾  ° f  ¾f#nf¾f#  ½¾ °n¾f¾ ¾° nf  ¾ ½ –f ¾ f¾¯j¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff €f   ff ¯ ¯¯ ° –   f€f¾f¯ ° f¾ ¯j¾ ½ff¾¯ ¾¯¾f ¾   nf fsj  ¾f#nf ##¾j#  ½¾#n¾f¾# #½´#  .

f¾f  f f  .

¯f ¯j°fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  nnf  f° fs½ n¯f fnf sf  ff¯¯¯ °n½ffn¯f ½ff f  .

f¾f  f°  9¯  – ¾f #nn# %  ° nf  ° °f  ¯¯ ° ½ff n¯f f¾  ¾%  ½¾# f°#%¯¯ffn  °¾f f½ %  9h–°f n°€–fsj° nf f½°f½ff f f¯jf½f°  °n ° f n nf f   .

f   .j f½f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f ½ff f  .

¯ f ¯°f°  °f .

 .

f¯°x °n¾ff¯j ¯°f° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ #n¯f½f¯f½ff ° g ½f¯f f ¯j f½f°  ¯ n°nf  f¯ x¯ f f ½ff  ¯¾¾   ff ¯ ¯¯ ° n f ¯j ¯°f°  ½ff n¯f ¯ ¾¯i°  n¯  f  ¾ ¾   ¯°f° gff  n¯f¯jf f  .

j ¾ f¾¯j¾ ¯## ff½f° n¯f½f¯f½ffn¯f f ¯°f° ½ff f .

nff ¯°f° ¾  ff½f°   ff¯¯¯ °–  f¯jf ¾f ¾  f½f¯f ff fxg½°f ¾ ¾  .

  .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯## f¾½f¯f¾½fff ½¾ n¯¾ ¾f f½°f½ffnj  ff¯¯¯ ° sj ¾½¾¾½ffn¯f f¯ ¾¯ ¯½  ¾ ¯ ¯f¾¯j¾½fff€ °  .

¯ffn f ¯f½f  ½¾– ¾f#n¾f¾# #½´#  ¾µ ¾ fnf¾f 9¯  – ¾f#nf¾f#  ½¾ nnff¯j ¯°f°  ¯## ½ n¯f f f½f°  % ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff f%  °n¾f°   f   ¯° °   ff ¯ ¯¯ °  ½   f ¯j ¯°f°  f °  °f f ¯j  nf¯ °   ° f° f½f¯f½fff€ °   f   .j ¯°f°  ¯#–fff f# ½ f f¯jf½f°  ¯##n¯ f¾½f¯f¾½ffn¯f  ff¯¯¯ ° f¯j ¯°f° nf° n¯f¾½°f¾ ¾ ¾° ¾ f¯jf½f°   –f¾ –ff# ¾nf f# ½x  ½  ¯½   ¾½ °¾f .¯ ° f¾n ° °   ¾n ° °  f ¯j ¯°f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f½ff f ¾ ¾f ¾½fff ½¾ ½f¾¾f°  °  ¾½fs ¯#.°f .

j ¯°f°  ¯#D# n¯f½f¯f f½°f ¾ ¾½ff f  ff ¯¯¯ °n ¯ ¾½f½ffn¯ffxgff    ¾n f¾½f¾ ¾ f¯j ¯°f° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ #½fff € °  ½ffh¾½ f¯jf½f°  ¯##n¯f½f¯f½ffn¯f  °n ° f n nf  f  ff– ¯ 9¯ – ¾f#nf#  ½¾nnff¾ f¾¯j¾ ¯##n¯¾ ¾ f f½f°  f f½°f ½ff  f  ½¾  f ¯°f°  ½ ½ ° nf f ¾f    ¾ – f   ff ¯ ¯¯ ° ¾n ° °   ½ff f € °  f ¯j ¯°f°  ½ f f f½f° n¯f–¯f ¾i°nf  ° nf  ¾  f° f .# f ¯jf½f°  ¯°f° – f¯ ° fn¯f ff¯j  ¾nf f .

f¾ ¾f° fs¾ ¯€ ° f°n n¯f¾¯j¾ ¯##  f ¯ 9¯ – ¾f#€##€f#  ½¾#° #  9h–°f  f   ¾f ##  ½¾ ¾n   ¯ f f  ½ff  f nj n¯ ¾ .

f ¾   ¾f#f#  ½¾#¾ #  .f nf¾f  ¾f#f#% °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##° ¾½fs °  °f f nf  ff¯¯¯ °n f¯j½ff f ½ff ° ¯°f°  n¯f¾n¾f¾ f¯j½ f  %  ½¾#nf¾f #  . 9f   9¯  – ¾f #½ f#  ½¾ f¾½f   n¯f ½ff f  f ¯j ¯°f°  ¯##n¯f½f¯ff f½fff ½¾ ¾ ¾½fff€ ° ½ f¯j f½f° f¯ x¯ ¯##¯f¾n¯¾ ¾½ffn¯f  9f –ff#f %½f%#¯ ° f½ °f¾f¯j ¯°f°  9j –ff#f %½f%# ¯f¾f€f¾f° ¯f¾f¾¯j¾  9x  9¯ – ¾f#nf¾f#  ½¾ nnff¯j ¯°f°  ¯#–ff#¾ ff ½f¯f f¯jf½f°  ¯##  ff¯¯¯ ° nf f¯j ¯°f°  .°f  ¾f#€f#%¯j ¯°f°  ¯##f f °°f%  ½¾ ¾ °f ¯f f ½ff fnjn¯¾ ¾ ¾° nf  ¾  $.

  ¾f## # ff#  ½¾#.

j¾ ¯ #½¾f f f#  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  ¾ ¾ – f¯ ° ½ff f ©° f n½   ff¯ ¯¯ ° n ¾ ¾ ½ffn¯f n¯ – f sj  ½¾ ½ff °   ¯°f°  n¯ f¾ ½°f¾ ¾ ¾ – f¯ °  ½ffn¯f  ff  ¾f 9¯  – ¾f#¾€h#  ½¾– ¾f#¾ff#  ff ©f°f  ¾f#¾ff#  ½¾#n¯ ## € sj#  j   ¾f # f #  ½¾  ¾ ¯ f f ¯j f½f°  f½°f ½ff n¯f  ½  f¯ ° n¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#  °n ° f n nf f     ¾f#f# ## # °#%–ff#f#%  @ f  D°f¾ f¾¯j¾ ¯ ##½ f½°f ¾ ¾ €¯f° ¯ f  ¯ n  @ fs  .#  ff  .

¯ ¾ ¾ ° nf  ¾  €¯f ¯ f f  ½ff  f nj  ½¾ – ¾f# ¯n¯f#%f½°f½ff nn¯f n nfn f%  Iff° f 9¯   ¾n  ¯f f   ½¾– ¾f#©f° f#  I ° f  ¾fnf¾f   ½¾f½ff¯j ¯°f°  ¯#–ff#°f½f¯f f¯j f½f°  ¯##  J.

  ¾f#J# #.

# ¾##  9h–°f   .

 .

TWU`[_W[T ^[ nf  ¾f#€#  ½¾ ¯¯ff f½f ffnf n¯f¯j ¯##  n¯f ½ff f  ¯h .j f½f°  ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff  f  ½¾  ¾ ¾ ½ff   n ½ f¯j ¯°f°  ¯#D# n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ ¾ ¾½ff f   ¾ –   ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾ f ¯j ¯°f°  ©° g ½f¯f f f½f° €nf° f¯j ¯°f° n¯f½f¯f½ff f ¾ ¾½fff€ ° n¯¾  €¾¾ ¯f½ ¾¾ff¾  f°f f° f  f f   x .¯ff f%¾%½f%¾% f¯h n°€¯ nf¾ ¾¯f½f f¾  ½f n   ½¾– ¾f#n¾f¾# #½#  n¾¯  f° f  .

nff¯j ¯##n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ ¯€ ° f€¯ f f–f   ff¯j½ff ° ½  f¯ °  .

f f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  ¯ ¾¯ f ½¾n°f f¾ff  °n  ff ¯ ¯¯ °¾¯i°  f¾ ¯j¾½ff f ¯ ° f¯ x¯°n– f¯ ° ½ff f  .

f¯f 9¯  – ¾f# ¯#  ½¾#¯ ¾f# 9 ¾  ¾½ n€nf¯f f  ¾ x ¾  nf¾f  .

i¯ff  €¯f   ff ¯ ¯¯ °  ° ½ff ¾ f ¾ f ¯j ¯ #½¾f#  n¯f½f¯f½fff ½¾¾ ¾ ¾½ff n ½  .

f°   .

  ¾f#. .

# ##  .

  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#.

#g¯jf½f°  ¯ ## f¯ f¾n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f  f   ff ¯ ¯¯ ° n f ¯j ¯°f°  ½ff f  f  ¾n  ° f€¯f n   ½¾ ¯¯f¯f f° ¾ –f° °n   .

nj  ¾f#nf¯f#  ½¾#€€#  .

j ¯##n¯f½f¯f½ff f ¾ ¾½fff ½¾ gff f nf   ff ¯ ¯¯ °  ½    sj  ½¾  n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾ f  f f n g nf  .  .

¯ f  ¾f#¯ #  ½¾¯¯f½ff¾–f f¾ n¯f¾¯j¾ ¯## f¾ ½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾  ¯€ ° f¯  °n  9h–°f .

½  f  n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ #.

#  f ¯°f°  ½ n¯f f f½f°  n¯ f¾  ½f¯f¾½ffn¯f  .

 .

°f ¾   ¾½ f   ¾nf ½ff ¯ f   ½ff   f ¯j ¯ #–ff#  n¯ ¾ ¾ ½ffn¯f f½f¯f½ff n ½  I  ¾f## #I# °f¯ ° ##  ¾nf  .

¯ f ¯j ¯ ##  f f  f nf sf %½f¯f ½ff  f  ½¾%  ff ¯¯ °¾nnf ¾ nf¾ °¾ °  ¾½° ¾  –  ¾nf  ° ¾ .

¯f¯j ¯# n ½h¾¾f#%½f¯f½ff f  ¾½ff f  ½¾%  ff ¯ ¯¯ °  ½   ¯ € °  f¾ ° ¾  f  f ½ff f ¾  f n¯¾ ¾ ¾x¾¾ ¯¾fff  ¾€ –°f ¾ f¾¯j¾ ¯##%½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾%  ¯€ ° f°n  n¯ f ¯°f°  ¾   f f½f°  %¾ ¯ ¾  nf ¯%   ff ¯¯ °¾ nnf ¾ °f¾ n¯¾  ¾x¾¾ ¯¾fffnjn¯¯f ¾€ –°f  ¾½   9¯   – ¾f # #  ½¾   ff ¯ ¯¯ ° ½ff f € °  ¯f° °  f n°€–fsj   ¯°f°  n¯ f ¯j ¯ € °  g nff  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  ¾f°   ¾f##  ½¾ n¯f¾¯j¾ ¯##%½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾  ¾½ffn¯f%¾¯ff½¾sj ¾¾nnf ¾°¾ff  ¾¾ ½f°   ¯ n¯f¾¯j¾©°f¾ f€f¾f° ¯f½ffnf ff   ¯° ¾¯#€€€#  fnf f¾½fn¯° nf   ° ¾   n¯f¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj #° nf#   °f  –j  °  – f ¾nff¯j ¯## n¯f½f¯f½fff ½¾ ¾ ¾½ff   n ½  ¯° ¾¯#€¾¾¾#  –€n  ¾f#€#  ½¾¯¯ffn f f½f €–€n n¯f ¯j ¯##  f ¾  f½fff  f  f€  f n¯f¯j ¯°f°  ¯#Df #°f½f¯f f¯jf½f°  ¯## %½f¯f½fff ½¾%  f f°f½¾   ff ½  °¾ ¯¯ °¾ nnf ¾ n¯ f ¯j ¯ ## °f nf %½f¯f½ff °%   ff ¯ ¯¯ ° n ½ff  f   ½ff n¯f  f€f¾f°  f¾ ¯j¾  ¾n  °  f €¯f ff  ¾ – f ¯¯ffff¾¯j¾  9h–°f  ff °ff¾¯j¾ ¯n°nf%½f¯f¾½ffn¯f% ¯€ ° f°n  ½¾  .

 f f 9¯ – ¾f#€–#  ½¾nnff¾¯j¾f f¾f f¾½ff€ °  °f f–°f n¯¾ f¾ ¾x¾¾ ¯¾ff n f€–  .h°f ffsf  .h°f €f ¾¯  .h°f €–h€nf  ¾ f¾ ¯j¾ n¯ ¾ ° nf  ¾  ¾ ½ –f ¾ f €¯f ¯ #.h°f  ff ½f  9¯  – ¾f #½f#  ½¾   ff nn¾ ½ ½ ° nf ¾ f nj n¯  ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf#  ½ ° f½ f nf n¯f¾ n nf¾n f¾  .h°f nf€x  .

 $¯ ¾f  @I  9¯  – ¾f #¯ #  #¯ ¾f#  ½¾ #@I#  ½ €¯  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯n°nf%½f¯f½ffn¯f%g¾n¾f¾ f ¯jf½f°  ¯## % ¾½fff ½¾% n¯¾ €¾¾ f@I ¯n¯f ¯   9f° f ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾ ¾ ¾½fff € ° n¯¾  ¾x¾¾ ¯¾ff–ff°¯f½f° f  9f½  n°f  ¾f#½f½ #  ½¾#n°f#  9f½ –x°n  ¾f#½f½ #  ½¾ °n¾ff½f¯f f¯jf fg f–f  ¾n  nn¾¾   °  9f¾f  ° ¾ . ¾f  °n¾f f¾ ¯j¾ ¯ ## ¯ € °  f ¯   °n  n¯ ¾ ¾ ½ff f € °  f¾½f¯f¾f f¾½ffnj €f¾ff¾¯j¾½ff¾ ¾½ n¾f ¾  . ¾f nf n f  .n° f¾  .jf½f° °fn°€–fsj#° nf# n¯f½f¯f½ff °  ° nf ½fff ½¾ 9f¾¾f½n¯f ° nf f½f° n¯f¯j ¯°f°  ¯ # f # f ¾  f ½ff f  f   € nf°   n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾ f ½ ½f¾f °f ¾nf  ° ¾  9nf f  9f °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½ff n ½ ° nf  ½ff n%g½f¯f f¯jf½f°  ¯##%½f¯f½fff ½¾%   f½¾ f ¯j ¯°f°  ¯°f° n¯° nf ½ffnj f½f¯f½ff ¯¾¾  – ¾f#½f#  ½¾ n¯   f¯j ¯°f°  ¯#–f°n# °n¾f f°–  ° nf  f¯jf½f° °fn°€–fsj#° nf# n¯¾ €¾¾ ¯¾nf  ¾°fj  9h–°f  ½   9¯   ¯¯f  fn  f  f ½f  n°€¯   ½    ¾ – f  .#  ¯ € °  g nff  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff   n ½   ff ¯ ¯¯ °  ½    °nffnf¯ ° ¾° nf  ¾  .

 f °   °n¾ff¾n¾f¾ ¾ ¾ f¯j ¯##f°f%½f¯f½ff °%   ff¯¯¯ ° ½   sj½ff¯f  ½ff  f°f   nf   nf  ½¯ff¯j ¯#@# f  fnf sf n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ ° sj ½¾ ½fff€ °  ½ffh¾  ½ °  f ½ f nf   n hf  ¾f#¯ ¾f#  ½¾#n¯½f ## ¾n  # f¯ ¾ n°€¯  nf¾  €h 9¯  nnff¾ ¯j¾ ¯# ¾½ ¯ f # nnf f¾f f¯ ° f n½ n¯f¾½f¯f¾ f f¾½ff¾f ¾½¾¾ f  € nffn°€–fsj  ½¾  – ¾f#¾ff#  @f  ¾  @f½    @  €°  °n¾ff¯j ¯##n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ff  fnff n¯¾  €¾¾ ¯  €°  @  ¯   9¯  ¯¯f   ¾  ¾n  ¯ . n¯  ½ –f   ½¾  – ¾f #  €° #  @ff .¯f ¾ ° ¯fffn¯¾ ¾ ¯½°sf  f° @f f –fg¾ –° f½f  f f¾  @¾f f .

j f½f°  ¯ ##  n¯ f° fs € n  ½ ½ ° nf f nj  °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯# #½n¯f n  ff½f°   ff¯ ¯¯ °n ½  f€f¾f°  ¾   fs f°  ½¾ n   snf °n¾ff¯j ¯# n ½h¾¾f€ nf #f  n¯f½f¯ff f ½ff  f  ½¾   ff ¯ ¯¯ ° –   ½    ½ –f ¾    ° nf   9h–°f –fn¯–h¾  ¾f#h–f#  ½¾#–h¾#%–fg½¯ f½f  –f¾°f%   n¯ ¯# ° #  .¯f¾ ¯j¾ ¯##%f ¯°f° n¯f½f¯f½ff f ff½f°  ½ffn¯f% ¯¯f€ nfff¯½f f¾f f  @½½ f   If°f¯h–nf  If¾¾f –ff#f #   [VSÊ–ff#n¯ #    f  .

 n  f n¯ ° nf °°f n¯f¯j ¯#Df # f½f¯f½ff f ½¾  €fn   .j f½f°  ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff  f  ½¾  °n¾f f ¯j ¯°f°  ¯#Df #%½f¯f ½ff f%g½f¯f ff½f°   ff¯ ¯¯ ° ¾¯i°  f¯jf€f¾f°  ¾ f f¯ °  ¯ ¾½f    ½f f ¯j ¯°f°  ¯ ## °f ½f¯f f f½f°  ¯ ##   ff ¯ ¯¯ °½ffh¾ ½fff€ ° n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ ¯f ¾¯f–ff¾°¯f¯€f  €f°ny¾  ¾f#f#  ½¾#f°sf#  ¯ f  .

nf f ¯j °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # °f n nf   ff ½  °¾¯¯ °¾nnf ¾ ¾ f° f¯ ¾¯ ¯½  ¯y° f  f n¯ ° nf  f¯j ¯°f°  ¯#–f°n#°f n nf  n¯f°–f°f n nff¯ x¯  ¯ ° ¯  ¾f#f¯y° f#  ½¾#¯fnfn#  °f°h¾ ¾ f¾¯j¾ ¯#–ff#¾  ½¾f¾ ¯f¾¾ ¯¾ nf ¯ f ¯°f° n¯ f½f¯f½ff f f ¯°f° ½ffn¯f €f¾ff¾¯j¾ f °  € nf° ¾ ¾   –ff#fsnf# ¯f¾n¯ ¾ ¾       ¾f f ¯j ¯ ## ½ f nff  ¾  f n nf n°hf fx f €¯    f  f¯j ¾ f° n¯f°–f  ½¾ n¯f¯j ¯# #n¯½ –f½ff nj  ¾n  ¯nn½ff fnj   °f  fnff 9f n f#¾ f € f#¯f¾f€f¾f° f¾¯j¾½ff¾f ¾  f°f°f 9f n f#f  f# ¯f¾n¯f¯j ¯°f°  ¯## ½f°  ½¾ ff½f° ½ffn   fff ¾ ¾ ¾ ¯# #  f n¯½ –f f¯j ¯°f° ° ff½f°   f¾  ¾f# #  ½¾#n¾f¾#  €  °n¾f° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#f½ ¾ns   ¯ ¾¯f   f½¾  fnf¾ –ff#fsnf# ¯f¾°fy¯½f     ¾f   ° nf  °f n°€–fsj #° nf# ½ f  h   n¯ f ½f¯f½ff f  f ¾  f½fff  f      ¾f# #  ½¾# #  .

f€x °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯#@#f  n¯f½f¯ff f½ff  ¯¾¾  ¾ – f  ff¯– ¯¯ °½fff€ °  ½ff f n¯fsj ½¾  ¯°f° n¯f½f¯f f¯jf f½ff f  9h–°f  n¾  ¾f#n ¾#  ½¾#  #  .

 .

f° f 9¯ – ¾f#nf¾f°#  ½¾¯¯ffn ½fn¯¯€f¾n %¯j ¯#.

#%  .

f°   f   ½  f¯ °  n¯  ° nf  ° ½ ¾ns %¯j °f n°€–fsj #° nf#%  .

j ¯°f°  ¯##n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ¯n¯f f¯jf½f°    ¾h ¯ ##  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  ¯ € °  f ¯   °n   ff ¯ ¯¯ ° ½   ¾¯i°  f¯j ¯°f°  f ° °ff nf¯ °  °  f°  f ½f¯f ½ff f € °  f°  ½¾ g ½¾sj °nf  . f .

¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾ f ½nfn f  .

j ¯##n¯f½f¯f– f¯ ° ½fff ½¾ nf° °f  f nf  ff¯¯¯ ° f¯j f° °nf° f nf  . °f .

 f¾  .

¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ #n°nf#  ¾¯f   ¾  ½ –f °f fsf n¯ f ¯j f½f°  ¾  ¾½ ©f¯¾n  f¾ fnffn¯f ¯°f°  .

j ¯ #D f #  n¯ f ½f¯f f f ½ff  ¯ ¾¯ f   °nff°  f  f ° ¾ ¾° nf  ¯x   ff¯– ¯¯ ° ½  ½ffn¯f  ½ff f  .  ©f¾  .

 ©f ¾ f¾¯j¾ ¯#D# ff½f° n¯f½f¯f½ff f f ¯°f° ½ff  ¯¾¾ f½f f°°n ¾ ¾ ff½f°  ¾f¾ ¾ f¯j ¯°f° ½ ¾ ff½f° n¯¾  ¾x¾¾ ¯¾fff ¾½¯f n  ©f  .

 ©f¾ ¯hn  ¾f#n  ©f#  ½¾ #hn# #°jh#  .

h  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ #½°sf# g ½f¯f f f ½ff n¯f f ¯jf½f°  ¯ ##   f f¯j ¯°f°  g nf  n¯¾  ¾x¾¾ ¯¾f½ –f°¯f nh °f nh  .

f°  .

nf  ¾ f¾¯j¾ ¯#D# n¯f¾½f¯f¾½ff f f¾½f¾ ¾ f¯j ¯°f° °¾ ff½f°  .

s  .j f½f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f f f ½ff f  ½¾  ¾ ¾ ½fff€ ° f¾½fn¯½ –f f¯j ¯°f°  ¯# #½ f½f¯f ff½f°  .

nf .

f  ¾f#.

# f¾  ¾  .

n  ff½fff  .

–¯ ¾  .jf½f° °f n°€–fsj#° nf# n¯° nf ff½°f½ff ° nf  ½ffn¯f ½ff f  .

¯½f 9¯ – ¾f# n #  ½¾¯¯ffn f ¯€f¾n  9h–°f  n¯f  .

nf f ¯j ¯°f°  ¯ #–ff# ½ n¯f %½f¯f ½ff f%  ¾f ½  .

 .

   ff½  °¾¯¯ °¾nnf ¾n¯f¯j ¯°f°  ¯##¾   f½f¯f ff½f°  ¯##  .

 € 9¯ – ¾f#n #  ½¾#€#  .

 f 9¯ – ¾f#n #  ½¾##  .

¾¾f°  .

j ¯## n¯f½f¯ff f½ff ¯¾¾  °n¾f f½ f     ff¯¯¯ ° ½    f½ffn¯f ©°f   f¾¾f   f  .jf½f° °f n°€–fsj#° nf#  °n¾f° nf  f ¯°f°  °f½°f ° nf  ff½f°  ½ –f °°n ° nf   ¾f ½  f¯ °  ½ –f f¯j ¯°f°   °n°f° nf   ¾½f–    °n¾f  ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# f nf° f nf  f€f¾f ½ff  f  ¯ ¾½f  f  ¯f ¾½xn   n°  n¯ ¾  ¾  ¾ ¾¾ fn½f ¾½f–   ¾½°f€   ¾f#  #  ½¾€f ¯¾nn¯ fs ¯°f° ½fff     ¾½¯f°   °f f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f ¯°f°  ½ n¯f f f½f°   f°ff¯j ¯°f° f¯ ¾¯ ¯½ ¾ ½f¾¾f½fffn°€–fsj# #  f°f  ¾f# f°n#  ½¾¯¯ffn  ¾½ff€f°f  ¾€f f° ¾ ¾°fn°€–fsj# ¾½ ¯ # °¯¯¯ °nnf½ff fnj  ff¾   ©j °n¾ff¯j ¯#–f°n€ nf #f  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾   f¯j½fff#@# ff °n¾ff    ©j    ¾f#€ ©j#  ½¾#  #   ©j €f   ¾f#€ ©j#  ½¾# f–f°sf#  f¯   °n¾ff¯jf½f°  ¯#n°nf#%½f¯f½ff f%g¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½fff ½¾%  ff¯¯¯ ° ½   f¯j ¯°f°  ¯ nn n¯¾ €¾¾ fi¯°f f¯h°ffnf€f¯   f°–  ¾f#n °f#  ½¾f¯f½f  #–f# f .    ¾f#nf° #  ½¾# °f#%–f¯° nf  gf  °f n°€–fsj° nf ° nf  ¾½ff¾f ¾½¾¾% ½€¯ – ¾f#¾f¾nf#  n  –ff# # ¯f¾n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  f¾ .

¯f¯j ¯##%½f¯f½fff ½¾%¾¯ff¯ ¯– f    f°f  ¾f#½ ¯#  ½¾# #  9h–°f  ¾ n  .

¯f  fn  f ¯f ¯½ f  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ ## %f° fs f°f % –  . j  9f n  f # f#  ¯f¾ ¯    ©°f x n¯ ¾  ¾  ¾ ¾¾ ¯ f ff °f¾ ½f½   n  f  ¾f#nh#  ½¾#€#  ¯½ f  .

¯f¯j ¯°f°  ¯#### ¾f½n¯f f¯jf½f°  ¯ ##  h¾½fff€ °  –    ¾f#– #  ½¾¯¯f ¾  ff–ff€°fg nf  ff°©f .f¯ f f  ¾f#¾f #  ½¾#¯f° –f#  .f¾¾f °n¾ff¯j ¯##f  n¯f½f¯f½ff n ½  ff¯ ¯¯ ° ¾n ° ° ½ f f ¯€ff  .f°–f  ff¾¯j¾°fn°€–fsj# ¾½ ¯ # f€f¾f n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ f n½fnfs f¯f°–f  .¯ °f °f  f¯j ¯°f° f¾½f°  n¯ f ½f¯f °f ½f¯f f ¯j f½f°   ½¾ f°  g ½¾sj °nf  ¯f¾ f¾½f°  n¯ ¾ f¯j°f½f¯ff½f°  . f°nf  ¾f#¯ j#  ½¾# ¯ # .f° –f ¾ f¾¯j¾ ¯##  . j .j ¯°f°  ¯#–ff#%½f¯f½ff °% °n¾f f½ ½¾f¾°¾ ¾ ¾ f¯jf½f°  ¯##   –¯ ¾  ¾f#n ¾#  ½¾#n¾f¾#     °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½fff€ ° %gy¯½f ¯ ¾¯f   € nff½f ¯° °  ¯j ° fsf¾ ¾n¯f¾½f¯f¾½ff ° € nf  .fsj ¯ff#€f# ¯f¾n¯f¯j ¯#n°nf#  .   ¾f# n #  ½¾#f f#  .

  nff¯j ¯°f°  ¯##¾   ° nf  f¯jf½f° °f n°€–fsj#° nf#%° nf ½fff ½¾%  ff¯¯¯ ° sj½ff f€ °  ¯jf½f°  ¯##  ½¾½ff° ¾ ¾  . f  ¾f#¯ j#  ½¾#½  °#  .¯f¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj# ¾½ ¯ # f f¾½ff ° ¯¯f fn ½f¾¾fn¯¯€ff ¯ j ¯f f½ f nf  ½  f¯ °  .f°–   ¾f # ¯ #  ½¾  ½nf n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #–ff# °f .¾¾  nnf   ¾f#nnf #  ½¾#½x#  9h–°f  .

 -f  °n¾ff¯j ¯##f  n¯f½f¯f½ff n f€f¾f f ° f n°€–fsj f°  ff€ nf  -ff¾ °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯##f°f n¯f½f¯ff f½ff f ½¾      ¾f f ¯j ¯ ## ½ f nff  ¾  f n nf n°hf fx f €¯     f  f ¯j  ¯°   ¾¯ ## ¯ ¾ °f   ½¾  n¯ f ¯j ¯ # # n¯  ½ –f½ffnj  ¾n  ¯nn½ff fnj   .

¯f  fn  €f  ½f¾x¾  fnff n¯ f¾ ¯j¾ ¯ n°nf n¯¾ €¾¾ ¯f¾n  ¾  ½¾– ¾f# fnff#  9f¾  °ff  9 ½°  .¯f¾¯j¾°fn°€–fsj# ¾½ ¯ # ¯¯ff ¯ f€f¾f° f¾ ¯j¾½ffnf ff   9j  9f¾¾f n¯ f ¯j ¯°f°  ½ n¯f f f½f°  sf°   °¯ ¯¯ ° h½  n¯f¯ f¾f¾¯j¾ ¯## f¾½f¯f¾½ffn¯f  9f¾   fnff  .

j¾ ¯#–ff#° f¾½ ¾ ¾ ¯€ ° f½ ¾ns €f¾f f °  € nf° ¾ ¾ fn ¾n °f#  # # ¯ ##f¯f # n°€¯ nf¾  9½nf¾  9½   ¾f #½nf° # %f€f¾f f ¯j f f f nf n¯ ¾ ¾ f ¾nf  f nff f  9f ¾ f¾¯j¾f€¯f¯#.¯ f¾ ¯j¾ ¯ #n°nf#  f¾ ½f¯f¾ ½ff f  ¾n   f €¯f  ½ ½°  ½¾– ¾f#  #  9yf  .j ¯°f°  ¯ #D#  n¯ f ½f¯f ½ff f   f f  f  f   ff¯¯¯ ° sj ½¾ €f ° f¾½ff½°f ¾ ¾°f f  9y¾¾ – 9f n ff¯ f ¯f¾n¯f¯j ¯#n°nf# f n nfn f f  9y¾¾ –nf nf  ¾f#½y¾¾ –#  ½¾#nf nf#  9¯ °f  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  f f f   %½f¯f ½ff  ¯¾¾% ¾nf¾ ¾  ¯° ¾¯#€€€# 9¯ ° .

#n¯½ –f ° nf  n¯f¾½f¯f¾½ff f f¯ ¾¯°  f–f€f¾f f¾  ff¯¯¯ °n¯f¾ n¾½ff f  9 ¾°  f  f¾  ¾n¯f¯j ¯##%½f¯f½fff ½¾%°€¯ f n°f ¯f° ° ½¾f½f   f½f°  ¯##  ¯ f¯j ¯°f°  9h–°f  9 ¯ .

nff¯j ¯°f°  ¯#–ff#%½f¯f½ff f%¾  f½f¯f f¯j .

j¾©°f¾ ¯# ¾½ ¯ #n¯f¾½f¯f¾f f¾ ½ff  ¯¾¾  ff ¯¯¯ °½ff f ½fff  f¯ ¾¯ ¯½ ¾ ½f¾¾f¯¾½ –f ¾½ ¾  ¾f° ¾ ¾ n¯ sf° ½ ¯° °   ¯° ¾¯#½# . ©   ¾f #  #  ½¾ n¯ f¾ ¯j¾ ¯ n°nf ¾n    €¯f   © n¯ sf° n¯f¾½f¯f¾ f f¾½ff€f  f¾¯j¾½¯f¾ n½   ½¾ f€f¾f°  f¾ f° f°€¯f° ¯nn   ¯°f° n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff  ¯¾¾  . 9x .¯ °¾¯i°  f¯ f¾f¾¯j¾ € nf°   ¯°f°  ¯ @¯f   9¯  – ¾f # ¯ #  ½¾  ¯ ¾¯   f ¾ –° f ½f   # ©#  9h–°f  ##  . © € ¾n   ¾f #  #  ½¾ nnf f ¯j ¯°f°  ¯ #–ff# %½f¯f ½ff f%°f½f¯f f¯jf½f°   ¯   ¾¾  D° ¾ ¾ ° nf  ¾  ½ –f ¾ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ # n  ½h¾¾f f # n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff €f  €f¾f f¾ ¯j¾ – f¯ °  g ¯  f   ¾  € nf¯f¾n°€–fsµ ¾  ¾n  ° f€¯f ¾¾¾¾  f  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ #–ff# f   %½f¯f ½ff  ¯¾¾%    ¾ – f   ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾ ½ff f  €nf°  n¯ f ½f¯f½ff f  ¯€ ° ff  ff f ¾ f¾¯j¾ ¯#D# n¯f¾½f¯f¾½ff ° ¾ ¾ff½°f½ff nj°f f–°f  ff¯¯ °¾nnf ¾ ½ ½ ° nf ¾fnj n¯¾ ¾ ¾ €¾¾ ¯¾f  ¾f¯  f¾ff f  ff f €f¾  ¾f#¾ff f#  ½¾#€f#  f¾f  f¾nf  °n¾f f¾ f¾ ¯j¾ n¯  ½ –f   ° nf  f €¯f ¯ ##  ¾ ¾ ¾ ¾nf ¾ f€f¾f ¾ f¾½f¯f¾½ff n ½  ½¾ f€f¾ff¾¯j¾ ¯f ½ffnf ff   ¾n  ° f€¯fn° nf f¾f¾nf  f° ¾  f n¯f¯j ¯°f°  ¾nf fn¯ ¾ ¾ ©°¾°f½f¯f f¯j f½f°  ¯##  f°–f f¾½fn¯f¯j ¯°f°  ¯ #–ff#%½f¯f½ff f%½ f° fs f½f°  ¾ ½¾fxfn   ½f ¾ f¾¯j¾¾  ½¾f¾°fn°€–fsj#n°nf# n¯f ¯°f° ½n¯f   ff¯¯¯ ° ½   f¯j ¯°f°  ¯  nsjg nf  ¯ ¾ f¾¯j¾f f¾ n¯ ¯°f° ½n¯f ff½f°  f¾½f¯f¾f f¾ ½ff¾f ¾½¾¾ .

 @f f¾   ¾f #½j#  ½¾ n¯ f¾ ¯j¾ ¯ #n°nf# %½f¯f¾  ¾ ½ff f% f ¾¯f   ¾j €ff¾  ½j ¯¯f nnh f¾ °f f f  n¯ ¯ ¯¯ ° ¾ n – ½ff f  Df  9f n  f #  ¯ #  ¯f¾ n¯  ¯¯ ° f ½f f f ¯j   ½  f¾  ¾  I° .

¯## ¯f¾n¯f¯j€ nf f n ° ½¾½fff€ °  ½ff h¾   WXW W_ Ê 9f n  f #¾ff f#  ¯f¾  f°  ¯f ¯j g nf  nf f    n¯ ¾  €¾¾ ¯¾f  ¾n¯n¯ f  ¯s  ¾f#f #  ½¾#n¯ #  .

f  °n¾f f ¯j ¯ ## ½ f     ½ ¾ ¾  n¯ f ½f¯f ½ff f  f°f  ¾f#° #  ½¾#n¯ ## € sj#  f°n   ¾f#n¯ #  ½¾#½j#  9  ° f¯s .j ¯°f° n¯½ –f ° nf f€¯f ¯¯##  ¾¾ ¾ ¾nf ¾ f€f¾f ¾ °n¾h ff ½ ¾ ¾ n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ½¾f fn°€–fsj  °n¾ff¯jf ff½     ¯ ¾f  ¾f# n #  ½¾#f¾ –#   ZS_ Ê °n¾f  ½ –f f ¯j ¯°f°  ¯ ## n¯ f ½f¯f f f ½ff   n ½ g y¯½f   ff ¯ ¯¯ °  ½    °n f¯ ° f ¯j ½ff f n°€–fsj# #  °¯f¾ f€ ¾f  ¾f#f°¯f#  ½¾#€ ¾f#  °¯f¾ f°f  ¾f#f°¯f#  ½¾#°f#  °¯f¾ ¯f  ¾f#f°¯f#  ½¾#¯f#  °¯f¾ ¯x¾n¾   ¾f #f°¯f#  ½¾ # ¯x¾n# %n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ n°nfn¯f¾½f¯f¾½ff f  f€ ¾°f¾n¯f¯j ¯°f° °ff½f° %  °¯f¾ ¾ f– °¾   ¾f #f°¯f#  ½¾ #¾ f– ¯# % °n¾f  ° nf  f ¯j ¯°f°  ¯ #° nf# g ½°f  °f   ff ¯ ¯¯ ° ½ff f € °  f ¯ ¾¯ ¯½ ¾ ½f¾¾f½fffn°€–fsj#–f°n# ¾  ¯ ¾¯#€€€#%  f°f  °n¾f f ¯j ¯°f°  ¯ ## f ½ ¾ns  ¯ ¾¯ f   €f¾f f ° f¯j ¾nf° ¾ ¾  9h–°f   f .

¯½ –f ° nf f€¯f¯## ½nf°f n nf  .

     ¾f # n# %¯j ¯ # n  ½h¾¾f# f f   f € nf n¯ f¾ n¾f¾ °n¾f f¾g nf%  ½¾#f¾f¾#%¯¯f f f¾f¾%   ¾ °n¾fn   fs ¯°f° %f° fs½ ½ ° nffnj%g ¯j f½f°  ¯ ## %½f¯f ½ff  nj%  .

j ¯##n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ gff ff  fnf sf  ff ¯¯¯ ° ½  ½ffh¾ f ° fn°€–fsj      ¾f #nf f#  ½¾ # f nf# %f–ff     f nf f ¯j € nf f%   °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯##gy¯½f  ff¯¯¯ ° sj ½¾½fff€ °    f .j¾ ¯##n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾ n¯¾½ –f ¾nf ¾  ¯ € °  f ¯   °n   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°  f¾ ¯j¾ ½ff h¾  ½ff f € °    –f f #f°¯f#  ¯f¾ n¯ f¾ f¾ ¯j¾   ¾ n¯ ¯f ¯j  ¯f¾ ¾ ¯  ½ –f½ff€f   f° f¯j f  .¯ f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  ff¯¯ °¾ ½  ¾ f° fs ¯°f° ½fff€ °  ½ffh¾  f f .

f f  f n¯f¯j ¯°f°  ¯#–f°n ½#°f ¾f n¯f½f¯ff f ½ff ¯¾¾  .

f¯fj .

¯f¯ f¾f¾¯j¾¾n¯f ¯°f° °fn°€–fsj#° nf# f¾ ½f¯f¾½ff f  ff¯¯¯ °½fff€ °  °nffnf° ¾ ¾  .

f¯  ° fs½ ½ ° nffnj ¯j ¯°f° gff fnf sf  ¯##  ¯f¾ n¯   ° nf  °nffnf    n¯ f ½f¯f ½ff  f  ½¾   ff ¾ ¯¯ °¾n¾½fff€ ° ¯f¾¯ °¾nnf ¾  .

f°–  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ # ¾½ ¯ # n¯ ¾ ¾ f f½°f ½ff  nj   ff¯¯¯ ° ½  ½fff€ ° n¯¾ €¾¾ nf°–f¾ff  .

j .¯ ° ½   f¯jf fn¯¾ ¾©°¾°   .

ffn  °n¾f f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #n€ ¾# g  ¾f  ½  f   ° nf   ff¯¯¯ °½fff  f°– f ¾f  °nffnf°   ¾nf°  ° nf   .

j¾ ¯# n ½h¾¾ff # n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾  ¾ ¾ ½ff f € °     € nf f n°€–fsj  n¯ ¾  €¾¾ ¯ f¾ ½°sf¾ ¾ .ff°– © .

f°   °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n ½# g y¯½f   ff¯¯¯ ° f¯j ¯ ¾½ff€f¾f°  ¾ – f¯ °  f€fn  9h–°f  nff°– ©¾  .

 .

¯ ° ½   ° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf# ff¾½ff¾ f°n f n¯f½f¯ff f½ff n ½  .ff .

ff ¯f°  ¾f#nff#  ½¾#¯f#  .

n .

¯f¾½f¯f¾½ff f  °n¾f¾ ¾ f¾ f¾¯j¾ ¯## €f¾ff ¯j ¯°f° f °  € nf° fn°€–fsj g¯  f ¾  °n ¯  ¾ff¯f¾ n nf¾  .

¾°   ¾f#½f#  ½¾nnf¾ fs¾ ¯j¾n¯ ¯f ¾ ¯f¾¾ ¯ ¯ %½ ¾nsf%  .

 f  °n¾f f ¯j ¯ #D f # g nf  n¯ ¾ ¾ f ¾ ½ff f € °  €f¾f°¯¯¯ °° f°  ¯° ¾¯#€¾¾¾#  .

  .j ¯#D#  °n¾f f°f ¾f½ f¾n¾f¾  ff¯¯¯ ° ½   f °f  ¾ ¾½fff€ °  ½ffh¾  .

  ¾f# n#  ½¾#½ #  .

n   °n¾f ¾ ½¾¾ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ #–ff#  f ¯°f°  n¯ f ½f¯f ½ff f ff½f° ½ffn¯f   € nff¾¯j¾ ¯ h –ff#nf¯ # ¯f¾ ¾n  ° f½ °f¾¯f ¾¾f   €f°  .

¯f¯j ¯#.

# °n¾f ff°f  ff¯¯¯ ° ¾n ° °  n½fff€ °  ¾n  ° f¯ f   €f°  ¾n½j  .

¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n# %½f¯f ½ff € ° %  ff ¯ ¯¯ °n½fff€ °  ½ff f n¯¾ €¾¾  ¾n½jf€ ffnf f  ¾   ¾f # # %f¾ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # n¯ ¾ ¾ °n¾f ¾g nf%  ½¾#nf f#% °n¾ff¯j°fn°€–fsj# ¾½ ¯ #gn°f f  f€f¾f½ffn¯f  ¾n  ° f€¯f fnf f f °  € nf° f¯j%  nf .jn¯ ¯#f f# 9nf f¾  ¾°f½f¯f f¯jf½f°  ¯ ##  f°f 9¯ – ¾f# n#  ½¾#n¾f#°f ¾f  f°¾  ¾f# n#¯f¾n¯f¯j°fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  f .j ¯°f°  ¯## °n¾f ff°f½ ¾ ¾ nf sf°n°f f½ff h¾   ff ¯ ¯¯ °  ½   f ¯j ½ff n¯f  ½ff f  nf°  ° °f    ¯°f°  ¯n¯f  ¯–f °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#@#%½f¯f½fff ½¾%f°f ½  ½ –f € nf f ° nf   f€f° .

¯f¾ f¾¯j¾ ¯#–ff#%½f¯f¾½ff ¯¾¾% f¾½ff¯j ¯°f°  °ff½f° n¯f¾½°f¾ ¾ ¾  9h–°f  f 9¯ – ¾f# n#  ½¾#n¾f# ¯n¯f fnf sf  .

 f€f 9¯   ff¯¯¯ °f°– ½ ¾ns% n¯f½ff f%n¯ f¯j ¯°f°  ¯#.

# f½f¯f½ff °  ½¾ – ¾f#nf¯ #%€¯f%  €° .

¯f¯j ¯# ¾½ ¯ # ½f¯f½ff f  ¾½fff ½¾   ff ¯ ¯¯ °  ½   ½ff f € °  ¾ °   ¾n °  f ¯j  n¯ ¾  €¾¾   –€°f¯ –f  f   ¾f # ¯ # ¯f¾ n¯ f °–f f °n   h  °€   ½¾ °n¾ff¯j ¯#D#f  n¯f½f¯f½ff ° ¾ ¾ff½°f½fff  ½¾  ½¾  f °½  n¯¯–f f¯¾   ¾f#f# #nf¾f#  ½½f¯ –ff#nn # ¯f¾n¯f¾¯j¾ ¯#n€ ¾#  ff  °n¾f f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n ½# f    n¯ f ½f¯f ½ff n¯f n¯¾ €¾¾ ¯f¾½ ¾f¾ ©ff   j  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  f f  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾ g y¯½f ¯ ¾¯f   ff¯¯¯ °n½ffh¾ fnf sf  f°  ½¾f ¯j½fff€ °      ¾f#n #  ½¾#h½ #   j  ¾f#½n#  ½¾#½  °#    °n¾f¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯# n ½h¾¾ff # n¯f½f¯f ½ff   n ½ y¯½f   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°   f€f¾f¯ ° f ¯j  °n f¯ ° fn°€–fsj  f  .

°nf  ½f f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# %½f¯f ½ff f% °f ¯j f½f°  ¯ ## %½f¯f ½ff n¯f%   ff ¯ ¯¯ ° ½ff f € °  f ¯j ¯°f° f¯ ¾¯ ¯½ ¾  °nffnf ° nf   .¯f¾ f¾ ½f¯f¾½ff f nnff¯jf½f°  ¯#n°nf#½n¯f f¾ n¾f¾ f ¯j ¯°f°    ff ¯ ¯¯ ° ¾nf°  ¾ ¾ f ¯j ¯°f° n¯¾ €¾¾ ¯¾ °hn¾ ff  .fnfn  °n   h  °€  n¯ f °–f  n¯ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  nnf f¾ f f¯ °  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°  f¾¯j¾½ffn¯f ½ff f  .n  ¾f# n# n¯° nf  °nffnf   ½¾ °n¾ff¾ f¾¯j¾ ¯#.

#f¾¾  °f  9h–°f  .n – f¾½f f¾  ¾n¯f¯j ¯°f°  ¯##  f½f¯f½ff f ° .

¾   ¾f #½nf# % f  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ ½°sf °f f½f° %  ½¾#f¾f¾#   f  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ #D# g y¯½f   ff ¯ ¯¯ ° ¾ ¾ ¯ ¾½f½fff€ °  ½ffn¯f  ¯°f° n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  9f° f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ #–ff#  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f   ¾ f° fs¾ ½ff ¾ f nj  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯f¾ g € °   ff ¯ ¯¯ ° f °f   ¯j ¯°f° ½ffh¾ f½f° ½fff€ ° ¾¯f° f¾½ff¾n¯–ff¾ f½f° f  9ff½f° f° –f – ¾f#½ #f° ¾ #½f° f#  9f½f–f  °n¾f f¾ n¾f¾ f ¯j ¯°f°  ¯ ## g nf   ff ¯ ¯¯ ° sj ½¾½ff f ½ffn¯f  9h¾¾f °n¾ff¾n¾f¾ f¯j ¯°f°  ¯# n ½h¾¾ff #g nf  € nf f fn°€–fsj  9f ¯ ¾¯ #½h¾¾f# ¯f¾n¯ ¾ ¾  9fj  ¾f# n#  ½¾n¯f¾¯j¾f f¾%½f¯f¾½ff n ½% fh¾  ½ ¾ns  ¾n  fnf f ½fj  9   ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff f ¾ ¾½fff€ ° n¯f ¯°f° ½n¯f ff½f°  ff¯¯ °¾nnf ¾n¯¾½ –f ¾  9  °n¾ff¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#f°f n¯½f¯f½ff f   ff ¯ ¯¯ ° f ¯j ½ff f € °   ½ff f  ¾¯f° f¯ °  n¯ sj ½¾  9nf ½f   ¾f #½h¾¾f#  ½¾ ½nf n¯ f ¯j ¯°f°  °f ° f° fs f½f° ½ ½ ° nffnj n¯f¯j ¯##  9°–¯ 9¯ – ¾f#½h¾¾f#  ½¾ n¯f¾¯j¾ ¯##%½f¯f¾½ff f% nnf f¾f ff  ¯€ ° f°n  ff¯¯¯ °f °f ½fff€ °   ½ffh¾ n¯¾ €¾¾ ¯½°–¯ff° f  9 °n¾f½ –f f¯j ¯°f° g½f¯f f ¯jf½f° %f f½f f ½¾% ¯## € nff¯jf½f  ¯° °  9n  .j ¯ #. .jf½f°  ¯## n¯ff½f¯ff f½ffn¯f  ff¯¯¯ ° f ¯j ¯°f°  f f ½ff  f  ½¾  ½ n¯f f ¯j f½f°  °  € nf°  f ¯j n¯ ff½f°f¯f¯¾nf  .¾nf .

# n¯ f ½f¯f ½ff   n ½  ¯ € °  f °f   ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾ ½ff ¯ f   ½ff    ¯f° °   °f ° f n°€–fsj  9h–°f  9¯  –ff#½h¾¾f#  .

j ¯°f°  ¯##f½f¾¾f½ f f¯jf½f°  ¯#n°nf#  f¾  ¾ n¯¾ €¾¾ fnf sf fff–ff ¾½ f½ff€f fnff½fsf  @–   9¯  – ¾f #½f° f#  ½¾  n¯   ° nf    ½ –f  ¾ °f f¾¾nf¾ f–°f¾°½   @fsf  ¾f#   f#  ½¾#½ f#  @ fj .j ¯°f° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ # n¯f½f¯ff f½f  n ½ ff  fnf sf  ff¯¯¯ ° ½   ¾¯i°  sj ½¾ ½ffn¯f f f f¯j  ¯°f° n¯f¯jf f f½f¯ff f½ff ¯¾¾  9h–°f ¯°f°  ¯#–ff#½n¯f ff½f°  ¾nf° ¾ ¾g€ °   ° ff½x . 9° f ° f  ¾f#½n#  ½¾#° f#  j °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##f½¾ f¯jf½f°  ¾ff½  fs fn¯f  f½¾f  ¾f#€n°#%° °fn¯f¯j  f€f¾f°fn°€–fsj# ¾½ ¯ #n¯¾ ¾½ff ¯¾¾%  ½¾#nf f#  f  f¾½f f¾   ¾ n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ ##   f ½f¯f ½ff f  °    °n °  °n¾ff ¯j ¯°f°  ¯ #n€ ¾#ff  °f n¯f½f¯f f f½fff ½¾  ff¯– ¯¯ ° sj½ffn¯f  @ff–f .j ¯°f°  ¯#@#n¯f½f¯ff f½fff ½¾  ff¯ ¯¯ °½fff€ ° f¯ ¾¯ ¯½ ¾  f½¾½ff¯f  ½ff  D¾  ¾f#€n°#  ½¾ff¾ f¾¯j¾½fff€ ° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  Ifnf –ff# # ¯f¾n¯f¯j°fn°€–fsj#n€ ¾#  I f  °n¾f¾¾° nf  ¾ f¾ f¾¯j¾g¾y¯½f¾ n¯f¾½f¯f¾½ff f   ff¯¯¯ °½fff€ °  ½ffn¯f °  °nffnf° ¾ ¾   f 9¯ – ¾f#nff#  ½¾#¾nf¾#   ^SZ_\[^`W_Ê ¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj° nf n¯f¾½f¯f¾f f¾½fff€ °   ff¯¯¯ °¾¯i°  ¾f° fs¾½ff¯f  ½ff   ½  9¯  – ¾f # €n#  ½¾ f f  #fj# °f ½f¯f f ¯j f½f°  €f½ ° f  ¾f#€n°#  ¯ i°nf .jf½f°  ¯## n¯f½f¯ff f½ffn¯f 9f¾¾fn¯f¯j .

 nf  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ #.

# ¾  ½¾f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾ f¯j ¯°f° ¯f¾½¯f ¯   ff¯¯¯ ° ½   f¯j ¯°f°  ¯  nsjf¯    ¾f f .j¾ ¯#D#ff  fnf sf n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff¾f ¾ ½¾¾   ff¯¯¯ ° ¾¯i°   ½   f¾¯j¾ f° ¾ ¾½ff   n ½   ° f –fff ¾f f ¯f¾n¯f¾¯j¾ ¯##  j .

j ¯°f°  ¯##n¯f½f¯f½fff ½¾ ¾   ¾ ff ¯jf f  ff¯¯¯ °¾¯i°  f¯ f¾f¾¯j¾° f° ½fff€ °  fnf ¯¾  ¾f# fn#  ½¾¯¯f ¯fn¯ ¾ ¯¾  nn f .j ¯°f°  ¯#–ff#n¯f½f¯f½ff f ½n¯f  ° nf  f f½f°  °f n°€–fsj #° nf#  ¯f¾ ¾ ¯ nf   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°  ½fff€ ° f¯ ¾¯ ¯½ ¾ ¾½f  fn .¯f¯j ¯## ½f¯f½ff f  ff¯¯¯ °  n½ff f ½¾ n¯¾ €¾¾ fjff  ° f  ¾f#fj#  ½¾#½  °#  fj .

¯f¾ f¾ ¯j¾ ¯## f¾½f¯f¾½ff f   ff¯¯¯ °  ½   f °f  f¾¯j¾ ¾n  ° nn¾½fff€ ° n¯¾ €¾¾ ¯¾½ f¾ f nn f      9 –f ¾  ° nf  ¾ f¾ f¾ ¯j¾ f €¯f ¯ #.

#  °n¾f ¾ ¾  ¾½ n¾  ½¾f€f¾f  .

¯f ¯fn¯¯ ¯ ½ff¯f  ½ff  .ff  .

f¯j 9¯ ¯¯ffn n° °¯f° –f° n¯¾¯#½ #  ½¾ ff¯– ¾¾¯ff#fnf# ¯f¾½f° f° f¯f¾f¯j ¯°f° f ¯   ¯° ¾¯#½ °#  .

f¯° f  ¾f#nf¯j#%¯f¾¾ ¯¾ –° ¾¯%  ½¾#½  °#  .

¯ffn n°   ¯° ¾¯#½ #  .f .

fsf  9¯  – ¾f #nff#  ½¾ ¯¯f  fn  ½f f¾ x f¾ f nfsf  .

¯  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##n¯f½f¯f½fff ½¾  f      ff ¯ ¯¯ ° ¯f  f ¯j f¾½f°  ½ff f € °  °    f .

   ¾f# fn# #–f° # #f– ¯#  xnn  .j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# n¯ f ½f¯f f f ½ff   n ½  ff¯¯¯ °  n½fff€ °  ¯° ¾¯#€€€#  9h–°f  ¯ ¾¯ ¯½ ¾  ff f n nf  ¯° ¾¯#½ ½ #  .

 f¾°f 9¯   °n¾ff¯j ¯°f°  ¯ ##f°f n¯f½f¯f½ff  f ½¾  ½¾  ff¯¯¯ ° ¾n ° °  n ¯  nsjg¯jf½f°  € nf f °fn°€–fsj#½¾f#   °€f¾ ¾° nf  ¯x   ¯° ¾¯#€€€#   n½  .fnf ¾ f¾¯j¾ °n¾f f¾ ¯€ ° f½  n¯° nf  ½ –ff €¯f ¯¯#.j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf# n¯° nf ½ffn¯f f ½f¯f½ff n ½  ff¯¯¯ ° sj ½¾ n¯¾ €¾¾ ¯f¾xn ¾ f f¾ f¯ ¾¯ ¯½ ¾  ¯ ¾¯#½ #  ½   ¾f#nf#  ½¾#   °#  f°nf 9¯ – ¾f# fn#  ½¾ f  ½  f¯ ° n¯f½f¯f f¯j ¯°f°  ¯##° ¾ f¯jf½f° f¯ x¯ ¯## n¯¾ €¾¾ ff°nff¾ff °f¾° f¾  .

 .j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾   ½¯f¾ f f  °n  f  ¾    ff¯¯¯ °¾¯i°  f¾¯j¾ ¾nf°  ¾  ¯f¾g€ °   ¯¾¾  9°   9¯  – ¾f # fnf#  ½¾ °n¾f f¾ ¯j¾ n¯  ° nf    ¯nn½fff€ °  9h–°f  ½ –ff€¯f¯#.# n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff n ½ €f¾f½ff¾f ¾  ¾n  °  f€¯f f¯fnf  .  ¾f#¯#  ½¾#f#% f° f %  -f f¾€¯f¾ – ¾f# fn# #–f° # n¯f¾¯j¾n¯ ¯# f # ¯f¾n¯¾ ¾½fff€ °  ff¯¯¯ °n½fff€ °  9ff– ¯  .jf½f°  ¯## n¯f½f¯f½ff f ¾ ¾½fff ½¾   ff ¯ ¯¯ ° ½ff f € °  f ¯j ¯°f°  ¯ #–f°n ½# %n¯ f ½f¯f ½fff ½¾%½ f ff½f° ¾ ¯nf  .f ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff f ¾f° fs¾½ff ¾f nj  ff¯¯¯ ° sj ½¾ f¯j ¯°f° ½ffn¯f ½ff f  ¯° ¾¯#½ #  .j f½f°  °f n°€–fsj #° nf# n¯   ½ff n¯f  f ½f¯f ½ff   n ½  @nf n¯  ½¾ f ¯j f½f°  ¯ ## %½f¯f ½ff  ¯¾¾% ° ° nf  ff¯j  9f¾¾  °n¾ff½f¯f f¯j ¯°f°  ¯##f½   ff¯¯¯ ° n f€f¾f¯ °½fff€ °  ¯°f° n¯f½f¯f– f¯ ° ½fff€ °  9f¾¾   .

#  ¾n  f€¯f ¯½° n¯f¯j ¯°f°  ff°  .

j ¯°f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  fn¯f f nf sf   ff¯¯¯ ° ¾n ° °  f¯j½ff¯  f ° fn°€–fsjy¾  ¾  @h °n¾f° nf  f¯jf½f° °fn°€–fsj#° nf#f½¾ f¯j ¯°f°   ff ¯ ¯¯ °  sj ½ff n¯f  ½¾ f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj#½¾ff f#  @  €xn 9f n f# xnn# ¯f¾n¯f¯j ¯#–f°n ½# f½f¯f½ff f ½¾  @   ° . f f¾ €¯f¾ 9¯ f –ff ½f¾¾  ¯f¾ ¯€ ° f°n  –° f ¯j f½f°  ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff f   f° fs ©° g f–f  ½f¾¾f n¯ f ¯j ¯°f°  ¯##©°ff° fs ff¯j   ¯h€  .

¯f¯j ¯## ½f¯f½ff f  ¾½fff€ °  ff ¯¯¯ °¾nf° ½fff€ ° n¯f n nf  fn f f  @fn 9¯ – ¾f#nf#  ½¾ n¯f¾¯j¾f f¾ f¾½f¯f¾½ff¾ f ¾ ½¾¾  € nf ¾ ¾ f ½f ¾ ¯° °¾  f ¯ ¾¯  ¯½   ¾  f½¯f – f¯ °  n½   S`a^W S –f ½°f½ –f f¯j ¯# #g nf n¯f½f¯f½ff ½¾     .j ¯°f°  ¯ ##  f° fs ½ ½ ° nf f nj n¯  n  f½f °f¾n¾f¾ f¯jf½f°  ff¯¯¯ ° fsj f¯j½fff€ °  ½ffh¾  .

f¯½   ¾f #€f#  ½¾ #h f# % ¾n   ¯ nn –f°  n¯ f ¯j f f f½f¯f½ff f%  .

f¾nff  ¾f#h–f#  ½¾n¯f¯jf½f°  ¾nf fn¯¾ ¾€ nf ¾ f½f¯ff f½ff ° €f f¯j ¯°f°  ¯#n°nf#½f¾¾f½n¯f n¯¾  €¾¾ fh–ffnf    °n¾f f ¯j °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # f °f  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°   f€f¾f¯ ° ½ff f € °   f f ¾ ¾  f °n¾ff¯j ¯##f°f   ¾f  ½ #h # €f °  ¾ff° fs½fff  f  n¯¾ €¾¾ fh–ff©f f€°  9h–°f  n ½ ° nf  ¾½ffn¯f% ff¯¯¯ °f °f ½ffn¯f ½fff    °    ¾f #h–f#  ½¾  n¯ f¾ ¯j¾ °f ½¾sj #° nf# %½f¯f¾ ½ff  .

°f°f .f  ¾f#h–f#  ½¾  f n¯f ¯j ¯°f° f f °f¯jf½f°  ¯ ##%½f¯f½ff f% f€f¾f¯½nf¯j ½ffn¯f n¯¾ €¾¾ ¯° f f f °¯fnf  . f  ¾f#½ f#  ½¾#nf#%n¯f¯j ¯n°nf f½f¯f½ff f  ¾n  ¯f ¾½xn  ¾ ¯nn f  f½ff ¾  f%  f    ½ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  ¾ ¯° °¾ ½ff f € °  f ¯°f°  ½ n¯f   ff ¯ ¯¯ ° nnf f ¯j ¯°f° ¾  ff½f°  f–  ¾f#h–f#  ½¾ n¯f¾¯j¾°fn°€–fsj#° nf#  ¾n  ¯ nn n¯ sf° ©°fn½   ¯°f° g€ °  .

¯f¯jf f ¾ ¾©°¾  ¾n  f€¯f ¯¯°f°f n¯ ¾n¯ ¾ n¯ sf° °f     ¯° ¾¯#½ #  9ff .j¾ ¯ #–f°n€ nf #n¯ f¾½f¯f¾½ff f gff ¾¾    € nffn°€–fsj n¯¾ €¾¾ ¯¾½°–¾ nffnf  n ¾  9¯  – ¾f #n#  ½¾  n¯ f ¯j f f f f ½ff  ¯¾¾   ff¯¯¯ °n f ¾  f½fff  f  .¯f°f f s¾   f 9¯ – ¾f#€f#  ½¾ n¯½ –f  f  ¾ ¾f° ¾ ¾ f ¾ f€f¾f ¾  °n¾ff¯j ¯°f° f fsf½f° € n  ©°fn  %¯jf½f° f f n¯¾ ¾©°¾%  ff¯ ¯¯ ° f ¯j ¾f° f °– f° fsfxf½¾ ° f° ¾ ¾    9¯  – ¾f #h–f#  ½¾  n¯ f¾ ¯j¾ ¯ ## %½f¯f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾#% ©° f n½   ff ¯ ¯¯ ° ° f ½ff f € °  ¾n  °   ½ n¾    f   SWUS` _`^[XW_ –fn   .

f ½  f½ f nf f¯ ¾¯ ¯½ ¾ ¯¯ffn f f°f n¯f¾ f¾¯j¾f f¾f f¾½ff ¯¾¾ .

x 9¯ – ¾f#f#  ½¾ n¯f¾¯j¾ ¯#n°nf#%½ff¾½ff f  ¾½ff¾f ¾½¾¾%gff ½ fnf sf  ff¯¯¯ °½fff€ °  nf –f°¾– ¾¾ °f ½ ¾¾j  9h–°f  ½   ½ff f  ½ff n¯f  ½ °  f ½ f¾ n nf¾  9ff #nf  °nf#  .

f  .

¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ –ff  f¾ ½f¯f¾ ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° .

 .

j g ff  f f  f nf sf ¯ #–f°n € nf # n¯ f ½f¯f ½f   n ½   ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾ ½ff °  f ¯ ¾¯  ¯½   ¾  ¯ f  ¾f#¾# ¯f¾ ¾ ° f¯jf½f°  ¯## n¯ f½ –  ¾ f¾ #¾#– ¾f   9h–°f  f  fn°€–fsj ff°sf° f¯ x¯¯½n½fff   .f ¯  -   9¯ – ¾f# f°n#  ½¾ n¯f¾¯j¾f f¾%½f¯f¾½ff f  ¾½ff¾f ¾½¾¾%gff fnff  ff¯¯¯ ° ¾n ° ° ° f°  ¾ ¾  -   .j¾ ¯#½°f¾ # f f¾ ½ff ¯¾¾ @nfn¯  ¯x  f ¯j ¯°f°  ° ½   ½¾ f f¾ f¾ ¯j¾ ½ff f € °  ¯ #½°f¾ #  f   € nffn°€–fsj  °° fsj 9¯ – ¾f#h–f#  ½¾nnff¾¯j¾f f¾ n¯f¾½f¯f¾ ½ff f  ¾ ¾ ½ff   n ½  g ff f n°f   ff ¯ ¯¯ ° f¾n ° °  ½ ° f½ f nf  .j¾f f¾n¯f¾½f¯f¾½ffn¯f ¾ ¾½ff n ½ gff f nff ¯f¾ f€f¾f f¾   ff ¯ ¯¯ °  f½¯fsj f n½  g ¯  f   ¾  € nf¯f¾¯j¾ fn¯ sf½ ¯° ° ¾  ½  f½ f n nf  f  - ¯  D° ½ ¾ ¾ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ #–ff# ¯ € °  g nff   ff ¯ ¯¯ °  f€f¾f¯ ° f¾ ¯j¾  ½ff ¾ f ¾  g ¯  f   ¾  ¾½f  ¾  f  ¯  € nf¯¾ ¾– f¯ ° n¯ ff½f½f    .¯f  .j ¯°f°  ¯ #–ff# nnf f f f  f nf sf n¯ f ½f¯f f f ½ff   n ½   ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾  €nf°  f ½f¯f f f ½ff  ¯¾¾  – ¾ f¾¯j¾f f¾ nf f¾gff ½ ¾ns n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff  ¯¾¾  ff¯¯¯ °¾¯i° f  ½   f¾¯j¾  ¯°f° n¯ f¾½f¯f¾½ff n ½    f¾½f f ¯j ¯°f°  ¯ #n°nf# ½     f    ½ff  ¾    fnj ¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj#° nf# f ¯°f° ff½°f½ff f f f½f°  ½ff n¯f  n¯ ¾ ° nf  ¾ °f ¯ ¾¯f °f   ¾n   ¯ nn ½ff  f nj n¯f¾ f¾¯j¾     ¾f#½ f#  ½¾#€#  f°  ¾f#– #  ½¾#f–fn #  ¯ f  .

 @ ¯½ ff  ¾f# ¯¯ #%nnf ° nf  f¯j ¯°f°  ¯ #° nf# °fffn°hf%  ½¾ n¯f¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj#° nf#%ff½f°  n¯° nf ½ffn¯f f ¯°f° ½fff ½¾% €f  ¾f ½ffn¯f ½ff f ° nf  f¯j ¯°f° ½  ff½f°  @ ¯½ ¾f   ¾f#nf °nf#  ½¾# °#  @ f¯   f°f f¾ ¯j¾ g € °   n½  ½ff ¯ f   ½ff    °f n°€–fsj#¯jf f# n¯f¾½f¯f¾½ff f  ¯° ¾¯#½ #  @f f .

j¾f f¾nnf f¾ f  ¾   n¯f¯j ¯°f° f f¾½ff  ¯¾¾ ff½f° ½ff n ½ . f¾¯j¾½ff¯f  ½ff f¯ ¾¯  ¯½ ¾ ¾½f½ f nf  Inj   ff ¯ ¯¯ ° n¯ f¾ ¯j¾ ¯ ## ¾n  °   n°   ¯ nj n¯ sf° °f f¾  ½¾ nnff¯jf½f°  ¯#n°nf# n¯f½f¯ff f ½ff ° €f ¾ff¯jf f  ½¾ fnf f° f½f¯f½ff ° n¯¾  €¾¾ fff   [^\[aSZ[ .f¯f¾  ° nff f¾ ¯j¾ f f¾ ½ ¾ ¾½fs °   ½ –f   ° nf    ½  nf° f   9x°¾ 9f n f#f´#¯f¾n¯f¯j°f ¾f f½f¯ff f½fff ½¾  If–°f °n¾f¾° nf  ¾ ½ –f ¾ ¾½ n¾%½f¯f¾½f¾f ¾½¾¾% € nf% f¾  ¾%  ¾¾¾ .nff ¯jf½f°  ¯ ##n¯f½f¯ff f½ff f ¾ ¾ ½fff ½¾  °n¾f ° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#g ½f¯f ff½f°  ff¯¯¯ ° ¾n ° °   ¯– f–  f¯j ¯°f°  ¾¯f° ¯ i¯½f–  I ° .

f¾ fs¾n¯f¾¯j¾ ¯##  f¾f° fs¾  9ff ¾ f½°f¾ f   f  °n¾f¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½ff °%f½   f n°h  ½¾  ff¯¯¯ °f f  °n¾f° f–f¾ ¾f½  ¯ ¾¯f  f¯j  9h–°f ¯¾¾%  ¾ – f  ff¯¯¯ °  n f¯j½fff€ °    –f  @nf n¯  ° nf  f ¯j ¯°f°  f f ° °f %½f¯f ½ff  .

 .

° ¾f  9¯  – ¾f#n °#% f n¯½ –f f¯j ¯°f°  ¯# # n¯f½f¯f½ff n ½ g½f¯f½ffn¯f f¯jf½f°  ¯##%  ½¾  #¾f #  .

¯½¯ ¾ .j ¯°f°  ¯# n ½h¾¾f# ¯€ ° f  n¯f½f¯f ½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ ° f f fn°€–fsj ¯  nsjg nf  .

¯ffn  f¯°© nsj° fsn°h   n f  ¾f#¯x n#  ½¾# ¾n  #  f°–  9¯ – ¾f# ¯ #  ½¾f f¯j½fff€ ° %# ¾½ff#%  @¾¾  °n¾ff½f¯f f¯jf ff½ n¯¾ ¾½ff¾f ¾½¾¾   ff ¯ ¯¯ °  – f ½ ¾¾j f ¯j ¾    ½   ¯ ¾¯i°  n¯ f °n°fsj fnf sf½ff¯ ¾¯f  fn¯½f°f   ½ ¾¾j€fnf  @f¯f  Of½  .°¾½fsj   °sf  –ff  ½¾ f ¯j f½f°  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯ #½°f¾ #   ff¯¯¯ ° ½   ¾f¯jf f n¯¾ ¾°½¾   °  –ff½¾ f¯jf½f° n¯f¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ #   °n¾ff¯j ¯##g n nf n¯f½f¯f½fff ½¾  ff¯ ¯¯ °n– f¯ ° ½ffn¯f ½fff€ ° ½ ¾¾j€fnf    –f  ¾f## f¾  ¾  f¯hnf  ¾f#n¯½¯ #  ½¾ ©f     °n¾ff¾n¾f¾ f¯j ¯°f°  ¯##g ¾f n¯¾ ¾½fff  ½¾ fnf –ff#½f#  ½   ¾½f  9¯  – ¾f#  ° #  ½¾©°ff¾¯j¾ ¯##n¯f¾½f¯f¾ ½ff f f€f¾f½ff¾f ¾  °© nsj .¯ffn  ¾½ ©ff½ ½fff¯j ¯°f°  ¯#n°nf#  h f g nf   [Z`ZWZ`W_ €nf 9f n f#½ # ¯f¾ ff¯¯ °½fff€ °  ½ff ° nf f¯j ½ ¾ °f° ¯½f  f¯xnf% - % 9h–°f ½ ¾½ –f ¾ fn ° ¯  °n f ¯°f° n¯f½f¯f½ff€f ff½f°   ¯xnf 9¯  – ¾f#.

#  ½¾#° #  ½¾ °n¾ff¾ f¾¯j¾ ¯## .

 ¾f  9¯   °n¾f  ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# f nf° %n¯ ¯#°f € f#%  ½¾ – ¾f#h f#  ½f .

¯f¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj#½°f¾ € nf f# f¾½f¯f¾f f¾½ff ¾f ¾½¾¾  ff¯¯ °¾nnf ¾f °f ¾ f ° fn°€–fsj  n i°f 9¯  – ¾f#¾hf#  ½¾#h f#   S _W_Ê .

j ¯ ## ©° f n¯ f nf sf  f   n¯ f ½f¯f ½ff  f  ½¾  ff¯– ¯¯ ° sj ½¾ ½fff€ °  ½ffh¾  ¾hf  ¾ f¾ ¯j¾ f f¾ ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° n ½ff f € ° f¯ ¾¯ ¯½ ¾ ½f¾¾fgn°€–fsj#½°f¾ € nf f# ¾ fff   ¾f .¯f¯j ¯#–ff# f f½ff n ½  ff¯¯¯ ° nf f ¯j° – f¯ ° g€ °   nf°   ¾nf°  ¾ ½fff  f  €nf   ¾f#€nf#  ½¾##   ¯f°f °n¾f° nf ff  °fn¯f¯j°fn°€–fsj#° nf# f½f¯f½fff ½¾  ff¯¯¯ °  n f¯j½fff€ °  °–f  f n¯f¯j ¯°f°  ¯#–ff#°f n nf  – °°f  .

f¾ fs¾½ ¾½¾¾  nnff¾ ¯j¾ °fn°€–fsj#Df # n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾   € nf¾ ¾  x–nf °n¾ff¯jn¯ ¯ #½nf#f  n¯f ½f¯f½ff ¯¾¾  ½¾ f€f¾f  °n¾fg½f¯f f¯jf½f°  ¯##  ¾n  ½  °¾nn¾ f¾ 9f n f# °– ° # ¯f¾n¯f¯j ¯#½°f¾ # ¾ f° ¯f   .

j ¯ #° nf# n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾   ° nf  °n¾f ¾ ° ½ ©°f¯  f n°h  ff¯¯¯ °½fff  nf° °½  ¯ ¾¯f  f¯j   ½¾¯¯¯ ° ¾n ° ° nf° °f f–f €nf° f ½f¯ff f½ffn¯f  .°f  .

jf½f°  ¯#. f  °n¾f f ¯j ¯°f°  ¯ ## g  ¾f  n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾ f f½f ¾ ¾   ½¾  ff¯¯¯ ° sj ½¾ €nf° f¯j °n¾f ff f  f ¾f n¯f½f¯ff f½ff n ½  °f¯fnf °n¾ff¯j ¯#½¾f#f ½  f ½¾ n¯f½f¯f½ff °  ½¾ ff¯¯¯ °° f° fxf½  ¯ ¾¯f   f   .

#%½f¯f½ff f ½¾%n¯f ¯°f°  °   ¯°f° n¯f½f¯ff f½ff ¯¾¾  9h–°f ¯ ¯¯ ° sj ½¾ f ¯j ¯°f° ½ff ° €f f ¯jf½f°   ½ –f ¾ ¾f° ¾ ¾ ff½f° ¾ ¯nf °fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  ff .

 ¾½f°f °n¾ff¯j ¯# #f½  f ½¾ n¯f½f¯f½ff °   ff¯¯¯ ° sj ½¾ f¾½f° ½ –f  n¯f½ff f°½    ¯°f° n¯f¯j ¯##  °n¾f f°¯ ¾¯¾  f½f¯f½ff f  ¾°f .

¯# ¯ # ¯f¾ f° nffxf½  ° ¾  °n¾ff¯j  D  f n¯° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#%½f¯f½ff f  ½¾% °f ½f¯f f ¯j f½f°  ¯ ## %½f¯f ½ff  f  ½¾%  €f¾f ° –nf¯ ° ½fff  ½f¾¾f° gn°€–fsj#–f°n#  °i° f  f  n¯   ¯x  f ¯j ¯°f°  ¯ #½°f¾ # %½f¯f ½ff °%°f nf  f°sf .j ¯ ## n¯f½f¯ff f½ff ¯¾¾  ff ¯¯¯ °  sj ½¾ €nf° n¯f½f¯f½ff n ½  xnf  .

¯ f¾ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj #° nf#  f  n¯  ° nf  f ¯j ¯°f° ° ff½f°  °x ¾¾f  ¾f#€nf#  ½¾#¾ ¯ n#%½fnf° n¯ ° nf %  f° f .j¾ ¯##©°f¾f ¾ fnf sf n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾  €f¾f f¾ ¯j¾  f ¯ ¾¯  ¯½   ¾  ½f¾¾f ½ff f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  ¾n  ° f€¯f ¾nf½x¾f° ¾ ¾f n°f¾  °–f °n¾ff¯j ¯#½°sf#fnf° f nf  °f –  ° f °n¾f ¯° ° f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½ff ¯¾¾%f ¯  f ¾f  ff¯–  ¯¯ ° sj ½¾   ¯°f°  n¯f½f¯f f f½fff  f¯j  °–f f  °n¾f  ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# f   n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ f¾½h  ½  f¯ ° ½f¾¾f° ½fffn°€–fsj #–f°n# f° f .jf½f°  ¯#n°nf# ¯f¾n¯½ –f¾ ½ff  n¯f½f¯f½ff f ½¾ nnf ff–f€f¾f f n½ °n¾f¾ ¾ f¯j ¯°f° f¾ f f½f°   ff¯¯¯ ° f ¯°f°   °n°fn½ ° f° ¾ ¾  ¾i° f f¾½f ¯° ° f¾  ¾°  n¯f¯j ¯°f°  ¯## f½f¯f½fff ½¾  hf  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° f½j °f¾ ¾ f¾¯j¾ ¯## ¯€ ° f½ ¾ns%½f¯f¾½ff¾f ¾ ½¾¾%  f€f¾f ½ff ¾ f ¾  f ¯ ¾¯  ¯½   ¾  ½f¾¾f ½ff f n°€–fsj # ¾½ ¯ #  9h–°f  f °f ½fff€ °  ½ffh¾  .

fn¾  9f n  f #¾f°°#  ¯f¾ n¯ f ¯j °f n°€–fsj # ¾½ ¯ #   f°¾ ° n°hf ¾½° ¾  –  .  °f  °n¾f  ½ –f f ¯j ¯°f°  ¯ ## f ½  %½f¯f ½ff f  ° nf ½fff ½¾% € nf f ° nf   i°f  9f¾¾f¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯#D#%½f¯f½ff ¯¾¾  ¾ ½fff ½¾%½ f ¾f  f ¾  f½fff  f   ¯ –  ¾f## #O# ¯f¾n¯f¾½f¯f¾½ff f ¾ ¾ff½°f ½ff n ½  .xn ¾ f¾¯j¾n¯½ –f ° nf f€¯f¯#.

# .

sf¯   –ff#.f¾ fs¾  °n¾f ¾ ¾  nf f ¯j %½f¯f¾ ½ff °% f¾ ¯ ¾ ½¾¾    ¾ – f  ¾nf  °n¾f°fn°f nf ff   .

 f# ¯f¾n¯f¯j ¯#D#  9°f –ff#¾f # ¯f¾n¯f¯j ¯##  9–f  °n¾f  ½ –f f ¯j ¯°f°  ¯ #½¾f f f# f ½   ¯ ¾¯ f   n¯ f ½f¯f ½ff f   ° nf  ½f f f  ½¾   ½¾   ff ¯ ¯¯ °n f¯j½fff€ ° f¾½f° n¯½ –f°½   ¯x°f –ff#f½j# ¯f¾n¯¾ ¾ ¯#½¾f#  ¾¾f °n¾ff¯j ¯##g ¾f%½f¯f½fff ½¾% f€f¾f  xnf ¯ff#j# ¯f¾nnf° f¯j ¯°f° – f¯ ° fh¾ ½¾  sf .

¯f¯j ¯#D# ¾ °f¯fn°½  °f n°h  @°¾f  9f n  f #–¾#  ¯f¾ n¯ sf°  ½ f  ½ ¾ns   ¯°f°  ° f¾¯f¯f¾  @f  f n¯f¯j°f ¾f f  n¯½ –f ° nf f€¯f ¯ ¯#.

j ¯°f°  ¯#Df #ff  gff ½ fnf sf n¯f ½f¯ff f½ff€f  ff¯¯¯ °° f½ff f   VSVW_W^WY W_ f ½¾  ff° ¯¯¯ ° sj ½¾   ° ©  ¾f#f f#  ½¾#h f#  9h–°f   f° ¾  f  f¾  ¾n¯f¯jf f°  n¯f½f¯ff f½ff .# f½f¯f½fff ½¾  Dni°f °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##fnf° f nf n¯f½f¯f½ff  ½¾  ¾ – f  ff¯¯¯ °½ffn¯f  ½¾½ff f  ¯°f° ¯f¾g € ° n¯f½f¯f½ff f ¾ ¾½ff n ½  I °  f .

f f  – ¾f #f½xf–#  ½¾  #.f f# % ff ½  °¾¯¯ °¾nnf ¾°fy¯½fn¯¾ ¾ f¯j ¯#D#%     °n¾f f ¯j ¯ #n°nf# f ¯  n°h n¯ f ½f¯f ½ff f   ff¯¯¯ ° ¯fn f¯j½ffn   f°  ¯¾¯i° f¯j½ff n¯f  ©f  ¾f# # #J#  f–f  °n¾f f¾ n¾f¾ f ¯j f f %½ –f € n % g  ¾f  f¾½f  f ½ffn¯f  f–f°sf . –f   °n¾f  ½ –f f ¯j ¯°f°  ¯ ## f    f f°f ½ff ¯ f  ½ff¾ ¯f½ –f  ¯f f °n¾ff¯jf fn¯¾ ¾ ¾nf ¾ff  fnf sf%½f¯f½ff f€ °   ¾½ffn¯f% € nf f   ½xf– ¾s ¾  ¾f#f½xf–#%– ¾f#f# ¯¯ °¾nnf ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ ## ¾   f ¯j f½f°  ¯ ##   ½¾ #–½#%   ¾ – f  #fs ¾#% °n¾f½ –f f¯j ¯°f°  ¯##g n nf  ff¯¯¯ ° ¾n ° ° f¾½f° ½ –f°f€fn  ¯°f° n¯½ –f½ff n ½%  ½xf– f .j ¯## ½f¯f½ff ¯¾¾ ¯° ° ¯€ ° f  ff ¯¯¯ ° f¯j ¾n  ° nn¾ n¯¯° °gf   .

f¾  f°n  ¾f#nf¾ #%nfn¯¾ ¾ f¯j ¯#D# f½f¯f½ff °°f ¾f  ½¾°°f%  ½¾# f°n#  .

f ¾ .

¯f¯j ¯## ¯€ ° f¯  n½ ¯¯f f¯fnf °f € nf f ¯f½f  .

 f   ¾f#nf¾f#  ½¾#½°n½f#%¯¯ °f¾n ° °  f¾ f¾¯j¾ ¯ # #n¯f¾½f¯f¾½ff ° ¾½ –f ¾½ff n%  .

¯ f  f¾½f f ¯j ¯ n°nf ½  ½  n¯ ¾ ¾  ½¾   ff ¯ ¯¯ °  fsj f ¯j ½ff  ½ ¾ns  €nf°  f ¯j ¯ ##  n¯ f ½f¯f ½ff  f ½¾  n f f f½fff  ¾    f  °n¾ff¯j ¯#n°nf#n¯½ –f ¾nf f  n¯ f½f¯f ½ff  ¯¾¾   ff ¯ ¯¯ °  sj  ½¾ ½ff f  ½ff n¯f   ¯°f° n¯f½f¯f½ff f    f f°f½ff¯f  ½ff¾ ¯f½ –f  °nf  f n¯½ –f f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½ff f%°f½f¯f f¯jf½f°  ¯##%½f¯f½fff ½¾%  9h–°f  f °n¾f½ –f f¯j ¯°f° %½ –f ° nf f€¯f¯#.

#%f .

 f f °n¾f ° nf  f¯j ¯°f°  ¯#–f°n#f  n¯f ½f¯f½fff ½¾  ff¯¯¯ ° ¾n ° °   ¯– f–  ¯  nsj ff  ¯fj ¾ –ff#nf¾ #   f f¾½f½ –f f¯j ¯°f°  ¯# #%½f¯f½ff n ½%°½ ¾ns h¾½fff€ °  ¾ f –ff##   ¾  ff¯¯¯ ° ½¾½ffn¯f ½ff fff  f f n¯ ½ –f ° nf f€¯f ¯¯#.

°© °n¾ff¯j ¯# n ½h¾¾ff #f°f n¯f½f¯f ¾ ¾ ½fff ½¾  ff f¾  ¾¯¯¯ °½fff€ ° f¯ ¾¯ ¯½ ¾  € nffn°€–fsj  9f –  f¾½f½ffn¯f ½ff fn¯° nf  f¯j ¯°f°  ¯#D f #°fy¯½f  9  f°f½ff¯f  ½ff f ¯j ¯#9# f°  ¾¾ n¯ f ½f¯f½ff ¯¾¾ f° fs€ n   f°fx¯ f¾½f½ –f f¯j ¯°f°  ¯# #%½f¯f½fff ½¾%° °f f f¯ °   f  f n¯f¯j ¯°f°  ¯#n°nf#%½f¯f½ff ¯¾¾%°½ –f f ¯jf½f°  ¯##%½f¯f½fff ½¾%    f  °n¾f   ¯x  f ¯j ¯ #½°f¾ # g  ¾f  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾ ¾ ¾½fff ½¾ €f¾f½fff€ ° f¯ ¾¯ ¯½ ¾ € nff n°€–fsj fff   °f  9f¾¾f f¾   ¾ n¯ f ¯j ¯ #n°nf# %½f¯f ½ff f% ½ f    f ° °€¯ fnf f½f¾¾f– ¯  @ ¾I f¾  ¾f#@#  ½¾ #  #  If°f .# f½f¯f½ff f .

f¾   ¾f#I#  ½¾#nf¾ #  If f  ¾f#I#  ½¾# #  I¾   .

¯ f ¯j n¯ ¯ #½nf#  °n¾f g n nf   ff ½  °¾ ¯¯ °¾nnf ¾   9h–°f  .

 WY [Ê f f¾ f¾¯j¾°f½¾sj  f  ½ ° f½ f n nf  nf f   ¾  f  °©  ¾f#fxf#%n¯f¯j°fn°€–fsj#½°f¾ # f½f¯f½ff f   ff¯¯ °¾nnf ¾½n¯f fnf sf%  ½¾ #f¾f¾#     ¾f# –j#  ½¾#°jh#   ¾f .

nff¾¯j¾ ¯#½°f¾ € nf f#n¯f¾½f¯f¾½ffn¯f ff   n½ n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ f¯ f  .

