You are on page 1of 7

10/02/12

O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica

Partilhar

Denunciar abuso

Blogue seguinte

TAMBÉM NO ORKUT

Mostrando postagens com marcador cadeia cinética. Mostrar todas as postagens
S BADO, 3 DE OUTUBRO DE 2009

Cadeia Cinética Fechada nos membros Superiores
Dando continuidade a postagem anterior sobre cadeias cinéticas, fiz uma tradução livre de alguns trechos do capítulo de exercícios em cadeias cinéticas aberta e fechada do livro: " Techniques in musculoskeletal rehabilitation" Achei interessante compartilhar estas informações pois são poucos os textos disponíveis na web sobre as cadeias cinéticas fechadas em MMSS. Espero que seja útil. abraços Embora seja verdade que os exercícios em Cadeia Cinética Fechada (CCF) sejam mais comuns para a reabilitação das extremidades inferiores, existem muitas situações onde exercícios em CCF devem ser incorporados no processo de reabilitação das extremidades superiores. Ao contrário das pernas, os braços são muito mais funcionais ao agirem como um sistema de Cadeia Cinética Aberta (CCA). A maior parte das atividades de membro superior exigem que a mão se movimente livremente. Nestes movimentos, os segmentos proximais da cadeia cinética tem a função de estabilização para permitir a mobilidade do segmento distal. Exercícios de flexão de braço ou exercícios na barra fixa são exemplos de atividades em CCF da extremidade superior. Nestes casos, as mãos estão estabilizadas, e as contrações musculares ao redor dos segmentos mais proximais como o cotovelo e ombro têm a função de elevar o corpo. Além disso, outras atividades como nadar e esquiar no estilo cross-country envolvem uma rápida alternância de movimentos de CCA e CCF, muito parecidas com os que acontecem nos membros inferiores durante a corrida. Durante a reabilitação, exercícios em CCF são utilizados primariamente para fortalecimento e para reestabelecer o controle neuromuscular dos músculos que agem na estabilização da cintura escapular. Em particular, para treinar simultaneamente a função dos estabilizadores escapulares e dos músculos do manguito rotador ou em isolado para treinar o controle destes músculos sobre o ombro. É essencial desenvolver tanto força e controle neuromuscular nestes grupamentos, permitindo assim que eles forneçam uma base estável para os movimentos dinâmicos que ocorrem no segmento distal. COMPLEXO DO OMBRO Atividades com descarga de peso em CCF podem ser utilizadas tanto para promover quanto para melhorar a estabilização dinâmica articular. Os exercícios em CCF são utilizados freqüentemente com as mão fixas, de modo que nenhum movimento ocorra. A resistência é então aplicada tanto axial quanto rotacionalmente. Estes exercícios produzem tanto compressão articular quanto aproximação, as quais agem para melhorar a co-contração ao redor da articulação produzindo estabilização dinâmica. Dois pares de força essenciais devem ser reestabelecidos ao redor da articulação glenohumeral: O deltóide anterior junto com o infraespinhoso e redondo menor no plano frontal, e o subscapular contrabalançado pelo infraespinhoso e redondo menor no plano transverso. Estes músculos em oposição funcionam como estabilizadores da
fisioterapiahumberto.blogspot.com/search/label/cadeia cin tica

Participe da comunidade deste blog no ORKUT

HE E-BOOK I ON HE ABLE

QUEM SOU EU

Humberto Visualizar meu perfil completo

SEGUIDORES

Participar deste site
Google Friend Connect

Membros (1029) Mais

Já é um membro? Fazer login

BUSCA NO BLOG

Busca
1/7

pares de força entre o trapézio inferior. 19:00 hum berto: Marisa. necessários para atividades tipo arremesso. para frente e para trás ou em diagonal. eles podem também garantir uma base estável sobre a qual o úmero altamente móvel possa funcionar. extensores. Da mesma forma. com o objetivo de promover co-contração e recrutamento muscular. 05:05 Android_info: Info yg menarik. blog. pronadores e supinadores são essenciais para a recuperação de movimentos de alta velocidade. 9 Feb 12. no apoio quadrúpede. não faça a bobagem de tentar se tratar sem o acompanhamento de fisioterapeuta. A posição da mão pode ser ajustada desde uma grande base de apoio até uma base estreita. D VIDA.blogspot. 10:46 Elly: Good advice is something a man gives w hen he is too old to set a bad example. Podem também ser utilizados em conjunto com atividades em CCA para aumentar a estabilidade durante os movimentos balísticos. os exercícios devem ser planejados para melhorar o equilíbrio muscular e o controle neuromuscular entre agonistas e antagonistas.. particularmente nos casos de ombro instável. No entanto.. Os músculos escapulares têm a função de posicionar dinamicamente a glenóide em relação à posição do úmero em movimento. Deste modo. Novamente. atividades em CCF realizadas com as mãos fixas devem ser utilizadas para melhorar a estabilidade escapular. TRANSFERÊNCIA DE PESO EM CCF Uma grande variedade de exercícios envolvendo deslocamento de peso podem ser realizados de modo a gerar compressão axial para facilitar a estabilização da glenoumeral e da escapulotorácica. Consulte-se com fisioterapeuta 8 Feb 12.. e os rombóides e trapézio médio contrabalançado pelo serrátil anterior são críticos na manutenção da estabilidade escapular. tripé. Em relação ao cotovelo. a função de toda a extremidade superior estará comprometida. nice O deslocamento de peso pode ser feito de um lado para o outro.com/search/label/cadeia cin tica 2/7 . Um padrão de PNF tipo D2 pode ser utilizado no apoio tripé para forçar o membro no apoio contralateral a produzir uma co-contração e desta forma gerar estabilização. Exercícios em CCF devem ser utilizados para melhorar a estabilidade dinâmica dos grupos musculares mais proximais. Os pacientes podem ajustar a quantidade de peso descarregado sobre os membros conforme a tolerância. ou bípede (braço e perna opostos) com o peso apoiado sobre uma base estável ou sobre uma superfície instável. A estabilização rítmica pode também ser utilizada para recuperar o controle neuromuscular dos músculos escapulares com a mão em CCF em presões aleatórias aplicadas sobre as bordas escapulares. nice info 8 Feb 12. 19:00 hum berto: não é um guia de auto ajuda. CRÍTICA OU S 9 Feb 12. exercícios em CCF devem ser utilizados nas fases finais para promover resistência muscular dos músculos ao redor das articulações glenoumeral e escapulotorácica. com uma mão apoiada sobre a outra para aumentara a dificuldade.10/02/12 O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica articulação glenohumeral ao aproximar e comprimir a cabeça humeral na cavidade glenóide via co-contração muscular. resultando em um ritmo escapulohumeral normal de movimento. EXERCÍCIOS EM CCA E CCF PARA A REABILITAÇÃO DE LESÕES DA EXTREMIDADE SUPERIOR Geralmente. nas atividades em que o cotovelo deve fornecer estabilidade proximal . PESQUISE POR ASSUNTO Amputads (1) Artigo Traduzido (8) Artigos (31) Artigos científicos (17) Artroplastia (6) cadeia cinética (2) crioterapia (1) curiosidades (23) cursos online (5) e-books (9) exercícios terapêuticos (10) Faça você mesmo (5) Fisioterapia Baseada em Evidência (18) Fisioterapia Neurológica (31) Fisioterapia Ortopédica (31) Fisioterapia Pediátrica (13) Fisioterapia Pneumo-Funcional (21) FisioToons (3) marcha (7) mitos e lendas (2) Mobilização Neural (6) mobiliário adaptado (1) mochilas escolares (1) Personalidades (4) propriocepção (4) provas comentadas (11) pós graduação (6) sites interessantes (19) TCC (1) Testes Ortopédicos (5) video (11) DEIXE AQUI SUA MENSAGEM. akan kunjung lagi 9 Feb 12. Exercícios em CCA para fortalecimento dos flexores. Se a escápula for hipermóvel. Esta postagem é direcionada para os profissionais orientarem seus pacientes e não [Sw itchnode] Nome Mensagem Ajuda Sorrisos E-mail / url fisioterapiahumberto. execícios em CCF para a glenoumeral são utilizados nas fases iniciais do programa de reabilitação. contrabalançado pelo trapézio superior e elevador da escápula. 04:49 On9_Reporter: Just visit.. A transferência de peso pode ser feita nas posições de pé.

: The Anatomical Basis Practice Human Gross Anatomy: An Outline Text Anatomia Básica-Dangelo e Fattini Atlas de anatomia Netter (inglês) Yokochi anatomia Espanhol.C. Isto se consegue solicitando ao paciente subir escadas com os braços .10/02/12 O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica SITES QUE EU RECOMENDO ser lesado portal saúde physio4all kinesiobrasil Fisio atual EBOOKS DE FISIOTERAPIA .com/search/label/cadeia cin tica 3/7 .blogspot.. como a plyoball exige uma boa dose de força além de gerar uma carga axial que exige cocontração dos pares de forças agonistas e antagonistas ao redor das articulações glenoumeral e escapulotorácica.J.Part I Voss Funktionelle Anatomie (foi mal galera. Este exercício realizado sobre uma superfície instável. I.M. Uma variação do exercício padrão de flexão de braços seria o de realizar contrações alternadas e recíprocas. ou flexão unilateral com um braço apoiado sobre um step. Casebook of Orthopedic Rehabilitation E.The Comple Physiotherapy in Orthopaedics-A Problem Solv Progressive Exercise Therapy In Rehabilitation Education Recent advances in Physiotherapy Rehabilitation Ergonomics The Myofascial Release Manual Part II The Myofascial Release Manual.39 TÍTULOS - Avaliação Fisioterápica FLEXÕES DE BRAÇOS E SUAS VARIAÇÕES EX TICAS Exercícios de flexão de braços são utilizados para reestabelecer o controle neuromuscular. II. só alemão!) EBOOKS DE ANATOMIA = = = = = = 13 TÍTULOS Fundamental Anatomy Neuroanatomy: Text and Atlas Grant's Atlas of Anatomy Appleton & Lange Review of Anatomy Color Atlas of Human Anatomy V3.8 TÍTULOS Recomende isto no Google Marcadores: cadeia cinética Netter's Clinical Anatomy (Netter Basic Science Atlas de fisiologia do Netter (Inglês) Clinical Physiology Made Ridiculously Simple Fisiologia Médica 9ed ...Nervous Sys Sensory Organs Atlas of Functional Shoulder Anatomy Gray's Anatomy 39th ed. 1 DE OUTUBRO DE 2009 Cadeia cinética aberta versus cadeia cinética fisioterapiahumberto.. III (español) Eletroterapia em Estética Corporal Eletroterapia Prática Baseada em Evidência Endireite as Costas ..... Kinesiterapia vols.Guyton Fsiologia respiratória West (espanhol) Human Physiology QUINTA-FEIRA. Sobotta em espanhol (link1) Sobotta em espanhol (link2) Postado por Humberto às 01:35 0 comentários EBOOKS DE FISIOLOGIA . Knoplich Exercise Leadership in Cardiac Rehabilitation Based Approach Fisioterapia en Geriatria (espanhol) Maitland cervical and thoracic spine Manual de Massagem Terapêutica Orthopaedic Rehabilitation Pain Management in Rehabilitation Palpation and assessment skills (Chaitow) Duchenne Muscular Dystrophy: Advances in Th Essential Physical Medicine and Rehabilitation Key Topics in Sports Medicine (Key Topics Seri Overuse Injuries of the Musculoskeletal System Physical Medicine Rehabilitation ..

De foma similar. as articulações sinoviais talocrural. . cada um dos segmentos articulares do corpo envolvidos em um determinado movimento constitui uma ligação ao longo das cadeias cinéticas. Pois bem.Bioquímica Port.Bioquímica Port (Link1) Lehninger .. Clinics in Geriatric Occupational Therapy in Oncology and Palliativ Psychological Management of Physical Disabil Practitioner's Guide therapeutic uses of botulinum toxin ARQUIVO DO BLOG ► 2012 (3) ► ► 2011 (34) ► ► 2010 (90) ► 2009 (120) ► Dezembro (2) ► ► Novembro (6) ► Outubro (10) Diga NÃO ao ato médico Por que você vai ser prejudicado pelo ato mé O ângulo de Cobb Prova de seleção de fisioterapeuta da Unipa 40 anos de profissão Reflexos Primitivos .. era possível classificar as cadeias cinéticas em duas categorias distintas: A Cadeia Cinética Aberta (CCA) e a Cadeia Cinética Fechada (CCF). podemos considerar que vários segmentos rígidos sobrepostos estão conectados em uma série de juntas móveis.. O conceito de cadeia cinética originou-se em 1955.com/search/label/cadeia cin tica O Legado da Fraqueza Adquirida na Unidad Cadeia Cinética Fechada nos membros Sup Cadeia cinética aberta versus cadeia cinétic ► Setembro (9) ► ► Agosto (6) ► ► Julho (14) ► ► Junho (12) ► ► Maio (10) ► 4/7 .9 T TULOS Essentials of Neuroimaging for Clinical Practic Radiology Secrets A postagem de hoje é sobre as cadeias cinéticas.. então vamos começar pelo princípio: Musculoskeletal Ultrasound: Anatomy and Tech MRI in practice Grainger & Allison's Diagnostic Radiology: Functional Lung Imaging (Lung Biology in Heal Felson's Principles of Chest Roentgenology CD Essential Radiology: Clinical Presentation. quando Steindler utilizou teorias de engenharia mecânica de cinemática fechada e conceitos de ligações (links) para descrever a cinesiologia humana.. os princípios e conceitos da cinesiologia humana e da biomecânica do movimento evoluiram a apartir do estudo da engenharia mecânica. Na extremidade inferior do corpo humano. Steindler observou que dependendo da carga na “junta terminal”..Junqueira Lehninger . apenas a cadeia cinética fechada em lesões de joelho. cada segmento ósseo pode ser visto como o segmento rígido. como na cadeia cinética fechada. Se o pé ou a mão se movem livremente no espaço em uma cadeia aberta. Ele observou que o recrutamento muscular e o movimento das articulações eram diferentes quando o pé ou a mão estavam livres e quando o pé ou a mão estavam fixados (ou ao trabalhar contra resistência considerável). Sempre que o pé ou a mão encontram resistência ou estão fixados. sinta-se a vontade.nível bulbar Rio 2016 Aplicando estes conceitos ao movimento humano.(Link2) Manual of Temporomandibular Disorders o homem que confundiu sua mulher com um c Sacks Perioperative Management. Assim. os movimentos que ocorrem em outros segmentos da cadeia não são fisioterapiahumberto. Esta descrição é meio confusa... os movimentos dos segmentos mais proximais ocorrem em um padrão previsível.15 T TULOS Acupuncture: Efficacy. tibiofemoral e coxo-femoral como juntas de conexão. Safety and Practice Cardiothoracic Critical Care Color Atlas of Local and Systemic Manifestation Cardiovascular Disease Eldercare Technology for Clinical Practitioners goodman & Gilman Pharmacology Histologia . em sua maioria.. subtalar .blogspot. Resolvi aprofundar um pouco a discussão sobre este tema uma vez que as informações disponíveis na internet abordam. mas ela refere-se ao modelo utilizado em engenharia e pode ser exemplificado na imagem abaixo. De acordo com este modelo.10/02/12 O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica fechada Instant Notes in Neuroscience MediaPhys: An Introduction to Human Physiolo CD-ROM EBOOKS DE RADIOLOGIA . Applied Radiological Anatomy for Medical Stude E-BOOKS MISCELÂNEA . no caso de uma cadeia cinética fechada.Se algum engenheiro quiser comentar. Pat Imaging Hist rico Inicialmente é importante saber que historicamente.. Este sistema permite o movimento previsível de uma junta baseado no movimento de outras juntas.

