O sucesso ou fracasso de um projeto depende diretamente do gerenciamento dos recursos humanos.

As duas premissas que asseguram essa afirmativa são a de que pessoas influenciam o sucesso ou o fracasso do projeto e de que os problemas do projeto somente podem ser resolvidos por pessoas. Segundo Cristina Werkema, o gerenciamento de recursos humanos é voltado ao planejamento organizacional e formação de equipe; desenvolvimento de equipe; e é importante ressaltar o gerenciamento da equipe do projeto. PLANEJAMENTO ORGANIZACIONAL E FORMAÇÃO DE EQUIPE Dentro da implementação do projeto seis sigma, é fundamental treinar as pessoas com perfil apropriado, que se transformarão em patrocinadores do programa ou em especialistas no método e nas ferramentas Seis sigma. Todas as pessoas da empresa, nos diferentes níveis de aprofundamento do programa, são responsáveis por conhecer e implementar seus conceitos e sua metodologia. A identificação das funções segue abaixo: *defini-los (black, green, sponsor) Junto com o organograma (34) Dentro das atribuições que devem advir dos membros da organização comprometidos a atuar (?), é importante assegurar a garantia de que os projetos estejam alinhados com as metas da empresa. A participação da seleção de projetos e de candidatos a Black Belts e Green Belts. A definição dos Champions para os projetos. Participação das reuniões (mensais) para apresentação dos projetos. Remoção das barreiras para o sucesso do Seis Sigma. Implementação das mudanças necessárias para chegar ao sucesso, cumprindo as atividades previstas no processo de monitoramento e certificação de Black Belts e Green Belts, monitorando a performance e gerenciando as atividades do Programa Seis Sigma na empresa. Deve-se relatar o status do programa aos Sponsors do Seis Sigma, participar de reuniões das equipes de projetos com os Champions. Auxiliar os Sponsors e Champions na seleção de projetos e de candidatos a Black Belts e Green Belts. Monitorar os projetos Seis Sigma, participando de reuniões de equipes de projetos e fornecendo suporte técnico aos Black e Green Belts durante a execução. Usar a metodologia Seis Sigma em seus projetos. Liderar equipes em projetos, agendando e conduzindo reuniões, treinando a equipe, delegando tarefa e as acompanhando. Preparando um resumo geral do projeto para apresentação aos Champions e aos Sponsors, executando todas as tarefas que lhe foram delegadas nas reuniões de equipe. Relatar o status das tarefas ao Black Belt (quando membro de uma equipe de projeto liderada por um Black Belt). As exigências que referem-se as competências são o conhecimento básico da metodologia Seis Sigma, compreensão global e holística do negócio, habilidades para liderar mudanças, gerenciar conflitos e projetos, fazer apresentações, facilitar o trabalho em equipe. Possuir bom relacionamento. No caso de um Master Black Belt, deve ter conhecimento da metodologia Seis Sigma, sendo um expert na sua área específica. Um Black Belt, deve ter o domínio da metodologia, aliado a um elevado conhecimento técnico em sua área ou linha de trabalho específica.

Um Green Belt precisa do domínio da metodologia e apresentar conhecimento técnico em sua área ou linha específica de trabalho. Uma vez sendo necessária a participação de todos os níveis hierárquicos, o projeto é implementado de cima para baixo, sob a liderança do CEO, ou “Number 1”, da empresa. A implementação do Seis Sigma, com suporte de consultoria externa, envolve as seguintes etapas: - Visitas técnicas da consultoria, para conhecimento, preparação e identificar potencias oportunidades para a empresa, que poderão originar projetos Seis Sigma; - Realização do “Seminário para Alta Administração” (definição de projetos, de Champions e de possíveis candidatos a Black Belts e Green Belts); - Realização do “Workshop para Formação de Champions”; - Realização do processo para seleção de candidatos a Black Belts e Green Belts e identificação do candidato que conduzirá cada projeto; - Oferencimento do treinamento para Black e/ou Green Belts. Como parte do treinamento, cada candidato conduzirá: - Black Belt: dois projetos (médio prazo – quatro a seis meses e longo prazo – oito a doze meses). - Green Belt: um projeto (médio prazo – quatro a seis meses). As principais contribuições das consultorias, como para do recursos humanos trabalhados, para o sucesso do programa são: - Acompanhamento próximo e sistemático de todas as etapas da implementação do Seis Sigma (orientação, definição dos rumos, identificação de falhas e cumprimento do cronograma); - Valorização dos projetos práticos como instrumentos fundamentais para a assimilação dos conhecimentos adquiridos e para a integração de Seis Sigma à cultura da empresa; - Estrutura de treinamento e orientação técnica ao desenvolvimento dos projetos Seis Sigma adaptáveis às necessidades da empresa; - Ênfase no desenvolvimento do raciocínio crítico dos especialistas do Seis Sigma; - Material didático de alto nível, desenvolvido especialmente para o programa. O quadro abaixo retrata as atividades, e seus respectivos objetivos, de acordo com cada função, e que a executa:

DESENVOLVIMENTO DA EQUIPE DO PROJETO Esta etapa consiste na melhoria de competências e interação de membros da equipe para aprimorar o desempenho do projeto. Dentro desta etapa e deste projeto, ressalta-se a importância dos treinamentos, dentro de cada nível hierárquico, destinado ao projeto. Os treinamentos adotados seguem a seguir: • Seminário para a Alta Administração Objetivo O seminário tem como objetivo apresentar os conceitos básicos do Seis Sigma à alta administração da empresa e produzir os seguintes resultados: - Definição dos projetos Seis Sigma a serem conduzidos e seus respectivos Champions; - Indicação dos prováveis candidatos a Black Belts ou Green Belts, responsáveis pela execução de cada projeto. • Treinamento para Champions Objetivo - Apresentar os conceitos básicos e algumas das principais ferramentas Seis Sigma aos gestores que acompanharão diretamente a execução de projetos por candidatos a Black Belts ou Green Belts. • Treinamento para Black Belts Fases do treinamento: - Fase 1 O treinamento para Black Belts de áreas industriais é inicialmente constituído por quatro sessões de curso, tendo cada uma a duração de uma semana, abrangendo um período total de quatro meses. Para Black Belts de áreas administrativas, de vendas ou de serviços, o treinamento é composto por três sessões de curso, em um período total de três meses. Entre as sessões há um espaçamento de 30 dias, para aplicação dos conhecimentos aprendidos. Consiste no desenvolvimento de dois projetos estratégicos, que impliquem um retorno financeiro significativo para a organização.

É responsabilidade da empresa criar condições para que os candidatos tenham, durante a fase 1, pelo menos 80% de dedicação ao treinamento. Na fase 2 são necessários, no mínimo, 50% de dedicação. Por ou não o cronograma da pg.39 e 40 • Treinamento para Green Belts Fases do treinamento: - Fase 1 O treinamento para Green Belts é inicialmente constituído por duas sessões de curso, tendo cada uma a duração de uma semana, abrangendo um período total de quatro a seis semanas. Entre as duas sessões há um espaçamento de 15 a 30 dias, para que os candidatos possam iniciar a aplicação, em suas empresas, dos conhecimentos adquiridos na primeira sessão do curso. Essa aplicação consiste no desenvolvimento de um projeto prático de médio prazo (quatro a seis meses), que implique um retorno financeiro significativo para a organização. - Fase 2 A fase 2 é constituída pelo acompanhamento do desenvolvimento do projeto prático, que consiste na realização das seguintes atividades: - Pelo menos dois site visits. - Orientação à distância, de acordo com a demanda dos candidatos. - Uma sessão de apresentação dos projetos nas unidades de negócio da empresa. - Uma avaliação dos relatórios dos projetos práticos. - Quatro ou mais reuniões entre os Sponsors, o Coordenador do Programa e a consultoria, para avaliação e ajuste do Programa Seis Sigma na empresa. A fase 2 é encerrada com a indicação de candidatos a Green Belts para certificação. • Comprometimento da empresa É a responsabilidade da empresa criar condições para que os participantes tenham pelo menos 40% de dedicação ao treinamento até a conclusão do projeto. • Upgrade de formação: como passar de Green Belt a Black Belt Candidatos certificados como Green Belts poderão fazer o treinamento para Black Belts, com início do curso a partir da sessão 3 e desenvolvimento de mais um projeto prático (longo prazo).

Dentro do processo de formação dos black belts, são passadas as seguintes etapas:

- Inicio do processo de definição de projetos: seminário para alta administração; workshop para formar champions; reunião com consultoria, para consolidar turmas e candidatos; Sessão 1 e 2 do curso para Black Belts; - Primeiro site visit: Reunião com a consultoria, para avaliação; Sessão 3 do curso para Black Belts; Reunião com a consultoria; Sessão 4 do curso (para as áreas industriais da empresa). - Segundo site visit: Reunião com a consultoria; Sessão de apresentação dos projetos nas unidades de negócio da empresa; - Conclusão do projeto de médio prazo; entrega dos relatórios dos projetos (primeira versão); nova reunião com a consultoria; - Terceiro site visit: Duas reuniões com a consultoria, para avaliação; sessão de apresentação dos projetos nas unidades de negócio da empresa; reunião com a consultoria; entrega dos relatórios dos projetos (versão final); e indicação de Black Belts para certificação. Processo de formação dos Green Belts, na CNH: - Inicio do processo de definição de projetos: seminário para alta administração; workshop para formar champions; reunião com consultoria, para consolidar turmas e candidatos; Sessão 1 e 2 do curso para Green Belts; - Primeiro site visit: Duas reuniões com a consultoria, para avaliação; - Segundo site visit: Reunião com a consultoria; Sessão de apresentação dos projetos nas unidades de negócio da empresa; - Conclusão do projeto de médio prazo: reunião com a consultoria; - Entrega dos relatórios dos projetos; e indicação de Green Belts para certificação. CERTIFICAÇÃO DE BLACK BELTS E GREEN BELTS A formação de Black Belts e Green Belts envolve o cumprimento integral das etapas de desenvolvimento e conclusão, com resultados, dos projetos práticos. A avaliação de desempenho de cada candidato a Black Belt ou Green Belt deverá ser feita em conjunto pelos consultores e gestores envolvidos nos projetos desenvolvidos pelo candidato. Essa avaliação ocorrerá de acordo com os critérios definidos para certificação e seu resultado implicará, ou não, a certificação do candidato. Nela deverão ser considerados os seguintes aspectos: - Compreensão do método e das ferramentas Seis Sigma (desempenho nos cursos e no desenvolvimento dos projetos práticos). - Conclusão dos projetos práticos (a avaliação do retorno econômico dos projetos deverá ser validada pela diretoria financeira/controladoria da empresa). - Raciocínio crítico e capacidade de síntese e comunicação de idéias. - Habilidades de relacionamento interpessoal. A matriz para avaliação de candidatos a Black Belts deve ser preenchida em dois momentos: - Após a análise da primeira versão dos relatórios dos projetos.

A primeira avaliação tem como objetivo identificar a necessidade de tomada de ações corretivas e não visa indicar candidatos a Black Belts para certificação. - Após a análise da versão final dos relatórios dos projetos. A segunda avaliação tem como objetivo indicar (ou não) candidatos a Black Belts para certificação. A matriz para avaliação de candidatos a Green Belts é preenchida após a análise dos relatórios dos projetos e tem como objetivo indicar (ou não) candidatos a Green Belts para a certificação.

Responsáveis pelo preenchimento da matriz para avaliação dos candidatos, de acordo com as tabelas acima: Black Belts: (1) Consultoria; (2.1) Consultoria + Champion; (2.2, 2.3, 2.4) Champion; (2.5) Consultoria + Champion; (2.6) Champion; (3) Consultoria + Champion. Green Belts: (1) Consultoria; (2.1) Consultorioa + Champion; (2.2, 2.3, 2.4) Champion; (3) Consultoria + Champion. GERENCIAMENTO DA EQUIPE DO PROJETO O gerenciamento da equipe do projeto visa o acompanhamento do desempenho de membros da equipe, fornecimento de feedback, resolução de problemas e coordenação de mudanças para melhorar o desempenho do projeto. Para isso ocorrer bem, deve existir o apoio e patrocínio da alta administração da empresa, garantindo a ligação do Seis Sigma as estratégias organizacionais, criando sistemas para acompanhar e medir a satisfação dos clientes, alocando recursos de forma eficaz e criando planos de reconhecimento e recompensa atrelados aos resultados obtidos.

Treinamentos multi empresas: 225,226 e 227...que pra qm já esta implementando o Seis Sigma...entra no nosso ?

Adicionar o textinho de brainstorming