You are on page 1of 5

1 - MDC - MÁXIMO DIVISOR COMUM Definição: dados dois números inteiros a e b não nulos, define-se o máximo divisor comum

- MDC, como sendo o maior inteiro que divide simultaneamente a e b. O MDC de dois números será indicado por MDC (a, b). Óbvio que se tivermos o MDC de n números inteiros a1, a2, a3, ... , an , indicaremos por MDC (a1, a2, a3, ... , an) Exemplos: 1 - Determine o MDC dos inteiros 10 e 14. Os divisores positivos de 10 são: 1, 2, 5, 10. Os divisores positivos de 14 são: 1, 2, 7, 14. Os divisores comuns, são, portanto: 1 e 2. Portanto, o máximo divisor comum é igual a 2 e, indicamos: MDC(10,14) = 2. 2 - Determine MDC (4, 10, 14, 60) Os divisores positivos de 4 são: 1, 2, 4 Os divisores positivos de 10 são: 1, 2, 5, 10 Os divisores positivos de 14 são: 1, 2, 7, 14 Os divisores positivos de 60 são: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 10, 12, 15, 60 Os divisores comuns são, portanto: 1 e 2. Portanto o MDC é igual a 2, ou seja: MDC (4, 10, 14, 60) = 2 Notas: 1.1 - um número inteiro positivo p ≠ 1 é denominado número primo, se e somente se os seus divisores positivos são 1 e p. Pode-se provar que o conjunto dos números primos é um conjunto infinito. Sendo P o conjunto dos números primos, podemos escrever: P = {2, 3, 5, 7, 11, 13, 17, 19, 23, 29, 31, 37, 41, 43, 47, 53, 61, ... } Observa-se que 2 é o único número par que é primo. 1.2 - todo número inteiro maior do que 1, que não é primo, pode ser decomposto num produto único de fatores primos. Esta afirmação é conhecida como o Teorema Fundamental da Aritmética - TFA. Exemplos: 15 = 5.3 40 = 5.8 = 5.2.2.2 = 5.23

120 = 40.3 = 5.2.2.2.3 = 5.23.3 240 = 2.120 = 2.5.2.2.2.3 = 5.24.3 Na prática, podemos usar o seguinte esquema: Seja o caso de 240 acima. Teremos: 24 0 12 0 | 2 | 2 | 60 2 | 30 2 | 15 3 | 5 5 1|

Então: 240 = 2.2.2.2.3.5 = 24.3.5 A decomposição de um número em fatores primos, é conhecida também como fatoração , já que o número é decomposto em fatores de uma multiplicação. Usando o dispositivo prático acima, vamos fatorar o número 408. Teremos: 40 |2 8 20 |2 4 10 |2 2 51 |3 | 17 17 1| Então: 408 = 2.2.2.3.17 = 23.3.17 1.3 - O método de decomposição de um número num produto de fatores primos, sugere uma nova forma para o cálculo do MDC de dois números inteiros não nulos, a e b, ou seja, para o cálculo de MDC (a,b).

Assim, seja calcular o MDC de 408 e 240. Como já vimos acima, temos: 408 = 2.2.2.3.17 = 23.3.17 240 = 2.2.2.2.3.5 = 24.3.5 Tomando os fatores comuns elevados aos menores expoentes, teremos: MDC (408, 240) = 23.3 = 8.3 = 24 , que é o MDC procurado. Portanto, MDC (408, 240) = 24. 1.4 - o MDC do exemplo anterior, poderia ser também determinado pelo método das divisões sucessivas, cujo dispositivo prático é mostrado a seguir: 1 1 2 3 408 240 168 72 2 | | | | 4 168 72| 24| | 0

Para entender o dispositivo prático acima, basta observar que: 408:240 = 1 com resto 168 240:168 = 1 com resto 72 168:72 = 2 com resto 24 72:24 = 3 com resto zero. Portanto o MDC procurado é igual a 24, conforme já tínhamos visto antes. 1.5 - se o MDC de dois números inteiros a e b for igual à unidade, ou seja, MDC (a,b) = 1, dizemos que a e b são primos entre si, ou que a e b são co-primos. Ou seja: MDC (a, b) = 1 ⇔ a e b são primos entre si (co-primos). ⇔ a e b são primos entre si (co-primos). Exemplo: MDC (7, 5) = 1 ∴ 5 e 7 são primos entre si. 2 - MMC - MÍNIMO MÚLTIPLO COMUM Definição: dados dois números inteiros a e b não nulos, define-se o mínimo múltiplo comum - MMC, indicado por MMC (a,b) , como sendo o menor inteiro positivo, múltiplo comum de a e b. Exemplo: Determine o MMC dos inteiros 10 e 14. Os múltiplo positivos de 10 são: 10, 20, 30, 40, 50, 60, 70, 80, 90, 100, 110, ...

Os múltiplos positivos de 14 são: 14, 28, 42, 56, 70, 84, 98, 112, 126, 140, ... Portanto, o mínimo múltiplo comum é igual a 70 e, indicamos: MMC(10,14) = 70. Dos exemplos anteriores, vimos que: MDC (10,14) = 2 e MMC(10,14) = 70. Observe que: 10.14 = 2.70 = 140 = MDC(10,14) . MMC(10,14) Pode-se provar que, dados dois números inteiros positivos a e b, teremos sempre que o produto desses números é igual ao produto do MDC pelo MMC desses números, ou seja: MDC(a,b) . MMC(a,b) = a . b Observe que se dois números inteiros positivos a e b são primos entre si (co-primos), o MDC entre eles é igual a 1, ou seja MDC (a, b) = 1 e, portanto, teremos: 1.MMC(a,b) = a . b ∴ MMC(a, b) = a . b , ou seja: O Mínimo Múltiplo Comum de dois números primos entre si é igual ao produto deles. Exemplos: MMC(3, 5) = 3.5 = 15 MMC(7, 5, 3) = 7.5.3 = 105 Dois exercícios simples: 1 - O máximo divisor de dois números é igual a 10 e o mínimo múltiplo comum deles é igual a 210. Se um deles é igual a 70, qual o outro? Solução: Ora, pelo que vimos acima, 10.210 = 70.n ∴ n = 30. 2 - Encontre um par ordenado (m,n) de números inteiros, que verifique a relação MDC(180, 1200) = 180m + 1200n. Solução: Inicialmente, vamos determinar o MDC entre 180 e 1200: Os divisores positivos de 180 são: 1, 2, 3, 6, 9, 10, 12, 15, 18, 20, 30, 60, 90 , 180.

Os divisores positivos de 1200 são: 1, 2, 3, 4, 6, 8, 10, 12, 15, 20, 25, 30, 40, 50, 60, 80, 100, 120, 150, 200, 300, 400, 600, 1200. Portanto, o máximo divisor comum - MDC - de 180 e 1200 é igual a 60, ou seja: MDC(180, 1200) = 60 Nota: poderíamos, é claro, determinar o MDC por qualquer um dos métodos indicados neste texto. Observe agora, que: 1200 = 180.7 - 60 1200 - 180.7 = - 60 Multiplicando ambos os membros por ( - 1), fica: - 1200 + 180. 7 = 60 180.7 - 1200 = 60 180.7 + 1200( - 1) = 60 Comparando com os dados do enunciado da questão, teremos: MDC (180, 1200) = 180m + 1200n = 60 Logo, vem imediatamente que m = 7 e n = -1, e portanto, o par ordenado (7, -1) é uma solução inteira da equação 180m + 1200n = 60. .Agora resolva este: Se MDC (210, 1225) = 210a + 1225b, pede-se determinar um par (a,b) de números inteiros, que satisfaça a igualdade acima. Resp: a = 6 e b = - 1.