diminuir as forças de cisalhamento e estimular os mecanoceptores articulares utilizando carga axial e aumento de forças compressivas sobre a articulação. CADEIA CINÉTICA FECHADA Um movimento em CCF é definido como aquele nas quais as articulações terminais encontram resistência externa considerável a qual impede ou restringe sua movimentação livre.blogspot. os protocolos de fortalecimento em reabilitação utilizam exercícios em CCA como. A coativação ou co-contração de músculos agonistas e antagonistas deve ocorrer durante os movimentos normais para gerar estabilização articular. estimulação dos proprioceptores e melhoria da estabilidade dinâmica. forças de distração e rotacionais mais intensas. aumento da congruência articular e portanto maior estabilidade.6ª parte 3 horas atr s Ser Lesado Contribuição da equoterapia na recuperação do equ corporal em pacientes com trauma raquimedular 12 horas atr s Faça Fisioterapia Cinesiologia . Estas são em geral características de atividades sem descarga de peso. Atividades em CCA teriam como inidcação exercícios para aumentar força ou amplitude de movimento. CADEIA CINÉTICA ABERTA Um movimento em CCA é definido como aquele que ocorre quando o segmento distal de uma extremidade move-se livremente no espaço. A partir de uma perspectiva biomecânica. EXERC CIOS EM CADEIA CINÉTICA ABERTA VERSUS CADEIA CINÉTICA FECHADA Recentemente. A escolha em se usar uma ou outra vai depender do objetivo de tratamento. como nos exercícios de PNF ou por meio de alguma resistência externa utilizando therabands. redução das forças de cisalhamento. particularmente nos membros inferiores parecem replicar tarefas funcionais melhor do que as CCA .A Importância dos Movimentos 21 horas atr s Papo de Fisio A volta dos que não foram – parte 2 1 dia atr s Artigos Comentados em Medicina Intensiva Etomidato: to be or not to be ? 1 dia atr s Fisioterapia Prova Inec Cetro Fisioterapeuta Rib 2012 3 dias atr s MOBILIDADE FUNCIONAL EM FISIOTERAPIA Mensuração das pressões respiratórias máximas 4 dias atr s 14-F FISIOTERAPIA Organização Profissional 5 dias atr s fisiolefosse Aspectos importantes no tratamen fibromialgia 2 semanas atr s Dores Crônicas . Mas apesar da popularidade atual dos exercícios em CCF.com/search/label/cadeia cin tica Abril (12) Março (15) Fevereiro (12) Janeiro (12) 2008 (48) 15 Usuários Online GOSTOU? LEIA TAMBÉM TETRAPLÉGICOS Minha história .O Blog da Dor Crônica UM SISTEMA NERVOSO. Exemplos de atividades de CCF dos MMSS são: o exercício de flexão de braço. a utilização dos braços para se levantar de uma cadeira. Tradicionalmente. forças concêntricas de aceleração e forças de desaceleração excêntricas.10/02/12 O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica necessariamente previsíveis. atividades em CCF ajudam a reforçar a sincronização dos padrões de ativação muscular tanto para agonistas quanto para antagonistas. o conceito de CCF tem recebido considerável atenção como técnica de reabilitação eficiente e útil. exercícios em CCF demonstraram melhorar a congruência articular. Exemplos de atividades de CCF dos MMII: descer escadas. Todas estas características estão associadas ao suporte de peso. Com exercícios em CCA. redução das forças de aceleração. Assim. Ambas CCA e CCF oferecem vantagens e desvantagens distintas no processo de reabilitação. leg press e agachamentos. Entre as características dos exercícios em CCA estão: forças de aceleraçãomaiores. assim protegendo os tecidos moles em processo de recuperação. Além disso. o apoio dos membros superiores durante a a marcha com muletas. Características dos exercícios em CCF incluem forças compressivas articulares aumentadas. que se ativam durante estabilização e deambulação. o aceno de mão ou o ato de levar um copo a boca para beber água ). Isto porque a CCF parece permitir toda uma cadeia muscular se exercitar ao mesmo tempo. particularmente na reabilitação dos membros inferiores. forças de resistência aumentadas. particularmente nos membros Inferiores seriam mais funcionais do que as CCA pelo fato de envolverem descarga de peso. Entretanto. A preferência em realizar atividades em CCF sobre a CCA é baseada na premissa de que exercícios em cadeias cinéticas fechadas. resultando no movimento isolado de uma articulação (ex: a perna se movimentando na fase de balanço da marcha. devemos enfatizar que tantos os exercícios em CCA quanto CCF tem seu papel no processo de reabilitação. o movimento geralmente é isolado em uma única articulação. por exemplo a flexão e extensão de joelho com o paciente sentado e com carga. SENSÍVEL E DOLORIDO 3 semanas atr s FISIOTERAPIA DERMATO FUNCIONAL Vai curtir uma praia? Cuidados ant e depois do Sol 4 semanas atr s Inclusão Utilizando as Tecnologias de Inform Comunicação .TIC´s Políticas Públicas de Acessibilidade: fator de desenv de destinos turísticos 4 semanas atr s 5/7 . o ato de chutar uma bola. Também argumenta-se que atividades em CCF. é importante ressaltar que a vasta maioria das atividades funcionais fisioterapiahumberto. A co-contração que ocorre durante atividades em CCF diminuem as forças de cisalhamento que agem sobre a articulação. Eles podem ser aplicados em uma única articulação manualmente. os quais de outra forma poderiam ser danificados em atividades em CCA. acredita-se que exercícios em CCF sejam mais seguros e que produzam forças potencialmente menos danosas a estruturas em processo de reparo pós lesão do que os exercícios em CCA.

(3) Contrações musculares predominantemente concêntricas. and intervention Conhecimento científico e empírico na saúde? 8 meses atrás Techniques in musculoskeletal rehabilitation PRODUTOS PARA FISIOTERAPIA Therapeutic exercise: moving toward function SER LESADO Postado por Humberto às 23:45 10 comentários Recomende isto no Google Marcadores: cadeia cinética ABCDOR Postagens mais recentes Assinar: Postagens (Atom) Início Postagens mais antigas FISIOMED PÁGINAS início E-Books de Neurologia E-books de Pediatria ORTOPEDIA Cardio respiratória Anatomia e Fisiologia RADIOLOGIA Mistureba BLOG DA FITMED. atividades funcionais são melhor vistas como parte de um continuum entre ações de cadeias abertas e fechadas que se alternam e complementam para gerar o movimento normal. Fisioterapia em Evidência Oportunidade: Curso de Envelhecimento e Saúde da idosa 1 m s atrás Bar do Fisio : (1) Interdependência do movimento articular (Ex: flexão de joelho depende da dorsiflexão do tornozelo). (3) As contrações musculares são predominantemente excêntricas. funcional e desportivo.com/search/label/cadeia cin tica 6/7 . e pela dorsiflexção de tornozelo e rotação interna da tíbia). (4) Ativação dos mecanoceptores limitada à articulação em movimento e estruturas próximas.10/02/12 O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica envolve uma combinação das cadeias cinéticas abertas e fechadas.Gabinete de Serviços de Fisio Saúde (1) Independência do movimento articular (ex: a flexão do joelho independe da posição do tornozelo). rotação interna e adução de quadril. (5) Maior estímulo proprioceptivo devido ao maior número de mecanoceptores estimulados. REVISTA PORTUGUESA DE FISIOTERAPIA NO DESP 5 meses atrás Physio 4 Health Voltando as Atividades!!! 6 meses atrás RODI KINESIOLOGIA Los 30. Ciatalgia? É isso? 2 meses atrás Beleza é Atitude Botox no Tratamento de Dor de Ca /Cefaléia/ Enxaqueca 3 meses atrás Fisioterapia conCiência Um grito pela posição prona!!! 5 meses atrás R´Equilibri_us . evaluation. (2) Movimento ocorrendo no eixo distal da articulação (ex: o resultado da flexão de joelho é apenas o movimento da perna). PORTAL SA D fisioterapiahumberto. associada a estabilização dinâmica muscular sob a forma de cocontração. (4) Presença de maiores forças de compressão articular resultando em menor cisalhamento e estabilização articular garantida pela maior congruência articular. muito mais do que meramente uma ou outra. (2) O movimento ocorre proximal e distal ao eixo da articulação de modo previsível (ex: flexão de joelho é acompanhada pela flexão.blogspot. llamen al psicologo por fav 6 meses atrás Revista Saúde Empreende Closed kinetic chain exercise: a comprehensive guide to multiple joint exercise 7 meses atrás Fisioterapia em Terapia Intensiva Orthopedic examination. Assim. INFORMAÇÕES E NOTÍCIAS SOBRE SA DE E QUALIDADE DE VIDA Resistência elástica progressiva padronizada para reabilitação e treinamentos físico.

RJ QUEM VISITA O GUIA DO FISIOTERAPEUTA Modelo Simple. Tecnologia do Blogger.com/search/label/cadeia cin tica 7/7 .blogspot. fisioterapiahumberto.10/02/12 O Guia do Fisioterapeuta: cadeia cin tica ACESSO (QUASE) LIVRE .É POSSÍVEL BAIXAR ALGUNS ARTIGOS NOS LINKS ABAIXO Pediatric Physical Therapy Physical Therapy Acesso Livre da Capes Scielo Revista Fisioterapia em Movimento Revista Neuroci ncias Clinical Rehabilitation Archives of Physical Medicine & Rehabilitation Manual Therapy Australian Journal of Physiotherapy New Zealand Journal of Physiotherapy CLÍNICA PARA TRATAMENTO CR NICA.