Curso de Licenciatura em SOCIOLOGIA Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA

Sociologia do Ambiente

Ano Lectivo 2010/2011

1º Semestre

6º sessão

Problemas derivados da urbanização crescente e impermeabilização dos solos, esgotamento das terras aráveis e escassez de recursos, de diversa ordem, e dos quais dependem as populações urbanas… globalização dos riscos ambientais.

A modernização ecológica

As soluções para os problemas ambientais devem ser procuradas dentro dos sistemas democráticos e mecanismos de mercado e não fora deles Os problemas ambientais são, muitas vezes, comuns em diversas partes do planeta: as soluções a encontrar acarretam, assim, uma larga possibilidade de aplicação

 The institutional practices of privileged expert advice have led to a negation of all sorts of critical capacities in society and have falsery resulted in a delegation of decision-making on some of the most important decisions to experts councils that operate beyond the realm of democratic control» (Maarten A. mais que de uma desmaterizaliação ou regressão industrial e urbana (como na deep ecology). A desertificação enquanto processo ecológico desertificaç ecoló (Fonte: DGOTDU.A modernização ecológica     Teoria que se reforça na Europa a partir dos anos 80 e 90 do século XX (Spaargaren. Defesa de um envolvimento democrático num debate que não pode apenas depender da racionalidade instrumental. HAJER. Janicke) As soluções ambientais têm que ser encontradas dentro do sistema de mercado Enfoque na adopção e desenvolvimento de políticas ambientais e no factor tecnológico Não são necessárias grandes mudanças ou rupturas na estrutura social e económica das sociedades  All major. environmental and social) criteria (Mol e Sppargaren. 2004) CLIMA CLIMA SOLO E VEGETAÇÃO SOCIEDADE (uso do solo e da água) SOLO E SOCIEDADE VEGETAÇÃO (uso do solo e da água) Processos de desertificação física . e promoção de novas fontes de energia e materiais. 282)*  Defesa de uma industrialização guiada por novas práticas. The Politics of Environmental Discourse: Ecological Moderzation and The Policy Process. Oxford: 2000 (p. Hubber. Oxford University Press. Hajer. Mol. Reformulação de normas e valores sem que isso dependa de autoridades centrais do sistema político ou da legitimidade do conhecimento científico. fundamental alternatives to the present economic order have proved infeasible according to various (economic. 2000)    Importância dada à institucionalização do ambiente e aos debates públicos e formas de discurso.

ESTADO.Pressão-Estado-Resposta    Usos de químicos na agricultura Qualidade das terras e aptidão agrícola Agricultura biológica Pressão Resposta Estado PRESSÃO. RESPOSTA ~ .

editado em 2007. Portugal seleccionou 30 indicadores-chave. INDICADORES-CHAVE Seleccionam-se indicadores-chave por se considerar que estes são fundamentais para facilitar a comunicação com os decisores de topo e com o público em geral. social e institucional. abrangendo 27 temáticas. económico. sub-conjunto do SIDS Portugal. e para tornar mais eficientes os processos de sistematização de informação sobre ambiente e desenvolvimento sustentável.A modernização ecológica dos sistemas de indicadores… O SISTEMA DE INDICADORES DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL O Sistema de Indicadores de Desenvolvimento Sustentável (SIDS Portugal) é um instrumento para avaliar e relatar a evolução dos níveis de sustentabilidade do país. . Visa contribuir para a melhoria da gestão do desempenho ambiental. que inclui 118 indicadores. Assinale-se igualmente a relação de cada indicador com os objectivos da Estratégia Nacional do Desenvolvimento Sustentável (ENDS 2015).

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful