LEI Nº 3189, DE 22 DE FEVEREIRO DE 1999.

INSTITUI O FUNDO ÚNICO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO - RIOPREVIDÊNCIA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS. O Governador do Estado do Rio de Janeiro, Faço saber que a Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro decreta e eu sanciono a seguinte Lei: CAPÍTULO I DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

* Art. 1º Fica instituído o FUNDO ÚNICO DE PREVIDÊNCIA SOCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO – RIOPREVIDÊNCIA com a finalidade de arrecadar, assegurar e administrar recursos financeiros e outros ativos para o custeio dos proventos de aposentadoria ou reforma, das pensões e outros benefícios, concedidos e a conceder aos membros e servidores estatutários e seus dependentes, pelo Estado do Rio de Janeiro, suas autarquias e fundações. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008.

* §1º - O RIOPREVIDÊNCIA deverá efetuar os pagamentos dos proventos de aposentadoria e reforma, das pensões e de outros benefícios devidos, nos termos estabelecidos na legislação relativa ao regime jurídico próprio e único de previdência dos membros e servidores públicos estatutários estaduais. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. § 2º - O Tesouro Estadual é garantidor das obrigações do RIOPREVIDÊNCIA derivadas do dever de custeio dos valores devidos por proventos pela aposentadoria, reforma, pensões e outros benefícios, concedidos e a conceder, conforme previsto nesta lei.

* §3º Ao Estado do Rio de Janeiro compete responder solidariamente pelas obrigações assumidas pelo RIOPREVIDÊNCIA com relação aos membros e servidores estatutários, ativos e inativos, bem como seus beneficiários. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008.

Art. 2º - O RIOPREVIDÊNCIA, na consecução de suas finalidades, atenderá, obrigatoriamente, aos seguintes princípios: I - provimento de sistema público e solidário de seguridade social; II - caráter democrático e eficiente de gestão, com a participação de representantes do Poder Público Estadual, dos segurados, participantes e beneficiários; III - transparência na gestão de seus recursos;

IV . e imunidades do Estado. goza.O RIOPREVIDÊNCIA é uma autarquia vinculada à Secretaria de Estado de Administração e Reestruturação do Estado. * Art. mediante contribuições do Estado do Rio de Janeiro. patrimonial e financeira descentralizadas. inclusive processuais. gestão administrativa.preservação do equilíbrio financeiro e atuarial. 4º . II – o Secretário Chefe da Casa Civil. 5º .proibição da criação. e dos segurados.custeio da previdência social. participantes e beneficiários.Conselho de Administração. majoração ou extensão de quaisquer benefícios ou serviços. sem a correspondente fonte de custeio total. patrimônio e receitas próprios.gestão administrativo-financeira autônoma em relação ao Estado do Rio de Janeiro.O RIOPREVIDÊNCIA operará com contas distintas das pertencentes ao Tesouro Estadual. com sede e foro na Capital do Estado. 6º O Conselho de Administração será composto por 15 (quinze) membros. Art. e VII . CAPÍTULO II DA ORGANIZAÇÃO DO FUNDO ÚNICO DA PREVIDÊNCIA SOCIAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO .Diretoria Executiva. V . Parágrafo Único . 3º . dotada de personalidade jurídica de direito público.O RIOPREVIDÊNCIA. e das entidades abrangidas por esta lei. com os seguintes órgãos: I . serviços e ações. Art. dos privilégios. VI .O RIOPREVIDÊNCIA contará.RIOPREVIDÊNCIA. IV – o Procurador-Geral do Estado. no que se refere a seus bens. técnica. . Art. segundo critérios socialmente justos e atuarialmente compatíveis. na sua estrutura diretiva. em toda a sua plenitude. e II . III – o Secretário de Estado de Fazenda. a saber: I – o Secretário de Estado de Planejamento e Gestão.

investimento e alocação dos recursos. * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. com a presença da maioria absoluta de seus membros. um do Ministério Público e um do Tribunal de Contas. em caso de empate nas deliberações.As reuniões do Conselho instalar-se-ão. observados os mesmos critérios de escolha dos titulares.Compete ao Conselho de Administração do RIOPREVIDÊNCIA: * I – reunir-se. 7º . sendo um de cada um dos Poderes. escolhidos e nomeados pelo Governador a partir de lista tríplice. XI – o Diretor-Presidente do RIOPREVIDÊNCIA. VII – um representante indicado pela Assembléia Legislativa. § 1º . * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. § 2º . por convocação de seu Presidente ou da maioria de seus membros. além do seu. extraordinariamente.exercer a supervisão das operações do Fundo. sua avaliação atuarial e o plano de custeio. formada pelas respectivas associações de classe. VI – um representante indicado pelo Tribunal de Justiça do Estado. * §4º Cada membro do Conselho possuirá um suplente. IX – um representante indicado pelo Tribunal de Contas do Estado. Art.examinar e aprovar.O Presidente do Conselho de Administração será eleito pelos seus pares.fixar as diretrizes gerais de gestão. e. cabendo ao Presidente do Conselho. anualmente. VIII – um representante indicado pelo Ministério Público.V – o Defensor Público Geral do Estado. IV . na forma de seu Regimento Interno. II . (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. o voto de qualidade.O Conselho deliberará por maioria simples de votos. no mínimo a cada 3 (três) meses. . § 3º . X – cinco representantes dos segurados e beneficiários. III . ordinariamente.

elaborar e modificar o seu Regimento Interno. um Diretor de Investimentos. na forma do inciso X do Artigo 6º. ordinariamente. sem aumento de despesa. privativamente. uma vez em cada trimestre civil. escolhidos. um Diretor de Seguridade. nomeados pelo Governador do Estado. § 2º .O Regimento Interno do Conselho de Administração será elaborado no prazo de 60 (sessenta) dias após a posse de seus membros.A constituição do quadro permanente de pessoal será objeto de lei específica. 8º . (NR) * Incluído pela Lei nº 5260/2008.V .Compete ao Conselho Fiscal: I . 11 . que fixará também a estrutura básica do Fundo.A Diretoria Executiva será composta por 05 (cinco) Diretores. * VIII – supervisionar a gestão da folha e do sistema unificado de pagamento de benefícios previdenciários. mediante transformação. acordos e convênios que importem na constituição de ônus reais sobre os bens do Fundo. Art.autorizar a celebração de contratos. Art. Art. * Art.reunir-se. cedidos ao RIOPREVIDÊNCIA. 10. ouvidas as respectivas entidades representativas de classe. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. .As atribuições dos Diretores serão estabelecidas no decreto regulamentador. por convocação de seu Presidente. os parâmetros para funcionamento do sistema unificado de pagamento do regime jurídico próprio e único de previdência dos membros e servidores públicos estatutários estaduais. O RIOPREVIDÊNCIA contará com Conselho Fiscal composto de 03(três) membros efetivos e 03 (três) membros suplentes. classificado como autarquia do Grupo A.O Diretor de Seguridade será indicado. e nomeados pelo Governador para o exercício de mandato de um ano. com cargos em comissão e funções de confiança a serem criados. * VII – estabelecer. Parágrafo Único .O quadro de pessoal inicial poderá ser formado por servidores públicos. 9º . e VI . entre segurados e/ou beneficiários. 1º da Lei 1272/87. Parágrafo Único . consoante o art.em liquidação. um Diretor Jurídico e um Diretor Administrativo e Financeiro. até o dia 10 de março de cada ano. bem como por funcionários do Banco do Estado do Rio de Janeiro . sendo um Diretor-Presidente. (NR) * Incluído pela Lei nº 5260/2008. pelas entidades de classe representativas dos segurados e beneficiários. § 1º . mediante requisição de seu DiretorPresidente ao Governador do Estado. em lista tríplice.

pela Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro. § 1º .Os créditos do RIOPREVIDÊNCIA constituem dívida ativa considerada líquida e certa quando esteja devidamente inscrita em livro próprio.Revogado pela Lei nº 5260/2008.As deliberações do Conselho Fiscal serão tomadas por maioria de votos. V . 13 . motivadamente.O RIOPREVIDÊNCIA é representado por seu Diretor-Presidente. ao Conselho de Administração.examinar e emitir parecer sobre as contas apuradas nos balancetes.os bens imóveis dominicais de titularidade do Estado do Rio de Janeiro. Art. II . V . III . contas e atos da Diretoria Executiva.O patrocínio judicial do RIOPREVIDÊNCIA será exercido. . a contratação de assessoramento de técnico ou empresa especializada.dar parecer sobre o balanço anual. privativamente. livros e documentos do Fundo. VI . as irregularidades eventualmente apuradas. IV .relatar.os créditos devidos à conta da compensação financeira prevista no art. a qual não terá poderes para receber citação.os bens imóveis dominicais de titularidade de autarquias e fundações públicas estaduais. CAPÍTULO III DO PATRIMÔNIO E DAS RECEITAS Art. § 2º . VII . *IV . bem como sobre o cumprimento do plano de custeio e coerência dos resultados da avaliação atuarial. *III . sem prejuízo do controle de contas externo.IPERJ. 12 .Fica o Poder Executivo autorizado a incorporar ao patrimônio e do RIOPREVIDÊNCIA os seguintes ativos: I .os créditos de natureza previdenciária devidos ao Instituto de Previdência do Estado do Rio de Janeiro . inclusive em relação às hipóteses.Revogado pela Lei nº 5260/2008. a qualquer tempo. VI .II .solicitar. ao Conselho de Administração.lavrar. sugerindo medidas saneadoras. os resultados dos exames procedidos.examinar. em livro de atas e pareceres. com observância dos requisitos exigidos na legislação adotada pelo Estado para o mesmo fim. Parágrafo Único .

475.Fica autorizado ao RIOPREVIDÊNCIA a alienação integral dos ativos econômicos referidos no inciso XI do art. de sociedades controladas pelo Estado extintas com base na autorização prevista pela Lei nº 3. dentre outras. mediante prévia autorização legislativa específica. 20 da Constituição Federal.  Nota: Lei 3695. * Inciso acrescentado pelo art. art. bem como de empresas públicas e sociedades de economia mista estaduais. 1º da Lei nº 3695/2001 * XII – direitos pertinentes às receitas a que o Estado do Rio de Janeiro faz jus por força do disposto no § 1º do art.créditos. direitos a título. de 17 de março de 1964.201.Revogado pela Lei nº 5260/2008. de suas autarquias e fundações.recursos do Fundo de Mobilização Social oriundos do Programa Estadual de Desestatização.320. e alterações posteriores. * Inciso acrescentado pelo art. inclusive financeiros. * X – ativos. fontes de receita do Fundo: * I – as contribuições de natureza previdenciária dos servidores públicos estatutários. VIII . 2º . Parágrafo Único . de 22 de fevereiro de 1999. Art. de 06 de outubro de 2000.Os ativos incorporados ao RIOPREVIDÊNCIA serão avaliados em conformidade com o que dispõe a Lei 4. 1º da Lei nº 4275.Constituem. 14 . direitos de crédito. * Acrescentado pela Lei nº 4237/2003. de 05/02/2004 * II . VII . inscritos até 1997 em dívida ativa do Estado do Rio de Janeiro. . suas autarquias e fundações. 13 da Lei nº 3189. de suas autarquias e fundações ou recursos advindos da respectiva liquidação. § 9º da Constituição da República . tributários e não tributários. com a redação dada pelo artigo 1º da presente Lei.as participações societárias de propriedade do Estado. 1º da Lei nº 3502/2000 XI . do Estado do Rio de Janeiro. participações em fundos de que seja titular o Estado do Rio de Janeiro. (NR) * Nova redação dada pelo art. IX .recebíveis. bem como dos beneficiários de pensão por morte de servidor público estadual estatutário. ativos e inativos.

as doações. tais como os obtidos com aplicações financeiras ou com o recebimento de contrapartida pelo uso de seus bens. a contar da publicação desta lei. 17 . sua titularidade para o RIOPREVIDÊNCIA. VII . § 2º . em seguida.as dotações orçamentárias destinadas ao pagamento de pessoal (inativo). . a cada 30 dias. reformas.o produto da alienação de seus bens. a abertura de créditos orçamentários adicionais. passando-se. 13. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. que se efetivará através de termo administrativo elaborado segundo minuta padrão aprovada pela Procuradoria Geral do Estado. com o necessário suporte jurídico da Procuradoria Geral do Estado.As contribuições de natureza previdenciária e quaisquer outras importâncias devidas ao RIOPREVIDÊNCIA pelos servidores estatutários. § 1º . devendo. o Estado proporá.* III – as contribuições de natureza previdenciária do Estado do Rio de Janeiro. pensões e outros benefícios devidos. pensões e outros benefícios devidos pelo Estado do Rio de Janeiro.Sem prejuízo dos ativos que venham a ser integralizados e das receitas do Fundo. suas autarquias e fundações das quais sejam seus servidores segurados ou beneficiários.os rendimentos de seu patrimônio. Art. * Art. 15 .O Departamento de Patrimônio Imobiliário do Estado do Rio de Janeiro procederá ao inventário dos bens enquadrados nos incisos I e II do art. na forma da lei. 18 . legados e rendas extraordinárias ou eventuais.Cumprida a formalidade prevista no “caput”. * IV .Os próprios estaduais com situação dominial ainda não titularizada perante o Registro de Imóveis competente serão objeto de processo de regularização pelo Departamento de Patrimônio Imobiliário do Estado do Rio de Janeiro.A inscrição como contribuinte do RIOPREVIDÊNCIA será ex officio. quando necessário. Art. 16 . V . * Expressão suspensa por Liminar deferida pelo STF nº 2188-5 VI . Art. promover a publicação dos bens inventariados no período. o Poder Executivo promoverá a incorporação dos aludidos bens imóveis ao Fundo.Revogado pela Lei nº 5260/2008. e suas autarquias e fundações. nos termos do parágrafo anterior. visando assegurar ao RIOPREVIDÊNCIA a alocação de recursos orçamentários destinados à cobertura de eventuais insuficiências financeiras para a garantia do pagamento das aposentadorias. e VIII .

permanece o vínculo com o regime jurídico próprio e único de previdência social. e na cobrança de juros de mora de 1% ao mês.Os contribuintes. * Art. * Art. (NR) * Artigo com nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. e pensionistas serão arrecadadas mediante desconto em folha. do disposto neste artigo acarretará a suspensão dos direitos de natureza previdenciária. sem prejuízo das sanções previstas em lei. Art.Realizada a opção a que se refere o caput. (NR) * Nova redação dada pelo art.A suspensão mencionada no parágrafo anterior só cessará após o recolhimento. de 05/02/2004 Parágrafo Único . recolhendo a contribuição. contribuirá para o regime jurídico próprio e único de previdência dos membros e servidores públicos estatutários estaduais durante o período de afastamento. acrescida da correção nos termos da lei. (NR) §1º . diretamente ao RIOPREVIDÊNCIA. até o dia 10 (dez) do mês seguinte àquele em que deveriam ter sido pagos. 1º da Lei nº 4275. independente do recolhimento da contribuição.Durante o período de licença sem remuneração. . (NR) §3º . 19-A – As contribuições previdenciárias dos segurados cedidos a órgãos de outros entes da Federação. § 2º . (NR) * Incluído pela Lei nº 5260/2008.A inobservância. por meio de documento próprio de arrecadação.ativos e inativos. por 3 (três) meses consecutivos. proventos ou pensões. sem ônus para o Estado do Rio de Janeiro. salvo opção expressa. 19 – O segurado em gozo de licença sem remuneração. inclusive a patronal. cujos valores devidos não forem descontados de sua remuneração. cabíveis em cada caso.(NR) §2º . § 1º .O período da licença sem remuneração será computado como tempo de contribuição para fins de aposentadoria.A não observância dos prazos de recolhimento das contribuições implicará em falta grave. caso seja realizado o devido recolhimento. pelos órgãos responsáveis pelos respectivos pagamentos e por estes recolhidas. sujeitando os responsáveis às penalidades estatutárias. à conta do RIOPREVIDÊNCIA. até o dia 30 (trinta) do mês em que se efetivar o respectivo pagamento de vencimentos. pelo segurado ou beneficiário. civis e criminais. serão recolhidas ao Fundo pelo órgão cessionário. de todas as quantias em atraso. ficam obrigados a recolhê-los. 20 . o não recolhimento da contribuição previdenciária por prazo superior a 12 (doze) meses importa a suspensão do exercício dos direitos previdenciários.

* Revogado pela Lei nº 5260/2008. * § 4º Os débitos existentes serão parcelados em até 60 (sessenta) vezes a critério do servidor. * Revogado pela Lei nº 5260/2008. encaminharão ao RIOPREVIDÊNCIA os autos do procedimento administrativo.A gestão do RIOPREVIDÊNCIA deverá. § 2º . obedecer: I . * Art. investimento e alocação dos recursos aprovados pelo Conselho de Administração. os benefícios devidos aos seus dependentes poderão ser pagos.As disposições do “caput” aplicam-se às refixações de proventos de aposentadorias e reforma. 23 Após a concessão da aposentadoria. os órgãos competentes do Poder Executivo. poderá haver o alongamento do prazo para quitação do débito.Ocorrendo o óbito do segurado que estiver com seus direitos suspensos em relação ao Fundo por período ininterrupto de até 1 (um) ano. Art. bem como de outra função temporária ou de emprego público. suas autarquias e fundações.atualizadas monetariamente e acrescidas dos juros de mora. previsto no parágrafo anterior. no que couber. 22 . 5º da Lei nº 4275/2004. para verificação e imediata implantação em folha de pagamento. 40 da Constituição da República . na forma do § 13 do art.Ao servidor ocupante exclusivamente de cargo em comissão declarado em lei de livre nomeação e exoneração. com as atualizações e sanções legais. dentre outros princípios aplicáveis à administração pública. reforma ou pensionamento. § 5º Caso a quitação do parcelamento.Caso o comprometimento da renda do servidor supere o percentual de 40% (quarenta por cento). deverá ser respeitada a respectiva margem consignável. desde que requerido dentro dos prazos estabelecidos em lei e respectivos regulamentos para o exercício de tais direitos e após o recolhimento das quantias devidas ao RIOPREVIDÊNCIA.(NR) I . (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. aplica-se o regime geral de previdência social. . * Artigo 21 revogado pelo art. CAPÍTULO IV DA GESTÃO PATRIMONIAL Art. seja realizada mediante desconto em folha de pagamento. * Incluído pela Lei nº 5260/2008. (NR) * Incluído pela Lei nº 5260/2008. § 3º . 24 .às diretrizes gerais de gestão.

às normas gerais públicas da administração financeira. conforme previsto no inciso VI do “caput” deste artigo. obrigatoriamente. ouvido o órgão técnico da instituição. a cada ano. e (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. a programação financeira e os balanços do RIOPREVIDÊNCIA obedecerão aos padrões e normas instituídos por legislação específica. vedados quaisquer outros pagamentos de despesas de natureza não previdenciária. 28 .ao pleno acesso dos segurados às informações relativas à gestão do regime ora instituído. a aplicação de recursos financeiros por entidades escolhidas mediante processo de licitação pública.Juntamente com o balanço geral.definida a política de investimentos pelo Conselho de Administração. III . com exceção daqueles de emissão do governo federal.O exercício financeiro coincidirá com o ano civil e a contabilidade obedecerá. Art.Na aplicação de recursos financeiros. a fim de buscar elevado padrão de segurança e rentabilidade. Parágrafo Único . VI . no que couber.aos parâmetros atuariais sugeridos pela Diretoria de Seguridade. a avaliação atuarial do RIOPREVIDÊNCIA. nos prazos definidos em lei. Art. ficam vedados os investimentos em títulos públicos. Parágrafo Único .Os orçamentos. 27 .O balanço geral com a apuração do resultado do exercício deverá ser apresentado pelo Diretor-Presidente do RIOPREVIDÊNCIA ao Tribunal de Contas. ajustados às suas peculiaridades. Art. IV . 26 . V . conforme determinado por legislação federal. VIII .O plano de contas e o processo de escrituração serão estabelecidos em instruções do Diretor-Presidente do RIOPREVIDÊNCIA. e contabilização dos ativos por fontes de recursos e gastos. * VII – à minimização dos custos administrativos. Art. .a inspeções anuais de auditoria por entidades independentes legalmente habilitadas. deverá a Diretoria Executiva realizar.aos princípios contábeis pertinentes à matéria.II . visando a sua gradual estabilização. 25 .a sistema de registro contábil individualizado de cada servidor e dos entes estatais.

Art. inciso I. com suas modificações. mediante prévio procedimento licitatório.A presente lei também aplica-se às utilizações de imóveis regularmente concedidas pelo Estado a qualquer título. por parâmetros. bem como pelos beneficiários de pensão por morte de servidor público estadual estatutário sob a alíquota de 11% (onze por cento) passando. Art. podendo o seu montante ser parcelado na forma regulamentar. 1º da Lei nº 4275. suas autarquias e fundações. desta Lei será devida pelos servidores públicos estatutários.Fica autorizada a alienação e a oneração dos bens imóveis pertencentes ao Fundo desnecessários ao funcionamento de suas atividades administrativas. §1º . sem prejuizo de procedimento administrativo visando a sua liquidação. suas autarquias. os valores praticados pelo mercado imobiliário.Serão considerados necessários à consecução dos objetivos do Fundo os imóveis que integram seu patrimônio com a finalidade de gerar receitas. ativos e inativos. 30 . os débitos de valor inferior a 1/3 (um terço) do menor vencimento pago pelo Estado do Rio de Janeiro. a ser arrecadada a favor do RIOPREVIDÊNCIA e a compor suas receitas. 32 .(NR) * Nova redação dada pelo art. Distrito Federal e Municípios.É vedada a utilização de recursos do RIOPREVIDÊNCIA para empréstimos de qualquer natureza à União. desde que ocorram no cumprimento de suas finalidades. a Lei Complementar nº 8 . a partir do nonagésimo dia após a data de entrada em vigor desta Lei. 1º. 29 . no que couber. Parágrafo Único .Respeitado o disposto nesta lei. de 05/02/2004 . aos bens imóveis pertencentes ao Fundo. inclusive mediante alienação. para o cumprimento do disposto no art.Ficam dispensados de ajuizamento de ação para respectiva cobrança. 14.A contribuição a que se refere o art. § 4º . CAPÍTULO V DISPOSIÇÕES GERAIS E TRANSITÓRIAS * Art. fundações e demais entidades integrantes da administração indireta. 33 .A gestão de imóveis pertencentes ao Fundo poderá ser atribuída a terceiros.Art. § 2º .As importâncias devidas ou recebidas a mais pelos segurados ou seus dependentes serão pagas ao RIOPREVIDÊNCIA. § 3º . aplica-se. Estados. devendo o RIOPREVIDÊNCIA enviar trimestralmente à Assembléia Legislativa listagem de tais bens. Art.A gestão dos bens imóveis independe de autorização do Governador do Estado e será realizada utilizando-se. 31 . do Estado do Rio de Janeiro. de 25 de outubro de 1977.

o § 5º do art. Parágrafo único. III – para os membros do Poder Judiciário. 2º e o § 1º do art. combinado com o art. o montante da pensão por morte ou do somatório das cotas de pensão. e) o auxílio-alimentação. do Tribunal de Contas e o servidor público estatutário poderão optar pela inclusão na base de cálculo da contribuição de parcelas remuneratórias percebidas em decorrência de local de trabalho. 40 da Constituição Federal. II – para os pensionistas. da Defensoria Pública. se for o caso. 34 A contribuição prevista no artigo anterior incidirá sobre a seguinte base de cálculo: I – para os membros do Poder Judiciário. * Art. que exceder ao limite máximo estabelecido para os benefícios do regime geral de previdência social de que trata o art. 201. ser for o caso. acrescido das vantagens pecuniárias permanentes estabelecidas em lei. e i) o abono de permanência de que tratam o § 19 do art. o montante de seus proventos de aposentadoria que exceder o limite máximo estabelecido para os benefícios do regime geral de previdência social de que trata o art. 40.* Art. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5260/2008. da Defensoria Pública. 35 * Artigo revogado pelo art. 5º da Lei nº 4275/2004. d) o salário-família. c) a indenização de transporte. do exercício de cargo em comissão ou de função de confiança. da Defensoria Pública. O membro do Poder Judiciário. 3º da Emenda Constitucional nº 41. do Ministério Público. do Tribunal de Contas e os servidores públicos estatutários inativos. quando repartida por dois ou mais dependentes. 201. combinado com o art. g) as parcelas remuneratórias pagas em decorrência de local de trabalho. § 21. f) o auxílio-creche. §21. as adicionais de caráter individual ou quaisquer outras vantagens. do Ministério Público. ambos da Constituição da República. . do Ministério Público. b) a ajuda de custo em razão da mudança de sede. ambos da Constituição da República. de 19 de dezembro de 2003. h) a parcela percebida em decorrência do exercício de cargo em comissão ou de função de confiança. do Tribunal de Contas e os servidores públicos estatutários ativos o subsídio ou a remuneração do cargo efetivo. 40. para efeito de cálculo do benefício. excluídas: a) as diárias para viagens.

* Art. * Art.Os beneficiários da PREVI-BANERJ (aposentados) até a data da publicação da presente Lei e seus dependentes passarão a contribuir. * Parágrafo único – A Assembléia Legislativa. decorrentes do pagamento de benefícios previdenciários. devendo o produto de sua arrecadação ser contabilizado em conta específica." * Nova redação dada pela Lei nº 4765/2006. 35-A . § 1º . derivados do regime especial instituído pela Lei 7. * Expressão suspensa por Liminar deferida pelo STF nº 2188-5 * Revogado pela Lei 5260/2008. de 19 de novembro de 1990. 40 . Art.Os servidores. para o RIOPREVIDÊNCIA com a mesma alíquota prevista no estatuto do PREVI-BANERJ em vigor na data de sua liquidação extrajudicial. a contar da publicação desta Lei. de 03 de dezembro de 1986. incluídas suas autarquias e fundações. 36 . 37 . o Poder Judiciário. obrigatoriamente. Art. * Expressão suspensa por Liminar deferida pelo STF nº 2188-5 * Art. 36.A contribuição do Estado do Rio de Janeiro.Excluem-se do disposto neste artigo os pensionamentos já devidos aos beneficiários dos servidores destinatários das normas legais referidas no “caput” a serem pagos pelo RIOPREVIDÊNCIA. ao regime próprio de previdência social a que estejam vinculados seus servidores ativos será o equivalente a 22% (vinte e dois por cento) sobre a totalidade da base de contribuição do servidor.Fica revogada ainda a Lei nº 1084 . . § 2º . destinatários das leis referidas no “caput” do art. de 23 de novembro de 1973. (NR) * Nova redação dada pela Lei nº 5166/2007. obrigatoriamente.Ficam extintos.* Art. o Ministério Público e o Tribunal de Contas serão responsáveis pelas contribuições relativas aos seus respectivos servidores. os pensionamentos aos dependentes de servidores do Poder Executivo.301.* Revogado pela Lei 5260/2008. 118.* Revogado pela Lei 5260/2008. as contribuições relativas aos demais servidores e a cobertura de eventuais insuficiências financeiras do regime. 33 incidente sobre a base de cálculo instituída no art. em especial os arts. 38 . “caput” e parágrafo único e 119 da Lei Complementar nº 69 . para o RIOPREVIDÊNCIA com a alíquota previdenciária prevista no art. incluídas suas autarquias e fundações. 39 . ficando revogadas por consequência as normas legais pertinentes aos referidos servidores. passarão a contribuir. cabendo ao Poder Executivo. ativos *(e inativos). 34.

A Diretoria Executiva deverá. suas fundações e autarquias. a integrar o patrimônio do Estado do Rio de Janeiro. e cujo montante estava previsto no artigo 10. deste mesmo diploma legal e devida para o custeio do Instituto de Assistência dos Servidores do Estado do Rio de Janeiro . Art. Art. * § 1º . 47 . bem como de seus pensionistas. assim como. Art. 41 .Com a finalidade de operacionalizar o contido nos arts. obrigatoriamente. que o sucederá em todos os seus direitos e obrigações. todo o seu patrimônio passará. poderão ser alienados a esses funcionários. fica autorizado o Poder Executivo a repactuar contratos de empréstimos realizados com a União Federal e/ou a Caixa Econômica Federal. Art. 43 .* Art.Os membros do Conselho de Administração e do Conselho Fiscal serão nomeados. Nomeação de Agente Fiduciário e Outros Pactos e/ou obter as necessárias autorizações a que o RIOPREVIDÊNCIA e seus ativos figurem como contragarantidores da operação de crédito. de 13/05/75. prevista no artigo 9º. 46 . 1º e 13 desta lei. fica revogada a contribuição obrigatória dos servidores ativos e inativos. 42 . será prestada com recursos provenientes: I – da contribuição mensal de 10% (dez por cento) do soldo do policial-militar ou bombeiro-militar. “caput”. mediante pagamento do preço em parcelas mensais. a seus dependentes. observando-se os critérios de indicação previstos respectivamente. I do Decreto Lei nº 99. na forma a ser determinada no decreto regulamentar. Art. Art. . no prazo de 45 (quarenta e cinco) dias a contar da publicação desta lei. nos arts. suas fundações ou autarquias. transferidos ao RIOPREVIDÊNCIA e que estiverem sendo utilizados para esse fim por funcionários públicos de baixa renda do Estado. de uso residencial e com vocação habitacional. 45 . decorridos 120 (cento e vinte) dias a contar da publicação desta lei. 30.Os bens imóveis transferidos pelo Estado do Rio de Janeiro ao RIOPREVIDÊNCIA e que estejam sendo utilizados mediante contrapartida ou remuneração de valor inferior ao praticado pelo mercado imobiliário de locações.* Revogado pela Lei 5260/2008.Em caso de extinção do RIOPREVIDÊNCIA. promover a avaliação atuarial inicial do RIOPREVIDÊNCIA.A assistência médico-hospitalar aos policiais-militares e aos bombeirosmilitares.Para os destinatários desta Lei. bem como o respectivo Contrato de Abertura de Contas. 48 . 6º e 10 desta lei. 44 . deverão ser alienados e ter sua situação adequada ao § 1º do art.Os imóveis de propriedade do Estado. Art.IASERJ.

d) 100% (cem por cento) no quarto ano. III – da contribuição mensal de 1% (um por cento) do soldo do policial-militar ou do bombeiro-militar.inexistência de candidato aprovado em concurso. quando se tratar de reversão para o cargo de classe inicial de carreira. 49 * Revogado pela Lei 5260/2008. quando insubsistentes os motivos da aposentadoria. 1º da Lei nº 3465/2000 ) * Art. com praça no Estado do Rio de Janeiro. serão repassados imediatamente à conta referida no parágrafo anterior. mediante dotação orçamentária específica. b) 50% (cinqüenta por cento) no segundo ano. obedecida a seguinte proporção. em conta vinculada a estabelecimento bancário. III .Fica o Poder Executivo autorizado a instituir a reversão ao serviço ativo. II .. § 1º .. IV – de doações e legados.independentemente de vaga. 50 . § 2º .A reversão far-se-á a pedido e será feita no mesmo cargo anteriormente ocupado pelo aposentado e dependerá das seguintes condições: I . no quadro a que se refere o parágrafo .II – da contrapartida mensal do Estado.. c) 75% (setenta e cinco por cento) no terceiro ano. (Nova redação dada pelo art. com escrituração sob a rubrica “FUNDO DE SAÚDE DA CORPORAÇÃO” e serão geridos por uma comissão designada pelos respectivos Comandantes Gerais. Art. dos servidores do Quadro Permanente da Polícia Civil aposentados. V – de indenizações por atendimento conveniado.. . § 3º . os servidores policiais de 1ª classe ficarão agregados às respectivas carreiras.existência de vaga em cargo de 2ª classe a ser provido mediante promoção por merecimento. por dependente. até o limite total de sua margem consignável.Os recursos de que trata este artigo terão destinação específica. em relação à arrecadação prevista no inciso anterior: a) 25% (vinte e cinco por cento) no primeiro ano. nas respectivas carreiras.VETADO.O Poder Executivo poderá abrir créditos suplementares e especiais para fazer face às despesas necessárias para custeio da assistência médicohospitalar dos policiais-militares e dos bombeiros-militares.Os recursos mencionados nos incisos I e II deste artigo.. § 4º . desde a data da publicação desta Lei.

e seus pensionistas farão jus ao mesmo percentual de aumento em suas aposentadorias e pensões que for concedido aos servidores ativos. Parágrafo Único . condicionada. Art. de 30 de agosto de 1979. Rio de Janeiro. 21 da Lei nº 256 . 54 . Art. § 2º . à prévia aprovação do Chefe do respectivo Poder.único do art. V .Será contado como tempo de serviço. em qualquer hipótese.contar o aposentado menos de 65 anos de idade à data do pedido.Fica o Estado do Rio de Janeiro autorizado a aquiescer com os pedidos de renúncia de aposentadoria de seus servidores e proceder aos registros pertinentes junto aos órgãos competentes. em 22 de fevereiro de 1999.Esta lei entrará em vigor na data de sua publicação. § 3º . Art.A opção prevista no “caput” terá o caráter definitivo e irretratável e poderá ser realizada enquanto superado o limite estabelecido no artigo 169 da Constituição Federal.A reversão dependerá de inspeção média favorável. 51 . ANTHONY GAROTINHO Governador . 53 . 52 -Os servidores inativos do Poder Executivo. somente se aquela tiver sido causada por erro administrativo para o qual não haja concorrido o aposentado.o pedido pelo interessado deverá ser apresentado até 120 dias a partir da publicação desta Lei. IV . para todos os efeitos legais. revogadas as disposições em contrário. o período entre a aposentadoria e a reversão.Fica o Poder Executivo autorizado a abrir créditos suplementares para implementação do disposto nesta lei Art.

4.    ' #0.03  ./450.

 /489.3074 !#  ' 48.79  .    ' 48.570././4/4#4/0.34.425038.439./48./H3.07../03.7F/948/03.89..570.7F/948/0.3./0./48.E7.413.43899:94/0!70.9:70.

8/0574570/.70850.431472/.J1.8.5.9.42-.6:/.79  /.8 .89.4   !.   70.85-.2.9.907.50.4$4.8084.085489074708   ..0  /0/02.89.  V /..8 20/.09E7.3074 /08:../.408.48 3./4802./:..0748 /084.9F02/J.013.:947..85.9.850489..801:3/.:9.43899:4/.4# !#' 8074 .424/0025708./08/0 0./4 0939./08.:8.:7848 .9.47547.7948..4  8.803.03  ./4 89.0850...../.9.4  ' .03   /0 /04:9:-74 /0  3./4504.4570.47:3/48/4!747..3/48/..:947.9.76:.801:3/.79..0/.0/.39057F.43974.4246:0/850./4 /08:.084:70./48.84.8.:9.708.74/0  0.7E7. /008089./0/489.3.7F/948 97-:9E74803497-:9E748 38.4342..14 3.08 -02./4/4#4/0.#05-.76:././:.089.483.0884.   ' .289./0.039.:7848/4:3/4/04-.

84.7F/94 /70948..5.3074  3.7489.08021:3/48/0 6:080.03 ./4504.039.0-J.79  /.    70.08 /70948/0.99:.9J9:4 5.708.79./4/4#4/0.

8./450.6:0489.    /709485079303908870.  .039.03 ./4/4#4/0.79  /.09./4/85489434V /4.30741.708.:8 547147.43899:40/07.

79  /./:.480.4/.48 089.43907.79 /.9.80 1:3/.570803900   79  43899:02 /039704:97.03  /0/010..   O 49..504.79   .4# !#' .E7.4803./4:3/4    .570.03  /0 .:9.07074/0 .4870107/48343./48807.794 /.0 .09.8 143908/070.84/4 .504.42.70/.9:9E74 #  4.9:70.4 /.9. .48 /489.424/48-0301./4/4#4/0./48.8./47085-.9:9E748 .4397-:08/03.3074 8:.432./4.08 -02./.4089./03./.03..089.76:.70/.E748/05038454724790/0807.9.8.:947./47 5-.

.

03  .4.      #0./450.

   .

   .E7.3074 08:.08 3.50.1472./489.570.4397-:08/03.4/.8./.0 #  4.76:./4/4 #4/0.9:70./.03  ..70/.8.:9./03.801:3/.

4.03  .   ' #0./450.

/7.801:3/./484: -0301.9:9E748  .5.03./0 .813.439./47.7./47.07.07.4/48-0383.08 0.8./4/4#4/0 .!74.45.8  701472.84:.08.8/49./.504:84/080:8-0380  ' 4574/:94/..08 13.280:8807.2039E7.8/4:3/4 489. 3.40./74 .3/4.!74.9.4/./480:3/423:9.:7.8 .088E748:54790:7J/./4574547E 6:.8/0..74.03/4 ..0-20394/0./23897.4    79  8.039.79/.E7.0/07E.07.84:0..5.4# !#'  348 907248/45.:9..0 57424.43..039:.039:.20394/050884.3074 .7.5:-.7..79..48/0.E748 5708848:85038.3.42470.4/48./480703/.H3..4-079:7.8/4.76:./:.8480/4.50.9723424-E74/489.7/././48   79   05. /.20394/0!.    ' . .3499:.42./470880:7./0570..20394/0!.-47./.3/4 80 0280:/.79   /0..43./.8/0893.9:70.8073907.0884/0 70:./483483..7./03.79.20394/.4./4834507J4/4   V  :257/.../4  5../45.:9.4/080:8-038   79  $02570:J4/48..9.424.7.8./48././4708089.8 .8.48/0.548039.3.4397-:390/4# !#' 807E0411.39.4/089.:784847.088E74 .97234 9..5..9723424-E74/489.07E.03.47/3E7.86:.08/.5:9 4!4/070.07./4   V   857O5748089.880.42430.08.4# !#' .2.4397-:08/03.07.://48-0382O.14.4 57424.8097.3904#08974/02O.7F/94847.4/070.:7.504$%3    ' .7/0107/.8 .97.2039E748/0893./4/4#4/0..4289:.-079:7.4/423.88. 507.880:7.8.47547.85. 5:-.9.2039E748.42509039080744-094/0574./489.86:074:97.574.54723.8.7.4397.3/430.8 38:1.4:3/4 6:080 0109./47./4/4#4/0 .390747   79  38..99:.7/./480/./05.09./00.4# !#' 5048807.8  ' 48703/203948/080:5.486:0./.06:.3.7./.450405.424484-9/48./489.3074574..8 254793.89.8 50380804:9748-0301J..039E74/48-038036:.1472./4850489.3074 8:.8.4  50380804:9748-0301J.7E.0847.F8/090724.3/.34 .7E7.570.8 70. 8:.

.390/08.08504870850.  9739.9F4/..20394/0..770.4803.03  /0 .7470850.039484:503808  #  4./..9.203948 574.88074.4/.485.4/./4# !#'  .9.48 050384389.03.45.439./..439402 14.203948054708908 70.504.9./.8 .9.820/. /42H8026:0 800109.79  /. 5048O7487085438E.70/..

.

 /40 2080825479.7.89./..8480.70/.4/.4397-:4570./0:748/0247.30.03...4/48/70948570.:8./40244/0.  !.723.20394 70./47085-.4397-:0825.9...7.:4 .9:9E748089.088 503.7E7.4454 057088.3.4807E..138/0.4397-:4 #   V  #0.7./.4 8.4397-:4 3.403/4.. 3/0503/0390/4 70. /709.4 # !#'  547204/0/4..457O57403./4./44/0..03./H3.20390.770..14 3./47...47020:7J/.8 .8 .47704348907248 /..0 8:09.84 03.420394/./.548039. 8:850384/4007.4  #   V  :7././4 70.425:9.70.54757.6:0807010704..5:9 43470./08089. .42490254/0 .802702:307.04./48 202-7480807..4 344-807...3904507J4/4/0.4/0570.9743.E7. .8/:7.3/4487085438E.4397-:7E5.802702:307.7E021.50.84. .-J.457O57403.03  ./03./.708./.454..420394/.J.5.4-7. ..8 .802702:307.4234./H3.0    79   80:7../0./4857...1.3904507J4/4/0 .48/070.4 5072..4/0570./03.9:9E7.E748  #   V   507J4/4/.420394/.0802.42H8 ./:.03.4397-:45.48089.420394  #   794.80...48:50747./.:2039457O574/0.3.4247020:7J/.0.J3.

/48.03  .:J/450.4:3/4504O74.0/07./4/4#4/0.489.   79   8.0//48./03.8/4880:7.O748 /04:974803908/.4 8023:85.3074  807470.8.08843E74  #  3.4/.7.4397-:08570.E7.

 702:307.9F4/.5O84 70.439.4708/0.E74 /094/.29078/45.  /0 /42H8 80:3906:00026:0/0.48   V  34-807. 547 97H8 20808.308570.4H 48 .4397-:3908 .345.7709.802.7E../.88.420394 50480:7..89.:48./03.8:850384/48/70948/03.84  .8.48 /4/85489430890 .794. 802 570:J4/.24-7.9:70.97..4380.    79    8.70.14./44:-0301.3.3907478O.7E7..43..86:.4 1./48.7E.570.:9.E7./483414702/08.39.8020   V  8:850384203.07.088./48/08:.

2039485.48 /0.5O8470.7.4:3/4547507J4/4339077:594/0.008.20394/457./..79F74/4807./478:50704507./0  6:..420394/.J./48.9:.8/709480.7039.9F  8088039.-00./47 #   .9.7.4 /09.0394 54/07E.34 48-0301J.8.203900.48089.0808./46:0089./.4870:.47703/44O-94/480:7.3080. ./4807.39.824309.4 # !#'  .45.844. .43.03  .07.4880:8/0503/0390854/0748075.703/.8   V  8/F-9480890390880745./4802..4280:8/709488:8503848 0270.4/4 /F-94  3.7..4007.8.4.42.9F :2 .4257420920394/.8/48:748/0247./.547./48020070850.86:.:J/450.074.9:.039:.708..8/0.6:9.0.   V   .7.48 /08/06:0706:07/4/03974 /4857.

.4383E.6:9.07E807708509.20394 /0.14.2.0.894345.20/.    V .702.0  #  3.9.03  .390747 80./.:J/450. 70850.84..4/45.43940214. 70./05.390/08..7E7.7.20394 570../.

      79470.79  /./4504.4.03 .

/474.424/04:97./05..4020/.7.4:503843.:8.74.50.. 804702007.4  5./4V/4.801:3/.08  03..4# !#' 48./47.9. 84.76:.3900..20394 48 O748./23897.23.03  .:9.8...4 -02..071.../4020/0.4 .20390/0.40214.1472.4 8:.25.20394  #  4.4250903908/4!4/070..#05-.4:/00257045-.0/20394.703420.79  /.:5.1:34 902547E7.:948/4574.   79 5O8./H3.43899:4/.7. 3.42884 /0...4/./.70/.39.9.:9.0884/.4004307.5./0570.7402.    79  4807.548039..43. 701472..

03  .4.    #0./450.

80701472.03948/0 ./47.4.    V  8/854808/4 .03  .08/0574. 346:0./450.5...548039.2 808701.4:-07   #0.5:9 .

08.E.5.4/4870.45-.574.:7848 ..8/00894 3.J548 .4 ./23897..   ! %& ' $% !%#   79  0894/4# !#' /0..4.07   8/70970807. 4-0/0.089203940./4850443804/0/23897.07E /039704:9748573.

547039/.88902.:8948.:784813.485...:/947.-/.4   .-././083/0503/039080./0$0:7/./4/0./03.3:.3/4.0884/4880:7...0/.203948/0/08508./. .9.8  ' .12/0-:8./48831472.7.4/070.9.9../0   ' 232.20390 .807.-9..3.8/0.80894/4 702047../470/4803908 089.0 #  4.8./0 .4/.3../74/080:7./0708974./:./45.8  ' .3899:J/4  ' /013/.86:074:97485.700. ./0808.88:07/4850.50.4/.0870.0748547039/.9:70..34 570.  .45-.390574.7.54J9.9:.48 .0 7039.385008.8/03.089..9./23897./03.439E-3/.5.03  .45034.08920394850443804/0/23897.E7./48 6:.7209748.70/.../:.0884 /0./. 8:.4 .820/.70947.4/48.

439E-0850793039082.48/013/48020   .439.84'/4 ./08   !.J548./23897.20390 ..J..5708039.424.0.7 4-7..34/0.348/4 # !#' 4-0/0.4/070.:89.8/..2.073410/07.07.089203948029J9:48 5-.48 .. 70947.   79   007..79:7.   79   847.7E7.947.3..804574.-00./44O74 9F.5:7.5747./4/4007.-.3899:4   79   -.89434 3. .3.:.48547143908/070.0884/008.20390.-/.83899:J/48547 08.07E.048-.8 34857.85-.4/48.4 .J1.4 :39.J./0 4-0/0.4 13.4314720570.0748 .8948   !.9F7../70803472.074.6:008/002884/44..9:.794 1.0.3407.:78480. 0.70..7E7.413.4/0.2.. .410/07.:784813. ..807.48573.0/...14 3.3..074./4547 08./450470947 !708/0390/4# !#' .3.5:9 /0890.424-.07E 346:0.439./0 439.:9.04/.9.07.413.../4 # !#'    79   5.   ' ..4/./48483.14 3..4.34.485.4/4708:9.40850.42./7E.4314720/090723./48 023897:08/470947 !708/0390/4# !#'  4:.3407.850.439....420.7/.3.48074089.4:-07 83472.7..07E807 .5./.4%7-:3.203948 .34 /0.43./4888:.

1472.8.4# !#'  54/03/4480: 2439.4 ./23897.8/0.2/85038..3908075.4 48/F-948/0.47310747.9.7E7.8.9.0-/.79  8254793./.3.3/4.8. ./43. 6:/.7.2039...45. 802570:4/0574.8504880:7.70:.14 3.:.7.2.70850./48/0.20394/0.8:./484: 80:8/0503/0390880745.7   !...4.0/20394.84:70..4-7.0.

8.4:-07 .720390 .234.4397-:4.84 /089.4245048-0301. .09.3/4 80 5475.:4/484-09. :29074 /420347.:947.4089.:9.4/..8039/.7./424-E74   V  .48-038 2O.43..03/44# !#' 03.:9.4. .43.8 3.477.280:5..9../47/4 89./08 .0394 5.03908.080/02.6:.  ! %& ' $! $@ $#$%#$% #$   79  .79720897.03.08/02O./40807E70..79  3.3074   79   #08509.4/070.42.39057F.3908/.8.1.:25720394/4/85489434./0  430547.5.8-038   V  0894/02O.4:3/454/07E807.03  /0 . 89.0 .3074 8:.438/07.0/20394.../.:947.0//.08507903./.76:.3/4 .9:9E7484-.020/.2-F2.9./08  /0.97-:J/. 0257F89248/06:.428:.504.03./23897..824/1./.4:3/4/0830.203908802-F.9:70.4/44.73  /0/04:9:-74 /0 ./0 0397./23897.0 :3./.J6:49.450489./:..425478:.03908.089.&34 89.7.41:3./4830.40.9..4:3/4 .083/0503/0/0.7 70..08.4 5..8 /08/06:04.9./47085-.:9.807.20394/08:.5048807.48089.073.F824/. 808:9.5O8.48 /489. 907.9..9../083907.9:9E748 .088E748.:7848/4# !#' 5.4307./.4803.8 1:3/.042502039.801:3/.5.70/.03908 .086:03907../..76:.8./48 897940/07. 80 346:0./.770.9O74   V  5708039009..4574.0807E /0.13./.09.0870:..79     79  A.97234./4/4 #4/0.48/4 :3/4482O.6:079J9:4   79  $074./.79  /.9./4.6:073.:25720394/08:./44/8548943089.088E748.:8.0/.813.8 #  4.5..0 .470857..08507903.02.797/4343.E748/0 5038454724790/0807.9./4/4#4/0.:9.4380.43/709./0/007.03./475-.850489.J548 8:././../48 504207.7209748 48.47/089.20394 5.390.08507903.870.08   V  0894/48-0382O.08 -02.47/4# !#' 0.0748 20/.4/48-0382O./.02/09.88..6:0807010704.

.

  .

.:894027.424.507..4./04./4007.0./097.702:307..49./0439.0.9:9E7483.3H3.79 .7E7../H3.390/080:8574.4  202-74/4!4/07:/.038 0.6:00..802/0.48 4 2439.4  ./097.0103847.428844: /01:34/0.4/097.48-0301J./:.   5.7..0-/..548039..48089.8507..:4   5.8 702:307.48089.7402./0.79  04V /4..48202-748/4!4/07:/.203/.#05-.:4/4 -0301J.038 50.34./47.0.01094/0..80/0./06:0 97. /4%7-:3..8  .4  #   4.-./04.85.8702:307...7402.2-48/.740109.4850384389.-./45.E.79  /.8020 .0  4.. 4V /4.   5. /4%7-:3.8/0.0/07 .708.42902E24089.39.8/0503/03908 6:00.804807.E74 /4389F74!-.2-48/.424.390/.43899:4 0/07.4..8.2039.:J4 . .0  .3.8048807.0103847./0 570.43899:4/.48/4702007.E74 /4389F74!-./.3907473.!-.4/0.42-3.89.39.802/0./06:097.48/4702007.9O74/.48202-748/4!4/07:/.79   .02/0.8 42439. /4%7-:3.J.038 .80/0.E.86:074:97.50384547247904:/4842.9:9E74 54/074459.84 ./4./06:097..E74 /4389F74!-.43./0439.750.84.24V/4. !-.7.477H3.7E907 3/.9.7.547/484:2./4/.8/E7.4397-:4/05./45.:3E7.84 .7. .7.4 1 4..70.9./47085-.43899:.-.-00....4/0 .303908089.4:6:.03948/0..3/4705.:J/...4 /.9. 0103847./7E84-70.4/.431. 0 4.9:9E748.4 /4007.70/.3.:/.-00.85.43.79  V 80147 4.:843.4397-:4570.8/050384 6:./47085-.84.79  V 8071474...80:390 -./0439. 5../.4 /. !-.3.#05-.477H3.4 /.7..-434/05072.:J4 ./080/0 ./H3./.477H3.48-0301J.42-3.8.2:/.4 .3/03.9.8 .0/0742902E24 089.50.5.:4/.79   .794..9.4/.85.E.79  /.9O7.3854790 / 48.484 8:-8J/44:.79/. 43899:4/.-00.0-/.7.7.E74 1./0570.4/4.8.J.03  ./475-.8048807.85072.2J.428844:/01:34/0.4089.431..3.7../4.3  /0 /0/002-74/0    !.7.143.9O7.

4.79  /./4504.03 .   79   79470.

       .

.:./4/4#4/0.70/.03/44 574/:94/08:.4702057O574/0570.-. ./47 /0.:J/./H3.2 .801:3/..8 ./4880:8807./4708.770.0390.80/0.3074 3...0850.4/.08 .84.949./.88:.9.03 .3900/48547 .4397-:4/4807.6:00890.50.J1../402./..  4./0/.48807E406:./.76:.-.439.79   .4807.3.0394 84-70.439..4397-:4/489.:9..

..838:1./.4!4/070.7E7.8./03./00.4880:870850...9./4708 .8.48/02.4  3.8 807..9.:9./47080.70/. 4!4/07:/.48807.:J/.801:3/..143.4397-:08 70.8/47020  /0.08 ..4-079:7.4397-:0870..-03/4.88:.9.47703908/45.880747085438E.50.8.8.4/.4 8802-F.:9.76:.07.03 .48570.039:.E74 4389F74 !-.3.E748  #  4./0439.20394/0-0301J.9.0850.08.813.8.    !.H3.404%7-:3.

34.-.9E748/.79  5.7..83472.89.0   /0/034.7/./4708 .8547..4 # !#' ..48 03..870107/.203948 .7/0107/./03.79 3.807025.03   /0 /0/002-74/0    79   8807.7E7.4.0 48503843....3/./48/47020 0850..4 /07./4708/0893.3/4 70.48.3899:J/450.34.5:-.143.80/0.20390 5.5:9 05.48504# !#'    V  .4870107/48 807.:9.48/0503/03908/0807./4708/4!4/070..439.:43899:J/.504$%3     79   #0...9.J6:49..E.73  /0/034.54723.4.0 42502039.834 .947.798   .2093948 .4397-:7 4-7.80870107/.:02 80/4/85489430890..88.79448503843.42.    79  ..80..02-74/0   V  ..80.4/089./450.203948E/0../.570./48.48 -0301.834 .79   5708848:85038.5:9 .85079303908.4.70.83472./4708 020850.5:9 /4./.9E748/.74./0390 84-70.570.E748/48807.E7.43806:H3.9.0 .40/.02-74/0 1.48 /0893.

0 ./450.     79   #0.4.

.473.89.7/0107/.  5708848:85038.E748/./.6:/./.   79    8-0301.42.9:94/4!#' #02.J6:49.9.2082../.7./08:.9.504$%3   #0. 5:-.570.54723.4./450.947.4/.:/.9F.4097..548039./48 .0 .570803900080:8/0503/039085.4# !#' .20390 5.4397-:7  4-7.34 089..!#' # .88.74.

   .

0 .4.79   #0./450.

4..2803/4:9.7/.947.9:./48.43E7485-.0.76:.703/.4 # !#' 06:0089.-9.38107/48.82038./4 8:.07E /0.8  /0:84708/03. 5:-.08 /0.0   79  2.42.7   79  70947./4/4#4/0.5. 97.7..7E 4-7.8948 70850.79F748/03/.0.4.4/089.../0/489. .798  0/089./0/04507.:947.47310747.3/4 8048.20390 348.97234/489./44!4/070.3907.3...4..390 /.4 # !#' 06:00890.3074  6:048:..439/4348./4809078:.74...:9.38107/4850489.0 57424.9.03940.0 4-807.439.84/00934/4# !#'  94/4480:5.97234 5.34/0.2039.89:.7/. 80743420.79     79   82O..43.../06:./4/4#4/0.7.81:3/.0/07E0294/484880:8/7094804-7./48 3457.4/0 6:.4.:9.457.08/0574570/.40/4438048.07.477/48  .03.4/089. 0 1.4570../4504207...7..4397.439..88.4 /.745.8 3.:9.084:..20390 ./485.3074..798  0 /089./4 # !#'    79   8202-748/443804/0/23897....9:../48.3./4820/...03./.4/0.5:-.088012547 1:3.&340/07.79/./0.0.4397.4V /4.7..9.080.0.:9.390.48/0-.08   79  42.43.4: 702:307.43E748 20/./4 8:..0.0897.81:3/.948/00257F89248 70..7039.088081:3.8  54/074807.709470:.074807.705.807/090723./489.3905.76:.0702803/4:9./.8.13..4../424-E74/0 4.20394/4570402 5./.1472.    79   8-0382O.8.42.

.E740 :9748!.4:. -02../0439.4244 70850.432.9480.44397..94/0-079:7.0/07.9.8 420.4/00390/:...

8  570.9.34.830.088E7.4/0.0 1.709403  /0..70.48/0893.7.4397./..794 /40.89.481:702.:947.4:4-907.9E748/089.424.8.7.4397-:4 4-7./48807./4708.6:04 # !#' 080:8.9O7.424/080:850384389.4.7F/94   79  !..39/4708/. 4507.08.9.4803.48 -02..9.

.

390 089./48$07..:7848 574./.3074 $#   V  .4 4859..:8904/43899:94/08889H3.2F/.0394 /484/4/454.424 .794  .8889H3..7 4:-42-074 29.. 4.4854..4397-:42038.0303908   /.882. 29..80:8/0503/03908 807E57089./4/4#4/0 .4270.7 .7.7.708 .0...570.5:9 /089020824/542.8 29./0  /0547./4708/489. 0./.7080..89434.5.48-42-0748 29.0/0.:42439..

/4/4#4/0.42884/083.0394 346:.  809039.80:3905745474 /08/0.J1.5./.:.4570./483483.454/07E.390/49.79  /.4.5:-.4 4859...4397./.84. 1.390747  .02547.70/.343./.E74 .4397-:42038.70800850.4/089.:7848/06:097. 0 0270../0 :2547.8 29.447.794.089.70107/.08/08508.7/4854.770.7.:8904/.4383E.074.8889H3.40850.088E7.439.3900.7080/48-42-0748 29.36Q039./4   V   870..34 89./4 20/./489.-77. /.794 8074 705..-00.08547. 0850.34 /   .../...0890./08:.0800.4547. 4-0/0.390747   V   !4/070. .3.43.85.504.7F/9488:502039. & $  #! #@ 08074 07/48547:2.547./.439.2039E7.J1..8  '% 02.0.390807.79:7.03.504870850..9./4820/.0394 /484/4/454.9.0394 3480:3/4.7 547/0503/0390 .903/20394./.3074   V   870.7949074/0893.2038.7:-7.0394 34907..3/.3.79/./48 ' /03/03.830.34   /..4842. 29./.7.702 .2.34 .0394 34572074.  .9.4/.20390.0  ' /0/4..3.484-..345.3.20394-...  .89.4257.88.:7848203.:9..7E7.42 08.708   4.03 .8480/0890.74: /4-42-074 29.4547.071.43.85..9.9F4290949.14.2F/.34 ...

/450.     79   #0.0 .4.

4807.0784.870850....../4..8/0 ../40/0503/07E/.880:3908./0.74/0 .3/438:-8890390848249..    79   ..574...02.548039. !4J.50//40807E109./48870850.74 ..:947.07845.7707.8.48/.807574.8 /48807./74!072..7/0 70.8801.6:08070107045....3420824.9.:784 6:.9.3/48097.3//.4!4/070.7707.70.7 80 E..7707.30390/.43./74.548039./48 6:.880.14 .74/0.../470854.39074720390 4.4...7.../0.390574244 5472070./4504.:5. 48807.4 .94.8803../402.9.   V  70..8.3899:7.70.20394   3/0503/039020390/0.:9.4./47..8 346:./4708/4":.07841.548039.4 3./420/.7E7..   089H3./0.9.74.43/08   3089H3.

805038086:0 147.-77.4.4!4/07   79  8807.9F /.7.574./08:.94/48480109480../4.48 70897485079303908:394. 026:./.039:.0//4./0/.8 /85480802.70.07E807.548039.4..7.14 3../4.81.34 .4/4/8548943089.43/.74.9.7E907/0139./4.9.348/0/.0/07.9E./0.4248 50//48/07033.4397E74    #4/0.43.073./47080574.45.9.7E7.07.797/.9.-00.:947.489./.3.0784 842039080.548039.74 :8.3948:507.3074.4 5.6:075O9080  57F./434 ./47083.34..4 080:850384389./.4250903908   !.5708039.8 4 507J4/403970.5:9 907E4.9../420348/0.0054/07E80770..4/089.9..473.42490254/0807.4 454570.0   V  70.8.../44290089...89./4./4708.40 77097.9./080:8807.8.4!4/070./47.8.:9./47 .4/4010/470850.79 /.4 70.548039.548039.:947./0./450//4  ' 450//45043907088.:8.7E02. 2502039.1.48807.078/4 .43899:40/07.6:0.0  79  89./47.03  /0 /0.548039...7085./47.48/4!4/070.07074/0  % # %  4..420824507.439..7F/9488:502039.7.:9.5:-.439.00397.0./4   79  .4894/0  ' . .036:./4/0./4/4#4/0.0   V  $07E.47E.4/4. 5:-.43.43.477/44.48O748./.3074 02/010.46:.794/.0784/0503/07E/0385042F/..:20394028:..5470774.6:08../.5.48   79  ./23897.