Estudo Dirigido

:

1-

O que função de Produção?

Função de produção e definida como a relação técnica entre quantidade física de fatores de produção e a quantidade física do produto em determinado período tempo. A função no caso representa a quantidade máxima possível para se produzir, considerando determinados níveis de capital, tecnologia e a mão de obra, temos também os fatores fixos que não são alterados, apesar de quando ocorre alterações nas quantidades produzidas, já os fatores variáveis se alteram com a quantidade produzida. 2O que é a lei dos rendimentos decrescentes? Ela é válida no longo prazo? Justifique. A lei dos rendimentos decrescentes é uma teoria que expressa à relação econômica da utilização unidades de trabalho, essa lei afirma que ao se variar sucessivamente o emprego de uma unidade de um determinado fator de produção, deixando os demais fixos obtém se acréscimos de produto cada vez menores, isso ocorre porque o insumo adicional contribui para uma menor produção com uma parcela cada vez menor de insumos fixos, essa lei só poderá ser considerada em curto prazo, ou seja, quando existir um fator fixo, pois segundo essa lei se aumentar o fator variável (mão de obra), mesmo sendo fator fixo,a produção do fator variável cresce até certo ponto, e depois decresce até torna se negativa. 3Qual a diferença no cálculo dos custos de curto prazo e de longo prazo? O curto prazo e definido como um período de tempo em que pelo menos um dos fatores de produção e considerado fixo, ou seja, sua quantidade utilizada permanece constante, já no prazo longo, todos os fatores de produção são considerados variáveis, ou seja, as empresas têm condições de mudar a quantidade utilizada de todos eles.

4-

Diferencie custos contábeis de custos explícitos.

O custo explicito envolve o pagamento direto na aquisição de fatores de produção, já o custo contábeis envolve o gasto monetário, e o custo explicito, considerado na contabilidade privada, o custo contábil e quantia desembolsada pela empresa para produzir. O custo contábil é apurado para fins de relatórios financeiros.

custo variável médio e custo marginal e defina cada um deles. b) O que se pode afirmar a respeito de rendimentos marginais do fator variável de acordo com este quadro? c) O que é custo marginal? Por que a curva de custo marginal tem formato em “u”? d) Qual é o nível de produção que fornece o menor custo marginal? e) Qual é o formato da curva do custo médio de longo prazo? Explique. f) O que são economias de escala? . já o custo econômico e as 6) Analise a seguinte situação de produção da firma.5) Conceitue custo de oportunidade e custo econômico. custo fixo médio. O custo de oportunidade é definido como valor do recurso no seu melhor uso. complete as colunas referentes ao custo total. complete a tabela abaixo e responda: a) De acordo com as informações contidas na tabela acima.

No mercado monopolista. patentes. As barreiras tecnológicas derivam do fato de ser possível que as economias de escala. constituem-se em barreiras à entrada as situações: monopólio natural. os efeitos no curto e longo prazos de deslocamentos na demanda de mercado. 10) Sobre o monopólio responda: a) Dê exemplos de barreiras à entrada. utilizando gráficos. São denominados de “monopólios naturais”. que atuam nos setores em que a oferta realizada por . formados por empresas com grandes plantas industriais. c) Quando a empresa maximiza o lucro? d) Quais as condições para a existência de lucro positivo e lucro negativo? e) Quando será conveniente à empresa encerrar suas atividades? f) Indique. qual é a que gera o lucro total máximo e por quê? 7) Quais são as situações em que podem ocorrer perdas para a empresa? 8) Em que situação ela deverá interromper a produção? 9) Sobre o mercado de concorrência perfeita. tornem a produção dessa última mais econômica. controle de matériasprimas básicas e o monopólio institucional. responda: a) Quais são as características dos mercados competitivos? Um grande número de empresas que agem como tomadoras de preços e vendem um produto homogêneo para consumidores bem informador Pressupõe também a inexistência de barreira ou a saída do mercado b) Explique o que ocorre se a empresa aumentar o preço e o que ocorre se ela aumentar a quantidade vendida. geradas por uma empresa de grandes dimensões. evidenciando assim que uma única empresa pode suprir todo o mercado a custos mais baixos do que um grupo de empresas concorrentes entre si poderia fazê-lo.g) Analisando a tabela abaixo com as receitas para cada produção.As barreiras são bases para que o monopólio apareça e permaneça em um mercado e podem ser: tecnológicas e legais.

Transporte aéreo e rodoviário.firmas menores e concorrentes se torna menos eficientes e mais custosa aos consumidores. . b) Faça uma comparação entre equilíbrio de concorrência perfeita e monopólio. mas o domínio do mercado está nas mãos de um reduzido número de empresas. responda: a) Dê exemplos de empresas que atuam em mercado oligopolizado no Brasil. responda: a) Explique como funciona a concorrência monopolística. no monopólio existe uma única empresa e com barreiras ao acesso de novas empresas. c) O que ocorre com o lucro de longo prazo de uma empresa que opera nesse mercado? Diante da existência de barreiras de empresas os lucros extraordinários permanecerão 12) Sobre o oligopólio. d) Qual seria o resultado de uma solução não colusiva? Porquê? 13) Sobre a concorrência monopolística. O cartel e um acordo entre os concorrentes para fixação de preços ou cotas de produção. enquanto na concorrência perfeita são várias e não há barreiras. b) Explique as principais características desse mercado. Caracteriza-se pela existência de reduzido número de produtores e vendedores fabricando bens que são substituídos próximos entre si. divisão de clientes e de mercados de atuação pór meio de coordenação entre eles. para eliminar a concorrência e aumentar os preços dos produtos. c) Explique como funciona um cartel. cujo produto cerveja é oferecido por várias empresas. O monopólio é o oposto de concorrência perfeita. Ex: a empresa Ambev. Um exemplo é a indústria de cervejas no Brasil.

há apenas um ofertante para um determinado bem ou serviço. numa concorrência perfeita você tem vários ofertantes de uma determinada mercadoria o que gera livre concorrência e conseqüente redução dos preços e/ou melhoria na qualidade das mercadorias. Já num monopólio. também ocorre quando a receita marginal e o custo marginal são iguais c) Quais são os aspectos-chave desse tipo de mercado? d) Qual a diferença em relação à concorrência perfeita? Primeiramente.Quando existem muitas empresas. gera controle de preços por parte da empresa ofertante (preços altos) e queda na qualidade do bem ou serviço ofertado. tal qual na concorrência perfeita. na falta de um órgão regulamentador. ou seja. o ponto de equilíbrio do monopolista. no qual ele maximiza o lucro. e a entrada de novas companhias não limitada aqui prevalece à hipótese de atomização do mercado. Isso. b) Como ocorre o equilíbrio neste mercado? Como em uma concorrência perfeita. 14) Qual a importância da publicidade no mercado de concorrência monopolística? 15) Por que o consumidor é sempre o maior beneficiado quando aumenta a concorrência? O que acontece com o seu excedente? -- .