¾j .

¯f° fs€ n   f n¯f¯j ¯##°f f–f   ¾ 9¯ – ¾f# –j#  ½¾# ¯n¯f#  f   °n¾f f ¯j  f f f  f nf sf °f n°€–fsj #° nf#  f   € nf° nf   °   ¾f# –j#  ½¾#° f#     f n¯f¯j°½ fnf sf  .s¯f°  .j¾ ¯ ## n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff   n ½  nnf f¾ f f¯ °  ©°gnff  ff¯¯¯ °n  ½   ½ff f fn¯½f°f  °n°fsj fnf sf n¯¾  ¾x¾¾ ¯¾f ffh   _U[SÊ–ff# ¾ f#  €fh½¾  –f€f  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#n°nf#%½f¯f½ff ¯¾¾%f¾ ¾ f¯jf½f°  ¯##%½f¯f½ff ¯¾¾  ¾ f f–°f ° f ½¾   n% f  € nff¯j ¯°f° n¯¾  ¾ ¾¾ ff–f€fff¯j  °  ¾f#ff#  ½¾ f¾ –° f½f  #© ¯#  ½f–f   f  .j ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  f f  f nff   ff ¯ ¯¯ °  ½    –  f ¯j ¯ € °  g nf  ½ff n¯f  ½ff f  n¯f nf f f n¯ f  #f#  ffsj  °f¾  9f n  f # –f#  ¯f¾  ff°  ¯¯ °¾  n¾  ½ff n¯f ½ff f  .

f °   f¾ ¯j¾ ¯ ##  f ¯j ¯°f°  n¯ f ½f¯f ½ff f  ¾   f f½f°     ¯ f ½f¯f ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ °  ½   f ¯j ¯°f°  f¾½f° n¯f¾½°f¾ ¾ ¾°f½f¯f ff¯j n¯ ½f¾¾f° f¾½h–°f¾  .

f ° f–f¾  ¾f#nf °#  ½¾ # ¾¾ #  9h–°f  .

 .

f° f  f¾½f  ½  f¯ °  °f ½°f  °f  f ¾  f ½ff f  f  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯# n ½h¾¾f# ¯#½°sf#  .

f° f¾  €    ¾f #nf° f#  ½¾  #€€# %¯j¾ ¯ #n°nf#  n¯ f¾ ½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾ f€f¾h f¾nf f¯f½ff¾ f  n¯f°–f €f f ¯¾¯#€¾¾#%  .

½   °nff f ¯j ¯°f°  ¯ #D f #% ¾ ½ff f  ½f¯f ½ff  ¯¾¾%°f¯jf½f°  ¯##%½f¯f½ff ¯¾¾  ¾½fff ½¾% n¯¾  f¯j ¯°f° €¾¾ n½  ff½f° f€f  .

f   € nf¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ # n¯f ½f¯f½ff   n ½  .

 –f ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½fff ½¾ f¯j ¯°f°  ¯ € ° f¯  °n  f ¯°f° ©°gnf sf  ff¯¯¯ ° ¾n ° °  f¯j ¯°f°  ¯  nsjgf½f° f¾½f° n¯¾ ¾°f½f¯f ¾f¯f  .

¯½f¾¾  9f n  f # °– ° #  ¯f¾ n¯ f ½f¯f f ¯j f½f°  f f ½ff n¯f  .

¯½f   .

¯ ¾ ¾ ° nf  ¾ f¾ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj #° nf#  ¾n  ¯f f  nf  ¾ – f n¯f¾¯j¾ ¯#–ff# f¾½f¯f¾½ff f  ¾¯f ¾n  ° nf   .

¯½f ½h °n¾ff¾½f¯f¾ f¾¯j¾ ¯€ ° f¯  n½ n¯ ¾ ¾ ½ff ¾ f ¾ n°h¾  f ¯j ¯°f°  ½ n¯f   f°f f ¯j ¯°f°  n¯¾ €¾¾ ff¯½f ½h  ½¾ ¯¯f ¾n  °¯ nf   .

¾ .jn¯ ¯#½nf# ½  ½ ¾ns n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ff ¯¯¯ ° ½   sj ½¾½fff€ ° °f  nsj ½ ¾ns f¯ ¾¯  ¯½ ¾ f  fn°€–fsj  ¾nf° ½ –f ° nf   ¾¾   ¾ f¾ ¯j¾ n¯ ¯ #½nf#  ¯f¾ f f¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff n¯f  nnf f¾ ¯€ ° f¯  °n n¯f ¯°f°  ¯f¾f€f¾f f  n½   nf  f ¾ ¾ ff°sf° n¯f¾ f¾¯j¾ ¾¯ f° f¾f–f¾  ¾¾   ¾f  °n¾f¾ ¾ f¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½fff€ °  f °j ¾ ¾½ ½ ° nffnj €f¾ff¯j ¯°f° € nf° fn°€–fsj  ¾n  ° f¾¾¯f€¯f  ¾f   f¯   ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  f f½f°  n¯ f ½f¯f ½ff  f  ½¾   f ¯¯ ° sj €nf° f½f¯f f ¯°f° f f½ff ¯¾¾  ff  f  ½  f¯ ° n¯f¯j ¯°f°  ¯##°f½f¯f f¯jf½f°  ¯##%½f¯ff f½ffn¯f%  9h–°f  ¯°f° n¯f½f¯f½ff f  °n¾f fg½f¯f ff½f° ½ ¾ ¾  ff¯ .

¯ ° ½   f¯j ¯°f°  ¯#–f°n ½#f½f¾¾f½ f ½f¯ff f½ff n¯f f ¯jf½f°  ½¾½ff¾ ¾ f ¯ ¾¯  ¯½ ¾  f¾¾½f   ½¾  ½f¾¾f f ¯j ¯°f°  ¯ ##  ½ f f f½f°  f¯ x¯ ¯ ##  f¯ f¾ n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f  ¯f¾ f f½f°  n¯ ¾ ¾ ½ff  f  n°h  f ¯°f° n¯¾ ¾½fff€ °  h½¾ 9f n f#nf° f# ¯f¾f¾½f° nf° f nf  n °nff   9f n f#nf °# ¯f¾n¯¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ #  . ¾f   -f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ # #  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  g ff f nff   ff¯¯¯ ° ¾n ° °  ¯ ¾fn¾  9fff .x ¾ ¾ f¾¯j¾ ¯#½¾ff f# n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾ ¾ ¾½ff n ½  ff¯¯ °¾ ½  ¾ ¾¯i° ¾ sj ½¾½ff n¯f ½ff f  . f nf  n½f f  f¾  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##g½f¯ff f½ffn¯f f¯jf½f°  ¯##   ¾f ½  f¯ °  ½¾½ff¾ ¾  f   f  n¯ ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ #n€ ¾# °f ½f¯f f ¯j f½f°  ¯##   9¯  – ¾f#½ f#  ½¾ ¯¯f ¾n  °¯f   h  9¯   – ¾f #f¾#  ½¾  #f f#  ½f¾¾f°  ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  f f  ½ f ½f¯f f f½f°  ½¯  °f  nf  ½¾ °f °f  €¯f° ¯ff f  ¯½ ¾¾f .¯ °  n½fff€ ° n¯f¯jf€¯f¯#.

f  f°n  .#n¯½ –f  ° nf %½f¯f½fff€ ° %  .

f   ¾f  .¯ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj ° nf  ¾n   ¯  ni°– ½ ½ ° nffnj  ½¾ ¯¯f ¾n  °f  ½€¯ – ¾f# f°n#  .

¯ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj ° nf  ¾n   ¯  ni°– ½ ½ ° nffnj  ½¾ ¯¯f ¾n  °f  ½€¯ – ¾f#½ #  x–f 9¯  °f¾ f¾¯j¾n¯½ –f ° nf f€¯f¯#.

# n¯  ½¾ – ¾ff–½f n f#f n# ¯f¾n¯f¯j ¯°f°  ¯##   ¾µ ¾ –ff#  #  9h–°f  f¾½f¯f¾½fff€ °  f€f¾f½ff¾ ¾½ n¾f ¾  ¾n  ° f€¯f fx–f  .

 ff ff¾ .

¯f¾¯j¾°fn°€–fsj° nf  ¾n  ¯ ni°–½ff  fnj  ½¾ – ¾f#ff#  @ ¾f   € nf¾ ¾ f¯j ¯#Df # ¾¯f° ¯f ¾f  @ ¾  9f n f# f¯ # ¯f¾n¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#  @f f nf¾f  ¾f#f ff#  ½¾ #nf¾f#  @¯f  f  f¾   ¾ n¯ f ¯j ¯ #@# ° ½   f  n°h %½f¯f ½ff °%  Inf h 9f¾¾f f¾  ¾f¯j ¯°f°  ¯#Df #f°– ° nf  f¯jf½f° °fn°€–fsj#° nf# n¯f¯ f¾f¾½f¯f¾½fff ½¾ f €¯f x °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#Df #g½f¯f f¯jf½f°  ¯##%½f¯f¾ ½ff¾f ¾½¾¾%  ff¯¯¯ ° sj ½¾ ¯°f°  ¯°f°  n¯¾ ¾– f¯ ° ½ff f  O fn   _U\ZS_  ¾ –ff#½°f#  –f ¾ f¾¯j¾ ¯# #n¯ f¾½f¯f¾f f¾½ff  ¯¾¾ ¾½ –f ¾ ½ffn¯f ff¯¯ °¾nnf ¾f °f ¾½ff °  .

y°nf¾  °n¾f f ¯j ¯ #.

# f ½   f  n°h %½f¯f ½ff  f  n°h%  ¾f½ ½ fxff  f¯j   ¾½  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ # #  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  ¯ € ° f¯  °n  ff¯¯¯ ° sj ¾½¾¾ f °f° f  nsj ¾½ –f ¾½fff€ °  ½ffh¾  n°¯f  9¯  – ¾f # ° #  ½¾ n¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## %½f¯f¾ ½ffn¯f – f¯ ° °f f–°f½ff ¯¾¾% ff¯¯ °¾nnf ¾f °¾   nfsj¾nf 9f n f# °f# ¯f¾n¯f¾¯j¾ ¯##  ¾½f° 9¯  – ¾f#°–f#%°f¾ ¾ f¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾ ½f¯f¾ ½ff f   ff ¯ ¯¯ °  sj ¾ ½¾¾  f€f¾f°  f¾ ¯j¾   ¯°f° n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff f%  ½¾ – ¾f#¾½f°f#  I@  ¾f## #I# #@#  ¾€f  @nf n¯   ¯x  f ¯j ¯°f°  ¯ #½°f¾ # °f y¯½f  9h–°f  ¯ ¾¯f   ¾ – f f€f¾f  ¾n  nn¾ nf¾ff  fnf sf  .

f ¯hnf –ff#n°f ¾f# ¯f¾¾¯f   °nf° – ¾¯f¾fn¯f  .¾nf  °n¾f   ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf# f    ½¾ n¯f¾ f¾¯j¾ ¯#° nf#g€ °  n½  ff¯¯ °¾n¾ ½ f ½ff¯f  ½ff n¯¾  ¾x¾¾ ¯¾ffn¯½f°f¯¾nf  9–y¾ 9¯  – ¾f#°–f#  ½¾ – ¾f#9–f#  9¾n–f –ff#½¾n–#  .¯nf –ff# –f# ¯f¾n¯¾½ –f ¾½ff f   . ¾nf °n¾ff¾n¾f¾ ¾ ¾° nf  ¾ ¯ #–f°n#%½f¯f ½ff ¯¾¾  ° nf  ¾ ½ff ¾ f ¾ n°h¾%  €f¾f¾ f¾ ¯j¾  nf f ¯f ½ff  ¾  f   °¯f f© nf nf  f°ny¾ 9¯  – ¾f#°–f#  ½¾ – ¾f#f°sf#   –f€f  f¯hnf  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff f  ¯ € °  f ¯   °n   ff ¯ ¯¯ ° f °f  f¾ ¯j¾ ¾ °   ¾n °  ° –nf¯ ° f¾½f° ¾°¾ ¾ ¾  ¾f –ff#nf¾ #  °–y¾ 9¯  – ¾f#°–f#  ½¾ – ¾f#°–f f#  .

\[_`[_ . °n¾f° nf f# #°fn°€–fsj#° nf#n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ ¾½f nf –f° f ½ ¾¾j  9n   ¯½   -°nf –ff#°# ¯f¾ ff° ¯¯ °°f  nsj  n ½  hn  °n¾f  ¯x  f ¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ #fnf° f ¾f  ¯ ¾¯ f   n¯ f ½f¯f f f ½ff °  ¾ ¾ ½ff  f  ½¾   ff ¯ ¯¯ ° ½    ¯x f¾½f° °f ¾f  ¯ ½ff€f  €n –ff#f°¾½f# ¯f¾n¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#  °–  .j ¯°f°  ¯## n¯f½f¯f½ff€f ½ –f °n¾f f    ° nf  °f  ¯ f  f  ¾f   ff ¯ ¯¯ °  n ½ff f € °  n¯ f½¯fsj ½ –f  ° nf €nf° °fn°€–fsj # n ½h¾¾f# gff ½¾¾  ff¯– ¯¯ ° f½¯fsj f¾¯j¾  9h–°f 9   ¾ f¾ ¯j¾ n¯ ¯ #½nf#  n¯ f¾ ½f¯f¾  ¾ ¾ ½ff ¾ f ¾  ¯   ¯ ¾¯f   .

f  ¾f#.j ¯## ¯€ ° fn½ ¯f¾f€f¾f f n¯f½f¯f½fff ½¾ ¾ ¾½ff n ½  ff ¯¯¯ ° h½ ½ffh¾  ¯  nsj fn½  ¯° ¾¯##   °  .j ¯°f°  ¯ # #  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  ¯ € °  f ¯   °n  . °  ¾ f¾¯j¾ ¯#–ff# n¯f¾½f¯f¾½ffn¯f  ff¯¯¯ ° ¾¯i°  f¾¯j¾ ¯  nsjf¾ ½ ¾¾j€fnfn¯f nf ¯#–#%¾ ¯¾¯%  . ¯  .#  h½  .j ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff f  ¾ ¾ ½ff f € °   ff ¯ ¯¯ ° sj ½¾½ff f ½ffn¯f €f ° ¯ ¾¯n¯fnf sf  -j  f°ff¯j°fn°€–fsj#° nf#      9 ¾f   ¾ f¾ ¯j¾ ¯ #n°nf#  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff n¯f  ¾ f° fs¾ € n ¾ – f¯ ° f ¾½ff¾f ¾½¾¾ – f°n°fsj n½½fff€ °   ff ¯ ¯¯ ° ½ff f f¾ ¯j¾   n½  fn¯½f°f   ¯f ½ ¾¾j €fnf  ¾€s  °– ¯ff#½°n½ # ¯f¾n¯f¯j ¯##%½f¯f½ffn¯f%  - .°  °n¾f  ½ –f f ¯j f f g n nf n¯ f ½f¯f ½ff f € °   nff¯jf½f ¯° ° ¯f° ° f nff f f f°f° f°–f ¯f  ½ff  ¯  .j ¯°f° f¯ f¾f¾¯j¾ ¯#½¾f# n¯f¾½f¯f¾½ff f ¾ ¾½ff¾f ¾½¾¾  ff¯¯¯ °¾¯i°  nf¯ ° ¾ fs¾  f f fn°€–fsj f°  ½¾g½¾sj n°€–fsj°nf¾  I %n¾f¾%  ¯½ –ff#°°nf# ¯f¾n¯f¾ f¾¯j¾  ©%n¾f¾% °n¾ff¯j ¯°f° f ffnf° f nf½ ½ –f € nf f½f ¯° °  .

 n  f     ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾ ¾ ¾° ¾f¯   nf   9f n  f #f #  ¯f¾ n¯ sf°  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾ € nf°  f¾  –f –ff#¯j#  9h–°f  °n  ff¯¯¯ °¾¯i°  f f½fff€ °  .

j¾ ¯ ## n¯f¾½f¯f¾ f f¾½ff ¾f ¾½¾¾ ½¯f¾  ¯ € ° f¯  °n  ff¯¯¯ °¾¯i°  f€f¾f¯ °f f ¯fn  ¯° ¾¯#½ °#  9  ° n°h –f° €nf° f¾nff¾¯j¾  ¯° ¾¯#€¾¾#  I  f  @nfn¯¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯#D#%½f¯f½ff ¯¾¾%°f nf  ½¾ f  f¾  ¾n¯¾ ¾°f½f¯f f¯jf½f°  ¯##%½f¯f½ff n¯f%  f¾   WZ`WZ`[_Ê–ff#¾ °#    n  °f° nf °°f  ¯°f° °fn°€–fsj#–f°n#  ¯ –ff#f¯f#  ½f°f   9f n  f #f¯f#  ¯f¾ ¯    n   ½¾  f  n¯   ¯x °½   . €  °  ¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj#° nf# n¯¾° nf  ¾nf ¾  ¯ € °  f ¯   °n   ff ¯ ¯¯ °  f€f¾f¯ ° f¾ ¯j¾ ½ff ¾  ¾½ n¾f ¾  f°   .

°€¾j .

ff¾¯j¾f f¾f f¾½ff ¯¾¾ ¯€ ° gnff f f°f° f nf sf n¯¯f ½ ¾¾j€fnf n°€¾j  .

° °  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##f  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾   ¾f½ff f n¯¯f ½ ¾¾j€fnf f –f n¯f nf€ nf f  ¾€s  °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ #O# g y¯½f  ¯ ¾¯ f    ff¯¯¯ ° sj ½¾½ffh¾ ½fff€ °     .

¯ f ¯j ¯ ##  f ½f¯f ½ff  ¯¾¾  g ff      ff ¯ ¯¯ ° ½  ½ff ° ½ff€f ¯  °n¾ff¯j ¯#n°nf#gff ½ ¾nsn¯f½f¯f½ff ¯¾¾   ff¯¯¯ ° ½ff f f°– ½   f f–f f¯ ¾¯  ¯½ ¾  € nff¯jfxgn°€–fsj# ¾½ ¯ #  .   °n¾ff½f¯f f¯jf½   f   ¯ °  ¯f¾h½   ¯°   ¾¯#¾¾# n¯ ½ ¾¾j€fnf ¯   - ¾¾¯     9h–°f n°€–fsj# ¾½ ¯ #°nf° f ¾f   f f    ff ¯ ¯¯ ° nnf  ½   n¯ f ¯j ¯°f°  °f .

j ¯# ¾½ ¯ f # °n¾f fgnff n¯f½f¯f½ff f f nf °   ½ –f  ¾ ¾ ¾   ff ¯ ¯¯ ° ½ff  f   € nf°  f n°€–fsj  ¯° ¾¯#f€€ # –f° f¯ x¯fnf sf½fff n°h   –ff#––f° #  f –ff#f°j# x .¯f ¯ ff¯ xfn n¯f¾¯j¾ ¯#n°nf#  ¾¾ f  ¾f# # ##  ° °  n¯f¯j  ½¾nnh f ¯# #ff  fnff n¯f ½f¯f½fff ½¾ –f  . ¾  °n¾f f ¯j ¯ ## g f–f  n¯ f ½f¯f ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ °h½ ½ffn¯f fxf½   f°f° ¾¯ ¾ fn¯½f°f° n¯¯f ½ ¾¾j€fnff¾¾¾f f  @¾  °n¾f½ –f f¯j ¯°f° f ff°f%½f¯f½ff °%  € nf° f¯j f½f ¯° ° °n°f° fnf sf n¯ ½ ¾¾j€fnf ¾ f  I –°f  °n¾f f ¯j ¯°f°  g n nf ¯ # ¾½ ¯  f #  n¯  ½ –f©h½ f fnff f€f¾f°  € nf° f¯jfxgn°€–fsj# ¾½ ¯ #  ½ ¾¾j€fnf¾  I°f   f°–f  °n¾ff¯j ¯##%½f¯f½ff ¯¾¾%g f–f n¯f° fs € n   ff¯¯ °¾nnf ¾   S^SU`W^ _`US_VS_\W__[S_   .

f¯  .

j f½f°  ¯ ##  n¯ f ½f¯f ½ff f  ¾ °¾ ¾ ¾ ½ff   n ½°f f–°f 9f¾¾fn¯f¯j ¯°f°  ¯n°nf%½f¯f½ff f%¾  f¯j f½f°  € ° ½ffh¾  .f nf  .

fnf¾f°  .

– 9f¾¾fn¯¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯#Df #½ ¾¾€ nf ¾   n¯f½ff f  .

f °n¾f¾½ –f ¾ f¾¯jf f¾ n¯ ¯#¯xnf# ¾nf¾ ¾  .

f°sf  .

¯ f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # %½f¯f ½ff  .

¾  9h–°f ½¾ €nf° f½f¯ff f½ff ¯¾¾  ½¾ – ¾f# f#  ¯° ¾¯#€€€#    n ½%  ¯ € °  f ¯    ¾ ¾ ½ff n¯f   ff ¯ ¯¯ °  sj  .

  €n °   .

j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾ ¾ f° fs¾€ n   f€f¾f f¾ n½ °n f¾ n nf¾    ¾¾ f      ¾ °n¾ff¯jf  ¯#n°nf#  °   ff¯¯¯ °½ff f ½fff  € nf° fn°€–fsj½ff# ¾½ ¯ #  ½¾ ½f¾¾f°f¯ °  ½ff#n°nf#  f ½ f f¯jf½f° f¯ x¯ ¯n°nf%f¯ f¾f¾½f¯f¾½ff  ¯ °n¾ff¯jf  ¯#n°nf#  °   ff¯¯¯ °½ff f ½fff  € nf° fn°€–fsj½ff# ¾½ ¯ #  ½¾ nnff¯j ¯ 9h–°f  n¯f%  ½ ° f½ f n nf  f  .¯ f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## f¾½f  ½¯   f ¯°f°  ½  ½¾ f f½f°   ½¾n°h  f€ ° ½ffh¾   €n ° f    €n ° ¯ °f   €n °  ¯   ¾f # €n ° #  ½¾  n¯ f¾ f¾ ¯j¾ °f n°€–fsj #° nf# ¾ fs¾nnf ¾f f¯ ° fn½  ¾n  nn¾°f°f f¾f°nf¾  n¯¾ €¾¾ ¯f¾ f¾ fnf f  f¾   €n ° ¾f  ¾f# €n ° #  ½¾#n –#  ¾f   °–fsf  9f n f#–# ¯f¾f€f¾f ¾ f¯j fnff  ½f¾¾f ¾ gn°€–fsj #n€ ¾#  ¾½     °n¾ff¾n¾f¾ ¾ ¾ f¯j ¯#n°nf#g n nf%½f¯f½fff  f ¯j%  °n°f – f¯ °  f nf sf ½ff ¾¾  f    ff ¯ ¯¯ ° f ¯j f¾½f° f¾½°f¾ ¾ ¾°fnff   f½ffn¯f   ¯°f° n¯f½f¯f½ff f ½¾ f¯j ¯##% ¾½ff n% ½ ¾¾j€fnf  ¾f–f    f    –ff# # ¯f¾n¯f¯j°fn°€–fsj#° nf#  fn °n¾f ¯x  f¯j ¯°f°  ¯##f°f%½f¯f½fff  ½¾%  ff¯¯¯ ° ¾n ° °  ¯fn½ff¯  °n%¾ ¯nf%  ½¾f f°f½ff¯f  ½ff  f  ¾f## ##   °n¾ff¾n¾f¾ f¯jf f½ f    f ½¾  ¾f fxff  ¾nf° ¾ ¾    .

f–  .f . ° °n¾f ¯x  f¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ #%½f¯f½ff f%g n nf½ f   ff¯¯¯ ° f–°f½ff f  - –  -  °  . € ° f¯  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ff¯¯¯ ° ½   f  fs n¯½nff¯½    ¾f#nf #%n¯f¯j ¯#½°sf#€f n¯¾ ¾ f–ff¾¾ ¯€  nf %  ½¾#f¯f #  . °°  ¾f#¯f¾n°#  ½¾ f¾ –° f½f  #© ¯#  . °¾ f¾½f° nf  f¯j°fn°€–fsj#° nf#°f  °f  .j ¯#–f°n#n¯f½f¯f½fff ½¾ ¯€ ° f¯  °n   ff¯¯¯ °½fff¯j½fff€ °  ¯° ¾¯#€€€# n¯¯f ½ ¾¾j €fnfnf –f f  . °°f  ¾f#€ ¯°°#  ½¾ f¾ –° f½f  #© ¯#  .

¯f¯j°fn°€–fsj° nf  °n¾f° nf f  f€f¾f  9    fsf  f½f–f  ¾f#€ ¯°°#  ½¾#f½f#  f½f °n¾ff¯j ¯°f°  ¯# #¯½nf f ¯   fs  ¾f½ff ffxf½¾  n  f °    -f½¾sj ° nf  °n¾f ° nf f   °n f n nf  f f ¯  fxg nf  @¯   @  @f°¾ f °n¾ff½f¯f f¯j ¯##f½  ¯ ¾¯f  n¯¾ ¾ ½fff ½¾  ½¾ f¾½f¾ ¾°½  ½f¾¾f½fffn°€–fsj# # ff °n¾f  @f ¾ °n¾f¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯ #½°sf#g n nf  ff ¯  9h–°f  ¯¯ ° ½  ½ff€f n¯¾ ¾  ¾ ¾¾ f½¯ff– ¯  .

  \^W__ W_VWa_[U[^^WZ`W ° f °j  °n¾f  ½ –f f ¯j ¯°f°  ¯ # # %½f¯f ½ff   n ½% °f ¯f°  f f   ff¯¯¯ ° ½  ½ffn¯f f¾½f° n¯½ –f°f n nfn f f  –f° fnf sf ¯f ½ff%°j%  –x¯  –°¾   .¯ °  ½    ° nf  f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj #° nf#fnf½ f – f¯ ° ¯f¾f    .¯ ° ½  ff½°f½ffnjn¯° nf  f¯j ¯°f°  °fn°€–fsj#° nf#  ¾  ¾  ¾¾¯ °n¾f° nf  f¯jf f%½f¯f½fff ½¾%½  nf° f nf    ¾ – f   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°  f ¯j ½ff f  € nf°  ¾ ¾½fffn°€–fsj#½°sf#  ¯°f° n¯f½f¯f½ff f   °sj  .

¾f¾  ¾ f¾ ¯j¾ ¾  ½¾f¾ °f n°€–fsj #° nf#  ¯ € °  f ¯   °n  ff¯¯¯ ° ½   f¯j ¯°f°  ¾n  ° nn¾ nf¾  f ° ¾¯f° f¯ ° °ff¯j  .

¯"  f  n¯ ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # °f n nf ¯ ¾¯f   .

°f  .

° ¾f ¾ f¾¯j¾ ¯# ¾½ ¯ f #%½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾%¯f g€ °  ff f¯  °n f ¯°f° ¯f¾f€f¾f f n½  .

j ¯## °n¾f f°f ¾f½ ½ –f ° nf  n¯f½f¯f½fff  . f  @nfn¯° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#½ f   ¾ – f nnff¾ f¾¯j¾ ¯#½°sf# n¯f¾½f¯f¾½fff€ ° ½¯f¾ ¯f ff  ¯€ ° f¯  °n   ff½  °¾¯¯ °¾  n¾½fff € °  ½ffh¾ ½ ¾¾j€fnfn°  °     f½°f f ¯j ¯ ## ½ff  nj  n¯ f ½f¯f f¯ x¯ f f ½ff f  ¯° ¾¯#½ #     ½ °   ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  f f½f°  n¯ f ¯j ½ff  ¯¾¾  ¯f¾ – f¯ ° ½fff   f ¯°f° n¯f½f¯f½fff ½¾ ¾ ¾½ffn¯f   fnff¯j ¯°f°  ¯ ff¾½f°¾ ¾ ff½f°  ½ n¾  9h–°f ½¾    .

f¾ ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾ ¾ ¾½ffnj  ¯ € ° f¯  °n  ff¯¯¯ °¾¯i°  f¾¯j¾nf° ½ffn¯f  ½¾ ¾n ° – f¯ °  ¯  nsjff ¯ ° n¯f¾½f¯f¾½ff n ½  -jx½ n¾  9h–°f  -jx%¾%  .f¾ .j ¯°f°  ¯# ¾½ ¯ f #n¯f½f¯f½fff ½¾ ¯ € °  f ¯    ff ¯ ¯¯ ° ¯ fn ½ff f ¾  f  °n f°  f n°€–fsj  .ff  .j °f n°€–fsj #° nf#  n¯ f ½f¯f ½ff f € °  f f  f nf sf   ff ¯ ¯¯ ° f ¯j  h¾ ½ff f € °  nf°  n¯  ° nf  °f  f  °€¯fsj  °n  °  ¾¾f°  –ff#°  ¾¾ #  °  ¾¾   ¯ff fnf# ¯f¾n¯f ¯j ¯°f° °f n°€–fsj#° nf#  ½ ¾¾j€fnf ¯½–f f  h .f¾  ¯ °¾  .j ¯## ¯€ ° f¯  n¯f½f¯ff f½fff ½¾  ff ¯¯¯ ° f¯jh½    n½fff€ °  ¯  °n  h ¾h  ° ¾ f¾¯j¾ ¯# ¾½ ¯ f # n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾ f¾¯j¾  nnf f¾ ¯€ ° f¾¯ ¾  ff¯¯¯ ° f½¯fsj f¾¯j¾ g¯  f   ¾  ½f¾¾f ½ff f n°€–fsj # ¾½ ¯ #   ¯°f°  n¯ f¾ n¾f¾ ¾ ¾ °n¾f f¾  ¯€ ° f¯  °n  . ¯  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ## n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff   n ½  ¾ ¾ ½ff n¯f  nnf f¾½¯f¾  ¯€ ° f¾¯ ¾  ff¯¯¯ ° sj ¾½¾¾½ff f  €nf°  f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff  ¯¾¾  9  ¾  – ¾f  f½ °f¾ n¯ f ¯j ¯°f°  –f –ff#¯j#  –f¯ °   ¯½f°   .j ¯°f°  ¯ ## n¯ f ½f¯f ½ff n¯f  ¾ ¾ ½ff   n ½   ff ¯ ¯¯ °  ¾  f f ¯j  ¾ –   sj  ½¾  ¾n f   ¯°f° °f½¾sj°nf ¯f¾n¯f½f¯f½ff f  .

 -j h  .

¯ f ¯j ¯ ##   ff ¯ ¯¯ °  ½   ¾n  °  nn¾ ½fff ½¾  ¯° ¯¾¯½f n f¯ © ¾ – ¾½ ¾ n¯f¾ f¾ ¯j¾  - ¯½ °¾f%%  - °¯ .j ¯°f°  ¯##n¯f½f¯f½ff ¯¾¾  ¯n¯f f½f¯f f ¯j f½f°    ¾h °f n°€–fsj ##  n¯ f ½f¯f ½ff n¯f  ¯ € °  f ¯   °n   ff ¯ ¯¯ °  ½   f ¯j ¯°f°  ¾n  °  nn¾ ¾   f ½f¯f f¯jf½f°  -¯f  -°nf 9f n f#°# ¯f¾ ff° – ¾°f  nsj  n ½   ¯ ¾¯  9f n   #n¾f¾#  ¯f¾ f °   ½  f¯ °  n¯  ½¾ f ¯j ¯°f° ° ff½f°  y" ¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj#° nf# ¾¯xnf¾ ½¯f¾ n¯f¾½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾f ¾ ½¾¾   ff ¯ ¯¯ ° f °f    ½   ¾ ° nf  ¾ ff f ½ffn¯f ©°f¯ ° n¯¯f ½ ¾¾j€fnf ° –fsj    ¾f##  ½¾##½fff€ °  ° "  .

¯ f ¯j ¯°f°  f f ½f¯f ½ff  nj%  ¯ € °  f f  ¾n   nn¾ °f¾ n¯ f ¯j  ©°f¯ °  n¯ ¯f ½ ¾¾j €fnf  ° –fsj  ½°j    ¾f##  ½¾#D#  9f n   9nf¾f  9  ¯½  °n¾f f ¯j ¯°f°  f f f ° nf  f ¯j f½f°  °f n°€–fsj#° nf# f¯ f¾n¯f¾½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾  ff¯¯¯ ° sj ½¾ €nf° f½f¯f f ¯°f° f f½ff n½   9y"  ¾ f¾¯j¾°fn°€–fsj° nf n¯ ¯# ¯ ¾¯#  ¯f¾ ff°  ¯¯¯ ° f¯j ¯°f°  f ° °ff½f°   ½¾f€f¾f°  ¾ f¾ f¾¯j¾ ½ff¾ ¾½ n¾f  °¯¯¯ °n ½ ¾¾j€fnf ° –fsj  9¾¾   ½ #½ # f¾  ¾  9  ¯f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ #–f°n ½#  °n¾f f¾ ½ ¾ ¾  ¯ € °  f  ff ¯ ¯¯ °  ½    sj  ½¾  f f°  f¾ ½¾sµ ¾ f¾ ¯j¾  f€f¾f°  f° f°¾ ¾  9h–°f  ¯  °n f¯j ¯°f° n¯f½f¯f½ff n ½ ff½f° ½ff ¯¾¾  .

 9° .

j ¯ ## n¯ f½f¯f ½ff f  ¯ € ° f¯  °n  ff @f¯ x¯ .f° "  9f n  f n¯f  ¯f¾ n¯ sf°  n¯ f ¯j °f n°€–fsj # ¾½ ¯ # ½ ¾¾j€fnf ° –fsj  .j ¯# n ½h¾¾ff # n¯f½f¯f½ff n ½  ¯€ °  ff ½  ¯   ff¯¯¯ ° ½    °n f¯ ° fn°€–fsj  9h–°f  ¯¯¯ ° ½   sj ½¾½ff¯f  ½ff  .j¾ ¯## n¯ f¾½f¯f¾½ff f ff  ¯  °n  ff ¯ ¯¯ ° h½   sj  ½¾ ½ff n¯f   ¯°f°  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff n¯f  ½ ¾¾j€fnf ° –fsj  .¯f¾ f¾¯j¾ ¯#½°sf#%½f¯f¾½ff f  ¾°f f–°f  °  n¯f € ° % ½¯f¾  ¯€ ° f¯  °n  ff¯¯¯ ° ½  ½ff f ½ffn¯f  ¯° ¯¾¯½f n f¯ ©  . ¯" 9¯  – ¾f#½nf#°f n nf  ½¾ f n¯° nf  f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf#°°f  f  f½fff ¾  f ½ ¾¾j€fnf  ° –fsj    °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##ff  °f n¯f½f¯f½fff ½¾ ¾ ¾½ffn¯f  f¾½f ½  f¯ ° °f½°f °f  f  f½fff ¾  f  ¯° ¾¯#n#   ¯½   f¾ €¯f¾  9¯ f  f¾½f n¯  ° nf  f ¯j ¯°f°  %n°€–fsj #° nf#% °f ½f¯f f ¯j f½f°  ¯ ##   ½¾  f  n¯ f ¯j ¯°f°  ¯## °ff½f°  –° f  ff¯¯ °¾nnf ¾¾¯i° ¾½fff € ° n¯f¾ f¾¯j¾n¯¾½ –f ¾ ¾° nf  ¾f€¯f¯## ¾ ¾f° ¾ ¾ ¾nf ¾  n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾%  ¯½ ¾  fsj    °  °     n¯ f ¯j f f  f€f¾f ½ff f € °  ½f¾¾f°  g n°€–fsj #° nf# %½f¯f ½ff °  ° nf  ½ff n¯f%  ¯°   ¾¯ #¾# ¯ ¾ °f  @f  f  °n¾f f¾ f¾ ¯j¾ ¯ ½°sf ¯ € °  f ¯   °n  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f  ¾ ¾ ½ff f € °    ff ¯ ¯¯ ° n f¾ ¯j¾ ½ff n¯f  ½ff f  n¯ f€f¾f¯ ° ¾¯i°  ½ff ¾ f ¾  ¾½ n¾  ¯°   ¾¯ #¾h#  @f   .f°" –ff#n°f%f° f ¾%# ¯f¾n¯ ½ ¾¾j€fnf ° –fsj  .f" .

 @ ¯f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ #–f°n ½#  n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff f € °  nnf f¾f f¯ °  ¯€ ° f¾¯ ¾   € nf¾ ¾  @ ¾ .

¯f¯jf f%½f¯f°f f–°f½ff n ½%  ff¯¯¯ ° ¯fn f ¾  f½fff  f ½fff€ °  @  ¾ f¾¯j¾ ¯#n°nf#%½f¯f¾  ¾½ff ¯¾¾% ° f¾½ f¾n¾f¾ ¾ ¾  ¯€ ° f¯  °n  ff¯¯ ¯¯ ° f f½fff€ °  °j f¾¯j¾ ½f¯fn¯½f¯f °fnffsj°nf  ¯f –ff#f½  #  If ¾ 9f n f#¯½f° # ¯f¾n¯ ¾ ¾    \^W__ W_VWU[^`W_S  ¾ ¾nff f¯ °  ¯jf fn¯f½f¯f½fff€ °  xf¯f°j .j ¯°f° f f n¯f½f¯ff f½fff ½¾  ¾ ½ff n  ff¯¯¯ ° sj ½¾½fff€ ° f¯ ¾¯ ¯½  ¾ ¯ ffn°€–fsj f¯j½ff½¾f ¯f¾¾n¯¯ %ff½°f½fff€ ° %  x–  f n¯f¯j ¯°f°  ¯##°fnffff  f nf  f°   ¾f# ¯# #° #  ff   ¾f# ¯# #f #  ¯ f  ¾f# ¯# # f#   ¾n½   .j ¯ #D#  n¯ f ½f¯f f f ½ff  f  ½¾ f f  f €fn   ff¯¯¯ ° ½    f ° n¯° nf °f n nf ½  f nf  fsf€f °n¾f¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯##g nf n¯f½f¯ff f ½ff  ¯¾¾   ½¾  nnf  f° fs € n  ½ff  f  ½¾  n¯ f ½f¯f ½ff n¯f  ff¯¯¯ °n½fff  f¯j €nf° f¾½°f¾ ¾ ¾½fff € °   n f ¾ ¾ f¾¯j¾ ¯##n¯f¾½ff¾½ff ¯¾¾  ¯€ ° f    ff¯¯¯ ° ½   nf¯ °  ¾nf¯ ° f¾¯j¾ ½ ¾¾j€fnf n¯– ¾¾   –f  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##f  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾    ff¯¯¯ °½fff€ °  – f n ½  h –ff#f ¾#  ½ ¾¾j€fnfn¯– ¾¾  9h–°f ¾ fs¾ € n ¾   ff ¯ ¯¯ ° ¾¯i°  f¾ ¯j¾ ½ff f € °   ½ff h¾   9ff x°¾ .j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾  ¯€ ° f¾¯ ¾ n¯ .

j ¯ ## %½f¯f ½ff  ¯¾¾% ¯ € °  f f   ff ¯ ¯¯ ° f¯j f ° °f©°f¯ ½¾  f °  ½¾°f   ° ½fff€ ° € nf° f¯j°fn°€–fsj# # ½ ¾¾j€fnf ° –fsj   S W^ f  ¾f# #  ½¾## ¯f¾n¯ ¯x ff½°f½ff n ½  . 9€f °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##f  n¯f½f¯f½ff ¯¾¾    ff¯¯¯ °n½ff f ½fff€ °  ¯°f° n¯f½f¯f½ffn¯f  f°° –ff#fxf#  @  ¯"  .

f€x  ¾f#©f#  ½¾#nf€x#  .

°n¯ nf  ¾f f¾  ¾#.

#  .

° ¯f  .¾nf  ¾f# f# #¯¾nf#  ½ f .j ¯°f°  f f n¯ f ½f¯f f f ½ff   n ½   ½¾ °n¾f °° nf  f¯jf½f°  ¯#° nf#%½f¯f½ff ¯¾¾ ° nf ½ff f ½¾%  ff¯¯¯ ° ½   f¯j½ff¯f  ½ff  ¾½f°f f  ¾f#nf€x# #f#   ¾f  f f¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f ¯°f° ½n¯f  ¯   ¾ff¯j ¯##½ f n nf  h¾½fff€ °  ©f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾   ff ¯ ¯¯ ° ½   f °f  f¾¯j¾½fff€ °  ½ffh¾  .¯ffn nf°f½ f   ¾ff°   °n¾f f ¯j ¯°f°  ¯ ## f nf° f nf  n¯ f n nf n f  ¯° ¾¯#½ #  ½¾  f n¯f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½ff f% °f½f¯f f¯jf½f° f¯ x¯f f   ¾f  @ f  ¾ f¾ ¯j¾ ¯ ##  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff °  ¾ ¾ f f½°f °f f–°f  °  °  n¯f   ff ¯ ¯¯ ° f °f   f½¯fsj  f€f¾f¯ °gnff    ¾f#¯fnfn#   .

^WZ`S ½fff   [È\[_ W_ ¾  f .j¾ ¯##  f n¯f¯j  f°f¾n¾f¾ f ¾  f f€f¾f ¾f 9h–°f  .

j¾ ¯##  f n¯f¯j ¾  f°f¾n¾f¾ f  f f€f¾f ¾f ½fff   .  f .

¯f .

¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf# f½°f½ff n  f .

¯f¯j ¯°f° °fn°€–fsj#° nf# f½°f½ffnj  ¾ – .

¯f¯j ¯°f°  ¯## f½f¯f½ff °  ff¯¯¯ ° n½fff€ ° ½fff %° ¾ nf¾ ½f¯f½fff % n°€¯ nf¾   f   .

j¾ ¯#n°nf# °n¾f f¾½ ¾ ¾%½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾%   ff¯¯¯ °¾¯i°  ¾ ¾f€ nf ff  –  ¾f f¯j½ff ¾f ¾  ¯°f° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  fnf  ¾€ –f f ¯j ¯°f°  ¯ ## ° ° nf  f ¯j f½f°  °f n°€–fsj#° nf#  .¯ f ¯j ¯ ##  f ½f¯f ½ff  f  ½¾   ff ¯ ¯¯ ° n½fff   ¯€ °  @nfn¯¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯##°°f  ½¾ ff¯ ¯¯ ° sj f¯j½fff€ °  ff° f¯ ¾¯ ¯½ ¯¯¯ °½ff f€ °   S`W^S_ – j .

f f °n¾f ¯x  f¯j ¯°f°  ¯#½°f¾ #g¯jf½f°  ¯ ##  f¯ f¾ f¾ ¯j¾ n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff  ¯¾¾   ½¾  f€f¾f f ¯j ¯°f°   °n¾f°f¯ ° gf½f° ¯f¾n¯f¯jf f  °n ° f¾ f¾ n nf¾ f     f°f ½ffn¯f ½ff f f¯j ¯°f°  ¯##  f° f  ¾f# n #  ½¾# ° #  f°–f .

j f½f°  f f  n¯ f ½f¯f f f ½ff f   f° fs € n   ½ff fnj °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#n°nf#f½¾ ff½f°   ff¯ ¯¯ °½ffn¯f  ¯°f° °fn°€–fsj# ¾½ ¯ #  .¯f¾ f¾¯j¾ ¯##  ff¯¯¯ °¾¯i°  f °f   sj ½¾½ff f ½ffn¯f  j  .f f .

f  ¾  f ff¯j ¯f° °  f¾©°f¾ ¯f¾n¯¯¯ °¾ €nsj  9h–°f  ff¯¯¯ °¾¯i°  f¾¯j¾n¯– f ¾n f f¯j ¯°f°  – f  9f½   ¾ f¾ ¯j¾ ©°f¾ ¯ ## n¯ f¾ ½f¯f¾ f f¾ ½ff ¾ f ¾ ½¾¾  .¯f¯j ¯## f½f¯ff f½ff ¯¾¾  ff  f°f  ° nf   .

 9 f  f n¯° nf ° ° %n°€–fsj#° nf#%  9h¾n 9f¾¾fn¯¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯–ff½ f n nf h¾½ff f€ °  f¾  ¾  @ n  –ff#f°¾½f ° # ¯f¾n¯f¾½f¯f¾f f¾½ff¾f ¾½¾¾  @ f –ff#f#¯f¾n¯¾f ¾  I   °n¾f ¾ ¾ f ¯j ¯°f°  ¯ ## g y¯½f  ¯ ¾¯ f    ff¯¯¯ ° sj ½¾½fff€ °  ½ffh¾   YZ[_ h 9¯  – ¾f#h–f#  ½¾ n¯f¾ f¾¯j¾ ¯#n°nf#  f   %½f¯f¾½ff¾f ¾½¾¾% ¯¯ffn  ¾½ ©fh–f ¯ni°f  ff°sf    ¾n f °f f¯ ° f¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾f f¾ ½ffn¯f  .

f½n°  °n¾f f ¯j ¯ #D f #  n¯ f ½f¯f ½ff  ¯¾¾ g  ¾f  ½¾ ff¯¯¯ °½ffh¾  °n¾f° °½ fnf sf  .

ff°– © –fff°¯f#nff°– ©# ¯f¾f½¯f° f¾¯j¾  .

j ¯#Df #n¯f½f¯ff f½ff n ½ ff  gff f nf sf °nffnf  ¾ °nffnf¾ ¾   _` ^S_ Ê .f°  –ff# f# ¯f¾n¯f¾ f¾¯j¾  ¾n½j –fff°¯f# ¾n½j#  x¯ ¾ –ff¯j¾#–x¯ ¾#   j –fff°¯f# j#  9  ¾ –fff°¯f#½  #  f–h °n¾f¾ ¾ f¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f½ff ¯¾¾%f°¾ ¾ ¾ f¯jf½f° €f¾f ½f¾¾f° ½fffn°€–fsj#½°f¾ € nf f#  ½¾ ¾f ¯x  n¯¾ €¾¾ ¯f f¾ff€ nf  @ –ff#fnf#  I– ¯ .

¯ f ¯j ¯ #–f°n € nf # %½ –f f f–ff ° ° nf % f f ½f¯f½ff ° gff f ¾f  ff¯¯¯ ° ¾n ° °  f¯j f¯ ¾¯  ¯½ ¾ f  fn°€–fsj  °j .jf ff f½ff ff¾nf ½  €¯ fn°f  f  .

¯ f ¯j ¯ #–f°n#  ¯f¾ n¯ f f© f  ½ –f  ¾n    °f nf  f f  9h–°f  .

 –f°  .

¯f°j ¯f¾n¯ fs ¾nf ½ffn¯f  .°¾ .f–f .j¾ ¯## n¯f½f¯f½fff€ °  ff¯¯¯ °½fff€ °   ½ff f  f ¯ ¾¯  ¯½   ¾  f  ¯ f¾ ¯j¾  n¯ ¾  ¾x¾¾ ¯¾ f f°sf ½°¾¯h–n¾  .j ¯#–ff# n¯f½f¯f½ff f gff ¾¯ ¾  ff¯ ¯¯ °½fff€ °  9°n ¾f  ¾f#€ ¯°°#  ½¾#½°n½ #  9°n½   .

¯ f ¯j ¯ #.

# %½f¯f ½ff °%  ¾n   ¯f €ff ½  ½   n¯ sf° ©°f¯   ¯°f° °fn°f  f   f°f  ¾f#€ ¯°°#  ½¾# #    °n¾ff¯j ¯#–ff#gnf sf  ff¯¯¯ °½ffn¯f ½fff € ° ¾¯ f° fnf   aTW_VW_\[^`b[_ °€nf  °n¾f  ½ –f f ¯j f f °     ff ¯ ¯¯ °  f€f¾f¯ °    ¾ – f  °n¾f f ½f¯f f ¯j f ½   ©h n¯ ¾ ¾ % n ½  ½ –f%€ nf ¾  9  ¾f#9#%n f %  ½°–  f n¯f¯j ¯##°n ° fnff   .

^YSZ S [V[\S _ .

i¯ff ¯°n½f  9f n  f #fs#  ¯f¾ n¯ sf°  – n¯ f¾ ¯j¾ ¯ #D f # ¯f¾f€f¾f  n½  .

¯° f   ¾f  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯#.

#g ¾f n¯f½f¯f½fff ½¾   ff¯¯¯ °  n½fff€ °  ½ffn¯f € nf° f¯j  °f°sf¾ –ff#€¾nf#  °f € – ¾f  ¾f##  ½¾ n¯f¯jf½f°  ¯## f° fs € n   ½f¾¾f  ½  f¯ °  n¯ f ¯j ¯°f°  ° n  f f½f°  %¯j n¯  ½ –f ° nf f€¯f¯## ¾¾ ¾ ¾nf ¾  f½f¯f½ff ¯¾¾%    .

f  9h–°f  .¯¯¯¯ ° sj ½¾  °n¾ff¯j ¯°f°  ¯##%½f¯f ½ff n ½%g½f¯f ff½f°  ¯##%½f¯f½ff ¯¾¾%  ©f n f j  .

 9 ¾ °   f°ff¯j ¯##n¯¾ ¾½ff f f½f¯f½ff ¯¾¾  9    @ °f ¾ f¾¯j¾n¯½ –f ° nf f€¯f¯## ¾¾ ¾ ¾nf ¾  n¯ f¾ ½f¯f¾ ½ff f   ff ¯ ¯¯ ° f °f  ½ff n¯f  ½ff f   .

a`^S_\SSb^S_ f° f °n¾f½¾ f ¯j ¯°f°  ¯ ##%½f¯f ½ff ¯¾¾%f  ° nf  f¯jf½f° °fn°€–fsj#° nf#  f f°ff¯j ¯°f°  .

f¾–  °  ¾€ –f ° nf  ½ –fn¯f¯j ¯##     ¾f # ° #  ½¾ ##  ½¾ ¾f f ¯j ¯ #D f # % ¾ ½fff ½¾ ½f¯f½ff ¯¾¾% ¯€ ° gnff  f ¾  f½fff  f  ½ y°nf  ½ ¾¾j ¾ f¾¯j¾ ¯## n¯f¾½f¯f¾½ff ¯¾¾ ¾ ¾ff½°f ½ffnj°f f–°f  ¯€ ° gnff    ¾n f¾¯j¾   f¾  ½°j °n¾ff¯j ¯#½°f¾ f f#g ¾f n¯f½f¯f½ff ¯¾¾ ¾ ¾½fff ½¾  9fny°nf  9 ©  f¯f f¯j ¯##°fy¯½f ¯ ¾¯f  n¯ sf° n¯f ½f¯f½ff n ½  ¯°f° n¯f½f¯f½ff f  9x¯  9€°   f n¯f¯j ¯°f°  ¯#–ff#°f¯jf½f°  ¯##   –    ff¯j ¯##½ f    n¯ sf° n¯f½f¯f½ff  f ½¾  ¯°f° n¯f½f¯f½ff ¯¾¾     f n¯f¾n¾f¾ f¾ f¾¯j¾f f¾  °n      9h–°f    .

   9h–°f  .