A importância do Aquecimento

O aquecimento físico é a primeira parte da actividade física e tem como objectivo preparar o individuo tanto fisicamente como psicologicamente para a actividade. A realização do aquecimento aponta para obter o estado psíquico (mental) e físico para prevenir lesões e criar alterações no organismo para suportar um treino, uma competição ou um lazer, onde o mais importante é a temperatura corporal.

A importância do aquecimento para os músculos... O que se passa é que o tecido muscular tem duas características que se alteram com o exercício: a elasticidade e a viscosidade. A contracção muscular produz movimento e liberta calor, razão pela qual o nosso organismo se vê obrigado a transpirar durante o esforço. Esse calor que se liberta no processo de contracção dos músculos vai aumentar a elasticidade, diminuindo a viscosidade do músculo. As células musculares vão conseguir deslizar umas sobre as outras durante o movimento, evitando que algumas se estendam demasiado, rasgando e levando à lesão. Esta diminuição da viscosidade vai minimizar também o risco de lesão dos tendões. Factores que influenciam o aquecimento:  A temperatura ambiente...

Como é óbvio, quanto mais baixa for a temperatura ambiente, maior o risco de lesão. Assim, também a importância do aquecimento diminui com o aumento de temperatura. O que não quer dizer que o aquecimento não seja necessário. É essencial à circulação sanguínea e à respiração.  A idade...

A idade também é um factor a ter em conta, quando se fala de aquecimento. As crianças e os jovens sentem menos a sua necessidade e correm menos riscos de lesão do que os indivíduos de idade avançada. Assim, à medida que envelhecemos devemos ter ainda mais cuidados na nossa preparação para o esforço físico.  Estado de físico…

Quanto mais treinada é a pessoa, mais intenso deve ser seu aquecimento. Deve ser ajustado para cada pessoa e para cada modalidade. É indicado nunca fazer actividades ou exercícios aos quais não se está acostumado.

 Disposição Psíquica… A falta de motivação reduz os efeitos do aquecimento.  Período Do Dia… Pela manhã o aquecimento deve ser mais gradual e mais longo e durante à tarde o aquecimento pode ser mais curto. Já a noite deve ter características similares ao da manhã.  Modalidade Desportiva… O aquecimento deve ser realizado de acordo com a modalidade praticada. Neste ponto ainda devemos prestar atenção às características individuais do desporto.  Momento do Aquecimento… O intervalo ideal entre o final do aquecimento e o inicio da actividade é de 5 a 10 minutos. O efeito do aquecimento perdura de 20 a 30 minutos. Após 45 minutos temperatura corporal já retomou sua temperatura de repouso.

Efeitos do aquecimento sobre o desempenho O aquecimento deve ser gradual e suficiente para aumentar a temperatura muscular e central, sem causar fadiga nem reduzir as reservas de energias. Para tirar proveito dos possíveis benefícios da maior temperatura corporal, o indivíduo deveria iniciar a actividade dentro de alguns minutos após o fim do aquecimento. Neste, os músculos específicos devem ser utilizados de forma a similar a actividade antecipada e a produzir toda a amplitude de movimento articular. Como aquecer? Deve-se iniciar com exercícios suaves (executados de forma lenta e controlada), incidindo especialmente nas zonas que irão ser solicitadas no treino. Estes exercícios devem fazer-se procurando atingir a amplitude máxima das articulações, MAS sem esticões, insistências ou ajudas externas. É todo um movimento voluntário. Ao atingir o limite articular (que é sempre inferior à nossa amplitude máxima), mantemos essa posição por alguns segundos, através da contracção de outros grupos musculares. Seguidamente, deve fazer-se algum exercício geral (como andar, correr lentamente, saltitar, etc.) que activará o aparelho cardio-respiratório e todas as reacções bioquímicas necessárias à produção energética nas células musculares.

Tipos De Aquecimento Existem tipos de aquecimento, como: Aquecimento Geral: quando se realiza algum exercício, ou outro recurso passivo, com o intuito de aquecer o corpo como um todo. Tem como objectivo obter um aumento da temperatura corporal, da temperatura da musculatura e preparação do sistema cardiovascular e pulmonar para a actividade e o desempenho. Cerca de 13% do nosso metabolismo aumenta em média em cada grau de temperatura que aumenta no nosso corpo. Aquecimento Especifico: o aquecimento específico deve ser realizado após o aquecimento geral. Consiste em exercícios que se assemelham tecnicamente aos que serão executados na actividade posterior. Deve conter exercícios de alongamento e relaxamento que funcionam como profilaxia de lesões, além de garantir um bom alongamento da musculatura que será trabalhada.

Aquecimento Passivo: Envolve o aumento da temperatura corporal através de alguns meios externos. Por exemplo, a utilização de massagem, diatermia de ondas curtas, sacos quentes, banhos de vapor e duches quentes. Uma vantagem do aquecimento passivo é a redução da probabilidade de prejuízo no trabalho físico posterior devido à depleção excessiva de "substratos de energia" por causa da insignificante quantidade de actividade exigida. Plano para um aquecimento…

A importância dos alongamentos depois da actividade física O que são alongamentos? Alongamentos são exercícios voltados para o aumento da flexibilidade muscular, que promovem o estiramento das fibras musculares, fazendo com que elas aumentem o seu comprimento. O principal efeito dos alongamentos é o aumento da flexibilidade, que é a maior amplitude de movimento possível de uma determinada articulação. Quanto mais alongado um músculo, maior será a movimentação da articulação comandada por aquele músculo e, portanto, maior sua flexibilidade. Benefícios dos alongamentos        Reduzem as tensões musculares Relaxam o corpo Proporcionam maior consciência corporal Deixam os movimentos mais soltos e leves Previnem lesões Preparam o corpo para actividades físicas; Activam a circulação

Como deve ser feito? A respiração é fundamental: quando se respira fundo aumenta-se o relaxamento muscular. É a respiração que dá o ritmo ao exercício e por isso deve ser lenta e profunda. Deve-mos respeitar os nossos limites. Forçar o alongamento pode causar lesões nos músculos e tendões. Não nos devemos preocupar em alongar até ao limite, pois aos poucos vamos ganhando flexibilidade. É necessário aprender a forma correcta de execução dos alongamentos tanto para aumentar os resultados como evitar lesões. Quando alongar? É importante alongar adequadamente a musculatura antes e também depois de uma actividade física. Isso prepara os músculos para as exigências que virão a seguir, protegendo e melhorando o desempenho muscular.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful