You are on page 1of 2

Ficha de Formação Cívica

Tema: Educação Ambiental

Data: ___/ ___/ ____ Nome: ____________________________________

Poluição da água

Quanto mais industrializada é uma sociedade, maior é o seu consumo de água. No entanto, se é a
indústria a grande utilizadora dos recursos hídricos, também é esta a sua principal fonte poluidora.
Não podemos esquecer, contudo, a poluição provocada pelas actividades domésticas, agrícolas {que
têm provocado um aumento muito significativo de concentração de nitratos nos cursos de água doce e
nos lençóis subterrâneos de água potável), turísticas, mineiras e pela produção energética.
Os oceanos também continuam a ser vítimas da poluição, pois recebem lixos deixados nas praias, esgo-
tos, poluentes químicos e resíduos sólidos transportados pêlos rios, petróleos - resultantes de aciden-
tes, lavagens dos depósitos dos petroleiros, fugas das refinarias e plataformas petrolíferas - e do depó-
sito de materiais radioactivos no fundo dos mesmos. As praias sofrem com esta poluição e de acordo
com o relatório da Comunidade Europeia apresentado em Maio de 2001, Portugal foi o único país a
registar um agravamento na qualidade das suas águas balneares.

Como podes ler nas notícias seguintes, a imprensa tem dado relevo a estes problemas:
Actividades

Em grupo de 3 a 4 elementos, refere:

1. Alguns problemas que afectam os recursos hídricos portugueses.


2. As consequências que provoca este tipo de poluição na Natureza.
Medidas preventivas, que todos os cidadãos possam tomar, no sentido de impedir a poluição:
• das águas fluviais;
• das águas marinhas.

3. Se tiverem conhecimento de algum caso de poluição das águas, peçam a intervenção das entidades
responsáveis, sob a forma de carta ou artigo de jornal, mostrando o vosso protesto e a vossa proposta
para a solução do caso.

4. Se for oportuno, realizem a actividade experimental que se segue, que vos ajudará a determinar o
grau de poluição desse curso de água.

Material
- gobelés; varetas (tantas quantas as amostras de água); pipeta; solução de permanganato de potássio a
1%.

Modo de proceder
1. Recolhe o maior número possível de amostras de água de diferentes origens,
2. Verte 250 cm3 de água em tantos gobelés quantas as amostras de água disponíveis, que podem ser,
por exemplo: água destilada, água da torneira, água da chuva e água de rio,
3. Para cada uma das amostras de água, adiciona, gota a gota, a solução de permanganato de potássio,
agitando com a vareta após a adição de cada gota.
4. Conta o número de gotas necessário para que a água mantenha a coloração rosa durante 20 minu-
tos.
5. Regista os resultados.
6. Compara o número de gotas de permanganato necessário nas diferentes amostras.

Nota: Quanto mais elevado for o número de gotas de permanganato necessário para manter a água
com a coloração rosa durante 20 minutos mais poluída estará a água.

5. Durante as tuas férias, investiga se são feitas análises às águas das praias que frequentas (fluviais ou
marinhas), toma nota dos resultados e verifica se estão dentro da normalidade. Se não estiverem, ou se
não houver análises, escreve uma carta ao Ministério da Saúde, ao Ministério do Ambiente ou à Câma-
ra Municipal, alertando-os e sugerindo a realização de análises.